Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 8 de 8
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Porto Alegre; s.n; 2015. 132 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-942191

RESUMO

Antecedentes: Cárie precoce na infância é uma doença de alta prevalência e severidade que acomete crianças nos primeiros anos de vida e por isso necessita de intervenções e abordagens precoces, sendo a primeira infância o período ideal para introduzir bons hábitos e iniciar programas educativo-preventivos de saúde bucal. Objetivos: a presente tese objetivou comparar a efetividade da Entrevista Motivacional (EM) em relação à Educação em Saúde Convencional (EC) em um programa direcionado a mães/pais/responsáveis de crianças para a prevenção da cárie precoce da infância, adicionalmente, verificar a frequência de declarações motivacionais de Dentistas e Técnicos em Saúde Bucal (TSB), antes e após um treinamento para EM, no contexto da Arenção Primária em Saúde (APS). Métodos: um ensaio comunitário randomizado foi realizado no Serviço de Saúde Comunitária do Grupo Hospitalar Conceição em Porto Aalegre - RS, Brasil, onde 6 das 12 unidades de saúde foram sorteadas para que os Dentistas e TSB (n=41) recebessem um treinamento intensivo de 8 horas para aprendizagem ativa dos princípios básicos em EM e avaliados por instrumentos variados. Os exames de cárie foram realizados através do Índice ICDAS por examinadores treinados e calibrados. Resultados: em análise preliminar foram avaliados um total de 244 crianças com idade média de 14,4 meses e que receberam ao menos uma consulta odontológica durante o primeiro ano de vida. Análises de subgrupos foram realizadas para renda equivalente a escolaridade materna. Para ambas as análises, a Entrevista Motivacional teve melhor desempenho entre o grupo mais desfavorecido, mas não teve efeito significativo entre os mais ricos. Entre as crianças cujas famílias recebiam menos de R$450,00 mensais houve um RR=0,10 (IC95% 0,01-079), enquanto naquelas com ganhos superiores foi RR=0,59 (IC95% 0,10-3,36). Entre as crianças cujas mães tinham escolaridade menor que o fundamental houve um RR=0,09 (IC95% 0,01-0,96), enquanto entre aquelas ...


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Criança , Cárie Dentária/prevenção & controle , Atenção Primária à Saúde
2.
Rev. APS ; 17(4)20122014.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-771333

RESUMO

O objetivo do presente trabalho foi avaliar o impacto de um modelo sequencial de atendimento a crianças e adolescentes com asma em uma unidade de atenção primária à saúde. Foram acompanhados, no ano de 2012, 89 usu- ários, entre 4 meses e 15 anos de idade, com diagnóstico de asma. Esses usuários foram agendados para consultas sequenciais de atendimentos de 15 minutos com profissionais de diferentes categorias e foram vistos em intervalos de 3-4 meses, priorizando-se aqueles com história de internações e consultas extras frequentes. Os objetivos específicos e métodos de cada atendimento foram pactuados e definidos previamente. A avaliação da estratégia foi realizada por meio de um estudo retrospectivo analí- tico longitudinal, com base nos registros de prontuários e do Sistema de Informação em Saúde (SIS) do GHC. Foram analisados questionários aplicados na primeira e última consulta médica. As informações foram digitadas em um banco de dados em excel e avaliadas a partir de testes estatísticos de McNemar e Wilcoxon, por meio do Programa SPSS. Entre os 89 usuários atendidos, 80 (90%) aderiram ao modelo de atenção e 44 (49%) obtiveram melhor nível de controle da asma (p =0,001). Apenas 4 (5%) foram acompanhados também por pneumologista. As famílias dos usuários (19 vs 80) passaram a utilizar um plano de ação escrito para tratamento dos sintomas e mais usuários fizeram uso de corticoide inalatório (14 vs 61), evidenciando melhores resultados (p=0,001 para ambos). A redução de idas à emergência (127 vs 39) e de interna- ções por asma (14 vs 1) após intervenção também foi significativa (p=<0,001 para ambos). Os 89 usuários foram atendidos pelo dentista, sendo que 64% necessitavam de revisão odontológica e 40% receberam algum tipo de tratamento odontológico. Os resultados sugerem boa adesão ao modelo de atendimento sequencial, maior qualificação da atenção, melhor controle da asma e redução de idas à emergência e de hospitalizações.


This work aimed at assessing the impact of a sequential care model for asthmatic children and adolescents in a primary health care unit. Eighty-nine users between 4 months and 15 years of age, diagnosed with asthma, were followed throughout 2012. These users were scheduled in 15-minute sequential appointments with professionals in different categories and were seen at 3-4-month intervals; the ones with a history of hospitalization and constant extra-appointments were prioritized. The specific objectives and methods of each appointment were previously agreed upon and defined. The evaluation of the strategy was performed by a longitudinal analytic retrospective study based on the records from medical charts and from the Health Information System (SIS) of Grupo Hospitalar Conceiçao (GHC). Surveys applied during the first and last medical appointments were assessed. Data were typed into an Excel spreadsheet databank and assessed by McNemar and Wilcoxon?s tests using SPSS Software. Among the 89 users attended, 80 (90%) adhered to the care model and 44 (49%) showed better levels of asthma control (p=0.001). Only 4 (5%) were also monitored by a pulmonologist. The users' families (19 vs. 80) began using a written plan of action to treat symptoms and more users made use of inhaled corticosteroids (14 vs. 61), thus showing better results (p=0.001 for both). The reduction in emergency visits (127 vs. 39) and hospitalizations due to asthma (14 vs. 1) after the intervention was also significant (p=<0,001 for both). The 89 users were attended by a dentist, where 64% required additional dental exams and 40% received some sort of oral treatment. The results suggest good adherence to the sequential care model, higher quality in health care, better asthma control, and a decrease in emergency visits and hospitalization.


Assuntos
Pré-Escolar , Criança , Adolescente , Atenção Primária à Saúde , Asma , Equipe de Assistência ao Paciente , Assistência Centrada no Paciente
3.
Recurso educacional aberto em Português | CVSP - Brasil | ID: una-1122

RESUMO

Perguntas verdadeiro ou falso que abordam os tipos de dores de origem dental e diagnóstico diferencial.


Assuntos
Atenção Primária à Saúde , Odontalgia , Diagnóstico Diferencial
4.
Recurso educacional aberto em Português | CVSP - Brasil | ID: una-1123

RESUMO

Perguntas de verdadeiro ou falso que abordam: 1. Abordagem clínica para a dor dental; 2. Tratamento medicamentoso das odontalgias.


Assuntos
Atenção Primária à Saúde , Odontalgia , Diagnóstico Diferencial , Farmacologia Clínica
5.
Rev. Fac. Odontol. Porto Alegre ; 52(1/3): 19-24, jan.-dez. 2011. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-719548

RESUMO

Objetivo: estabelecer o perfil de utilização dos serviços odontológicosnas Unidades de Saúde SE SC e NSA do Grupo Hospitalar Conceição. Materiais e métodos: analisou-se o relatório do Sistema de Informação - SIS dasconsultas odontológicas (meses junho aagosto/2011). As variáveis foram: características sócio-demográficas(idade, gênero e microárea), motivo da consulta (CID-10) e tipo de consulta ambulatorial: consulta programada ou consulta não programada. Resultados: na US NSA prevaleceu os usuários do gênero feminino, faixa etária 35-44 anos, proveniente da microárea NSA3; o acesso aos serviços odontológicos foi por consultas programadas, e o códigoCID-10 de cárie dentária foi o mais freqüente. Na US SESC destaca-se de diferente a faixa etária de 0-11 anos e maior utilização do código CID-10 de primeira consulta odontológica programada. Conclusão: Os achados demonstram que é possível utilizar os dados do SIS para conhecer o perfil de utilização e a partir destes organizaro acesso em SB, baseado nos princípios APS.


Aim: Describe the dental service utilization profile from US NSA andUS SESC–Grupo Hospitalar Conceição.Materials and methods: The study evaluated a Sistema de Informações– SIS’ report obtained from dental appointments (June and August 2011. The variables were: demographic (age, gender and territory), aim of appointment (ICD-10) and type of it (booked or urgent). Results : Mostpatients from US NSA were women, age 35-44 years, coming from the area NSA3; seeking for booked appointments for treating dental caries. At US SESC, most patients were women, age 0-11 years, from the area SESC2, with a greater rate of booked appointments and utilization for complete dental exam/dental appointment to children 0-3 years. Conclusion: The results show that increasing the use of SIS data forDentistry can support the upgrading of resource distribution and management of oral health care in accor dance with the principles of Primary Care Attention.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recém-Nascido , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Adolescente , Adulto Jovem , Pessoa de Meia-Idade , Idoso de 80 Anos ou mais , Assistência Odontológica , Acesso aos Serviços de Saúde , Serviços de Informação , Atenção Primária à Saúde
6.
Rev. Fac. Odontol. Porto Alegre ; 51(3): 17-22, set.-dez. 2010. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-719575

RESUMO

Objetivo: O objetivo deste estudo é descrever como se dá o acesso da população idosa ao serviço de saúde em uma Unidade Básica de Saúde de Porto Alegre, pois nunca se obteve dados fundamentados para avaliar a assistência aos idosos nessa unidade de saúde. Materiais e métodos: Este estudo foi elaborado de uma forma descritiva e transversal, através de entrevistas semi-estruturadas contendo quinze questões abertas e fechadas baseadas no PCA-Tool como instrumento, com uma amostra de 61 pacientes idosos.Resultados: A Unidade de Saúde SESC foi lembrada pela grande maioria da população idosa como serviço de referência para primeiras necessidades em saúde. As maiores dificuldades de acesso se deram em relação às características geográficas do território onde a Unidade está inserida. É necessária uma reflexão sobre que medidas devem ser tomadas para solucionar este problema. O acesso dos idosos às modalidades de consulta médica, odontológica e de enfermagem foi considerado facilitado. Porém, a percepção desses usuários quanto às estratégias de priorização no atendimento não se apresentou tão evidente. Conclusão: A partir da opinião dessa população, apesar de algumas dificuldades assinaladas, o acesso ao serviço de saúde foi considerado facilitado para os idosos nessa Unidade de Saúde.


Objective: The aim of this study was to discribe how to give the elderly access to health services in a Basic Health Unit in Porto Alegre since it substantiated data was never available to evaluate the care for the elderly population in this health unit. Materials and methods: This study was conducted with a descriptiveand cross-sectional design, applying semi-structured interviews with fifteen open and closed questions based on PCA-Tool as an instrument in a sample of 61 elderly patients. Results: The main results show that the Health Unit SESC was remembered by the vast majority of the elderly population as a reference service for basic needs in health. The greatest difficulties of access were related to the characteristics of an area where the Unit is located. It is necessary to consider what measures should be taken to solve this problem. The access of older methods of medical, dental and nursing was considered easier. However, the perception of users about the strategies for prioritization in attendance did not appear so clear. Conclusion: It was concluded from the review of this population that, despite some difficulties pointed out, access to health services was considered easier for the elderly in this Health Unit.


Assuntos
Humanos , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Saúde do Idoso , Acesso aos Serviços de Saúde , Atenção Primária à Saúde , Sistema Único de Saúde , Estudos Transversais
7.
RFO UPF ; 14(2): 163-167, maio-ago. 2009. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-527867

RESUMO

Profundas mudanças estão sendo realizadas nos cursos de graduação em odontologia visando formar profissionais adequados às necessidades de saúde da população brasileira e do Sistema Único de Saúde. Para tanto, torna-se essencial a efetiva articulação das políticas de saúde com a educação. A mudança didático pedagógica visa a uma aprendizagem ativa, centrada no estudante. Assim, cabe ao professor o papel de facilitador do processo de construção do conhecimento, dando condições ao estudante de desenvolver um pensamento e um discurso próprios, e, inclusive na área da odontologia, utilizar-se de metodologias ativas de ensino e aprendizagem. Este artigo apresenta algumas das diferentes metodologias ativas, as quais permitem que o estudante possa trabalhar com problemas reais, assumindo responsabilidades crescentes e interagindo com a população e os profissionais de saúde das áreas afins.


Large modifications have been accomplished in Odontology undergraduate courses, aiming to form professional swhich fit to the needs of the Brazilian population and Unique System for Health. For this, it becomes necessary the effective articulation of the health policies with education. Thus, it is the professor’s responsibility to make the knowledge process building easier to the students, giving them conditions to develop their own thoughts and speeches where thy can use learning and teaching active methodologies. This paper presents some of these different methodologies which allow the students to work with real problems, taking responsibilities and interacting with the population and health professionals of correlate areas.


Assuntos
Educação em Odontologia , Educação Superior , Ensino
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA