Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 52
Filtrar
1.
Texto & contexto enferm ; 29: e20180358, Jan.-Dec. 2020. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1139739

RESUMO

ABSTRACT Objective: to investigate the compliance to safety barriers adopted in the preparation and administration of intravenous drugs in Pediatric and Pediatric Intensive Care Units. Method: exploratory, observational descriptive study, conducted with the nursing team of a pediatric intensive care unit and a pediatric clinic of a large public hospital in Belo Horizonte, from August to November 2017. Results: the sample consisted of 334 opportunities to observe the preparation and administration of medications in pediatric patients. Most of the actions were performed by female professionals, nursing technicians and civil servants. The professionals did not perform all the necessary safety barriers in any of the procedures. The hygiene of the preparation site, disinfection of the ampoule, connection, conference of the drug/dose/route administered with the prescription and double checking of the drugs were those that had the lowest compliance. Conclusion: the study highlights the fragility regarding compliance to safety barriers in the preparation and administration of medicines, resulting in a risk to the safety of hospitalized children. Continued education based on good practice is believed to be an important strategy for security.


RESUMEN Objetivo: investigar la adherencia a las barreras de seguridad adoptadas en la preparación y administración de fármacos intravenosos en unidades de cuidados intensivos pediátricos y pediátricos. Método: estudio exploratorio, observacional, descriptivo realizado con el equipo de enfermería de una Unidad de Cuidados Intensivos Pediátricos y una clínica pediátrica en un gran hospital público de Belo Horizonte, en el período de agosto del nuevo 2017. Resultados: la muestra consistió en 334 oportunidades para observar la preparación y administración de medicamentos en pacientes pediátricos. La mayoría de las acciones fueron realizadas por mujeres profesionales, técnicas de enfermería y candidatas. En ninguno de los procedimientos el profesional realizó todas las barreras de seguridad necesarias. Las acciones de higiene del sitio de preparación, desinfección de la ampolla, conexión, control del medicamento / dosis / vía administrada con la prescripción y doble control de los medicamentos fueron los que tuvieron menor adherencia. Conclusión: el estudio apunta a la fragilidad en la adherencia a las barreras de seguridad en la preparación y administración de medicamentos, lo que se traduce en un riesgo para la seguridad de los niños hospitalizados. Se cree que la educación continua basada en buenas prácticas es una estrategia importante para la seguridad.


RESUMO Objetivo: investigar a adesão das barreiras de segurança adotadas no preparo e na administração de medicamentos endovenosos em unidades de Pediatria e Terapia Intensiva Pediátrica. Método: estudo descritivo exploratório, observacional, realizado com a equipe de enfermagem de uma Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica e uma clínica pediátrica de um hospital público de grande porte de Belo Horizonte, no período de agosto a novembro de 2017. Resultados: a amostra foi constituída por 334 oportunidades de observação do preparo e administração de medicamentos em pacientes pediátricos. A maior parte das ações foi realizada por profissionais do sexo feminino, técnicos de enfermagem e concursados. Em nenhum dos procedimentos o profissional executou todas as barreiras de segurança necessárias. As ações de higienização do local do preparo, desinfecção da ampola, conexão, conferência do medicamento/dose/via administrada com a prescrição e checagem dupla dos medicamentos foram as que tiveram menor adesão. Conclusão: o estudo aponta para a fragilidade quanto à adesão das barreiras de segurança no preparo e na administração de medicamentos, resultando em risco para a segurança das crianças hospitalizadas. Acredita-se que a educação continuada pautada nas boas práticas seja uma estratégia importante para a segurança.


Assuntos
Humanos , Criança , Enfermagem Pediátrica , Pediatria , Qualidade da Assistência à Saúde , Segurança do Paciente , Sistemas de Medicação no Hospital , Cuidados de Enfermagem
2.
Am J Infect Control ; 2020 Jul 29.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-32735809

RESUMO

Pilot randomized controlled trial (180 patients) of needleless connector decontamination. Central line-associated bloodstream infection occurred in 2% (1/61) of 70% isopropyl alcohol (IPA) wipe, 2% (1/59) of 70% IPA cap, and zero (0/58) infections in 2% chlorhexidine gluconate in 70% IPA wipe patients. Larger definitive trials are feasible and needed.

3.
Rev Gaucha Enferm ; 41: e20190251, 2020.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-32667430

RESUMO

OBJECTIVE: To understand the nursing team's perception about the use of technology for safe perioperative pediatric care, through photographs. METHOD: A qualitative study using the theoretical framework of Nietsche Specific Nursing Technology, with a total of 18 perioperative nursing professionals from a general hospital in southern Brazil. Data collection occurred from June to August 2018, from a semi-structured interview and photograph production. They were analyzed through the Thematic Content Analysis. Approved by the Research Ethics Committee of the Federal University of Santa Catarina. RESULTS: The Nursing Technologies category used for the safety of the pediatric patient in the perioperative period, with 250 photographs illustrating facts, situations and artifacts considered nursing technologies used in safe care. CONCLUSIONS: In the team's perception, patient safety involves the use of technologies integrated to perioperative care and structural, physical and input aspects.

4.
Rev. gaúch. enferm ; 41: e20190251, 2020. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS-Express | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1115686

RESUMO

ABSTRACT Objective: To understand the nursing team's perception about the use of technology for safe perioperative pediatric care, through photographs. Method: A qualitative study using the theoretical framework of Nietsche Specific Nursing Technology, with a total of 18 perioperative nursing professionals from a general hospital in southern Brazil. Data collection occurred from June to August 2018, from a semi-structured interview and photograph production. They were analyzed through the Thematic Content Analysis. Approved by the Research Ethics Committee of the Federal University of Santa Catarina. Results: The Nursing Technologies category used for the safety of the pediatric patient in the perioperative period, with 250 photographs illustrating facts, situations and artifacts considered nursing technologies used in safe care. Conclusions: In the team's perception, patient safety involves the use of technologies integrated to perioperative care and structural, physical and input aspects.


RESUMEN Objetivo: Entender la percepción del equipo de Enfermería sobre el uso de la tecnología para una assistência segura en el perioperatory, por medio de la imagen. Método: Investigación cualitativa, utilizó la referencia teórica a la Tecnología de Enfermería Específica de Nietsche, con 18 profesionales de enfermería perioperatoria de un hospital general de la región sur de Brasil. La recopilación de datos se llevó a cabo de junio a agosto de 2018, a partir de una entrevista semiestructurada y la producción de imágenes. Analizado a través del Análisis de Contenido Temático. Aprobado por el Comité de Ética de la Universidad Federal de Santa Catarina. Resultados: La categoría Tecnologías de enfermería utilizadas para la seguridad del paciente pediátrico en el período perioperatory, con 250 fotografías que ilustran hechos, situaciones y artefactos considerados tecnologías de enfermería utilizadas en la atención segura. Conclusiones: Según la percepción del equipo, la seguridad del paciente implica el uso de tecnologías integradas en la atención perioperatoria y aspectos estructurales, físicos y de insumos.


RESUMO Objetivo: Compreender a percepção da equipe de enfermagem quanto ao uso da tecnologia para uma assistência segura no perioperatório pediátrico, por meio da imagem. Método: Pesquisa qualitativa, utilizou o referencial teórico a Tecnologia Específica de Enfermagem de Nietsche, com 18 profissionais de enfermagem do perioperatório de um hospital geral da região sul do Brasil. A coleta de dados ocorreu de junho a agosto de 2018, a partir de entrevista semiestruturada e a produção de imagens. Analisados por meio da Análise Temática de Conteúdo. Aprovado pelo Comitê de Ética da Universidade Federal de Santa Catarina. Resultados: A categoria Tecnologias de Enfermagem utilizadas para a segurança do paciente pediátrico no perioperatório, com 250 fotografias ilustrando fatos, situações e artefatos considerados tecnologias de enfermagem usadas na assistência segura. Conclusões: Na percepção da equipe, a segurança do paciente envolve uso de tecnologias integradas à assistência perioperatória e a aspectos estruturais, físicos e de insumo.

5.
Rev Lat Am Enfermagem ; 27: e3167, 2019 Aug 19.
Artigo em Português, Inglês, Espanhol | MEDLINE | ID: mdl-31432920

RESUMO

OBJECTIVE: analyze the safety culture of multidisciplinary teams from three neonatal intensive care units of public hospitals in Minas Gerais, Brazil. METHOD: a cross-sectional survey conducted with 514 health professionals, using the Hospital Survey on Patient Safety Culture; data were subjected to a descriptive statistical analysis in software R-3.3.2. RESULTS: the findings showed that none of the dimensions had a positive response score above 75% to be considered as a strength area. The dimension 'Nonpunitive response to error' was classified as a critical area of the patient safety culture, present in 55.45% of the responses. However, areas with potential for improvements were identified, such as 'Teamwork within units' (59.44%) and 'Supervisor/manager's expectations and actions to promote patient safety' (49.90%). CONCLUSION: none of the dimensions was considered as a strength area, which indicates safety culture has not been fully implemented in the evaluated units. A critical look at the weaknesses of the patient safety process is recommended in order to seek strategies for the adoption of a positive safety culture to benefit patients, family members and health professionals.


Assuntos
Hospitais Públicos/estatística & dados numéricos , Unidades de Terapia Intensiva Neonatal/estatística & dados numéricos , Equipe de Assistência ao Paciente/estatística & dados numéricos , Segurança do Paciente/estatística & dados numéricos , Gestão da Segurança/estatística & dados numéricos , Adulto , Brasil , Estudos Transversais , Feminino , Hospitais Públicos/normas , Humanos , Unidades de Terapia Intensiva Neonatal/normas , Masculino , Cultura Organizacional , Equipe de Assistência ao Paciente/normas , Segurança do Paciente/normas , Qualidade da Assistência à Saúde/normas , Qualidade da Assistência à Saúde/estatística & dados numéricos , Gestão da Segurança/normas , Estatísticas não Paramétricas , Inquéritos e Questionários , Fatores de Tempo , Carga de Trabalho/estatística & dados numéricos , Adulto Jovem
6.
Rev Gaucha Enferm ; 40(spe): e20180337, 2019.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-31038605

RESUMO

OBJECTIVE: To analyze the perception of health professionals and companions/family about the development of communication for patient safety in pediatric hospitalizations. METHOD: It is an exploratory-descriptive study with a qualitative approach, performed in pediatric clinical-surgical hospitalization units of three hospitals in Porto Alegre, RS, Brazil. 44 health professionals and 94 companions of hospitalized children participated in the study, to a total of 138 participants. Data collection took place between 2016 and 2017, through semi-structured interviews. A thematic content analysis was used. RESULTS: Two categories emerged: "Barriers to an effective communication", addressing the failures and difficulties in the communication process and "Tools to improve communication", that present recommendations for improvements, especially instrumentalization of the companion/family member. CONCLUSIONS: The barriers to an effective communication involve several factors, and effective communication strategies can assist in the development of improvements for pediatric patient safety.


Assuntos
Criança Hospitalizada , Barreiras de Comunicação , Sistemas de Comunicação no Hospital/organização & administração , Segurança do Paciente , Adolescente , Atitude do Pessoal de Saúde , Criança , Pré-Escolar , Família/psicologia , Amigos/psicologia , Comunicação em Saúde , Humanos , Lactente , Relações Interprofissionais , Entrevistas como Assunto , Equipe de Assistência ao Paciente , Recursos Humanos em Hospital/psicologia , Relações Profissional-Família , Relações Profissional-Paciente , Pesquisa Qualitativa
7.
Rev. baiana enferm ; 33: e29654, 2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1098723

RESUMO

Objetivo refletir sobre a ética no fazer profissional da enfermagem, levando em consideração os conceitos de condição humana e a banalidade do mal de Hannah Arendt. Método reflexão teórico-filosófica. Resultados o pensamento crítico reflexivo deve ser parte do fazer profissional da enfermagem, para que seja aceita a condição humana - o labor, o trabalho e a ação - da ética no cuidado, evitando, assim, fragmentações, erros e mecanização do cuidado de enfermagem. A banalidade do mal pode ser transposta por meio da educação permanente e continuada do profissional de enfermagem. Conclusão ao utilizar conceitos do pensamento de Hannah Arendt, percebe-se a importância de que o profissional da enfermagem assuma uma postura crítico-reflexiva e ética de não julgamento, destacando-se que a educação em saúde, trabalho em equipe e sentimento de pertencimento à profissão de enfermagem, são elementos importantes para o fortalecimento profissional.


Objetivo reflexionar sobre la ética en la labor de los profesionales de la enfermería, considerando los conceptos de la condición humana y la banalidad del mal de Hannah Arendt. Método reflexión teórico-filosófica. Resultados el pensamiento crítico reflexivo debe ser parte de la labor de los profesionales de la enfermería, para que se acepte la condición humana (la labor, el trabajo y la acción) de la ética del cuidado; para así evitar fragmentaciones, errores y la mecanización del cuidado de enfermería. La banalidad del mal puede trasponerse por medio de la educación permanente y continuada del profesional de la enferme. Conclusión al emplear conceptos del pensamiento de Hannah Arendt, se percibe la importancia de que el profesional de enfermería asuma una postura crítico-reflexiva y ética de no emitir juicios, destacándose que la educación en salud, el trabajo en equipo y el sentimiento de pertenencia a la profesión de enfermería son elementos importantes de fortalecimiento profesional.


Objective to reflect on the ethics of the professional nursing practice, taking into account the concepts of the human condition and the banality of Hannah Arendt's evil. Method a theoretical and philosophical reflection. Results reflective critical thinking must be part of the professional nursing practice, in order to accept the human condition - labor, work and action - of ethics in care, thus avoiding fragmentation, errors and mechanization in nursing care. The banality of the evil can beovercome through the continuing education of the nursing professional. Conclusion using concepts from Hannah Arendt's thinking, the importance of nursing professionals assuming a critical-reflexive posture and non-judgmental ethics is highlighted, highlighting that health education, teamwork and a sense of belonging to the profession nursing, are important elements for professional strengthening.


Assuntos
Humanos , Filosofia em Enfermagem , Prática Profissional , Ética , Ética em Enfermagem/educação , Papel do Profissional de Enfermagem , Cuidados de Enfermagem/ética
8.
Rev. gaúch. enferm ; 40(spe): e20180337, 2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1004108

RESUMO

Resumo OBJETIVO Analisar a percepção de profissionais de saúde e acompanhantes/familiares quanto ao desenvolvimento da comunicação para a segurança do paciente em internações pediátricas. MÉTODO estudo exploratório-descritivo, qualitativo, realizado em unidades de internação clínico-cirúrgicas pediátricas de três hospitais de Porto Alegre, RS, Brasil. Participaram do estudo 44 profissionais de saúde e 94 acompanhantes de crianças hospitalizadas, totalizando 138 participantes. A coleta ocorreu no período de 2016 a 2017, por meio de entrevistas semiestruturadas. Realizou-se análise de conteúdo do tipo temática. RESULTADOS Emergiram duas categorias: "Barreiras para a Comunicação Efetiva" que abordou as falhas e dificuldades no processo de comunicação e "Ferramentas para Qualificar a Comunicação" que apresenta recomendações para as melhorias, em especial, instrumentalização do acompanhante/familiar. CONCLUSÕES As barreiras para a comunicação efetiva envolvem múltiplos fatores e as estratégias de comunicação efetiva podem auxiliar no desenvolvimento de melhorias para a segurança do paciente pediátrico.


Resumen OBJETIVO Analizar la percepción de profesionales de salud y acompañantes/familiares con respecto al desarrollo de la comunicación para la seguridad del paciente en internaciones pediátricas. MÉTODO Estudio exploratorio-descriptivo, cualitativo, realizado en unidades de internación clínico-quirúrgicas pediátricas de tres hospitales de Porto Alegre, RS, Brasil. Participaron del estudio 44 profesionales de salud y 94 acompañantes de niños hospitalizados, totalizando 138 participantes. La recolección ocurrió en el período de 2016 a 2017, por medio de entrevistas semiestructuradas. Se realizó un análisis de contenido del tipo temático. RESULTADOS Surgieron dos categorías: "Barreras para la comunicación efectiva" que abordo las fallas y dificultades en el proceso de comunicación y "Herramientas para calificar la comunicación" que presenta recomendaciones para mejorías, em particular, instrumentalización del acompañante/familiar. CONCLUSIONES Las barreras para la comunicación efectiva envuelven diversos factores y las estrategias de comunicación efectiva pueden ayudar en el desarrollo de mejorías para la seguridad del paciente pediátrico.


Abstract OBJECTIVE To analyze the perception of health professionals and companions/family about the development of communication for patient safety in pediatric hospitalizations. METHOD It is an exploratory-descriptive study with a qualitative approach, performed in pediatric clinical-surgical hospitalization units of three hospitals in Porto Alegre, RS, Brazil. 44 health professionals and 94 companions of hospitalized children participated in the study, to a total of 138 participants. Data collection took place between 2016 and 2017, through semi-structured interviews. A thematic content analysis was used. RESULTS Two categories emerged: "Barriers to an effective communication", addressing the failures and difficulties in the communication process and "Tools to improve communication", that present recommendations for improvements, especially instrumentalization of the companion/family member. CONCLUSIONS The barriers to an effective communication involve several factors, and effective communication strategies can assist in the development of improvements for pediatric patient safety.


Assuntos
Humanos , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Adolescente , Criança Hospitalizada , Barreiras de Comunicação , Segurança do Paciente , Sistemas de Comunicação no Hospital/organização & administração , Equipe de Assistência ao Paciente , Recursos Humanos em Hospital/psicologia , Relações Profissional-Família , Relações Profissional-Paciente , Atitude do Pessoal de Saúde , Família/psicologia , Entrevistas como Assunto , Pesquisa Qualitativa , Amigos/psicologia , Comunicação em Saúde , Relações Interprofissionais
9.
Rev. latinoam. enferm. (Online) ; 27: e3167, 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1020702

RESUMO

Objetivo analisar a cultura de segurança da equipe multiprofissional em três Unidades de Terapia Intensiva Neonatal de hospitais públicos de Minas Gerais, Brasil. Método estudo tipo survey, transversal, desenvolvido com 514 profissionais de saúde. Utilizou-se o instrumento Hospital Survey on Patient Safety Culture, sendo os dados submetidos à análise estatística descritiva por meio do software R, versão 3.3.2. Resultados os achados mostraram que nenhuma dimensão obteve escore de respostas positivas acima de 75% para ser considerada como área de força. A dimensão "Resposta não punitiva ao erro" foi classificada como área crítica da cultura de segurança do paciente com 55,45% das repostas. Contudo, foram identificadas áreas com potencial para melhoria, como "Trabalho em equipe na unidade" (59,44%) e "Expectativas e ações do supervisor/chefia para a promoção da segurança do paciente" (49,90%). Conclusão nenhuma das dimensões foi considerada como área de força, o que aponta que a cultura de segurança ainda não está integralmente implementada nas unidades avaliadas. Recomenda-se um olhar crítico sobre as fragilidades do processo de segurança dos pacientes, a fim de buscar estratégias para a adoção de uma cultura de segurança positiva, beneficiando pacientes, familiares e profissionais.


Objective analyze the safety culture of multidisciplinary teams from three neonatal intensive care units of public hospitals in Minas Gerais, Brazil. Method a cross-sectional survey conducted with 514 health professionals, using the Hospital Survey on Patient Safety Culture; data were subjected to a descriptive statistical analysis in software R-3.3.2. Results the findings showed that none of the dimensions had a positive response score above 75% to be considered as a strength area. The dimension 'Nonpunitive response to error' was classified as a critical area of the patient safety culture, present in 55.45% of the responses. However, areas with potential for improvements were identified, such as 'Teamwork within units' (59.44%) and 'Supervisor/manager's expectations and actions to promote patient safety' (49.90%). Conclusion none of the dimensions was considered as a strength area, which indicates safety culture has not been fully implemented in the evaluated units. A critical look at the weaknesses of the patient safety process is recommended in order to seek strategies for the adoption of a positive safety culture to benefit patients, family members and health professionals.


Objetivo analizar la cultura de seguridad del equipo multiprofesional en tres Unidades de Cuidados Intensivos Neonatales en hospitales públicos de Minas Gerais, Brasil. Método estudio tipo survey, transversal, desarrollado con 514 profesionales de salud. Se utilizó el instrumento Hospital Survey on Patient Safety Culture, y los datos se sometieron a análisis estadístico descriptivo por medio del software R, versión 3.3.2. Resultados los resultados revelaron que ninguna dimensión obtuvo puntuación de respuestas positivas por encima del 75% para ser considerada como área de fuerza. La dimensión «Respuesta no punitiva al error¼ fue clasificada como área crítica de la cultura de seguridad del paciente con el 55,45% de las repuestas. Sin embargo, se identificaron áreas con potencial de mejora, como «Trabajo en equipo en la unidad¼ (59,44%) y «Expectativas y acciones del supervisor/jefe para la promoción de la seguridad del paciente¼ (49,90%). Conclusión ninguna de las dimensiones se consideró como área de fuerza, lo que indica que la cultura de seguridad aún no está integralmente implementada en las unidades valoradas. Se recomienda una mirada crítica sobre las fragilidades del proceso de seguridad de los pacientes, con el fin de buscar estrategias para la adopción de una cultura de seguridad positiva, para beneficiar a pacientes, familiares y profesionales.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto , Equipe de Assistência ao Paciente/estatística & dados numéricos , Garantia da Qualidade dos Cuidados de Saúde/normas , Assistência Centrada no Paciente/normas , Segurança do Paciente/normas , Fatores de Tempo , Brasil , Cultura Organizacional , Inquéritos e Questionários/estatística & dados numéricos
10.
Burns ; 44(6): 1403-1416, 2018 09.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-29395400

RESUMO

AIM: To identify studies that approach immersive virtual realities and its main effects in the treatment of burn patients in the context of the scientific world of literature. METHODS: A systematic review following the steps of Cochrane. The search was conducted in eight databases between May and August 2016. RESULTS: 34 studies were analyzed, including 23 randomized clinical trials. VR was applied using three-dimensional features and video games. The findings demonstrate the association of this technology with increased enjoyment and the reduction of pain, anxiety and stress during dressing changes and also during physical rehabilitation and physiotherapy. Few side effects have been reported. CONCLUSION: VR is a complementary drug strategy that has proven beneficial results in the treatment of burn patients.


Assuntos
Ansiedade/terapia , Queimaduras/terapia , Manejo da Dor , Estresse Psicológico/terapia , Terapia de Exposição à Realidade Virtual/métodos , Ansiedade/etiologia , Ansiedade/psicologia , Bandagens , Queimaduras/complicações , Queimaduras/psicologia , Humanos , Dor/etiologia , Dor/psicologia , Modalidades de Fisioterapia , Estresse Psicológico/etiologia , Estresse Psicológico/psicologia , Realidade Virtual
11.
Cogitare enferm ; 23(4): e54247, 2018. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-984296

RESUMO

RESUMO: Objetivo: analisar a utilização de barreiras de segurança no preparo de drogas vasoativas e sedativos/analgésicos. Método: estudo quantitativo, com 204 observações durante o preparo de medicamentos em uma Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica no Hospital Pediátrico do Estado de Santa Catarina, de março de 2016 a maio de 2017. As barreiras analisadas foram: tipo de prescrição; transcrição da medicação, identificação do paciente e dados no rótulo; local de fixação; dupla checagem; preparo de infusões contínuas; interrupções. Os dados foram analisados por estatística descritiva. Resultados: as barreiras de segurança foram relacionadas à prescrição escrita (93,6%); transcrição da medicação em rótulo (87,7%); identificação do primeiro nome do paciente no rótulo (96%); dados da medicação no rótulo sem a transcrição da via de administração (99,4%); dupla checagem (34,6%); interrupções durante o preparo (52,9%). Conclusão: este estudo alerta a área sobre a necessidade da implementação de barreiras no intuito de uma prática clínica segura.


RESUMEN: Objetivo: analizar el uso de barreras de seguridaden la preparación de drogas vasoactivas y sedantes/analgésicos. Método: estudio cuantitativo, con 204 observaciones durante la preparación de medicamentos en una Unidad de Terapia Intensiva Pediátrica en el Hospital Pediátrico del Estado de Santa Catarina, de marzo de 2016 a mayo de 2017. Las barreras analizadas fueron: tipo de prescripción; transcripción de la medicación, identificación del paciente y datos en el rótulo; local de fijación; doble verificación; preparación de infusiones continuas; interrupciones. Se hizo el análisis dedatos por medio de estadística descriptiva. Resultados: se asociaronlas barreras de seguridad a la prescripción escrita (93,6%); transcripción de la medicación en rótulo (87,7%); identificación del primer nombre del paciente en el rótulo (96%); datos de la medicaciónen el rótulo sinla transcripción de la vía de administración (99,4%); doble verificación (34,6%); interrupciones durante lapreparación (52,9%). Conclusión: este estudio hace un alerta sobre la necesidad de la implementación de barreras con el objetivo de llegar a una práctica clínica segura.


ABSTRACT: Objective: to analyze the use of safety barriers in the preparation of vasoactive drugs and sedatives/analgesics. Method: quantitative study, with 204 observations during the preparation of medications in a Pediatric Intensive Care Unit in the Pediatric Hospital of the State of Santa Catarina, between March 2016 and May 2017. The barriers analyzed were: type of prescription; transcription of the medication, identification of the patient and data on the label; label attachment; double checking; preparation of continuous infusions; and interruptions. The data were analyzed using descriptive statistics. Results: the safety barriers were related to written prescription (93.6%); transcription of the medication on the label (87.7%); patient identification on the label only by the first name (96%); data relating to the medication on the label failing to include the transcription of the route of administration (99.4%); double checking (34.6%); and interruptions during the preparation (52.9%). Conclusion: this study alerts the area to the need to implement barriers so as to promote safe clinical practice.


Assuntos
Criança , Enfermagem Pediátrica , Segurança do Paciente , Administração Intravenosa , Erros de Medicação , Sistemas de Medicação no Hospital
12.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(10): 3813-3820, out.2017.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1031883

RESUMO

Objetivo: descrever o processo de comunicação na transferência entre emergência pediátrica e unidade de internação e suas implicações na segurança do paciente pediátrico. Método: estudo qualitativo, descritivo exploratório, com os dados coletados em um Hospital Universitário do Sul do Brasil, a partir de entrevista semiestruturada, com 13 profissionais. Os dados foram analisados pela técnica de Análise de Conteúdo. Resultados: evidenciaram que a passagem se dá de forma escrita, verbal o ambas. Ruídos, local inapropriado, informações incompletas e turnos, em que não há enfermeiro, são situações que podem comprometer a comunicação e a continuidade da assistência de Enfermagem segura no processo de transferência entre unidades. Conclusão: limitações do estudo estão atreladas ao fato de tratarem da realidade de apenas uma instituição e, portanto, não ser possível a generalização dos resultados. Assim, fazem-se necessárias novas pesquisas sobre a temática em diferentes realidades.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Comunicação , Criança , Cuidados de Enfermagem , Enfermagem Pediátrica , Hospitalização , Segurança do Paciente , Sistemas de Comunicação no Hospital , Transferência de Pacientes , Epidemiologia Descritiva
13.
Rev Gaucha Enferm ; 38(1): e64996, 2017 Jun 26.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-28658397

RESUMO

Objective: To describe patient safety in the perception of nursing and medical professionals of neonatal intensive care units. Method: Exploratory and descriptive study with a qualitative approach, using the instrument Hospital Survey on Patient Safety Culture for data collection. Twenty-eight nursing and medical professionals of three neonatal intensive care units in the city of Florianópolis, state of Santa Catarina, participated in the study, from 2013 to 2015. Content thematic analysis was used for data analysis. Results: The following categories emerged: perception and strategies for patient safety; risk factors that interfere with patient safety; challenges in the communication of errors associated with health care. Conclusions: Patient safety in the perception of professionals reflected the importance of safe care and the identification of risk factors in work conditions, predisposing to errors. Communication of risk situations, development of safety culture, and qualification are of utmost importance.


Assuntos
Atitude do Pessoal de Saúde , Enfermagem de Cuidados Críticos , Unidades de Terapia Intensiva Neonatal , Neonatologistas/psicologia , Enfermeiras Neonatologistas/psicologia , Assistentes de Enfermagem/psicologia , Segurança do Paciente , Gestão da Segurança , Adulto , Barreiras de Comunicação , Humanos , Comunicação Interdisciplinar , Erros Médicos/prevenção & controle , Garantia da Qualidade dos Cuidados de Saúde , Fatores de Risco , Gestão de Riscos , Inquéritos e Questionários
14.
Rev. gaúch. enferm ; 38(1): e64996, 2017.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-960776

RESUMO

RESUMO Objetivo Descrever a segurança do paciente na percepção dos profissionais de enfermagem e medicina de Unidades de Terapia Intensiva Neonatal. Método Pesquisa qualitativa descritiva exploratória na qual foi utilizado o instrumento Hospital Survey on Patient Safety Culture para a coleta de dados. Participaram da pesquisa 28 profissionais de enfermagem e medicina de três Unidades de Terapia Intensiva Neonatal de Florianópolis/Santa Catarina, no período de 2013 a 2015. Para a análise dos dados, utilizou-se a Análise Temática de Conteúdo. Resultados Emergiram as seguintes categorias: percepção e estratégias para a segurança do paciente; fatores de risco que interferem na segurança do paciente; desafios na comunicação de erros relacionados ao cuidado em saúde. Conclusões A segurança do paciente na visão dos profissionais refletiu a importância do cuidado seguro e da identificação de fatores de risco nas condições de trabalho que predispõem a erros. A comunicação de situações de risco, o desenvolvimento da cultura de segurança e a capacitação tornam-se fundamentais.


RESUMEN Objetivo Describir la seguridad del paciente desde la percepción de los profesionales de enfermería y medicina de Unidades de Cuidados Intensivos Neonatales. Método Investigación cualitativa exploratoria descriptiva, utilizando el instrumento de recolección de datos de la encuesta en el Hospital Cultura de Seguridad del Paciente. Participaron en la encuesta 28 enfermeras y médicos, en tres Unidades de Cuidados Intensivos Neonatales de Florianópolis (Santa Catarina), de 2013 a 2015. Para el análisis de datos se utilizó el análisis de contenido temático. Resultados Demostraron las siguientes categorías: percepción y estrategias para la seguridad del paciente; factores de riesgo que interfieren en la seguridad del paciente; retos en la comunicación de error es relacionados con el cuidado en salud. Conclusión La seguridad del paciente según la percepción del profesional refleja la importancia de un cuidado seguro y la identificación de los factores de riesgo en las condiciones de trabajo, lo que predispone a errores. Existía la necesidad de comunicación de situaciones de riesgo, el desarrollo de una cultura de seguridad, así como la capacitación sobre la seguridad del paciente.


ABSTRACT Objective To describe patient safety in the perception of nursing and medical professionals of neonatal intensive care units. Method Exploratory and descriptive study with a qualitative approach, using the instrument Hospital Survey on Patient Safety Culture for data collection. Twenty-eight nursing and medical professionals of three neonatal intensive care units in the city of Florianópolis, state of Santa Catarina, participated in the study, from 2013 to 2015. Content thematic analysis was used for data analysis. Results The following categories emerged: perception and strategies for patient safety; risk factors that interfere with patient safety; challenges in the communication of errors associated with health care. Conclusions Patient safety in the perception of professionals reflected the importance of safe care and the identification of risk factors in work conditions, predisposing to errors. Communication of risk situations, development of safety culture, and qualification are of utmost importance.


Assuntos
Humanos , Adulto , Atitude do Pessoal de Saúde , Unidades de Terapia Intensiva Neonatal , Gestão da Segurança , Segurança do Paciente , Enfermagem de Cuidados Críticos , Enfermeiras Neonatologistas/psicologia , Neonatologistas/psicologia , Assistentes de Enfermagem/psicologia , Garantia da Qualidade dos Cuidados de Saúde , Gestão de Riscos , Inquéritos e Questionários , Fatores de Risco , Barreiras de Comunicação , Erros Médicos/prevenção & controle , Comunicação Interdisciplinar
15.
Rev. baiana enferm ; 31(2): e17053, 2017. graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-897460

RESUMO

Objetivo identificar como a segurança do paciente é contemplada na passagem de plantão de equipes de Enfermagem em Unidades de Cuidados intensivos neonatais. Método pesquisa quantitativa, exploratório-descritiva realizada entre 2012 e 2014. Amostra constituída por 51 observações não participantes em três Unidades de Cuidados Intensivos Neonatais, mediante formulário de observação, notas de campo e gravações em áudio. Para análise de dados, utilizou-se frequência absoluta e relativa. Resultados foram verificados comportamentos não benéficos à segurança do paciente durante a passagem de plantão, como os atrasos, saídas antecipadas, conversas paralelas e não utilização de recursos tecnológicos. Conclusão existe o reconhecimento, por parte dos profissionais de Enfermagem, da importância da passagem de plantão de forma que se garanta a continuidade e a segurança das ações de cuidado instituídas. No entanto, algumas práticas mostraram-se frágeis e mudanças são necessárias para garantir segurança e nortear as práticas de cuidados realizadas.


Objetivo identificar como la seguridad del paciente es chequeada en el cambio de turno de equipos de enfermería en Unidades de Cuidados Intensivos Neonatales. Método investigación cuantitativa, exploratorio-descriptiva, efectuada entre 2012 y 2014. Muestra compuesta por 51 observaciones no participantes en tres Unidades de Cuidados Intensivos Neonatales, mediante formulario de observación, notas de campo y grabaciones en audio. Se utilizaron frecuencias absolutas y relativas para analizar los datos. Resultados se verificaron comportamientos no benéficos a la seguridad del paciente durante el cambio de turno, como retrasos, salidas tempranas, conversaciones paralelas y no utilización de recursos tecnológicos. Conclusión hay el reconocimiento, por parte de los profesionales de enfermería, de la importancia del cambio de turno de forma que se garantice la continuidad y la seguridad de las acciones de cuidado establecidas. Sin embargo, algunas prácticas se mostraron frágiles, lo que requiere cambios para garantizar seguridad y orientar las prácticas de cuidado.


Objective to identify how patient safety is contemplated in shift reporting of nursing teams in Neonatal Intensive Care Units. Method quantitative, exploratory-descriptive study conducted between 2012 and 2014. The sample consisted of 51 non-participant observations in three Neonatal Intensive Care Units using an observation form, field notes and audio recordings. Absolute and relative frequencies were used in data analysis. Results non-beneficial behaviors such as delays, early departures, parallel conversations and non-use of technological resources were observed during the shifts. Conclusion nursing professionals recognize the importance of change-of-shift reporting to ensure the continuity and the safety of care actions. However, some practices proved to be fragile and changes are necessary to ensure safety and to guide the care practices performed.

16.
Texto & contexto enferm ; 26(3): e1180016, 2017.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-904258

RESUMO

RESUMO Objetivo: compreender a influência da participação da família na segurança do paciente em unidades neonatais na perspectiva de enfermeiros. Método: estudo descritivo de abordagem qualitativa, realizado na unidade de cuidados intermediários e na unidade de cuidados intensivos Neonatais de uma maternidade pública de Belo Horizonte-MG, tendo 14 enfermeiros como participantes do estudo. Os dados foram coletados por meio de entrevistas com roteiros semiestruturados, os quais foram submetidos à análise de conteúdo temática. Resultados: os enfermeiros reconhecem a participação da família na segurança do paciente neonatal, porém demonstraram despreparo e pouca compreensão ao lidar com esse familiar no cotidiano de trabalho. Ainda apontaram o acolhimento e a orientação dos familiares como estratégias significativas para o cuidado seguro. Conclusões: acredita-se que inserir os familiares como parceiros críticos e ativos das práticas dos profissionais de saúde seja uma estratégia importante e promissora para a promoção de saúde e segurança do paciente.


RESUMEN Objetivo: comprender la influencia de la participación familiar en la seguridad del paciente en las unidades neonatales en la perspectiva de las enfermeras. Método: estudio descriptivo de enfoque cualitativo, realizado en la unidad de cuidados intermedios y neonatal intensive en una maternidad pública en Belo Horizonte-MG (Brazil), con 14 enfermeras como sujetos de investigación. Los datos fueron recolectados a través de scripts semiestructuradas y sometidos a análisis de contenido temático. Resultados: las enfermeras reconocen la participación de la familia en la seguridad del paciente neonatal, pero mostraron poca comprensión y sin preparación para hacer frente a esta familia en el trabajo diario. Mejor recepción y orientación de miembros de la familia fueron identificados como estrategia para el seguro de cuidado. Conclusiones: se cree que la combinación de la familia como socios críticos y activos en las prácticas profesionales de la salud dirigidas a la implementación de las prácticas de seguridad, es una estrategia importante y prometedora para promover la salud y la seguridad de los pacientes.


ABSTRACT Objective: to understand the influence of family involvement in patient safety in neonatal units from the perspective of nurses. Method: a descriptive qualitative study, conducted in the intermediate care unit and in the neonatal intensive care unit of a public maternity hospital in Belo Horizonte-MG (Brazil), with fourteen nurses as research participants. Data were collected through semi-structured scripts and submitted to thematic content analysis. Results: nurses recognize the family's participation in neonatal patient safety, however they have shown little understanding and unpreparedness in dealing with family in their daily work. Better reception/user embracement and orientation of family members were identified as significant strategies for safe care. Conclusion: it is believed that combining family as critical and active partners in professional health practices aimed at implementing safe practices is an important and promising strategy to promote health and patient safety.


Assuntos
Humanos , Recém-Nascido , Participação do Paciente , Família , Unidades de Terapia Intensiva Neonatal , Enfermagem Neonatal , Segurança do Paciente
17.
Rev Esc Enferm USP ; 50(5): 756-762, 2016.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-27982393

RESUMO

OBJECTIVE: To identify the patient safety culture in pediatric emergencies from the perspective of the nursing team. METHOD: A quantitative, cross-sectional survey research study with a sample composed of 75 professionals of the nursing team. Data was collected between September and November 2014 in three Pediatric Emergency units by applying the Hospital Survey on Patient Safety Culture instrument. Data were submitted to descriptive analysis. RESULTS: Strong areas for patient safety were not found, with areas identified having potential being: Expectations and actions from supervisors/management to promote patient safety and teamwork. Areas identified as critical were: Non-punitive response to error and support from hospital management for patient safety. The study found a gap between the safety culture and pediatric emergencies, but it found possibilities of transformation that will contribute to the safety of pediatric patients. CONCLUSION: Nursing professionals need to become protagonists in the process of replacing the current paradigm for a culture focused on safety. The replication of this study in other institutions is suggested in order to improve the current health care scenario. OBJETIVO: Identificar a cultura de segurança do paciente em emergências pediátricas, na perspectiva da equipe de enfermagem. MÉTODO: Pesquisa quantitativa, tipo survey transversal. Amostra composta por 75 profissionais da equipe de enfermagem. Dados coletados entre setembro e novembro de 2014, em três Emergências Pediátricas, aplicando o instrumento Hospital Survey on Patient Safety Culture. Dados submetidos à análise descritiva. RESULTADOS: Não foram encontradas áreas de força para a segurança do paciente, sendo identificadas áreas com potencial de assim se tornarem: Expectativas e ações do supervisor/chefia para promoção da segurança do paciente e Trabalho em equipe. Como área crítica identificaram-se: Resposta não punitiva ao erro e Apoio da gestão hospitalar para segurança do paciente. O estudo apontou distanciamento entre a cultura de segurança e as emergências pediátricas, porém vislumbrou possibilidades de transformação, que contribuirão para segurança do paciente pediátrico. CONCLUSÃO: Os profissionais de enfermagem precisam se tornar protagonistas no processo de substituição do atual paradigma para uma cultura focada na segurança. Sugere-se replicação deste estudo em outras instituições a fim de aprimorar o atual cenário de assistência à saúde.


Assuntos
Enfermagem em Emergência , Equipe de Enfermagem , Cultura Organizacional , Segurança do Paciente , Enfermagem Pediátrica , Estudos Transversais , Humanos , Autorrelato
18.
Rev. Esc. Enferm. USP ; 50(5): 756-762, Sept.-Oct. 2016. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-829623

RESUMO

Abstract OBJECTIVE To identify the patient safety culture in pediatric emergencies from the perspective of the nursing team. METHOD A quantitative, cross-sectional survey research study with a sample composed of 75 professionals of the nursing team. Data was collected between September and November 2014 in three Pediatric Emergency units by applying the Hospital Survey on Patient Safety Culture instrument. Data were submitted to descriptive analysis. RESULTS Strong areas for patient safety were not found, with areas identified having potential being: Expectations and actions from supervisors/management to promote patient safety and teamwork. Areas identified as critical were: Non-punitive response to error and support from hospital management for patient safety. The study found a gap between the safety culture and pediatric emergencies, but it found possibilities of transformation that will contribute to the safety of pediatric patients. CONCLUSION Nursing professionals need to become protagonists in the process of replacing the current paradigm for a culture focused on safety. The replication of this study in other institutions is suggested in order to improve the current health care scenario.


Resumen OBJETIVO Identificar la cultura de seguridad del paciente en urgencias pediátricas, en la perspectiva del equipo de enfermería. MÉTODO Investigación cuantitativa, tipo survey transversal. Muestra compuesta de 75 profesionales del equipo de enfermería. Datos recolectados entre septiembre y noviembre de 2014, en tres Urgencias Pediátricas, aplicando el instrumento Hospital SurveyonPatient Safety Culture. Datos sometidos al análisis descriptivo. RESULTADOS No fueron encontradas áreas de fuerza para la seguridad del paciente, siendo identificadas áreas con potencial de convertirse así: Expectativas y acciones del supervisor/jefatura para promoción de la seguridad del paciente y Trabajo en equipo. Como área crítica se identificaron: Respuesta no punitiva al error y Apoyo de la gestión hospitalaria para seguridad del paciente. El estudio señaló alejamiento entre la cultura de seguridad y las urgencias pediátricas; sin embargo, vislumbró posibilidades de transformación que contribuirán a la seguridad del paciente pediátrico. CONCLUSIÓN Los profesionales de enfermería necesitan hacerse protagonistas en el proceso de reemplazo del actual paradigma hacia una cultura enfocada en la seguridad. Se sugiere la replicación de este estudio en otras instituciones a fin de perfeccionar el actual escenario de asistencia sanitaria.


Resumo OBJETIVO Identificar a cultura de segurança do paciente em emergências pediátricas, na perspectiva da equipe de enfermagem. MÉTODO Pesquisa quantitativa, tipo survey transversal. Amostra composta por 75 profissionais da equipe de enfermagem. Dados coletados entre setembro e novembro de 2014, em três Emergências Pediátricas, aplicando o instrumento Hospital Survey on Patient Safety Culture. Dados submetidos à análise descritiva. RESULTADOS Não foram encontradas áreas de força para a segurança do paciente, sendo identificadas áreas com potencial de assim se tornarem: Expectativas e ações do supervisor/chefia para promoção da segurança do paciente e Trabalho em equipe. Como área crítica identificaram-se: Resposta não punitiva ao erro e Apoio da gestão hospitalar para segurança do paciente. O estudo apontou distanciamento entre a cultura de segurança e as emergências pediátricas, porém vislumbrou possibilidades de transformação, que contribuirão para segurança do paciente pediátrico. CONCLUSÃO Os profissionais de enfermagem precisam se tornar protagonistas no processo de substituição do atual paradigma para uma cultura focada na segurança. Sugere-se replicação deste estudo em outras instituições a fim de aprimorar o atual cenário de assistência à saúde.


Assuntos
Humanos , Enfermagem Pediátrica , Cultura Organizacional , Enfermagem em Emergência , Segurança do Paciente , Equipe de Enfermagem , Estudos Transversais , Autorrelato
19.
Rev Gaucha Enferm ; 37(2): e58131, 2016 Jun.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-27253598

RESUMO

Objective To analyse how therapeutic play structured in a nursing care model contributes to the care of hospitalised children. Method This is a qualitative study based on convergent care research (CCR). Seven children participated in the study. Data were collected in September and October of 2014 by means of interviews with open-end questions and participant observation of therapeutic and dramatic play sessions and/or instructional play sessions based on the stages "Welcoming/Playing/Concluding" of the nursing model Care with Play. Data were analysed according to the analysis and interpretation stages of the CCR. Results The following three categories emerged: Meanings attributed by the child to hospitalisation and its influence on nursing care; Perception of the therapeutic procedures through therapeutic play, and Importance of the family in care. Final considerations It is concluded that the application of therapeutic play structured in the care model contributes to systematic and specialised nursing care.


Assuntos
Criança Hospitalizada/psicologia , Modelos de Enfermagem , Cuidados de Enfermagem/métodos , Ludoterapia , Ansiedade/prevenção & controle , Brasil , Criança , Pré-Escolar , Emoções , Feminino , Hospitais Públicos , Humanos , Infecções/psicologia , Infecções/terapia , Masculino , Comunicação não Verbal , Relações Enfermeiro-Paciente , Transtornos Respiratórios/psicologia , Transtornos Respiratórios/terapia , Estresse Psicológico/terapia
20.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 20(3): e20160073, 2016.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-953416

RESUMO

Objetivo: Descrever a perspectiva da equipe de enfermagem sobre a utilização do lúdico no cuidado à criança e ao adolescente com câncer hospitalizada. Metodologia: Pesquisa descritiva exploratória de abordagem qualitativa, realizada entre agosto de 2013 e julho de 2015, com 29 profissionais de enfermagem de uma Unidade de Internação Onco-hematológica de um Hospital Pediátrico do Sul do Brasil. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestruturadas, analisados e categorizados segundo Minayo, constituindo-se duas categorias, sendo apresentada aqui a segunda categoria denominada "no cuidar eu aproveito para brincar: tornando o hospital mais agradável". Resultados: Os profissionais relataram a vivência do lúdico no cotidiano da enfermagem, enfocando seus benefícios, dificuldades e possibilidades no cuidado. Conclusão: Salienta-se que o lúdico é uma ferramenta indispensável para o cuidado, contudo necessita de maior preparação teórica e prática para efetivá-lo e vivenciá-lo como uma estratégia de cuidado.


Objetivo: Describir la perspectiva del equipo de enfermería sobre la utilización del juego lúdico en el proceso de cuidado de niños y adolescentes hospitalizados con cáncer. Metodología: Investigación descriptiva exploratoria de abordaje cualitativo, realizada entre Agosto de 2013 y Julio de 2015 con 29 profesionales de enfermería de una Unidad de Hospitalización Onco-hematológica de un Hospital Pediátrico del Sur de Brasil. Los datos fueron recolectados por medio de entrevistas semiestructuradas, analizados y categorizados según Minayo, estableciendo dos categorías, siendo presentada aquí la segunda: "en el proceso de cuidar, yo aprovecho para jugar: tornando el hospital más agradable". Resultados: Los profesionales relataron la experiencia del lúdico en el cotidiano de la enfermería, enfocando sus beneficios, dificultades y posibilidades en el cuidado. Conclusión: Se observa el juego lúdico como herramienta indispensable para el cuidado, pero que necesita más preparación teórica y práctica para se convertir en una estrategia más efectiva.


Objective: To describe the perspective of the nursing staff on the use of playful activities in health care for children and adolescents hospitalized with cancer. Methodology: An exploratory descriptive study with a qualitative approach was performed between August 2013 and July 2015, including 29 nursing professionals from an Onco-hematology Inpatient Unit of a Pediatric Hospital in Southern Brazil. The data were collected through semi-structured interviews, analyzed and categorized according to Minayo, when two categories were formed, although only one was presented here: "When providing care, I take advantage to play, allowing the hospital environment to be more agreeable". Results: Professionals reported the experience of playful activities in routine nursing practice, focusing on their benefits, difficulties and opportunities in health care. Conclusion: Playful activities are an indispensable tool for care, but further theoretical and practical preparation is required to accomplish and experience it as a care strategy.


Assuntos
Humanos , Criança , Adolescente , Enfermagem Pediátrica , Criança Hospitalizada , Saúde da Criança , Adolescente Hospitalizado , Saúde do Adolescente , Hospitais Pediátricos , Neoplasias/prevenção & controle
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...