Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 12 de 12
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev Gaucha Enferm ; 40: e20180263, 2019 Jun 10.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-31188988

RESUMO

OBJECTIVE: To analyze the evidence of researches carried out on humanization in urgent and emergency care, considering their contributions to nursing care. METHODS: Integrative review of LILACS, CINAHL, SciELO, Web of Science, SCOPUS, and BDENF databases, using the keywords: humanization of care, urgencies, emergencies, emergency medical services, and nursing. RESULTS: The search resulted in a total of 133 publications, of which 17 were included in the scope of this review. The analysis enabled the elaboration of the evidence units: 'Reception with Risk Classification: a device with good results' and 'Barriers and difficulties to use the guidelines of the National Humanization Policy'. CONCLUSION: The Reception with Risk Classification was evidenced as the main device for the effective implementation of the National Humanization Policy and there are barriers to its effectiveness related to the organization of health care networks, structural problems, and multi-professional work.

2.
Acta Paul. Enferm. (Online) ; 32(1): 1-10, Jan.-Fev. 2019. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-989028

RESUMO

Resumo Objetivo: Verificar as associações entre as variáveis sociodemográficas, laborais e condições de saúde e hábitos de vida e os transtornos mentais comuns entre os trabalhadores de enfermagem de um hospital psiquiátrico. Métodos: Estudo transversal, quantitativo, realizado em um hospital psiquiátrico. Participaram 74 trabalhadores de enfermagem. A coleta dos dados ocorreu por meio de questionário para caracterização sociodemográfica, laboral e de condições de saúde e hábitos de vida, da subescala Número de Doenças Diagnosticadas pelo Médico, extraída do Índice de Capacidade para o Trabalho, do Questionário de Insônia de Ohayon e do Self Reporting Questionnaire - 20. A análise estatística foi realizada utilizando os testes qui-quadrado, exato de Fisher, t de Student e U de Mann Whitney. Resultados: A prevalência de transtornos mentais comuns foi de 25,7%. As variáveis associadas aos transtornos mentais comuns foram: categoria profissional (p=0,015), tempo para lazer (p<0,001), problemas de saúde (p=0,003) e satisfação com o sono (p=0,003). Conclusão: Os achados das associações permitem inferir que existe uma relação entre os hábitos de vida do trabalhador, sua atividade laborativa e o desfecho evidenciado pelo maior percentual de transtornos mentais comuns. Este estudo contribui com subsídios para propostas de intervenções e ações preventivas para o adoecimento.


Resumen Objetivo: Verificar las asociaciones entre las variables sociodemográficas, laborales y condiciones de salud y hábitos de vida y los trastornos mentales comunes entre los trabajadores de enfermería de un hospital psiquiátrico. Métodos: Estudio transversal, cuantitativo, realizado en un hospital psiquiátrico. Han participado 74 trabajadores de enfermería. La recolección de los datos ocurrió a través de cuestionario para la caracterización sociodemográfica, laboral y de condiciones de salud y hábitos de vida, de la subescala Número de Enfermedades Diagnosticadas por el Médico, extraída del Índice de Capacidad para el Trabajo, del Cuestionario de Insomnio de Ohayon y del Self Reporting Questionnaire - 20. El análisis estadístico ha sido realizado utilizando las pruebas Chi-cuadrado, exacto de Fisher, t de Student y U de Mann Whitney. Resultados: La prevalencia de trastornos mentales comunes ha sido de un 25,7%. Las variables asociadas con los trastornos mentales comunes han sido: categoría profesional (p=0,015), tiempo para el ocio (p<0,001), problemas de salud (p=0,003) y satisfacción con el sueño (p=0,003). Conclusión: Los hallazgos de las asociaciones permiten inferir que existe una relación entre los hábitos de vida del trabajador, su actividad laboral y el desfecho evidenciado por el mayor perceptual de trastornos mentales comunes. Este estudio contribuye con subsidios para propuestas de intervenciones y acciones preventivas para la enfermedad.


Abstract Objective: To check the associations between sociodemographic and occupational variables, health conditions, and life habits and common mental disorders among nursing workers of a psychiatric hospital. Methods: This is a cross-sectional, quantitative study performed in a psychiatric hospital. Seventy-four nursing workers participated. Data were collected through a questionnaire for sociodemographic, occupational, and health and life habits characterization of the subscale Number of current diseases diagnosed by a physician, extracted from the Work Ability Index, the Ohayon Insomnia Questionnaire, and the Self-Reporting Questionnaire - 20. Statistical analysis was performed using chi-square, Fisher's exact, Student's t, and Mann-Whitney U tests. Results: The prevalence of common mental disorders was 25.7%. The variables associated with common mental disorders were: professional category (p = 0.015), leisure time (p <0.001), health problems (p = 0.003), and sleep satisfaction (p = 0.003). Conclusion: The findings of these associations allow us to infer that there is a relationship between workers' life habits, their work activity, and the outcome evidenced by the higher percentage of common mental disorders. This study contributes with subsidies for proposing interventions and actions to prevent workers from becoming ill.

3.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 23(4): e20190027, 2019. tab
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-1039812

RESUMO

Abstract Objective: To evaluate, from the perspective of Nursing students, a virtual learning environment about educational actions for people with diabetes mellitus. Method: A cross-sectional and descriptive study with qualitative data analysis and a sample of 71 nursing students. A questionnaire was used to collect data that includes pedagogical and theoretical aspects of the virtual learning environment: content, interaction, activities, response time and interface quality. Results: The results showed that there was a good evaluation of the parameters in most of the evaluated items, except for the figures and sound of the VLE interface domain, which evaluates the quality of the platform design. Conclusion and implications for practice: In the students' evaluation, the virtual learning environment was a potential tool for the technical and complementary development of nursing, in addition the inclusion in the virtual world of learning.


Resumen Objetivo: Evaluar, en la perspectiva de estudiantes de Enfermería, un ambiente virtual de aprendizaje sobre las acciones educativas para personas con diabetes mellitus. Método: Estudio transversal y descriptivo con análisis cualitativo de datos y con muestra de 71 estudiantes de enfermería. Para la recolección de datos, se utilizó una encuesta que contempla aspectos pedagógicos y teóricos del ambiente virtual de aprendizaje: contenido, interacción, actividades, tiempo de respuesta y calidad de la interfaz. Resultados: Los resultados demostraron que hubo una buena evaluación de los parámetros en la mayoría de los ítems evaluados, excepto los ítems figuras y sonido del dominio interfaz del AVA, que evalúa la calidad del diseño de la plataforma. Conclusión e implicaciones para la práctica: En la evaluación de los estudiantes, el ambiente virtual de aprendizaje se presentó como una herramienta potencial para el desarrollo técnico y complementario de la enfermería, además de la inclusión en el mundo virtual de aprendizaje.


Resumo Objetivo: Avaliar, na perspectiva de estudantes de Enfermagem, um ambiente virtual de aprendizagem sobre ações educativas para pessoas com diabetes mellitus. Método: Estudo transversal e descritivo, realizado com 71 estudantes de Enfermagem. A coleta de dados foi realizada por meio de um questionário que contempla aspectos pedagógicos e teóricos do ambiente virtual de aprendizagem: conteúdo, interação, atividades, tempo de resposta e qualidade da interface. Resultados: Os resultados demonstraram que houve boa avaliação dos parâmetros na maioria dos itens avaliados, exceto os itens figuras e som do domínio interface do AVA, que avalia a qualidade do design da plataforma. Conclusão e implicações para a prática: Na avaliação dos estudantes, o ambiente virtual de aprendizagem apresentou-se como uma ferramenta em potencial para o desenvolvimento técnico e complementar de Enfermagem, além da inclusão no mundo virtual de aprendizagem.

4.
Rev. gaúch. enferm ; 40: e20180263, 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1004092

RESUMO

Resumo OBJETIVO Analisar as evidências das pesquisas desenvolvidas sobre a humanização no atendimento de urgência e emergência, tendo em vista suas contribuições para o cuidado de enfermagem. MÉTODOS Revisão integrativa nas bases de dados LILACS, CINAHL, SciELO, Web os Science, SCOPUS e BDENF, utilizando os descritores: humanização da assistência, urgências, emergências, serviços médicos de emergências e enfermagem. RESULTADOS A busca resultou em um total de 133 publicações, sendo 17 incluídas no escopo desta revisão. A análise possibilitou a elaboração das unidades de evidência: Acolhimento com classificação de risco: dispositivo com bons resultados e Barreiras e dificuldades para a utilização das diretrizes da Política Nacional de Humanização. CONCLUSÃO O Acolhimento com Classificação de Risco foi evidenciado como principal dispositivo para a efetiva operacionalização da Política Nacional de Humanização e existem barreiras para sua efetivação relacionadas à organização das redes de atenção à saúde, problemas estruturais e ao trabalho multiprofissional.


Resumen OBJETIVO Analizar las evidencias de las investigaciones desarrolladas sobre la humanización en la atención de urgencia y emergencia, teniendo en cuenta sus contribuciones en el cuidado de enfermería. MÉTODOS Revisión integradora con búsqueda en bases de datos LILACS, CINAHL, SciELO, Web of Science, SCOPUS y BDENF, utilizando descriptores: humanización de la asistencia, urgencias, emergencias, servicios médicos de emergencias y enfermería. RESULTADOS La búsqueda resultó en un total de 133 publicaciones, siendo 17 incluidas en el alcance de esta revisión. El análisis posibilitó la elaboración de unidades de evidencia: 'Acogida con clasificación de riesgo: dispositivo con buenos resultados' y 'Barreras y dificultades para la utilización de las directrices de la Política Nacional de Humanización'. CONCLUSIÓN El Acogimiento con Clasificación de Riesgo fue evidenciado como principal dispositivo para una efectiva operacionalización de la Política Nacional de Humanización y existen barreras para su efectividad relacionadas con la organización de las redes de atención a la salud, con los problemas estructurales y el trabajo multiprofesional.


Abstract OBJECTIVE To analyze the evidence of researches carried out on humanization in urgent and emergency care, considering their contributions to nursing care. METHODS Integrative review of LILACS, CINAHL, SciELO, Web of Science, SCOPUS, and BDENF databases, using the keywords: humanization of care, urgencies, emergencies, emergency medical services, and nursing. RESULTS The search resulted in a total of 133 publications, of which 17 were included in the scope of this review. The analysis enabled the elaboration of the evidence units: 'Reception with Risk Classification: a device with good results' and 'Barriers and difficulties to use the guidelines of the National Humanization Policy'. CONCLUSION The Reception with Risk Classification was evidenced as the main device for the effective implementation of the National Humanization Policy and there are barriers to its effectiveness related to the organization of health care networks, structural problems, and multi-professional work.

5.
Rev Lat Am Enfermagem ; 26: e3032, 2018 Aug 09.
Artigo em Inglês, Português, Espanhol | MEDLINE | ID: mdl-30110106

RESUMO

OBJECTIVE: To analyze the risks of illnesses related to the work context of nursing workers in a psychiatric hospital. METHOD: Cross-sectional and quantitative study, developed in a psychiatric hospital with 74 nursing workers. The Work Context Assessment Scale was used to measure the risks of illness at work. Descriptive analyzes were performed with mean and standard deviation. To test the reliability of the data, the Cronbach's alpha test was used. The correlation between the factors of the work context was tested using the Spearman correlation coefficient. RESULTS: The organization of work was considered serious, social-professional relationships were considered satisfactory and working conditions were considered severe for risks of illness at work. The repetitiveness of tasks, work conditions that pose risks to safety, inadequate furniture and physical structure of the workplace, and the existence of noise in the work environment were indicated as severe risks to workers' health. CONCLUSION: The factor working conditions is the one that contributes the most to illness among nursing workers.


Assuntos
Equipe de Enfermagem , Doenças Profissionais/epidemiologia , Enfermagem Psiquiátrica , Estudos Transversais , Feminino , Hospitais Psiquiátricos , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Medição de Risco
6.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 22(2): e20170288, 2018. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-953445

RESUMO

Objective: To investigate the risk of illness and to the human cost at work from the point of view of the nursing team of a psychiatric hospital. Method: A cross-sectional study performed in a psychiatric hospital with 74 nursing workers. The Human Cost of Labor Scale was applied. Results: In the evaluation of the human cost at work, the cognitive cost factor was evaluated as a critical risk for the sickness of the nursing worker, while the factors affective cost and physical cost demonstrated a satisfactory evaluation. The items considered critical for illness referred to: having control of emotions, dealing with the aggressiveness of others, use of vision and memory, and repeated and repeated use of the legs and hands. Conclusion: The evaluated items reveal conditions critical to the health of the nursing worker in mental health, revealing risk of illness.


Objetivo: Investigar los riesgo de enfermedad y el costo humano en el trabajo desde el punto de vista del equipo de enfermería de un hospital psiquiátrico. Método: Estúdio transversal, realizado en un hospital psiquiátrico, con 74 trabajadores de enfermería. Se aplicó la Escala de Costo Humano en el Trabajo. Resultados: En la evaluación del costo humano en el trabajo, el factor costo cognitivo fue evaluado como riesgo crítico para la enfermedad del trabajador de enfermería, mientras que los factores costo afectivo y costo físico demostraron una evaluación satisfactoria. Los elementos considerados críticos para la enfermedad se refirieron a: tener control de las emociones, tratar con la agresividad de los demás, el uso de la visión y la memoria y el uso continuo y repetido de las piernas y las manos. Conclusión: Los ítems evaluados revelan condiciones críticas para la salud del trabajador de enfermería en salud mental, revelando riesgo de enfermedad.


Objetivo: Investigar o risco de adoecimento e o custo humano no trabalho sob o ponto de vista da equipe de enfermagem de um hospital psiquiátrico. Método: Estudo transversal, realizado em um hospital psiquiátrico, com 74 trabalhadores de enfermagem. Foi aplicada a Escala de Custo Humano no Trabalho. Resultados: Na avaliação do custo humano no trabalho, o fator custo cognitivo foi avaliado como risco crítico para adoecimento do trabalhador de enfermagem, enquanto os fatores custo afetivo e custo físico demonstraram avaliação satisfatória. Os itens considerados críticos para adoecimento referiram-se a: ter controle das emoções, lidar com a agressividade dos outros, uso da visão e memória, uso contínuo e repetido das pernas e mãos. Conclusão: Os itens avaliados indicaram condições críticas para a saúde mental do trabalhador de enfermagem, revelando risco de adoecimento.


Assuntos
Humanos , Saúde Mental , Saúde do Trabalhador , Hospitais Psiquiátricos , Profissionais de Enfermagem
7.
REME rev. min. enferm ; 22: e-1104, 2018.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-907145

RESUMO

Objetivo: discutir as implicações do perfil sociodemográfico e laboral, as condições de saúde e hábitos de vida para a saúde do trabalhador de enfermagem de um hospital psiquiátrico. Método: estudo transversal realizado com 74 participantes. Foi utilizado questionário para caracterização sociodemográfica, laboral e de condições de saúde e hábitos de vida. Resultados: verificou-se associação entre a categoria auxiliar/técnico de enfermagem da raça/cor preta (p<0,001), nível médio de escolaridade (p<0,001), carga horária semanal superior a 30 horas (p=0,007), mais de um vínculo empregatício (p=0,034), trabalho noturno (p=0,018) e transtorno mental comum (p=0,015). Observou-se associação significativa entre a categoria enfermeiro e o tempo de atuação no setor (p=0,028). Conclusão: os resultados sugerem que a natureza do trabalho executado exerce forte influência sobre a saúde do trabalhador, em especial sobre os auxiliares/técnicos de enfermagem.(AU)


Assuntos
Humanos , Hospitais Psiquiátricos , Saúde Mental , Equipe de Enfermagem , Saúde do Trabalhador , Fatores de Risco , Condições de Trabalho , Fatores Socioeconômicos
8.
Rev. latinoam. enferm. (Online) ; 26: e3032, 2018. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-961190

RESUMO

ABSTRACT Objective: To analyze the risks of illnesses related to the work context of nursing workers in a psychiatric hospital. Method: Cross-sectional and quantitative study, developed in a psychiatric hospital with 74 nursing workers. The Work Context Assessment Scale was used to measure the risks of illness at work. Descriptive analyzes were performed with mean and standard deviation. To test the reliability of the data, the Cronbach's alpha test was used. The correlation between the factors of the work context was tested using the Spearman correlation coefficient. Results: The organization of work was considered serious, social-professional relationships were considered satisfactory and working conditions were considered severe for risks of illness at work. The repetitiveness of tasks, work conditions that pose risks to safety, inadequate furniture and physical structure of the workplace, and the existence of noise in the work environment were indicated as severe risks to workers' health. Conclusion: The factor working conditions is the one that contributes the most to illness among nursing workers.


RESUMO Objetivo: Analisar os riscos de adoecimento do trabalhador de enfermagem relacionados ao contexto de trabalho em um hospital psiquiátrico. Método: Estudo transversal e quantitativo, desenvolvido em um hospital psiquiátrico, com 74 trabalhadores de enfermagem. Utilizou-se a Escala de Avaliação do Contexto de Trabalho, que permite medir os riscos de adoecimento no trabalho. Realizaram-se análises descritivas por meio de média e desvio padrão. Para testar a confiabilidade dos dados, utilizou-se o teste alfa de Cronbach. A correlação entre os fatores do contexto de trabalho foi testada por meio do coeficiente de correlação de Spearmann. Resultados: A organização do trabalho foi considerada crítica, as relações socioprofissionais satisfatórias e as condições de trabalho graves para riscos de adoecimento no trabalho. Os itens repetitividade das tarefas, condições de trabalho que oferecem riscos à segurança dos trabalhadores, mobiliário e estrutura física do posto de trabalho inadequados, bem como existência de barulho no ambiente de trabalho, indicaram riscos severos à saúde dos trabalhadores. Conclusão: O fator condições de trabalho é o que mais contribui para o adoecimento do trabalhador de enfermagem.


RESUMEN Objetivo: analizar los riesgos que tiene un trabajador de enfermería de contraer una enfermedad ocupacional en el contexto de trabajo de un hospital psiquiátrico. Método: estudio transversal y cuantitativo, desarrollado en un hospital psiquiátrico, con 74 trabajadores de enfermería. Se utilizó la Escala de Avalúo del Contexto de Trabajo que permite medir los riesgos de adquirir una enfermedad en el trabajo. Se realizaron análisis descriptivos a través de media y desviación típica; para probar la fiabilidad de los datos se utilizó el test alfa de Cronbach; la correlación entre los factores del contexto de trabajo se probó mediante el coeficiente de correlación de Spearmann. Resultados: la organización del trabajo era crítica, las relaciones sociolaborales, satisfactorias y las condiciones de trabajo, graves, con riesgos de adquirir una enfermedad ocupacional. Los ítems repetitividad de las tareas, condiciones de trabajo que ofrecen riesgos a la seguridad de los trabajadores, mobiliario y estructura física del ambiente laboral inadecuados y existencia de ruidos en el ambiente de trabajo, indicaron riesgos severos para la salud de los trabajadores. Conclusión: el factor condiciones laborales es, entre los factores del contexto de trabajo, lo que más contribuye a la dolencia laboral de enfermería.


Assuntos
Humanos , Hospitais Psiquiátricos/organização & administração , Equipe de Enfermagem/organização & administração , Doenças Profissionais/epidemiologia , Enfermagem Psiquiátrica , Estudos Transversais , Medição de Risco
9.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 9(4): 917-921, out.-dez. 2017. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-908486

RESUMO

Objetivo: identificar as recomendações de uso da aspirina para a prevenção primária de doenças cardiovasculares, pesando seus benefícios e riscos, conforme a literatura disponível. Método: Trata-se de uma revisão integrativa, a coleta de dados aconteceu no mês de maio de 2014, aceitaram-se publicações do período entre 2009 e 2013, em inglês, português e espanhol. Resultados: Foram selecionados sete estudos, com excelentes níveis de recomendação. Evidenciou-se que o uso da aspirina para a prevenção primária de doenças cardiovasculares deve ser baseado em uma análise criteriosa de cada caso, avaliando seus benefícios e riscos. Conclusão: Conclui-se que são necessárias ferramentas de estratificação de riscos, para, assim, recomendar ou não o uso da aspirina. Ainda que, há necessidade de capacitação especial à equipe de enfermagem para um melhor acompanhamento e tratamento destes pacientes.


Objective: to identify the use of aspirin recommendations for primary prevention of cardiovascular disease, weighing its benefits and risks, according to the available literature. Methods: This is an integrative review, data collection took place in May 2014, accepted up period of publications between 2009 and 2013 in English, Portuguese and Spanish. Results: 07 studies were selected, with excellent levels of recommendation. It was evident that the use of aspirin for primary prevention of cardiovascular disease should be based on a careful analysis of each case, assessing its benefits and risks. Conclusion: It is concluded that are required risk stratification tools, thus, recommend or not the use of aspirin. Although, there is need for special training for nursing staff to better monitoring and treatment of these patients.


Objetivo: identificar el uso de las recomendaciones de la aspirina para la prevención primaria de la enfermedad cardiovascular, sopesando SUS beneficios y riesgos, de acuerdo con la literatura disponible. Método: Este es un examen integrador, la recopilación de datos tuvo lugar en mayo de 2014, aceptada por periodo de publicaciones entre 2009 y 2013 en Inglés, Portugués y Español. Resultados: Se seleccionaron 07 estudios, com excelentes niveles de recomendación. Era evidente que el uso de la aspirina para la prevención primaria de las enfermedades cardiovasculares debe basarse en un análisis cuidadoso de cada caso, la evaluación de sus benefícios y riesgos. Conclusión: se concluye que se requieren herramientas de estratificación del riesgo, por lo tanto, recomendar o no el uso de la aspirina. Aunque, existe la necesidad de una formación especial para el personal de enfermería para un mejor control y tratamiento de estos pacientes.


Assuntos
Humanos , Aspirina/administração & dosagem , Aspirina/uso terapêutico , Doenças Cardiovasculares/enfermagem , Doenças Cardiovasculares/prevenção & controle , Brasil
10.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 9(4): 918-922, out.-dez. 2017.
Artigo em Inglês, Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-31864

RESUMO

Objetivo: Identificar as recomendações de uso da aspirina para a prevenção primária de doenças cardiovasculares, pesando seus benefícios e riscos, conforme a literatura disponível. Método: Trata-se de uma revisão integrativa, a coleta de dados aconteceu no mês de maio de 2014, aceitaram-se publicações do período entre 2009 e 2013, em inglês, português e espanhol. Resultados: Foram selecionados sete estudos, com excelentes níveis de recomendação. Evidenciou-se que o uso da aspirina para a prevenção primária de doenças cardiovasculares deve ser baseado em uma análise criteriosa de cada caso, avaliando seus benefícios e riscos. Conclusão: Conclui-se que são necessárias ferramentas de estratificação de riscos, para, assim, recomendar ou não o uso da aspirina. Ainda que, há necessidade de capacitação especial à equipe de enfermagem para um melhor acompanhamento e tratamento destes pacientes.(AU)


Objective: To identify the use of aspirin recommendations for primary prevention of cardiovascular disease, weighing its benefits and risks, according to the available literature. Methods: This is an integrative review, data collection took place in May 2014, accepted up period of publications between 2009 and 2013 in English, Portuguese and Spanish. Results: 07 studies were selected, with excellent levels of recommendation. It was evident that the use of aspirin for primary prevention of cardiovascular disease should be based on a careful analysis of each case, assessing its benefits and risks. Conclusion: It is concluded that are required risk stratification tools, thus, recommend or not the use of aspirin. Although, there is need for special training for nursing staff to better monitoring and treatment of these patients.(AU)


Objetivo: Identificar el uso de las recomendaciones de la aspirina para la prevención primaria de la enfermedad cardiovascular, sopesando SUS beneficios y riesgos, de acuerdo con la literatura disponible. Método: Este es un examen integrador, la recopilación de datos tuvo lugar en mayo de 2014, aceptada por periodo de publicaciones entre 2009 y 2013 en Inglés, Portugués y Español. Resultados: Se seleccionaron 07 estudios, com excelentes niveles de recomendación. Era evidente que el uso de la aspirina para la prevención primaria de las enfermedades cardiovasculares debe basarse en un análisis cuidadoso de cada caso, la evaluación de sus benefícios y riesgos. Conclusión: se concluye que se requieren herramientas de estratificación del riesgo, por lo tanto, recomendar o no el uso de la aspirina. Aunque, existe la necesidad de una formación especial para el personal de enfermería para un mejor control y tratamiento de estos pacientes.(AU)


Assuntos
Humanos , Doenças Cardiovasculares/enfermagem , Doenças Cardiovasculares/prevenção & controle , Aspirina/administração & dosagem , Aspirina/uso terapêutico , Brasil
11.
Rio de Janeiro; s.n; jul. 2017. 142 f p. tab.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-859690

RESUMO

A pesquisa teve como objeto os Transtornos Mentais Comuns (TMC) em profissionais de enfermagem em saúde mental. Os TMC assumem proporção cada vez mais expressiva entre os adoecimentos prevalentes em trabalhadores de enfermagem configurando-se como grave problema de saúde mental. No que se refere ao ambiente psiquiátrico a trama complexa da assistência referente ao paciente e à organização do trabalho podem interferir prejudicialmente na saúde do trabalhador. O estudo teve como objetivos analisar prevalência de transtornos mentais comuns em trabalhadores de enfermagem e os fatores associados ao trabalho em instituição psiquiátrica. Estudo epidemiológico seccional com 74 trabalhadores de enfermagem, realizado em um hospital psiquiátrico do nordeste brasileiro. A coleta de dados ocorreu entre os meses de março e abril de 2016. Para a coleta de dados foram utilizados um questionário para caracterização sociodemográfica, laboral e de condições de saúde e hábitos de vida; o Self Reporting Questionnaire ­ 20; a Escala de Avaliação do Contexto de Trabalho ­ EACT e a Escala de Custo Humano no Trabalho ­ ECHT. A consistência interna das escalas mostrou fidedignidade com valores entre 0,561 e 0,905. Os dados foram organizados, processados e analisados com o auxílio do programa Statistical Package for the Social Science (SPSS), versão 21.0. Após análises descritivas, realizou-se análises bivariadas adotando-se nível de confiança de 95%. Com relação ao Contexto de Trabalho, verificou-se avaliação satisfatória para as Relações Socioprofissionais, crítica para Organização do Trabalho e grave para Condições de Trabalho. Quanto ao Custo Humano no Trabalho, identificou-se avaliações satisfatórias para o Custo Afetivo e Custo Físico, no entanto, o fator Custo Cognitivo contribuiu moderadamente para o adoecimento do trabalhador. A prevalência de TMC foi de 25,7%. Sobre as associações, foram identificados como fatores associados aos TMC em trabalhadores de enfermagem: categoria profissional, tempo para lazer, problemas de saúde, satisfação com o sono, Relações Socioprofissionais, Custo Afetivo e Custo Físico. Os resultados permitiram concluir que o Contexto de Trabalho não é totalmente favorável ao trabalhador, sendo as Condições de Trabalho o fator que mais contribui para o adoecimento. Ainda que, o Custo Humano no Trabalho, parece apontar como situação menos preocupante. Ressalta-se a alta prevalência de TMC identificada na amostra como dado alarmante, reforçando a urgência de intervenções de promoção da saúde e prevenção de adoecimentos junto a este grupo de trabalhadores.(AU)


Assuntos
Humanos , Saúde Mental/estatística & dados numéricos , Saúde do Trabalhador/estatística & dados numéricos , Enfermagem Psiquiátrica , Condições de Trabalho
12.
Rev. enferm. UFPE on line ; 10(2): 669-674, fev. 2016.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-28292

RESUMO

Objetivo:relatar a vivência de acadêmicos de enfermagem com o cuidar ao portador de transtorno bipolar, episódio atual maníaco com sintomas psicóticos. Método: estudo descritivo, tiporelato de experiência desenvolvido nos meses de outubro e novembro de 2012 em um hospital de ensino, localizado no município de Teresina/PI, Brasil.Resultados:foi possível observar os aspectos gerais da patologia apresentados pela paciente e estabelecer uma associação com as características referidas pela literatura científica. Foramtambém executados os cuidados de enfermagem englobando os aspectos físicos e mentais. Conclusão: os acadêmicos puderam aplicar na prática a assistência de enfermagem a esta clientela específica e por meio do desenvolvimento de um laço de confiança prestaram o cuidar de forma efetiva e humanizada (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Transtorno Bipolar , Serviços de Saúde Mental , Cuidados de Enfermagem , Transtornos Psicóticos , Transtornos Psicóticos Afetivos , Anamnese , Enfermagem Psiquiátrica , Hospitais Psiquiátricos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA