Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. APS ; 21(2): 251-258, 01/04/2018.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-970432

RESUMO

Objetivo: esta pesquisa tem como objetivo conhecer a percepção dos usuários com diabetes acerca da assistência recebida na Atenção Primária à Saúde. Métodos: estudo descritivo, de natureza qualitativa, realizado junto a 20 pessoas com diabetes tipo 2 cadastradas e assistidas em seis equipes da Estratégia de Saúde da Família. A coleta de dados ocorreu por meio de entrevista domiciliar, utilizando questões norteadoras direcionadas para o objetivo do estudo. As mesmas foram gravadas, transcritas e submetidas à análise de conteúdo na modalidade temática. Resultados: participaram do estudo 15 mulheres e cinco homens, com idade média de 56 anos. Mediante as entrevistas emergiram três categorias temáticas: Receptividade, acessibilidade, acolhimento e rapidez na realização da consulta: potencialidades da assistência na perspectiva de pessoas com DM2; e Limites e fragilidades na assistência às pessoas com DM2 no âmbito da APS. Conclusão: percebe-se que um atendimento realizado de forma organizada, humanizado e individualizado, baseado no vínculo comunidade-equipe, que disponibilize os medicamentos e que preze pelo acesso e acessibilidade às consultas e atendimentos em geral é fundamental para a satisfação dos usuários.


Objective: the objective was to learn about the perception of diabetes patients regarding the assistance received in primary health care. Methods: this was a descriptive study, qualitative in nature, carried out with 20 people with type 2 diabetes, enrolled and assisted in Family Health Strategy teams. Data was collected through home interviews using guided questions directed to the purpose of the study. These were recorded, transcribed, and run through content analysis in the thematic mode. Results: the study included 15 women and five men, with a mean age of 56 years. Through the interviews, three themes emerged: openness, accessibility, comprehensive and rapid care in carrying out the consultation; potential assistance, from the perspective of people with type 2 diabetes; and limits and weaknesses in care for people with type 2 diabetes within the primary health care context. Conclusion: it is noted that patient care conducted in an organized, humanized, and individualized manner, based on the community-team link, that ensures availability of medications and that respects access and accessibility to consultations and care in general is key to user satisfaction.

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA