Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Base de dados
Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
An. bras. dermatol ; 68(5): 259-60, 261, set.-out. 1993.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-126813

RESUMO

Apresenta-se um caso de uma paciente feminina de 56 anos de idade, natural e procedente de André Fernandes (MG), com quadro clínico e histopatológico de Leishmaniose Tegumentar Americana (LTA), portadora de lesäo única na glabela. Foi medicada com antimoniato de N-metil-glucamina intravenoso na dose de 20mgSbV/Kg/dia, diluído em 250 ml de SGI (tempo de infusäo: 3-4 horas), por 30 dias seguidos. A pacientes era hígida, exceto por uma leve hipertensäo arterial sistêmica e durante todo o tratamento, apenas apresentou como efeito colateral a ocorrência de tremores que desapareceram com a continuiçäo da terapêutica. Três dias após o término do tratamento a paciente apresentou quadro convulsivo generalizado e perda de consciência de instalaçäo abrupta. Exames laboratoriais revelaram-se compatíveis com insuficiência hepática e renal graves. Sete dias após o início do quadro convulsivo, a paciente foi a óbito. Levando-se em conta o largo uso dos antimoniais pentavalentes na LTA, a ocorrência de insuficiências renal e hepática concomitantes é rara e deve ser relatada. Questionamos também se as manifestaçöes neurológicas observadas no caso näo seriam diretamente causadas pela droga


Assuntos
Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Lesão Renal Aguda/induzido quimicamente , Leishmaniose/tratamento farmacológico , Hepatopatias/induzido quimicamente , Meglumina/uso terapêutico , Brasil , Convulsões/induzido quimicamente , Leishmaniose/diagnóstico , Meglumina/efeitos adversos , Propranolol/efeitos adversos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...