Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
2.
Enferm. foco (Brasília) ; 10(4): 79-86, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1052724

RESUMO

Objetivo: Analisar a qualidade de vida de idosos que participam de atividades inclusivas em um centro de lazer na Cidade do Rio de Janeiro. Método: estudo transversal, realizado no período de setembro de 2014 a julho de 2015, com 69 idosos cadastrados em Centro de Lazer da Cidade do Rio de Janeiro, Brasil. Utilizou-se para coleta de dados os instrumentos WHOQOL-BREF, WHOQOL-OLD e questionário sócio demográfico. Resultados: No instrumento WHOQOL-BREF verificou-se que o domínio com a maior pontuação média foi o domínio Psicológico, já no WHOQOL-OLD foi à faceta Funcionamento do Sensório. Constatou-se que as variáveis religião e uso de medicamentos exerceram influência de forma significativa sobre a qualidade de vida dos indivíduos estudados. Conclusão: Este estudo fornece subsídios para aprimorar a atuação dos profissionais de saúde interessados em executar práticas proativas de promoção de qualidade de vida e saúde dos idosos. (AU)


Objective: To analyze the quality of life of elderly people who participate in inclusive activities in a leisure center in the city of Rio de Janeiro. Methodology: cross-sectional study, conducted from September 2014 to July 2015, with 69 elderly registered at the Leisure Center of the City of Rio de Janeiro, Brazil. For data collection, the instruments WHOQOL-BREF, WHOQOL-OLD and socio-demographic questionnaire were used. Results: In the WHOQOL-BREF instrument it was found that the domain with the highest average score was the Psychological domain, while in the WHOQOL-OLD it was the Sensory Functioning facet. It was found that the variables religion and drug use had a significant influence on the quality of life of the individuals studied. Conclusion: This study provides support to improve the performance of health professionals interested in performing proactive practices to promote quality of life and health of the elderly. AU)


Objetivo: analizar la calidad de vida de las personas mayores que participan en actividades inclusivas en un centro de ocio en la ciudad de Río de Janeiro. Metodología: estudio transversal, realizado entre septiembre de 2014 y julio de 2015, con 69 personas mayores registradas en el Centro de Ocio de la ciudad de Río de Janeiro, Brasil. Para la recolección de datos, se utilizaron los instrumentos WHOQOL-BREF, WHOQOL-OLD y el cuestionario sociodemográfico. Resultados: en el instrumento WHOQOL-BREF se descubrió que el dominio con el puntaje promedio más alto era el dominio psicológico, mientras que en el WHOQOL-OLD era la faceta del funcionamiento sensorial. Se encontró que las variables religión y uso de drogas tuvieron una influencia significativa en la calidad de vida de los individuos estudiados. Conclusión: Este estudio brinda apoyo para mejorar el desempeño de los profesionales de la salud interesados en realizar prácticas proactivas para promover la calidad de vida y la salud de los ancianos. (AU)


Assuntos
Qualidade de Vida , Assistência a Idosos , Envelhecimento , Centros de Convivência e Lazer , Atividades de Lazer
3.
Cien Saude Colet ; 21(10): 3161-3170, 2016 Oct.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-27783789

RESUMO

The present qualitative study was conducted in the second semester of 2014 via interviews with 12 doctors and 13 nurses working as managers at a large hospital that serves as a reference center for urgent and emergent care in the Zona da Mata region of Minas Gerais State, Brazil. The study sought to identify the criteria that doctors and nurses use to discharge individuals with disabling neurological injury with instructions related to accessing physical rehabilitation programs. Thematic content analysis was used to examine data. The results show that the participating hospital managers still have difficulties providing adequate referrals to specialized rehabilitation services and that their patients' autonomy and independence for self-care are impaired as a result. We concluded that in addition to involving relatives and other caregivers in the discharge of patients with a neurological injury that impairs their self-care abilities, managers should assess the accessibility of the patient's home and make adequate referrals to rehabilitation services in the community in light of the poor dispersal of information about what is available within the Care for People with Disability Network.


Assuntos
Pessoas com Deficiência/reabilitação , Alta do Paciente , Encaminhamento e Consulta , Traumatismos do Sistema Nervoso/reabilitação , Adulto , Idoso , Avaliação da Deficiência , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Traumatismos do Sistema Nervoso/complicações
4.
Ciênc. saúde coletiva ; 21(10): 3161-3170, Out. 2016. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-797021

RESUMO

Resumo Trata-se de pesquisa de abordagem qualitativa realizada no segundo semestre de 2014, mediante entrevistas com 12 médicos e 13 enfermeiros gestores atuantes em Hospital de grande porte, referência na área de urgência e emergência para a Zona da Mata Mineira. Buscou identificar os critérios utilizados por médicos e enfermeiros para o preparo da alta de pessoas com lesão neurológica incapacitante e indicação para acesso a programa de reabilitação física. Para o tratamento dos dados, utilizou-se a técnica de Análise de Conteúdo, modalidade temática. Os resultados mostram que os gestores hospitalares ainda encontram dificuldades para proceder ao encaminhamento adequado dessas pessoas para serviços especializados de reabilitação, o que compromete a autonomia e independência para o autocuidado. Conclui-se que os gestores além de envolver cuidadores e familiares no preparo da alta de pessoas com lesão neurológica que resulta em incapacidades para o autocuidado, deveriam avaliar as condições de acessibilidade em seus domicílios e fazer encaminhamentos adequados para serviços de reabilitação disponíveis na comunidade, a despeito da pouca divulgação acerca dos fluxos da Rede de Cuidados da Pessoa com Deficiência.


Abstract The present qualitative study was conducted in the second semester of 2014 via interviews with 12 doctors and 13 nurses working as managers at a large hospital that serves as a reference center for urgent and emergent care in the Zona da Mata region of Minas Gerais State, Brazil. The study sought to identify the criteria that doctors and nurses use to discharge individuals with disabling neurological injury with instructions related to accessing physical rehabilitation programs. Thematic content analysis was used to examine data. The results show that the participating hospital managers still have difficulties providing adequate referrals to specialized rehabilitation services and that their patients’ autonomy and independence for self-care are impaired as a result. We concluded that in addition to involving relatives and other caregivers in the discharge of patients with a neurological injury that impairs their self-care abilities, managers should assess the accessibility of the patient’s home and make adequate referrals to rehabilitation services in the community in light of the poor dispersal of information about what is available within the Care for People with Disability Network.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Pessoas com Deficiência/reabilitação , Alta do Paciente , Encaminhamento e Consulta , Traumatismos do Sistema Nervoso/reabilitação , Avaliação da Deficiência , Traumatismos do Sistema Nervoso/complicações
5.
Rev Rene (Online) ; 16(5): 649-655, Set.-Out. 2015.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-956329

RESUMO

Objetivo identificar como profissionais de unidade pública municipal de reabilitação física se comunicam com pessoas surdas que buscam atendimento especializado. Métodos estudo exploratório, descritivo, de abordagem qualitativa, realizado com 32 profissionais que atuam em reabilitação física, através de instrumento autoaplicável. Resultados da análise dos dados, emergiram duas categorias temáticas: Usando a Língua de Sinais Brasileira; e Improvisando estratégias de comunicação para interagir com clientes surdos. A improvisação de estratégias utilizadas pelos profissionais para se comunicar com surdos podem ocasionar barreiras que repercutem negativamente na qualidade dos serviços prestados a essa clientela. Conclusão a comunicação é deficitária, e iniciativas efetivas focadas na habilitação dos profissionais que atuam na esfera da reabilitação, podem contribuir para que eles possam dominar a Língua de Sinais Brasileira, assegurando aos clientes surdos atendimentos adequados, como os prestados às pessoas sem deficiência auditiva.


Objetivo identificar cómo profesionales de la unidad municipal de rehabilitación física se comunican con personas sordas que buscan atención especializada. Métodos estudio exploratorio, descriptivo, de enfoque cualitativo, realizado con 32 profesionales que trabajan en rehabilitación física a través de instrumento auto aplicable. Resultados del análisis de datos, surgieron dos categorías temáticas: Usando el Lenguaje Brasileño de Signos; Improvisación de Estrategias de comunicación para interactuar con clientes sordos. Improvisación de estrategias utilizadas por los profesionales para comunicarse con personas sordas pueden causar barreras que inciden negativamente en la calidad de los servicios prestados a esta población. Conclusión la comunicación es deficiente, e iniciativas eficaces centradas en la cualificación de los profesionales que trabajan en el ámbito de la rehabilitación, pueden contribuir para que puedan dominar el Lenguaje Brasileño de Signos, garantizándose a los clientes sordos la atención adecuada, conforme a lo dispuestos para personas sin discapacidad auditiva.


Objective to identify how professionals from the local public physical rehabilitation unit communicate with deaf people seeking specialized care. Methods exploratory descriptive study with qualitative approach conducted with 32 professionals working in physical rehabilitation through self-reporting instrument. Results two thematic categories emerged from data analysis: Using the Brazilian Sign Language, and Improvising communication strategies to interact with deaf patients. When professionals improvise strategies to communicate with the deaf, it might create barriers that negatively affect the quality of services provided to this population. Conclusion communication is inefficient, and effective initiatives focused on the qualification of professionals working in rehabilitation can contribute for them to master the Brazilian Sign Language, ensuring adequate care to deaf clients/patients, in the same way as those provided to people without hearing impairment.

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA