Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Pesqui. vet. bras ; 30(9): 770-781, set. 2010. ilus, graf, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-562961

RESUMO

This study investigated the effects of bone morphogenetic protein 6 (BMP-6) on in vitro primordial follicle development in goats. Samples of goat ovarian cortex were cultured in vitro for 1 or 7 days in Minimum Essential Medium (control medium) supplemented with different concentrations of BMP-6. Follicle survival, activation and growth were evaluated through histology and transmission electron microscopy (TEM). After 7 days of culture, histological analysis demonstrated that BMP-6 enhanced the percentages of atretic primordial follicles when compared to fresh control (day 0). Nevertheless, BMP-6 increased follicular and oocyte diameter during both culture periods. As the culture period progressed from day 1 to day 7, a significant increase in follicle diameter was observed with 1 or 50ng/ml BMP-6. However, on the contrary to that observed with the control medium TEM revealed that follicles cultured for up to 7 days with 1 or 50ng/ml BMP-6 had evident signs of atresia. In conclusion, this study demonstrated that BMP-6 negatively affects the survival and ultrastructure of goat primordial follicles.


O presente estudo investigou os efeitos da proteína morfogenética óssea-6 (BMP-6) no desenvolvimento in vitro de folículos primordiais caprinos. Amostras de córtex ovariano de cabras foram cultivados por 1 ou 7 dias em Meio Essencial Mínimo (meio controle) suplementado com diferentes concentrações de BMP-6. As taxas de sobrevivência, ativação e crescimento foram avaliadas por histologia clássica e microscopia eletrônica de transmissão (MET). Após 7 dias de cultivo, a análise histológica demonstrou que a BMP-6 aumentou o percentual de folículos primordiais degenerados no dia 7 quando comparados ao controle fresco (D0). Além disso, houve um aumento significativo do diâmetro folicular e oocitário em ambos os períodos de cultivo em todos os tratamentos na presença de BMP-6. Com a progressão do cultivo do dia 1 para o dia 7, nos tratamentos com 1 ou 50ng/ml de BMP-6, foi observado um aumento significativo no diâmetro folicular. Entretanto, contrário ao observado no meio controle, a MET revelou que os folículos cultivados nesses tratamentos apresentavam sinais evidentes de atresia. Em conclusão, esse estudo demonstrou que a BMP-6 afeta negativamente a sobrevivência e a ultra-estrutura de folículos primordiais caprinos.


Assuntos
Animais , Folículo Ovariano/transplante , Folículo Ovariano/ultraestrutura , Proteínas Morfogenéticas Ósseas/efeitos adversos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...