Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 24
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Nursing (Säo Paulo) ; 21(237): 2024-2029, fev. 2018.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-907870

RESUMO

Objetivo: identificar o itinerário terapêutico de um grupo de mulheres com diagnóstico de câncer de mama. Método: estudo transversal, descritivo, com 30 pacientes usuárias do Sistema Único de Saúde (SUS) em tratamento de câncer de mama. Resultados: a idade média no momento do diagnóstico foi de 51,2 anos. O sintoma mais frequente foi o nódulo no seio (53,34%). A mastectomiafoi realizada por 100% das mulheres, 80% fizeram quimioterapia, 60% radioterapia e 100% utilizavam o Anastrazol ou Tamoxifeno. Das mulheres, 50% utilizaram o SUS para diagnóstico, 76,67% para tratamento cirúrgico e 66,67% para pagamento da quimioterapia e radioterapia. Conclusão: o itinerário percorrido para diagnóstico foi, a partir da presença de nódulos, a realização de biópsia; para tratamento, mastectomia seguida de tratamento quimioterápico, radioterápico e medicamentoso. Com relação ao plano de saúde,metade das mulheres utilizou o SUS para diagnóstico. A maioria utilizou SUS para tratamento cirúrgico e quimioterápico.


Objective: to identify the therapeutic itinerary of a group of women diagnosed with breast cancer. Method: cross-sectional,descriptive study with 30 patients, users of the Unified Health System (SUS), in treatment of breast cancer. Results: the mean age atdiagnosis was 51.2 years. The most common symptom was the nodule in the breast (53.34%). The mastectomy was performed by 100%of the women, 80% did chemotherapy, 60% radiotherapy, and 100% used Anastrazol or Tamoxifen. Of the women, 50% used SUSfor diagnosis, 76.67% for surgical treatment and 66.67% for payment of chemotherapy and radiotherapy. Conclusion: the route takenfor diagnosis was, from the presence of nodules, the biopsy; for treatment, mastectomy followed by chemotherapeutic, radiotherapeutic and drug treatment. Regarding the health plan, half of the women used SUS for diagnosis. Most of them used SUS for surgical and chemotherapeutic treatment.


Objetivo: identificar el itinerario terapéutico de un grupo de mujeres con diagnóstico de cáncer de mama. Método: estudio transversal, descriptivo, con 30 pacientes usuarias del Sistema Único de Salud (SUS) en tratamiento de cáncer de mama. Resultados:la edad media en el momento del diagnóstico fue de 51,2 años. El síntoma más frecuente fue el nódulo en el seno (53,34%). Lamastectomía fue realizada por el 100% de las mujeres, 80% hicieron quimioterapia, 60% radioterapia y 100% utilizaban el Anastrazolo Tamoxifeno. De las mujeres, 50% utilizaron el SUS para diagnóstico, 76,67% para tratamiento quirúrgico y 66,67% para pago de laquimioterapia y radioterapia. Conclusión: el itinerario recorrido para diagnóstico fue, a partir de la presencia de nódulos, la realización debiopsia; para el tratamiento, mastectomía seguida de tratamiento quimioterápico, radioterápico y medicamentoso. Con respecto al plande salud, la mitad de las mujeres utilizó el SUS para diagnóstico. La mayoría utilizó SUS para tratamiento quirúrgico y quimioterápico.


Assuntos
Humanos , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Neoplasias da Mama , Sistema Único de Saúde , Saúde da Mulher , Serviços de Saúde da Mulher
2.
REME rev. min. enferm ; 22: e-1124, 2018.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-912113

RESUMO

Objetivo: identificar os sentimentos, as expectativas e a adaptação dos idosos ao processo asilar. Método: estudo descritivo com abordagem qualitativa, do qual participaram nove idosos de uma instituição de longa permanência de idoso no município de Santo Ângelo, Rio Grande do Sul, Brasil. A coleta dos dados ocorreu no mês de agosto de 2016, por meio de entrevistas semiestruturadas, gravadas em mídia digital e transcritas na íntegra. A análise dos dados se deu à luz da análise de conteúdo temática, evidenciando-se as seguintes categorias: sentimentos vivenciados ao ser internado em instituição de longa permanência de idosos; a adaptação do idoso ao processo de internação; pedidos, sonhos e expectativas do idoso institucionalizado. Resultados: dos entrevistados houve predomínio do sexo masculino ­ 55,5% (n= 5), com média de idade entre 60 e 77 anos 44,4% (n= 4), com prevalência do estado civil separados de 33,3% (n= 3). Considerações finais: consideram-se as ILPs importantes espaços para o cuidado qualitativo ao idoso, por isso, em seu planejamento e implantação devem-se incluir, além do conforto e acolhimento, ações que permitam ao residente o exercício da autonomia, a elevação da autoestima e o enfrentamento adequado ao processo do envelhecer.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Idoso , Envelhecimento , Emoções , Relações Familiares , Saúde do Idoso Institucionalizado , Serviços de Saúde para Idosos
3.
CINERGIS ; 18(1)jan.-mar. 2017.
Artigo em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-944818

RESUMO

Objetivo: identificar as concepções de gestantes sobre o pré-natal, realizado pelos médicos do Programa Mais Médicos, em uma UBS. Método: trata-se de uma pesquisa de caráter exploratório com uma abordagem qualitativa. Participaram do estudo 14 gestantes atendidas pelo SUS. Para a coleta de dados, utilizou-se a entrevista individual com um questionário norteador com questões abertas e fechadas, sendo realizadas na sala de consulta de enfermagem da Unidade Básica de Saúde, no período de junho e julho de 2016. Os dados foram analisados por meio da análise temática. Resultados: na análise dos dados elencaram-se as categorias Concepções sobre o atendimento recebido pelos profissionais do Programa Mais Médicos na realização do pré-natal; a escuta qualificada, o acolhimento e o vínculo como diferencial na atenção ao pré-natal na UBS. Considerações finais: o estudo evidenciou que o atendimento realizado pelos profissionais do PMM alicerçam-se os princípios do SUS, em que o acolhimento e o vínculo são priorizados e a escuta qualificada representa um diferencial na interação profissional usuária.


Objective: identify the views of pregnant women on prenatal care performed by doctors of the More Doctors program in a Brazilian basic health unit (UBS). Method: this is an exploratory study with a qualitative approach. The study included 14 pregnant women attended by Brazilian public health system (SUS). Data were collected using an individual interview with a guiding questionnaire with open and closed questions, held in the nursing consultation room between June and July 2016. Data were analyzed by thematic analysis. Results: data analysis results in two categories: Conceptions about care provided by professionals of More Doctors in performing prenatal; a qualified listening, welcoming and bonding as a differential in attention to prenatal care at UBS. Closing remarks: the study showed that services provided by professionals are founded by SUS principles, in which the host and the bond are prioritized and qualified listening is a differential in the professional-user interaction.


Assuntos
Feminino , Humanos , Gravidez , Programas Nacionais de Saúde , Cuidado Pré-Natal , Atenção Primária à Saúde , Médicos de Atenção Primária/provisão & distribução , Brasil
4.
Nursing (Säo Paulo) ; 20(224): 1537-1541, jan.2017.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-869181

RESUMO

O objetivo do presente artigo é identificar a ocorrência de processos jurídicos resultantes de erros e/ou condutas éticas inadequadas de profissionais de enfermagem registradas no Ministério Público Promotorias de Justiça. É um estudo exploratório descritivo, de abordagem qualitativa, a coleta de dados foi por meio de entrevista com um questionário elaborado pelos autores. Utilizou-se a análise de conteúdo obtendo-se três categorias: omissão de socorro gera denúncia contra enfermeiro; o vínculo profissional/paciente: transgressão ética nessa relação; (in)competência técnica e imperícia: a ocorrência de danos à saúde e a segurança do paciente. Conclusões: os erros e comportamento ético inadequado repercutem na qualidade do cuidado oferecido aos pacientes, com reflexos na sua segurança, nas condições de trabalho da equipe e na imagem institucional e profissional perante a sociedade.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Análise Ética , Má Conduta Profissional , Papel do Profissional de Enfermagem , Princípios Morais , Ética Institucional , Ética Profissional , Ética em Enfermagem
5.
Rev. enferm. Cent.-Oeste Min ; 6(3): 2342-2348, set.-dez. 2016.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-836101

RESUMO

O objetivo foi identificar as concepções dos profissionais da saúde sobre a humanização. Método: Trata-se de um estudo qualitativo do tipo descritivo realizado com 23 profissionais da equipe de saúde de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulta, localizada em um município de médio porte do interior do estado do Rio Grande do Sul (RS). O instrumento de coleta de dados foi por meio de um questionário com perguntas abertas, que foram analisadas mediante a utilização da análise de conteúdo temática. Resultados: Identificou-se que os profissionais da saúde, mesmo referindo não ter conhecimento do conteúdo da Política Nacional de Humanização, trazem para sua prática diária valores como respeito, dignidade e amor ao próximo, tentando assim tornar mais humanas as suas atividades diárias. Conclusão: considera-se de extrema importância que as universidades, como formadoras de mão de obra para a saúde, as instituições de saúde, bem como gestores e profissionais discutam a Política Nacional de Humanização, trazendo para a pratica diária tudo aquilo que é preconizado por essa política de saúde.


The objective was to identify the conceptions of health professionals on the humanization. Method: This is aqualitative descriptive study conducted with 23 health professionals team of the Intensive Care Unit (ICU) adult, locatedin a medium-sized municipality in the state of Rio Grande do Sul (RS). The instrument used for data collection was through a quiz with open questions, which were analyzed through the use of thematic content analysis. Results: It was identified that the health professionals, even when relating that they do not have any knowledge about the content of National Humanization Politics, bring to their daily practice values such as respect, dignity and love toward the others, therefore, trying to make their daily tasks more human. Conclusion: it is considered of utmost importance that universities, as laborforming for health, health institutions as well as managers and professionals discuss the National Humanization Policy, bringing the daily practice all that is recommended by this health policy.


El objetivo fue identificar las concepciones de los profesionales de la salud en la humanización. Método: Serealizó um estudio descriptivo cualitativo com 23 profesionales del equipo del salud del equipo de la Unidad de Cuidados Intensivos (UCI) para adultos, situado en un municipio de tamaño medio en el estado de Rio Grande do Sul (RS). Elinstrumento de recolección de datos fue a través de um cuestionario com preguntas abiertas, que fueron analizados utilizando el análisis de contenido temático. Resultados: Se identificó que lós profesionales de la salud, incluso afirmando que no estaban al tanto del contenido de la Política Nacional de Humanización, traen a su práctica diária, valores talescomo el respeto, la dignidad y el amor al prójimo, tratando de ser más humano a sus actividades diárias. Conclusión: seconsidera de suma importancia que las universidades, como el trabajo de formación para la salud, las instituciones de salud, así como directivos y profesionales discuten la Política Nacional de Humanización, con lo que la práctica diaria de todo lo que es recomendado por esta política de salud.


Assuntos
Humanos , Cuidados Críticos , Humanização da Assistência , Unidades de Terapia Intensiva
6.
Cogitare enferm ; 21(3): 01-07, Out.-Dez. 2016.
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-2728

RESUMO

Este estudo teve como objetivo investigar, junto a trabalhadores com deficiência, as principais dificuldades enfrentadas os primeiros meses de trabalho. Trata-se de pesquisa qualitativa com 16 trabalhadores com deficiência, numa empresa privada de ensino superior e médio no noroeste do estado do Rio Grande do Sul. A coleta dos dados se deu mediante entrevista estruturada e análise de conteúdo em agosto 2014. Foi possível elencar duas categorias: a primeira inerente às dificuldades enfrentadas pelos trabalhadores com deficiência, e a segunda, às (in)satisfações e contribuições do trabalhador para a melhoria do processo de trabalho. Identificou-se que a maioria dos entrevistados não enfrentou dificuldades, contudo em alguns relatos, foi possível apreender alguma discriminação e dificuldades de adaptação. Algumas ações da empresa foram facilitadoras do processo de inserção do trabalhador com deficiência. Considera-se que a inclusão do enfermeiro, dentro das empresas, possa contribuir para uma melhor integração destes trabalhadores (AU).


This study aimed to investigate, with disabled workers, the main difficulties faced by these in their first months at work. It is qualitative research with 16 disabled workers, in a private company providing teaching services at a high school and higher education level, in the northwest of the Brazilian state of Rio Grande do Sul. Data collection took place through a structured interview and content analysis, in August 2014. It was possible to list two categories: the first, inherent to the difficulties faced by the disabled workers, and the second, to the worker's (dis-)satisfactions and contributions to improving the work process. It was identified that the majority of the interviewees did not face difficulties ­ however, in some reports, it was possible to learn some instances of discrimination, and difficulties in adapting. Some of the company's actions facilitated the process of the disabled worker's insertion. It is considered that the inclusion of the nurse, within companies, may contribute to the better integration of these workers (AU).


El objetivo de este estudio fue investigar, con trabajadores discapacitados, las principales dificultades a las que se enfrentan en sus primeros meses de trabajo. Se trata de una investigación cualitativa con 16 trabajadores discapacitados, en una empresa privada que presta servicios de enseñanza en una escuela secundaria y superior, en el noroeste del estado brasileño de Rio Grande do Sul. La recolección de datos se realizó mediante una entrevista estructurada y un análisis de contenido, en agosto de 2014. Se pudo enumerar dos categorías: la primera, inherente a las dificultades de los trabajadores discapacitados, y la segunda a las (des) satisfacciones y Contribuciones para mejorar el proceso de trabajo. Se identificó que la mayoría de los entrevistados no se enfrentaban a dificultades; sin embargo, en algunos informes se pudo conocer algunos casos de discriminación y dificultades de adaptación. Algunas de las acciones de la empresa facilitaron el proceso de inserción del trabajador discapacitado. Se considera que la inclusión de la enfermera, dentro de las empresas, puede contribuir a la mejor integración de estos trabajadores (AU).


Assuntos
Humanos , Pessoas com Deficiência , Saúde do Trabalhador , Enfermagem do Trabalho
7.
Nursing (Säo Paulo) ; 17(221): 1229-1233, abr. 2016. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-788667

RESUMO

Objetivo foi identificar o conhecimento das mulheres sobre exame Papanicolaou e Papilomavírus humano, suas características, atitudes e resultados de exames citopatológicos. Estudo transversal com 30 mulheres em uma Estratégia de Saúde da Família, com entrevista estruturada e resultados dos exames. Constatou-se que 56,67% desconheciam a associação entre Papilomavírus humano e câncer do colo do útero. Os exames citopatológico mostraram 90% negativos para lesão intraepitelial ou malignidade, 3,33% com células atípicas de significado indeterminado e 6,67% com lesão intraepitelial de baixo grau.


Aim was to identify the knowledge of women about Pap smear and Human Papillomavirus, their characteristics, attitudes and findings of cytopathology. Cross-sectional study with 30 women in a Family Health Strategy, with structured interview and test results. It was found that 56.67% were unaware of the association between Human Papillomavirus and cervical cancer. The Pap tests showed 90% negative for intraepithelial lesion or malignancy, 3.33% with atypical cells of undetermined significance and 6.67% with low-grade squamous intraepithelial lesion.


Objetivo fue identificar el conocimiento de las rnujeres acerca de examen de Papanicolaou y el Papillomavirus Humano, sus características, actitudes y resultados de citopatología. Estudio transversal con 30 mujeres en una Estrategia de Salud de la Familia, con entrevistas y resultados estructuradas y pruebas. Se encontró que 56.67% no tenían conocimiento de la asociación entre el Papillomavirus Humano y el cáncer de cuello uterino. Las pruebas de Papanicolaou mostraron 90% negativos para lesión intraepitelial o malignidad, 3,33% con células atípicas de significado indeterminado y 6,67% con bajo grado de lesión intraepitelial escamosa.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adolescente , Adulto Jovem , Pessoa de Meia-Idade , Estratégia Saúde da Família , Neoplasias Uterinas/prevenção & controle , Papillomaviridae , Saúde da Mulher , Teste de Papanicolaou
8.
Nursing (Säo Paulo) ; 18(216): 1030-1035, nov.2015. ilus
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-789659

RESUMO

Objetivo identificar as dificuldades encontradas pelas visitadoras do programa Primeira Infância Melhor no desenvolvimento de sua prática cotidiana, e a repercussão dessas em sua saúde e qualidade de vida. Entrevistou-se 9 visitadoras. A qualidade de vida das trabalhadoras do PIM pode ser afetada na medida em que houver a constatação de situação de violência familiar contra a criança e a possível represália da família em relação à denúncia. Fortalecer as redes de apoio às trabalhadoras do PIM numa perspectiva da intersetorialidade constitui-se em estratégia viável para fortalecer o programa...


The aim of the present work is to identify the difficulties found by the visitors of the First Better Childhood programme in the development of their daily practices, as well as the repercussion of such actions in their health and quality of life. Nine visitors were interviewed. The quality of life of the FBC workers may be affected whenever there is a sign of familiar violence against children and the possible family reprisal regarding the accusation. Therefore, the establishment of a support network for workers of FBC in an intersectorial perspective is a viable strategy to strengthen the programme...


Objetivo identificar las dificultades encontradas por las visitantes del programa Primera Infancia Mejor en el desarrollo de su práctica cotidiana, y la repercusión de esas en su salud y calidad de vida. Se entrevistó 9 visitantes. La calidad de vida de las trabajadoras del PIM puede ser afectada a medida en que haya la constatación de situación de violencia familiar contra el nino y la posible represalia de la familia en relación a la denuncia. Fortalecer las redes de apoyo a las trabajadoras del PIM en una perspectiva dei intersectorial, se constituye en estrategia viable para fortalecer el programa...


Assuntos
Humanos , Enfermeiros de Saúde Comunitária/psicologia , Esgotamento Profissional , Violência Doméstica , Emoções , Maus-Tratos Infantis/psicologia , Qualidade de Vida
9.
Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online) ; 4(4): 3052-3059, out.-dez. 2012. tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1029808

RESUMO

Realizar o dimensionamento do pessoal de enfermagem segundo o grau de dependência de pacientes de unidade clinica. Método: Pesquisa quantitativa descritiva realizada em uma unidade clínica de um hospital geral de médio porte localizado no interior do estado do Rio Grande do Sul, Brasil, em 2009. Aplicou-se nos pacientes internados o Sistema de Classificação de Pacientes, após foi realizado o cálculo para dimensionamento de pessoal. Respeitaram-se os aspectos éticos. Resultados: Predominaram 60,48 % pacientes em cuidado mínimo, seguido de 25% intermediários, 13,71% semi-intensivos e 0,81% intensivos. O dimensionamento apontou que o número de enfermeiros é insuficiente e o número de técnicos de enfermagem supera discretamente o preconizado. Conclusão: A aplicação do Sistema de Classificação de Pacientes permitiu identificar o perfil assistencial do pacientes internados na unidade clínica. Faz-se necessário o aumento do número de profissionais de acordo com as categorias de cuidado identificadas.


Hacer el dimensionamiento del personal de enfermería de acuerdo con el grado de dependencia de los pacientes de la unidad clínica. Método: Estudio quantitativo descriptivo realizado en una unidad clínica de un hospital en el interior de Rio Grande do Sul, Brasil, en 2009. Se aplicó el Sistema de Clasificación de Pacientes, después se realizó el cálculo del dimensionamiento del personal de enfermería. Sin perjuicio de los aspectos éticos. Resultados: 60,48% pacientes en cuidados mínimos, seguido por un 25% intermedios, 13,71% semi-intensivos e intensivos 0,81%. El dimensionamiento mostró que el número de enfermeras es insuficiente. El número de técnicos es discretamente superior a lo recomendado. Conclusión: La aplicación del Sistema de Clasificación de los Pacientes identifico el perfil asistencial de los pacientes ingresados en la unidad clínica. Es necesario aumentar el número de profesionales de acuerdo en las categorías de atención identificados.


Objectives: To make the sizing of the nursing staffing according to the degree of patient dependence a clinical unit. Method: Quantitative descriptive research held in a clinical unit for a hospital located in the interior of Rio Grande do Sul, Brazil, in 2009. Was applied the Patient Classification System, after the calculation was performed for sizing of staff. Were respected the ethical aspects. Results: Predominated patients in minimal care in 60,48%, followed 25% intermediate, 13,71% semi-intensive and intensive 0,81%. The sizing showed that the number of nurses is insufficient. The technician’s number discreetly exceeded what is recommended. Conclusion: The Patient Classification System identified the care profile of patients admitted to the clinical unit. It’s necessary to increase the number of professionals according to the category of care identified.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Cuidados de Enfermagem , Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde , Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital , Serviços de Enfermagem , Brasil
10.
Acta paul. enferm ; 24(5): 683-688, 2011.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-606500

RESUMO

OBJETIVO: Identificar a percepção de pacientes de uma unidade de internação a respeito dos aspectos relacionados à sua privacidade no hospital. MÉTODOS: Estudo qualitativo, do tipo exploratório-descritivo. A amostra constituiu-se de 12 pacientes internados em um hospital geral e a coleta de dados ocorreu por meio de entrevistas semi-estruturadas e observação simples da ambiência desse local. RESULTADOS: Situações do cotidiano sugeriam ocorrência de violação do espaço pessoal e do corpo do paciente, por vezes, sem justificativa aparente. A experiência de exposição do corpo de si e do outro, a postura inadequada de profissionais da equipe de enfermagem, na visão dos pacientes constituiram-se em condições geradoras de ansiedade, constrangimento e estresse, que repercutem em sua saúde e bem-estar. CONCLUSÃO: As falas deixaram transparecer a pouca expectativa dos pacientes quanto à privacidade no cuidado recebido na instituição, tendo relacionado privacidade à competência técnica e ao conhecimento dos profissionais sobre os procedimentos que realizam, associando ideias como prestabilidade e gentileza no tratamento.


OBJECTIVE: To identify patient perceptions in an inpatient unit with respect to issues related to privacy in the hospital. METHODS: This was a qualitative, exploratory, descriptive study. The sample consisted of 12 patients admitted to a general hospital; data collection occurred through semi-structured interviews and simple observation of the ambience of this setting. RESULTS: Everyday situations showed the occurrence of violation of personal space and the patient's body, sometimes without apparent reason. The experience of exposure of one's body and the inadequate professional posture of the nursing staff, the vision of patients was formed under conditions that generated anxiety, embarrassment and stress that impacted on their health and well-being. CONCLUSION: The statements made clear the low expectation of patients about privacy in the care received at the institution, with privacy related to technical competence and knowledge of professionals about the procedures they perform, such as linking ideas including helpfulness and kindness with their treatment.


OBJETIVO: Identificar la percepción de pacientes de una unidad de internamiento respecto a los aspectos relacionados a su privacidad en el hospital. MÉTODOS: Estudio cualitativo, del tipo exploratorio-descriptivo. La muestra estuvo constituída de 12 pacientes internados en un hospital general y la recolección de los datos se realizó por medio de entrevistas semi-estructuradas y observación simple de la ambiencia de ese local. RESULTADOS: Situaciones del cotidiano sugirieron la ocurrencia de la violación del espacio personal y del cuerpo del paciente, a veces, sin justificación aparente. La experiencia de exposición del cuerpo de sí mismo y del otro, la postura inadecuada de profesionales del equipo de enfermería, en la visión de los pacientes se constituyeron en condiciones generadoras de ansiedad, vergüenza y estrés, que repercuten en su salud y bienestar. CONCLUSIÓN: Los testimonios reflejaron la poca expectativa de los pacientes en cuanto a la privacidad en el cuidado recibido en la institución, habiendo relacionado privacidad a la competencia técnica y al conocimiento de los profesionales sobre los procedimientos que realizan, asociando ideas como prestabilidad y gentileza en el tratamiento.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Assistência à Saúde , Ética em Enfermagem , Administração Hospitalar , Cuidados de Enfermagem , Organização e Administração , Privacidade , Epidemiologia Descritiva , Pesquisa Qualitativa
11.
Nursing (Säo Paulo) ; 13(150): 568-572, nov. 2010. ilus
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-571225

RESUMO

É um estudo qualitativo, descritivo que objetivou investigar o conhecimento de pacientes de uma Estratégia Saúde da Família sobre terapias complementares, identificando as mais utilizadas. Coletaram-se dados mediante a técnica de grupo focal. A análise temática das falas dos sujeitos convergiu para a obtenção de duas categorias: uso de terapias complementares como resultante da insatisfação com a medicina tradicional; cultura; saberes tradicionais; rituais místicos; religião influenciando no uso de terapias complementares. Constatou-se a relevância de estudos sobre os benefícios das terapias complementares no processo de saúde e bem estar das pessoas.


Assuntos
Humanos , Diabetes Mellitus/prevenção & controle , Hipertensão/prevenção & controle , Terapias Complementares
12.
Nursing (Säo Paulo) ; 12(144): 236-240, maio 2010. ilus
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-558372

RESUMO

Este estudo objetivou investigar junto aos enfermeiros, atuantes na atenção básica de um município do interior do Rio Grande do Sul, sobre a Política Nacional de Humanização no SUS, o acolhimento aos cidadãos. É uma pesquisa descritiva de abordagem qualitativa. Os dados foram coletados através de um questionário com perguntas abertas, e interpretados mediante análise temática, obtendo-se cinco categorias. O estudo mostra que os enfermeiros estão cientes da importância do acolhimento e atendimento humanizado ao usuário nos serviços de saúde. Entretanto, revela o predomínio de uma prática alicerçada no modelo biomédico, centrada na fragmentação do atendimento ao usuário e na dificuldade do trabalho em equipe.


Assuntos
Humanos , Acolhimento , Cuidados de Enfermagem/psicologia , Atenção Primária à Saúde , Inquéritos e Questionários
13.
Porto Alegre; s.n; 2010. 102 p.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-566888

RESUMO

A privacidade é um direito individual que contempla situações relacionadas à proteção da intimidade dos sujeitos, respeito à dignidade, limitação de acesso ao corpo, aos objetos íntimos, aos relacionamentos familiares e sociais e a enfermagem tem como desafio a reflexão ética sobre a responsabilidade e compromisso de suas ações, nesse âmbito. O objetivo geral da pesquisa consistiu em analisar situações relativas à privacidade do paciente no cotidiano da enfermagem hospitalar e as ações dos enfermeiros nesse contexto, tendo-se como objetivos específicos: identificar a percepção de pacientes de uma unidade de internação sobre aspectos relacionados à sua privacidade no hospital; descrever condições do ambiente hospitalar relacionadas à privacidade dos pacientes internados; destacar ações da equipe de enfermagem que repercutem na privacidade dos pacientes; discutir e propor encaminhamentos acerca da prática gerencial do enfermeiro sobre as questões apontadas. O estudo caracteriza-se como qualitativo, do tipo exploratório-descritivo. A pesquisa ocorreu em um hospital de ensino do Estado do Rio Grande do Sul, mediante três técnicas de coleta de dados, no período entre outubro de 2008 e janeiro de 2009. (Continua)pt(Continuação) Em um primeiro momento, coletaram-se informações por meio de entrevistas com doze pacientes internados em uma unidade de clínica médica e mediante observação simples da ambiência desse local. Posteriormente, foram realizados cinco encontros de grupo focal com dez enfermeiros gerentes de equipe.


Os dados foram submetidos à análise temática, resultando nas categorias: exposição do corpo – de si e dos outros; postura inadequada da equipe de enfermagem; e acesso indevido ao prontuário do paciente. Os dados obtidos mediante entrevistas e observação do ambiente apontaram para situações do cotidiano que sugerem a ocorrência da violação do espaço pessoal e do corpo do paciente, por vezes sem justificativa aparente. A experiência de exposição do corpo de si e a postura inadequada de profissionais da equipe de enfermagem, na visão dos pacientes, constituem-se em condições geradoras de ansiedade, constrangimento e estresse, condição que repercute em sua saúde e bem estar. As falas deixaram transparecer a pouca expectativa de alguns pacientes sobre a privacidade no cuidado recebido na instituição. Os pacientes relacionaram privacidade à competência técnica e ao conhecimento dos profissionais sobre os procedimentos que realizam, associando idéias como prestatividade e gentileza no tratamento. Nos debates do grupo focal, os enfermeiros aludiram à inadequação do ambiente físico, à deficiência de recursos humanos e materiais e à falta de tempo como fatores que dificultam o planejamento e implementação de estratégias para a preservação da privacidade do paciente, no ambiente hospitalar. As atividades cotidianas dos enfermeiros gerentes de equipe centramse prioritariamente na competência técnico-burocrática, com ênfase na coordenação, supervisão e controle, assim como na previsão e provisão de recursos para as ações de cuidado. Os dados ilustram situações em que se percebe o agir profissional com ênfase na racionalidade técnica, pois a equipe se circunscreve no cumprimento de normas e rotinas, em detrimento de quesitos igualmente importantes que perpassam as relações com o paciente. Assim, outras dimensões que remetem à ética do cuidado tais como a subjetividade, a sensibilidade, a comunicação e o desenvolvimento da cidadania não vêm sendo priorizadas.


Os enfermeiros assinalaram a necessidade de incluir abordagens sobre privacidade nos programas de educação continuada como uma possibilidade de mudança de postura em relação a essa temática. A ética do cuidado implica em exercício de reflexão e de autocrítica sobre o fazer cotidiano, adotando-se uma postura de estranhamento, inconformidade e de ruptura com as práticas que possam resultar em transgressão aos princípios éticos, de desrespeito aos direitos do paciente. No grupo focal com os enfermeiros gerentes de equipe foi elaborado um documento contendo estratégias viáveis para serem implementadas na instituição, no sentido de resguardar a privacidade do paciente naquele cenário. Assim, defendeu-se que haja maior proteção do prontuário do paciente, assegurando acesso exclusivo de profissionais diretamente envolvidos no cuidado e outras medidas que, embora elementares, podem representar um diferencial no resguardo da privacidade como o uso de biombos e manter fechada a porta do quarto durante a higiene pessoal, punções, curativos e outros procedimentos à beira do leito. Também foi ponderado acerca da necessidade de restringir acessos diversos ao paciente, preservando-o do contato indevido e/ou indesejado com pessoas alheias ao cuidado. Houve ênfase à capacitação e sensibilização das equipes de atendimento, incorporando temáticas desta natureza nos programas de educação permanente desenvolvidos na instituição.


Assuntos
Humanos , Administração Hospitalar , Confidencialidade , Ética em Enfermagem , Pacientes Internados , Papel do Profissional de Enfermagem , Privacidade , Hospitalização
14.
REME rev. min. enferm ; 13(2): 288-292, abr.-jun. 2009.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-546874

RESUMO

Desde as organizações mais primitivas, o ser humano comporta-se como um ser gregário, e suas experiências grupaisconstituem a base de formação para uma identidade individual, coletiva e social. Os estudos sobre grupos fazem-sepresentes em diversas áreas do conhecimento, dentre elas a enfermagem, que se destaca por um ser trabalho coletivo,contínuo, ininterrupto, estruturado em equipes que possuem como eixo de referência o enfermeiro. Esse profissional,como integrante dessa equipe, assume competências de supervisão e liderança, legitimando seu papel decoordenador. Neste artigo propomos uma reflexão sobre a coordenação de grupos alicerçados no referencial sobregrupo operativo proposto por Enrique Pichon-Rivière. Esses pressupostos permitem o aprendizado por meio dasvivências de cada indivíduo, propiciando o crescimento grupal em um movimento dialético de construção,desconstrução e reconstrução que busca explicitar o que está implícito. O enfermeiro, ao coordenar um grupo, deveconsiderar a complexa de rede de vínculos e relações sociais da ação de seus integrantes e, assim produzir mudanças.


Assuntos
Humanos , Equipe de Enfermagem/ética , Papel do Profissional de Enfermagem , Processos Grupais
15.
Nursing (Säo Paulo) ; 11(128): 46-50, jan. 2009.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-514708

RESUMO

Trata-se de um estudo qualitativo do tipo descritivo que objetivou identificar como se organiza o processo de trabalho de enfermeiros que atuam em hospitais de pequeno porte localizados na 12ª Coordenadoria Regional de Saúde do Estado do Rio Grande do Sul. Buscou-se ainda identificar quais as ações mais freqüentemente realizadas por estes profissionais. Os dados foram coletados através de entrevistas semi-estruturadas com 14 enfermeiros, utilizando-se como método de análise, a categorização fundamentada numa perspectiva dialética, a qual é capaz de dar conta de uma interpretação acerca da realidade. Constatou-se que o enfermeiro assume inúmeras atividades, servindo de elo entre os diferentes trabalhos que compõem o ambiente hospitalar sendo grande facilitador na execução do trabalho dos diferentes agentes.


Assuntos
Humanos , Papel do Profissional de Enfermagem , Supervisão de Enfermagem
16.
Rev. latinoam. enferm ; 12(6): 933-939, nov.-dez. 2004.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-392867

RESUMO

É necessário olhar criticamente para as nossas práticas e para as relações que estabelecemos em nossa vida pessoal e profissional, para termos um viver pautado na ética. Neste texto, problematizamos práticas de governabilidade, construídas nas relações que os profissionais de saúde e, em especial, os enfermeiros estabelecem entre si, com as instituições de saúde e com os clientes e na relação com a profissão. Concluímos que, para alguém cuidar do outro e conduzi-lo, como o fazem os enfermeiros em suas práticas, primeiramente necessita demonstrar que podem conduzir-se, que conhece os limites de sua prática e que necessita respeitar o outro como alguém diferente de si próprio


Assuntos
Autocuidado , Enfermeiras e Enfermeiros , Enfermeiros , Ética em Enfermagem , Prática Profissional
17.
Rev. bras. enferm ; 57(3): 332-335, jun. 2004.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-574894

RESUMO

Trata-se de uma pesquisa qualitativa, descritiva que teve por objetivo identificar como vem sendo o relacionamento idoso-família, identificando os motivos que levaram os familiares a optarem pela institucionalização do seu idoso, obtendo-se também a visão da família sobre o cuidado no lar. Para coleta dos dados utilizou-se um instrumento com perguntas abertas. A coleta dos dados efetivou-se nos meses de agosto de 2002 a julho de 2003, sendo sujeitos da pesquisa, familiares de idosos de uma instituição asilar em um município da região noroeste do Rio Grande do Sul. Através da análise de conteúdo constatou-se que a maior dificuldade encontrada pela família, visando dispensar cuidados ao idoso é a "falta de tempo para cuidar" do seu familiar idoso, pois a maioria deles exige cuidados em tempo integral.


Qualitative and descriptive research that aimed at identifying how the elderly-family relationship has been taking place by identifying the reasons that led family members to opt for the institutionalization of their elderly, obtaining also the view of the family about home caring. Data collection was performed by using an open questioning instrument. Data collection was performed from August 2002 to July 2003. The subjects of the research were relatives of elderly people living at a home in a town in the northwestern region of Rio Grande do Sul. Through content analysis, it was seen that the greatest difficulty found by the family in spending time with their elderly relative is the "lack of time to care" for him, because most of them require full-time caring.


Se trata de una investigación cualitativa, teniendo por objetivo de identificar cómo se está llevando la relación anciano-familia, identificando los motivos que llevaron a los familiares a escoger por la institucionalización de su anciano, obteniéndose también la visión de la familia sobre el cuidado en el hogar. Para la colecta de datos utilizamos un instrumento con preguntas claras y objetivas. En los meses de agosto de 2002 hasta julio de 2003 realizamos la colecta de datos de los parientes de ancianos de una institución de amparo en un municipio de la región noroeste de "Rio Grande do Sul". Por medio del análisis del contenido verificamos que la mayor dificultad encontrada por parte de la familia, con relación a dejar de cuidar a los ancianos, es la "falta de tiempo para cuidar" a su pariente anciano, pues la mayoría de ellos exige cuidados en tiempo integral.


Assuntos
Idoso , Humanos , Relações Familiares , Institucionalização , Fatores Etários
18.
Rev Lat Am Enfermagem ; 12(6): 933-9, 2004.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-15678221

RESUMO

We need to take a critical look at our practices and the relationships we construct in our personal and professional life, with a view to leading a life guided by ethics. In this text, we discuss governability practices that are built in the relations between health and especially nursing professionals, with the health institutions, with the clients and with the nursing profession. We conclude that, for persons to deliver care and guide others, like nurses do in their practice, they first need to demonstrate that they can guide themselves, that they know the limits of their practice and can respect the other as someone different from themselves.


Assuntos
Enfermagem/normas , Autocuidado , Humanos , Relações Enfermeiro-Paciente
19.
Rev Bras Enferm ; 57(3): 332-5, 2004.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-15782710

RESUMO

Qualitative and descriptive research that aimed at identifying how the elderly-family relationship has been taking place by identifying the reasons that led family members to opt for the institutionalization of their elderly, obtaining also the view of the family about home caring. Data collection was performed by using an open questioning instrument. Data collection was performed from August 2002 to July 2003. The subjects of the research were relatives of elderly people living at a home in a town in the northwestern region of Rio Grande do Sul. Through content analysis, it was seen that the greatest difficulty found by the family in spending time with their elderly relative is the "lack of time to care" for him, because most of them require full-time caring.


Assuntos
Relações Familiares , Institucionalização , Fatores Etários , Idoso , Humanos
20.
Rev Bras Enferm ; 56(3): 310-4, 2003.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-14694748

RESUMO

The present study is concerning a practice of assistance built and implemented with the health team members of an Oncology and Radiotherapy Service in a large general hospital in the east part of the state of Rio Grande do Sul, attempting to make the assistance more humane. It was a possibility of reflecting with the work team about the assistance provided to the patients in light of the proposals of SUS (New Public Health System) and with the perspective of the humanistic approach and its methodological proposals.


Assuntos
Neoplasias/enfermagem , Enfermagem Oncológica , Humanismo , Humanos , Equipe de Assistência ao Paciente
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA