Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 16 de 16
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev Gaucha Enferm ; 41(spe): e20190159, 2020.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-31778386

RESUMO

OBJECTIVE: Knowing the perceptions of nursing technicians about the risks to the patient in the use of enteral nutritional therapy, in a scenario of clinical simulation. METHOD: A qualitative study, performed through a clinical simulation with nursing technicians from a university hospital in the South of Brazil, in August 2017. The simulation sessions were recorded in audio and later transcribed. Content analysis was used for data analysis. RESULTS: Four thematic categories resulted from the analysis: Risks related to the tube; Risks related to diet; Risks related to contamination and Risks related to routine. CONCLUSION: The clinical simulation allowed nursing technicians to identify risks in the practice of enteral nutritional therapy and ways to minimize them. Promoting spaces for continuing education in the service, using clinical simulation methodology, gives an opportunity for critical reflection, which can contribute to safer, effective and quality nursing care.

2.
Rev Esc Enferm USP ; 50(4): 695-704, 2016.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-27680057

RESUMO

OBJECTIVE: To analyze the concept of disruptive behavior in healthcare work. METHOD: An integrative review carried out in the theoretical phase of a qualitative research substantiated by the theoretical framework of the Hybrid Model of Concept Development. The search for articles was conducted in the CINAHL, LILACS, PsycINFO, PubMed and SciVerse Scopus databases in 2013. RESULTS: 70 scientific articles answered the guiding question and lead to attributes of disruptive behavior, being: incivility, psychological violence and physical/sexual violence; with their main antecedents (intrapersonal, interpersonal and organizational) being: personality characteristics, stress and work overload; and consequences of: workers' moral/mental distress, compromised patient safety, labor loss, and disruption of communication, collaboration and teamwork. CONCLUSION: Analysis of the disruptive behavior concept in healthcare work showed a construct in its theoretical stage that encompasses different disrespectful conduct adopted by health workers in the hospital context, which deserve the attention of leadership for better recognition and proper handling of cases and their consequences. OBJETIVO: Analisar o conceito comportamento destrutivo no trabalho em saúde. MÉTODO: Revisão integrativa realizada na fase teórica de pesquisa qualitativa fundamentada pelo referencial teórico-metodológico do Modelo Híbrido de Análise de Conceitos. A busca dos artigos foi realizada nas bases de dados CINAHL, LILACS, PsycINFO, PubMed e SciVerse Scopus, em 2013. RESULTADOS: 70 artigos científicos responderam à questão norteadora e atenderam aos critérios de inclusão, permitindo evidenciar os atributos do comportamento destrutivo: incivilidade, violência psicológica e violência física/sexual; seus principais antecedentes (intrapessoais, interpessoais e organizacionais): características de personalidade, estresse e sobrecarga de trabalho; e consequentes: sofrimento moral/psíquico dos trabalhadores, comprometimento da segurança do paciente, prejuízos laborais, rompimento da comunicação, da colaboração e do trabalho em equipe. CONCLUSÃO: A análise do conceito comportamento destrutivo no trabalho em saúde evidenciou, em sua fase teórica, um constructo que abrange diferentes condutas desrespeitosas adotadas por trabalhadores de saúde no contexto hospitalar, merecendo atenção de lideranças da área para maior reconhecimento e manejo adequado dos casos e suas consequências.


Assuntos
Assistência à Saúde , Comportamento Problema , Humanos
3.
Rev. Esc. Enferm. USP ; 50(4): 695-704, July-Aug. 2016. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-794935

RESUMO

Abstract OBJECTIVE To analyze the concept of disruptive behavior in healthcare work. METHOD An integrative review carried out in the theoretical phase of a qualitative research substantiated by the theoretical framework of the Hybrid Model of Concept Development. The search for articles was conducted in the CINAHL, LILACS, PsycINFO, PubMed and SciVerse Scopus databases in 2013. RESULTS 70 scientific articles answered the guiding question and lead to attributes of disruptive behavior, being: incivility, psychological violence and physical/sexual violence; with their main antecedents (intrapersonal, interpersonal and organizational) being: personality characteristics, stress and work overload; and consequences of: workers' moral/mental distress, compromised patient safety, labor loss, and disruption of communication, collaboration and teamwork. CONCLUSION Analysis of the disruptive behavior concept in healthcare work showed a construct in its theoretical stage that encompasses different disrespectful conduct adopted by health workers in the hospital context, which deserve the attention of leadership for better recognition and proper handling of cases and their consequences.


Resumen OBJETIVO Analizar el concepto comportamiento destructivo en el trabajo sanitario. MÉTODO Revisión integrativa realizada en la fase teórica de investigación cualitativa fundamentada por el marco de referencia teórico-metodológico del Modelo Híbrido de Análisis de Conceptos. La búsqueda de artículos fue realizada en las bases de datos CINAHL, LILACS, PsycINFO, PubMed y SciVerse Scopus, en 2013. RESULTADOS 70 artículos científicos respondieron a la cuestión orientadora y atendieron los criterios de inclusión, permitiendo evidenciar los atributos del comportamiento destructivo: incivilidad, violencia psicológica y violencia física/sexual; sus principales antecedentes (intrapersonales, interpersonales y organizativos): características de personalidad, estrés y sobrecarga laboral; y consecuentes: sufrimiento moral/psíquico de los trabajadores, compromiso de la seguridad del paciente, perjuicios laborales, rompimiento de la comunicación, la colaboración y el trabajo en equipo. CONCLUSIÓN El análisis del concepto comportamiento destructivo en el trabajo en salud evidenció, en su fase teórica, un constructo que abarca diferentes conductas que presentan la falta de respeto adoptadas por trabajadores de salud en el marco hospitalario, mereciendo atención de liderazgos del área para mayor reconocimiento y manejo adecuado de los casos y sus consecuencias.


Resumo OBJETIVO Analisar o conceito comportamento destrutivo no trabalho em saúde. MÉTODO Revisão integrativa realizada na fase teórica de pesquisa qualitativa fundamentada pelo referencial teórico-metodológico do Modelo Híbrido de Análise de Conceitos. A busca dos artigos foi realizada nas bases de dados CINAHL, LILACS, PsycINFO, PubMed e SciVerse Scopus, em 2013. RESULTADOS 70 artigos científicos responderam à questão norteadora e atenderam aos critérios de inclusão, permitindo evidenciar os atributos do comportamento destrutivo: incivilidade, violência psicológica e violência física/sexual; seus principais antecedentes (intrapessoais, interpessoais e organizacionais): características de personalidade, estresse e sobrecarga de trabalho; e consequentes: sofrimento moral/psíquico dos trabalhadores, comprometimento da segurança do paciente, prejuízos laborais, rompimento da comunicação, da colaboração e do trabalho em equipe. CONCLUSÃO A análise do conceito comportamento destrutivo no trabalho em saúde evidenciou, em sua fase teórica, um constructo que abrange diferentes condutas desrespeitosas adotadas por trabalhadores de saúde no contexto hospitalar, merecendo atenção de lideranças da área para maior reconhecimento e manejo adequado dos casos e suas consequências.


Assuntos
Humanos , Assistência à Saúde , Comportamento Problema
6.
Rev. RENE ; 16(3): 382-390, Maio-Jun.2015.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-27438

RESUMO

Descrever a percepção de enfermeira docente sobre sua qualidade de vida. Métodos: estudo exploratório descritivo, com abordagem qualitativa, realizado em uma universidade pública, com 24 docentes de enfermagem, utilizando entrevista semiestruturada para obtenção dos dados. Falas gravadas, transcritas e analisadas pela técnica de Análise Categorial de Minayo, com as categorias: Definindo a qualidade de vida pela docente de enfermagem e Averiguando a existência da qualidade de vida. Resultados: as percepções se relacionaram ao equilíbrio na vida, boas condições de vida e redução de estresse. Revelou-se existência da qualidade de vida pela maioria, e quem não possuía ou a detinha de forma parcial relacionaram problemas ao ambiente ou carga horária do trabalho. Qualidade de vida foi relacionado à sensação de bem-estar e satisfação com a vida. Conclusão: qualidade de vida dos docentes de enfermagem tanto no ambiente laboral como pessoal, decorrem de inúmeros fatores, envolvendo ambiente e relações interpessoais...(AU)


Assuntos
Humanos , Qualidade de Vida , Docentes de Enfermagem , Educação Superior
7.
Rev. RENE ; 16(3): 382-390, Maio-Jun.2015.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-767420

RESUMO

Descrever a percepção de enfermeira docente sobre sua qualidade de vida. Métodos: estudo exploratório descritivo, com abordagem qualitativa, realizado em uma universidade pública, com 24 docentes de enfermagem, utilizando entrevista semiestruturada para obtenção dos dados. Falas gravadas, transcritas e analisadas pela técnica de Análise Categorial de Minayo, com as categorias: Definindo a qualidade de vida pela docente de enfermagem e Averiguando a existência da qualidade de vida. Resultados: as percepções se relacionaram ao equilíbrio na vida, boas condições de vida e redução de estresse. Revelou-se existência da qualidade de vida pela maioria, e quem não possuía ou a detinha de forma parcial relacionaram problemas ao ambiente ou carga horária do trabalho. Qualidade de vida foi relacionado à sensação de bem-estar e satisfação com a vida. Conclusão: qualidade de vida dos docentes de enfermagem tanto no ambiente laboral como pessoal, decorrem de inúmeros fatores, envolvendo ambiente e relações interpessoais...


Assuntos
Humanos , Educação Superior , Docentes de Enfermagem , Qualidade de Vida
8.
Rev Esc Enferm USP ; 49(1): 104-13, 2015 Feb.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-25789649

RESUMO

OBJECTIVE: To evaluate intervening factors in patient safety, focusing on hospital nursing staff. METHOD: The study is descriptive, with qualitative approach, excerpt from a larger study with analytical nature. It was undertaken in a public hospital in Fortaleza, CE, Brazil, between January and June 2013, with semi-structured interviews to 70 nurses, using Thematic Content Analysis. RESULTS: The principal intervening factors in patient safety related to hospital nursing staff were staff dimensioning and workload, professional qualification and training, team work, being contracted to the institution, turnover and lack of job security, and bad practice/disruptive behaviors. These aspects severely interfere with the establishment of a safety culture in the hospital analyzed. CONCLUSION: It is necessary for managers to invest in nursing staff, so that these workers may be valued as fundamental in the promotion of patient safety, making it possible to develop competences for taking decisions with focus on the improvement of quality care.


Assuntos
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital , Segurança do Paciente/normas , Adulto , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Adulto Jovem
9.
Rev. Esc. Enferm. USP ; 49(1): 104-113, Jan-Feb/2015. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-742062

RESUMO

OBJECTIVE To evaluate intervening factors in patient safety, focusing on hospital nursing staff. METHOD The study is descriptive, with qualitative approach, excerpt from a larger study with analytical nature. It was undertaken in a public hospital in Fortaleza, CE, Brazil, between January and June 2013, with semi-structured interviews to 70 nurses, using Thematic Content Analysis. RESULTS The principal intervening factors in patient safety related to hospital nursing staff were staff dimensioning and workload, professional qualification and training, team work, being contracted to the institution, turnover and lack of job security, and bad practice/disruptive behaviors. These aspects severely interfere with the establishment of a safety culture in the hospital analyzed. CONCLUSION It is necessary for managers to invest in nursing staff, so that these workers may be valued as fundamental in the promotion of patient safety, making it possible to develop competences for taking decisions with focus on the improvement of quality care. .


OBJETIVO Avaliar fatores intervenientes na segurança do paciente, com enfoque na equipe de Enfermagem hospitalar. MÉTODO Estudo descritivo, com abordagem qualitativa, recorte de pesquisa de maior abrangência de caráter analítico. Desenvolveu-se em um hospital público de Fortaleza, CE, Brasil, entre janeiro a junho de 2013, por meio entrevistas semiestruturadas com 70 enfermeiros assistenciais, empregando-se Análise de Conteúdo Temática. RESULTADOS Os principais fatores intervenientes na segurança do paciente relacionados à equipe de Enfermagem encontrados foram: dimensionamento de pessoal e carga de trabalho; formação e capacitação profissional; trabalho em equipe; vínculo empregatício, rotatividade e falta de estabilidade; má prática/comportamentos destrutivos. Tais aspectos interferem sobremaneira no estabelecimento da cultura de segurança na instituição analisada. CONCLUSÃO São necessários investimentos, por parte dos gestores, nos recursos humanos de Enfermagem, para que estes trabalhadores sejam valorizados como fundamentais na promoção da segurança do paciente, possibilitando o desenvolvimento de competências para a tomada de decisão com foco na melhoria da qualidade assistencial. .


OBJETIVO Evaluar los factores intervinientes en la seguridad del paciente, con énfasis en el equipo de Enfermería hospitalaria. MÉTODO Estudio descriptivo, con abordaje cualitativo, recorte de investigación de mayor alcance de carácter analítico. Se desarrolló en un hospital público de Fortaleza, CE, Brasil, entre enero y junio de 2013, por medio de entrevistas semiestructuradas con 70 enfermeros asistenciales, empleándose el Análisis de Contenido Temático. RESULTADOS Los principales factores intervinientes en la seguridad del paciente relacionados con el equipo de Enfermería encontrados fueron: dimensionamiento de personal y carga laboral; formación y capacitación profesional; trabajo en equipo; vínculo de empleo, rotatividad y falta de estabilidad; mala práctica/comportamientos destructivos. Dichos aspectos interfieren demasiado en el planteamiento de la cultura de seguridad de la institución analizada. CONCLUSIÓN Son necesarias inversiones, por parte de los gestores, en los recursos humanos de Enfermería, para que se valoren esos trabajadores como fundamentales en la promoción de la seguridad del paciente, posibilitando el desarrollo de competencias para la toma de decisiones con énfasis en la mejoría de la calidad asistencial. .


Assuntos
Adulto , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Adulto Jovem , Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital , Segurança do Paciente/normas
10.
Rev. enferm. UFSM ; 4(2): 276-283, abr.-jun. 2014. tab
Artigo em Espanhol | BDENF - Enfermagem | ID: bde-27242

RESUMO

Objetivos: avaliar a percepção de ajuda que os alunos de 2°ano de Enfermagem da Universidade Católica de Murcia tem através da "ferramenta Nanda.es", para a realização de planos de cuidado. Método: estudo descritivo, transversal com a participação de 109 estudantes de enfermagem do segundo ano, os dados foram analisados com o software SPSS, versão 19. Resultados: 73,4% dos alunos acreditam que a ferramenta apoiava bastante ou muito, para 87,5% e 90,3% respondeu que a ferramenta web lhes apoiava para uma melhor compreensão da metodologia de enfermagem, 33% que a dificuldade para realizar um plano de cuidados é nada ou pouco difícil: 88,9% recomendaria aos profissionais enfermeiros, e 91,7% recomendaria aos estudantes de enfermagem. Conclusões: esta ferramenta web é um bom aliado para implementar diagnósticos de enfermagem e planos de cuidado, com boa precisão e otimização de tempo.(AU)


Aims: evaluate the perception of help from students of the 2nd year of Nursing at Catholic University of Murcia concerning “Nanda.es Tool” for carrying out care plans. Methods: Descriptive, transverse study involving 109 nursing students in the second year, the data were analyzed with SPSS software, version 19.Results: 73.4 % of students believe the tool helps a lot or very much, 87.5% and 90.3 % responded that the web tool supports them for better methodological understanding of nursing; 33% believe that the difficulty in making a care plan is not difficult or a little difficult; 88.9% would recommend it to nurses, and 91.7 % would recommend it to nursing students. Conclusions: This web tool is a good ally for nursing diagnoses and care plans, with good accuracy and time improvement.(AU)


Objetivos: evaluar la percepción de ayuda que los alumnos de 2º Grado Enfermería de la Universidad Católica de Murcia tienen a través de la “Herramienta Nanda.es” para la realización de planes de cuidados. Método: estudio descriptivo, transversal con la participación de 109 estudiantes de enfermería 2º Grado. Los datos fueron analizados con el software SPSS, versión 19. Resultados: el 73,4% de los alumnos creen que la herramienta web les apoya para una mejor comprensión metodológica de enfermería; el 33% opinan que la dificultad para realizar un plan de cuidados es nada o poco difícil; el 88.9% se lo recomendaría las enfermeras; y 91.7% se le recomendaría a los estudiantes de enfermería. Conclusiones: esta herramienta web es un buen aliado para implementar diagnósticos de enfermería y planes de cuidados, con una buena precisión y mejora del tiempo.(AU)


Assuntos
Humanos , Enfermagem , Tecnologia Educacional , Cuidados de Enfermagem , Diagnóstico de Enfermagem
11.
Acta paul. enferm ; 27(2): 173-178, Mar-Apr/2014. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-712667

RESUMO

Objetivo: Validar o conteúdo da intervenção de enfermagem Controle Ambiental: segurança do trabalhador na Espanha. Métodos: Estudo exploratório e descritivo, utilizando o método Fehring associado ao método Delphi. Amostra de 11 especialistas em enfermagem do trabalho. Para a clareza da definição e das atividades, foi utilizada Escala variando entre confusa (1) e clara (7) ou vagamente (1) e exatamente (7). Para ação de enfermagem e a necessidade da atividade para sua intervenção, atribuímos Escala Likert (1- totalmente em desacordo / 5- totalmente de acordo). Resultados: A ação de enfermagem foi considerada crítica com pontuação média de 0,86% (DV=0,23), 73% dos expertos consideraram que o título da intervenção identifica exatamente o conteúdo da definição. Conclusão: A intervenção foi considerada válida para a saúde laboral, com a necessidade da aplicabilidade prática utilizando um sistema de classificação próprio da enfermagem na saúde laboral, com a implementação do Processo de Enfermagem. .


Objective: Validating the content of the nursing intervention called Environmental Control: worker safety in Spain. Methods: An exploratory and descriptive study using the Fehring method associated with the Delphi method and a sample of 11 experts in occupational nursing. For the clarity of definition and the activities was used a scale ranging from confusing (1) and clear (7) or vaguely (1) and exactly (7). A Likert scale (1 - totally disagree /5 - totally agree) was used for the nursing action and the need of the activity for its intervention. Results: The nursing action was considered as critical with the mean score of 0.86% (SD=0.23) and 73 % of the experts considered that the title of the intervention exactly identifies the contents of the definition. Conclusion: The intervention was considered valid for occupational health with the need for practical applicability using a system of classification specific for occupational health nursing, with the Nursing Process implementation. .

12.
Rev. Esc. Enferm. USP ; 47(3): 728-735, jun. 2013. tab, graf
Artigo em Espanhol | LILACS-Express | ID: biblio-956578

RESUMO

El hecho de trabajar necesariamente con escalas Likert en la medición de resultados NOC tiene la ventaja de la unificación, pero acarrea también la dificultad de cómo reducirlo a un número del 1 al 5, especialmente cuando una investigación es cualitativa y que por tanto trabaja con palabras y expresiones, con observaciones y percepciones. ¿Qué quiere exactamente decir un 2 o un 3 en el NOC Creencias sobre la salud? En el artículo se muestran las diferentes propuestas para la operacionalización de conceptos y su transformación en números, pero se advierte que en ellas siempre se termina con un análisis cuantitativo. Se hace una propuesta de utilización de observaciones cualitativas emic/etic para las etiquetas psicosociales y culturales siguiendo los postulados de la etnografía. La investigación en lenguajes enfermeros, básica y aplicada, debe tener cimientos metodológicos correctos y atender los mismos criterios de idoneidad metodológica que cualquier otra investigación.


O fato de trabalhar necessariamente com Escalas tipo Likert para medir resultados NOC tem a vantagem de unificar, mas existe a dificuldade de como convertê-lo a um número de 1 ao 5, especialmente, quando uma pesquisa é qualitativa e por tanto trabalha com palavras e expressões, com observações e percepções. Que quer dizer exatamente 2 ou 3 nos NOC Crenças sobre a saúde? Neste artigo apresentamos diferentes propostas para operacionalização de conceitos e sua transformação em números, advertindo que a mesma sempre termina com uma análise quantitativa. Propomos utilizar as observações qualitativas emic/etic para etiquetas psicossociais e culturais, seguindo postulados da etnografia. Os estudos em linguagem enfermeiro, básica e aplicada, devem ter cimentos metodológicos corretos e atender aos mesmos critérios de idoneidade metodológica que qualquer outro estudo.


Working necessarily with Likert scales to measure Nursing Outcomes Classification (NOC) outcomes has the advantage of unification, but also presents difficulty in reducing the rating from 1 to 5, especially when the research is qualitative and thus includes the use of words and expressions, as well as observations and perceptions. What exactly does a score of 2 or 3 mean with regard to the NOC Health beliefs? In this paper, we make a number of different proposals for operationalizing concepts and transforming them to numbers; however, it should be noted that such proposals always end in a quantitative analysis. Thus, we propose the use of emic/etic qualitative observations for psychosocial and cultural indicators, following ethnographic principles. Basic and applied research on nursing languages must have correct methodological foundations and seek to satisfy the same criteria of methodological suitability as any other research.

13.
Cad Saude Publica ; 29(2): 283-93, 2013 Feb.
Artigo em Espanhol | MEDLINE | ID: mdl-23459814

RESUMO

The objectives were to describe Patient Safety Culture (PSC) in a regional network of public hospitals, according to the perceptions of health professionals, and analyze the influence of socio-professional factors. A survey was conducted with 1,113 professionals from eight Spanish hospitals, using a questionnaire that explores 12 dimensions of PSC. Perceptions were described through the Percentage of Positive (PPR) and Negative Responses (PNR) by dimension, and the association of factors was analyzed using multivariate linear regression. The dimension "Teamwork within the same Unit" had the highest PPR (73.5), and "Staffing" the highest PNR (61). The variables "Service" (Pharmacy, Surgical Center) and "Profession" (Nurses) were significantly associated to positive assessments. Thus, strategies to improve PSC should prioritize rational distribution of human resources, and take advantage of the positive perceived relationship within Units. Moreover, pharmaceutical and surgical services, as well as nurses should probably be benchmarked by other services and professionals.


Assuntos
Hospitais Públicos/organização & administração , Segurança do Paciente , Qualidade da Assistência à Saúde/organização & administração , Atitude do Pessoal de Saúde , Hospitais Públicos/normas , Humanos , Cultura Organizacional , Fatores Socioeconômicos , Espanha , Inquéritos e Questionários
14.
Cad. saúde pública ; 29(2): 283-293, Fev. 2013. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-666832

RESUMO

Este estudio objetivó describir la Cultura de Seguridad del Paciente (CSP) en una red de hospitales públicos, según las percepciones de los profesionales sanitarios, y analizar la asociación de factores sociolaborales. Se realizó una encuesta a 1.113 profesionales de ocho hospitales españoles, a través de un cuestionario con 12 dimensiones de la CSP. Las percepciones se describen mediante los Porcentajes de Respuestas Positivas (PRP) y Negativas (PRN) a cada dimensión, y se analiza la asociación de factores con regresión lineal múltiple. La dimensión "trabajo en equipo en la unidad" se destacó con el mayor PRP (73,5) y "dotación de personal" con el mayor PRN (61). Los factores más asociados a la CSP (p < 0,05) fueron el "servicio" (farmacéutico y quirúrgico) y la "profesión" (enfermería), ambos de forma positiva. Así, la mejora de la CSP debe centrarse en la racionalidad de la dotación del personal y aprovecharse de la buena relación dentro de las unidades, utilizando los servicios farmacéutico y quirúrgico, y los enfermeros, como benchmark para otros servicios y profesionales.


The objectives were to describe Patient Safety Culture (PSC) in a regional network of public hospitals, according to the perceptions of health professionals, and analyze the influence of socio-professional factors. A survey was conducted with 1,113 professionals from eight Spanish hospitals, using a questionnaire that explores 12 dimensions of PSC. Perceptions were described through the Percentage of Positive (PPR) and Negative Responses (PNR) by dimension, and the association of factors was analyzed using multivariate linear regression. The dimension "Teamwork within the same Unit" had the highest PPR (73.5), and "Staffing" the highest PNR (61). The variables "Service" (Pharmacy, Surgical Center) and "Profession" (Nurses) were significantly associated to positive assessments. Thus, strategies to improve PSC should prioritize rational distribution of human resources, and take advantage of the positive perceived relationship within Units. Moreover, pharmaceutical and surgical services, as well as nurses should probably be benchmarked by other services and professionals.


O estudo teve como objetivo descrever a Cultura de Segurança do Paciente (CSP) em uma rede de hospitais públicos, na percepção dos profissionais da saúde, e analisar a associação de fatores sociolaborais. Foi realizada uma pesquisa junto a 1.113 profissionais de oito hospitais espanhóis, através de um questionário com 12 dimensões da CSP. As percepções são descritas através dos porcentuais de respostas positivas (PRP) e negativas (PRN), em cada dimensão, e é analisada a associação de fatores com regressão linear múltipla. A dimensão "trabalho em equipe na unidade" se destacou, com o maior PRP (73,5) e "dotação em pessoal" com o maior PRN (61). Os fatores mais associados à CSP (p < 0,05) foram o "serviço" (farmacêutico e cirúrgico) e a "profissão" (enfermaria), ambos de forma positiva. Dessa forma, a melhoria da CSP deve focar-se na racionalidade da dotação de pessoal e aproveitar a boa relação dentro das unidades, utilizando os serviços farmacêutico e cirúrgico, e os enfermeiros, como benchmark para os demais serviços e profissionais.


Assuntos
Humanos , Hospitais Públicos/organização & administração , Segurança do Paciente , Qualidade da Assistência à Saúde/organização & administração , Atitude do Pessoal de Saúde , Hospitais Públicos/normas , Cultura Organizacional , Fatores Socioeconômicos , Espanha , Inquéritos e Questionários
15.
Rev Esc Enferm USP ; 47(3): 728-35, 2013 Jun.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-24601153

RESUMO

Working necessarily with Likert scales to measure Nursing Outcomes Classification (NOC) outcomes has the advantage of unification, but also presents difficulty in reducing the rating from 1 to 5, especially when the research is qualitative and thus includes the use of words and expressions, as well as observations and perceptions. What exactly does a score of 2 or 3 mean with regard to the NOC Health beliefs? In this paper, we make a number of different proposals for operationalizing concepts and transforming them to numbers; however, it should be noted that such proposals always end in a quantitative analysis. Thus, we propose the use of emic/etic qualitative observations for psychosocial and cultural indicators, following ethnographic principles. Basic and applied research on nursing languages must have correct methodological foundations and seek to satisfy the same criteria of methodological suitability as any other research.


Assuntos
Pesquisa em Avaliação de Enfermagem , Pesquisa Metodológica em Enfermagem , Processo de Enfermagem/classificação , Pesquisa em Avaliação de Enfermagem/normas , Pesquisa em Avaliação de Enfermagem/estatística & dados numéricos , Pesquisa Metodológica em Enfermagem/normas , Pesquisa Metodológica em Enfermagem/estatística & dados numéricos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA