Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 3 de 3
Filtrar
Mais filtros










Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Biosci. j. (Online) ; 35(5): 1463-1469, sept./oct. 2019.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-1049001

RESUMO

Seeds with a good physiological quality are essential to high productivity. However, for some seeds, Phaseolus lunatus L., the viability and vigor analyze show deficiency in quality. This work aimed to evaluate the physiological quality of Phaseolus lunatus L. seeds using several vigor tests. The study was realized at the Laboratory of Seed Analysis of the Agricultural Sciences Center of the Federal University of Paraíba, in Areia ­ PB, Brazil. We used seeds from five cultivars of P. lunatus (Branca, Orelha de Vó, Cearense, Rosinha, and Roxinha). To determine the physiological quality, we measured the water content, the viability and vigor test (germination, emergence, electrical conductivity, tetrazolium, first germination count and emergence, seedling length and dry mass). We used a completely randomized design for seeds evaluation, and the field test was performed in randomized blocks. The water content of P. lunatus did not differ among the cultivars, indicating a uniformity in the percentage of moisture. Also, the percentage and speed of emergency and the dry mass of seedlings did not differ among the varieties. The tetrazolium and electrical conductivity tests indicated that Rosinha cultivar had the worst viability concerning the other cultivars, showing a low percentage of living tissue and lower electrical conductivity. The seeds of Roxinha cultivar had the better physiological quality, and the Cearense cultivar had the worst quality evaluation. We recommend the tetrazolium test but not the electrical conductivity test to evaluate the vigor of P. lunatus.


Em qualquer cultura, para se ter uma elevada produtividade é indispensável à aquisição de sementes com alta qualidade fisiológica, mas para sementes de Phaseolus lunatus L., ainda ocorre deficiência em análises de viabilidade e vigor. Dessa forma, o objetivo neste trabalho foi avaliar a qualidade fisiológica das sementes de cultivares de Phaseolus lunatus por diferentes testes de vigor. A pesquisa foi realizada no Laboratório de Análise de Sementes do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal da Paraíba, em Areia - PB, com sementes de cinco cultivares de Phaseolus lunatus (Branca, Orelha de Vó, Cearense, Rosinha e Roxinha). Para avaliação da qualidade fisiológica das sementes determinou-se o teor de água e realizou-se testes de viabilidade e vigor (germinação, emergência, condutividade elétrica, tetrazólio, primeira contagem de germinação e emergência, comprimento e massa seca de plântulas). O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, com exceção dos testes realizados em campo, que foi em blocos ao acaso. O teor de água das sementes dos cultivares de feijão-fava não diferiu estatisticamente entre si, indicando que houve uniformidade na porcentagem de umidade. Não houve diferença significativa entre as sementes dos cultivares de feijão-fava quando avaliou-se a porcentagem e velocidade de emergência, bem como a massa seca de plântulas. Os resultados dos testes de tetrazólio e condutividade elétrica constatou-se maior viabilidade para as sementes do cultivar Roxinha, Branca, Cearense e Orelha de Vó quando comparadas com as da Rosinha, uma vez que houve um maior percentual de tecidos vivos e uma menor condutividade elétrica, respectivamente. As sementes do cultivar Roxinha são de melhor qualidade fisiológica e, o cultivar Cearense de pior qualidade; o teste de tetrazólio é recomendado para avaliação do vigor de sementes de cultivares de Phaseolus lunatus, enquanto, o teste de condutividade elétrica não é recomendado para avaliar o vigor das sementes dos cultivares de P. lunatus.

2.
Biosci. j. (Online) ; 34(6): 1603-1610, nov./dec. 2018. graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-968959

RESUMO

The species Enterolobium contortisiliquum (Vell.) Morong., (Fabaceae) is widely distributed in Brazil, commonly found in the Atlantic Forest domain. Despite its importance for the ecosystems, studies based on storage of E. contortisiliquum seeds are scarce. The objective of this work was to evaluate the physiological quality of seeds of Enterolobium contortisiliquum stored in different packages, environments and storage periods. The seeds were obtained from ripe fruits at the beginning of the natural dispersion in seven selected trees, located in the municipality of Areia - Paraíba, between the months of November and December 2010 and then taken to the laboratory for analysis of Seeds of the Department of Plant Science and Environmental Agricultural Sciences Center of the Universidade Federal da Paraíba. A completely randomized design was used, with subdivided plots, being the major portion constituted by environments (lab, cold storage chamber, freezer and fridge), a sub-plot for the packages (kraft paper bag, cloth, aluminum, plastic (PP) and PET bottle) and the sub plot constituted by the storage periods (0, 30, 60, 90, 120, 150, 180, 210, 240 and 270 days). For the evaluation of physiological quality was determined by water content, percentage of emergence, length and dry weight of shoots and roots. The packing of seeds ofE. contortisiliquum can be made in polypropylene plastic bags (PP) and they can be stored under natural laboratory environment for 270 days with no decrease of seed vigor.


A espécie Enterolobium contortisiliquum (Vell.) Morong., (Fabaceae) tem ampla ocorrência noBrasil, especialmente no domínio de Mata Atlântica. Apesar de sua importância na dinâmica dos ecossistemas, os estudos sobre o armazenamento de suas sementes são escassos. Dessa forma, o objetivo do trabalho foi avaliar a qualidade fisiológica de sementes de Enterolobium contortisiliquum armazenadas em diferentes embalagens, ambientes e períodos de armazenamento. As sementes foram obtidas de frutos maduros no inicio da dispersão natural em sete árvores matrizes localizadas no município de Areia - PB, entre os meses de novembro e dezembro de 2010 e, em seguida, levados ao Laboratório de Análise de Sementes do Departamento de Fitotecnia e Ciências Ambientais do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal da Paraíba. O delineamento foi inteiramente ao acaso em parcela subsubdividida, sendo a parcela principal constituída pelos ambientes (laboratório, câmara fria, freezer e geladeira), a subparcela pelas embalagens (papel kraft, pano, alumínio, plástico (PP) e garrafa PET) e a subsubparcela constituída pelos períodos de armazenamento (0, 30, 60, 90, 120, 150, 180, 210, 240 e 270 dias). Para avaliação da qualidade fisiológica determinou-se o teor de água, porcentagem de emergência, comprimento e massa seca de parte aérea e raízes. As sementes de E. contortisiliquumpodem ser acondicionadas em embalagem de saco de plástico de polipropileno (PP) e armazenadas em ambiente natural de laboratório durante 270 dias sem redução no vigor.


Assuntos
Sementes , Florestas , Germinação , Conservação dos Recursos Naturais
3.
Biosci. j. (Online) ; 31(6): 1600-1608, nov./dec. 2015.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-965096

RESUMO

The species Clitoria fairchildiana Howard, native to the Amazon region, by a rustic species and be of rapid growth, has been useful in heterogeneous reforestation for the reclamation of degraded areas, used in the planting of streets, public squares, roads and parking lots, due to its wide, leafy canopy and its rapid growth. The work was developed in the Laboratory of Analyses of Seeds of Centro de Ciências Agrárias of Universidade Federal da Paraíba. Thus, this study aimed to evaluate the physiological potential of C. fairchildiana seeds submitted to different drying times. The experimental design completely randomized, with treatments distributed in a factorial 4 x 5 (temperatures and periods of drying). It was evaluated to determine the water content after the drying processing for each period (0, 6, 12, 18 and 24 hours). For the evaluation of the effect of temperatures (35, 40, 45 and 50 °C) were performed the following tests: water content, germination, germination speed index (IVG), as well as length and dry mass of roots and aerial portion of seedlings. Drying of seeds of C. fairchildiana is recommended at the temperature of 35 °C, within drying 6 hours without compromising the physiological quality of seeds.


A espécie Clitoria fairchildiana Howard, nativa da região amazônica, por se trata de uma espécie rústica e de rápido crescimento, tem sido utilizada nos programas de reflorestamentos heterogêneos destinados à recuperação de áreas degradadas com potencialidade para arborização de ruas, praças, rodovias e estacionamentos, devido à sua copa larga e frondosa. O presente trabalho foi conduzido no Laboratório de Análises de Sementes do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal da Paraíba. Dessa forma, objetivou-se avaliar o potencial fisiológico de sementes de C. fairchildiana submetidas a diferentes períodos de secagem. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente ao acaso, com os tratamentos distribuídos em arranjo fatorial 4 x 5,(temperaturas e períodos). Preliminarmente determinou-se o teor de água das sementes para cada período de secagem (0, 6, 12, 18 e 24 horas). Para a avaliação do efeito das temperaturas (35, 40, 45 e 50 °C) foram realizados os seguintes testes: teor de água, germinação, índice de velocidade de germinação (IVG), bem como comprimento e massa seca de parte raízes e parte aérea das plântulas. Para a secagem de sementes de C. fairchildiana é recomendada à temperatura de 35 °C por até 6 horas de exposição à secagem sem comprometer a qualidade fisiológica de suas sementes.


Assuntos
Sementes , Germinação , Clitoria , Dessecação , Recuperação e Remediação Ambiental
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA