Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 26
Filtrar
1.
Psicol. ciênc. prof ; 40(spe): e230109, 2020. tab
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: biblio-1155154

RESUMO

Resumo Esse artigo é uma resposta possível para a lacuna acadêmica referente à intersecção de três campos: o esporte, a psicologia e as relações raciais. A articulação entre eles se dá a partir de seu objetivo: analisar os limites e possibilidades apresentados à psicologia no enfrentamento da supremacia branca no contexto esportivo. Seu campo empírico é composto por oito entrevistas semiestruturadas realizadas com quatro psicólogos e quatro psicólogas que trabalharam em algum momento de suas carreiras no esporte. O conteúdo delas é analisado a partir do referencial teórico da Teoria Crítica de Raça. Dessa análise de conteúdo resultaram narrativas sobre a atuação profissional em psicologia do esporte e seu papel diante do racismo, questionando se é possível pensar em uma psicologia do esporte antirracista. Assim, os resultados das análises dessas narrativas apontam para uma relação entre as linhas de ação para o enfrentamento do racismo e a maneira como as(os) profissionais encaram a psicologia do esporte: se uma área mais ligada ao esporte, o que acarreta em um enfoque quase que exclusivo no rendimento esportivo, ou à psicologia, o que implica em uma perspectiva de humanização dos atletas.


Abstract This paper is one of the possible outcomes to fill the academic gap regarding the intersection of three fields: sport, psychology, and race relations. Their articulation is based on their objective: to analyze the limits and possibilities presented to psychology in facing white supremacy in sports. Its empirical field consists of eight semi-structured interviews conducted with psychologists (four women and four men) who worked in sports at some point of their careers. Their content is analyzed based on the theoretical framework of the Critical Race Theory. This content analysis resulted in narratives about professional performance in sports psychology and its role in the face of racism, questioning whether it is possible to think of an anti-racist sport psychology. Thus, the results of the analysis of these narratives point to an association between the means to confront racism and the way professionals view sports psychology: either as a field that is more related to sport, which results in an almost exclusive focus on sports performance, or more related to psychology, which implies a perspective of humanization of athletes.


Resumen Este artículo es uno de los posibles resultados de la brecha académica con respecto a la intersección de tres campos: deporte, psicología y relaciones raciales. Su articulación se basa en el objetivo de: analizar los límites y las posibilidades presentadas a la psicología para enfrentar la supremacía blanca en el contexto deportivo. Su campo empírico consiste en ocho entrevistas semiestructuradas realizadas con cuatro psicólogas y cuatro psicólogos que trabajaron con el deporte en algún momento de sus carreras. Para el análisis de contenido, se utilizó el marco teórico sobre la teoría crítica de la raza. Este análisis de contenido dio lugar a narrativas sobre el desempeño profesional en psicología del deporte y su papel frente al racismo, cuestionando si es posible pensar en una psicología del deporte antirracista. Los resultados del análisis de esas narrativas apuntan a una relación entre las líneas de acción para enfrentar el racismo y la forma en que los/las profesionales ven la psicología del deporte: si un área más vinculada al deporte, lo que resulta en un casi exclusivo enfoque en el rendimiento deportivo, o a la psicología, lo que implica una perspectiva de humanización de los atletas.


Assuntos
Humanos , Relações Raciais , Esportes , Mulheres , Racismo , Psicologia do Esporte , Homens , Psicologia , Sociedades , Grupos Raciais , Brancos , Teoria Crítica
2.
Psicol. ciênc. prof ; 39(spe): 38-52, jan./ Mar.2019.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: biblio-1017128

RESUMO

A presente pesquisa caracteriza-se por um estudo de caso que objetiva analisar os itinerários terapêuticos de saúde de moradores de um quilombo do agreste de Alagoas,identificando as formas de cuidado cotidianas presentes no território. A pesquisa tem como perspectiva a noção de saúde e direitos humanos, no entendimento da saúde enquanto um direito fundamental garantido a todo ser humano. Participaram do estudo cinco moradores da comunidade que apresentam histórico de agravo e/ou doença: uma jovem mulher, acima de 18 anos; uma adulta, dois idosos e uma idosa. A pesquisa teve como instrumentos diário de campo e entrevista semiestruturada. As entrevistas foram realizadas nas residências dos participantes, após transcritas foram submetidas a análise de conteúdo e apresentadas três trajetórias de cuidado presentes no território, definidas como: Automedicação e religiosidade como alternativas à saúde; Chás, ervas e conhecimentos populares como prática de cuidado; Entre a atenção básica, práticas privatistas e benzimentos. Os resultados da pesquisa demonstram que os primeiros recursos acionados pelos moradores são a automedicação, o uso de chá e ervas, a práticas religiosas, a conversas com vizinhos, e as rezas e benzimentos. O segundo passo à resolubilidade do agravo é a busca por medicamentos na UBS e o terceiro passo o atendimento hospitalar e serviços particulares. Apesar de haver no território abrangência do serviço de saúde o mesmo não responde as necessidades da comunidade, sendo que a mesma busca a resolubilidade de seus agravos em práticas populares, automedicação e serviços privados de saúde....(AU)


The research is characterized by a case study that analyzes the therapeutic health itineraries of residents of a quilombo of the agreste of Alagoas, identifying the daily forms of care present in the territory. The research has as its perspective the concept of health and human rights, in the understanding of health as a fundamental right guaranteed to every human being. Five community residents with a history of illness and/or illness participated in the study: 1 young woman, over 18 years old; 1 adult, 2 elderly and 1 elderly. The research had as instruments a field diary and a semi-structured interview. The interviews were carried out in the participants' homes. After being transcribed, they were submitted to content analysis and presented three care trajectories present in the territory: Self-medication and religiosity as alternatives to health; Teas, herbs and popular knowledge as a practice of care; Between the basic attention, privatization practices and blessings. The results of the research demonstrate that the earliest resource mobilized by residents is self-medication, tea and herbal use, religious practices, neighborly conversations, and prayers and blessings. The second step to the resolution of the problem is the search for medicines in the UBS and the third step is hospital care and private services. Although there is access to health service, it does not respond to the needs of the community, as it seeks responses to diseases in popular practices, self-medication and private health services....(AU)


La presente investigación se caracteriza por un estudio de caso que objetiva analizar los itinerarios terapéuticos de salud de moradores de un quilombo del agreste de Alagoas, identificando las formas de cuidado cotidianas presentes en el territorio. La investigación tiene como perspectiva la noción de salud y derechos humanos, en el entendimiento de la salud como un derecho fundamental garantizado a todo ser humano. En el estudio participaron 5 residentes de la comunidad que presentan antecedentes de agravio y/o enfermedad: 1 joven mujer, por encima de 18 años; 1 adulta, 2 ancianos e 1 anciana La investigación tuvo como instrumentos, diario de campo y entrevista semiestructurada. Las entrevistas fueron realizadas en las residencias de los participantes, después de transcritas fueron sometidas al análisis de contenido y presentadas tres trayectorias de cuidado presentes en el territorio, definidas como: Automedicación y religiosidad como alternativas a la salud; Té, hierbas y conocimientos populares como práctica de cuidado; Entre a la atención básica, las prácticas privatizadoras y las rezas. El segundo paso a la resolubilidad del agravio es la búsqueda por medicamentos en la UBS y el tercer paso la atención hospitalaria y servicios particulares. A pesar de haber en el territorio abarcamiento del servicio de salud el mismo no responde a las necesidades de la comunidad, siendo que la misma busca la resurrección de sus agravios en prácticas populares, automedicación y servicios privados de salud....(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Psicologia , Psicologia Social , Prática de Saúde Pública
3.
Psicol. argum ; 37(96): 143-166, jan.-mar. 2019. ilus
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-72247

RESUMO

Como se sabe, boa parte da institucionalização da história da psicologia no Brasil ocorre a partir da filosofia escolástica e de forte influência política cristão-católica. A partir de tal registro, adotou-se a hipótese de que as representações sociais das(os) psicólogas(os) sobre sua profissão estão associadas a valores cristão-católicos. Baseada na Teoria das Representações Sociais, a presente pesquisa identificou os elementos dessa história da psicologia advinda da referida corrente religiosa por meio de evocações livres de 657 participantes de três Estados brasileiros de diferentes regiões do país. A hipótese foi testada em duas etapas: primeira, análise lexicográfica das evocações livres, com o uso do software Iramuteq, pela aplicação do processamento baseado na Classificação Hierárquica Descendente; segunda, análise de conteúdo das representações classificadas pelo software. Constatados os valores da ética social cristã e da teologia da libertação no campo semântico das(os) psicólogas(os) sobre a sua atuação, pode-se caracterizar a influência do catolicismo no processo civilizatório do país, refletida mais especificamente na institucionalização da psicologia brasileira.(AU)


As is well known, much of the institutionalization of the history of psychology in Brazil comes from scholastic philosophy and strong Christian-Catholic political influence. From this record, it was adopted the hypothesis that the social representations of psychologists about their profession are associated with Christian-Catholic values. Based on the Theory of Social Representations, the present research identified the elements of this history of psychology coming from such religious current through free evocations of 657 participants from three Brazilian states from different regions of the country. The hypothesis was tested in two stages: first, lexicographic analysis of free evocations, using the Iramuteq software, by applying Descending Hierarchical Classification processing; second, content analysis of the representations classified by the software. Having verified the values of Christian social ethics and liberation theology in the semantic field of psychologists about their performance, one can characterize the influence of Catholicism in the civilizing process of the country, more specifically reflected in the institutionalization of Brazilian psychology.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Catolicismo , Psicologia/história , Psicologia , Religião e Psicologia , Valores Sociais , Psicologia Social
4.
Pesqui. prát. psicossociais ; 13(2): 1-14, maio-ago. 2018. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-976351

RESUMO

Este estudo qualitativo focalizou as relações étnico-raciais segundo a concepção de um segmento de psicólogos orientais da cidade de São Paulo, descrevendo os estereótipos associados a esse pertencimento étnico-racial e cultural e a influência ou não destes sobre a identidade pessoal e a atuação profissional desses psicólogos. Foram realizadas 8 entrevistas, com 2 homens e 6 mulheres, entre 31 e 70 anos, da cidade de São Paulo. A análise de conteúdo das entrevistas evidenciou a racialização dos orientais no Brasil, ou seja, como as relações interpessoais e profissionais são mediadas por sua diferença fenotípica. Tal diferença se revela por meio de apelidos e vocativos, na forma como o oriental é colocado como diferente nas relações, e pelos estereótipos que lhes são atribuídos.


This qualitative study focused on ethnic-racial relations according to the conception of a segment of oriental psychologists in the city of São Paulo, describing the stereotypes associated with this ethnic-racial and cultural affiliation and their influence on personal identity and performance of these psychologists. A total of 8 interviews have been made, with 2 men and 6 women, between 31 and 70 year, in São Paulo city. The interviews analysis showed the racialization of oriental people in Brazil, as their interpersonal and professional relations are mediated by their phenotypical difference. This difference is revealed in some nicknames, in the way oriental people are seen as the different element, and through the stereotypes build around their social image.


Este estudio cualitativo enfocó las relaciones étnico-raciales según la concepción de un segmento de psicólogos orientales de la ciudad de São Paulo, describiendo los estereotipos asociados a esa pertenencia étnico-racial y cultural y la influencia o no de los mismos sobre la identidad personal y la actuación profesional de estos psicólogos. Se llevaron a cabo 8 entrevistas con 2 hombres y 6 mujeres, entre 31 y 70 años, en la ciudad de Sao Paulo. Las análisis de contenido de las entrevistas mostraron la racialización de esta población en Brasil, es decir, como las relaciones interpersonales y profesionales están mediados por su diferencia fenotípica. Esta diferencia se revela a través de apodos, en la forma en que se coloca el oriental como diferente en las relaciones, y a través de los estereotipos que se les asignan.


Assuntos
Relações Raciais , Etnicidade , Psicologia Social , Identificação Social , Símbolo Étnico , Relações Interpessoais
5.
Movimento (Porto Alegre) ; 23(1): 229-248, jan. -mar. 2017. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-833971

RESUMO

Este artigo se propõe a analisar a persistência e a reprodução da supremacia branca a partir de comentários na internet sobre esporte. Foram selecionados comentários de cinco textos publicados entre 2009 e 2016 que abordaram o tênis, escolhido por ser historicamente um esporte com hegemonia de atletas brancos, e, mais especificamente, pelo desempenho da atleta Serena Williams. Como resultados, observamos que a supremacia branca se faz presente no esporte, mesmo quando não há referências diretas à raça-etnia, na deslegitimação de denúncias e nos olhares sobre performances e corpos brancos e negros. Ademais, constatou-se que o esporte é também local de produção de discursos sobre a supremacia branca, uma vez que a ênfase no biológico e nos essencialismos culturais incentiva interpretações sobre a presença/ausência e desempenho de atletas brancos e negros que revisitam mitos políticos construídos pelo racismo científico do século XIX(AU)


This article looks into the persistence and reproduction of white supremacy from internet comments about sport. Comments were selected from five texts published between 2009 and 2016 about Tennis, chosen for being a sport with historical hegemony of white athletes and more specifically because of Serena Williams's performance. We found that white supremacy is present in sports, even when there are no direct references to race-ethnicity, when complaints are delegitimized and on the views of white and black bodies and performances. Moreover, sport is also a place for discourse production about white supremacy since the emphasis on biological aspects and cultural essentialisms encourages interpretations on the presence/absence and the performance of white and black athletes that revisit political myths built by nineteenth century scientific racism(AU)


Este artículo tiene como objetivo analizar la persistencia y la reproducción de la supremacía blanca a partir de comentarios sobre deporte en internet. Seleccionamos comentarios de cinco textos publicados entre 2009 y 2016 abordando el Tenis, escogido por ser históricamente un deporte con hegemonía de atletas blancos, y más específicamente, el rendimiento de la atleta Serena Williams. Como resultado, se encontró que la supremacía blanca está presente en el deportes, incluso cuando no hay referencias directas a la raza-etnia, en la deslegitimización de denuncias y en las miradas sobre las performances y cuerpos de blancos y negros. Además, se constató que el deporte es también un lugar de producción de discursos sobre la supremacía blanca, ya que el énfasis en los aspectos biológicos y en los esencialismos culturales alienta interpretaciones sobre la presencia/ausencia y el rendimiento de atletas blancos y negros, revisitando mitos políticos construidos por el racismo científico del siglo XIX(AU)


Assuntos
Humanos , Negros , Atletas , Brancos , Internet , Racismo , Tênis
6.
Psicol. ciênc. prof ; 36(3): 558-570, jul.-set. 2016. tab
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-69310

RESUMO

Resumo O objetivo desta pesquisa foi estudar as relações entre participação política e enraizamento territorial entre moradores de um Quilombo do Vale do Ribeira (SP). Esta pesquisa foi desenvolvida junto ao Programa de Pré-Iniciação Científica da Universidade de São Paulo, almejando que estudantes de escolas técnicas públicas daquela região desenvolvessem um projeto de pesquisa completo, de forma a contribuir com a sua formação científica. Durante o programa (que durou um ano), os alunos participaram de todas as etapas da pesquisa: desde a formulação inicial das questões investigadas até a apresentação da pesquisa às lideranças comunitárias, visitas à comunidade para realização de observações e entrevistas, interpretação dos dados colhidos e devolutiva dos dados à comunidade. Alunos e professores puderam refletir sobre as relações entre escola e comunidades tradicionais da região e obtiveram uma melhora significativa nas atividades pedagógicas. Conclui-se pelo valor formativo da inserção da Psicologia na grade curricular do Ensino Médio, tanto pelas possibilidades interdisciplinares que apresenta quanto por favorecer reflexões sobre a relação entre o indivíduo participante, sua escola e o entorno físico, social e cultural.(AU)


Abstract This article aimed to study the relationship between political participation and territorial rooting among residents of a Quilombo located at the Ribeira Valley area (SP). The project was carried out within the Scientific Pre-Initiation Program of the University of São Paulo, and aimed to facilitate students of technical education in public schools to develop a complete research project, thus contributing to their scientific studies. During the program (that lasted for 12 months), students participated in all stages of the research: from the initial formulation of the issues investigated to the presentation of the project to the community leaders, including community visits to perform observations and interviews, interpretation of the data collected, and a final visit to the community in order to present the research results. Students and teachers were able to reflect about the relationship between the school and traditional communities in the region and achieved a significant improvement in educational activities. We conclude that the inclusion of Psychology in the high school curriculum has a formative value, both for the interdisciplinary possibilities that it presents as for the reflections on the relationship between the participants, their school and their physical, social and cultural environment that it favors.(AU)


Resumen El objetivo de este artículo fue estudiar la relación entre la participación política y el arraigo territorial entre los residentes de un Quilombo ubicado en el área del Valle de Ribeira (Brasil, São Paulo). Este proyecto fue desarrollado dentro del Programa de Pre-Iniciación Científica de la Universidad de São Paulo, y tuvo por objeto facilitar a los estudiantes de escuelas públicas técnicas el desarrollo de un proyecto de investigación completo, contribuyendo así a sus estudios científicos. Durante el período del programa (que duró un año), los estudiantes participaron en todas las etapas de la investigación: desde la redacción de las cuestiones investigadas, hasta la presentación de la investigación a los líderes de la comunidad, incluyendo visitas a esta para realizar observaciones y entrevistas, así como la interpretación de los datos recogidos y la devolución de los resultados a la comunidad. Estudiantes y profesores fueron capaces de reflexionar sobre la relación entre escuela y comunidades tradicionales de la región, y han logrado una mejora significativa en las actividades educativas. Llegamos a la conclusión de que la introducción de Psicología en el currículo de las escuelas secundarias tiene un valor educativo, tanto por las posibilidades interdisciplinarias que presenta, como por el favorecimiento de la reflexión sobre la relación entre el individuo participante, su escuela y el entorno físico, social y cultural.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Adolescente , Adulto Jovem , Adulto , Psicologia , Meio Ambiente , Ensino Fundamental e Médio
7.
Psicol. ciênc. prof ; 36(3): 558-570, jul.-set. 2016. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-795132

RESUMO

Resumo O objetivo desta pesquisa foi estudar as relações entre participação política e enraizamento territorial entre moradores de um Quilombo do Vale do Ribeira (SP). Esta pesquisa foi desenvolvida junto ao Programa de Pré-Iniciação Científica da Universidade de São Paulo, almejando que estudantes de escolas técnicas públicas daquela região desenvolvessem um projeto de pesquisa completo, de forma a contribuir com a sua formação científica. Durante o programa (que durou um ano), os alunos participaram de todas as etapas da pesquisa: desde a formulação inicial das questões investigadas até a apresentação da pesquisa às lideranças comunitárias, visitas à comunidade para realização de observações e entrevistas, interpretação dos dados colhidos e devolutiva dos dados à comunidade. Alunos e professores puderam refletir sobre as relações entre escola e comunidades tradicionais da região e obtiveram uma melhora significativa nas atividades pedagógicas. Conclui-se pelo valor formativo da inserção da Psicologia na grade curricular do Ensino Médio, tanto pelas possibilidades interdisciplinares que apresenta quanto por favorecer reflexões sobre a relação entre o indivíduo participante, sua escola e o entorno físico, social e cultural....(AU)


Abstract This article aimed to study the relationship between political participation and territorial rooting among residents of a Quilombo located at the Ribeira Valley area (SP). The project was carried out within the Scientific Pre-Initiation Program of the University of São Paulo, and aimed to facilitate students of technical education in public schools to develop a complete research project, thus contributing to their scientific studies. During the program (that lasted for 12 months), students participated in all stages of the research: from the initial formulation of the issues investigated to the presentation of the project to the community leaders, including community visits to perform observations and interviews, interpretation of the data collected, and a final visit to the community in order to present the research results. Students and teachers were able to reflect about the relationship between the school and traditional communities in the region and achieved a significant improvement in educational activities. We conclude that the inclusion of Psychology in the high school curriculum has a formative value, both for the interdisciplinary possibilities that it presents as for the reflections on the relationship between the participants, their school and their physical, social and cultural environment that it favors....(AU)


Resumen El objetivo de este artículo fue estudiar la relación entre la participación política y el arraigo territorial entre los residentes de un Quilombo ubicado en el área del Valle de Ribeira (Brasil, São Paulo). Este proyecto fue desarrollado dentro del Programa de Pre-Iniciación Científica de la Universidad de São Paulo, y tuvo por objeto facilitar a los estudiantes de escuelas públicas técnicas el desarrollo de un proyecto de investigación completo, contribuyendo así a sus estudios científicos. Durante el período del programa (que duró un año), los estudiantes participaron en todas las etapas de la investigación: desde la redacción de las cuestiones investigadas, hasta la presentación de la investigación a los líderes de la comunidad, incluyendo visitas a esta para realizar observaciones y entrevistas, así como la interpretación de los datos recogidos y la devolución de los resultados a la comunidad. Estudiantes y profesores fueron capaces de reflexionar sobre la relación entre escuela y comunidades tradicionales de la región, y han logrado una mejora significativa en las actividades educativas. Llegamos a la conclusión de que la introducción de Psicología en el currículo de las escuelas secundarias tiene un valor educativo, tanto por las posibilidades interdisciplinarias que presenta, como por el favorecimiento de la reflexión sobre la relación entre el individuo participante, su escuela y el entorno físico, social y cultural....(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Participação da Comunidade , Ensino Fundamental e Médio , Psicologia , Liderança , Capacitação Profissional
8.
Rev. psicol. UNESP ; 14(1): 43-55, 2015.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-69602

RESUMO

Este artigo analisa como as categorias raça, povo, preconceito racial eracismo são compreendidas e se articulam nas produções de Dante MoreiraLeite (1927-1976), procurando dar visibilidade ao pensamento desse psicólogosocial sobre as relações étnico-raciais no Brasil. Desde suas primeirasproduções, o autor demonstra sua contraposição ao preconceito, à intolerância eà dominação, e critica os paradigmas positivistas e etnocêntricos dos ideólogosbrasileiros até meados do século XX, rompendo com a visão de que o Brasilseria um país marcado pela cordialidade e pela harmonia entre os gruposraciais. Com essa crítica, contribui para o enfrentamento da invisibilidade doracismo e do preconceito racial pela psicologia social brasileira. No entanto,como autor de determinado período histórico, cultural e político, Dante aindamobiliza e afirma a categoria raça, não em seu sentido social, utilizado naatualidade como dispositivo para construir e manter privilégios, mas no sentidobiológico, como explicação e justificativa para desigualdades e diferenças. (AU)


This paper analyses how the categories race, people, racial prejudiceand racism are understood and articulated in Dante Moreira Leite thetheoretical productions (1927-1976), seeking to give visibility to the thought ofthis social psychologist on ethnic-racial relations in Brazil. Since his firstproductions, the author demonstrates his opposition to prejudice, intolerance,and domination. He also criticizes the positivist and ethnocentric paradigms ofBrazilian ideologues until mid-twentieth century, breaking with the view thatBrazil is a country marked by cordiality and harmony between racial groups. Itwas very helpful to confront the invisibility of racism and racial prejudice byBrazilian social psychology. However, as an author of early twenty century,Dante still mobilizes and affirms the category race, not in its social sense (usedtoday as a device to build and maintain privileges), but in its biological sense,as an explanation and justification for inequalities and differences. (AU)

9.
Psicol. USP ; 25(3): 317-329, Sep-Dec/2014. tab
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-61852

RESUMO

Este ensaio delineia as contribuições de Aniela Meyer Ginsberg (1902-1986) para o estudo das relações étnico-raciais e interculturais no Brasil. Sua produção sobre estes temas – entre artigos, capítulos de livros e resumos de congressos – foi nosso objeto central de interesse. Influenciada pela agenda antirracista do pós-guerra, os processos inter e intraculturais, as relações étnico-raciais e as migrações estavam no centro de suas investigações. Aniela é uma personagem importante da história do pensamento psicológico brasileiro, seus estudos sobre raça/ etnia no Brasil configuram-se como estudos intraculturais da sociedade nacional e de suas amplas diversidades. A autora procurou desconstruir a visão determinista biológica das raças/etnias e mostrar que é na interação dos indivíduos com a sociedade que as diferenças podem transformar-se em desigualdades.(AU)


This essay outlines the contributions of Aniela Meyer Ginsberg (1902-1986) for the ethnic-racial and intercultural studies in Brazil. Her productions on these topics – including articles, book chapters and conferences – were our main object of interest. Influenced by the anti-racist agenda of the post-war, inter and intracultural processes, ethnic-racial relations and migration were at the center of her investigations. Aniela is an important character in the history of Brazilian psychological thinking; her studies on race/ethnicity in Brazil are characterized as intracultural studies of national society and its wide diversities. She sought to deconstruct the biological determinist view of the races/ethnicities and show that is in the interaction between individuals and the society that the differences can turn into inequalities.(AU)


Cet article décrit les contributions d’Aniela Meyer Ginsberg (1902-1986) sur les études ethnicoraciales et interculturelles au Brésil. Sa production sur ces sujets – y compris des articles, des chapitres de livres et des résumés de conférences – a été notre principal objet d’intérêt. Influencée par le programme anti raciste de l’après-guerre, les processus inter et intraculturels, les relations ethnicoraciales et la migration étaient au centre de ses investigations. Aniela est un personnage important dans l’histoire de la pensée psychologique brésilienne, ses études sur la race/ethnie au Brésil sont caractérisées comme des études intraculturelles de la société nationale et ses larges diversités. L’...(AU)


Este artículo resume las contribuciones de Aniela Meyer Ginsberg (1902-1986) para el estudio de las relaciones étnico- raciales e interculturales en Brasil. Su producción en estos temas – incluyendo artículos, capítulos de libros y resúmenes de congresos – fue nuestro principal objeto de interés. Bajo la influencia de la agenda anti-racista de lo post-guerra, los procesos intra y interculturales, las relaciones étnico-raciales y la migración están en el centro de sus investigaciones. Aniela es un personaje importante en la historia del pensamiento psicológico brasileño, sus estudios sobre la raza/etnia en Brasil se caracterizan por ser estudios intraculturales de la sociedad nacional y su amplia diversidad. La autora trató de deconstruir la visión determinista biológica de las razas/etnias y mostrar que es en la interacción de los individuos con la sociedad que las diferencias pueden convertirse en desigualdades.(AU)


Assuntos
Psicologia/história , Psicologia Social , Etnicidade , Características Culturais
10.
Psicol. USP ; 25(3): 317-329, Sep-Dec/2014. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-732688

RESUMO

Este ensaio delineia as contribuições de Aniela Meyer Ginsberg (1902-1986) para o estudo das relações étnico-raciais e interculturais no Brasil. Sua produção sobre estes temas – entre artigos, capítulos de livros e resumos de congressos – foi nosso objeto central de interesse. Influenciada pela agenda antirracista do pós-guerra, os processos inter e intraculturais, as relações étnico-raciais e as migrações estavam no centro de suas investigações. Aniela é uma personagem importante da história do pensamento psicológico brasileiro, seus estudos sobre raça/ etnia no Brasil configuram-se como estudos intraculturais da sociedade nacional e de suas amplas diversidades. A autora procurou desconstruir a visão determinista biológica das raças/etnias e mostrar que é na interação dos indivíduos com a sociedade que as diferenças podem transformar-se em desigualdades...


This essay outlines the contributions of Aniela Meyer Ginsberg (1902-1986) for the ethnic-racial and intercultural studies in Brazil. Her productions on these topics – including articles, book chapters and conferences – were our main object of interest. Influenced by the anti-racist agenda of the post-war, inter and intracultural processes, ethnic-racial relations and migration were at the center of her investigations. Aniela is an important character in the history of Brazilian psychological thinking; her studies on race/ethnicity in Brazil are characterized as intracultural studies of national society and its wide diversities. She sought to deconstruct the biological determinist view of the races/ethnicities and show that is in the interaction between individuals and the society that the differences can turn into inequalities...


Cet article décrit les contributions d’Aniela Meyer Ginsberg (1902-1986) sur les études ethnicoraciales et interculturelles au Brésil. Sa production sur ces sujets – y compris des articles, des chapitres de livres et des résumés de conférences – a été notre principal objet d’intérêt. Influencée par le programme anti raciste de l’après-guerre, les processus inter et intraculturels, les relations ethnicoraciales et la migration étaient au centre de ses investigations. Aniela est un personnage important dans l’histoire de la pensée psychologique brésilienne, ses études sur la race/ethnie au Brésil sont caractérisées comme des études intraculturelles de la société nationale et ses larges diversités. L’...


Este artículo resume las contribuciones de Aniela Meyer Ginsberg (1902-1986) para el estudio de las relaciones étnico- raciales e interculturales en Brasil. Su producción en estos temas – incluyendo artículos, capítulos de libros y resúmenes de congresos – fue nuestro principal objeto de interés. Bajo la influencia de la agenda anti-racista de lo post-guerra, los procesos intra y interculturales, las relaciones étnico-raciales y la migración están en el centro de sus investigaciones. Aniela es un personaje importante en la historia del pensamiento psicológico brasileño, sus estudios sobre la raza/etnia en Brasil se caracterizan por ser estudios intraculturales de la sociedad nacional y su amplia diversidad. La autora trató de deconstruir la visión determinista biológica de las razas/etnias y mostrar que es en la interacción de los individuos con la sociedad que las diferencias pueden convertirse en desigualdades...


Assuntos
Humanos , Características Culturais , Etnicidade , Psicologia Social , Psicologia/história
11.
Psicol. teor. prát ; 15(3): 118-133, dez. 2013. graf, tab
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-717642

RESUMO

Com base na análise de artigos de periódicos nacionais de psicologia, publicados entre 2000 e 2009, o estudo oferece um panorama de como as relações étnico-raciais têm sido investigada pela psicologia. Foram identificados 41 artigos, categorizados e analisados conforme seus conteúdos. A produção mostrou-se relevante para compreensão das relações étnico-raciais ao dedicar-se à construção de conhecimento sobre: a violência psicológica do preconceito e do racismo; o legado social do branqueamento e seus efeitos psicossociais sobre a identidade étnico-racial de negros e brancos; e o monitoramento dos efeitos das políticas e dos programas de promoção da igualdade étnico-racial. Alinhavados, os artigos indicam que as relações étnico-raciais têm sido objeto de investigação da psicologia, notadamente da psicologia social, e que a noção de raça aos poucos vem sendo incorporada pelos(as) pesquisadores(as) desse campo como categoria de análise para compreensão das diferenças, discriminação e desigualdades.


Based on analysis of articles published on national journals of psychology, between 2000 and 2009, this study provides an overview of how ethno-racial has been investigated by psychology. Forty one articles were identified, categorized and analyzed by their content. The production proved to be relevant for understanding the ethno-racial relationship devotes themselves to the construction of knowledge: the psychological violence of prejudice and racism, the social legacy of the whitening and its psychosocial effects on identity ethnic-racial, and the monitoring of the effects of policies and programs to promote equality ethnic-racial. The articles indicate that ethno-racial has been the subject of research on psychology, especially social psychology, and that the concept of race has been gradually incorporated by researchers in this area as a category of analysis for understanding the differences, discrimination and inequalities.


A partir del análisis de los artículos publicados en revistas nacionales de psicología entre 2000 y 2009, este estudio ofrece una visión general de como las relaciones etno-raciales han sido investigadas por la psicología. Fueron identificados 41 artículos, clasificados y analizados según su contenido. La producción resultó ser relevante para la comprensión de las relaciones étnico-raciales para construcción del conocimiento sobre: la violencia psicológica de los prejuicios y el racismo; el legado social del blanqueo y sus efectos psicosociales en la identidad étnico/racial de negros y blancos; y el seguimiento de los efectos de las políticas y programas para promover la igualdad étnica. Los artículos, en conjunto, indican que las relaciones etno-raciales han sido objeto de investigación de la psicología, especialmente de la psicología social, y que el concepto de raza ha ido incorporando gradualmente por los (las) investigadores (as) en este campo como una categoría de análisis para comprensión de las diferencias, la discriminación y las desigualdades.

12.
Saúde Soc ; 21(3): 637-650, jul.-set. 2012.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-654486

RESUMO

As DST/HIV e a gestação não-planejada entre jovens têm exigido o incremento da atenção em saúde sexual e reprodutiva, desafiando a formação profissional tradicional, os processos de trabalho e gestão na atenção primária. Este estudo etnográfico (observação e entrevistas) foi realizado em duas unidades básicas de município turístico do Estado do Rio de Janeiro, focalizando o trabalho das agentes comunitárias de saúde. As agentes abordavam a sexualidade jovem, principalmente das garotas; orientavam o fluxo de ações e influenciavam as estratégias de prevenção e cuidado, enfatizando "gravidez precoce" e "promiscuidade sexual". A saúde de jovens não era considerada integralmente, embora o trabalho das agentes constituísse uma tecnologia de processo com grande potencial na atenção à saúde sexual de jovens. A juventude se beneficia da atuação dessas profissionais, que podem ter seu saber prático mais valorizado. Sugere-se a formação em abordagens baseadas nos direitos humanos e na construção social da sexualidade.


Assuntos
Humanos , Adolescente , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida , Atenção Primária à Saúde , Saúde Reprodutiva , Infecções Sexualmente Transmissíveis
13.
Psicol. cienc. prof ; 32(spe): 166-175, 2012.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-63308

RESUMO

O artigo descreve três momentos do pensamento psicológico brasileiro sobre relações étnicoraciais no final do século XIX e no início do século XX, caracterizado pela consolidação da Escola Nina Rodrigues, que investiga características psicológicas dos escravos e ex-escravos e fornece elementos para a configuração do negro como sujeito psicológico; o período de 1930 até 1950 é caracterizado pelo debate da construção sociocultural das diferenças e da desconstrução do determinismo biológico das raças, e o período de 1990 em diante, pelos estudos sobre branqueamento e branquitude. Utilizando a perspectiva histórica, foi possível traçar uma linha no tempo identificando esses momentos de ruptura e de configuração de novos saberes em Psicologia: biológico-causal, culturalista e relacional. A construção dessa linha no tempo configura uma tentativa de trazer para o campo da Psicologia uma outra perspectiva de discussão da temática étnico-racial, repensando o papel dos modelos e das teorias psicológicas.(AU)


The article describes three periods of the Brazilian psychological thinking about ethnic/racial relationships: the late nineteenth and the early twentieth century, characterized by the consolidation of the Escola Nina Rodrigues, which investigated the psychological characteristics of slaves and former slaves, providing elements for setting the black as psychological subjects; from 1930 to 1950 the studies are characterized by the debate on the differences of social and cultural construction and deconstruction of biological determinism of race, and from 1990 onwards, characterized by the studies on “whitening” and “whiteness”. Using the historical approach, it was possible to draw a timeline identifying these moments of rupture and configuration of new knowledge in psychology: biological-causal, cultural and relational. The construction of this timeline sets an attempt to bring to the field of psychology a different perspective of discussion about the ethnic/racial thematic, thinking over the role of psychological theories and models.(AU)


El artículo describe tres momentos del pensamiento psicológico brasileño sobre relaciones étnico-raciales en el final del siglo XIX y en el inicio del siglo XX, caracterizado por la consolidación de la Escuela Nina Rodrigues, que investiga características psicológicas de los esclavos y ex-esclavos y proporciona elementos para la configuración del negro como sujeto psicológico; el período de 1930 hasta 1950 es caracterizado por el debate de la construcción sociocultural de las diferencias y de la desconstrucción del determinismo biológico de las razas, y el período de 1990 en adelante, por los estudios sobre blanqueamiento y blancura. Utilizando la perspectiva histórica, fue posible trazar una línea en el tiempo identificando esos momentos de ruptura y de configuración de nuevos saberes en Psicología: biológico-causal, culturalista y relacional. La construcción de esa línea en el tiempo configura una tentativa de traer para el campo de la Psicología otra perspectiva de discusión de la temática étnico-racial, repensando el papel de los modelos y de las teorías psicológicas.(AU)


Assuntos
Humanos , Ética , Relações Raciais , Psicologia Social , Comportamento Social , Negros , Racismo , Pessoas Escravizadas , Etnologia , Antropologia Cultural
14.
15.
Psicol. ciênc. prof ; 32(spe): 166-175, 2012.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-656070

RESUMO

O artigo descreve três momentos do pensamento psicológico brasileiro sobre relações étnicoraciais no final do século XIX e no início do século XX, caracterizado pela consolidação da Escola Nina Rodrigues, que investiga características psicológicas dos escravos e ex-escravos e fornece elementos para a configuração do negro como sujeito psicológico; o período de 1930 até 1950 é caracterizado pelo debate da construção sociocultural das diferenças e da desconstrução do determinismo biológico das raças, e o período de 1990 em diante, pelos estudos sobre branqueamento e branquitude. Utilizando a perspectiva histórica, foi possível traçar uma linha no tempo identificando esses momentos de ruptura e de configuração de novos saberes em Psicologia: biológico-causal, culturalista e relacional. A construção dessa linha no tempo configura uma tentativa de trazer para o campo da Psicologia uma outra perspectiva de discussão da temática étnico-racial, repensando o papel dos modelos e das teorias psicológicas...


The article describes three periods of the Brazilian psychological thinking about ethnic/racial relationships: the late nineteenth and the early twentieth century, characterized by the consolidation of the Escola Nina Rodrigues, which investigated the psychological characteristics of slaves and former slaves, providing elements for setting the black as psychological subjects; from 1930 to 1950 the studies are characterized by the debate on the differences of social and cultural construction and deconstruction of biological determinism of race, and from 1990 onwards, characterized by the studies on “whitening” and “whiteness”. Using the historical approach, it was possible to draw a timeline identifying these moments of rupture and configuration of new knowledge in psychology: biological-causal, cultural and relational. The construction of this timeline sets an attempt to bring to the field of psychology a different perspective of discussion about the ethnic/racial thematic, thinking over the role of psychological theories and models...


El artículo describe tres momentos del pensamiento psicológico brasileño sobre relaciones étnico-raciales en el final del siglo XIX y en el inicio del siglo XX, caracterizado por la consolidación de la Escuela Nina Rodrigues, que investiga características psicológicas de los esclavos y ex-esclavos y proporciona elementos para la configuración del negro como sujeto psicológico; el período de 1930 hasta 1950 es caracterizado por el debate de la construcción sociocultural de las diferencias y de la desconstrucción del determinismo biológico de las razas, y el período de 1990 en adelante, por los estudios sobre blanqueamiento y blancura. Utilizando la perspectiva histórica, fue posible trazar una línea en el tiempo identificando esos momentos de ruptura y de configuración de nuevos saberes en Psicología: biológico-causal, culturalista y relacional. La construcción de esa línea en el tiempo configura una tentativa de traer para el campo de la Psicología otra perspectiva de discusión de la temática étnico-racial, repensando el papel de los modelos y de las teorías psicológicas...


Assuntos
Humanos , Negros , Ética , Psicologia Social , Relações Raciais , Comportamento Social , Antropologia Cultural , Etnologia , Racismo , Pessoas Escravizadas
17.
Rev. saúde pública ; 41(supl.2): 80-86, dez. 2007. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-57498

RESUMO

OBJETIVO: Descrever situações de uso de álcool e outras drogas envolvendo turistas, e suas implicações para a vulnerabilidade ao HIV. MÉTODOS: Estudo exploratório e qualitativo conduzido em comunidades anfitriãs do turismo do Vale do Ribeira, em São Paulo, no período de outubro de 2002 a fevereiro de 2003. A primeira etapa do estudo entrevistou 29 monitores de quatro comunidades anfitriãs para levantar cenas de uso drogas envolvendo turistas. A segunda etapa consistiu de duas oficinas de trabalho, reunindo 77 entrevistados e profissionais de saúde e educação de dez comunidades para dramatizar as cenas levantadas nas entrevistas, compartilhar repertórios para lidar com essas situações e conhecer as formas de prevenção do HIV. RESULTADOS: As cenas evidenciaram que o uso de álcool e outras drogas pelos turistas ampliam a vulnerabilidade à transmissão do HIV ao favorecer as relações sexuais ocasionais sem preservativo e o assédio e abuso sexual. O trabalho de prevenção ao HIV nas comunidades anfitriãs do turismo precisa levar em conta o consumo dessas substâncias, que dificulta a prática do sexo seguro e, no caso do uso de drogas injetáveis de forma compartilhada, constitui fator de risco para a transmissão do vírus. CONCLUSÕES: O estudo forneceu elementos para ajudar a compreender como situações de uso de álcool e outras drogas inserem-se no cotidiano das comunidades anfitriãs ampliando a vulnerabilidade ao HIV. O estudo produziu análise do contexto social de transmissão do vírus, que pode subsidiar a elaboração de programas de prevenção mais adequados a essas comunidades.(AU)


Assuntos
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/prevenção & controle , Sexualidade , Promoção da Saúde , Educação em Saúde , Vulnerabilidade a Desastres , Áreas de Pobreza , Centros Comunitários de Saúde , Serviços de Saúde Comunitária , Pesquisa Qualitativa , Brasil
18.
Rev. saúde pública ; 41(supl.2): 80-86, dez. 2007. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: lil-470604

RESUMO

OBJETIVO: Descrever situações de uso de álcool e outras drogas envolvendo turistas, e suas implicações para a vulnerabilidade ao HIV. MÉTODOS: Estudo exploratório e qualitativo conduzido em comunidades anfitriãs do turismo do Vale do Ribeira, em São Paulo, no período de outubro de 2002 a fevereiro de 2003. A primeira etapa do estudo entrevistou 29 monitores de quatro comunidades anfitriãs para levantar cenas de uso drogas envolvendo turistas. A segunda etapa consistiu de duas oficinas de trabalho, reunindo 77 entrevistados e profissionais de saúde e educação de dez comunidades para dramatizar as cenas levantadas nas entrevistas, compartilhar repertórios para lidar com essas situações e conhecer as formas de prevenção do HIV. RESULTADOS: As cenas evidenciaram que o uso de álcool e outras drogas pelos turistas ampliam a vulnerabilidade à transmissão do HIV ao favorecer as relações sexuais ocasionais sem preservativo e o assédio e abuso sexual. O trabalho de prevenção ao HIV nas comunidades anfitriãs do turismo precisa levar em conta o consumo dessas substâncias, que dificulta a prática do sexo seguro e, no caso do uso de drogas injetáveis de forma compartilhada, constitui fator de risco para a transmissão do vírus. CONCLUSÕES: O estudo forneceu elementos para ajudar a compreender como situações de uso de álcool e outras drogas inserem-se no cotidiano das comunidades anfitriãs ampliando a vulnerabilidade ao HIV. O estudo produziu análise do contexto social de transmissão do vírus, que pode subsidiar a elaboração de programas de prevenção mais adequados a essas comunidades.


OBJECTIVE: To describe situations of alcohol and other drug use involving tourists, and their implications regarding vulnerability to HIV. METHODS: This was an exploratory qualitative study conducted in communities that host tourism in the Vale do Ribeira, State of São Paulo, from October 2002 to February 2003. In the first stage of the study, 29 monitors in four host communities were interviewed to gather scenarios of drug use involving tourists. In the second stage, two workshops were held, bringing together 77 interviewees and health and education professionals from ten communities, in order to dramatize the scenarios gathered in the interviews and share repertoires for dealing with these situations and finding ways for preventing HIV. RESULTS: The scenarios showed that alcohol and other drug use by tourists increases their vulnerability to HIV transmission through favoring casual sexual intercourse without condoms and sexual harassment and abuse. HIV prevention work in these communities that host tourism needs to take into account the consumption of these substances which use creates difficulties regarding safe sex practices and, in the case of injecting drugs that are shared, constitutes a risk factor for HIV transmission. CONCLUSIONS: This study provided data to help in understanding how situations of alcohol and other drug use fit within daily life in these host communities, thereby extending the vulnerability to HIV. The study produced analysis of the social context of HIV transmission that may provide backing for drawing up prevention programs that are better adapted to these communities.


Assuntos
Centros Comunitários de Saúde , Serviços de Saúde Comunitária , Vulnerabilidade a Desastres , Educação em Saúde , Promoção da Saúde , Áreas de Pobreza , Sexualidade , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/prevenção & controle , Brasil , Pesquisa Qualitativa
19.
Rev Saude Publica ; 41 Suppl 2: 80-6, 2007 Dec.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-18094790

RESUMO

OBJECTIVE: To describe situations of alcohol and other drug use involving tourists, and their implications regarding vulnerability to HIV. METHODS: This was an exploratory qualitative study conducted in communities that host tourism in the Vale do Ribeira, State of São Paulo, from October 2002 to February 2003. In the first stage of the study, 29 monitors in four host communities were interviewed to gather scenarios of drug use involving tourists. In the second stage, two workshops were held, bringing together 77 interviewees and health and education professionals from ten communities, in order to dramatize the scenarios gathered in the interviews and share repertoires for dealing with these situations and finding ways for preventing HIV. RESULTS: The scenarios showed that alcohol and other drug use by tourists increases their vulnerability to HIV transmission through favoring casual sexual intercourse without condoms and sexual harassment and abuse. HIV prevention work in these communities that host tourism needs to take into account the consumption of these substances which use creates difficulties regarding safe sex practices and, in the case of injecting drugs that are shared, constitutes a risk factor for HIV transmission. CONCLUSIONS: This study provided data to help in understanding how situations of alcohol and other drug use fit within daily life in these host communities, thereby extending the vulnerability to HIV. The study produced analysis of the social context of HIV transmission that may provide backing for drawing up prevention programs that are better adapted to these communities.


Assuntos
Consumo de Bebidas Alcoólicas , Infecções por HIV/transmissão , Educação em Saúde , Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde , Viagem , Adolescente , Adulto , Distribuição por Idade , Brasil/epidemiologia , Preservativos/estatística & dados numéricos , Feminino , Infecções por HIV/prevenção & controle , Humanos , Masculino , Pesquisa Qualitativa , Assunção de Riscos , Distribuição por Sexo , Delitos Sexuais , Sexo sem Proteção , Saúde da População Urbana , Populações Vulneráveis
20.
Psicol. USP ; 16(1/2): 271-277, 2005.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-26523

RESUMO

O Fórum 'Olhando para o Futuro' teve como objetivo proporcionar o intercâmbio entre os diversos setores da sociedade civil e as contribuições científico-intelectuais em torno da Psicologia Ambiental oferecidas no Simpósio Internacional Psicologia e Ambiente, bem como integrar as discussões sobre o tema às diversas problemáticas sócio-ambientais apresentadas por estes setores. É apresentado, como resultado, um documento síntese, elaborado para subsidiar uma Agenda de Pesquisa e Intervenção, norteado por três temas, elegidos pelos participantes do Fórum: Educação Ambiental e Psicologia Ambiental; Articulação Universidade, Estado e Sociedade; Estratégias Participativas de Planejamento (AU)


Assuntos
Psicologia , Meio Ambiente , Planejamento Ambiental , Educação em Saúde Ambiental
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...