Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
São Paulo; s.n; 2018. 41 p.
Tese em Português | HomeoIndex - Homeopatia | ID: hom-12080

RESUMO

A Teoria dos Miasmas, proposta pelo próprio Samuel Hahnemann, pai da Homeopatia, até os dias de hoje é motivo de grandes controvérsias. Diversos autores tentaram explicá-la à luz dos conhecimentos científicos e abordagens filosóficas de sua época. J. Henry Allen, sucessor de Hahnemann no estudo dos miasmas, já no final do século XIX identificava importante incremento nos casos de sicose, o que se propõe até os dias de hoje. Neste trabalho, propomo-nos a abordar o miasma na sicose desde Hahnemann até os autores contemporâneos, avaliando os diferentes posicionamentos em relação a ela e sua importância ao longo da história. (AU)


The Miasm Theory, created by Samuel Hahnemann, the father of Homeopathy, still causes great controversy. Different authors try to explain it according to the scientific knowledge and philosophical approaches regarding their respective life time. J. Henry Allen, Hahnemann’s successor in the miasm studies, at the end of the nineteenth century identified important growth in the number of sycotic patients, which we still believe happens nowadays. In the present paper we aim to analyze Sycosis since Hahnemann to the contemporary authors, evaluating different approaches and its importance along History. (AU)


Assuntos
Sicose em Homeopatia , Fundamentos da Homeopatia , Miasma em Homeopatia
2.
Rev. bras. med. fam. comunidade ; 7(Suplemento 1): 68-68, jun. 2012.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-880841

RESUMO

Introdução: A designação de saúde como "ausência de doença" sofreu uma alteração desde a criação da OMS, definindo-a como "o estado do mais completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de enfermidade". A partir da década de 70, houve a hipervalorização do atendimento terciário em saúde e do tecnocentrismo, evidente com o processo de hospitalização e da tecnologia de ponta. Apesar de todo o avanço alcançado, tem-se observado um movimento considerável em várias partes do mundo em relação ao ensino e utilização de terapêuticas relacionadas à Medicina Tradicional (MT) e às Práticas Contemplativas (PC). Objetivo:Descrever as perspectivas da MT e das PC na Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB), a partir da análise das ações que iniciaram a discussão sobre o tema. Metodologia: Análise descritiva e reflexiva dos fatos acadêmicos relacionados à MT e às PC que ocorreram na FMB. Resultados: Apesar do Hospital das Clínicas de Botucatu oferecer gratuitamente, desde 2000, atendimento homeopático e acupuntura, tendo atendido mais de 7000 pacientes, os graduandos não tinham a oportunidade de acompanhar o serviço. As práticas existentes eram restritas aos ambulatórios e não havia disciplinas optativas ou matérias curriculares oferecidas aos estudantes.A partir da demanda foram formados grupos de estudo sobre Homeopatia, Medicina Antroposófica e Espiritualidade. A fim de prover uma acessibilidade maior ao tema, em 2011 foi criada a Liga da Medicina Integrativa e Complementar. No mesmo ano ocorreram ainda o "I Congresso Médico Acadêmico de Acupuntura e Homeopatia", além de uma noite dedicada ao tema da Medicina Integrativa no 20° Congresso Médico Acadêmico de Botucatu. Conclusões:Incentivar o acesso ao conhecimento das abordagens que compõem a MT e as PC, não é apenas seguir uma tendência mundial, mas sim disponibilizar aos estudantes a possibilidade de um aprendizado que pode contribuir com a promoção do bem estar e da saúde integral do ser humano.


Assuntos
Medicina Integrativa , Medicina Tradicional
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...