Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Arq. bras. oftalmol ; 70(6): 929-934, nov.-dez. 2007. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-474096

RESUMO

OBJETIVO: Comparar o perfil microbiológico da microbiota de pessoas sadias, obtidas do esfregaço conjuntival, utilizando zaragatoa seca transportada no meio de Stuart e zaragatoa úmida transportada no tubo de ensaio vedado com algodão. MÉTODOS: Trata-se de estudo prospectivo, com amostras selecionadas aleatoriamente, realizado no Departamento de Oftalmologia e Patologia da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, no mês de agosto de 2006. Foram estudados 80 olhos normais de 40 indivíduos. No olho direito de cada paciente, foi realizada a coleta de material com a zaragatoa seca, armazenando-a no meio de transporte de Stuart, no qual todo o material microbiológico obtido fica imerso no meio e o tubo hermeticamente fechado. No olho esquerdo, o material conjuntival foi colhido com a extremidade de algodão da zaragatoa umedecida em solução salina a 0,9 por cento, e armazenando-a no tubo de ensaio seco e estéril vedado com algodão. As amostras foram analisadas no prazo máximo de 2 horas após a coleta do material. RESULTADOS: Das 40 amostras coletadas com a zaragatoa úmida transportadas em tubo seco, foram identificadas bactérias em 10 (25 por cento). Das 40 amostras coletadas com zaragatoa seca transportada em meio de Stuart, foram identificadas bactérias em 12 (30 por cento). CONCLUSÃO: Os resultados do perfil microbiológico da microbiota normal conjuntival utilizando o meio de transporte da zaragatoa seca em meio de Stuart mostraram-se estatisticamente semelhantes (p= 0,85) ao comparar com o meio utilizando a zaragatoa úmida em tubo seco para semeaduras realizadas em até 2 horas após a coleta de material conjuntival.


PURPOSE: To compare the microbiological profile of normal microbiota of healthy people obtained from conjunctival smear using dry swab in Stuart's transport medium and wet swab transported in test tube sealed with cotton. METHODS: A prospective study with random samples, performed at the Departments of Ophthalmology and Pathology of Santa Casa Misericórdia de São Paulo, in August of 2006. Eighty normal eyes of 40 healthy individuals were analyzed. Samples were collected in the right eye with a dry swab and stored in Stuart's medium, where all microbiological material is kept immersed in the medium and the tube is hermetically sealed. In the left eye, the conjunctival material was collected using a swab embedded in saline solution 0.9 percent, and stored in dry and sterile test tubes sealed with cotton. The samples were analyzed within 2 hours at most after collection. RESULTS: Out of 40 samples collected with wet swab and transported in dry tube, bacteria were observed in 10 (25 percent), whereas of 40 samples collected with dry swab and transported in Stuart's medium, 12 (30 percent) had bacteria. CONCLUSION: The results of the microbiological profile of normal conjunctival microbiota using dry swab in Stuart's medium were statistically similar (p=0.85) to those obtained in wet swab in dry tube for spreading performed within 2 hours after collection of conjunctival specimen.


Assuntos
Adulto , Feminino , Humanos , Masculino , Técnicas Bacteriológicas/métodos , Contagem de Colônia Microbiana , Meios de Cultura , Túnica Conjuntiva/microbiologia , Técnicas Bacteriológicas/instrumentação , Contagem de Colônia Microbiana/métodos , Interpretação Estatística de Dados , Bactérias Gram-Negativas/crescimento & desenvolvimento , Estudos Prospectivos , Staphylococcus/crescimento & desenvolvimento
2.
Arq Bras Oftalmol ; 70(6): 929-34, 2007.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-18235901

RESUMO

PURPOSE: To compare the microbiological profile of normal microbiota of healthy people obtained from conjunctival smear using dry swab in Stuart's transport medium and wet swab transported in test tube sealed with cotton. METHODS: A prospective study with random samples, performed at the Departments of Ophthalmology and Pathology of Santa Casa Misericórdia de São Paulo, in August of 2006. Eighty normal eyes of 40 healthy individuals were analyzed. Samples were collected in the right eye with a dry swab and stored in Stuart's medium, where all microbiological material is kept immersed in the medium and the tube is hermetically sealed. In the left eye, the conjunctival material was collected using a swab embedded in saline solution 0.9%, and stored in dry and sterile test tubes sealed with cotton. The samples were analyzed within 2 hours at most after collection. RESULTS: Out of 40 samples collected with wet swab and transported in dry tube, bacteria were observed in 10 (25%), whereas of 40 samples collected with dry swab and transported in Stuart's medium, 12 (30%) had bacteria. CONCLUSION: The results of the microbiological profile of normal conjunctival microbiota using dry swab in Stuart's medium were statistically similar (p=0.85) to those obtained in wet swab in dry tube for spreading performed within 2 hours after collection of conjunctival specimen.


Assuntos
Técnicas Bacteriológicas/métodos , Contagem de Colônia Microbiana , Túnica Conjuntiva/microbiologia , Meios de Cultura , Adulto , Técnicas Bacteriológicas/instrumentação , Contagem de Colônia Microbiana/métodos , Interpretação Estatística de Dados , Feminino , Bactérias Gram-Negativas/crescimento & desenvolvimento , Humanos , Masculino , Estudos Prospectivos , Staphylococcus/crescimento & desenvolvimento
3.
Arq Bras Oftalmol ; 69(1): 27-31, 2006.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-16491230

RESUMO

PURPOSE: To determine the potential risk of contamination of a trypan blue bottle (TB) after first use and after being stored under different temperature and humidity conditions, as well as to identify possible contamination factors, most frequently involved microorganisms and simultaneously evaluate bacteriostatic and bactericide properties of the dye. METHODS: An experimental and prospective study was carried out, in which 30 TB bottles were divided into 3 groups (A: control, B: refrigerator storage and C: cabinet storage). The dye was suctioned and cultivated in agar blood plates and Sabouraud agar tube. In group A, TB was cultivated immediately after the opening of the bottles (temperature zero - T0), in groups B and C cultivation occurred in T0, T1 (1 day), T2 (2 days), T7 (7 days) and T10 (10 days) after the opening of the bottles. On the 10th day, groups B and C bottles were also submitted to scraping of their inner walls after opening. Concurrently, the inhibitory action measurement test was conducted on the TB dye for the study of bacteriostatic and bactericidal activity. RESULTS: Cultivation procedures conducted in T0 presented no contamination. Among T1 and T10, added to the scraping there was only one contaminated bottle stored in the refrigerator. The encountered microorganism was Aspergillus niger. It has been proven that the dye does not show bactericide and bacteriostatic properties against the bacteria which were tested. CONCLUSIONS: Under this study's conditions there was no contamination of the bottles stored in cabinets and 1 bottle (10%) stored in the refrigerator showed contamination after opening and initial use. The source of contamination may possibly be the outer part of the product. TB does not show bactericidal and bacteriostatic properties against the tested bacteria and in the applied concentration.


Assuntos
Aspergillus niger/isolamento & purificação , Corantes , Contaminação de Medicamentos , Armazenamento de Medicamentos , Azul Tripano , Corantes/farmacologia , Escherichia coli/efeitos dos fármacos , Testes de Sensibilidade Microbiana , Estudos Prospectivos , Pseudomonas aeruginosa/efeitos dos fármacos , Fatores de Risco , Staphylococcus aureus/efeitos dos fármacos , Azul Tripano/farmacologia
4.
Arq. bras. oftalmol ; 69(1): 27-31, jan.-fev. 2006. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-420813

RESUMO

OBJETIVOS: Determinar o potencial risco de contaminacão do frasco de azul de tripano (AT) depois de utilizado pela primeira vez e estocado em diferentes condicões de temperatura e umidade, assim como identificar os possíveis fatores de contaminacão, microrganismos mais freqüentemente envolvidos e simultaneamente avaliar as propriedades bacteriostáticas e bactericidas do corante. MÉTODOS: Realizado estudo experimental, prospectivo, em que 30 frascos de AT foram divididos em três grupos (A: controle, B: armazenamento em geladeira e C: armazenamento em armário). O corante era aspirado e semeado em placas de ágar sangue e tubo de ágar Sabouraud. No grupo A o AT foi semeado apenas logo após a abertura dos frascos (tempo zero - T0), nos grupos B e C ocorreu semeadura nos T0, T1 (1 dia), T2 (2 dias), T7 (7 dias) e T10 (10 dias) após abertura dos frascos. No 10º dia os frascos dos grupos B e C também foram submetidos a um raspado do lado interno do frasco após abertura. Concomitantemente foi realizado teste de acão inibitória do corante AT para estudo da atividade bacteriostática e bactericida. RESULTADOS: As semeaduras realizadas no T0 não apresentaram contaminacão. Entre os T1 e T10 mais o raspado houve apenas 1 frasco contaminado armazenado em geladeira. O microrganismo encontrado foi o Aspergillus niger. Foi comprovado que o corante não apresenta acão bactericida e bacteriostática para as bactérias testadas. CONCLUSÕES: Nas condicões do estudo não houve contaminacão dos frascos armazenados em armário e 1 frasco (10 por cento) armazenado em geladeira apresentou contaminacão após abertura e uso inicial. A fonte de contaminacão talvez seja o lado externo do produto. O AT não apresenta propriedades bactericidas e bacteriostáticas para as bactérias testadas e na concentracão utilizada.


Assuntos
Aspergillus niger/isolamento & purificação , Corantes , Contaminação de Medicamentos , Armazenamento de Medicamentos , Azul Tripano , Corantes/farmacologia , Escherichia coli/efeitos dos fármacos , Testes de Sensibilidade Microbiana , Estudos Prospectivos , Pseudomonas aeruginosa/efeitos dos fármacos , Fatores de Risco , Staphylococcus aureus/efeitos dos fármacos , Azul Tripano/farmacologia
5.
RBM rev. bras. med ; 59(8): 601-603, ago. 2002. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-316498

RESUMO

A freqüência das infecçöes associadas fúngico-bacterianas cutâneas é um achado muito freqüênte na prática clínica diária. Devido a isso, o encontro de um produto eficiente para resolver essas dermatoses, economicamente viável e com uma comodidade de aplicaçäo é um desafio para os médicos no mundo inteiro. No corrente estudo, verificamos que a eficácia "in vitro" da associaçäo de valerato de betametasona, sulfato de gentamicina, tolnaftato e clioquinol em 20 cepas de Candida spp., Trichophytun spp., Streptococcus pyogenes, Staphylococcus aureus, Acinetobacter sp.,Escherichia coli, Pseudomonas aeruginosa e Pseudomonas aeruginosa resistente variou de 95 a 100 porcento, sendo maior e mais abrangente do que outros produtos antimicrobianos usados freqüêntemente em nosso mercado. Podemos considerar essa associaçäo uma alternativa eficaz no tratamento de infecçöes cutâneas com associaçäo de bactérias e fungos.(au)


Assuntos
Humanos , Anti-Infecciosos/uso terapêutico , Infecções Bacterianas/tratamento farmacológico , Valerato de Betametasona , Clioquinol , Quimioterapia Combinada , Gentamicinas , Infecções Cutâneas Estafilocócicas/tratamento farmacológico , Tolnaftato
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA