Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
J. bras. neurocir ; 21(3): 175-178, 2010.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-579604

RESUMO

Introdução: O Cisto ósseo aneurismático é uma lesão óssea benigna e destrutiva de origem desconhecida. Os tratamentos atuais para esta doença incluem a ressecção em bloco, curetagem,embolização arterial seletiva e radioterapia. Um caso de cisto ósseo aneurismático gigante da coluna lombar é relatado.Método: Paciente de 15 anos de idade foi admitido com dor lombar e paraparesia com três meses de duração. Os exames radiológicos demonstraram uma lesão lítica expansiva nos processos espinhosos e lâminas da quarta e quinta vértebras lombares. A cirurgia consistiu da ressecção e instrumentação posterior com fusão de L2 até S1. A histopatologia demonstrou um cisto ósseo aneurismático. Após um ano de pós-operatório,o paciente melhorou a sua função neurológica, permanecendo apenas com uma paresia de L5 bilateral. Discussão: O tratamento do cisto ósseo aneurismático é desafiante, principalmente se próximo a estruturas neurais e vasculares. A fusão óssea e estabilização com instrumentação são frequentemente necessárias após a ressecção radical de tumores vertebrais extensos. Uma vértebra geralmente é acometida pelos cistos ósseos e lesões extensas são incomuns. A ressecção completado tumor e a fusão da coluna lombar com instrumentação permitiram a cura com preservação da estabilidade espinhal. As complicações neurológicas podem ser melhoradas com a retirada cirúrgica do tumor.


Assuntos
Adolescente , Cistos Ósseos Aneurismáticos , Cirurgia Geral , Coluna Vertebral
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...