Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 14 de 14
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev Lat Am Enfermagem ; 27: e3185, 2019.
Artigo em Inglês, Português, Espanhol | MEDLINE | ID: mdl-31596418

RESUMO

OBJECTIVE: to understand the phenomenon of marital violence based on the experience of women in judicial process and network professionals. METHOD: a qualitative study, with theoretical-methodological support in grounded theory. Data collection took place in two regional Courts for Peace in the Home in a municipality of the Brazilian Northeast. Interviews were conducted with 38 participants, who composed two sample groups: women in situations of violence and network professionals. RESULTS: the understanding of marital violence emerged for the phenomenon "Experiencing marital violence as a progressive and cyclical process, with repercussions for health and implications for social relations". CONCLUSION: in recognizing marital violence as a recurring problem in the life of women, with implications for their own health and that of their children, the study points to the relevance of coping strategies based on institutional and social support.


Assuntos
Rede Social , Apoio Social , Maus-Tratos Conjugais/psicologia , Adulto , Idoso , Atitude do Pessoal de Saúde , Brasil , Feminino , Teoria Fundamentada , Humanos , Pessoa de Meia-Idade , Maus-Tratos Conjugais/prevenção & controle , Maus-Tratos Conjugais/estatística & dados numéricos
2.
Aquichan ; 19(3): e1938, July-Sept. 2019.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-1038336

RESUMO

ABSTRACT Objective: This work sought to identify, in the discourse of educators, which strategies they can implement, within the school setting, to prevent and cope with the experience of domestic violence by adolescents. Method: Qualitative study based on the critical-liberating perspective of Paulo Freire, conducted with 20 educators from a public school in Salvador, Bahia, Brazil. To collect the data, the interview was used and, to systematize them, the discourse of the collective subject. Results: The discourses reveal the following coping strategies of domestic violence experienced by adolescents: place into action the Guardianship Council; create reception and listening spaces for students; strengthen bonds between the school and family; promote educational actions, and articulate knowledge. Conclusions: The study provides paths to prevent and confront family abuses that compromise the physical and mental health of children and adolescents, with impact upon school performance. The study suggests the contribution of primary health care through actions linked to the Health in School Program and the insertion of the theme of violence in the different university careers, given that caring for children and adolescents and defending them constitutes an obligation for all citizens.


RESUMEN Objetivo: identificar, en el discurso de educadoras, qué estrategias pueden implementar, en el ámbito de la escuela, para prevenir y enfrentar la vivencia de violencia doméstica por adolescentes. Método: estudio cualitativo, basado en la perspectiva crítico-libertadora de Paulo Freire, llevado a cabo con 20 educadoras de una escuela pública, en Salvador, Bahía, Brasil. Para recolectar los datos, se empleó la entrevista y, para sistematizarlos, el discurso del sujeto colectivo. Resultados: los discursos develan las siguientes estrategias de enfrentamiento de la violencia doméstica vivida por adolescentes: accionar el Consejo Tutelar; crear espacios de acogida y escucha para los escolares; estrechar vínculos entre escuela y familia; promover acciones educativas y articular saberes. Conclusiones: el estudio aporta caminos para prevenir y enfrentar abusos familiares que comprometen la salud física y mental de niños y adolescentes, con impactos sobre el rendimiento escolar. Se sugiere la contribución de la atención primaria a la salud por medio de acciones vinculadas al Programa Salud en la Escuela y la inserción de la temática de la violencia en las diversas carreras universitarias, ya que cuidar a niños y adolescentes y defenderlos constituyen obligación de todos los ciudadanos.


RESUMO Objetivo: identificar, no discurso de educadoras, que estratégias elas podem implementar, no âmbito da escola, para prevenir e enfrentar a vivência de violência doméstica pelos adolescentes. Método: estudo qualitativo, fundamentado na perspectiva crítico-libertadora de Paulo Freire, realizado com 20 educadoras de uma escola pública, em Salvador, Bahia, Brasil. Para a coleta de dados, utilizou-se a entrevista e, para a sistematização destes, o discurso do sujeito coletivo. Resultados: os discursos revelam as seguintes estratégias de enfrentamento da violência doméstica vivenciada pelos adolescentes: acionar o Conselho Tutelar; criar espaços de acolhimento e escuta para os escolares; estreitar laços entre escola e família; promover ações educativas e articular saberes. Conclusões: este estudo contribui para indicar caminhos para a prevenção e o enfrentamento de abusos familiares que comprometem a saúde física e mental de crianças e adolescentes, com impactos sobre o desempenho escolar. Sugere-se a contribuição da atenção primária à saúde por meio de ações vinculadas ao Programa Saúde na Escola e a inserção da temática da violência nos diversos cursos de graduação, visto que cuidar das crianças e dos adolescentes e defendê-los constituem obrigação de todos os cidadãos.

3.
Nursing (Säo Paulo) ; 22(251): 2926-2931, abr.2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-998879

RESUMO

Objetivou-se identificar o conhecimento de acadêmicos de enfermagem acerca da temática violência contra a mulher. O estudo é do tipo descritivo com abordagem qualitativa. A amostra foi constituída por 40 Acadêmicos do Curso de Enfermagem concluintes do 9° semestre da Faculdade de Enfermagem do Instituto de Ciências da Saúde, da Universidade Federal do Pará. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevista semiestruturada e utilizou-se a análise de conteúdo de Bardin. Os depoimentos referiram a importância da temática ser abordada na Graduação, de tal modo que contribua para sua formação profissional tornandoos preparados para o enfrentamento e melhoria da assistência a essas mulheres vítima de violência. Conclui-se que a formação profissional na área da saúde para cuidar de mulheres vítimas de violência ainda é insatisfatória. Espera-se que este estudo contribua para o aumentado da visibilidade do tema no meio acadêmico, fazendo com que a Graduação seja um ambiente de fomentação de debate e reflexão.(AU)


The aim of this study was to identify the knowledge of nursing students about the theme of violence against women. The study is descriptive with a qualitative approach. The sample consisted of 40 undergraduate students of the Nursing Course who completed the 9th semester of the Nursing Faculty of the Health Sciences Institute of the Federal University of Pará. Data collection was performed through a semi-structured interview and the analysis was used of Bardin content. The testimonies mentioned the importance of the subject being approached in the Graduation, in such a way that it contributes to their professional formation making them prepared for the confrontation and improvement of the assistance to these women victims of violence. It is concluded that professional training in the area of health care for women victims of violence is still unsatisfactory. It is hoped that this study contributes to the increase of the visibility of the subject in the academic environment, making graduation an environment of fomenting debate and reflection.(AU)


Se objetivó identificar el conocimiento de académicos de enfermería acerca de la temática violencia contra la mujer. El estudio es del tipo descriptivo con enfoque cualitativo. La muestra fue constituida por 40 Académicos del Curso de Enfermería concluyentes del 9º semestre de la Facultad de Enfermería del Instituto de Ciencias de la Salud de la Universidad Federal de Pará. La recolección de datos fue realizada por medio de una entrevista semiestructurada y se utilizó el análisis de contenido de Bardin. Los testimonios refirieron la importancia de la temática ser abordada en la Graduación, de tal modo que contribuya a su formación profesional haciéndolos preparados para el enfrentamiento y mejora de la asistencia a esas mujeres víctima de violencia. Se concluye que la formación profesional en el área de la salud para cuidar de mujeres víctimas de violencia sigue siendo insatisfactoria. Se espera que este estudio contribuya al aumento de la visibilidad del tema en el medio académico, haciendo que la Graduación sea un ambiente de fomentación de debate y reflexión.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Estudantes de Enfermagem , Violência contra a Mulher , Promoção da Saúde , Saúde da Mulher
4.
Interface (Botucatu, Online) ; 23: e170958, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1002349

RESUMO

Objetiva-se conhecer as implicações da vivência de prisão preventiva por meio da história oral de homens em processo criminal por violência conjugal. Utilizou-se a história oral temática, sendo realizadas entrevistas semiestruturadas com 11 homens em processo criminal por violência conjugal que vivenciaram a prisão preventiva, residentes em Belém, Pará, Brasil, nos meses de junho e julho de 2015. Os dados foram organizados e categorizados segundo análise de conteúdo temática categorial. As narrativas masculinas despontaram para: implicações físicas e psíquicas, comprometimento de interação social, expressos pela exclusão familiar, problemas financeiros e dificuldade de empregabilidade. A análise das implicações da experiência de prisão preventiva permite refletir acerca da importância da articulação intersetorial, implementação de espaços reflexivos e discussões no campo das desigualdades de gênero.(AU)


This study explored the implications of the experience of preventive detention drawing on the oral histories of men being prosecuted for intimate partner violence. The oral history of 11 men living in Belém, Brazil being prosecuted for intimate partner violence and who had experienced preventive detention were collected using semi-structured interviews conducted between June and July 2015. The data was organized and categorized using thematic content analysis. The male narratives revealed physical and psychological implications and impaired social interaction, expressed by family exclusion, financial problems, and difficulty in finding employment. The analysis of the implications of experiences of preventive detention provided valuable insights into the importance of intersectorality, the creation of reflective spaces, and discussions in the field of gender inequality.(AU)


Tiene el objetivo de conocer las implicaciones de la vivencia de prisión preventiva por medio de la historia oral de hombres en proceso criminal por violencia conyugal. Se utilizó la historia oral temática, realizándose entrevistas semiestructuradas con 11 hombres en proceso criminal por violencia conyugal que experimentaron la prisión preventiva, residentes en Belém, Estado de Pará, Brasil, en los meses de junio y julio de 2015. Los datos se organizaron y categorizaron según análisis de contenido temático de categoría. Las narrativas masculinas mostraron las implicaciones físicas y psíquicas, el compromiso de la interacción social, expresados por la exclusión familiar, problemas financieros y dificultad de condición para el empleo. El análisis de las implicaciones de la experiencia de prisión preventiva permite reflexionar sobre la importancia de la articulación intersectorial, implementación de espacios reflexivos y discusiones en el campo de las desigualdades de género.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Aplicação da Lei , Saúde do Homem , Masculinidade/história , Violência por Parceiro Íntimo/psicologia
5.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-1043079

RESUMO

Objective: to understand the phenomenon of marital violence based on the experience of women in judicial process and network professionals. Method: a qualitative study, with theoretical-methodological support in grounded theory. Data collection took place in two regional Courts for Peace in the Home in a municipality of the Brazilian Northeast. Interviews were conducted with 38 participants, who composed two sample groups: women in situations of violence and network professionals. Results: the understanding of marital violence emerged for the phenomenon "Experiencing marital violence as a progressive and cyclical process, with repercussions for health and implications for social relations". Conclusion: in recognizing marital violence as a recurring problem in the life of women, with implications for their own health and that of their children, the study points to the relevance of coping strategies based on institutional and social support.


Objetivo: compreender o fenômeno da violência conjugal a partir da experiência de mulheres em processo judicial e de profissionais da rede de atenção a mulheres em situação de violência. Método: estudo qualitativo, com aporte teórico-metodológico na grounded theory. A coleta de dados ocorreu em duas varas de Justiça pela Paz em Casa de um município do Nordeste brasileiro. Realizou-se entrevista com 38 participantes, que compuseram dois grupos amostrais: mulheres em situação de violência e profissionais da rede. Resultados: a compreensão da violência conjugal despontou para o fenômeno "Vivenciando a violência conjugal como um processo progressivo e cíclico, com repercussões para a saúde e implicações para as relações sociais". Conclusão: ao reconhecer a violência conjugal enquanto um problema recorrente na vida da mulher com implicações para sua saúde e de seus filhos, o estudo aponta para a relevância de estratégias de enfrentamento do fenômeno a partir do suporte institucional e social.


Objetivo: comprender el fenómeno de la violencia conyugal desde la experiencia de mujeres en proceso judicial y de profesionales de la red. Método: estudio cualitativo, con aporte teórico-metodológico en la grounded theory. La recogida de datos ocurrió en dos Jurisdicciones de Justicia por la Paz en Casa de un municipio del noreste brasileño. Se realizó encuesta con 38 participantes, que conformaron dos grupos de muestra: las mujeres en situación de violencia y los profesionales de la Red. Resultados: la comprensión de la violencia conyugal emergió el fenómeno "Vivenciando la violencia conyugal como un proceso progresivo y cíclico, con repercusiones para la salud e implicaciones para las relaciones sociales". Conclusión: al reconocer la violencia conyugal como un problema recurrente en la vida de la mujer con implicaciones para su salud y la de sus hijos, el estudio indica para la relevancia de estrategias de enfrentamiento del fenómeno desde el soporte institucional y social.

6.
Rev. enferm. UFPE on line ; 12(10): 2825-2835, out. 2018. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-996996

RESUMO

Objetivo: identificar como está sendo abordado o cuidado do enfermeiro às lésbicas. Método: trata-se estudo tipo revisão integrativa, nas bases de dados LILACS, PUBMED/MEDLINE e BDENF, em publicações entre os anos de 2013 a 2017, utilizando-se os descritores lésbica, saúde da mulher e cuidados de enfermagem, e apresentados no texto em forma de figuras. Resultados: 790 artigos eram publicações que não estavam de acordo com a linha temporal pré-estabelecida; 68 não tinham o resumo disponível para a consulta inicial; 39 eram revisões; 19, reflexões; 793 não falavam do cuidado do enfermeiro às lésbicas na leitura inicial dos seus resumos e sete eram artigos duplicados tendo, como resultado, dez estudos. Conclusão: identificou-se, como prioridade, a necessidade de mais estudos que envolvam a orientação sexual lésbica e os cuidados de Enfermagem no Brasil, além de revelar que muitos enfermeiros prestam cuidados às mulheres partindo do pensamento equivocado de que todas são heterossexuais e, com isso, não prestam uma assistência eficaz, pois não as orientam sobre os principais cuidados de saúde.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Preconceito , Saúde da Mulher , Minorias Sexuais e de Gênero , Relações Enfermeiro-Paciente , Cuidados de Enfermagem , Saúde Mental , MEDLINE , LILACS
7.
Rev. enferm. UFPE on line ; 12(9): 2368-2375, set. 2018.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-995764

RESUMO

Objetivo: desvelar as expressões da violência conjugal vivenciada por mulheres e os serviços percorridos por conta do agravo. Método: estudo qualitativo, descritivo, ancorado na categoria de gênero. Entrevistaram-se 19 mulheres em vivência de violência conjugal. Analisaram-se os dados a partir da técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Resultados: as mulheres experienciaram violência, expressa nas formas patrimonial, moral, psicológica, sexual e física. Diante o sofrimento desencadeado pelo fenômeno, as mulheres percorreram serviço hospitalar, delegacia, vara de violência e a casa abrigo, além de contar com o apoio da associação de mulheres, criada na comunidade para tal fim. Conclusão: o conhecimento acerca das expressões da assimetria de gênero na vida das mulheres e os serviços buscados poderá subsidiar o preparo dos profissionais da saúde para o reconhecimento do agravo e encaminhamento na rede.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Apoio Social , Adaptação Psicológica , Saúde da Mulher , Violência contra a Mulher , Violência por Parceiro Íntimo , Exposição à Violência , Violência de Gênero , Enfermagem em Saúde Pública , Epidemiologia Descritiva , Pesquisa Qualitativa
8.
Rev. enferm. UFPE on line ; 12(9): 2418-2427, set. 2018. ilus, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-995849

RESUMO

Objetivo: conhecer as expressões e repercussões da violência conjugal. Método: estudo quantitativo, documental e descritivo. Os dados foram coletados a partir de 212 processos de violência conjugal registrados em uma Vara de Violência pela Paz em Casa. O processamento deu-se a partir de distribuições das frequências apresentados em figuras. Resultados: com base nas informações contidas no processo, as mulheres referiram vivenciar as violências nas formas psicológica (90,09%), física (76,64%), moral (69,34%), patrimonial (24,06%) e sexual (19,34%). As repercussões registradas relacionam-se ao desencadeamento de hematomas (47,9%), lesões de pele (35,9%), escoriações (12%) e fraturas (4,2%), todas associadas à agressão física, a qual se deu através do uso da força corporal (76,64%), de armas branca (11,97%) e de fogo (11,39%). Conclusão: embora os processos registrem todas as expressões da violência tipificadas pela Lei Maria da Penha, as repercussões relacionam-se apenas à agressão física, apontando para a necessidade de adequação do formulário de investigação nas varas.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Mulheres Maltratadas , Aplicação da Lei , Violência contra a Mulher , Violência por Parceiro Íntimo , Violência por Parceiro Íntimo/legislação & jurisprudência , Violência de Gênero , Saúde Pública , Epidemiologia Descritiva
9.
Rev. enferm. UFPE on line ; 12(9): 2459-2469, set. 2018. ilus, tab, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-995925

RESUMO

Objetivo: conhecer as dificuldades enfrentadas e as estratégias utilizadas pelos profissionais para a melhoria do acolhimento à pessoa em sofrimento mental na Atenção Básica. Método: revisão integrativa nas bases de dados LILACS, BDENF, Index Psicologia, MEDLINE e biblioteca virtual Scielo de artigos publicados no período de janeiro de 2001 a dezembro de 2017, com emprego dos descritores: acolhimento, saúde mental e atenção primária à saúde. Realizou-se a sistematização dos dados pela técnica de Análise de conteúdo. Resultados: foram analisados 25 artigos em que identificaram-se dificuldades relacionadas aos campos profissional, sociocultural e estrutural. No tocante às estratégias, busca-se capacitação por parte dos profissionais, o que favorece a responsabilização, a melhoria na conformação da rede e a organização dos fluxos de atendimento. Conclusão: a falta de capacitação profissional, de insumos materiais, bem como o não reconhecimento da atenção básica como participe da rede são elementos que dificultam o acolhimento, para tanto, a organização do fluxo e a busca por capacitação profissional são estratégias que colaboram no acolhimento.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Equipe de Assistência ao Paciente , Atenção Primária à Saúde , Relações Profissional-Paciente , Enfermagem Psiquiátrica , Saúde Mental , Pessoas Mentalmente Doentes , Acolhimento , Serviços de Saúde Mental , MEDLINE
10.
Arq. ciências saúde UNIPAR ; 22(2): 117-122, maio-ago. 2018. ilus
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-883585

RESUMO

A violência por parceiro íntimo, muitas vezes, tem o uso do álcool e seus efeitos colaterais como elementos precipitadores e intensificadores das condutas violentas. Diante desse pressuposto, tem-se por objetivo identificar na literatura científica, nacional e internacional, as evidências científicas acerca da influência do consumo de bebidas alcoólicas na ocorrência de violência por parceiro íntimo. Trata-se de uma revisão integrativa da literatura realizada nas bases de dados Medical Literature Analysis and Retrieval System Online, Scientific Electronic Library Online, Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde e Base de dados de enfermagem, nas línguas portuguesa e inglesa, não havendo artigos em espanhol, com os descritores: consumo de bebidas alcoólicas, violência contra a mulher e violência conjugal. Considerou-se como critérios de inclusão: artigos originais, publicados no período de 2011 a 2016, disponíveis gratuitamente nos idiomas português, inglês ou espanhol, excluindo assim artigos fora dos critérios de inclusão, além de teses, dissertações, monografias, livros, capítulos de livros, documentos governamentais e seminários. Foram encontrados 56 artigos, contudo, somente 7 atenderam aos critérios de inclusão e exclusão e responderam a questão de revisão. Dentre os selecionados, realizou-se uma análise, a qual correspondeu à síntese das evidências disponíveis nos artigos que compõem o corpus do estudo. A literatura nacional e internacional desponta para o consumo de bebidas alcoólicas dentro da relação conjugal, como um elemento que contribui de forma significativa para uma evidente propensão à prática da violência por parceiro íntimo, pois está relacionado com a instabilidade emocional e a reação contra as agressões perpetradas pelo parceiro íntimo.


Intimate partner violence often has the consumption of alcohol and its side effects as precipitating and intensifying elements of violent behavior. Based on this assumption, the purpose of this study is to identify scientific evidence in the national and international scientific literature on the influence of alcohol consumption on the occurrence of violence by an intimate partner. This is an integrative literature review using the Medical Literature Analysis and Retrieval System Online databases, the Scientific Electronic Library Online, the Latin American and Caribbean Literature on Health Sciences and the Nursing Database, in both Portuguese and English, since there were no papers published in Spanish with the descriptors: alcohol consumption, violence against women and marital violence. Inclusion criteria were: novelty articles, published between 2011 and 2016, available free of charge in Portuguese, English or Spanish, thus excluding any articles outside the inclusion criteria, as well as theses, dissertations, monographs, books, book chapters, government documents and seminars. A total of 56 articles were found. However, only seven met the inclusion criteria and answered the review question. Among those selected, an analysis was performed, which corresponded to the synthesis of the available evidence in the articles that make up the study corpus. The national and international literature emerges for the consumption of alcoholic beverages within the marital relationship as an element that significantly contributes to an evident propensity to practice intimate partner violence, since it is related to emotional instability and reaction against aggressions perpetrated by the intimate partner.


Assuntos
Consumo de Bebidas Alcoólicas , Violência por Parceiro Íntimo , Violência contra a Mulher , Saúde da Mulher
11.
Rev. para. med ; 29(2)abr.-jun. 2015. ilus
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-761177

RESUMO

Objetivo: mapear casos de violência contra a mulher na região metropolitana de Belém narrados por jornal paraense.Método: estudo descritivo, quantitativo, com coleta de dados realizada na Biblioteca da Fundação Cultural do ParáTancredo Neves (CENTUR) nos exemplares do jornal O Liberal. Foram consultados 2.178 exemplares, destes 571notas mencionavam a violência contra a mulher na região metropolitana de Belém, no período de 2005 a 2010. Aanálise dos dados foi por meio da estatística descritiva apresentada em gráficos e tabelas. Resultados: a análise dasnotas revelou mulheres vítimas de violência na faixa etária referente às três primeiras décadas de vida, violentadasem suas residências por pessoas conhecidas; sofrendo violências física e sexual, sendo a genitália o local do corpomais afetado e tendo como principal desfecho a denúncia. As cidades consideradas mais violentas respectivamenteforam: Santa Bárbara (122,5 casos/100mil habitantes), seguida de Marituba, Ananindeua, Belém, Benevides eSanta Isabel. Os bairros com maior número de casos foram: o Guamá (6,30%), seguido por Icuí Guajará (5,60%),Coqueiro (4,02%), Marambaia (3,85%) e Paar (3,85%). Os bairros considerados mais violentos são conhecidospela ocupação desordenada e alto contingente populacional, considerados bairros de níveis social e econômicoreduzidos. Conclusão: é fundamental compreender que é necessário desconcentrar os focos de estabelecimentosde enfrentamento à violência contra a mulher da capital Belém para toda a região metropolitana, especialmente asperiferias que apresentam maior índice de violência contra a mulher por habitantes. Compreende-se que dessa formasupera-se o deslocamento como justificativa para as dificuldades de ajuda e tratamento.


Objective: map cases of violence against women, in Belém?s metropolitan area, documented in the newspapers inState of Pará. Methods: this paper was made in a descriptive way, in a quantitative nature. The data was collectedat the Fundação Cultural Tancredo Neves (CENTUR) and from copies of newspaper O Liberal. 2,190 copies wereconsulted, from which 571 newspaper notes mentioned violence against women in Belém?s metropolitan areabetween years from 2005 to 2010. The data analysis was made by descriptive statistics and represented by chartsand tables. Results: the newspaper notes analysis revealed women violence victims aged referring to the first threedecades of life, violated at their own houses mostly by people already known, violated physically and sexually,as site of the body mostly affected being the genitals, and as the main outcome, the complaint. The most violentcities, respectively, are: Santa Bárbara (122.5 cases/100,000 inhabitants), followed by Marituba, Ananindeua, Belém,Benevides and Santa Isabel. The neighborhoods with highest case numbers are: Guamá (6.30%), followed by IcuíGuajará (5.60%), Coqueiro (4.02%), Marambaia (3.85%) and Paar (3.85%). The most violent neighborhoods areknown by their disorientated occupation and high density, being considered neighborhoods with low social andeconomic levels. Conclusion: there is a need of decentralizing the focus of establishments against women violenceof Belém to the rest of the metropolitan area, specially to suburbs that present higher rates of violence againstwomen per inhabitants. It is understood that this decentralization can overcome the misplacement as a reason for thedifficulties of help and treatment.

12.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-30894

RESUMO

Trata-se de pesquisa qualitativa cujo objetivo foi analisar o perfil dos homens autores de violência cometida contra a mulher com base no conteúdo de notícias jornalísticas. A análise feita com base na técnica de análise de conteúdo apontou quatro categorias temáticas: a construção da identidade do homem autor da violência cometida contra a mulher; principais fatores que levam os homens a cometerem violência contra as parceiras; formas de referenciar os autores da violência; aplicabilidade da Lei n. 11.340/2006. Concluiu-se que o perfil dos homens autores de violência cometida contra a mulher referenciado pela mídia é construído de forma generalizada e preconceituosa, por meio dos valores, crenças e educação familiar, que envolve fatores – sociais, culturais, econômicos e políticos –, em que a própria construção da identidade masculina o faz crer que a mulher é sua propriedade e que, mantendo o que lhe pertence, ratificaria sua masculinidade. (AU)


A qualitative research with the purpose of analyzing the profile of men authors of violence against women, disclosed in the content of journalistic news. The analysis was performed on 112 press reports published in the O Liberal newspaper, from the state of Pará. Four theme categories were identified: the construction of the identify of men authors of violence against women; main factors that lead men to commit violence against their partners; means of referencing authors of violence; applicability of Law 11340/2006. It was concluded that the profile of men, authors of violence committed against women, referenced by the media, is constructed in a generalized and biased manner, through values, believes and family education, that involves social, cultural, economic and political factors, where the construction itself of the masculine identity makes him believe that the woman is his property and that, maintain what belongs to him, ratifies his masculinity. (AU)


Se trata de una pesquisa cualitativa cuyo objeto es analizar el perfil de los hombres autores de violencia cometida contra la mujer, divulgado en el contenido de noticias periodísticas. Fue analizado el contenido de 112 noticias sobre violencia contra la mujer, publicadas en el diario O Liberal, del estado de Pará. Fueron identificadas cuatro categorías temáticas: la construcción de la identidad del hombre autor de la violencia cometida contra la mujer; principales factores que llevan los hombres a cometer violencia contra las mujeres; Formas de referenciar los autores de la violencia; Aplicabilidad de la Ley 11.340. Se concluye que el perfil de los hombres autores de violencia cometida contra la mujer, referenciado por los medios de comunicación, es construido de forma generalizada y prejuiciosa, por medio de los valores, creencias y educación familiar. Que involucra factores – sociales, culturales, económicos y políticos -, en que la propia construcción de la identidad masculina lo hace creer que la mujer es su propiedad y que, manteniendo lo que le pertenece, ratifica su masculinidad. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Violência contra a Mulher , Publicação Periódica , Enfermagem , Meios de Comunicação de Massa/ética , Masculinidade , Agressão
13.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-759546

RESUMO

Trata-se de pesquisa qualitativa cujo objetivo foi analisar o perfil dos homens autores de violência cometida contra a mulher com base no conteúdo de notícias jornalísticas. A análise feita com base na técnica de análise de conteúdo apontou quatro categorias temáticas: a construção da identidade do homem autor da violência cometida contra a mulher; principais fatores que levam os homens a cometerem violência contra as parceiras; formas de referenciar os autores da violência; aplicabilidade da Lei n. 11.340/2006. Concluiu-se que o perfil dos homens autores de violência cometida contra a mulher referenciado pela mídia é construído de forma generalizada e preconceituosa, por meio dos valores, crenças e educação familiar, que envolve fatores ? sociais, culturais, econômicos e políticos ?, em que a própria construção da identidade masculina o faz crer que a mulher é sua propriedade e que, mantendo o que lhe pertence, ratificaria sua masculinidade.


A qualitative research with the purpose of analyzing the profile of men authors of violence against women, disclosed in the content of journalistic news. The analysis was performed on 112 press reports published in the O Liberal newspaper, from the state of Pará. Four theme categories were identified: the construction of the identify of men authors of violence against women; main factors that lead men to commit violence against their partners; means of referencing authors of violence; applicability of Law 11340/2006. It was concluded that the profile of men, authors of violence committed against women, referenced by the media, is constructed in a generalized and biased manner, through values, believes and family education, that involves social, cultural, economic and political factors, where the construction itself of the masculine identity makes him believe that the woman is his property and that, maintain what belongs to him, ratifies his masculinity.


Se trata de una pesquisa cualitativa cuyo objeto es analizar el perfil de los hombres autores de violencia cometida contra la mujer, divulgado en el contenido de noticias periodísticas. Fue analizado el contenido de 112 noticias sobre violencia contra la mujer, publicadas en el diario O Liberal, del estado de Pará. Fueron identificadas cuatro categorías temáticas: la construcción de la identidad del hombre autor de la violencia cometida contra la mujer; principales factores que llevan los hombres a cometer violencia contra las mujeres; Formas de referenciar los autores de la violencia; Aplicabilidad de la Ley 11.340. Se concluye que el perfil de los hombres autores de violencia cometida contra la mujer, referenciado por los medios de comunicación, es construido de forma generalizada y prejuiciosa, por medio de los valores, creencias y educación familiar. Que involucra factores ? sociales, culturales, económicos y políticos -, en que la propia construcción de la identidad masculina lo hace creer que la mujer es su propiedad y que, manteniendo lo que le pertenece, ratifica su masculinidad.

14.
Rev. NUFEN ; 4(2): 11-21, dez. 2012.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-67367

RESUMO

Este artigo apresenta uma reflexão sobre as contribuições da antropologia da saúde e da doença para a construção de novas práticas em saúde. Para tal, apontamos os conflitos e intercâmbios entre os saberes da biomedicina e dos terapeutas populares, mostrando a importância da antropologia da saúde/doença neste debate. A análise aborda também o desenvolvimento dessa área do conhecimento, e sua contribuição para a prática mais consciente dos profissionais de saúde, a partir do reconhecimento da saúde e doença enquanto processos socioculturais. Portanto, a antropologia da saúde e da doença apresenta possibilidades de se repensar em políticas de saúde mais humanitárias, além de possibilitar a ressignificação das atividades cotidianas dos profissionais de saúde.(AU)


This article analyzes the contributions of anthropology of health and disease for the construction of new health practices. To this end, we point out the conflicts and exchanges between the knowledge of biomedicine and popular therapists, showing the importance of the anthropology of health / disease in this debate. The analysis also addresses the development of this area of knowledge, and its contribution to practice more conscious of health, from the recognition of health and disease as sociocultural processes. Therefore, the anthropology of health and disease can bring new possibilities to rethink one health policy more human, besides enabling a new meaning to the everyday activities of health professionals.(AU)


Este artículo presenta una reflexión de las contribuiciones de la antropología de la salud y la enfermedad para la construcción de nuevas prácticas en salud. Para eso, hemos señalado los conflictos y intercâmbios entre lo conocimiento de la biomedicina y de los terapeutas populares, mostrando la importância de la antropología de la salud/enfermedad en este debate. El análisis se centra también el desarrollo en esta área del conocimiento, y su contribuición para la práctica más conciente de los profesionales sanitários, a partir de lo reconocimiento de la salud y enfermedad mientras procesos socioculturales. Por lo tanto, la antropología de la salud y enfermedad, presenta oportunidades para repensar en políticas de salud más humano, además para la redefinición de las actividades cotidianas de los profesionales de la salud.(AU)


Assuntos
Humanos , Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA