Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 29
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Cien Saude Colet ; 26(10): 4579-4590, 2021 Oct.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-34730645

RESUMO

The article presents the project "Of Our Territory, We Know" (De Nosso Território Sabemos Nós), carried out in two communities in the mountain cities of the state of Rio de Janeiro that suffered the 2011 disaster, aiming at creating a device for online communication, associated with social cartography, seeking to establish a dialogue between the city management and citizens in a permanent and dynamic way. The device allows local needs to be visible for the creation of public policies. The implementation of the Extended Research Communities (Comunidades Ampliadas de Pesquisa), consisting of residents and their associations, participants of the municipal management, and researchers in a regime of ecology of knowledges, took place through cartographic workshops. The identification of the vulnerabilities and potentials of the communities, the emergence of memories and local knowledges allow the strengthening of community resilience. Therefore, the appraisal of the experience in the creation of social cartographies brings out the group's self-awareness. The mapping process demonstrated how unknown the territories are to the municipal management and even to their inhabitants.


Assuntos
Planejamento em Desastres , Desastres , Brasil , Cidades , Comunicação , Emergências , Humanos
2.
RECIIS (Online) ; 15(2): 319-332, abr.-jun. 2021.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1254697

RESUMO

É um importante desafio a compreensão do ambiente de violação de direitos a que estão submetidas populações atingidas pelo modelo de desenvolvimento extrativista da mineração. Damos foco aos rompimentos das Barragens de Fundão (Mariana) e Córrego de Feijão (Brumadinho), especialmente às mulheres atingidas ­ elo menos visível dessa cadeia. Além de enfrentarem desigualdade calcada nas relações interseccionais, imposta pelo capitalismo patriarcal, são as que mais lutam pela reconstrução dos seus modos de vida. O principal esforço deste artigo é dar visibilidade à realidade vivida por essas mulheres, suas redes de solidariedade e luta. Por meio da mídia aderente e alternativa do jornal A Sirene, análise documental e entrevistas, buscamos ouvir as vozes dessas mulheres que têm seus direitos negados e sua saúde comprometida em função do insistente descaso das empresas mineradoras. Utilizando os conceitos trazidos nos estudos de Veena Das, como conhecimento venenoso e sofrimento social, realizamos a análise dos resultados.


It is an important challenge to understand the environment of violation of rights to which populations affected by the mining extractive development model are subjected. We focus on the disruptions of the Fundão (Mariana) and Córrego de Feijão dams (Brumadinho), especially to the women affected ­ the least visible link in this chain. In addition to facing the inequality based on intersectional relations, imposed by patriarchal capitalism, they are the ones that fight the most for the reconstruction of their ways of life. The main effort of this article is to give visibility to the reality experienced by these women, their networks of solidarity and the fight. Through the adherent and alternative media of the newspaper A Sirene, document analysis and interviews we seek to hear the voices of these women who have their rights denied and their health compromised due to the insistent neglect of mining companies. Using the concepts brought up in the studies by Veena Das, such as poisonous knowledge and social suffering, we performed the analysis of the results.


Es un desafío importante comprender el entorno de vulneración de derechos al que están sometidas las poblaciones afectadas por el modelo de desarrollo minero extractivo. Nos centramos en las interrupciones de las represas Fundão (Mariana) y Córrego de Feijão (Brumadinho), especialmente en las mujeres afectadas, el eslabón menos visible de esta cadena. Además de enfrentar la desigualdad basada en las relaciones interseccionales, impuesta por el capitalismo patriarcal, son ellos los que más luchan por la reconstrucción de sus formas de vida. El principal esfuerzo de este artículo es dar visibilidad a la realidad que viven estas mujeres, sus redes de solidaridad y la lucha. A través de los medios adherentes y alternativos del diario A Sirene, análisis de documentos y entrevistas, buscamos escuchar las voces de estas mujeres a quienes se les niegan sus derechos y se compromete su salud por el insistente descuido de las empresas mineras. Utilizando los conceptos planteados en los estudios de Veena Das, como el conocimiento venenoso y el sufrimiento social, realizamos el análisis de los resultados.


Assuntos
Humanos , Barragens , Violações dos Direitos Humanos , Interseccionalidade , Meios de Comunicação de Massa , Mineração , Brasil , Entrevista , Jornalismo
3.
Saúde debate ; 44(spe2): 334-352, Jul. 2020. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1280675

RESUMO

RESUMO Dentre os inúmeros atravessamentos que permeiam a conjuntura de um desastre, os aspectos psicossociais merecem destaque por incluírem questões culturais, sociais, estruturais, psíquicas, sanitárias e simbólicas. O objetivo desta revisão foi apresentar como esses aspectos têm sido explorados na literatura científica nos últimos 20 anos (1997-2016) por autores e periódicos de países da América do Sul, em contextos de desastre socioambiental de origem geoclimática. Foi realizado levantamento bibliográfico nas bases eletrônicas Capes, SciELO, Latindex e Portal da Biblioteca Virtual em Saúde. Levando-se em conta os critérios de inclusão e exclusão adotados nesta revisão, 52 publicações constituíram a amostra final. O levantamento revelou a predominância das temáticas 'saúde mental', 'impactos psicossociais e na saúde', 'saúde pública' e 'gestão de riscos'. Os resultados evidenciaram a desigualdade social como fator potencializador de desastres e a ineficiência de políticas públicas no Brasil para a redução de riscos de desastres, bem como o predomínio de estudos que associam o apoio psicossocial a intervenções restritas ao campo da saúde mental. Como caso oposto, o artigo apresenta a construção da identidade e das políticas públicas chilenas em função dos terremotos ocorridos no País.


ABSTRACT Among the many crossings that permeate the conjuncture of a disaster, the psychosocial aspects deserve highlighting, because they include the cultural, social, structural, psychic, health, and symbolic issues. The aim of this review is to present how these aspects have been explored in the scientific literature in the last 20 years (1997-2016) by authors and journals from South American countries, in contexts of socioenvironmental disaster of geoclimatic origin. A bibliographic survey was conducted in the electronic databases Capes, SciELO, Latindex, and Virtual Health Library Portal. Taking into account the inclusion and exclusion criteria adopted in this review, 52 publications constituted the final sample. The survey revealed the predominance of 'mental health', 'psychosocial and health impacts', 'public health' and 'risk management' themes. The results showed evidence of social inequality as a potentiating factor of disasters and the inefficiency of public policies in Brazil in reducing disaster risks. Also, they revealed the predominance of studies that associate psychosocial support with interventions restricted to the field of mental health. As an opposite case, the article presents the construction of Chilean identity and public policies due to the earthquakes that occurred in the country.

4.
Saúde debate ; 44(spe2): 272-283, Jul. 2020.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1280681

RESUMO

RESUMO A partir do desastre socioambiental ocorrido em Mariana (MG), em 5 de novembro de 2015, o estudo buscou compreender a atividade dos técnicos da Defesa Civil que atuaram no desastre. A reflexão que aqui se desenvolve parte do esforço de dar visibilidade à atividade desses profissionais que atuam em condições permeadas de imprevisibilidades e pressões. O estudo tem como referenciais os aportes do campo da Saúde do Trabalhador e da ergologia. Trata-se de uma pesquisa empírica, de abordagem qualitativa, realizada por meio de observação direta e entrevistas individuais semiestruturadas com trabalhadores da Defesa Civil. A análise dos resultados foi organizada em duas grandes seções com os seus respectivos desdobramentos: a primeira traz uma contextualização do desastre narrada pelos diversificados profissionais que atuaram; a segunda evidencia desafios e perspectivas que os agentes de defesa civil puderam tirar da catástrofe. Diante da complexidade das situações e da dimensão imprevisível do risco, os agentes de defesa civil são constantemente convocados a 'renormatizar' e a operar escolhas a partir de sua história e de seus valores para lidar com as infidelidades do meio.


ABSTRACT From the socio-environmental disaster that took place on November 5th, 2015 in Mariana (MG), the study sought to understand the activity of Civil Defense technicians who acted in the disaster, aiming to collaborate for actions of worker's health surveillance. The reflection that develops here is part of the effort to give visibility to the activity of those professionals who work in conditions permeated with unpredictability and pressure. The study has as references the contributions from the field of Occupational Health and ergology. This is an empirical research with a qualitative approach, conducted through direct observation and semi-structured individual interviews with Civil Defense professionals. The analysis of the results was organized in two large sections with their respective consequences: the first brings a contextualization of the disaster narrated by the several professionals who worked during it; the second focuses on the challenges and perspectives that civil defense agents have been able to draw from the disaster. Faced with the complexity of situations and the unpredictable dimension of risk, civil defense agents are constantly called upon to 'renormatize' and operate choices based on their history and their values to deal with environmental infidelities.

6.
Rev. bras. saúde ocup ; 45: e12, 2020. graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1138435

RESUMO

Resumo Objetivo: analisar as relações entre trabalho e saúde em equipe de enfermagem de uma unidade neonatal, numa perspectiva de compreender para transformar. Métodos: pesquisa-intervenção utilizando princípios da Ergologia e da Psicodinâmica do Trabalho para compreender e analisar a atividade de trabalho. Resultados: as adversidades relacionadas às condições de trabalho na unidade neonatal envolviam questões ambientais, relacionais e organizacionais incluindo a superlotação, o cuidado da criança com doenças crônicas, dificuldades no trabalho em equipe, ausência de reconhecimento profissional e ambiente de trabalho inadequado. Contudo, os trabalhadores de enfermagem conseguem estabelecer estratégias para lidar com as adversidades e desenvolver suas atividades de modo a produzir o cuidado com os pacientes. Discussão: a pesquisa-intervenção permitiu identificar os limites impostos pelas condições de trabalho e conhecer as estratégias utilizadas para a realização da atividade. A compreensão da história e do saber de cada trabalhador, no desenvolvimento da atividade, favorece tanto o reconhecimento do próprio trabalhador no investimento que faz para desenvolver a sua atividade de trabalho, quanto fortalece sua identidade pessoal, profissional e social, possibilitando, assim, a construção do sentido do trabalho.


Abstract Objective: to analyze the work and health relations in the nursing team of a neonatal unit aiming at understanding and improving these relationships. Methods: intervention research following principles of Ergology and Psychodynamics of Work to understand and analyze the work activity. Results: the adversities associated with working conditions in the neonatal unit involved environmental, relational and organizational matters, including overcrowding, healthcare of children with chronic diseases, difficulties to work as a team, lack of professional acknowledgement and inappropriate workplace. Nevertheless, the nursing professionals managed to adopt strategies to endure such adversities and go on caring for their patients. Discussion: the intervention research made it possible to identify the limits imposed by such working conditions, as well as the strategies adopted to overcome them. Understanding the history and knowledge of each worker, that makes the activity feasible, favors the recognition of the workers themselves in their efforts to be engaged, and strengthens their personal, professional and social identity, which enables constructing the meaning of work.

7.
Interface (Botucatu, Online) ; 24: e190252, 2020. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1040197

RESUMO

Resumo Poucos estudos na literatura nacional abordam a relação trabalho e saúde dos bombeiros militares; entre tais estudos, muitos focam apenas os indicadores patológicos e/ou consequências físicas, sem colocar em debate suas necessidades de saúde e vida no trabalho. Visando analisar essa relação em uma perspectiva ampliada e humanizada do herói, foi realizado um estudo exploratório e metodologicamente inovador em dois blogs da categoria. Desvelaram-se realidades até então invisíveis ou pouco conhecidas socialmente no tocante ao processo de trabalho do grupo investigado, como precarização das condições laborais, adoecimentos, desvios de função, humilhações e insatisfações, evidenciando a necessidade de reconhecer os bombeiros militares como trabalhadores e que carecem de condições dignas de trabalho e atenção integral à saúde, sobretudo no que diz respeito à saúde mental.(AU)


Abstract Few studies deal with military firemen's work/health relationship in national literature, among which many focus only on pathological indicators and/or physical consequences, not discussing their health and life needs at work. Aiming at analyzing this relationship under a wider, humanized perspective of heroes, an exploratory and methodologically innovative study was conducted in two industry blogs. Invisible or socially little known realities concerning the investigated group's work process were unveiled, such as precarious labor conditions, illnesses, role deviation, humiliation, and dissatisfaction. These realities show the need for acknowledging military firemen as workers who lack decent working conditions and comprehensive healthcare, particularly regarding their mental health.(AU)


Resumen Son pocos los estudios en la literatura nacional que abordan la relación trabajo y salud de los bomberos militares, entre ellos, muchos se enfocan solamente en los indicadores patológicos y/o consecuencias físicas, sin poner en debate sus necesidades de salud y vida en el trabajo. Con el objetivo de analizar esa relación desde una perspectiva ampliada y humanizada del héroe, se realizó un estudio exploratorio y metodológicamente innovador en dos blogs de la categoría. Se revelaron realidades hasta entonces invisibles o poco conocidas socialmente en lo que se refiere al proceso de trabajo del grupo investigado, tales como la precarización de las condiciones laborales, enfermedades, desviaciones de función, humillaciones e insatisfacciones, poniendo en evidencia la necesidad de reconocer a los bomberos militares como trabajadores y que carecen de condiciones dignas de trabajo y de atención integral de la salud, principalmente en lo que se refiere a la salud mental.(AU)


Assuntos
Humanos , Saúde do Trabalhador/ética , Bombeiros/psicologia , Blogging , Condições de Trabalho , Saúde Mental , Reconhecimento Psicológico/ética
8.
Cad. saúde colet., (Rio J.) ; 27(1): 93-99, jan.-mar. 2019.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-989534

RESUMO

Resumo Introdução Periculosidade e insalubridade são características do processo de trabalho em um estaleiro. Objetivo Conhecer a percepção que trabalhadores de um estaleiro tinham sobre riscos a que estavam expostos, especialmente os relacionados a metais, e quais estratégias desenvolviam para lidar com os riscos percebidos. Método Pesquisa qualitativa com realização de entrevistas semiestruturadas, com 14 trabalhadores que atuavam diretamente expostos a metais em um estaleiro no Rio de Janeiro. O roteiro abordou questões relacionadas ao processo trabalho/saúde, riscos, acidentes de trabalho e estratégias defensivas. Realizou-se uma análise temática interpretada à luz da Psicodinâmica do Trabalho. Resultados Percepções sobre: organização do trabalho, riscos de acidentes, problemas de saúde relacionados ao trabalho e riscos dos metais. Estratégias defensivas identificadas: religiosidade, menosprezo dos perigos, submissão e passividade, controle, negação, cooperação/confiança, racionalização e uso de drogas no trabalho. Constatou-se que os trabalhadores detinham poucas informações técnicas sobre os perigos da exposição aos metais e somente trabalhadores mais antigos reconheciam os metais presentes nos processos de trabalho. Conclusão A percepção dos trabalhadores sobre os riscos está baseada na prática, deduções e conversas com os colegas. Quanto aos metais, a maioria afirma não receber informações a respeito, assim como não conseguem identificar a que metais estão expostos.


Abstract Background Health hazard and insalubrity characterize the work in a shipyard Objective To know about the perception shipyard workers have of the many risks to which they are exposed, including metals, and the strategies they use to deal with such risks. Method Qualitative research conducted by semi-structured interviews with 14 workers directly exposed to metals at a shipyard in Rio de Janeiro. The script approached issues related to work/health, risks, work accidents and defensive strategies. We performed a thematic analysis based on Work Psychodynamics. Results Perceptions about organization of the tasks in the workplace, risks of accidents, health problems related to work and exposure risks to metals. We identified the following defensive strategies: religiosity, contempt for danger, submission and passivity, control, denial, cooperation/trust, rationalization and use of drugs at work. Workers held little technical information on the risks of exposure to metals and only the older ones knew how to recognize such elements. Conclusion The workers' risk perception is based on practice, deductions, and conversations with colleagues. The majority says they do not receive information about exposure to metals, and they are unable to identify the metals to which they are exposed.

9.
Psicol. ciênc. prof ; 39: 1-12, jan.-mar.2019. ilus
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: biblio-1022323

RESUMO

Com o objetivo de mapear os riscos psicossociais no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) do Distrito Federal, este estudo baseia-se nos preceitos da teoria da Psicodinâmica do Trabalho (PdT), para pensar as relações entre saúde e trabalho e as implicações da relação organização do trabalho, gestão e trabalhador, envolvendo a noção de intersubjetividade. Propõe-se que a intersubjetividade pode ser investigada, ainda que de maneira indireta, em instrumentos de avaliação por meio de categorias empíricas, fundamentadas teoricamente em abordagens críticas e clínicas como a Psicodinâmica do Trabalho e a Psicanálise. Como ferramenta quantitativa optou-se por aplicar o Protocolo de Avaliação dos Riscos Psicossociais (PROART), uma ferramenta desenvolvida no Brasil, que abarca a investigação de quatro dimensões que envolvem a relação trabalhador-organização do trabalho, a saber: organização prescrita do trabalho (normas e regras instituídas); estilos de gestão; sofrimento patogênico; e danos psicossociais. Como amostra de conveniência, também foram realizadas cinco entrevistas semiestruturadas para investigar os dados fornecidos referentes aos adoecimentos. Os resultados obtidos apontam que os riscos psicossociais mais críticos para o desenvolvimento da tarefa referem-se à insuficiência de recursos de trabalho, espaço físico inadequado, equipe reduzida e injustiça na distribuição de tarefas. Também é relatado o forte controle das regras e valorização da hierarquia. O sofrimento patogênico refere-se à exaustão emocional, expressa pelos respondentes na submissão do trabalho às decisões políticas, ao cansaço e desgaste pelo excesso de horas extras e esforço físico nos atendimentos. Os resultados puderam embasar discussões para ações e políticas de prevenção em saúde e trabalho....(AU)


With the goal of mapping the psychosocial risks in the Mobile Emergency Service. (SAMU) in the Federal District, this study is based on the precepts of Psychodynamic theory (PdT) to think about the relationship between health and work and the implications of the relationship of organization of work, management and workers, involving the notion of intersubjectivity. It is proposed that intersubjectivity can be investigated, even if indirectly, in evaluation tools through empirical categories theoretically based in critical approaches and clinics as the Psychodynamics work and psychoanalysis. As a quantitative tool we decided to apply the Protocol for the evaluation of psychosocial risks (PROART), a tool developed in Brazil, which includes the investigation of four dimensions involving the relation worker-organization of work, namely: prescribed organization of work (established standards and rules); management styles; pathogenic suffering. As a convenience sample, five semi-structured interviews were also carried out to investigate data provided related to the diseases. The results obtained show that the most critical psychosocial risks to the development of the task refer to insufficient work resources, inadequate physical space, reduced staff and injustice in the distribution of tasks. It is also reported the strong control of the rules and the valuation of the hierarchy. The pathogenic suffering refers to emotional exhaustion, expressed by respondents in submitting work to policy decisions, fatigue and wearing out by excess overtime and physical effort in work. The results could support discussions to prevention actions and policies on health and work....(AU)


Con el objetivo de mapear los riesgos psicosociales en el Servicio de Atención Móvil de Urgencia (SAMU) del Distrito Federal, este estudio se basa en los preceptos de la teoría de la Psicodinámica del Trabajo (PdT), para pensar las relaciones entre salud y trabajo y las implicaciones de la relación de la organización del trabajo, gestión y trabajador, envolviendo la noción de intersubjetividad.. Se propone que la intersubjetividad pueda ser investigada, aunque de manera indirecta, en instrumentos de evaluación por medio de categorías empíricas, fundamentadas teóricamente en abordajes críticos y clínicos como la Psicodinámica del Trabajo y el Psicoanálisis. Como herramienta cuantitativa se optó por aplicar el Protocolo de Evaluación de los Riesgos Psicosociales (PROART), una herramienta desarrollada en Brasil, que abarca la investigación de cuatro dimensiones que envuelven la relación trabajadororganización del trabajo, a saber: organización prescrita del trabajo (organización) normas y normas establecidas); estilos de gestión; sufrimiento patógeno; y daños psicosociales. Como muestra de conveniencia, también se realizaron cinco entrevistas emiestructuradas para investigar los datos suministrados referentes a las enfermedades. Los resultados obtenidos apuntan que los riesgos psicosociales más críticos para el desarrollo de la tarea se refieren a la insuficiencia de recursos de trabajo, espacio físico inadecuado, equipo reducido e injusticia en la distribución de tareas. También se informa el fuerte control de las reglas y la valoración de la jerarquía. El sufrimiento patogénico se refiere al agotamiento emocional, expresado por los respondedores en la sumisión del trabajo a las decisiones políticas, al cansancio y desgaste por el exceso de horas extras y esfuerzo físico en las atenciones. Los resultados pudieron basar discusiones para acciones y políticas de prevención en salud y trabajo....(AU)


Assuntos
Saúde do Trabalhador , Efeitos Psicossociais da Doença , Serviços Médicos de Emergência , Psicologia
10.
Rev. bras. saúde ocup ; 44: e25, 2019.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1013756

RESUMO

Resumo Introdução: o campo da Saúde do Trabalhador (ST) se assenta em uma concepção que pressupõe uma visão ambiental, social e histórica do processo saúde-doença, ultrapassando os limites dos locais de trabalho. Objetivo: apresentar diferentes facetas da intervenção em ST a partir de um resgaste histórico da construção do campo, destacando visões de seus instituidores. Métodos: entrevistas com agentes históricos do campo considerados informantes-chave. Para análise do conteúdo abordado nas entrevistas foram eleitas as categorias: os alicerces da intervenção e sua viabilidade na estruturação dos serviços; intervenção como produção de conhecimento e normativa; a propagação da intervenção: formação e informação. Resultados: na perspectiva desses atores, a intervenção é uma marca do campo que se apresenta na produção científica e técnica, bem como nos serviços; fortemente aliada ao movimento dos trabalhadores enquanto sujeitos, tanto nas ações como na produção compartilhada de conhecimento. Conclusão: no campo da ST, a intervenção tem como expressão máxima a Vigilância em Saúde do Trabalhador. Também se manifesta nas modalidades de pesquisa-ação, pesquisa-intervenção e comunidade ampliada de pesquisa, que afirmam o protagonismo dos trabalhadores e a valorização da subjetividade para os processos de transformação.


Abstract Introduction: the Worker's Health (WH) field is based on a conception that presupposes an environmental, social and historical view of health-disease process beyond the workplace limits. Objective: to present different facets of the WH intervention from a historical recovery of the field construction, highlighting its founders' views. Methods: interviews with historical field actors considered key informants. For the interviews content analysis, the following categories were defined: the intervention foundation and its feasibility for services structuring; intervention as knowledge production and regulation; the intervention spreading: training and information. Results: from these actors' perspective, intervention is intrinsic to the field, and is present in scientific and technical production, as well as in services; strongly allied to the workers' movement as subjects, both in actions and in the shared production of knowledge. Conclusion: in the WH field, intervention has the Workers' Health Surveillance as its maximum expression. It is also shown in form of action-research, intervention-research and broader research community, which affirms workers' protagonism and the subjectivity growing importance for the transformation processes.

11.
Interface (Botucatu, Online) ; 23: e170448, 2019. graf
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1002325

RESUMO

A atenuação dos limites público-privado, típica da contemporaneidade, favorece a migração de demandas entre as esferas profissional e doméstica, denominada permeabilidade trabalho-casa. Este estudo busca analisar a permeabilidade, sob a perspectiva de gênero, a partir de entrevistas individuais com 42 enfermeiros (18 homens e 24 mulheres), com base na confrontação com a imagem de seu respectivo uso do tempo por uma semana. A ocupação de cargos gerenciais se mostrou ligada à maior demanda no campo profissional, dificultando a conciliação com a vida familiar. A permeabilidade entre o trabalho e a casa, mais comum entre as mulheres, reforça desigualdades nas relações de poder, gerando tensões que afetam a vida laboral e a familiar, bem como a interação entre elas. A abordagem dualista na análise das esferas pública e privada é criticada.


La atenuación de los límites público-privado, típica de la contemporaneidad, favorece la migración de demandas entre las esferas profesional y doméstica, denominada permeabilidad trabajo-casa. El objetivo de este estudio es analizar la permeabilidad, bajo la perspectiva de género, a partir de entrevistas individuales con 42 enfermeros (18 hombres y 24 mujeres), con base en la confrontación con la imagen de su respectivo uso del tiempo durante una semana. La ocupación de cargos de gerencia mostró estar vinculada a una mayor demanda en el campo profesional, dificultando la conciliación con la vida familiar. La permeabilidad entre el trabajo y la casa, más común entre las mujeres, refuerza desigualdades en las relaciones de poder, generando tensiones que afectan la vida laboral y familiar, así como la interacción entre ellas. Se critica el abordaje dualista en el análisis de las esferas pública y privada.


The attenuation of the public-private limits, typical of contemporaneity, favors the migration of demands between the professional and domestic spheres, called work-home permeability. This study seeks to analyze the permeability from a gender perspective, based on individual interviews with 42 nurses (18 men and 24 women), confronting them with the image of their respective use of time during a week. Having management positions was linked to greater demands in the professional field, making it difficult to reconcile with family life. The permeability between work and home, more common among women, reinforces inequality in the power relations, generating tensions that affect the work and family life, as well as the interaction between them. The dualistic approach in the analysis of the public and private spheres is criticized.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Relações Profissional-Família , Parcerias Público-Privadas , Relações Interpessoais , Enfermeiras e Enfermeiros
12.
Cien Saude Colet ; 23(10): 3297-3307, 2018 Oct.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-30365849

RESUMO

Advances in the techniques of automatic document analysis allow the understanding of objectives and subjective aspects in texts extracted from social media. This paper proposes a study on the work-health relationship of military firefighters of the Prehospital Care in the city of Rio de Janeiro, through publications in the blogs SOS Bombeiros and SOS Bombeiros RJ. Thanks to the methodological approach, through network analysis, a strong correlation between the words used by the stakeholders was uncovered, revealing precarious working conditions and the need for increased attention to workers' health.


Assuntos
Blogging , Bombeiros , Saúde do Trabalhador , Mídias Sociais , Brasil , Humanos , Militares
13.
Cien Saude Colet ; 23(7): 2393-2402, 2018 07.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-30020391

RESUMO

Sociological studies point out a malaise resulting from the use of time in contemporary societies. The present study aimed at developing a device that combines a quantitative instrument on the use of time, with a qualitative interview technique, seeking to reveal possible relations between time and health. A field research was conducted with nurses of a hospital in the metropolitan area of Rio de Janeiro. The subjects registered the length of time activities took to be carried out during an entire week in an activity notebook adapted from time use diaries. Interviews were inspired in self-confrontation, as workers observed a coloured image that describes time taken from the register of activities. The device allowed investigate how workers perceive this time and how they relate it to health, considered in an ample sense. Among the issues brought up by the group as source of discomfort and physical malaise, are the overcharge of professional work and acknowledgement of too much time for the others that are linked to too little time for oneself with a strong component in gender relations. The strength of this device as investigative path of relations of time and health indicates its adequacy in studies with other groups of workers.


Assuntos
Atitude do Pessoal de Saúde , Nível de Saúde , Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/psicologia , Saúde do Trabalhador , Brasil , Feminino , Humanos , Relações Interpessoais , Entrevistas como Assunto , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/organização & administração , Fatores de Tempo
14.
Ciênc. Saúde Colet ; 23(7): 2393-2402, jul. 2018. graf
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-952698

RESUMO

Resumo O presente estudo visou desenvolver um dispositivo que conjuga um instrumento quantitativo sobre o uso do tempo, com uma técnica qualitativa de entrevista, buscando revelar possíveis relações entre o tempo e a saúde. Foi realizada pesquisa de campo com enfermeiros de um hospital na região metropolitana do Rio de Janeiro. Através do uso de uma caderneta de atividades adaptada de diários de uso do tempo, os sujeitos registraram os horários das atividades ao longo de uma semana. As entrevistas se inspiraram na autoconfrontação, no sentido de os trabalhadores observarem uma imagem colorida que descrevia o próprio tempo a partir do registro das atividades. O dispositivo permitiu investigar como os trabalhadores percebem esse tempo e como o relacionam à saúde, considerada em sentido amplo. Entre as questões trazidas pelo grupo como fonte de desconforto e mal estar físico e mental, encontram-se a sobrecarga de trabalho profissional e a constatação de um tempo em demasia para os outros que se articula ao pouco tempo para si com forte componente das relações de gênero. A potência desse dispositivo como caminho investigativo das relações entre o tempo e a saúde indica sua adequabilidade em estudos com outros grupos de trabalhadores.


Abstract Sociological studies point out a malaise resulting from the use of time in contemporary societies. The present study aimed at developing a device that combines a quantitative instrument on the use of time, with a qualitative interview technique, seeking to reveal possible relations between time and health. A field research was conducted with nurses of a hospital in the metropolitan area of Rio de Janeiro. The subjects registered the length of time activities took to be carried out during an entire week in an activity notebook adapted from time use diaries. Interviews were inspired in self-confrontation, as workers observed a coloured image that describes time taken from the register of activities. The device allowed investigate how workers perceive this time and how they relate it to health, considered in an ample sense. Among the issues brought up by the group as source of discomfort and physical malaise, are the overcharge of professional work and acknowledgement of too much time for the others that are linked to too little time for oneself with a strong component in gender relations. The strength of this device as investigative path of relations of time and health indicates its adequacy in studies with other groups of workers.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Atitude do Pessoal de Saúde , Nível de Saúde , Saúde do Trabalhador , Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/psicologia , Fatores de Tempo , Brasil , Entrevistas como Assunto , Relações Interpessoais , Pessoa de Meia-Idade , Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/organização & administração
15.
Ciênc. Saúde Colet ; 23(10): 3297-3307, Out. 2018. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-974704

RESUMO

Resumo Avanços nas técnicas de análise automática de documentos permitiram a compreensão de aspectos objetivos e subjetivos em textos extraídos de mídias sociais. Este artigo propôs analisar a relação trabalho e saúde dos bombeiros militares do Atendimento pré-hospitalar do município do RJ, por meio das publicações nos blogs SOS Bombeiros e SOS Bombeiros RJ. Graças ao percurso metodológico, através da análise de redes, evidenciou-se forte correlação entre as palavras utilizadas pelos atores, revelando precárias condições de trabalho e necessidade de atenção ampliada à saúde dos trabalhadores.


Abstract Advances in the techniques of automatic document analysis allow the understanding of objectives and subjective aspects in texts extracted from social media. This paper proposes a study on the work-health relationship of military firefighters of the Prehospital Care in the city of Rio de Janeiro, through publications in the blogs SOS Bombeiros and SOS Bombeiros RJ. Thanks to the methodological approach, through network analysis, a strong correlation between the words used by the stakeholders was uncovered, revealing precarious working conditions and the need for increased attention to workers' health.


Assuntos
Humanos , Saúde do Trabalhador , Bombeiros , Blogging , Mídias Sociais , Brasil , Militares
16.
Saúde debate ; 41(spe2): 152-164, Abr.-Jun. 2017.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-903978

RESUMO

RESUMO O objetivo deste estudo foi analisar a avaliação do trabalho na Atenção Primária à Saúde do município do Rio de Janeiro, com foco na saúde do trabalhador. Participaram da pesquisa 62 trabalhadores inseridos nas Equipes de Saúde da Família de três unidades de saúde, localizados na Área Programática 2.1. Parte-se do ponto de vista da atividade utilizando o dispositivo ergológico Encontro sobre o Trabalho. Lançou-se mão do Questionário de Saúde e Trabalho no Setor de Serviço. O estudo evidenciou que a avaliação do trabalho deve ser fundamentada no conhecimento específico do real da atividade, acessível apenas pela vivência do indivíduo que trabalha e pela mobilização subjetiva dos trabalhadores tanto individual como coletiva.


ABSTRACT The aim of this study was to analyze the assessement of labor in the Primary Health Care in the city of Rio de Janeiro, focusing on worker's health. 62 health workers participated in the analysis inserted in Family Health Teams of three health units, located in the Programmatic Area 2.1. We start from the point of view of activity using the ergologic device called Meetings on Labour. We betake the Health and Work Survey in the Service Sector. The study showed that the evaluation of the work must be based on specific knowledge of the real, concrete activity, which is accessible only by the experience of the individual who works and the subjective mobilization of the workers both individually and collectively.

17.
Saúde debate ; 41(spe2): 130-139, Abr.-Jun. 2017.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-903980

RESUMO

RESUMO O estudo analisa, sob a ótica da Psicodinâmica do Trabalho, a dinâmica do reconhecimento e as estratégias utilizadas pelos bombeiros militares do Rio de Janeiro ante as negociações por melhores salários e condições de trabalho. Trata-se de um estudo qualitativo, com utilização de entrevistas tratadas por meio de análise temática. Os resultados apontaram que a falta de reconhecimento pode desencadear sofrimento para o trabalhador e afetar a sua saúde. Os bombeiros militares, no diálogo com os gestores, utilizaram uma estratégia coletiva ao mobilizar a população, que, por meio do julgamento de utilidade, expressou o reconhecimento simbólico capaz de impulsionar as negociações.


ABSTRACT The study analyzes from the perspective of work psychodynamics, the dynamics of the acknowledgement and the strategies used by firefighters in Rio de Janeiro before the negotiations for better wages and work conditions. This is a qualitative study, using interviews treated through thematic analysis. The results pointed that the lack of acknowledge can develop suffering for workers and affect their health. The military firemen, in dialogue with the managers, used a collective strategy to mobilize the population, which, through the judgment of usefulness, expressed the symbolic recognition that is able to boost negotiations.

18.
Cien Saude Colet ; 22(5): 1429-1440, 2017 May.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-28538915

RESUMO

This article aims to analyze the extent to which Brazil's public sector has made progress in institutionalizing an integral and participative model for the healthcare of government workers, based on the principles of universality, integrality and workers' participation. Based on documents produced by the Rio de Janeiro Permanent Forum on Workers' Health, the paper analyses the process of implantation of the Integrated Public Workers' Healthcare Sub-System (SIASS) in the municipality of Rio de Janeiro over the period 2009-2016, based on the historical institutionalism. Although it was conceived as an integrated system referenced to the principles of workers' health, as from 2013 an inflexion was observed in this Subsystem, in the direction of a conservative model of occupational health, such as had been traditional and hegemonic in labor relations in Brazil. One factor that emerges is the loss of the universal character of the system due to the flexibility of employment relations in the public sector. There are various challenges: the need to expand the dialogue, and integration of the Policies on health, employment relations and management of the public administration, in such a way as to guarantee the principles of workers' health and the universality of the system, evolving from the concept of the 'public servant' to that of the 'public employee'.


Assuntos
Atenção à Saúde/organização & administração , Empregados do Governo , Política de Saúde , Saúde do Trabalhador , Brasil , Emprego , Humanos , Modelos Teóricos , Setor Público
19.
Ciênc. saúde coletiva ; 22(5): 1429-1440, maio 2017. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-839983

RESUMO

Resumo Este artigo propõe-se a analisar em que medida o setor público tem avançado no sentido da institucionalização de um modelo integral e participativo de atenção à saúde do servidor, pautado pelos princípios da universalidade, integralidade e participação dos trabalhadores. A partir dos documentos produzidos pelo Fórum Permanente de Saúde do Trabalhador do Rio de Janeiro foi feita uma análise do processo de implantação do Subsistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor Público (SIASS) no Município do Rio de Janeiro, no período de 2009 a 2016 com base no institucionalismo histórico. Embora concebido como um sistema integrado referenciado pelos princípios da saúde do trabalhador, observa-se uma inflexão, a partir de 2013, na direção de um modelo conservador da saúde ocupacional, tradicional e hegemônico nas relações trabalhistas no Brasil. Destaca-se também a perda do caráter universal do sistema em função da flexibilização das relações de trabalho no setor público. Como desafios têm-se a necessidade de ampliar o diálogo e a Integração das Políticas de Saúde, Trabalho e Gestão na Administração Pública, de forma a garantir os princípios da saúde do trabalhador e a universalidade do sistema, evoluindo-se do conceito de servidor público para o de trabalhador público.


Abstract This article aims to analyze the extent to which Brazil’s public sector has made progress in institutionalizing an integral and participative model for the healthcare of government workers, based on the principles of universality, integrality and workers’ participation. Based on documents produced by the Rio de Janeiro Permanent Forum on Workers’ Health, the paper analyses the process of implantation of the Integrated Public Workers’ Healthcare Sub-System (SIASS) in the municipality of Rio de Janeiro over the period 2009–2016, based on the historical institutionalism. Although it was conceived as an integrated system referenced to the principles of workers’ health, as from 2013 an inflexion was observed in this Subsystem, in the direction of a conservative model of occupational health, such as had been traditional and hegemonic in labor relations in Brazil. One factor that emerges is the loss of the universal character of the system due to the flexibility of employment relations in the public sector. There are various challenges: the need to expand the dialogue, and integration of the Policies on health, employment relations and management of the public administration, in such a way as to guarantee the principles of workers’ health and the universality of the system, evolving from the concept of the ‘public servant’ to that of the ‘public employee’.


Assuntos
Humanos , Atenção à Saúde/organização & administração , Empregados do Governo , Política de Saúde , Saúde do Trabalhador , Brasil , Emprego , Modelos Teóricos , Setor Público
20.
In. Oliveira, Maria Helena Barros de; Erthal, Regina Maria de Carvalho; Vianna, Marcos Besserman; Da Matta, Jairo Luis Jacques; Vasconcellos, Luiz Carlos Fadel de; Bonfatti, Renato José. Direitos Humanos e saúde: construindo caminhos, viabilizando rumos. Rio de Janeiro, Cebes, 2017. p.261-275.
Monografia em Português | LILACS | ID: biblio-970735

RESUMO

O objetivo do estudo aqui apresentado foi analisar o nível de informação sobre o HPV de usuárias da atenção básica, identificando como se dá o acesso e o conhecimento sobre o direito à informação. Pesquisa de cunho descritivo, exploratório e de natureza qualiquantitativa também buscou verificar o conhecimento da população estudada, especificamente, sobre o seu direito à informação. (AU)


Assuntos
Humanos , Papillomaviridae , Acesso à Informação , Direitos Humanos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...