Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 22
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
In. Jorge, Marco Aurélio Soares; Carvalho, Maria Cecilia de Araujo; Silva, Paulo Roberto Fagundes da. Políticas e cuidado em saúde mental: contribuições para a prática profissional. Rio de Janeiro, Editora Fiocruz, 2014. p.41-58, tab, graf.
Monografia em Português | LILACS | ID: lil-736593
2.
In. Jorge, Marco Aurélio Soares; Carvalho, Maria Cecilia de Araujo; Silva, Paulo Roberto Fagundes da. Políticas e cuidado em saúde mental: contribuições para a prática profissional. Rio de Janeiro, Fiocruz, 2014. p.[41]-58, graf.
Monografia em Português | HISA - História da Saúde | ID: his-35343
3.
Brasília; EVIPNet Brasil; 2010.
Monografia em Português | PIE | ID: biblio-1000172

RESUMO

As desigualdades sociais entre regiões e populações no Brasil se reproduzem nas taxas de mortalidade infantil, constituindo um relevante problema de saúde a ser enfrentado por toda a sociedade. Apesar do declínio da mortalidade infantil na última década, as taxas encontradas nas regiões Norte e Nordeste são consideradas elevadas e incompatíveis com o desenvolvimento do país, ressaltando as persistentes desigualdades regionais e entre grupos sociais e econômicos, com concentração dos óbitos na população mais pobre. Nesse contexto, ações de Atenção Primária à Saúde têm demonstrada efetividade na redução global da mortalidade materno-infantil, porém, o impacto na redução da mortalidade perinatal ainda é limitado. A problema analisado no policy brief foi: Como ampliar o impacto das ações de APS sobre a mortalidade infantil perinatal e quais opções, com base em revisões sistemáticas, a gestão local da saúde pode usar para obter maior efetividade na redução desse componente do óbito infantil, em especial nas regiões Norte e Nordeste do Brasil. São apresentadas 4 opções: 1- Protocolo clínico para o manejo do acompanhamento pré-natal na APS; 2- Aumento do intervalo de tempo entre as gestações; 3- Presença de acompanhante para suporte à gestante durante o parto; 4- Uso de corticosteróides para prevenir desconforto respiratório em prematuros. E são apresentadas as considerações para implementação das opções.


Assuntos
Cuidado Pré-Natal/métodos , Atenção Primária à Saúde , Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido/diagnóstico , Saúde Materno-Infantil , Mortalidade Neonatal Precoce , Brasil , Mortalidade Infantil
4.
Rev. ABP-APAL ; 19(3): 79-86, jul.-set. 1997. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-226267

RESUMO

Realizou-se um inquérito postal com 94 hospitais gerais que realizaram internaçöes psiquiátricas pelo Sistema único de Saúde (SUS).O índice de resposta foi de 84 por cento. Das 63 instituiçöes que têm enfermaria de psiquiatria, 75 por cento encontram-se no Sul e Sudeste, 59 por cento säo públicas, 33 por cento säo filantrópicas e 8 por cento säo particulares conveniadas. Uma unidade de psiquiatria de hospital geral (UPHG) conta em média 20 leitos, o que representa 14 por cento da capacidade do hospital. Apenas 32 por cento dos hospitais incluem, concomitantemente, enfermaria, interconsulta, ambulatório e pronto-socorro psiquiátrico; geralmente säo instituiçöes públicas e universitárias. As UPHGs cresceram numericamente a partir de 1980, o que se acentuou na primeira metade desta década, quando passaram a ser instaladas em instituiçöes de menor porte, públicas e filantrópicas, näo ligadas a escolas médicas. As UPHGs têm-se adequado, mais frequentemente, aos pacientes psicóticos agudos e aos acometidos por transtornos afetivos. Falta de segurança e de pessoal tem dificultado o atendimento de pacientes agressivos e de idoso dependentes de cuidados de enfermagem. A internaçäo de dependente de álcool ou drogas é preterida ou reduzida a um mínimo de tempo. A exceçäo fica por conta das poucas instituiçöes que se desenvolveram nesse tipo de atendimento


Assuntos
Serviços de Saúde , Saúde Mental
5.
Revista ABP-APAL ; 3(19): 79-86, jul./set. 1997.
Artigo | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-5102

RESUMO

Realizou-se um inquerito postal com 94 hospitais gerais que realizaram internacoes psiquiatricas pelo Sistema Unico de Saude (SUS). O indice de resposta foi de 84 por cento. Das 63 instituicoes que tem enfermeira de psiquiatria, 75 por cento encontram-se no Sul e Sudeste, 59 por cento sao publicas, 33 por cento sao filantropicas e 8 por cento sao particulares conveniadas. Uma unidade de psiquiatria de hospital geral (UPHG) conta em media 20 leitos, o que representa 14 por cento da capacidade do hospital. Apenas 32 por cento dos hospitais incluem, concomitantemente, enfermaria, interconsulta, ambulatorio e pronto-socorro psiquiatrico; geralmente sao instituicoes publicas e universitarias. As UPHGs cresceram numericamente a partir de 1980, o que se acentuou na primeira metade desta decada, quando passaram a ser instaladas em instituicoes de menor porte, publicas e filantropicas, nao ligadas a escolas medicas. As UPHGs tem-se adequado, mais frequentemente, aos pacientes psicoticos agudos e aos acometidos por trenstornos afetivos. Falta de seguranca e de pessoal tem dificultado o atendimento de pacientes agressivos e de idosos dependentes de cuidados de enfermagem. A internacao do dependente de alcool ou de drogas e preterida ou reduzida a um minimo de tempo. A excecao fica por conta das poucas instituicoes que se desenvolveram nesse tipo de atendimento.


Assuntos
Hospitais Gerais , Serviços de Saúde Mental , Psiquiatria , Hospitais Gerais , Serviços de Saúde Mental , Psiquiatria
6.
J. bras. psiquiatr ; 3(45): 127-128, mar. 1996.
Artigo | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-3004

RESUMO

Os autores, membros da Coordenacao de Saude Mental do Ministerio da Saude do Brasil, apresentam uma breve revisao da politica nacional de saude mental na decada de 90 e uma visao prospectiva sobre o mesmo assunto.


Assuntos
Saúde Mental , Política de Saúde , Brasil , Saúde Mental , Política de Saúde , Brasil
8.
In. Amarante, Paulo. Psiquiatria social e reforma psiquiátrica. Rio de Janeiro, FIOCRUZ, 1994. p.195-202.
Monografia em Português | LILACS | ID: lil-150229

RESUMO

Documento da Coordenaçäo de Saúde Mental do Ministério da Saúde que apresenta as diretrizes deste órgäo para a transformaçäo da assistência psiquiátrica, repleto de informaçoes qualitativas e quantitativas do subsetor saúde mental no Brasil. (PA)


Assuntos
Reforma dos Serviços de Saúde/tendências , Saúde Mental , Psiquiatria Comunitária/tendências , Psiquiatria Comunitária/organização & administração
9.
J. bras. psiquiatr ; 41(8): 423-6, set. 1992. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-129148

RESUMO

Os autores apresentam um diagnóstico da situaçäo da assistência em saúde mental no Brasil, apontando prioridades e algumas açöes estratégicas, desenvolvidas ou a desenvolver, relacionadas de maneira sucinta. Concluem que alguns passos importantes foram dados para a transformaçäo do modelo assistencial vigente e posicionam-se favoravelmente à busca de uma nova lógica nas relaçöes do campo "psi" com usuários dos serviços de saúde mental


Assuntos
Serviços de Saúde Mental/tendências , Ocupação de Leitos , Brasil , Assistência à Saúde/tendências , Pesquisa sobre Serviços de Saúde , Estratégias Nacionais , Planos Governamentais de Saúde
10.
J. bras. psiquiatr ; 8(41): 423-426, set. 1992.
Artigo | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-10314

RESUMO

Os autores apresentam um diagnostico da situacao da assistencia em saude mental no Brasil, apontando prioridades e algumas acoes estrategicas, desenvolvidas ou a desenvolver, relacionadas de maneira sucinta. Concluem que alguns passos importantes foram dados para a transformacao do modelo assistencial vigente e posicionam-se favoravelmente a busca de uma nova logica nas relacoes do campo 'psi' com os usuarios dos servicos de saude mental.


Assuntos
Serviços de Saúde Mental , Assistência à Saúde , Pesquisa sobre Serviços de Saúde , Ocupação de Leitos , Estratégias , Planos e Programas de Saúde , Brasil , Serviços de Saúde Mental , Assistência à Saúde , Pesquisa sobre Serviços de Saúde , Ocupação de Leitos , Estratégias , Planos e Programas de Saúde , Brasil
11.
In. Conferência Nacional de Saúde Mental. A reestruturaçäo da atençäo em saúde mental no Brasil. Brasília, Brasil. Ministério da Saúde, 1992. p.46-59, ilus, tab.
Não convencional em Português | LILACS | ID: lil-160258

RESUMO

A cultura manicomial é sustentada pela proliferaçäo de leitos hospitalares, único recurso terapêutico financiado pelo setor público na atençäo psiquiátrica. Säo apresentados alguns dados da situaçäo atual e indicadas as prioridades e estratégias para uma açäo transformadora que redefina a lógica das relaçöes no campo da psiquiatria. (AMSB)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Serviços de Saúde Mental , Número de Leitos em Hospital/estatística & dados numéricos , Gastos em Saúde , Hospitais Psiquiátricos , Estratégias Nacionais
12.
Cad. psicanál. (Rio J., 1982) ; 3(4): 54-55, maio 1984.
Artigo | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-14610

RESUMO

O nome de Zusman esta ligado a historia da psicanálise brasileira. O de Schechtman a psiquiatria social. Zusman é um profissional urbano, de consultório. Schechtman viaja todo o tempo pelo Brasil, tentando interiorizar a medicina. Diferenças profissionais, tarefas diferentes. Mas, poeticamente, ambos atentos as mais sutis manifestações da morte (AU)


Assuntos
Morte , Poesia , Morte , Transtornos Psicóticos , Poesia
14.
Psicologia em Curso ; 10: 54-55, set. 1983.
Artigo | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-11231
15.
Psicologia em curso ; (8): 33-40, out.- dez.1981.
Artigo em Português | HISA - História da Saúde | ID: his-9953

RESUMO

Apresenta uma breve formulaçäo histórica, da realidade da assistência psiquiátrica no Brasil. Da utopia teórica da mesa do tecnocrata da saúde, os planos saltam para a realidade social brasileira, que reclama soluçöes autóctones.(AU)


Assuntos
Política de Saúde/história , Psiquiatria/história , Medicina Social/história , Brasil
16.
Psicologia em Curso ; (7): 49-62, jul.-set.1981.
Artigo em Português | HISA - História da Saúde | ID: his-9964

RESUMO

Baseados na obra de Juliano Moreira, os autores expöem aspectos marcantes na história da psiquiatria no Brasil e sua articulaçäo com o Estado de nova modalidade de controle de individuos, e, a psiquiatria, a expansäo de seus limites. A época enfocada, segunda metade do século passado e início deste, é marcada por conflitos e reorganizaçäo social e a psiquiatria veio a ganhar importância conjugando intervençäo médica e jurídica através da Lei de 1903.(AU)


Assuntos
Psiquiatria/história , Saúde Pública/história , Brasil
20.
Psicologia em Curso ; 8: 33-40, out./dez. 1981.
Artigo | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-11200
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...