Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Estud. psicol. (Campinas) ; 32(4): 743-753, out.-dez. 2015.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-64731

RESUMO

Este estudo investigou a percepção de professores de Língua Portuguesa sobre fatores relacionados à criatividade em produções textuais discentes. Foram entrevistados 12 docentes do segundo ciclo do ensino fundamental (seis de escolas públicas e seis de escolas particulares). Os resultados revelaram ser a elaboração de textos pouco trabalhada pelos professores, tendo sido dada como justificativa a falta de tempo gerada pelo número elevado de alunos e carga horária extensa. Um percentual expressivo de docentes considerou pouco criativas as produções textuais discentes, embora a quase totalidade tenha se avaliado como profissionais inventivos e apontado diversas estratégias para facilitar a escrita de textos criativos em sala de aula. Indicaram, como fatores limitadores à expressão da criatividade nas produções textuais, elementos relacionados aos estudantes, professores e escola. Os resultados trazem implicações para a formação de professores de Língua Portuguesa no que diz respeito à criatividade na redação de textos em sala de aula.(AU)


This study investigated Portuguese language teachers' perceptions of factors associated with creativity in students' written production. Twelve elementary school Portuguese language teachers (six from public schools and six from private schools) were interviewed. The results revealed that written production has not been widely used in school, especially due to teachers' lack of time owing to the high number of students and number of hours of work. A considerable number of teachers considered their students' written production as not very creative although most of them considered themselves as highly creative professionals who make frequent use of several strategies to facilitate creative written production in the classroom. They indicated elements related to the students, teachers, and school as limiting factors to the expression of creativity in written production. The results show impacts on Portuguese language teachers' education and training in terms of creativity in written productions in the classroom.(AU)


Assuntos
Humanos , Criatividade , Docentes , Ensino Fundamental e Médio
2.
Estud. psicol. (Campinas) ; 32(4): 743-753, Oct.-Dec. 2015.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-764135

RESUMO

Este estudo investigou a percepção de professores de Língua Portuguesa sobre fatores relacionados à criatividade em produções textuais discentes. Foram entrevistados 12 docentes do segundo ciclo do ensino fundamental (seis de escolas públicas e seis de escolas particulares). Os resultados revelaram ser a elaboração de textos pouco trabalhada pelos professores, tendo sido dada como justificativa a falta de tempo gerada pelo número elevado de alunos e carga horária extensa. Um percentual expressivo de docentes considerou pouco criativas as produções textuais discentes, embora a quase totalidade tenha se avaliado como profissionais inventivos e apontado diversas estratégias para facilitar a escrita de textos criativos em sala de aula. Indicaram, como fatores limitadores à expressão da criatividade nas produções textuais, elementos relacionados aos estudantes, professores e escola. Os resultados trazem implicações para a formação de professores de Língua Portuguesa no que diz respeito à criatividade na redação de textos em sala de aula.


This study investigated Portuguese language teachers' perceptions of factors associated with creativity in students' written production. Twelve elementary school Portuguese language teachers (six from public schools and six from private schools) were interviewed. The results revealed that written production has not been widely used in school, especially due to teachers' lack of time owing to the high number of students and number of hours of work. A considerable number of teachers considered their students' written production as not very creative although most of them considered themselves as highly creative professionals who make frequent use of several strategies to facilitate creative written production in the classroom. They indicated elements related to the students, teachers, and school as limiting factors to the expression of creativity in written production. The results show impacts on Portuguese language teachers' education and training in terms of creativity in written productions in the classroom.


Assuntos
Humanos , Criatividade , Ensino Fundamental e Médio , Docentes
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...