Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 17 de 17
Filtrar
2.
Temas psicol. (Online) ; 21(2): 591-609, dez. 2013.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-60012

RESUMO

A partir de uma investigação realizada em dois Centros de Testagem e Aconselhamento em DST/Aids de São Paulo, objetiva-se descrever processos de revelação do diagnóstico da infecção pelo HIV no contexto do aconselhamento sorológico. O estudo envolveu 14 sujeitos entrevistados após a revelação do resultado do teste. Conceitos da teoria psicanalítica de D. W. Winnicott foram utilizados para analisar e compreender os processos de aconselhamento investigados. Os resultados mostraram que o enfrentamento do diagnóstico da infecção pelo HIV e o desejo de cuidar da saúde a partir da revelação do resultado reagente têm efeitos variados nos sujeitos, dependendo do modo como o aconselhamento é feito. De um lado, pode-se ter a oportunidade de confronto consigo mesmo, com os próprios problemas, com a angústia gerada pela revelação do resultado, observando-se maior ou menor integridade psíquica dos sujeitos. Em contraste, isso não foi observado nos casos em que os sujeitos não se sentiram acolhidos e apoiados no aconselhamento. É importante que seja estabelecida uma relação intersubjetiva de ajuda no momento da revelação do diagnóstico da infecção pelo HIV para que o aconselhamento possa cumprir sua função estratégica de focar no problema específico e nos recursos mais saudáveis do indivíduo.(AU)


The present study emerged from a research done in two Testing and Couseling Centers for STD/AIDS in São Paulo. It aims at describing the reagent HIV test disclosure processes within the context of the serological counseling. The study involved 14 subjects interviewed after they were disclosed their test results. In the analysis and understanding of the counseling processes investigated, concepts from D. W. Winnicott's psychoanalytical theory were applied. The results showed that facing the HIV infection diagnosis and being willing to take care of one's health after the reagent result disclosure have different effects on the subjects, depending on how the counseling takes place. From one side, they can have the opportunity to confront themselves, their own problems and the anguish generated by the result disclosure, observing more or less psychic integrity from the subjects. On the other hand, this was not observed in cases where the subjects did not feel welcome and supported during counseling. It is important that an intersubjective relationship of support be established on the moment of the reagent HIV result disclosure so that the counseling can fulfill its strategic function to focus on the specific problem and the healthiest resources from the individual.(AU)


El estudio surge de una investigación que se produjo en dos Centros de Pruebas y Asesoramiento en DST/Sida en São Paulo, con el objetivo de describir procesos de revelación del resultado de la infección por el VIH en el contexto del asesoramiento serológico. El estudio involucró a 14 sujetos a quienes se les hizo una entrevista tras la revelación del resultado del examen. El análisis y la comprensión se hicieron aplicando conceptos de la teoría psicoanalítica de D. W. Winnicott. Los resultados demostraron que hacer frente al diagnóstico de la infección por el VIH y el deseo de cuidar la salud tras la revelación del resultado reactivo tiene efectos distintos en los sujetos, y dependen del modo con el que se hace el asesoramiento. Por un lado, es posible que haya oportunidad del confronto consigo mismo, con los propios problemas, con la angustia generada por la revelación del resultado, observándose más o menos la integridad psíquica de los sujetos. Por otro lado, esto no se observó en los casos en que los sujetos no se sintieron acogidos y apoyados en el asesoramiento. Es importante que se establezca una relación intersubjetiva de ayuda en el momento de la revelación de la infección por el VIH para que el asesoramiento cumpla su función estratégica de enfocar en el problema específico y en los recursos más sanos del indivíduo.(AU)


Assuntos
Humanos , HIV , Aconselhamento , Teoria Psicanalítica , Sorodiagnóstico da AIDS
3.
Temas psicol. (Online) ; 21(3): 591-609, dez. 2013.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-791934

RESUMO

A partir de uma investigação realizada em dois Centros de Testagem e Aconselhamento em DST/Aids de São Paulo, objetiva-se descrever processos de revelação do diagnóstico da infecção pelo HIV no contexto do aconselhamento sorológico. O estudo envolveu 14 sujeitos entrevistados após a revelação do resultado do teste. Conceitos da teoria psicanalítica de D. W. Winnicott foram utilizados para analisar e compreender os processos de aconselhamento investigados. Os resultados mostraram que o enfrentamento do diagnóstico da infecção pelo HIV e o desejo de cuidar da saúde a partir da revelação do resultado reagente têm efeitos variados nos sujeitos, dependendo do modo como o aconselhamento é feito. De um lado, pode-se ter a oportunidade de confronto consigo mesmo, com os próprios problemas, com a angústia gerada pela revelação do resultado, observando-se maior ou menor integridade psíquica dos sujeitos. Em contraste, isso não foi observado nos casos em que os sujeitos não se sentiram acolhidos e apoiados no aconselhamento. É importante que seja estabelecida uma relação intersubjetiva de ajuda no momento da revelação do diagnóstico da infecção pelo HIV para que o aconselhamento possa cumprir sua função estratégica de focar no problema específico e nos recursos mais saudáveis do indivíduo.


The present study emerged from a research done in two Testing and Couseling Centers for STD/AIDS in São Paulo. It aims at describing the reagent HIV test disclosure processes within the context of the serological counseling. The study involved 14 subjects interviewed after they were disclosed their test results. In the analysis and understanding of the counseling processes investigated, concepts from D. W. Winnicott's psychoanalytical theory were applied. The results showed that facing the HIV infection diagnosis and being willing to take care of one's health after the reagent result disclosure have different effects on the subjects, depending on how the counseling takes place. From one side, they can have the opportunity to confront themselves, their own problems and the anguish generated by the result disclosure, observing more or less psychic integrity from the subjects. On the other hand, this was not observed in cases where the subjects did not feel welcome and supported during counseling. It is important that an intersubjective relationship of support be established on the moment of the reagent HIV result disclosure so that the counseling can fulfill its strategic function to focus on the specific problem and the healthiest resources from the individual.


El estudio surge de una investigación que se produjo en dos Centros de Pruebas y Asesoramiento en DST/Sida en São Paulo, con el objetivo de describir procesos de revelación del resultado de la infección por el VIH en el contexto del asesoramiento serológico. El estudio involucró a 14 sujetos a quienes se les hizo una entrevista tras la revelación del resultado del examen. El análisis y la comprensión se hicieron aplicando conceptos de la teoría psicoanalítica de D. W. Winnicott. Los resultados demostraron que hacer frente al diagnóstico de la infección por el VIH y el deseo de cuidar la salud tras la revelación del resultado reactivo tiene efectos distintos en los sujetos, y dependen del modo con el que se hace el asesoramiento. Por un lado, es posible que haya oportunidad del confronto consigo mismo, con los propios problemas, con la angustia generada por la revelación del resultado, observándose más o menos la integridad psíquica de los sujetos. Por otro lado, esto no se observó en los casos en que los sujetos no se sintieron acogidos y apoyados en el asesoramiento. Es importante que se establezca una relación intersubjetiva de ayuda en el momento de la revelación de la infección por el VIH para que el asesoramiento cumpla su función estratégica de enfocar en el problema específico y en los recursos más sanos del indivíduo.

4.
São Paulo; s.n; nov. 2013. 26 p.
Não convencional em Português | Sec. Munic. Saúde SP, EMS-Acervo | ID: sms-8232

RESUMO

O projeto objetiva desenvolver, implantar e avaliar tecnologias para ampliar o acesso ao diagnóstico oportuno da infecção pelo HIV e outras DST e às ações de prevenção desenvolvidas nos Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA). O desenvolvimento das tecnologias tomou por base os eixos organizativos dos serviços (porta de entrada, oferta de serviço e o aconselhamento) e busca reduzir barreiras de acesso para populações com maior prevalência do HIV, aumentar a resolubilidade do serviço e apoiar usuários para lidarem, de forma mais autônoma, com o resultado dos exames sorológicos e a prevenção das DST e aids. As tecnologias propostas compreendem as direcionadas para a: (1) identificação e mobilização de segmentos sociais na comunidade para o uso dos CTA; (2) organização do serviço a partir da demanda e do acolhimento do usuário desde a porta de entrada; (3) aprimoramento dos processos de trabalho e de gestão para a oferta oportuna do diagnóstico, insumos e ações de prevenção; e (4) aconselhamento continuado para o apoio aos indivíduos positivos e com práticas que aumentam o risco de infecção. A implantação e avaliação das tecnologias vêm ocorrendo em três serviços do País, que se diferenciam pela organização, estrutura, perfil dos usuários atendido e contexto epidemiológico da aids, sendo eles: CTA de Santo Amaro, vinculado à Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo, CTA de Santarém, da Secretaria Municipal de Saúde de Santarém-PA e CTA de Olinda, pertencente à Secretaria Municipal de Olinda-PE. O desenvolvimento do projeto está previsto em quatro etapas. Na primeira foram delineadas as tecnologias propostas, o processo de implantação das mesmas e as estratégias e instrumentos de avaliação. Essa etapa foi desenvolvida a partir da revisão do diagnóstico situacional da Rede Nacional de CTA, das normas estabelecidas pelo Ministério da Saúde e das teorias sobre o acesso e uso de serviços de saúde em geral e os específicos em aids. Na segunda etapa foram conduzidos estudos qualitativos e quantitativos para realizar o diagnóstico situacional dos CTA incluídos no projeto, constituir a linha de base para a avaliação e adequar as novas tecnologias à realidade local. A terceira etapa compreende a implantação das inovações, com a capacitação dos gestores e profissionais e a adequação dos processos de trabalho pertinentes; A quarta etapa consiste na avaliação da efetividade, factibilidade e pertinência das tecnologias implantadas. Para a análise da efetividade foram estabelecidos indicadores para mensurar eventuais alterações na demanda dos serviços, na oferta oportuna do diagnóstico, na inclusão de populações de maior prevalência, na resolubilidade da oferta de serviço e no aumento da autonomia dos indivíduos frente ao diagnóstico do HIV e às situações de risco. Para a mensuração dos indicadores serão analisados os sistemas de informação existentes e o padrão de uso dos serviços e realizados inquéritos com usuários no momento de início e após o uso do serviço. A análise da factibilidade visa estudar as possibilidades e limites de uso das tecnologias nos CTA analisados e na rede de serviços e será desenvolvida, fundamentalmente, por meio dos estudos qualitativos. As dimensões a serem analisadas envolvem a adequação das inovações propostas em relação à complexidade dos CTA, a aceitação dos gestores e profissionais de saúde e reprodutibilidade em outros CTA. A análise da pertinência está direcionada para o usuário, enfocando a motivação para o uso do serviço, a avaliação da resolubilidade segunda suas demandas e a satisfação na utilização do CTA. Para tanto serão utilizados os estudos qualitativos e o inquérito com usuários. Estas análises serão realizadas por meio da comparação entre proporções ou médias observadas durante a linha de base e após a implantação das tecnologias e serão aplicadas técnicas de análise multivariada para compreender os aspectos associados à variação dos indicadores e eventos de interesse pré-estabelecidos. No componente qualitativo será utilizada a análise temática.


Assuntos
Humanos , Serviços de Diagnóstico , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida , Desenvolvimento Tecnológico
5.
São Paulo; s.n; nov. 2013. 26 p.
Não convencional em Português | LILACS, EMS-Acervo | ID: lil-711364

RESUMO

O projeto objetiva desenvolver, implantar e avaliar tecnologias para ampliar o acesso ao diagnóstico oportuno da infecção pelo HIV e outras DST e às ações de prevenção desenvolvidas nos Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA). O desenvolvimento das tecnologias tomou por base os eixos organizativos dos serviços (porta de entrada, oferta de serviço e o aconselhamento) e busca reduzir barreiras de acesso para populações com maior prevalência do HIV, aumentar a resolubilidade do serviço e apoiar usuários para lidarem, de forma mais autônoma, com o resultado dos exames sorológicos e a prevenção das DST e aids. As tecnologias propostas compreendem as direcionadas para a: (1) identificação e mobilização de segmentos sociais na comunidade para o uso dos CTA; (2) organização do serviço a partir da demanda e do acolhimento do usuário desde a porta de entrada; (3) aprimoramento dos processos de trabalho e de gestão para a oferta oportuna do diagnóstico, insumos e ações de prevenção; e (4) aconselhamento continuado para o apoio aos indivíduos positivos e com práticas que aumentam o risco de infecção. A implantação e avaliação das tecnologias vêm ocorrendo em três serviços do País, que se diferenciam pela organização, estrutura, perfil dos usuários atendido e contexto epidemiológico da aids, sendo eles: CTA de Santo Amaro, vinculado à Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo, CTA de Santarém, da Secretaria Municipal de Saúde de Santarém-PA e CTA de Olinda, pertencente à Secretaria Municipal de Olinda-PE. O desenvolvimento do projeto está previsto em quatro etapas. Na primeira foram delineadas as tecnologias propostas, o processo de implantação das mesmas e as estratégias e instrumentos de avaliação. Essa etapa foi desenvolvida a partir da revisão do diagnóstico situacional da Rede Nacional de CTA, das normas estabelecidas pelo Ministério da Saúde e das teorias sobre o acesso e uso de serviços de saúde em geral e os específicos em aids. Na segunda etapa foram conduzidos estudos qualitativos e quantitativos para realizar o diagnóstico situacional dos CTA incluídos no projeto, constituir a linha de base para a avaliação e adequar as novas tecnologias à realidade local. A terceira etapa compreende a implantação das inovações, com a capacitação dos gestores e profissionais e a adequação dos processos de trabalho pertinentes; A quarta etapa consiste na avaliação da efetividade, factibilidade e pertinência das tecnologias implantadas. Para a análise da efetividade foram estabelecidos indicadores para mensurar eventuais alterações na demanda dos serviços, na oferta oportuna do diagnóstico, na inclusão de populações de maior prevalência, na resolubilidade da oferta de serviço e no aumento da autonomia dos indivíduos frente ao diagnóstico do HIV e às situações de risco. Para a mensuração dos indicadores serão analisados os sistemas de informação existentes e o padrão de uso dos serviços e realizados inquéritos com usuários no momento de início e após o uso do serviço. A análise da factibilidade visa estudar as possibilidades e limites de uso das tecnologias nos CTA analisados e na rede de serviços e será desenvolvida, fundamentalmente, por meio dos estudos qualitativos. As dimensões a serem analisadas envolvem a adequação das inovações propostas em relação à complexidade dos CTA, a aceitação dos gestores e profissionais de saúde e reprodutibilidade em outros CTA. A análise da pertinência está direcionada para o usuário, enfocando a motivação para o uso do serviço, a avaliação da resolubilidade segunda suas demandas e a satisfação na utilização do CTA. Para tanto serão utilizados os estudos qualitativos e o inquérito com usuários. Estas análises serão realizadas por meio da comparação entre proporções ou médias observadas durante a linha de base e após a implantação das tecnologias e serão aplicadas técnicas de análise multivariada para compreender os aspectos associados à variação dos indicadores e eventos de interesse pré-estabelecidos. No componente qualitativo será utilizada a análise temática.


Assuntos
Humanos , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida , Serviços de Diagnóstico , Desenvolvimento Tecnológico
6.
Saúde Soc ; 22(2): 642-652, abr.-jun. 2013.
Artigo em Português | LILACS, Sec. Est. Saúde SP | ID: lil-684194

RESUMO

A grande demanda por consulta psiquiátrica e psicoterapia e a necessidade de otimizar os recursos humanos em Saúde Mental têm conduzido à organização de novos modos de ação e suporte técnico aos profissionais de unidades com Estratégia de Saúde da Família. Uma Unidade Básica de Saúde de uma região da cidade de São Paulo iniciou a prática denominada Apoio Matricial, que consiste no suporte à identificação, tratamento, e proposta de solução dos problemas de saúde mental em conjunto com as equipes de Saúde da Família. O presente trabalho tem por objetivo relatar a experiência focada nesse processo de trabalho, tendo como horizonte ético os princípios do Sistema Único de Saúde e concepções técnicas e científicas mais humanizadas com vistas ao atendimento integral ao paciente e a sua inserção no meio social. Trata-se de um estudo de natureza qualitativa que utilizou a observação participante como meio para coletar os dados e analisar a situação. Consoante com a Reforma Psiquiátrica no Brasil, busca-se uma visão complementar e menos fragmentada do atendimento em Saúde Mental. A experiência mostrou que por meio do apoio matricial pode ser alcançada a necessária (re)organização dos serviços para acolher a demanda e efetivar a atenção em Saúde Mental de qualidade. Esse modo de operar, ao integrar Equipes de Saúde da Família e Unidade Básica Tradicional, permitiu a construção compartilhada do cuidado em saúde.


Assuntos
Humanos , Assistência Integral à Saúde , Enfermagem Psiquiátrica , Equipe de Assistência ao Paciente , Estratégias de Saúde , Saúde Mental , Saúde da Família , Serviços de Saúde Mental , Sistema Único de Saúde , Coleta de Dados , Pesquisa Qualitativa
7.
São Paulo; Instituto de Saúde; 2013. 26 p.
Não convencional em Português | Sec. Est. Saúde SP, CONASS, SESSP-ISPROD, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-1146784

RESUMO

O projeto objetiva desenvolver, implantar e avaliar tecnologias para ampliar o acesso ao diagnóstico oportuno da infecção pelo HIV e outras DST e às ações de prevenção desenvolvidas nos Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA). O desenvolvimento das tecnologias tomou por base os eixos organizativos dos serviços (porta de entrada, oferta de serviço e o aconselhamento) e busca reduzir barreiras de acesso para populações com maior prevalência do HIV, aumentar a resolubilidade do serviço e apoiar usuários para lidarem, de forma mais autônoma, com o resultado dos exames sorológicos e a prevenção das DST e aids.


Assuntos
Humanos , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Infecções Sexualmente Transmissíveis , HIV , Saúde Pública
10.
In. São Paulo. Secretaria Municipal de Saúde. Centro de Controle de Doenças. Subgerência de Doenças e Agravos Não Transmissíveis DANT. Caderno Técnico CAEPS - DANT. São Paulo, s.n, set. 2009. p.23-25.
Não convencional em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-61000
11.
São Paulo; s.n; 2006. 200 p.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-444665

RESUMO

O aconselhamento é a estratégia escolhida pela Organização Mundial da Saúde para o combate à epidemia de aids por ser um método de ajuda, apoio e prevenção. Objetivo - Analisar as características das interações aconselhador-cliente no processo da revelação do diagnóstico positivo para HIV em dois centros de testagem e aconselhamento em DST e Aids do município de São Paulo, com base na versão dos clientes e tomando por referência suas repercussões sobre os procedimentos e resultados da atividade. Métodos - Como técnica de coleta para levantamento de dados, foi utilizada a entrevista em momento posterior ao aconselhamento pós-teste. No total, foram realizadas 20 entrevistas, sendo 14 os sujeitos de pesquisa. Todos os entrevistados eram do sexo masculino. Os critérios escolhidos para inclusão no estudo foram: ter 18 anos ou mais; ter resultado positivo no teste anti-HIV; e ter participado do processo de revelação do diagnóstico de infecção pelo HIV nos serviços pesquisados. Para organizar os dados, a autora utilizou a técnica de análise de conteúdo por entrevistas e por tema , construindo categorias analíticas segundo os objetivos do estudo. Os dados foram analisados e interpretados por meio da utilização, de conceitos da teoria psicanalítica de D. W. Winnicott. Resultados - Com base nos relatos , considera-se que os profissionais seguem bem o protocolo do aconselhamento, atingindo seus objetivos de:a) lidar com os sentimentos provocados pelo diagnóstico positivo para o HIV; b) dar ao cliente a oportunidade de expressar seu sofrimento e angústia; c) sustentar as dificuldades de compartilhar a notícia com familiares e parceiros; e d) tirar dúvidas sobre prevenção de DST/HIV e sobre a terapia antiretroviral. Os contextos de aconselhamento investigados caracterizam-se pelas interações de ajuda e suporte para a maioria dos entrevistados, funcionando como realidade compartilhada e dando sustentação para seus sentimentos e preocupações. Entretanto, alguns clientes se...


Assuntos
Aconselhamento , Infecções por HIV , Soropositividade para HIV , Relações Profissional-Paciente , Revelação da Verdade
12.
Braz. j. infect. dis ; 8(6): 399-406, Dec. 2004. ilus, tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-401713

RESUMO

Several strategies aim at characterizing the AIDS epidemic in different parts of the world. Among these, the identification of recent HIV-1 infections using the recently described serologic testing algorithm for recent human immunodeficiency virus (HIV) seroconversion (STARHS) strategy was employed in four testing sites of the City of São Paulo Public Health Department (CSPPHD). Those identified as recently infected were invited to participate in a prospective clinical and laboratory evaluation study. We describe the establishment of the patient identification network and the success in enrolling the participants, as well as their clinical and laboratory characteristics. From May to December 2002, 6,443 persons were tested for HIV in the four participating sites, of whom 384 (5.96 percent) tested HIV-1 positive; 43 (11.2 percent) of them were identified as recently infected. Twenty-two were successfully enrolled in the follow-up study, but three of them did not meet clinical and/or laboratory criteria for recent HIV-1 infection. After these exclusions, the laboratory findings revealed a median CD4+ T lymphocyte count of 585 cells/muL (inter-quartile range 25-75 percent [IQR], 372-754), a CD8+ T lymphocyte count of 886 cells/muL (IQR, 553-1098), a viral load of 11,000 HIV-RNA copies/mL (IQR, 3,650-78,150), log10 of 4.04 (IQR 3.56-4.88). The identification of recent HIV infections is an extremely valuable way to evaluate the spread of the virus in a given population, especially when cohort studies, considered the gold standard method to evaluate incidence, are not available. This work demonstrated that establishing a network to identify such patients is a feasible task, even considering the difficulties in a large, resource-limited country or city.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Idoso , Algoritmos , Infecções por HIV/diagnóstico , HIV-1 , Serviços de Informação , Testes Sorológicos/métodos , Seguimentos , Estudos Prospectivos , RNA Viral/análise , Fatores de Tempo
13.
Braz J Infect Dis ; 8(6): 399-406, 2004 Dec.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-15880230

RESUMO

Several strategies aim at characterizing the AIDS epidemic in different parts of the world. Among these, the identification of recent HIV-1 infections using the recently described serologic testing algorithm for recent human immunodeficiency virus (HIV) seroconversion (STARHS) strategy was employed in four testing sites of the City of Sao Paulo Public Health Department (CSPPHD). Those identified as recently infected were invited to participate in a prospective clinical and laboratory evaluation study. We describe the establishment of the patient identification network and the success in enrolling the participants, as well as their clinical and laboratory characteristics. From May to December 2002, 6,443 persons were tested for HIV in the four participating sites, of whom 384 (5.96%) tested HIV-1 positive; 43 (11.2%) of them were identified as recently infected. Twenty-two were successfully enrolled in the follow-up study, but three of them did not meet clinical and/or laboratory criteria for recent HIV-1 infection. After these exclusions, the laboratory findings revealed a median CD4+ T lymphocyte count of 585 cells/microL (inter-quartile range 25-75% [IQR], 372-754), a CD8+ T lymphocyte count of 886 cells/microL (IQR, 553-1098), a viral load of 11,000 HIV-RNA copies/mL (IQR, 3,650-78,150), log10 of 4.04 (IQR 3.56-4.88). The identification of recent HIV infections is an extremely valuable way to evaluate the spread of the virus in a given population, especially when cohort studies, considered the gold standard method to evaluate incidence, are not available. This work demonstrated that establishing a network to identify such patients is a feasible task, even considering the difficulties in a large, resource-limited country or city.


Assuntos
Algoritmos , Infecções por HIV/diagnóstico , HIV-1 , Serviços de Informação , Testes Sorológicos/métodos , Adulto , Idoso , Relação CD4-CD8 , Feminino , Seguimentos , Humanos , Masculino , Estudos Prospectivos , RNA Viral/análise , Fatores de Tempo
14.
Pulsional rev. psicanál ; 15(156): 20-25, abr. 2002.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-19946

RESUMO

Este artigo baseia-se na prática da comunicação do resultado do teste sorológico para o HIV aos usuários de um serviço público de saúde. O objetivo é fazer uma aproximação entre o papel do “aconselhador” frente ao resultado HIV positivo e o impacto do mesmo sobre o indivíduo que o recebe. A partir de algumas noções da teoria winnicottiana, é feita uma reflexão sobre o que se passa no momento da comunicação deste diagnóstico, quando o profissional de saúde precisa sair do lugar de “curador” para ocupar o lugar de “cuidador”. Ele se torna presença plena de significado, possibilitando ao indivíduo a manutenção e/ou restituição da saúde(AU)


Assuntos
Sorodiagnóstico da AIDS , Teoria Psicanalítica , Comunicação
15.
Pulsional rev. psicanál ; 15(156): 20-25, abr. 2002.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-477169

RESUMO

Este artigo baseia-se na prática da comunicação do resultado do teste sorológico para o HIV aos usuários de um serviço público de saúde. O objetivo é fazer uma aproximação entre o papel do “aconselhador” frente ao resultado HIV positivo e o impacto do mesmo sobre o indivíduo que o recebe. A partir de algumas noções da teoria winnicottiana, é feita uma reflexão sobre o que se passa no momento da comunicação deste diagnóstico, quando o profissional de saúde precisa sair do lugar de “curador” para ocupar o lugar de “cuidador”. Ele se torna presença plena de significado, possibilitando ao indivíduo a manutenção e/ou restituição da saúde


Assuntos
Sorodiagnóstico da AIDS , Teoria Psicanalítica , Comunicação
16.
São Paulo; s.n; 2001. [170 f] p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-932395

RESUMO

Verifica o estado do conhecimento envolvendo os temas psicanálise e AIDS no âmbito da produção literária brasileira referente à saúde pública e à psicanálise. Trata-se de uma pesquisa de atualização que faz a revisão bibliográfica dos textos publicados desde o início da epidemia de AIDS até o ano de 2000


Assuntos
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/epidemiologia , Psicanálise , Saúde Pública , Revisão
17.
Säo Paulo; s.n; 2001. [221] p. tab.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-290873

RESUMO

Verifica o estado do conhecimento envolvendo os temas psicanálise e aids no âmbito da produção literária brasileira referente à saúde pública e à psicanálise. Trata-se de uma pesquisa de atualização que faz a revisão bibliográfica dos textos publicados desde o início da epidemia de aids até o ano 2000. Efetuou-se uma busca sistematizada abrangendo artigos de periódicos indexados nas Bases de Dados: MEDLINE, PSICLIT, SOCIALFILE E LILACS, dissertações, teses, livros, capítulos de livros e comunicações em eventos. Foram analisados 50 documentos organizados em seqüência cronológica em relação ao ano de publicação. A técnica de análise de conteúdo foi utilizada mediante a construção de categorias definidas a priori, a partir dos objetivos da pesquisa, do conhecimento do campo psicanalítico e do perfil da epidemia de aids. Com base na sistematização desse conhecimento construído no Brasil disponibiliza-se recursos teórico-práticos para implementar novos programas de prevenção que contemplem as formas pelas quais o ser humano lida com os seus desejos e proibições. O inconsciente, produtor da irracionalidade do homem, tornou-se menos desconhecido, bem como os mecanismos que impedem que as regras de proteção à saúde sejam colocadas em prática para evitar a infecção pelo vírus HIV. A dinâmica do funcionamento psíquico em torno da questão da aids foi enfocada, bem com as formas como o organismo adoece a partir desse funcionamento. O estado do conhecimento atingido pelos trabalhos apresentados pode ser utilizado em outros estudos, com impacto sobre os sujeitos tanto no plano individual como no coletivo


Assuntos
Psicanálise , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/psicologia , Saúde Pública
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...