Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev Rene (Online) ; 19: e3455, jan. - dez. 2018.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-946627

RESUMO

Objetivo: conhecer o perfil socioeconômico e clínico de gestantes com Síndrome Hipertensiva Gestacional. Métodos: estudo descritivo e exploratório, realizado na Atenção Básica, com 50 gestantes, mediante formulário. Dados analisados pela estatística descritiva. Realização de teste binomial para questões dicotômicas. Resultados: predominaram gestantes com idades entre 18 e 35 anos (76,0%), casadas (52,0%), dona de casa (44,0%), com ensino médio completo (64,0%), não fumante (88,0%) e não etilista (96,0%). Nunca abortaram (68,0%), fizeram cesáreas antecedentes (37,0%), portadoras de Diabetes Mellitus (24,0%), Hipertensão arterial crônica (60,0%), cardiopatas (6,0%), acima do peso (56,0%) e hemorragia durante a gestação (12,0%). Conclusão: prevaleceram gestantes jovens, em idade fértil, com escolaridade de nível médio e associação de outras comorbidades e fatores de risco importantes.(au)


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Hipertensão Induzida pela Gravidez , Enfermagem , Saúde da Mulher
2.
Rev. enferm. UFPE on line ; 10(4): 1202-1209, abr. 2016.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-29683

RESUMO

Objetivo: analisar a importância do trabalho em equipe na efetivação do tratamento diretamente observadoem tuberculose. Método: estudo descritivo e exploratório, com abordagens quantitativa e qualitativa,desenvolvido nas unidades básicas de saúde de Areia Branca/RN, com 28 profissionais: médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e agentes comunitários de saúde. Para análise dos dados quantitativos, utilizou-se aestatística descritiva e, para os qualitativos, a modalidade técnica de análise temática. Resultados: todos osprofissionais reconheceram a importância de trabalhar em equipe na realização do TDO, porém, o cuidado écentralizado pela enfermeira e, posteriormente, outros profissionais são requisitados, compartilhando ocuidado. Conclusão: os profissionais carecem de reconstrução na assistência oferecida, respaldada nainteração, no diálogo e na superação da segregação de conhecimentos.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Tuberculose , Equipe de Assistência ao Paciente , Atenção Primária à Saúde , Centros de Saúde
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA