Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 37
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Saude e pesqui. (Impr.) ; 12(2): 323-331, maio/ago 2019. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1016522

RESUMO

Estudo com objetivo de analisar os coeficientes de hospitalização por diabetes mellitus no Estado do Paraná no período de 2005-2015 e contextualizar com estimativa da cobertura por equipes da Estratégia Saúde da Família no mesmo estado e período. Estudo ecológico, de séries temporais que analisou as internações entre 2005 e 2015 obtidas no banco de dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde. As taxas foram calculadas e analisadas segundo sexo e faixa etária. Houve quedas consideráveis em todas as faixas etárias estudadas e em ambos os sexos, com destaque para quedas mais expressivas nas mulheres, apresentando maior redução na variação percentual (-43,8%) quando comparadas aos homens (-22,9%). Constatou-se também que quanto maior a faixa etária, maiores os coeficientes de hospitalização.


Hospitalization coefficients due to diabetes mellitus are analyzed for the state of Paraná, Brazil, between 2005 and 2015, and contextualized for coverage estimates by Family Health Strategy teams in the same state and during the same period. Current ecological and temporal study analyzes hospitalization between 2005 and 2015 retrieved from databases of the Information Department of the National Health System. Rates were calculated and analyzed according to gender and age. Significant decreases occurred in all age brackets and in gender rates, especially in females, with greatest percentage rate (-43.8%) when compared to that of males (-22.9%). Results show that the higher the age bracket, the greater are the hospitalization coefficient rates.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Avaliação em Saúde , Estratégia Saúde da Família , Diabetes Mellitus , Hospitalização , Base de Dados
2.
Rev Bras Enferm ; 71(suppl 6): 2735-2742, 2018.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-30540051

RESUMO

OBJECTIVE: to grasp the perspective of nurses on health education in the process of caring for people with Diabetes Mellitus in Primary Care. METHOD: a descriptive study of a qualitative nature carried out with 13 nurses from the Family Health Strategy in Southern Brazil. The data were collected in November and December of 2017, through recorded interviews, which were submitted to content analysis, thematic modality. RESULTS: three categories emerged, which show from the perspective of nurses, the influence of structural and assistance characteristics in the development of educational actions; outcomes of these actions, and possibilities to increase their quality as central to the nursing action. FINAL CONSIDERATIONS: there are still gaps in the structuring of public health policies, especially in the process of managing and caring for people with diabetes, which limits quantitatively and qualitatively the development of educational actions in Primary Care.


Assuntos
Diabetes Mellitus/terapia , Educação em Saúde/normas , Enfermeiras e Enfermeiros/psicologia , Percepção , Adulto , Brasil , Feminino , Educação em Saúde/métodos , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Atenção Primária à Saúde/métodos , Atenção Primária à Saúde/normas , Pesquisa Qualitativa
3.
Rev. enferm. UERJ ; 26: e18221, jan.-dez. 2018.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem, LILACS | ID: biblio-948736

RESUMO

Objetivo: apreender, na perspectiva de pessoas com diabetes tipo 2, como se dá a convivência com a doença. Método: estudo descritivo de natureza qualitativa em que foram realizadas 12 oficinas com a participação de 26 pessoas. Todos os encontros foram gravados, transcritos e após submetidos a análise de conteúdo. Resultados: emergiram duas unidades temáticas: Diagnóstico ou sentença? Reconhecendo dificuldades ocultas no viver com diabetes, na qual percebeu-se que a doença, por vezes, é associada a sentimentos negativos, tais como o medo da morte, e; Vivenciando o controle da doença e a mudança de hábitos, que revela dificuldades envolvidas na convivência com a doença, especialmente, quanto a necessidade de mudanças alimentares. Conclusão: as dificuldades no conviver com o diabetes estão relacionadas à forma como o indivíduo percebe a doença em sua vida, ao seu enfrentamento e, de modo geral, prejudicam seu controle e prevenção de complicações.


Objective: to learn, from the perspective of a person with type 2 diabetes, what it is like to live with the disease. Method: in this descriptive, qualitative study, 12 focus groups were carried out, with 26 people participating. All meetings were recorded, transcribed and submitted to content analysis. Results: two thematic units emerged: Diagnosis or sentence? Recognizing hidden difficulties in living with diabetes, in which it was perceived that the disease is sometimes associated with negative feelings, such as fear of death; and The experience of controlling the disease and changing habits, which reveals difficulties involved in living with the disease, especially as regards the need for changes in diet. Conclusion: the difficulties in living with diabetes relate to how individuals perceive the disease in their lives and to how they cope with it, and generally impair control of the disease and prevention of complications.


Objetivo: entender, en la perspectiva de personas con diabetes tipo 2, cómo viven con la enfermedad. Método: estudio cualitativo descriptivo, desarrollado en 12 talleres, con la participación de 26 personas. Se grabaron y transcribieron todas las reuniones y después se las sometió al análisis de contenido. Resultados: dos unidades temáticas surgieron: ¿diagnóstico o sentencia? Reconociendo dificultades ocultas al vivir con diabetes, cuando se percibe que la enfermedad se asocia, a veces, a sentimientos negativos, como el miedo a la muerte, y; Experimentar el control de la enfermedad y el cambio de hábitos que revela dificultades involucradas en el vivir con la enfermedad, especialmente respecto a la necesidad de cambios en la dieta. Conclusión: las dificultades en convivir con la diabetes están relacionadas con la forma cómo el individuo percibe la enfermedad en su vida, su enfrentamiento y, en general, perjudica su control y prevención de complicaciones.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Autocuidado , Atitude Frente a Saúde , Educação em Saúde , Diabetes Mellitus/prevenção & controle , Brasil , Epidemiologia Descritiva , Perfil de Impacto da Doença , Pesquisa Qualitativa
4.
Enferm. glob ; 17(52): 512-524, oct. 2018. tab
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-173993

RESUMO

Objetivo: Determinar la prevalencia de los conocimientos y la actitud de las personas con diabetes mellitus tipo 2 en relación con la enfermedad y los factores asociados. Métodos: Investigación en los domicilios con 398 personas con diabetes mellitus tipo 2 inscritas en Atención Primaria. Se aplicaron tres cuestionarios: uno para el levantamiento de datos sociodemográficos y clínicos; el conocimiento de la diabetes Cuestionario (DKN-A) y la actitud de la diabetes Cuestionario (ATT-19). Para el análisis de datos, se utilizaron las pruebas bivariados y de regresión logística múltiple. Resultados: Más de la mitad de los sujetos (55,8%) tenía poco conocimiento sobre la enfermedad y la mayoría (92,2%), dificultad para resolverlos. Se verificó asociación entre el conocimiento acerca de la enfermedad con ocho o más años de estudio, cintura normal de la cadera, verificación de la glucosa en sangre regularmente, y relación inversa con el tiempo de diagnóstico <10 años. La actitud positiva hacia la enfermedad se asoció con edad entre 50 y 60 años y, a la inversa, con episodios de hiperglucemia. Conclusión: La baja prevalencia de conocimientos y actitudes positivas a la enfermedad. En cuanto a los factores asociados, cabe señalar que la mayoría de los destacados en este estudio no son modificables, lo que refuerza la importancia de que las actividades de promoción de la salud se centraron en gran medida en los grupos con estos factores


Objetivo: Verificar a prevalência do conhecimento e atitude de pessoas com diabetes mellitus tipo 2 em relação à doença e os fatores associados. Métodos: Inquérito domiciliar realizado com 398 pessoas com diabetes mellitus tipo 2 cadastradas na Atenção Primária. Foram aplicados três questionários: um para levantamento de dados sóciodemográficos e clínicos; o Diabetes Knowledge Questionnaire (DKN-A) e o Diabetes Attitude Questionnaire (ATT-19). Para análise dos dados, utilizou-se testes bivariados e regressão logística múltipla. Resultados: Mais da metade dos indivíduos (55,8%) apresentou conhecimento insatisfatório sobre a doença e a maioria (92,2%), dificuldade para o seu enfrentamento. Verificou-se associação entre conhecimento sobre a doença com oito ou mais anos de estudo, relação cintura quadril normal, verificação da glicemia capilar regular e, relação inversa com o tempo de diagnóstico <10 anos. A atitude positiva frente a doença apresentou associação com idade entre 50 a 60 anos e, de modo inverso, com episódios de hiperglicemia. Conclusão: A prevalência de conhecimento e atitudes positivas frente à doença foi considerada reduzida. Quanto aos fatores associados, salienta-se que a maioria daqueles evidenciados nesse estudo não são passíveis de modificação, reforçando a importância das atividades de promoção da saúde focadas sobremaneira nos grupos que apresentam estes fatores


Objective: To verify the prevalence of knowledge and attitude of people with diabetes mellitus type 2 in relation to the disease and associated factors. Methods: A household survey of 398 people with diabetes mellitus type 2 enrolled in Primary Care. Three questionnaires were applied: one for sociodemographic and clinical data collection; the Diabetes Knowledge Questionnaire (DKN-A) and the Diabetes Attitude Questionnaire (ATT-19). For data analysis, bivariate tests and multiple logistic regression were used. Results: More than half of the individuals (55.8%) presented unsatisfactory knowledge about the disease and the majority (92.2%) had difficulty in coping with it. There was an association between knowledge about the disease with eight or more years of study, normal waist hip ratio, regular capillary blood glucose check, and inverse relationship with time of diagnosis <10 years. The positive attitude towards the disease presented an association with age between 50 and 60 years and, conversely, with episodes of hyperglycemia. Conclusion: The prevalence of knowledge and positive attitudes towards the disease was considered low. As for the associated factors, most of those evidenced in this study are not subject to modification, reinforcing the importance of health promotion activities that are especially focused on the groups that present these factors


Assuntos
Humanos , Insulina/uso terapêutico , Hipoglicemiantes/uso terapêutico , Diabetes Mellitus Tipo 2/tratamento farmacológico , Hiperglicemia/enfermagem , Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde , Atenção Primária à Saúde , Promoção da Saúde/métodos , Diabetes Mellitus/enfermagem , Diabetes Mellitus Tipo 2/enfermagem , Estudos Transversais
5.
Rev. APS ; 21(2): 251-258, 01/04/2018.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-970432

RESUMO

Objetivo: esta pesquisa tem como objetivo conhecer a percepção dos usuários com diabetes acerca da assistência recebida na Atenção Primária à Saúde. Métodos: estudo descritivo, de natureza qualitativa, realizado junto a 20 pessoas com diabetes tipo 2 cadastradas e assistidas em seis equipes da Estratégia de Saúde da Família. A coleta de dados ocorreu por meio de entrevista domiciliar, utilizando questões norteadoras direcionadas para o objetivo do estudo. As mesmas foram gravadas, transcritas e submetidas à análise de conteúdo na modalidade temática. Resultados: participaram do estudo 15 mulheres e cinco homens, com idade média de 56 anos. Mediante as entrevistas emergiram três categorias temáticas: Receptividade, acessibilidade, acolhimento e rapidez na realização da consulta: potencialidades da assistência na perspectiva de pessoas com DM2; e Limites e fragilidades na assistência às pessoas com DM2 no âmbito da APS. Conclusão: percebe-se que um atendimento realizado de forma organizada, humanizado e individualizado, baseado no vínculo comunidade-equipe, que disponibilize os medicamentos e que preze pelo acesso e acessibilidade às consultas e atendimentos em geral é fundamental para a satisfação dos usuários.


Objective: the objective was to learn about the perception of diabetes patients regarding the assistance received in primary health care. Methods: this was a descriptive study, qualitative in nature, carried out with 20 people with type 2 diabetes, enrolled and assisted in Family Health Strategy teams. Data was collected through home interviews using guided questions directed to the purpose of the study. These were recorded, transcribed, and run through content analysis in the thematic mode. Results: the study included 15 women and five men, with a mean age of 56 years. Through the interviews, three themes emerged: openness, accessibility, comprehensive and rapid care in carrying out the consultation; potential assistance, from the perspective of people with type 2 diabetes; and limits and weaknesses in care for people with type 2 diabetes within the primary health care context. Conclusion: it is noted that patient care conducted in an organized, humanized, and individualized manner, based on the community-team link, that ensures availability of medications and that respects access and accessibility to consultations and care in general is key to user satisfaction.

6.
Rev Bras Enferm ; 71(suppl 1): 538-545, 2018.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-29562009

RESUMO

OBJECTIVE: To estimate the prevalence of depression and to identify the main risk factors associated with depression in wives of convicted men. METHOD: Descriptive, cross - sectional, quantitative approach. The data were collected with 349 female partners of convicted patients in three penitentiaries in the state of Paraná, with a semistructured research, between January and June of 2016, being compiled in a database and analyzed using SPSS® 20.0 software. RESULTS: It was possible to identify vulnerability to depression among wives of convicted men, most were young and 42.2% have or already had depression. It was verified that the variables to depression were ages equal to or above 30 years (50.3%, p <0.001), smoking (61.1%, p <0.013) and alcoholism (16.1%, p <0.001). CONCLUSION: It is the responsibility of the nurse with the multidisciplinary health team to invest in health promotion and prevention actions against these risk factors that were associated with depression in this population.


Assuntos
Depressão/epidemiologia , Prevalência , Prisões/normas , Cônjuges/psicologia , Adulto , Brasil/epidemiologia , Distribuição de Qui-Quadrado , Estudos Transversais , Feminino , Humanos , Modelos Logísticos , Pessoa de Meia-Idade , Prisioneiros/psicologia , Psicometria/instrumentação , Psicometria/métodos , Fatores de Risco , Comportamento Sexual/psicologia , Estresse Psicológico/complicações , Estresse Psicológico/etiologia , Estresse Psicológico/psicologia , Inquéritos e Questionários
7.
Ciênc. Saúde Colet ; 23(1): 241-248, Jan. 2018. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-890500

RESUMO

Resumo O objetivo foi analisar a tendência da mortalidade por tuberculose no Paraná, no período de 1998 a 2012, segundo macrorregionais de saúde, sexo e faixa etária. Estudo ecológico de séries temporais, com dados do Sistema de Informações de Mortalidade do Sistema Único de Saúde (SIM/SUS). A análise da tendência dos coeficientes de mortalidade padronizados foi realizada por meio de regressão linear segmentada com identificação dos pontos com modificação da tendência. Houve 847 mortes de residentes no Paraná, no período. Inicialmente, a tendência foi decrescente para o estado, com posterior incremento significativo apenas para a macrorregional Leste. A mortalidade por tuberculose apresentou tendência crescente para as faixas etárias de 20 a 39 anos e 40 a 49 anos, e para o sexo masculino. A tendência crescente da mortalidade por tuberculose, observada a partir de 2010, é um alerta para gestores aprimorarem o atendimento nos diversos níveis de atenção à saúde.


Abstract The objective was to analyze the trend in tuberculosis mortality in Paraná from 1998 to 2012, according to healthcare macro-region-al, gender and age. Ecological study of time series data with the system of the Unified System Mortality Information Health (SIM/SUS). Trend analysis of standardized mortality rates was performed by linear regression segmented identifying the points with the change trend. There were 847 deaths of residents in Paraná in the period. The trend was initially declining to state, with subsequent significant increase only for the macro-regional East. Mortality from tuberculosis showed growing trend for the age groups 20-39 years and 40-49 years and for males. The growing trend in tuberculosis mortality was observed from 2010 is a warning to managers honing the service at different levels of health care.

8.
Cien Saude Colet ; 23(1): 241-248, 2018 Jan.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-29267827

RESUMO

The objective was to analyze the trend in tuberculosis mortality in Paraná from 1998 to 2012, according to healthcare macro-region-al, gender and age. Ecological study of time series data with the system of the Unified System Mortality Information Health (SIM/SUS). Trend analysis of standardized mortality rates was performed by linear regression segmented identifying the points with the change trend. There were 847 deaths of residents in Paraná in the period. The trend was initially declining to state, with subsequent significant increase only for the macro-regional East. Mortality from tuberculosis showed growing trend for the age groups 20-39 years and 40-49 years and for males. The growing trend in tuberculosis mortality was observed from 2010 is a warning to managers honing the service at different levels of health care.


Assuntos
Programas Nacionais de Saúde , Tuberculose/mortalidade , Adolescente , Adulto , Distribuição por Idade , Brasil/epidemiologia , Criança , Pré-Escolar , Feminino , Humanos , Lactente , Modelos Lineares , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Mortalidade/tendências , Distribuição por Sexo , Tuberculose/epidemiologia , Adulto Jovem
9.
Rev. bras. enferm ; 71(supl.1): 538-545, 2018. tab
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-898467

RESUMO

ABSTRACT Objective: To estimate the prevalence of depression and to identify the main risk factors associated with depression in wives of convicted men. Method: Descriptive, cross - sectional, quantitative approach. The data were collected with 349 female partners of convicted patients in three penitentiaries in the state of Paraná, with a semistructured research, between January and June of 2016, being compiled in a database and analyzed using SPSS® 20.0 software. Results: It was possible to identify vulnerability to depression among wives of convicted men, most were young and 42.2% have or already had depression. It was verified that the variables to depression were ages equal to or above 30 years (50.3%, p <0.001), smoking (61.1%, p <0.013) and alcoholism (16.1%, p <0.001). Conclusion: It is the responsibility of the nurse with the multidisciplinary health team to invest in health promotion and prevention actions against these risk factors that were associated with depression in this population.


RESUMEN Objetivo: estimar la prevalencia de depresión e identificar los principales factores de riesgo asociados a la depresión en las mujeres de detenidos. Método: estudio descriptivo, transversal de abordaje cuantitativo. Los datos fueron recolectados con 349 mujeres compañeras de detenidos en tres prisiones del estado de Paraná, con cuestionario semiestructurado, entre los meses enero a junio de 2016, siendo compilada en base de datos y analizada utilizando el software SPSS® 20.0. Resultados: se identificó la vulnerabilidad para depresión entre mujeres de detenidos, la mayoría era joven y 42,2% tiene o ya ha tenido depresión. Se ha comprobado que las variables a la depresión fueran de edad igual o superior a 30 años (50,3%; p < 0,001), tabaquismo (61,1%; p < 0,013) y alcoholismo (16,1%; p < 0,001). Conclusión: corresponde al enfermero junto al equipo de salud multidisciplinario invertir en las acciones de promoción, prevención a la salud frente a estos factores de riesgo que se asociaron a la depresión en esta población.


RESUMO Objetivo: estimar a prevalência de depressão e identificar os principais fatores de risco associado à depressão em mulheres de apenados. Método: estudo descritivo, transversal de abordagem quantitativa. Os dados foram coletados com 349 mulheres parceiras de apenados em três penitenciárias do estado do Paraná, com questionário semiestruturado, entre os meses de janeiro a junho de 2016, sendo compilada em banco de dados e analisada utilizando software SPSS® 20.0. Resultados: foi possível identificar vulnerabilidade para depressão entre mulheres de apenados, a maioria era jovem e 42,2% têm ou já tiveram depressão. Verificou-se que as variáveis à depressão foram idade igual ou acima de 30 anos (50,3%; p < 0,001), tabagismo (61,1%; p < 0,013) e alcoolismo (16,1%; p < 0,001). Conclusão: cabe ao enfermeiro junto a equipe de saúde multidisciplinar investir nas ações de promoção, prevenção à saúde frente a estes fatores de risco que foram associados à depressão nesta população.

10.
Rev. bras. enferm ; 71(supl.1): 538-545, 2018. tab
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-898503

RESUMO

ABSTRACT Objective: To estimate the prevalence of depression and to identify the main risk factors associated with depression in wives of convicted men. Method: Descriptive, cross - sectional, quantitative approach. The data were collected with 349 female partners of convicted patients in three penitentiaries in the state of Paraná, with a semistructured research, between January and June of 2016, being compiled in a database and analyzed using SPSS® 20.0 software. Results: It was possible to identify vulnerability to depression among wives of convicted men, most were young and 42.2% have or already had depression. It was verified that the variables to depression were ages equal to or above 30 years (50.3%, p <0.001), smoking (61.1%, p <0.013) and alcoholism (16.1%, p <0.001). Conclusion: It is the responsibility of the nurse with the multidisciplinary health team to invest in health promotion and prevention actions against these risk factors that were associated with depression in this population.


RESUMEN Objetivo: estimar la prevalencia de depresión e identificar los principales factores de riesgo asociados a la depresión en las mujeres de detenidos. Método: estudio descriptivo, transversal de abordaje cuantitativo. Los datos fueron recolectados con 349 mujeres compañeras de detenidos en tres prisiones del estado de Paraná, con cuestionario semiestructurado, entre los meses enero a junio de 2016, siendo compilada en base de datos y analizada utilizando el software SPSS® 20.0. Resultados: se identificó la vulnerabilidad para depresión entre mujeres de detenidos, la mayoría era joven y 42,2% tiene o ya ha tenido depresión. Se ha comprobado que las variables a la depresión fueran de edad igual o superior a 30 años (50,3%; p < 0,001), tabaquismo (61,1%; p < 0,013) y alcoholismo (16,1%; p < 0,001). Conclusión: corresponde al enfermero junto al equipo de salud multidisciplinario invertir en las acciones de promoción, prevención a la salud frente a estos factores de riesgo que se asociaron a la depresión en esta población.


RESUMO Objetivo: estimar a prevalência de depressão e identificar os principais fatores de risco associado à depressão em mulheres de apenados. Método: estudo descritivo, transversal de abordagem quantitativa. Os dados foram coletados com 349 mulheres parceiras de apenados em três penitenciárias do estado do Paraná, com questionário semiestruturado, entre os meses de janeiro a junho de 2016, sendo compilada em banco de dados e analisada utilizando software SPSS® 20.0. Resultados: foi possível identificar vulnerabilidade para depressão entre mulheres de apenados, a maioria era jovem e 42,2% têm ou já tiveram depressão. Verificou-se que as variáveis à depressão foram idade igual ou acima de 30 anos (50,3%; p < 0,001), tabagismo (61,1%; p < 0,013) e alcoolismo (16,1%; p < 0,001). Conclusão: cabe ao enfermeiro junto a equipe de saúde multidisciplinar investir nas ações de promoção, prevenção à saúde frente a estes fatores de risco que foram associados à depressão nesta população.

11.
Rev. bras. enferm ; 71(supl.6): 2735-2742, 2018.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-977688

RESUMO

ABSTRACT Objective: to grasp the perspective of nurses on health education in the process of caring for people with Diabetes Mellitus in Primary Care. Method: a descriptive study of a qualitative nature carried out with 13 nurses from the Family Health Strategy in Southern Brazil. The data were collected in November and December of 2017, through recorded interviews, which were submitted to content analysis, thematic modality. Results: three categories emerged, which show from the perspective of nurses, the influence of structural and assistance characteristics in the development of educational actions; outcomes of these actions, and possibilities to increase their quality as central to the nursing action. Final considerations: there are still gaps in the structuring of public health policies, especially in the process of managing and caring for people with diabetes, which limits quantitatively and qualitatively the development of educational actions in Primary Care.


RESUMEN Objetivo: comprender la perspectiva de enfermeros sobre la educación para la salud en el proceso de cuidado a las personas con Diabetes Mellitus en la Atención Primaria. Método: estudio descriptivo, de naturaleza cualitativa, realizado junto a 13 enfermeros de la Estrategia Salud de la Familia en el Sur de Brasil. Los datos fueron recolectados en noviembre y diciembre de 2017, por medio de entrevistas grabadas, las cuales fueron sometidas al análisis de contenido, de modalidad temática. Resultados: surgieron tres categorías que muestran, en la perspectiva de enfermeros, la influencia de las características estructurales y asistenciales en el desarrollo de acciones educativas; los resultados de estas acciones y las posibilidades de ampliar la calidad de las mismas como centralidad del actuar de la Enfermería. Consideraciones finales: aún existen lagunas en la estructuración de las políticas públicas de salud, en especial en el proceso de gestión y asistencia a las personas con diabetes, lo que limita cuantitativamente y cualitativamente el desarrollo de acciones educativas en la Atención Primaria.


RESUMO Objetivo: apreender a perspectiva de enfermeiros sobre a educação para a saúde no processo de cuidado às pessoas com Diabetes Mellitus na Atenção Primária. Método: estudo descritivo, de natureza qualitativa, realizado junto a 13 enfermeiros da Estratégia Saúde da Família no Sul do Brasil. Os dados foram coletados em novembro e dezembro de 2017, por meio de entrevistas gravadas, que foram submetidas à análise de conteúdo, modalidade temática. Resultados: emergiram três categorias as quais mostram, na perspectiva de enfermeiros, a influência das características estruturais e assistenciais no desenvolvimento de ações educativas; os desfechos destas ações, e as possibilidades de ampliar a qualidade das mesmas enquanto centralidade do agir da Enfermagem. Considerações finais: ainda existem lacunas na estruturação das políticas públicas de saúde, em especial no processo de gestão e assistência a pessoas com diabetes, o que limita quantitativamente e qualitativamente o desenvolvimento de ações educativas na Atenção Primária.

12.
Texto & contexto enferm ; 27(1): e2630014, 2018. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-904405

RESUMO

RESUMO Objetivo: apreender como os enfermeiros da Estratégia Saúde da Família percebem as potencialidades e limitações da assistência às pessoas com Diabetes na Atenção Básica do município de Maringá. Método: estudo qualitativo do tipo estudo de caso, realizada com 63 enfermeiros, em Maringá, Paraná. Os dados foram coletados entre novembro de 2013 e maio de 2014, por meio de entrevistas semiestruturadas, gravadas, realizadas nas unidades de saúde, e analisados segundo matriz SWOT. Resultados: adesão dos usuários aos serviços oferecidos, vínculo com a equipe, envolvimento dos profissionais e oferta de atividades educativas, foram citados como potencialidades. Por sua vez, as limitações foram: reduzida adesão ao tratamento, lacunas no processo de trabalho da equipe e reduzida disponibilidade de recursos. Conclusão: observa-se que as limitações foram predominantes na assistência prestada aos usuários com Diabetes, o que sinaliza a necessidade de um olhar mais atento sobre a implementação e avaliação deste serviço.


RESUMEN Objetivo: el objetivo del estudio era entender como las enfermeras de la Estrategia Salud de la Familia se dan cuenta del potencial y las limitaciones de la atención para las personas con Diabetes en la atención primaria de Maringá, Paraná. Método: realizado con 63 enfermeras. Los datos fueron recolectados entre noviembre 2013 y mayo 2014 a través de entrevistas semi-estructuradas, grabado, y se analizaron utilizando SWOT. Resultados: servicios de adopción del usuario, que ofrece enlace com el equipo, la participación de profesionales y ofreciendo actividades educativas, fueron citados como potencial. Conclusión: A su vez, las limitaciones se reducen la adherencia al tratamiento, las lagunas en el proceso de trabajo en equipo y la reducción de la disponibilidad de recursos. Se observa que las limitaciones eran frecuentes en la asistencia a los usuários com la Diabetes, que señala la necesidad de una mirada cercana de este servicio.


ABSTRACT: Objective: the aim of the study was to understand how nurses of the Family Health Strategy perceive the potentials and limitations of care for people with diabetes in primary healthcare of Maringá, Paraná. Method: Qualitative case study conducted with 63 nurses. Data were collected between November 2013 and May 2014 through semi-structured interviews performed in health facilities, which were recorded and analyzed using SWOT. Results: Adherence of the user to the services provided, bond with the team, involvement of the professionals and providing educational activities, were cited as potentials. In turn, the limitations mentioned were reduced treatment adherence, gaps in the work process of the team and lack of resources. Conclussion: it was observed that the limitations were prevalent in the care for users with Diabetes which indicates the need for a close look at the implementation and evaluation of this service.

13.
Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online) ; 8(1): 3945-3956, jan.-mar. 2016.
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-776206

RESUMO

Objective: To know the perception of people with hypertension about the care received in primary care. Method: A descriptive qualitative study was conducted with 42 people with hypertension enrolled in five teams of the Family Health Strategy Maringá-Paraná. Data were collected between April and June 2013 during group meetings, using guiding questions, which were recorded, transcribed and analyzed for thematic content. The study was approved by the Ethics Committee on Human Research under Opinion 880/2007. Results: categories emerged: Activities of HIPERDIA focused on drug delivery: two sides of the same coin; Gaps and difficulties in HIPERDIA; and A good relationship with health professionals generates satisfaction with the service. Conclusion: how the user perceives the service is related to the receipt of medicines, availability and flexibility in service hours, and related health professionals.


Objetivo: conhecer a percepção de pessoas com hipertensão acerca da assistência recebida na atenção primária. Método: estudo descritivo de natureza qualitativa, realizado com 42 pessoas com hipertensão cadastradas em cinco equipes da Estratégia Saúde da Família de Maringá-Paraná. Os dados foram coletados entre abril e junho de 2013, durante reuniões dos grupos, utilizando questões norteadoras, as quais foram gravadas, transcritas e submetidas à análise de conteúdo temático. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos sob o Parecer 880/2007. Resultados: emergiram as categorias Atividades do HIPERDIA focadas na entrega de medicamentos: duas faces de uma mesma moeda; As lacunas e dificuldades no HIPERDIA; e A boa relação com profissionais de saúde gera satisfação com o serviço.Conclusão: a forma como o usuário percebe o serviço está relacionada ao recebimento de medicamentos, disponibilidade e flexibilidade nos horários de atendimento, e relação com profissionais de saúde.


Objetivo: Conocer la percepción de las personas con hipertensión sobre la atención recibida en atención primaria. Método: Estudio cualitativo descriptivo, realizado con 42 personas con hipertensión matriculados en cinco equipos de la Estrategia Salud de la Familia Maringá-Paraná. Los datos fueron recogidos entre abril y junio 2013, durante las reuniones de grupo, utilizando preguntas orientadoras, las cuales fueron grabadas, transcritas y analizadas para el contenido temático. El estudio fue aprobado por el Comité de Ética en Investigación en Seres Humanos bajo Dictamen 880/2007. Resultados: Categorías surgieron: Actividades deHIPERDIA centran en la administración de fármacos: dos caras de la misma moneda; Carencias y dificultades en HIPERDIA; y una buena relación con los profesionales de la salud genera satisfacción con el servicio. Conclusión: cómo el usuario percibe el servicio está relacionado con la recepción de medicamentos, disponibilidad y flexibilidad en las horas de servicio, y profesionales de la salud relacionados.


Assuntos
Humanos , Aceitação pelo Paciente de Cuidados de Saúde , Atenção Primária à Saúde , Hipertensão/enfermagem , Hipertensão/terapia , Satisfação do Paciente , Serviços Básicos de Saúde , Brasil
14.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 8(1): 3945-3956, jan.-mar. 2016.
Artigo em Inglês, Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-27366

RESUMO

Objective: To know the perception of people with hypertension about the care received in primary care. Method: A descriptive qualitative study was conducted with 42 people with hypertension enrolled in five teams of the Family Health Strategy Maringá-Paraná. Data were collected between April and June 2013 during group meetings, using guiding questions, which were recorded, transcribed and analyzed for thematic content. The study was approved by the Ethics Committee on Human Research under Opinion 880/2007. Results: categories emerged: Activities of HIPERDIA focused on drug delivery: two sides of the same coin; Gaps and difficulties in HIPERDIA; and A good relationship with health professionals generates satisfaction with the service. Conclusion: how the user perceives the service is related to the receipt of medicines, availability and flexibility in service hours, and related health professionals.(AU)


Objetivo: conhecer a percepção de pessoas com hipertensão acerca da assistência recebida na atenção primária. Método: estudo descritivo de natureza qualitativa, realizado com 42 pessoas com hipertensão cadastradas em cinco equipes da Estratégia Saúde da Família de Maringá-Paraná. Os dados foram coletados entre abril e junho de 2013, durante reuniões dos grupos, utilizando questões norteadoras, as quais foram gravadas, transcritas e submetidas à análise de conteúdo temático. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos sob o Parecer 880/2007. Resultados: emergiram as categorias Atividades do HIPERDIA focadas na entrega de medicamentos: duas faces de uma mesma moeda; As lacunas e dificuldades no HIPERDIA; e A boa relação com profissionais de saúde gera satisfação com o serviço.Conclusão: a forma como o usuário percebe o serviço está relacionada ao recebimento de medicamentos, disponibilidade e flexibilidade nos horários de atendimento, e relação com profissionais de saúde.(AU)


Objetivo: Conocer la percepción de las personas con hipertensión sobre la atención recibida en atención primaria. Método: Estudio cualitativo descriptivo, realizado con 42 personas con hipertensión matriculados en cinco equipos de la Estrategia Salud de la Familia Maringá-Paraná. Los datos fueron recogidos entre abril y junio 2013, durante las reuniones de grupo, utilizando preguntas orientadoras, las cuales fueron grabadas, transcritas y analizadas para el contenido temático. El estudio fue aprobado por el Comité de Ética en Investigación en Seres Humanos bajo Dictamen 880/2007. Resultados: Categorías surgieron: Actividades deHIPERDIA centran en la administración de fármacos: dos caras de la misma moneda; Carencias y dificultades en HIPERDIA; y una buena relación con los profesionales de la salud genera satisfacción con el servicio. Conclusión: cómo el usuario percibe el servicio está relacionado con la recepción de medicamentos, disponibilidad y flexibilidad en las horas de servicio, y profesionales de la salud relacionados.(AU)


Assuntos
Humanos , Hipertensão/enfermagem , Hipertensão/terapia , Satisfação do Paciente , Aceitação pelo Paciente de Cuidados de Saúde , Atenção Primária à Saúde , Serviços Básicos de Saúde , Brasil
15.
Acta paul. enferm ; 28(5): 401-407, jul.-ago. 2015. tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-766144

RESUMO

Objetivo: Analisar a tendência de hospitalizações por diabetes mellitus em um período de 15 anos, segundo sexo e faixa etária. Métodos Estudo descritivo, de séries temporais com dados de hospitalização por diabetes mellitus em indivíduos de ambos os sexos, com 20 ou mais anos, obtidos no sistema de informações do sistema único de saúde e analisados segundo estatística descritiva e regressão polinomial. Resultados Foram registradas 117.717 hospitalizações, sendo 61,6% de mulheres. A tendência geral foi de estabilidade, embora tenha sido crescente para os homens (r2=0,83; p<0,001) e estável para mulheres. As faixas etárias de 50 a 59 e maiores de 80 anos (r2=0,78; p<0,001 ambos) apresentaram tendência crescente para homens, enquanto para todas as idades houve estabilidade ou em declínio para mulheres. Conclusão A tendência de hospitalização por diabetes mellitus estratificada por sexo e idade, foi crescente apenas para homens entre 50 a 59 anos e maiores de 80 anos.


Objective: To analyze the trend in hospitalizations for diabetes mellitus in a period of 15 years, according to gender and age group. Methods Descriptive study, with time series data from hospitalization for diabetes mellitus in individuals of both genders, aged 20 or more, data obtained in the information system of the unified health system and analyzed according to descriptive statistics and polynomial regression. Results A total of 117,717 hospitalizations were registered, 61.6% were women. The general trend was stable, although it has been increasing for men (r2=0.83; p<0.001) and stable for women. Age group 50 - 59 and older than 80 years (r2=0.78; p<0.001 for both) showed increasing trend for men, while for all ages it was stable or it was declining for women. Conclusion The trend in hospitalization for diabetes mellitus stratified by gender and age was increasing just for men in the age group of 50-59 years and older than 80 years.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Idoso de 80 Anos ou mais , Adulto Jovem , Assistência à Saúde , Complicações do Diabetes , Diabetes Mellitus/epidemiologia , Hospitalização/estatística & dados numéricos , Hospitalização/tendências , Epidemiologia Descritiva , Estudos de Séries Temporais
16.
Acta sci., Health sci ; 37(2): 153-159, jul.-dez. 2015.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-832078

RESUMO

This is a descriptive exploratory qualitative study developed with the purpose of knowing daily cares adopted by diabetic and his/her caregiver for the control of glucose levels. The collection of data was accomplished in 2010, through semi-structured interview, which were later subjected to the content analysis. Eight diabetics and seven family members participated in this study. Our results showed that diabetics find it hard to keep the disease under control and despite the concern of the family with the change of habits they present low adherence to recommended care for metabolic control, especially in relation to food. It is concluded that there is a need to develop strategies aiming the systematization care to people with diabetes involving the sick and the family in the planning of education actions in health, contributing with the development of abilities to a persistent and effective care in the metabolic control according to the reality of each family nucleus.


Estudo descritivo -exploratório, de natureza qualitativa, realizado com o objetivo de conhecer os cuidados cotidianos para o controle dos níveis glicêmicos, adotados pelo indivíduo com diabetes e seu cuidador. Os dados foram coletados no período de maio a julho de 2010 por meio de entrevista semiestruturada junto a oito indivíduos diabéticos e sete familiares, após submetidos à análise de conteúdo, modalidade temática. Os resultados mostraram que apesar da preocupação e apoio da família em relação à mudança de hábitos, as pessoas com diabetes consideram complexo e muito difícil manter a doença sob controle, especialmente no que depende da questão alimentar. Conclui- se que os profissionais de saúde precisam conhecer mais de perto as dificuldades enfrentadas por estas pessoas e encontrar meios que efetivamente as ajudem a lidar com estas questões no cotidiano.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Cuidadores , Controle , Diabetes Mellitus
17.
Rev Esc Enferm USP ; 49(1): 61-8, 2015 Feb.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-25789643

RESUMO

OBJECTIVE: To assess the association of sociodemographic and self-rated health in the presence of cardiovascular diseases and the association of this perception with the type of disease. METHODS: A cross-sectional population survey study carried out with 1,232 individuals aged between 20 and 59 years of both genders living in the metropolitan region of Maringá-PR. Data were analyzed using multiple and simple logistic regression. RESULTS: In multivariate analysis, the age range and self-rated health were associated with cardiovascular disease, and in the univariate analysis self-rated regular health was associated with arterial hypertension, while self-rated poor health was associated to heart failure, stroke, and to acute myocardial infarction (heart attack). CONCLUSION: The differences in association of self-rated health with these diseases can indicate how individuals with certain characteristics cope with the disease, allowing for more individualized and specific health care.


Assuntos
Doenças Cardiovasculares , Autoavaliação Diagnóstica , Autorrelato , Adulto , Doenças Cardiovasculares/diagnóstico , Estudos Transversais , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Fatores Socioeconômicos , Adulto Jovem
18.
Cien Saude Colet ; 20(3): 761-70, 2015 Mar.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-25760116

RESUMO

The scope of this article is to estimate the prevalence of microvascular complications of self-reported type 2 diabetes and the association with sociodemographic characteristics, nutritional status, treatment given and time since diagnosis. It involved a cross-sectional study with 318 people with type 2 diabetes living in Maringá in the State of Paraná. A telephone survey of self-reported morbidity was conducted in the months from January to June 2012. For the analysis descriptive statistics, univariate and multiple logistic regression were used. The prevalence of self-reported complications of diabetes was 53.8%, the most frequent being retinopathy (42.8%), followed by peripheral neuropathy (14.5%) and nephropathy (12.9%). The variables associated with the presence of complications were age (p = 0.008), overweight/obesity (p = 0.002), insulin (p < 0.001), insulin use linked to oral antidiabetic drug (p = 0.003) and time since diagnosis (p = 0.013). The prevalence of self-reported microvascular complications for people with diabetes was high, being more frequent among those of more advanced age, with inadequate nutritional status, a delay in diagnosis of the disease and those who were using insulin alone or in combination with oral antidiabetic agents.


Assuntos
Diabetes Mellitus Tipo 2/complicações , Angiopatias Diabéticas/etiologia , Adulto , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Estudos Transversais , Diabetes Mellitus Tipo 2/diagnóstico , Angiopatias Diabéticas/diagnóstico , Feminino , Humanos , Masculino , Microvasos , Pessoa de Meia-Idade , Estudos Prospectivos , Autorrelato , Telefone , Adulto Jovem
19.
Ciênc. saúde coletiva ; 20(3): 761-770, 03/2015. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-742238

RESUMO

The scope of this article is to estimate the prevalence of microvascular complications of self-reported type 2 diabetes and the association with sociodemographic characteristics, nutritional status, treatment given and time since diagnosis. It involved a cross-sectional study with 318 people with type 2 diabetes living in Maringá in the State of Paraná. A telephone survey of self-reported morbidity was conducted in the months from January to June 2012. For the analysis descriptive statistics, univariate and multiple logistic regression were used. The prevalence of self-reported complications of diabetes was 53.8%, the most frequent being retinopathy (42.8%), followed by peripheral neuropathy (14.5%) and nephropathy (12.9%). The variables associated with the presence of complications were age (p = 0.008), overweight/obesity (p = 0.002), insulin (p < 0.001), insulin use linked to oral antidiabetic drug (p = 0.003) and time since diagnosis (p = 0.013). The prevalence of self-reported microvascular complications for people with diabetes was high, being more frequent among those of more advanced age, with inadequate nutritional status, a delay in diagnosis of the disease and those who were using insulin alone or in combination with oral antidiabetic agents.


O objetivo deste artigo é estimar a prevalência de complicações microvasculares do diabetes tipo 2 autoreferidas e verificar a associação com características sociodemográficas, estado nutricional, tratamento utilizado e tempo de diagnóstico. Estudo transversal realizado com 318 pessoas com diabetes tipo 2 residentes em Maringá, Paraná. Utilizou-se de inquérito telefônico de morbidade autoreferida nos meses de janeiro a junho de 2012. Para a análise utilizou-se estatística descritiva, regressão logística univariada e múltipla. A prevalência de complicações autoreferidas do diabetes foi de 53,8%, sendo a retinopatia a mais frequente (42,8%), seguida pela neuropatia periférica (14,5%) e pela nefropatia (12,9%). As variáveis associadas à presença de complicações foram faixa etária (p = 0,008), sobrepeso/obesidade (p = 0,002), uso de insulina (p < 0,001), uso de insulina associada ao antidiabético oral (p = 0,003) e tempo de diagnóstico (p = 0,013). A prevalência de complicações microvasculares autoreferidas por pessoas com diabetes foi elevada, sendo mais frequente entre aquelas com maior idade, estado nutricional inadequado, maior tempo de diagnóstico da doença e que faziam uso de insulina isolada ou associada à antidiabéticos orais.


Assuntos
Adulto , Idoso , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Gastrectomia/métodos , Transplante de Rim , Transplante de Fígado , Laparoscopia/métodos , Obesidade Mórbida/cirurgia , Complicações Pós-Operatórias/epidemiologia , Estudos Retrospectivos , Resultado do Tratamento , Perda de Peso
20.
REME rev. min. enferm ; 19(1): 55-59, jan.-mar. 2015.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-768467

RESUMO

O objetivo foi conhecer o papel das avós no processo de cuidado a filhos de mães adolescentes. Estudo descritivo de natureza qualitativa,realizado em Maringá-PR com mães adolescentes que continuaram residindo com seus pais após o nascimento do filho, independentemente deterem ou não companheiro. As adolescentes foram identificadas a partir das fichas de crianças incluídas no Programa de Vigilância do RecémNascidode Risco. Os dados foram coletados nos meses de abril e maio de 2010, por meio de entrevistas semiestruturadas, previamente agendadase realizadas no domicílio. Das 14 entrevistadas, apenas uma já era mãe pela segunda vez. A partir dos depoimentos obtidos, emergiram duascategorias temáticas: o suporte oferecido pelas avós no processo de cuidado ao recém-nascido na maternidade adolescente e a necessidade decuidado compartilhado entre duas gerações. Os dados evidenciaram empenho das avós em preparar a mãe adolescente para o cuidado rotineiroao filho, todavia, algumas orientações eram influenciadas por crendices e por vivências anteriores. Porém, a insegurança das mães adolescentesem relação aos cuidados ao filho, em alguns casos, permitiu que as avós passassem a assumir o papel de mãe. Conclui-se que as avós oferecemsuporte positivo no processo de cuidado a filhos de mães adolescentes, mesmo que este seja influenciado por crendices.


The study objective is to identify the role of grandmother in the care of children of adolescent mothers. It is a descriptive qualitative study carried out inthe city of Maringá with adolescent mothers who continued living with their parents after their child’s birth, regardless of whether or not they were in arelationship. The study subjects were identified from data of the New-born At Risk Surveillance Programme. Data were collected in April and May 2010,through semi-structured previously scheduled interviews held at home. Out of the 14 teenagers interviewed, one was already a mother. From the interviews,two thematic categories emerged: the support provided by grandmothers in the care of babies of adolescent mothers; and the need of shared care betweentwo generations. Data demonstrated that grandmothers were committed to training the mother for the baby care routine; however, some advice wasinfluenced by popular beliefs and previous experiences. In some cases, the adolescents’ lack of confidence led grandmothers to assume the mother’s role.We conclude that grandmothers provide positive support in the care of children of adolescent mothers, even when they are influenced by popular beliefs.


El objetivo del presente estudio fue identificar el papel de las abuelas en el proceso de cuidado de hijos de madres adolescentes. Se trata de un estudio cualitativodescriptivo realizado en Maringá -PR con madres adolescentes que seguían viviendo con sus padres después del nacimiento del niño, independientemente deseguir viviendo o no con el compañero. Las adolescentes fueron identificadas a partir de los registros de los niños incluidos en el Programa de Vigilancia de Riesgodel Recién Nacido. Los datos fueron recogidos en abril y mayo de 2010, a través de entrevistas semi-estructuradas, programadas previamente y realizadas en elhogar. De las 14 entrevistadas, sólo una era madre por segunda vez. A partir de las evidencias, se obtuvieron dos categorías temáticas: apoyo de las abuelas en elproceso de cuidado de bebés en la maternidad adolescente y necesidad de atención compartida entre las dos generaciones. Los datos mostraron el compromisode las abuelas para enseñarles a las adolescentes a cuidar a sus niños y también que algunas de sus orientaciones estaban influenciadas por creencias yexperiencias previas. Sin embargo, en algunos casos, la inseguridad de las madres adolescentes permitió que las abuelas asumiesen el papel de madre. Se llega ala conclusión que las abuelas ofrecen un respaldo positivo en el cuidado de los hijos de madres adolescentes, aunque influyan otras creencias.


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Adolescente , Cuidado da Criança , Relações Familiares , Relações Mãe-Filho , Gravidez na Adolescência
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA