Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 59
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev Esc Enferm USP ; 53: e03527, 2019.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-31851280

RESUMO

OBJECTIVE: To identify the quality evaluation of Primary Healthcare services in the literature from the perspective of child caregivers through applying the PCATool, children's version. METHOD: An integrative review performed in the MEDLINE, CINAHL, LILACS, BDENF and Web of Science databases. RESULT: Seventeen (17) articles were selected. All included studies were descriptive (100%) and had evidence level IV (100%). The affiliation degree component (average = 7.72) of the longitudinality attribute, the utilization component (average = 7.14) of the first contact access attribute, and the information system component (average = 6.63) of the coordination attribute presented high average scores (≥6.6), while the other attributes and components obtained low average scores (<6.6). CONCLUSION: Although management of Primary Healthcare services has consistently applied efforts to improve their performance and quality in providing and delivering care to the population, it has been observed that problems related to the process and structure of these services still persist given that most of the attributes were poorly evaluated.

2.
Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online) ; 19(2): 491-498, Apr.-June 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1013139

RESUMO

Abstract Objectives: to analyze the temporal evolution of hospitalizations due to sensitive conditions in primary care among children under five years of age in the Brazilian Northeast region. Methods: ecological descriptive study with hospitalizations data from the Sistema de Informações Hospitalares do Sistema Único de Saúde (Hospital Information System from the Public Health System). The admissions rates on sensitive conditions in primary care between 2004 and 2013 were calculated in two age groups: children under one year old and between one and five years of age. Results: there was a reduction of hospitalization rates in the Northeast, despite the existence of fluctuations in the analyzed period. Bahia and Sergipe presented, respectively, the highest and lowest admission rates (465.14 and220.19 per 10 thousand inhabitants). It has been shown that children under one year old are more affected by sensitive diseases in primary care, presenting a total rate of 709.08 per 10 thousand inhabitants. The main causes of hospitalizations were related to the infectious gastroenteritis group and its complications with a rate of 218.76 per 10 thousand inhabitants. Conclusions: despite the decrease of hospitalizations due to sensitive conditions in primary care, the Northeast still presents high rates compared to other States, thus, evidencing the need to qualify the services offered through professionals' qualification and the inclusion of health actions for the real necessity in the community.


Resumo Objetivos: analisar a evolução temporal das internações por condições sensíveis à atenção primária entre crianças menores de cinco anos na região Nordeste brasileira. Métodos: estudo descritivo ecológico, com dados sobre as internações retirados do Sistema de Informações Hospitalares do Sistema Único de Saúde. As taxas de internações por condições sensíveis à atenção primária, entre 2004 e 2013, foram calculadas em duas faixas etárias: crianças menores de um ano e entre um e cinco anos. Resultados: houve uma redução da taxa de internações no Nordeste, apesar da existência de flutuações no período analisado. Bahia e Sergipe apresentaram, respectivamente, as maiores e menores taxas de internações (465,14 e 220,19 por 10 mil habitantes). Evidenciou-se que as crianças menores de um ano são mais acometidas por doenças sensíveis à atenção primária, apresentando uma taxa total de 709,08 por 10 mil habitantes. As principais causas de hospitalizações relacionaram-se ao grupo das gastroenterites infecciosas e suas complicações, com uma taxa de 218,76 por 10 mil habitantes. Conclusões: apesar da diminuição das hospitalizações por condições sensíveis à atenção primária, o Nordeste ainda apresenta taxas elevadas, comparado a outros estados, evidenciando-se, portanto, a necessidade de qualificar os serviços ofertados, mediante a capacitação dos profissionais e a inclusão de ações de saúde voltadas às reais necessidades da comunidade.


Assuntos
Humanos , Pré-Escolar , Criança , Atenção Primária à Saúde , Saúde da Criança , Morbidade , Hospitalização , Brasil , Epidemiologia Descritiva , Estratégia Saúde da Família , Tempo de Internação
3.
Rev Bras Enferm ; 72(1): 265-276, 2019.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-30916294

RESUMO

OBJECTIVE: to analyze the factors associated with childhood accidents at home according to the levels of the social determinants of health. METHOD: integrative review of the literature, with research in databases CINAHL, LILACS and PubMed, with the following main descriptors: child; social determinants of health; accidentes, home. We included 31 studies that related the social determinants of health and childhood accidents, in English, Portuguese and Spanish. RESULTS: the proximal determinants identified were: age and sex of children, and ethnicity. Among the intermediate determinants of health, parental behavior, related to the supervision of an adult, prevailed. Parental employment and socioeconomic status were identified as distal determinants. CONCLUSION: the age and sex of the child, besides direct supervision, were the determinants most associated with accidents. The distal determinants should be better studied because their relation with the occurrence of domestic accidents has not been sufficiently clarified.


Assuntos
Acidentes Domésticos , Determinantes Sociais da Saúde/normas , Humanos , Poder Familiar/etnologia , Grupos Populacionais/etnologia , Determinantes Sociais da Saúde/etnologia , Fatores Socioeconômicos
4.
Rev. bras. enferm ; 72(1): 265-276, Jan.-Feb. 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-990638

RESUMO

ABSTRACT Objective: to analyze the factors associated with childhood accidents at home according to the levels of the social determinants of health. Method: integrative review of the literature, with research in databases CINAHL, LILACS and PubMed, with the following main descriptors: child; social determinants of health; accidentes, home. We included 31 studies that related the social determinants of health and childhood accidents, in English, Portuguese and Spanish. Results: the proximal determinants identified were: age and sex of children, and ethnicity. Among the intermediate determinants of health, parental behavior, related to the supervision of an adult, prevailed. Parental employment and socioeconomic status were identified as distal determinants. Conclusion: the age and sex of the child, besides direct supervision, were the determinants most associated with accidents. The distal determinants should be better studied because their relation with the occurrence of domestic accidents has not been sufficiently clarified.


RESUMEN Objetivo: analizar los factores asociados a los accidentes domésticos en la infancia según los niveles de los determinantes sociales de la salud. Método: la revisión integradora de la literatura, con investigación en bases de datos CINAHL, LILACS y PubMed, con los siguientes descriptores principales: child; social determinants of health; accidentes, home. Se incluyeron 31 estudios relacionados con los determinantes sociales de la salud y accidentes domésticos en la infancia, en inglés, portugués y español. Resultados: los determinantes proximales identificados fueron: edad y sexo de los niños, y etnia. Entre los intermediarios, prevalecieron el comportamiento parental, relacionado a la supervisión de un adulto. El empleo de los padres y su situación socioeconómica fueron identificados como determinantes distales. Conclusión: la edad y el sexo de los niños, además de la supervisión directa, fueron los determinantes más asociados con los accidentes. Los determinantes distales deben ser más bien estudiados, pues su relación con la ocurrencia de los accidentes domésticos no se mostró suficientemente esclarecida.


RESUMO Objetivo: analisar os fatores associados aos acidentes domésticos na infância segundo os níveis dos determinantes sociais da saúde. Método: revisão integrativa da literatura, com pesquisa em bases de dados CINAHL, LILACS e PubMed, com os seguintes descritores principais: child; social determinants of health; accidentes, home. Foram incluídos 31 estudos que relacionaram os determinantes sociais da saúde e acidentes domésticos na infância, em inglês, português e espanhol. Resultados: os determinantes proximais identificados foram: idade e sexo das crianças, e etnia. Dentre os intermediários, prevaleceram o comportamento parental, relacionado à supervisão de um adulto. O emprego dos pais e a situação socioeconômica foram identificados como determinantes distais. Conclusão: a idade e o sexo da criança, além da supervisão direta, foram os determinantes mais associados aos acidentes. Os determinantes distais devem ser mais bem estudados, pois sua relação com a ocorrência dos acidentes domésticos não se mostrou suficientemente esclarecida.

5.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 23(2): e20180222, 2019. tab
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-989812

RESUMO

ABSTRACT Objective: to analyze the wearing of identification wristbands in newborns admitted in a public maternity hospital, regarding patient safety. Method: descriptive study, of the survey type, carried out in a reference public maternity hospital, through observations and interviews. Two hundred and sixty newborns were included. Results: 15.4% of the newborns had no identification wristbands, and 18% of the wristbands had data that did not match with the medical records. 90.9% of the wristbands were easily accessible for checking; however, in 80.9% of the cases, the wristband was not checked before the nursing procedures, and the mother or caregiver was not instructed on wearing the wristband in 76.8% of respondents. Conclusion and implications for practice: there should be training of the nursing team and other health professionals on the placement and daily checking of wristbands, considering international protocols and recommendations regarding patient safety.


RESUMEN Objetivo: analizar el uso de las pulseras de identificación en recién nacidos internados en una maternidad pública con relación a la seguridad del paciente. Método: estudio descriptivo, del tipo survey, realizado en una maternidad pública de referencia, por medio de observaciones y entrevistas. Se incluyeron 260 recién nacidos. Resultados: se evidenció que el 15,4% de los recién nacidos estaban sin pulseras de identificación y el 18% de las pulseras tenían datos que no conferían con los del prontuario. Se verificó que el 90,9% de las pulseras estaban de fácil acceso para chequeo, pero en el 80,9% de los casos, la pulsera no fue chequeada antes de los procedimientos de enfermería, y la madre o responsable no fueron orientados acerca del uso de la pulsera en el 76,8% de los entrevistados. Conclusión e implicaciones para la práctica: el equipo de enfermería y los demás profesionales de la Salud deben ser capacitados institucionalmente en cuanto a la colocación y chequeo diario de las pulseras, teniendo en cuenta los protocolos y las recomendaciones internacionales respecto a la seguridad del paciente.


RESUMO Objetivo: analisar o uso de pulseiras de identificação em recém-nascidos internados em uma maternidade pública com relação à segurança do paciente. Método: estudo descritivo, do tipo survey, realizado em uma maternidade pública de referência, por meio de observações e entrevistas. Incluíram-se 260 recém-nascidos. Resultados: evidenciou-se que 15,4% dos recém-nascidos estavam sem pulseiras de identificação e 18% das pulseiras tinham dados que não conferiam com os do prontuário. Verificou-se que 90,9% das pulseiras estavam de fácil acesso para checagem, porém, em 80,9% dos casos, a pulseira não foi checada antes dos procedimentos de enfermagem, e a mãe ou o responsável não foi orientado sobre uso da pulseira em 76,8% dos entrevistados. Conclusão e implicações para a prática: a equipe de enfermagem e os demais profissionais de saúde devem ser capacitados institucionalmente quanto à colocação e checagem diária das pulseiras, levando em consideração os protocolos e as recomendações internacionais a respeito da segurança do paciente.

6.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 11(2, n. esp): 397-403, jan. 2019. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-969528

RESUMO

Objetivo: Compreender como os pais promovem o desenvolvimento infantil às crianças menores de cinco anos no contexto familiar, estabelecendo cuidados de enfermagem à luz da teoria de Madeleine Leininger. Métodos: Estudo de natureza descritiva exploratória, qualitativa, desenvolvida com mães ou pais de crianças menores de cinco anos de idade, cadastradas na estratégia Saúde da Família de Picos ­ Piauí. A investigação cumpriu os princípios éticos da Resolução nº 466/12. Resultados: Os pais como os primeiros educadores a ter contato com o universo infantil, demonstraram preocupação no cuidado com o processo de desenvolvimento motor, da linguagem e mental, destaca-se a necessidade de orientações seguras dos profissionais enfermeiros, respeitando sua contribuição cultural. Conclusão: Percebe-se que dever ser mais explorado pelos enfermeiros o desempenho esperado para cada idade da criança no que se refere aos marcos do desenvolvimento infantil, respeitando o cuidado cultural dos genitores


Objective: The study's purpose has been to further understand how parents promote child development in children below five years old upon the family context, then establishing the nursing care according to the Madeleine Leininger's Theory. Methods: It is a descriptive-exploratory study with a qualitative approach that was carried out with parents of children below five years old, who were registered in a healthcare service from Picos city, Piauí State, Brazil. The research complied with the ethical principles of the Resolution No. 466/12. Results: The parents, who are the first educators having contact with the children's universe, showed a concern regarding the motor development care, also language and mental development process. It is emphasized the need for a safe guidance by the nursing professionals, and also respecting their cultural contribution. Conclusion: Nurses are expected to explore even more the probable performance according to each child's age and considering the child development stage, moreover, respecting the cultural care provided by their parents


Objetivo: Comprender cómo los padres promueven el desarrollo infantil para niños menores de cinco años en el contexto familiar, el establecimiento de cuidados de enfermería a la luz de la teoría de Madeleine Leininger. Métodos: Estudio descriptivo, exploratorio cualitativo, desarrollado con madres o padres de niños menores de cinco años de edad, inscritos en los picos de la familia de la Estrategia de Salud - Piauí. La investigación cumplió con los principios éticos de la Resolución N ° 466/12. Resultados: Los padres como los primeros educadores que tienen contacto con el universo del niño, expresado preocupación en el cuidado del proceso de desarrollo de la motricidad, el lenguaje y mental, existe la necesidad de una guía segura de las enfermeras, respetando su aporte cultural. Conclusión: Es evidente que debería estudiarse más a fondo por las enfermeras rendimiento esperado para cada edad del niño en relación con los hitos del desarrollo del niño, respetando el cuidado cultural de los padres


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pré-Escolar , Adulto , Desenvolvimento Infantil , Cuidados de Enfermagem , Enfermagem Pediátrica , Promoção da Saúde
7.
rev. cuid. (Bucaramanga. 2010) ; 9(3): 2413-2422, sep.-dic. 2018.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-979568

RESUMO

Resumo Introdução Em meio à vivência das mães em unidades que adotam o Método Canguru, a equipe de enfermagem tem presença constante e pode desempenhar um grande papel no alívio da tensão e dos sentimentos negativos oriundos da internação do recém-nascido. Objetivo Compreender sentimentos das mães percebidos pelos profissionais de enfermagem de uma Unidade de Cuidados Intermediários Canguru, e conhecer as estratégias utilizadas por esses profissionais como medidas de suporte à mãe. Materiais e Métodos Pesquisa qualitativa, realizada em uma Unidade de Cuidado Intermediário Neonatal Canguru. A coleta ocorreu de abril a julho de 2016 e foi realizada por meio de entrevistas. Os dados foram analisados por meio da análise de conteúdo. Resultados Foi possível vislumbrar duas categorias: "Sentimentos das mães percebidos pelos profissionais de enfermagem de uma unidade de método canguru" e "Estratégias utilizadas pelos profissionais de enfermagem como medida de suporte à mãe". Discussão Os sentimentos de ansiedade, insegurança e saudade manifestados pelas mães devem ser uma preocupação dos profissionais de enfermagem que devem intervir com medidas de suporte. Conclusões Os participantes perceberam que as mães podem se sentir ansiosas pela alta, inseguras em relação aos cuidados com o bebê, e com saudades das suas outras responsabilidades fora do hospital. Dentre as estratégias utilizadas por esses profissionais como medidas de suporte à mãe, foram mencionados o acolhimento, as orientações, o trabalho em equipe e a empatia.


Abstract Introduction Amidst the experience of mothers at units where Kangaroo Care Method has been adopted, the nursing team is constantly present and can have a significant role in the reduction of tension and negative feelings generated when newborns are hospitalized. Objective To understand the feelings of mothers that are perceived by the nursing professionals of a Kangaroo Intermediate Care Unit and to know the strategies used by these professionals to support mothers. Materials and Methods A qualitative research was conducted in a Neonatal Kangaroo Intermediate Care Unit. Data collection was carried out from April to July 2016 through interviews. The data was analyzed through content analysis. Results It was possible to find two categories: "Mother feelings that are perceived by the nursing professionals of a unit of kangaroo care method" and "Strategies used by nursing professionals to support mothers". Discussion Feelings of anxiety, uncertainty, and nostalgia expressed by mothers are a source of concern for nursing professionals and should, therefore, be addressed through support strategies. Conclusions The participants perceived that mothers might have feelings of anxiety, uncertainty about the care they should give their baby, and nostalgia for their other responsibilities outside the hospital. Among the strategies used by these professionals as support measures for mothers, reception, guidance, teamwork, and empathy were mentioned.


Resumen Introducción En medio de la experiencia de las madres en unidades que adoptan el Método Canguro, el equipo de enfermería está presente constantemente y puede desempeñar un importante papel en la reducción de la tensión y los sentimientos negativos que se generan cuando el recién nacido está hospitalizado. Objetivo Comprender los sentimientos de las madres que son percibidos por los profesionales de la enfermería de una Unidad de Cuidados Intermedios Canguro, y conocer las estrategias que utilizan esos profesionales para apoyar a la madre. Materiales y Métodos Investigación cualitativa que fue realizada en una Unidad de Cuidados Intermedios Neonatales Canguro. La recolección de datos se hizo desde abril hasta julio de 2016 por medio de entrevistas. Los datos fueron analizados a través del análisis de contenido. Resultados Fue posible encontrar dos categorías: "Los sentimientos de las madres que son percibidos por los profesionales de enfermería de una unidad de método canguro" y 'Estrategias utilizadas por los profesionales de enfermería para apoyar a la madre". Discusión Los sentimientos de ansiedad, inseguridad y nostalgia que manifiestan las madres generan preocupación en los profesionales de enfermería, razón por la cual deben aplicar estrategias de apoyo. Conclusiones Los participantes percibieron que las madres pueden sentirse muy ansiosas, inseguras en relación con los cuidados que deben darle al bebé, y tener nostalgia de las otras responsabilidades que tienen fuera del hospital. Entre las estrategias utilizadas por estos profesionales como medidas de apoyo a la madre, se mencionó la recepción, las orientaciones, el trabajo en equipo y la empatía.

8.
Enferm. actual Costa Rica (Online) ; (34): 26-37, Jan.-Jun. 2018. tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-891491

RESUMO

Resumo 21. O objetivo desta investigação foi descrever a ocorrência da mortalidade infantil, segundo causas evitáveis. Métodos: Trata-se de um estudo transversal, retrospectivo, realizado com dados sobre a mortalidade infantil no período de 2008 a 2014, em Teresina-PI. A população foi constituída por dados secundários disponíveis no site do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde. Realizou-se a análise estatística descritiva, com distribuição de frequência absoluta e relativa. Do total de óbitos infantis registrados em Teresina-PI, a maioria, 1.108 (71,8%), foi classificada como evitável. Dentre esses óbitos, grande parte poderia ser evitável por meio de ações de saúde mais efetivas durante a atenção à mulher na gestação (56,8%), à mulher no parto (16,8%) e a assistência ao recém-nascido (13,4%). Conclusão: Apesar da diminuição da taxa de mortalidade no período estudado, os percentuais ainda encontram-se elevados, principalmente no que tange às mortes por causas evitáveis.


Resumen 25. El objetivo de esta investigación fue describir la incidencia de mortalidad infantil, de acuerdo con causas previsibles. Métodos: Se trata de un estudio transversal retrospectivo con datos sobre la mortalidad entre 2008 y 2014 en Teresina-PI. La población fue constituida por datos secundarios disponibles en el sitio web del Departamento de Información del Sistema de Salud. Se realizó un análisis estadístico descriptivo, con la distribución de frecuencia absoluta y relativa. Del total de las muertes infantiles registradas en Teresina-PI, la mayoría, 1.108 (71,8%) se clasificaron como evitables. Entre estas muertes, tanto podrían ser previsibles a través de acciones de salud más eficaces durante la atención a mujeres embarazadas (56,8%), la mujer en el parto (16,8%) y la asistencia al recién nacido (13,4%). Se concluye que a pesar de la disminución de la tasa de mortalidad durante el período de estudio, los porcentajes todavía son altos, especialmente en relación con muertes por causas evitables.


Abstract 29. The aim of this research was describe the occurrence of infant mortality according to preventable causes. Methods: This is a cross-sectional, retrospective, quantitative study conducted with data on infant mortality from 2008 to 2014 in Teresina-PI. The study population consisted of secondary data available on the website of the Department of Informatics of the Unified Health System. Descriptive statistical analysis was performed, with absolute and relative frequency distribution. Of the total number of infant deaths recorded in Teresina-PI, a majority of 1,108 (71.8%) were classified as preventable, 428 (27.7%) were not clearly avoidable, and eight (0.5%) were considered As an ill-defined cause. It was also identified that a large part of preventable infant deaths could be avoided if more effective health actions were performed during care for women during pregnancy (56.8%), women at childbirth (16.8%) and Care (13.4%). Conclusion: Despite the decrease in the mortality rate in the period studied, the percentages are still high, especially with regard to deaths from preventable causes.


Assuntos
Recém-Nascido , Lactente , Pré-Escolar , Brasil , Mortalidade Infantil , Enfermagem Materno-Infantil
9.
Enferm. glob ; 17(49): 448-457, ene. 2018. tab, graf
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-169845

RESUMO

Objetivo: Analizar la mortalidad infantil en el estado de Piauí, en el período 2004-2014. Métodos: Estudio epidemiológico, descriptivo, utilizando datos secundarios extraídos de DATASUS, donde la población se compone de todos las óbitos infantiles de madres que viven en Piauí, en el período 2004-2014. Resultados: A pesar de las fluctuaciones, se produjo una disminución en la tasa de mortalidad infantil y sus componentes, neonatal y la mortalidad post-neonatal. Por otra parte, la mayoría de las muertes podrían minimizarse a través de acciones dirigidas a las mujeres durante el embarazo y el parto y el cuidado del recién nacido. Conclusión: Se ha demostrado que existe una necesidad de mejora en la atención a la salud maternoinfantil en Piauí para que la mortalidad infantil alcance niveles de las regiones del mundo más desarrolladas (AU)


Objetivo: Analisar a mortalidade infantil no Estado do Piauí, no período de 2004-2014. Métodos: Estudo epidemiológico, descritivo, com dados secundários extraídos do DATASUS, em que a população foi composta por todos os óbitos infantis de mães residentes no Piauí, no período de 2004-2014. Resultados: Apesar das flutuações, houve declínio no coeficiente de mortalidade infantil e nos seus componentes, neonatal e pós-neonatal. Ademais, a maioria dos óbitos poderia ser minimizada através de ações voltadas à mulher no ciclo gravídico-puerperal e ao recém-nascido. Conclusão: Evidenciou-se que existe a necessidade de melhoria na atenção à saúde materno-infantil no Piauí para que a mortalidade infantil atinja níveis de regiões mundiais mais desenvolvidas (AU)


Objective: To analyze infant mortality in the State of Piauí, during the period 2004-2014. Methods: Epidemiological, descriptive study with secondary data extracted from DATASUS, in which the population was composed of all infant deaths of mothers residing in Piauí, in the period 2004-2014. Results: Despite the fluctuations, there was a decline in the infant mortality coefficient and its components, neonatal and post-neonatal. In addition, most deaths could be minimized through actions directed at women in the pregnancy-puerperal cycle and the newborn. Conclusion: It has been shown that there is a need for improvement in maternal and child health care in Piauí so that infant mortality reaches the levels of more developed world regions (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recém-Nascido , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Mortalidade Infantil/tendências , Mortalidade da Criança/tendências , Mortalidade Perinatal/tendências , Enfermagem Materno-Infantil/métodos , Brasil/epidemiologia , Fatores de Risco
10.
Rev Rene (Online) ; 19: e3478, jan. - dez. 2018.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-946632

RESUMO

Objetivo: analisar as fontes estressoras em pacientes de unidade de terapia intensiva neonatal. Métodos: estudo transversal, desenvolvido em maternidade pública de referência, com 60 profissionais de enfermagem que prestaram cuidados aos 24 recém-nascidos internados. Para coleta de dados, foi utilizado questionário sociodemográfico e Escala de Estressores em Unidades de Terapia Intensiva, esta para identificação dos fatores estressores. Foi adotado valor de p<0,05 para os testes. Resultados: do total de profissionais, 18 (30,0%) eram enfermeiros. A maior parte dos recém-nascidos era prematuro-moderado, com tempo de internação entre oito e 15 dias. Ser furado por agulhas foi o fator de maior estresse e silenciar alarmes a principal ação mencionada como estratégia de redução de fatores estressores. Conclusão: as 15 fontes estressoras avaliadas apresentaram escores médios elevados, mostrando que a unidade de terapia intensiva neonatal se configura como ambiente que varia entre estressante e muito estressante para recém-nascidos. (AU)


Assuntos
Humanos , Recém-Nascido , Recém-Nascido , Unidades de Terapia Intensiva Neonatal , Iluminação , Ruído , Estresse Mecânico
11.
REME rev. min. enferm ; 22: e-1108, 2018.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-908580

RESUMO

Reflexão teórica na qual se buscou refletir sobre as demandas e responsabilidades da sociedade e do poder público frente aos altos índices de acidentes de trânsito envolvendo idosos. Percebeu-se que, para a melhor compreensão desse agravo, é preciso necessário que sejam repensadas as transformações inerentes ao processo de envelhecimento e suas influências no indivíduo como pedestre e/ou condutor, bem como a infraestrutura e a logística de trânsito capazes de agravar ou minimizar a vulnerabilidade desse grupo aos acidentes. A sociedade civil e o poder público são responsáveis pela garantia da saúde e da segurança da população, com destaque para os idosos, especialmente em relação à sua mobilidade. Nesse sentido, fazem-se necessários o planejamento e a execução de obras de acessibilidade que respeitem as particularidades da pessoa idosa, bem como a fiscalização e penalização das infrações por parte do poder público. A sociedade civil, por sua vez, tem como grande responsabilidade assumir e cumprir com o papel social na construção de um trânsito sem violência e mais seguro para as pessoas idosas.(AU)


Assuntos
Humanos , Idoso , Acidentes de Trânsito , Saúde do Idoso , Educação da População , Fatores de Risco , Responsabilidade Social
12.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 22(4): e20180149, 2018.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-975216

RESUMO

Objective: To know the main care procedures of the nursing team in the second stage of the Kangaroo Care Method that contribute to the hospital discharge of the newborn and the continuation of home care, and to prepare an explanatory brochure to guide professionals in the management of hospital discharge. Method: Qualitative, convergent care study, carried out with 17 nursing professionals from a reference maternity hospital. Data were collected through semi-structured interviews and focus groups and analyzed through content analysis. Results: There were relevant concerns about the use of kangaroo position, about the skin-to-skin care and hygiene of the newborn, and about respiratory changes as a warning sign for intervention. A brochure was developed to showcase the essential care provided by the nursing professionals - its goal is the proper continuation of health care of premature or underweight babies. Conclusion and implications for the practice: Nursing teams can contribute to the clinical stability of the newborn in the second stage of the Kangaroo-Mother Care Method and elaborate educational interventions that guarantee the continuation of care.


Objetivo: Conocer los principales cuidados del equipo de enfermería en la segunda etapa del Método Madre-Canguro que contribuyen al alta hospitalaria del recién nacido y para la continuidad del cuidado en el domicilio y elaborar un folleto explicativo para guiar a los profesionales en el manejo del alta hospitalaria. Método: Estudio cualitativo, convergente asistencial, realizado con 17 profesionales de enfermería de una maternidad de referencia. Los datos fueron recolectados por medio de entrevistas semiestructuradas y grupos focales y analizados a través del análisis temático. Resultados: Relataron los aspectos relacionados con la Posición Canguro; el cuidado de la piel e higiene del recién nacido; y las alteraciones respiratorias como señales de alerta. Se elaboró un folleto que contempló los cuidados enumerados por los profesionales de enfermería esenciales para la continuidad de la asistencia a la salud del bebé que nació prematuro y con bajo peso. Conclusión e implicaciones para la práctica: Pueden contribuir a la estabilidad clínica del recién nacido en la segunda etapa del Método Madre-Canguro y elaborar intervenciones educativas que garantizan la continuidad del cuidado.


Objetivo: Conhecer os principais cuidados da equipe de enfermagem na segunda etapa do Método Canguru que contribuem para a alta hospitalar do recém-nascido e para continuidade do cuidado no domicílio e elaborar um folder explicativo para guiar os profissionais no manejo da alta hospitalar. Método: Estudo qualitativo, convergente assistencial, realizado com 17 profissionais de enfermagem de uma maternidade de referência. Os dados foram coletados através de entrevistas semiestruturadas e Grupos Focais e analisados por meio da análise de conteúdo. Resultados: Relataram os aspectos relacionados à Posição Canguru; os cuidados com a pele e higiene do recém-nascido; e as alterações respiratórias como sinal de alerta. Elaborou-se um folder que contemplou os cuidados elencados pelos profissionais de enfermagem fundamentais o manejo da alta. Conclusão e implicações para a prática: Podem contribuir para estabilidade clínica do recém-nascido na segunda etapa do Método Canguru e elaborar intervenções educativas que garantem a continuidade do cuidado.


Assuntos
Humanos , Feminino , Recém-Nascido , Alta do Paciente , Recém-Nascido , Enfermagem Neonatal , Método Canguru
13.
Av. enferm ; 35(3): 284-292, sep.-dic. 2017.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-888419

RESUMO

Resumo Objetivo: Conhecer a vivência de mães na conciliação entre aleitamento materno e estudos universitários. Metodologia: Estudo descritivo e qualitativo, no qual foram incluídas oito estudantes de uma instituição de ensino superior do município de Floriano, Piauí, Brasil. Como técnica para produção de dados, utilizou-se a entrevista semiestruturada. Os dados foram analisados por meio da análise de conteúdo de Bardin. Resultados: Com base na análise dos dados, emergiram três categorias: Os desafios para aleitar diante do retorno às atividades acadêmicas; A necessidade de apoio familiar na experiência do aleitamento materno; e As estratégias utilizadas pelas mães para alimentação da criança no retorno às atividades acadêmicas. Os desafios na experiência do aleitamento materno envolveram carga horária excessiva e horários rígidos para o desenvolvimento das atividades acadêmicas, além da falta de um ambiente adequado para realização do aleitamento materno na instituição de ensino. Em relação à necessidade de apoio familiar, as mães universitárias relataram que foi insuficiente na experiência de conciliar o aleitamento materno com a vida acadêmica. No que diz respeito às estratégias das mães no retorno às atividades acadêmicas para alimentação da criança identificaram-se ordenha manual; introdução de leite industrializado; inserção da alimentação complementar; e a interrupção do aleitamento de acordo com a atitude da criança. Conclusão: A experiência do aleitamento materno foi percebida pelas mães universitárias como desafios e descrita com estratégias e técnicas que visam à sua manutenção.


Resumen Objetivo: Comprender la experiencia de las madres en la conciliación entre la lactancia materna y los estudios universitarios. Metodología: Estudio descriptivo y cualitativo, en el cual se incluyeron ocho estudiantes de una institución de educación superior del municipio de Floriano, Piauí, Brasil. Para la recolección de datos, se utilizó una entrevista semiestructurada. Los datos fueron analizados por medio de la técnica de análisis de contenido de Bardin. Resultados: Con base en el análisis de los datos, surgieron tres categorías: Los desafíos para amamantar frente al retorno a las actividades académicas; La necesidad de apoyo familiar en la experiencia de la lactancia materna; y Las estrategias utilizadas por las madres para la alimentación del niño en el retorno a las actividades académicas. Los desafíos en la experiencia de la lactancia materna involucraron una carga horaria excesiva y horarios rígidos para el desarrollo de las actividades académicas, además de la falta de un ambiente adecuado para llevar a cabo la lactancia materna en la institución educativa. En cuanto a la necesidad del apoyo familiar, las madres universitarias informaron que ésta fue insuficiente en la experiencia de conciliar la lactancia materna con la vida académica. Respecto a las estrategias de las madres en el retorno a las actividades académicas para la alimentación del niño, se identificaron: la extracción manual de leche materna, el uso de leche industrializada, la inclusión de alimentación complementaria y la interrupción de la lactancia según la actitud del niño. Conclusión: Las madres universitarias percibieron la experiencia de la lactancia materna como un desafío y la describieron con estrategias y técnicas que apuntan a mantenerla.


Abstract Objective: To understand the experience of mothers in agreement between breastfeeding and university studies. Methodology: This is a qualitative, descriptive study, including eight undergraduate students from higher educational institution of Floriano municipality, Piauí, Brazil. For data collection, a semi-structured interview was used. Data were analyzed using the Bardin content analysis. Results: On the basis of data analysis resulting from interviewees' responses, emerged the following three categories: The challenges for breastfeeding against return to academic activities; The need for family support in the experience of breastfeeding; and The strategies used by mothers for breastfeeding in return to academic activities. Challenges in the experience of breastfeeding involved an excessive class load and an inflexible class schedules for developing academic activities, in addition to the absence of appropriate environment to carry out the breastfeeding in the educational institution. With regard to the need for family support, the student mothers reported that it was deficient in the experience in reconciling breastfeeding and academic life. In respect of mother's strategies to return to academic activities for infant feeding, the following strategies were highlighted: breast milk hand expression, use of infant formula, complementary feeding, and lactation suppression according to child's attitude. Conclusion: Student mothers perceived the experience of breastfeeding as a challenge and they described it with strategies and techniques in order to maintain it.

14.
rev. cuid. (Bucaramanga. 2010) ; 8(3): 1767-1776, sep.-dic. 2017. tab, ilus
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-963415

RESUMO

INTRODUÇÃO: A mortalidade neonatal representa mais de 70% da mortalidade no primeiro ano de vida. Este estudo teve como objetivo analisar a mortalidade neonatal em Teresina-PI, no período de 2010 a 2015. MATERIAIS E MÉTODOS: Estudo descritivo, de corte transversal, com dados secundários, em que a população foi composta por dados referentes à mortalidade neonatal na cidade de Teresina-PI, no período entre 2010 e 2015. RESULTADOS: Houve declínio de 13,1% no Coeficiente de Mortalidade Neonatal durante o período. Predominaram, no estudo, mães com idade no intervalo entre 20 e 29 anos e com escolaridade entre oito e 11 anos de estudo. A maioria dos recém-nascidos que foi a óbito apresentou baixo peso ao nascer e prematuridade. A evitabilidade predominou nos óbitos neonatais, os quais poderiam ser evitados com adequada atenção à mulher na gestação. DISCUSSÃO: A assistência materno-infantil possui fragilidades que necessitam ser sanadas, pois os óbitos neonatais precoces possuem relação com a qualidade da assistência pré-natal e neonatal durante o parto. CONCLUSÕES: Apesar do declínio da mortalidade neonatal, ainda ocorrem muitos óbitos neonatais, sobretudo, na primeira semana de vida, os quais estão relacionados, principalmente, às fragilidades na atenção à saúde materno-infantil.


INTRODUCTION: Neonatal mortality represents more than 70% of mortality during the first year of life. This study sought to analyze neonatal mortality in Teresina-PI, from 2010 to 2015. MATERIALS AND METHODS: This was a descriptive, cross-sectional study, with secondary data in which the population was comprised of data referring to neonatal mortality in the city of Teresina-PI, between 2010 and 2015. RESULTS: A 13.1% decline was noted in the neonatal mortality coefficient during the period. In the study, mothers between 20 and 29 years of age prevailed with education between 8 and 11 years. The majority of the newborns who died had low birth weight and were premature. Avoidability prevailed in neonatal deaths, which could be avoided with adequate care to women during pregnancy. DISCUSSION: Maternal and infant care has weaknesses that need to be remedied, given that early neonatal deaths are related to the quality of prenatal and neonatal care during childbirth. CONCLUSIONS: Despite the decline in neonatal mortality, many neonatal deaths still occur, especially during the first week of life, which are mainly related to weaknesses in maternal and infant health care.


INTRODUCCIÓN: La mortalidad neonatal representa más del 70% de la mortalidad en el primer año de vida. Este estudio tuvo como objetivo analizar la mortalidad neonatal en Teresina-PI, en el período de 2010 a 2015. MATERIALES Y MÉTODOS: Estudio descriptivo, de corte transversal, con datos secundarios, donde la población fue compuesta por datos referentes a la mortalidad neonatal en la ciudad de Teresina-PI, en el período entre 2010 y 2015. RESULTADOS: Hubo declive del 13,1% en el Coeficiente de Mortalidad Neonatal durante el período. En el estudio, predominaron madres con edad en el intervalo entre 20 y 29 años y con escolaridad entre ocho y 11 años de estudio. La mayoría de los recién nacidos que fue a muerte, presentaron bajo peso al nacer y prematuridad. La evitabilidad predominó en las muertes neonatales, que podrían ser evitadas con adecuada atención a la mujer en la gestación. DISCUSIÓN: La asistencia materno-infantil tiene fragilidades que necesitan ser mejoradas, pues las muertes neonatales precoces poseen relación con la calidad de la asistencia prenatal y neonatal durante el parto. CONCLUSIONES: A pesar del declive de la mortalidad neonatal, aún ocurren muchas muertes neonatales, sobre todo, en la primera semana de vida, las cuales están relacionadas, principalmente con las fragilidades en la atención a la salud materno-infantil.


Assuntos
Humanos , Mortalidade Infantil , Saúde da Criança , Epidemiologia , Enfermagem Materno-Infantil
15.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 9(3): 641-647, jul.-set. 2017. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-982946

RESUMO

Objective: To describe the epidemiological profile of Diabetes Mellitus in Piauí State, in the Northeastern region of Brazil, between 2002 and 2012. Methods: An epidemiological study, with retrospective collection. Secondary data were used from Hiperdia, system available in the Datasus. Results: There were recorded 8551 cases, of which 75.4% of type 2 and 24.6% of type 1. In all the years of the study, the largest number of cases occurred in the age group of 40 to 59 years old, both the type 1 and type 2. The female gender was the most affected by the disease (60.37%). From the associated comorbidities, the one that presented a higher frequency was kidney disease both in patients with DM type 1 (3.4%), as in patients with type 2 DM (2.2%). Conclusion: The knowledge of the epidemiological profile is essential for the development of more effective health actions geared to the reality of DM in Piauí State, in the Northeast of Brazil.


Objetivo: Descrever o perfil epidemiológico do Diabetes Mellitus no estado do Piauí, Brasil, entre 2002 e 2012. Métodos: Estudo epidemiológico, com coleta retrospectiva. Foram utilizados dados secundários do Sistema Hiperdia, disponíveis no Datasus. Resultados: Foram registrados 8.551 casos, dos quais, 75,4% do tipo 2 e 24,6% do tipo 1. Em todos os anos do estudo, o maior número de casos ocorreu na faixa etária de 40 a 59 anos, tanto no tipo 1 quanto no tipo 2. O sexo feminino foi o mais acometido pela doença (60,37%). Das comorbidades associadas, a que apresentou maior frequência foi a doença renal tanto em pacientes com DM tipo 1 (3,4%), quanto em pacientes com DM tipo 2 (2,2%). Conclusão: O conhecimento do perfil epidemiológico é essencial para o desenvolvimento de ações de saúde mais efetivas e voltadas à realidade do DM no estado do Piauí.


Objetivo: Describir el perfil epidemiológico de la Diabetes Mellitus en el estado de Piauí, Brasil, entre 2002 y 2012. Métodos: Un estudio epidemiológico con la colección retrospectiva. Se utilizaron el sistema de datos disponibles en Hiperdia, lado Datasus. Resultados: Se registraron 8.551 casos, de los cuales 75,4% del tipo 2 y el 24,6% tipo 1. En todos los años de estudio, el mayor número de casos se produjo en el grupo de edad 40-59 años, tanto en tipo 1 y tipo 2. La hembra fue el más afectada por la enfermedad (60,37%). De las comorbilidades asociadas, la que presentó una frecuencia más alta era tanto la enfermedad renal en pacientes con DM tipo 1 (3,4%) y en pacientes con diabetes tipo 2 (2.2%). Conclusión: El conocimiento del perfil epidemiológico es esencial para el desarrollo de acciones de salud más eficaces y dirigidas a la realidad de DM en el estado de Piauí.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Criança , Adolescente , Adulto Jovem , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Complicações do Diabetes/epidemiologia , Diabetes Mellitus/epidemiologia , Perfil de Saúde , Brasil
16.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 9(3): 641-647, jul.-set. 2017. tab
Artigo em Inglês, Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-31110

RESUMO

Objective: To describe the epidemiological profile of Diabetes Mellitus in Piauí State, in the Northeastern region of Brazil, between 2002 and 2012. Methods: An epidemiological study, with retrospective collection. Secondary data were used from Hiperdia, system available in the Datasus. Results: There were recorded 8551 cases, of which 75.4% of type 2 and 24.6% of type 1. In all the years of the study, the largest number of cases occurred in the age group of 40 to 59 years old, both the type 1 and type 2. The female gender was the most affected by the disease (60.37%). From the associated comorbidities, the one that presented a higher frequency was kidney disease both in patients with DM type 1 (3.4%), as in patients with type 2 DM (2.2%). Conclusion: The knowledge of the epidemiological profile is essential for the development of more effective health actions geared to the reality of DM in Piauí State, in the Northeast of Brazil.(AU)


Objetivo: Descrever o perfil epidemiológico do Diabetes Mellitus no estado do Piauí, Brasil, entre 2002 e 2012. Métodos: Estudo epidemiológico, com coleta retrospectiva. Foram utilizados dados secundários do Sistema Hiperdia, disponíveis no Datasus. Resultados: Foram registrados 8.551 casos, dos quais, 75,4% do tipo 2 e 24,6% do tipo 1. Em todos os anos do estudo, o maior número de casos ocorreu na faixa etária de 40 a 59 anos, tanto no tipo 1 quanto no tipo 2. O sexo feminino foi o mais acometido pela doença (60,37%). Das comorbidades associadas, a que apresentou maior frequência foi a doença renal tanto em pacientes com DM tipo 1 (3,4%), quanto em pacientes com DM tipo 2 (2,2%). Conclusão: O conhecimento do perfil epidemiológico é essencial para o desenvolvimento de ações de saúde mais efetivas e voltadas à realidade do DM no estado do Piauí.(AU)


Objetivo: Describir el perfil epidemiológico de la Diabetes Mellitus en el estado de Piauí, Brasil, entre 2002 y 2012. Métodos: Un estudio epidemiológico con la colección retrospectiva. Se utilizaron el sistema de datos disponibles en Hiperdia, lado Datasus. Resultados: Se registraron 8.551 casos, de los cuales 75,4% del tipo 2 y el 24,6% tipo 1. En todos los años de estudio, el mayor número de casos se produjo en el grupo de edad 40-59 años, tanto en tipo 1 y tipo 2. La hembra fue el más afectada por la enfermedad (60,37%). De las comorbilidades asociadas, la que presentó una frecuencia más alta era tanto la enfermedad renal en pacientes con DM tipo 1 (3,4%) y en pacientes con diabetes tipo 2 (2.2%). Conclusión: El conocimiento del perfil epidemiológico es esencial para el desarrollo de acciones de salud más eficaces y dirigidas a la realidad de DM en el estado de Piauí.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Adolescente , Adulto Jovem , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Diabetes Mellitus/epidemiologia , Complicações do Diabetes/epidemiologia , Perfil de Saúde , Brasil
17.
Rev Gaucha Enferm ; 38(3): e2017-1, 2017.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-29641686

RESUMO

Objective To analyze the risk factors in the domestic environment for the occurrence of falls in children under five years of age. Method A cross-sectional study was conducted in May and in June of 2016 with 344 caregivers of children from Northeast Brazil. A socio-economic questionnaire and a checklist for environmental observation were used. Bivariate analyzes were performed using Pearson's Chi-square test. Results They were associated with the risk of falls in children under 5 years of age: High net (p = 0.015), presence of stairs or steps without a handrail (p=0.003), and exits and passages kept with toys, furniture, boxes or other items that may be obstructive (p=0.002). Conclusion The factors in the domestic environment identified as associated with the risk of falls in children under five years of age demonstrate that there is a need to construct prevention strategies related to the structure and organization of this environment.


Assuntos
Acidentes por Quedas/estatística & dados numéricos , Acidentes Domésticos/estatística & dados numéricos , Adulto , Fatores Etários , Brasil , Pré-Escolar , Estudos Transversais , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Medição de Risco , Fatores de Risco
18.
Rev. gaúch. enferm ; 38(3): e2017, 2017. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-901643

RESUMO

RESUMO Objetivo Analisar os fatores de risco no ambiente doméstico para a ocorrência de quedas em crianças menores de cinco anos. Método Estudo transversal realizado em maio e junho de 2016 com 344 cuidadores de crianças do Nordeste do Brasil. Utilizou-se um formulário referente às questões socioeconômicas e um check-list para observação do ambiente. Realizaram-se análises bivariadas, utilizando-se teste Qui-quadrado de Pearson. Resultados Estiveram associados ao risco de quedas em crianças menores de cinco anos: Rede alta (p=0,015), presença de escada ou degraus sem corrimão (p=0,003) e saídas e passagens mantidas com brinquedos, móveis, caixas ou outros itens que possam ser obstrutivos (p=0,002). Conclusão Os fatores no ambiente doméstico identificados como associados ao risco de quedas em crianças menores de cinco anos demonstram que existe a necessidade de construir estratégias de prevenção relacionadas à estrutura e organização desse ambiente.


RESUMEN Objetivo Analizar los factores de riesgo en el ambiente doméstico para la ocurrencia de caídas en niños menores de cinco años. Método Estudio transversal, realizado en mayo y junio de 2016 con 344 cuidadores de niños del Nordeste de Brasil. Se utilizó un formulario referente a las cuestiones socioeconómicas y un check-list para observación del ambiente. Se realizaron análisis bivariados, utilizando la prueba Chi-cuadrado de Pearson. Resultados Se han asociado al riesgo de caídas en niños menores de cinco años: Red alta (p=0,015), presencia de escalera o escalones sin barandilla (p=0,003) y salidas y pasajes mantenidos con juguetes, muebles, cajas u otros elementos que puedan ser obstructivos (p=0,002). Conclusion Los factores en el ambiente doméstico identificados como asociados al riesgo de caídas en niños menores de cinco años demuestran que existe la necesidad de construir estrategias de prevención relacionadas a la estructura y organización de ese ambiente.


ABSTRACT Objective To analyze the risk factors in the domestic environment for the occurrence of falls in children under five years of age. Method A cross-sectional study was conducted in May and in June of 2016 with 344 caregivers of children from Northeast Brazil. A socio-economic questionnaire and a checklist for environmental observation were used. Bivariate analyzes were performed using Pearson's Chi-square test. Results They were associated with the risk of falls in children under 5 years of age: High net (p = 0.015), presence of stairs or steps without a handrail (p=0.003), and exits and passages kept with toys, furniture, boxes or other items that may be obstructive (p=0.002). Conclusion The factors in the domestic environment identified as associated with the risk of falls in children under five years of age demonstrate that there is a need to construct prevention strategies related to the structure and organization of this environment.

19.
Rev. gaúch. enferm ; 38(3): e2017, 2017. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-901669

RESUMO

RESUMO Objetivo Analisar os fatores de risco no ambiente doméstico para a ocorrência de quedas em crianças menores de cinco anos. Método Estudo transversal realizado em maio e junho de 2016 com 344 cuidadores de crianças do Nordeste do Brasil. Utilizou-se um formulário referente às questões socioeconômicas e um check-list para observação do ambiente. Realizaram-se análises bivariadas, utilizando-se teste Qui-quadrado de Pearson. Resultados Estiveram associados ao risco de quedas em crianças menores de cinco anos: Rede alta (p=0,015), presença de escada ou degraus sem corrimão (p=0,003) e saídas e passagens mantidas com brinquedos, móveis, caixas ou outros itens que possam ser obstrutivos (p=0,002). Conclusão Os fatores no ambiente doméstico identificados como associados ao risco de quedas em crianças menores de cinco anos demonstram que existe a necessidade de construir estratégias de prevenção relacionadas à estrutura e organização desse ambiente.


RESUMEN Objetivo Analizar los factores de riesgo en el ambiente doméstico para la ocurrencia de caídas en niños menores de cinco años. Método Estudio transversal, realizado en mayo y junio de 2016 con 344 cuidadores de niños del Nordeste de Brasil. Se utilizó un formulario referente a las cuestiones socioeconómicas y un check-list para observación del ambiente. Se realizaron análisis bivariados, utilizando la prueba Chi-cuadrado de Pearson. Resultados Se han asociado al riesgo de caídas en niños menores de cinco años: Red alta (p=0,015), presencia de escalera o escalones sin barandilla (p=0,003) y salidas y pasajes mantenidos con juguetes, muebles, cajas u otros elementos que puedan ser obstructivos (p=0,002). Conclusion Los factores en el ambiente doméstico identificados como asociados al riesgo de caídas en niños menores de cinco años demuestran que existe la necesidad de construir estrategias de prevención relacionadas a la estructura y organización de ese ambiente.


ABSTRACT Objective To analyze the risk factors in the domestic environment for the occurrence of falls in children under five years of age. Method A cross-sectional study was conducted in May and in June of 2016 with 344 caregivers of children from Northeast Brazil. A socio-economic questionnaire and a checklist for environmental observation were used. Bivariate analyzes were performed using Pearson's Chi-square test. Results They were associated with the risk of falls in children under 5 years of age: High net (p = 0.015), presence of stairs or steps without a handrail (p=0.003), and exits and passages kept with toys, furniture, boxes or other items that may be obstructive (p=0.002). Conclusion The factors in the domestic environment identified as associated with the risk of falls in children under five years of age demonstrate that there is a need to construct prevention strategies related to the structure and organization of this environment.

20.
Rev. bras. crescimento desenvolv. hum ; 27(1): 10-18, 2017. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-898042

RESUMO

INTRODUCTION: Domestic accidents are one of the main causes of death among children, characterized by an event that involves multiple determinants, emphasizing, among others, intrapersonal, interpersonal, cultural and institutional factors. OBJECTIVE: To analyse the determinants of domestic accidents in early childhood. METHODS: This is an exploratory, descriptive, and cross-sectional study carried out in the Emergency Hospital of Teresina city, Piauí, Brazil, between January and March 2016. The population was composed of 21 caregivers of children under five years old, hospitalized between January and March 2016. For data collection, a structured interview was conducted on aspects related to the risk factors associated with the incidence of domestic accidents involving children. A descriptive analysis was performed, with absolute and relative frequencies for the variables. The Human Research Ethics Committee approved the research with Protocol No. 1324184. RESULTS: In relation to intrapersonal factors, pre-school children were the main victims (57.2%). For interpersonal factors, it was observed that most of participants (85.7%) considered the household unsafe for children. The evaluation of institutional factors showed that most caregivers (52.4%) had not been advised about the prevention of accidents at home. In terms of cultural factors, most participants (81%) had not heard news about domestic accidents. CONCLUSION: Parents and caregivers have very limited knowledge about the prevention of childhood accidents at home, with male pre-schoolers the main victims of domestic accidents.


INTRODUÇÃO: O acidente doméstico é uma das principais causas de morte entre crianças, caracterizando-se por ser um evento que envolve múltiplos fatores determinantes, destacando-se os fatores intrapessoais, interpessoais, culturais e institucionais. OBJETIVO: Analisar os fatores determinantes para ocorrência de acidentes domésticos na primeira infância. MÉTODO: Trata-se de um estudo exploratório e descritivo, transversal, realizado no município de Teresina-PI, no Hospital de Urgência, no período de janeiro a março de 2016. A população foi composta por 21 cuidadores de crianças menores de cinco anos internados entre janeiro a março de 2016. Para coleta de dados realizou-se uma entrevista estruturada sobre os aspectos relacionados aos fatores determinantes para ocorrência de acidentes domésticos com crianças. Realizou-se uma análise descritiva, a partir de frequências absolutas e relativas para as variáveis. Foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa sob parecer de nº 1.324.184. RESULTADOS: Em relação aos fatores intrapessoais para ocorrência de acidentes domésticos, os pré-escolares foram as principais vítimas (57,2%). Na análise dos fatores interpessoais, averígua-se que a maioria das participantes (85,7%) não considerava o domicílio seguro para crianças. A avaliação dos fatores institucionais demonstrou que a maioria (52,4%) das cuidadoras não havia sido orientada quanto à prevenção de acidentes no domicílio. Sobre os fatores culturais, a maioria das participantes (81%) não havia tido conhecimento de notícias sobre acidentes domésticos. CONCLUSÃO: O pré-escolar do sexo masculino é a principal vítima de acidentes domésticos e são incipientes as orientações de pais e cuidadores sobre a prevenção de acidentes na infância.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pré-Escolar , Criança , Acidentes Domésticos , Criança , Enfermagem , Prevenção de Acidentes
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA