Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 63
Filtrar
1.
Braz Oral Res ; 33: e026, 2019.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-30970090

RESUMO

The aim of this study is to evaluate the machinability of four CAD/CAM materials (n = 13) assessed by brittleness index, Vickers hardness, and fracture toughness and interaction among such mechanical properties. The materials selected in this in vitro study are Feldspathic ceramic [FC], Lithium-disilicate glass ceramic [LD], leucite-reinforced glass ceramic [LR], and nanofilled resin material [RN]. Slices were made from the blocks following original dimensions 14 × 12 × 3 mm (L × W × H), using a precision slow-speed saw device and then surfaces were regularized through a polishing device. Brittleness index and fracture toughness were calculated by the use of specific equations for each one of the properties. The Vickers hardness was calculated automated software in the microhardness device. One-way Anova and Pearson's correlation were applied to data evaluation. LD obtained the highest values for brittleness index and was not significantly different from FC. LR presented statistically significant difference compared with RN, which had the lowest mean. Vickers hardness showed LD with the highest average, and no statistical difference was found between FC and LR. RN presented the lowest average. Fracture toughness showed FC and LR not statistically different from each other, likewise LD and RN. The brittleness index, considered also as the machinability of a material, showed within this study as positively dependent on Vickers hardness, which leads to conclusion that hardness of ceramics is related to its milling capacity. In addition, fracture toughness of pre-sintered ceramics is compared to polymer-based materials.


Assuntos
Silicatos de Alumínio/química , Cerâmica/química , Desenho Assistido por Computador , Porcelana Dentária/química , Polímeros/química , Cimentos de Resina/química , Análise de Variância , Testes de Dureza , Teste de Materiais , Valores de Referência , Reprodutibilidade dos Testes , Estatísticas não Paramétricas , Propriedades de Superfície
2.
Braz. oral res. (Online) ; 33: e026, 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1001604

RESUMO

Abstract: The aim of this study is to evaluate the machinability of four CAD/CAM materials (n = 13) assessed by brittleness index, Vickers hardness, and fracture toughness and interaction among such mechanical properties. The materials selected in this in vitro study are Feldspathic ceramic [FC], Lithium-disilicate glass ceramic [LD], leucite-reinforced glass ceramic [LR], and nanofilled resin material [RN]. Slices were made from the blocks following original dimensions 14 × 12 × 3 mm (L × W × H), using a precision slow-speed saw device and then surfaces were regularized through a polishing device. Brittleness index and fracture toughness were calculated by the use of specific equations for each one of the properties. The Vickers hardness was calculated automated software in the microhardness device. One-way Anova and Pearson's correlation were applied to data evaluation. LD obtained the highest values for brittleness index and was not significantly different from FC. LR presented statistically significant difference compared with RN, which had the lowest mean. Vickers hardness showed LD with the highest average, and no statistical difference was found between FC and LR. RN presented the lowest average. Fracture toughness showed FC and LR not statistically different from each other, likewise LD and RN. The brittleness index, considered also as the machinability of a material, showed within this study as positively dependent on Vickers hardness, which leads to conclusion that hardness of ceramics is related to its milling capacity. In addition, fracture toughness of pre-sintered ceramics is compared to polymer-based materials.


Assuntos
Polímeros/química , Cerâmica/química , Desenho Assistido por Computador , Cimentos de Resina/química , Porcelana Dentária/química , Silicatos de Alumínio/química , Valores de Referência , Propriedades de Superfície , Teste de Materiais , Reprodutibilidade dos Testes , Análise de Variância , Estatísticas não Paramétricas , Testes de Dureza
3.
Am J Dent ; 31(4): 205-210, 2018 Aug.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-30106537

RESUMO

PURPOSE: To compare the fracture toughness of four different CAD/CAM materials, (VM) Vitablocs Mark II, (IP) IPS e.max CAD, (LU) LAVA Ultimate, and (VE) Vita Enamic under long thermocycling conditions. METHODS: Each type of ceramic block was sectioned into beams (n=9) with dimensions of 14×3×2.5 mm (L × W × H). All four ceramics were submitted to different conditions: the desiccator or distilled water, each for 7 days. The third and fourth conditions involved the specimens being submitted to 60,000 and 120,000 thermocycles in water respectively. The dwelling time was 52 seconds at 5° and 55°C. A three-point bend test with a universal loading machine on notched samples was per-formed. Furthermore, a fractographic analyses was made by scanning electron microscopy (SEM) to determine if any of these conditions influenced the type of fracture. Data were analyzed by two-way ANOVA (α= 0.05). RESULTS: A significant difference in fracture toughness (P< 0.05) was found among the groups; IP (4.20±1.23) had the highest value followed by VE (2.02±0.39), which did not have a statistically significant difference from LU (1.96±0.42). The lower value and statistical difference for VM was 1.52±0.35. The ceramics performed better after they were hydrated, while the polymer-based materials had the fracture toughness means decreased after the thermocycles. CLINICAL SIGNIFICANCE: A significant difference in fracture toughness (P<0.05) was found among the groups; IP had the highest value followed by VE, which was not statistically significantly different from LU. The ceramics performed better after they were hydrated, while the polymer-based materials had fracture toughness means decreased after thermocycling.


Assuntos
Desenho Assistido por Computador , Porcelana Dentária , Cerâmica , Teste de Materiais
4.
J Contemp Dent Pract ; 16(6): 451-7, 2015 06 01.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-26323447

RESUMO

AIM: The aim of this study was to evaluate the inner surface of two ceramic systems: IPS Empress II (Ivoclar Vivadent, Germany) and In-Ceram Alumina (Vita Zahnfabrick, Germany) submitted to surface treatments, especially by Nd:YAG laser. MATERIALS AND METHODS: Fifty samples were prepared in pellet form for each ceramic system according to manufacturers' specifications. The samples were stored at room temperature and then be subjected to surface treatment: without treatment (T0) (control), hydrofluoric acid-etched (T1), hydrofluoric acid-etched associated with the airborne particle-abraded (T2); CoJet system (T3), Nd:YAG laser (T4). The data were performed the statistical analysis by ANOVA and Tukey's test (p < 0.001). RESULTS: The group control (T0) of the ceramics, the analysis showed the lowest roughness values; for the System Alumina In-Ceram, treatment with hydrofluoric acid (T1), associated with hydrofluoric acid and airborne particle-abraded (T2) and Nd:YAG laser (T4), had no statistically significant difference, whereas for the IPS Empress System II treatment with hydrofluoric acid (T1) and hydrofluoric acid associated with airborne particle-abraded (T2), had no statistically significant difference between the system and also CoJet (T3) and hydrofluoric acid associated with the airborne particle-abraded (T2). Photomicrographs of scanning electron microscopy showed different characteristics to the treatments for each ceramic system. CONCLUSION: The IPS Empress II had the appearance of favoring the retention when treated with hydrofluoric acid, as well as its association with the airborne particle-abraded. Uncertainty in Alumina, treatment with hydrofluoric acid associated with the airborne particle-abraded and CoJet system and provided a surface with irregularities. With respect to the laser further studies should be performed for parameters that are ideal for your application. CLINICAL RELEVANCE: The ceramic restorations are attractive due of their excellent esthetics and the ability to stay for long periods. However, the retention of ceramic requires further study.


Assuntos
Porcelana Dentária/química , Condicionamento Ácido do Dente/métodos , Ácido Fluorídrico/química , Lasers de Estado Sólido , Teste de Materiais/métodos , Microscopia Eletrônica de Varredura , Propriedades de Superfície
5.
J Contemp Dent Pract ; 16(2): 147-53, 2015 02 01.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-25906807

RESUMO

PURPOSE: The purpose of this study was to evaluate the effect of self-adhesive and self-etching resin cements on the bond strength of nonmetallic posts in different root regions. MATERIALS AND METHODS: Sixty single-rooted human teeth were decoronated, endodontically treated, post-space prepared, and divided into six groups. Glass-fiber (GF) posts (Exacto, Angelus) and fiber-reinforced composite (FRC) posts (EverStick, StickTeck) were cemented with self-adhesive resin cement (Breeze) (SA) (Pentral Clinical) and self-etching resin cement (Panavia-F) (SE) (Kuraray). Six 1-mm-thick rods were obtained from the cervical (C), middle (M), and apical (A) regions of the roots. The specimens were then subjected to microtensile testing in a special machine (BISCO; Schaumburg, IL, USA) at a crosshead speed of 0.5 mm/min. Microtensile bond strength data were analyzed with two-way ANOVA and Tukey's tests. RESULTS: Means (and SD) of the MPa were: GF/SA/C: 14.32 (2.84), GF/SA/M: 10.69 (2.72), GF/SA/A: 6.77 (2.17), GF/SE/C: 11.56 (4.13), GF/SE/M: 6.49 (2.54), GF/SE/A: 3.60 (1.29), FRC/SA/C: 16.89 (2.66), FRC/SA/M: 13.18 (2.19), FRC/SA/A: 8.45 (1.77), FRC/SE/C: 13.69 (3.26), FRC/SE/M: 9.58 (2.23), FRC/SE/A: 5.62 (2.12). The difference among the regions was statistically significant for all groups (p < 0.05). The self-adhesive resin cement showed better results than the self-etching resin cement when compared to each post (p < 0.05). No statistically significant differences in bond strengths of the resin cements when comparable to each post (p > 0.05). CONCLUSION: The bond strength values were significantly affected by the resin cement and the highest values were found for self-adhesive resin cement.


Assuntos
Colagem Dentária/métodos , Cavidade Pulpar/ultraestrutura , Técnica para Retentor Intrarradicular/instrumentação , Cimentos de Resina/química , Cimentação/métodos , Resinas Compostas/química , Materiais Dentários/química , Análise do Estresse Dentário/instrumentação , Vidro/química , Humanos , Teste de Materiais , Microscopia Eletrônica de Varredura , Distribuição Aleatória , Preparo de Canal Radicular/métodos , Estresse Mecânico , Propriedades de Superfície , Resistência à Tração , Ápice Dentário/ultraestrutura , Colo do Dente/ultraestrutura , Dente não Vital/patologia
6.
Perionews ; 5(4): 370-376, jul.-ago. 2011. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-688107

RESUMO

Atualmente, a resina composta é o material de eleição para restaurações corretas nos cientes posteriores. A Odontologia Restauradora visa, a cada d s melhorar esse material e facilitar a prática restauradora. 0 presente artig c descreve a técnica da matriz oclusal confeccionada para agilizar e preservar 3 oclusal de um primeiro molar inferior acometido por lesão de cárie. Associada a essa técnica foi utilizada uma nova resina composta à base de silorano, podendo ser colocada em incrementos maiores, pois esse material possui baixa contração e tensão de polimerização. Pôde-se concluir que o uso de matriz oclusal associada com uma resina composta de baixa contração pode simplificar o trabalho clínico e resultar em uma excelente restauração com reprodução dos detalhes anatômicos.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Cárie Dentária , Materiais Dentários , Estética Dentária , Resinas Compostas/uso terapêutico , Restauração Dentária Permanente/métodos
7.
Rev. odontol. UNESP (Online) ; 40(1): 1-5, jan.-fev. 2011. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-874846

RESUMO

Nanotecnologia, ciência do minúsculo, gera produtos capazes de manipular átomos e moléculas com aplicação no processo de esterilização de instrumentais odontológicos. Objetivo: Avaliar a ação autolimpante e esterilizante do processo de fotocatálise heterogênea desencadeado pela ação da luz UV e branca sobre o recobrimento de instrumentos odontológicos com nanopartículas de TiO2 e Ag. Material e método: Foram realizados testes bacteriológicos em espátulas odontológicas revestidas com nanopartículas de TiO2 e Ag (uma ou três camadas) e contaminadas com 10 mcrl dos microrganismos Enterococcus faecalis e Pseudomonas aeruginosa. Após contaminação, as espátulasforam expostas à luz UV e branca por 120 minutos, transferidas para tubos contendo meio BHI e incubadas a 35-37 °C. Foram feitas leituras em intervalos de 24, 48, 72 e 96 horas para verificação do crescimento das bactérias e testes de controle e recuperação. Resultado: A Pseudomonas aeruginosa foi inativada após exposição de 120 minutos à luz UV, indicando a ocorrência do processo de fotocatálise heterogênea no recobrimento de nanopartículas de TiO2 e Ag das espátulas. A Pseudomonas aeruginosa não foi inativada pela exposição à luz branca e o Enterococcus faecalis não foi inativado pela exposição à luz UV e à branca nas espátulas de cimento odontológico recobertas com nanopartículas de TiO2 e Ag, nas leituras de até 96 horas, ocorrendo o crescimento bacteriano. Conclusão: Não houve influência do revestimento das espátulas com uma ou três camadas de nanopartículas de TiO2 e Agnos resultados. A fotocatálise heterogênea da Pseudomonas aeruginosa foi confirmada pela exposição à luz UV da espátula com revestimento de TiO2 e Ag, mas não pela luz branca. A fotocatálise heterogênea do Enterococcus fecalis não foi confirmada tanto pela exposição do TiO2 e Ag à luz UV como à branca.


Nanotechnology, the science of minuscule, has developed products which are able t o manipulate atoms and molecules that could be applied in the sterilization process of dental instruments. Objetives: The objective of the present study was to evaluate the self-cleaning action of TiO2 and Ag nanoparticles coating on dental instruments by the photocataliys process under UV and visible light irradiation. Material and method: Microbiologic tests were done using dental cement spatulas coated with TiO2 and Ag nanoparticles (one or three layers), and contaminated with 10 mcrl of Pseudomonas aeruginosa and Enterococcus faecalis, respectively. After contamination, they were exposed to ultraviolet light and visible light for 120 minutes. Next, they were transferred to and stored in test tubeswith BHI (Brain Heart Infusion) and incubated in 35 to 37 °C. Checking times for bacterial growth and for control and retrieval tests were done at: 24, 48, 72 and 96 hours. Result: The Pseudomonas aeruginosa was inactive after120 minutes of ultraviolet light irradiation, thus confirming the heterogeneous photocatalytic activity of TiO2 and Ag. The Pseudomonas aeruginosa was not inactivated under visible light irradiation and the Enterococcus faecalis was not inactivated under UV and visible light irradiation of the dental cement spatulas coated with TiO2 and Agnanoparticles in the readings to 96 hours, showing bacterial growth. Conclusion: There were no influence of one or three layers of TiO2 and Ag nanoparticles coating of the spatulas in the results. The heterogeneous photocatalysis activity of TiO2 and Ag under UV light irradiation was confirmed for Pseudomonas aeruginosa but not under visible light. Enterococcus faecalis did not confirmed the photocatalytics activity of TiO2 and Ag under UV light irradiation and visible lights irradiation.


Assuntos
Testes de Sensibilidade Microbiana , Enterococcus faecalis , Esterilização , Instrumentos Odontológicos , Nanopartículas , Nanotecnologia , Pseudomonas aeruginosa , Raios Ultravioleta
8.
RSBO (Impr.) ; 7(4): 414-421, out.-dez. 2010. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-564415

RESUMO

Introdução: Com o sucesso alcançado com a utilização das resinascompostas em dentes anteriores, prontamente se iniciou o seu empregona região posterior. Contudo a aplicação indiscriminada dessesmateriais em cavidades das mais variadas amplitudes rapidamentedenunciou sua falta de resistência ao desgaste oclusal e proximal.Objetivo: Analisar a rugosidade superficial de resinas compostas emfunção da técnica de acabamento e polimento. Material e métodos:Foram confeccionados oito grupos experimentais (n = 15), divididosde acordo com a técnica de acabamento ou polimento: G1 ? resinacomposta Z250TM sem acabamento ou polimento superficial; G2? Z250TM com acabamento e polimento superficial; G3 ? resina P60TMsem acabamento nem polimento superficial; G4 ? resina P60TM comacabamento e polimento superficial; G5 ? resina Prodigy CondensableTM sem acabamento ou polimento superficial; G6 ? resina ProdigyCondensableTM com acabamento e polimento superficial; G7 ? resinaSurefillTM sem acabamento nem polimento superficial; G8 ? resinaSurefillTM com acabamento e polimento superficial. Empregaram-setrês resinas compostas compactáveis e uma micro-híbrida (grupocontrole). A rugosidade superficial foi avaliada por meio de um aparelhode rugosímetro em três pontos em cada amostra. Submeteram-seos resultados a análise de variância e ao teste de Tukey (p < 0,05).Resultados: A resina composta Prodigy CondensableTM apresentoumenor rugosidade superficial, enquanto a SurefillTM mostrou maiorrugosidade superficial. Na comparação entre as resinas não houvediferença estatística significante apenas entre a P60TM e a SurefillTM(p ? 0,05). Conclusão: A rugosidade superficial foi menor em todos ostipos de resina composta com a matriz de poliéster em comparação àssuperfícies obtidas após o procedimento de acabamento e polimento.


Introduction: The success achieved by the use of composite resins inanterior teeth precipitately leads their use in posterior teeth. However,the indiscriminate application of these materials in cavities with severaldiverse sizes rapidly pointed out their lack of resistance to oclusaland proximal wear. Objective: To evaluate the surface roughnessof composite resin in relation to finishing and polishing technique.Material and methods: Eight experimental groups (n = 15) were dividedaccording to finishing and polishing technique: G1 ? Z250TM compositeresin without surface finishing and polishing; G2 ? Z250TM compositeresin plus surface finishing and polishing; G3 ? P60TM composite resinwithout surface finishing and polishing; G4 ? P60TM composite resinplus surface finishing and polishing; G5 ? Prodigy CondensableTMcomposite resin without surface finishing and polishing; G6 ? ProdigyCondensableTM composite resin plus surface finishing and polishing;G7 ? SurefillTM composite resin without surface finishing and polishing;G8 ? SurefillTM composite resin plus surface finishing and polishing.Three packable and one microhybrid (control group) composite resinwas used. The surface roughness was measured using a profilometerat three points in each sample. The results were evaluated by ANOVAand Tukey test (p < 0.05). Results: Prodigy CondensableTM compositeresin showed the lowest surface roughness, while SurefillTM showed thehighest surface roughness. Comparing the resins used, only betweenP60TM and SurefillTM there were no statistically significant differences(p ? 0.05). Conclusion: Surface roughness was lower in all types ofresin composites surfaces in contact with Mylar matrix strip than inareas submitted to finishing and polishing procedure.

9.
RSBO (Impr.) ; 7(4): 494-498, out.-dez. 2010. ilus
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-564425

RESUMO

Introdução A procura por tratamentos estéticos tem aumentadograças à conscientização da sociedade sobre a importância da saúdee da estética dental. Nos dias de hoje, tem havido um substancialdesenvolvimento dos sistemas cerâmicos, tornando-os confiáveise com resultados previsíveis. As cerâmicas dentárias, além dequimicamente estáveis, apresentam propriedades ópticas excelentesquando comparadas às estruturas dentárias, o que lhes garante umposto especial no rol dos materiais restauradores estéticos. Objetivo,relato de caso e conclusão: Descrever um caso clínico com sucessoenvolvendo a estética de dentes anteriores, restaurados com coroaspuras de cerâmica (IPS e.max® Ivoclar Vivadent).


Introduction: Society?s change of parameters for health and aestheticshas resulted in an increased demand for dental treatments. Nowadays,ceramics systems have shown a substantial development, becoming more reliable and predictable. Dental ceramics, besides being chemicallystable, present excellent optical properties when compared to dentalstructures, thus assuring a special position in the list of aestheticrestorative materials. Objective, case report and conclusion: Thisarticle describes a successful clinical procedure involving the anteriorteeth aesthetics, which were restored with all-ceramic crowns (IPSe.max® Ivoclar Vivadent).

10.
Ortho Sci., Orthod. sci. pract ; 1(4): 362-367, 2008. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-544318

RESUMO

A esterilização e a biossegurança em Odontologia assim como em Ortodontia tem recebido inúmeras sugestões como também modificações, com o intuito de minimizar as chances de contaminação entre pacientes e profissionais. Vários são os trabalhos que classificam os procedimentos odontológicos como: críticos, semicríticos e acríticos, a fim de estabelecer protocolos de desinfecção, esterilização e biossegurança. Assim atenção especial ao paciente, preocupação com o profissional e pessoal auxiliar, bem como cuidado nos ambiente clínico e laboratorial tem sido ressaltados na busca de procedimentos de controle total de esterilização de instrumentais abordando vários métodos para enfim estabelecer um protocolo rígido no ambiente de trabalho.


Assuntos
Clínicas Odontológicas , Desinfecção , Esterilização
11.
Rev. odontol. UNESP ; 36(2): 109-112, abr.-jun. 2007.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-529261

RESUMO

Com base em uma revisão de literatura, pode-se verificar que existe grande quantidade de metodologias propostas para se verificar a translucidez e opacidade de materiais restauradores estéticos, diretos e indiretos. Estes métodos proporcionam medidas qualitativas (inspeção visual, fotografias) e medidas quantitativas (espectrofotometria de luz visível, por transmissão direta ou total; aparelho de eletroforese de Juan; cálculo do raio de contraste, por espectrofotometria ou goniofotometria), cabendo ao pesquisador análise crítica das vantagens e desvantagens de cada metodologia antes da opção em utilizá-la.


With base in a literature review, it can be verified that a great amount of methodologies exists proposals to verify the translucency and opacity of the aesthetic restorative materials, indirect and directs, which provides to qualitative measure (visual inspection, photographs) and quantitative measure (espectrofotometria of visible light, for direct or total transmission; eletroforese of Juan; calculation of the contrast ray, for espectrofotometria or goniofotometria), having therefore to the researcher a critical analysis of the advantages and disadvantages of each methodology before the option using it.


Assuntos
Cor , Estética
12.
JBC j. bras. clin. odontol. integr ; 10(52): 19-26, jan.-mar. 2006. ilus, CD-ROM
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-851579

RESUMO

O objetivo desse estudo foi analisar, pelo método dos elementos finitos, a distribuição de estresse causado em dentes com pinos e sem pinos intracanal. Foi utilizado um incisivo central superior, para confecção do modelo bidimensional, para análise dos elementos finitos. A análise foi feita no programa MSC/NASTRAN para Windows. Foi demonstrado que pinos intracanais geram estresse nas paredes dentinárias do canal, núcleos de resina composta geram estresse na margem cervical e que na superfície palatina do elemento dental temos estresse de tração e na superfície vestibular temos estresse de compressão


Assuntos
Análise de Elementos Finitos , Pinos Dentários , Análise do Estresse Dentário , Fotografia Dentária/métodos , Técnica para Retentor Intrarradicular
13.
JBC j. bras. clin. odontol. integr ; 8(45): 207-211, maio-jun. 2004. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-436330

RESUMO

A Odontologia Estética tem se tornado muito importante nos dias atuais, pois valoriza e restabelece a harmonia da beleza de um sorriso que a sociedade tanto busca. Com as inovações das técnicas restauradoras, tem-se conseguido aperfeiçoar o trabalho clínico com o intuito de atingir resultados agradáveis. Aplicando princípios artísticos como proporção áurea, proporção estética, associados ao correto planejamento com modelos de estudo e utilizações de materiais e instrumentais corretos, os autores procuram evidenciar um caso clínico com o objetivo de se alcançar uma estética excelente, utilizando a resina composta direta em uma única sessão


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Resinas Compostas , Materiais Dentários , Estética Dentária , Restauração Dentária Permanente/métodos , Clareamento Dental
14.
Rev. odontol. UNESP ; 31(2): 231-43, jul.-dez. 2002. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-858451

RESUMO

Foi avaliado in vitro o efeito do tempo de condicionamento dentinário com ácido fosfórico sobre a microinfiltração marginal cervical em cavidades de classe V preparadas em dentes molares humanos extraídos e restauradas com resina composta (Z-100 - 3M) e diferentes sistemas adesivos (Prime&Bond 2.1 - Dentsply e Single Bond - 3M) utilizando tempos de condicionamento dentinário de 15 e 30 segundos. Após polimento das restaurações, as amostras foram submetidas à ciclagem térmica em temperaturas de 8ºC e 55ºC (200 ciclos) e penetração do corante rodamina B 0,2 por cento, sendo os escores obtidos analisados pelo teste estatístico não-paramétrico de Kruwkal-Wallis. Os resultados evidenciaram que nenhum dos sistemas restauradores adesivos testados foi capaz de evitar completamente a micro-infiltração marginal cervical. Para o tempo de condicionamento dentinário de 15 segundo, os materiais estudados não apresentaram diferenças significativas entre si. Além disso, o tempo de condicionamento dentinário produziu efeitos diferentes nos materiais testados


Assuntos
Condicionamento Ácido do Dente , Adaptação Marginal Dentária , Resinas Compostas , Adesivos Dentinários
15.
Rev. ABO nac ; 10(4): 213-218, ago.-set. 2002. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-435267

RESUMO

Os autores apresentam, através de uma revisão de literatura, forma de classificação atual, características, vantagens e desvantagens, indicações, limitações e possíveis soluções para os problemas das resinas compostas indicadas para restaurações em dentes anteriores e posteriores.


Assuntos
Resinas Compostas , Dentística Operatória , Estética Dentária
16.
JBC j. bras. clin. odontol. integr ; 6(32): 165-169, mar.-abr. 2002. ilus, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-345083

RESUMO

Este estudo avaliou, in vitro, a capacidade de polimerizaçäo, utilizando o teste de dureza Vickers em uma única resina composta fotopolimerizável, variando aparelhos fotopolimerizadores com intensidades de luz diferentes, tempo e profundidade. Para isso, foram utilizados três tipos de aparelhos: o Curing Light 2500, o Apollo 95E e o Kreativ. A resina composta utilizada foi a Charisma, que é uma resina híbrida, na cor A 30. Em face aos resultados obtidos e à metodologia aplicada, foi possível concluir que: com relaçäo aos aparelhos, estes apresentaram uma variabilidade significativa, ou seja, os diferentes aparelhos levaram a variabilidade significativa de dureza Vickers, independentemente da profundidade. Com relaçäo à profundidade, verificou-se que a de 3 mm apresentou um menor valor de dureza, enquanto a de 1 mm apresentou um maior valor de dureza, ficando a de 2 mm numa posiçäo intermediária em relaçäo às médias de dureza. Com relaçäo à interaçäo aparelho/profundidade, foi observado que o aparelho Apollo 95E, apresentou valores de dureza semelhantes, entre 1 mm e 2 mm e entre 2 mm e 3 mm; o parelho Curing Light apresentou valores de dureza semelhantes entre 1 mm e 2 mm e entre 2 mm e 3 mm; o aparelho Kreativ apresentou valores de dureza distintos nas diferentes profundidades


Assuntos
Resinas Compostas , Testes de Dureza , Técnicas In Vitro , Equipamentos e Provisões
17.
Rev. ciênc. odontol ; 4(4): 9-19, jan.-dez. 2001. ilus, tab
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-857585

RESUMO

Com toda evolução tecnológica que vem surgindo nos materiais restauradores, principalmente na área da Dentística Restauradora, torna-se necessária uma análise laboratorial e clínica para que os mesmos possam ser indicados na prática diária. O estudo foi realizado utilizando dentes recém-extraídos íntegros, onde foram realizados preparos cavitários de classe V. Os preparos cavitários receberam como restauração a resina composta híbrida Z 100 e seu sistema adesivo Scotchbond Multi-Purpose, variando o ácido maléico no grupo A e ácido fosfórico para o grupo B. No grupo C e D, restaurou-se com ionômero de vidro fotoativado Vitremer e Variglass. Após uma semana de armazenagem, os dentes foram cortados e preparados para análise da medida da fenda quando presente, por meio de microscopia eletrônica de varredura. Os resultados foram submetidos a análise estatística, para que se pudesse concluir que: -Nenhum dos materiais restauradores adesivos estéticos testados foram capazes de evitar a formação de fenda na interface dente/restauração. - Os materiais restauradores à base de resina composta apresentaram uma média na largura da fenda, estatisticamente menor que os materiais à base de cimento de ionômero de vidro. - Embora o grupo - B (Scotchbond Bond Multi-Purpose / ácido fosfórico 37 por cento) tenha apresentado um valor numericamente menor na largura da fenda que o grupo - A(Scotchbond Bond Multi-Purpose / ácido maléico a 10 por cento), os mesmos não apresentaram significância. - O grupo - C (Vitrimer) apresentou uma média na largura da fenda menor que o grupo - D (Variglass), entretanto sem diferença estatisticamente significante


Assuntos
Cárie Dentária , Cimentos de Ionômeros de Vidro
18.
UFES rev. odontol ; 3(1): 96-102, jan.-jun. 2001. ilus, tab
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-858981

RESUMO

Foi realizado um estudo "in vitro" em 3ºs molares humanos recentemente extraídos, a fim de observar a microinfiltração marginal em restaurações de classe V restauradas com dois materiais: o Vitremer e o Dyract. Para cada material, foram usadas duas situações experimentais: uso apenas do Primer específico como tratamento de superfície e condicionamento com ácido fosfórico a 37 por cento. As amostras foram submetidas ao teste de microinfiltração marginal e seccionadas e analisadas sob lupa estereoscópica Zeiss, com aumento de vinte vezes. As observações decorrentes dessa análise foram catalogadas em escores. Os resultados foram submetidos à análise estatística de Kruskal-Wallis. Pôde-se concluir: a) tanto o cimento de ionômero de vidro modificado por resina (Vitremer), como a resina composta modificada por poliácido (Dyract) não impediram completamente a microinfiltração marginal em cavidades de classe V, quando analisadas em conjunto as paredes cervical e oclusal; b) a técnica com ácido fosfórico a 37 por cento apresenta superioridade na redução da microinfiltração marginal em parede oclusal para RCMP estudada (Dyract); c) o condicionamento com ácido fosfórico a 37 por cento não apresenta superioridade para redução da microinfiltração marginal em parede oclusal e cervical para o CIVMR (Vitremer); d) o condicionamento com ácido fosfórico a 37 por cento aumenta a microinfiltração marginal em parede cervical para RCMP (Dyract)


Assuntos
Condicionamento Ácido do Dente/efeitos adversos , Infiltração Dentária , Materiais Restauradores do Canal Radicular , Técnicas In Vitro
19.
JBC j. bras. clin. estet. odontol ; 5(25): 57-60, jan.-fev. 2001. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-312732

RESUMO

Este trabalho teve como objetivo avaliar comparativamente in vitro a microinfiltraçäo marginal, nas margens oclusal e cervical de restauraçöes de Classe V, restauradas com amálgama quando da utilizaçäo do verniz cavitário, cimento de ionômero de vidro e sistema adesivo dentinário. Concluímos que: 1) nenhum material intermediário foi capaz de controlar a infiltraçäo marginal; 2) os materiais adesivos apresentaram melhor comportamento no controle da microinfiltraçäo marginal; 3) na parede oclusal os materiais intermediários apresentaram comportamento estatisticamente diferente onde G4>G3>G1>G2; 4) na parede cervical os materiais intermediários apresentaram comportamento estatisticamente diferente onde G4>G3>G2>G1


Assuntos
Amálgama Dentário , Forramento da Cavidade Dentária , Infiltração Dentária , Adesivos Dentinários , Cimentos de Ionômeros de Vidro , Técnicas In Vitro , Restauração Dentária Permanente
20.
JBC j. bras. clin. estet. odontol ; 4(24): 66-71, nov.-dez. 2000. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-312751

RESUMO

Análise in vitro da microinfiltraçäo marginal em cavidades de Classe V, confeccionadas nas faces vestibular e lingual de terceiros molares humanos recém-extraídos, restauradas com resina composta de microparticula Durafill, utilizando quatro marcas diferentes de sistemas adesivos: Excite© (Vivadent), Prime & Bond© NT (Dentsply), Prompt© L-Pop© (Espe), One Coat Bond (Coltène). Os dentes foram termociclados e, para a análise da microinfiltraçäo, foram imersos, durante duas horas, em soluçäo de nitrato de prata a 50 por cento. Como resultado, obtivemos que todos os sistemas adesivos praticamente evitaram a microinfitraçäo nas margens oclusais. Nas margens cervicais, porém, nenhum deles foi capaz de inibir a microinfiltraçäo


Assuntos
Resinas Compostas , Infiltração Dentária , Adesivos Dentinários , Técnicas In Vitro , Restauração Dentária Permanente
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...