Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 4 de 4
Filtrar
Filtros adicionais











Intervalo de ano
1.
Artigo em Inglês | PAHO-IRIS | ID: phr-34887

RESUMO

[ABSTRACT]. Objective. To analyze economic evaluations of interventions related to tuberculosis (TB) diagnostics/screening, treatment, and prevention in homeless people. Methods. A systematic review was conducted. The eligibility criteria were original studies reporting economic evaluation results. The search was not restricted by language or year. A critical appraisal approach was used. Results. A total of 142 studies were identified, including five research articles (three full economic evaluations and two partial) that were selected for the final review. Most of the studies were conducted in the United States, adopted a public health perspective, and analyzed active TB. Interventions related to diagnostics/screening (the use of interferon-gamma release assay (IGRA) and mobile screening units), treatment (incentives for continuing treatment, and housing programs), and prevention (with the Bacillus Calmette–Guérin (BCG) vaccine) were identified. Conclusions. No high-quality data were found on cost-effectiveness of interventions on TB diagnostics/screening, treatment, or prevention in homeless people. However, active searching for cases via mobile screening, and financial incentives, could help increase treatment adherence, and the use of IGRA helps boost detection. TB in homeless people is neglected worldwide, especially in developing countries, where this disease tends to afflict more people made vulnerable by their precarious living conditions. Public funding mechanisms should be created to develop cross-sectoral actions targeting homeless people, as the complex dynamics of this group tend to hamper prevention and diagnosis of TB and the completion of TB treatment.


[RESUMEN]. Objetivo. Analizar la evaluación económica de intervenciones relacionadas con el diagnóstico y tamizaje, el tratamiento y la prevención de la tuberculosis en las personas sin hogar. Métodos. Se realizó una revisión sistemática en la cual se usó como criterio de selección estudios originales en los que se presentaran los resultados de una evaluación económica. No se restringió la búsqueda por idioma ni por año. Se usó el enfoque de la evaluación crítica. Resultados. Se encontraron en total 142 estudios, entre los cuales había cinco artículos de investigación (tres evaluaciones económicas completas y dos parciales) que se seleccionaron para la revisión final. En la mayoría de los estudios, realizados en los Estados Unidos, se adoptó una perspectiva de salud pública y se analizó la tuberculosis activa. Se encontraron intervenciones relacionadas con el diagnóstico y tamizaje (el uso de la prueba de liberación de interferón gamma —IGRA, por su sigla en inglés— y los equipos móviles de tamizaje), el tratamiento (incentivos para continuar el tratamiento y programas de viviendas) y la prevención (el uso de la vacuna BCG). Conclusiones. No se encontraron datos de calidad alta sobre la costo-efectividad de las intervenciones relacionadas con el diagnóstico o tamizaje, el tratamiento o la prevención de la tuberculosis en personas sin hogar. Sin embargo, la búsqueda activa de casos mediante el uso de equipos móviles para el tamizaje, así como los incentivos financieros, podrían ayudar a aumentar la adhesión al tratamiento; además, el uso de la prueba IGRA ayuda a lograr una mayor detección. La tuberculosis en las personas sin hogar se subestima en todo el mundo, especialmente en los países en desarrollo donde esta enfermedad tiende a afectar a más personas que pasan a ser vulnerables por la precariedad de sus condiciones de vida. Deben crearse mecanismos de financiamiento con fondos públicos para llevar adelante medidas intersectoriales dirigidas a las personas sin hogar, puesto que la compleja dinámica de este grupo tiende a obstaculizar tanto la prevención y el diagnóstico de la tuberculosis como la finalización del tratamiento antituberculoso.


[RESUMO]. Objetivo. Examinar as análises econômicas de intervenções relacionadas à prevenção, detecção precoce/diagnóstico e tratamento da tuberculose (TB) em pessoas sem-teto. Métodos. Foi realizada uma revisão sistemática. Os critérios para inclusão foram estudo original contendo resultados de análise econômica. A busca não foi restrita por idioma ou ano. Foi usada uma abordagem de análise crítica. Resultados. Foram identificados ao todo 142 estudos, dentre eles cinco artigos de pesquisa (três análises econômicas completas e duas parciais) que foram selecionados para a revisão final. A maioria dos estudos foi realizada nos Estados Unidos, partindo de uma perspectiva de saúde pública e com análise de TB ativa. Foram identificadas intervenções relacionadas à detecção precoce/diagnóstico (ensaio de liberação de interferon-gama [IGRA] e unidades móveis para prevenção), tratamento (incentivos para o tratamento continuado e programas de moradia) e prevenção (vacinação com o bacilo de Calmette-Guérin [BCG]). Conclusões. Não foram encontrados dados de alta qualidade sobre o custo-efetividade das intervenções de detecção precoce/diagnóstico, tratamento ou prevenção de TB em pessoas sem-teto. Porém, a busca ativa de casos por meio da triagem em unidades móveis e incentivos financeiros poderiam ajudar a melhorar a adesão ao tratamento e o uso do IGRA intensifica a detecção de infecção. A TB em pessoas sem-teto é uma doença negligenciada em todo o mundo, principalmente nos países em desenvolvimento onde ela costuma afligir um número maior de pessoas por sua vulnerabilidade devido às condições de vida precárias. Mecanismos públicos de financiamento devem ser criados para desenvolver ações intersetoriais voltadas aos sem-teto, porque a dinâmica complexa deste grupo dificulta a prevenção, o diagnóstico e a conclusão do tratamento de TB.


Assuntos
Pessoas em Situação de Rua , Tuberculose , Análise Custo-Benefício , Revisão , Pessoas em Situação de Rua , Análise Custo-Benefício , Revisão , Pessoas em Situação de Rua , Tuberculose , Análise Custo-Benefício , Revisão
2.
Rev. panam. salud pública ; 42: e40, 2018. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-961817

RESUMO

ABSTRACT Objective To analyze economic evaluations of interventions related to tuberculosis (TB) diagnostics/screening, treatment, and prevention in homeless people. Methods A systematic review was conducted. The eligibility criteria were original studies reporting economic evaluation results. The search was not restricted by language or year. A critical appraisal approach was used. Results A total of 142 studies were identified, including five research articles (three full economic evaluations and two partial) that were selected for the final review. Most of the studies were conducted in the United States, adopted a public health perspective, and analyzed active TB. Interventions related to diagnostics/screening (the use of interferon-gamma release assay (IGRA) and mobile screening units), treatment (incentives for continuing treatment, and housing programs), and prevention (with the Bacillus Calmette-Guérin (BCG) vaccine) were identified. Conclusions No high-quality data were found on cost-effectiveness of interventions on TB diagnostics/screening, treatment, or prevention in homeless people. However, active searching for cases via mobile screening, and financial incentives, could help increase treatment adherence, and the use of IGRA helps boost detection. TB in homeless people is neglected worldwide, especially in developing countries, where this disease tends to afflict more people made vulnerable by their precarious living conditions. Public funding mechanisms should be created to develop cross-sectoral actions targeting homeless people, as the complex dynamics of this group tend to hamper prevention and diagnosis of TB and the completion of TB treatment.


RESUMEN Objetivo Analizar la evaluación económica de intervenciones relacionadas con el diagnóstico y tamizaje, el tratamiento y la prevención de la tuberculosis en las personas sin hogar. Métodos Se realizó una revisión sistemática en la cual se usó como criterio de selección estudios originales en los que se presentaran los resultados de una evaluación económica. No se restringió la búsqueda por idioma ni por año. Se usó el enfoque de la evaluación crítica. Resultados Se encontraron en total 142 estudios, entre los cuales había cinco artículos de investigación (tres evaluaciones económicas completas y dos parciales) que se seleccionaron para la revisión final. En la mayoría de los estudios, realizados en los Estados Unidos, se adoptó una perspectiva de salud pública y se analizó la tuberculosis activa. Se encontraron intervenciones relacionadas con el diagnóstico y tamizaje (el uso de la prueba de liberación de interferón gamma —IGRA, por su sigla en inglés— y los equipos móviles de tamizaje), el tratamiento (incentivos para continuar el tratamiento y programas de viviendas) y la prevención (el uso de la vacuna BCG). Conclusiones No se encontraron datos de calidad alta sobre la costo-efectividad de las intervenciones relacionadas con el diagnóstico o tamizaje, el tratamiento o la prevención de la tuberculosis en personas sin hogar. Sin embargo, la búsqueda activa de casos mediante el uso de equipos móviles para el tamizaje, así como los incentivos financieros, podrían ayudar a aumentar la adhesión al tratamiento; además, el uso de la prueba IGRA ayuda a lograr una mayor detección. La tuberculosis en las personas sin hogar se subestima en todo el mundo, especialmente en los países en desarrollo donde esta enfermedad tiende a afectar a más personas que pasan a ser vulnerables por la precariedad de sus condiciones de vida. Deben crearse mecanismos de financiamiento con fondos públicos para llevar adelante medidas intersectoriales dirigidas a las personas sin hogar, puesto que la compleja dinámica de este grupo tiende a obstaculizar tanto la prevención y el diagnóstico de la tuberculosis como la finalización del tratamiento antituberculoso.


RESUMO Objetivo Examinar as análises econômicas de intervenções relacionadas à prevenção, detecção precoce/diagnóstico e tratamento da tuberculose (TB) em pessoas sem-teto. Métodos Foi realizada uma revisão sistemática. Os critérios para inclusão foram estudo original contendo resultados de análise econômica. A busca não foi restrita por idioma ou ano. Foi usada uma abordagem de análise crítica. Resultados Foram identificados ao todo 142 estudos, dentre eles cinco artigos de pesquisa (três análises econômicas completas e duas parciais) que foram selecionados para a revisão final. A maioria dos estudos foi realizada nos Estados Unidos, partindo de uma perspectiva de saúde pública e com análise de TB ativa. Foram identificadas intervenções relacionadas à detecção precoce/diagnóstico (ensaio de liberação de interferon-gama [IGRA] e unidades móveis para prevenção), tratamento (incentivos para o tratamento continuado e programas de moradia) e prevenção (vacinação com o bacilo de Calmette-Guérin [BCG]). Conclusões Não foram encontrados dados de alta qualidade sobre o custo-efetividade das intervenções de detecção precoce/diagnóstico, tratamento ou prevenção de TB em pessoas sem-teto. Porém, a busca ativa de casos por meio da triagem em unidades móveis e incentivos financeiros poderiam ajudar a melhorar a adesão ao tratamento e o uso do IGRA intensifica a detecção de infecção. A TB em pessoas sem-teto é uma doença negligenciada em todo o mundo, principalmente nos países em desenvolvimento onde ela costuma afligir um número maior de pessoas por sua vulnerabilidade devido às condições de vida precárias. Mecanismos públicos de financiamento devem ser criados para desenvolver ações intersetoriais voltadas aos sem-teto, porque a dinâmica complexa deste grupo dificulta a prevenção, o diagnóstico e a conclusão do tratamento de TB.


Assuntos
Humanos , Tuberculose/prevenção & controle , Pessoas em Situação de Rua , Análise Custo-Benefício/organização & administração
4.
Comun. ciênc. saúde ; 28(1): 262-274, jan. 2017. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-972644

RESUMO

INTRODUÇÃO: A crescente produção técnica e científica na saúde coletiva ao longo dos anos requer dos profissionais e gestores habilidade para encontrar evidencias úteis para os sistemas de serviços de saúde e suas práticas. OBJETIVO: Auxiliar os leitores a identificar a produção cientifica de forma atualizada e proveniente de diversas fontes de informação. MÉTODOS: Diante da diversidade de fontes de evidências científicas e suas especificidades técnicas, foram descritas as considerações básicas para planejamento e condução de buscas estruturadas. RESULTOS: Foi apresentada uma relação de bases estratégicas na área de Saúde Coletiva e um detalhamento para orientar ao leitor como realizar buscas estruturadas no Pubmed e na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS). CONCLUSÃO: A obtenção sistematizada e explícita das evidências para responder a perguntas em saúde coletiva é uma prática que necessita ser estimulada para melhor embasar decisões de políticas, sistemas e serviços de saúde.


INTRODUCTION: The increasing technical and scientific production in public health over the years requires from professionals and managersthe hability to find evidence that is useful for health care services systems and its practices. OBJECTIVE: To assist readers to identify updated scientific production and are from different sources of information. METHODS: Considering the diversity of scientific evidence sources and their technical specificities, basic considerations for planning and conducting structured searches were described. RESULTS: A list of strategic data bases was presented for the Public Health field and a detailed guide was described to the reader of how to carry out structured searches in Pubmed and the Virtual Health Library (BVS). CONCLUSION: A systematized and explicit was obtained from the evidence in order to answer questions concerning public health is a practice that needs to be stimulated to better inform health care decision makers, systems and services.


Assuntos
Humanos , Saúde , Informação , Saúde Pública , Atividades Científicas e Tecnológicas , Promoção da Saúde , Bases de Dados Bibliográficas
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA