Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. enferm. UFSM ; 9: [17], jul. 15, 2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1024694

RESUMO

Objetivo: identificar o perfil e as demandas de saúde de adolescentes escolares no Município de Divinópolis, Minas Gerais. Método: estudo transversal, exploratório-descritivo, realizado com 389 adolescentes do 8º e 9º anos do ensino fundamental. Resultados: entre os participantes do estudo, 34,4% já fizeram uso de álcool, 17,7% experimentaram fumar e 7,4% fizeram uso de maconha. A maioria dos adolescentes considerou seu estado de saúde como ótimo ou bom (84,4%). Dos que iniciaram atividade sexual, 28,9% relataram não utilizar nenhum tipo de método. Percentual elevado de adolescentes mencionou solidão em algum momento da vida (77,9%) e 5,3% dos meninos envolveram-se em brigas. Conclusão: as demandas dos adolescentes relacionadas ao sexo inseguro, saúde mental fragilizada, uso de álcool e outras drogas foram identificadas como prioritárias, necessitando da atuação conjunta entre saúde e educação na construção de estratégias comuns para o atendimento das necessidades inerentes ao adolescente.


Objective: to identify the profile and health demands of school-age adolescents in Divinopolis, Minas Gerais, Brazil. Method: cross-sectional, exploratory-descriptive study, developed with 389 adolescents from the 8th and 9th grades of elementary school. Results: Among the study participants, 34.4% had already consumed alcohol, 17.7% had tried smoking and 7.4% marijuana. Most of the adolescents considered their health status as excellent or good (84.4%). Among the students who were sexually active, 28.9% reported not using any type of contraceptive method. Many adolescents (77.9%) mentioned loneliness at some point in their lives and 5.3% of the boys had engaged in fights. Conclusion: the adolescents' priority demands were related to unsafe sex, impaired mental health, alcohol and drug use, demanding the joint action of health and education in the construction of shared strategies for meeting the adolescents' inherent needs.


Objetivo: identificar el perfil y las demandas de salud de adolescentes escolares en el município de Divinopolis, Minas Gerais, Brasil. Método: Estudio transversal, desarrollado con 389 adolescentes del 8º y 9º año de la enseñanza fundamental. Resultados: Entre los participantes, 34,4% consumió alcohol al menos una vez, 17,7% experimentó fumar y 7,4% usó marihuana. La mayoría de los adolescentes consideró su estado de salud como óptimo o bueno (84,4%). De los que iniciaron actividad sexual, el 28,9% relató no utilizar ningún tipo de método anticonceptivo. Muchos adolescentes (77,9%) mencionaron soledad en algún momento de la vida y el 5,3% de los niños se involucró en peleas. Conclusión: Los asuntos relacionados con la sexualidad, salud mental, uso de alcohol y otras drogas se identificaron como prioridades, que requieren la acción conjunta entre la salud y la educación en la construcción de estratégias comunes para satisfacer las necessidades inherentes de los adolescente.


Assuntos
Humanos , Estudos Transversais , Adolescente , Sexualidade , Vulnerabilidade em Saúde , Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde
2.
Cogitare enferm ; 23(3): e55911, 2018. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-984259

RESUMO

Objetivo: analisar a difusão da inovação tecnológica "estratégia e-SUS AB" em uma equipe de saúde da família do oeste de Minas Gerais. Método: estudo de caso único de abordagem qualitativa à luz da Teoria da Difusão da Inovação e do Modelo de Aceitação de Tecnologia. A coleta de dados compreendeu entrevista e observação direta do cotidiano de trabalho de uma equipe. Os dados foram sistematizados no software Atlas ti e analisados através da Análise de Conteúdo. Resultados: a inovação proporciona suporte no planejamento da assistência por dispor de dados individualizados, além de aprimorar o cotidiano de trabalho. Entretanto, sua difusão tem gerado, predominantemente, sobrecarga de trabalho e outras dificuldades que se conformam como limitadores de sua aceitação pelos profissionais de saúde. Conclusão: a difusão da estratégia e-SUS AB como uma inovação tecnológica tem apresentado situações potencializadoras de sua aceitação, porém predominaram situações que podem conduzir à sua rejeição.


Objetivo: analizar la difusión de la innovación tecnológica "estrategia e-SUS AB" en un equipo de salud de la familia del oeste de Minas Gerais. Método: estudio de caso único con enfoque cualitativo a la luz de la Teoría de Difusión de Innovaciones y del Modelo de Aceptación de Tecnología. Para recolectar los datos se llevaron a cabo entrevista y observación directa del trabajo cotidiano de un equipo. Los datos fueron sistematizados en el software Atlas ti y analizados a través del Análisis de Contenido. Resultados: la innovación provee apoyo en la planificación de la atención por disponer de datos individualizados, además de perfeccionar el trabajo cotidiano. Sin embargo, su difusión ha generado predominantemente sobrecarga de trabajo y otras dificultades que representan limitadores de su aceptación por los profesionales de salud. Conclusión: la difusión de la estrategia e-SUS AB como una innovación tecnológica ha presentado situaciones que potencializan su aceptación, pero predominaron situaciones que pueden llevar a su rechazo.


Objective: analyze the diffusion of the technological innovation "e-SUS AB strategy" in a Family health team in the West of Minas Gerais. Method: single case study with a qualitative approach in the light of the Innovation Diffusion Theory and the Technology Acceptance Model. The data collection included an interview and direct observation of a team's daily work. The data were systemized in the software Atlas ti and analyzed through Content Analysis. Results: the innovation supports the care planning because it makes individualized data available and improves the daily work. Nevertheless, its diffusion has predominantly produced a work overload and other difficulties that limit its acceptance by the health professionals. Conclusion: the diffusion of the e-SUS AB strategy as a technological innovation has presented situations that strengthen its acceptance, but situations that can lead to its rejection were predominant.


Assuntos
Humanos , Atenção Primária à Saúde , Informática Médica , Difusão de Inovações , Tecnologia da Informação , Sistemas de Informação em Saúde
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA