Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 23
Filtrar
1.
Dent. press endod ; 4(2): 45-51, maio-ago. 2014. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-724349

RESUMO

Objetivo: avaliar a dissolução de tecido pulpar bovino nas soluções de hipoclorito de sódio comercializadas na região de Pelotas/RS. Métodos: foram testados o líquido de Dakin, a solução de Milton, licor de Labarraque e soda clorada duplamente concentrada, aviadas em farmácias de manipulação e adquiridas em lojas de materiais odontológicos. Avaliaram-se, também, as águas sanitárias das marcas Qboa, Clorofina e Brilhante, adquiridas em estabelecimentos comerciais, e uma solução aviada em farmácia de manipulação. Para a realização dos testes de dissolução tecidual, utilizou-se uma bomba peristáltica contendo 15ml de solução de hipoclorito de sódio, na qual foram inseridos fragmentos de polpa bovina, previamente seccionados, em frações de 10mm de sua porção central. Os dados de dissolução pulpar, segundo diferentes delineamentos, foram submetidos ao teste de normalidade de Anderson-Darling, que direcionou para os testes paramétricos ou não-paramétricos. Resultados: os hipocloritos a 5% exibiram a maior capacidade de solver o tecido pulpar bovino, enquanto o líquido de Dakin exibiu a menor, e os produtos a 2,5% e de 2,0 a 2,5% exibiram capacidade intermediária de dissolução pulpar bovina. A capacidade de solver o tecido pulpar bovino não foi observada na totalidade das amostras testadas


Assuntos
Animais , Bovinos , Polpa Dentária , Dissolução , Saneantes , Hipoclorito de Sódio
2.
J Endod ; 39(5): 664-8, 2013 May.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-23611387

RESUMO

INTRODUCTION: Chlorhexidine (CHX) is likely to decompose into reactive by-products. This study evaluated the generation of 4-chloroaniline (pCA), reactive oxygen species (ROS), and 1-chloro-4-nitrobenzene in high concentrations of CHX and in a mixture of CHX and calcium hydroxide at different time points. METHODS: A gas chromatography method was developed to detect pCA and CHX by-products. Mass spectroscopy was used to elucidate the structure of compounds. The samples, which were kept at 36.5°C and 95% relative humidity during the study, were analyzed immediately and 7 days after preparation. RESULTS: pCA was detected in the 2% CHX solution and in the mixture of CHX and calcium hydroxide at all time points. pCA concentrations increased after storing under those conditions. The 2% CHX solution alone and the mixture of CHX and calcium hydroxide released ROS at all time points, but 1-chloro-4-nitrobenzene was not found. CONCLUSIONS: pCA and ROS were identified as by-products of the 2% CHX aqueous solution alone and as ointment base of calcium hydroxide paste.


Assuntos
Compostos de Anilina/análise , Anti-Infecciosos Locais/química , Hidróxido de Cálcio/química , Clorexidina/análogos & derivados , Nitrobenzenos/análise , Espécies Reativas de Oxigênio/análise , Triptofano Hidroxilase/antagonistas & inibidores , Anti-Infecciosos Locais/análise , Hidróxido de Cálcio/análise , Clorexidina/análise , Clorexidina/química , Cromatografia Gasosa-Espectrometria de Massas , Humanos , Umidade , Teste de Materiais , Temperatura , Fatores de Tempo
3.
J Endod ; 35(5): 727-30, 2009 May.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-19410093

RESUMO

AIM: The aim of this study was to evaluate the concentration of calcium ions and smear layer removal by using root canal chelators according to flame atomic absorption spectrophotometry and scanning electron microscopy. Forty-two human maxillary central incisors were irrigated with 15% ethylenediaminetetraacetic acid (EDTA), 10% citric acid, 10% sodium citrate, apple vinegar, 5% acetic acid, 5% malic acid, and sodium hypochlorite. The concentration of calcium ions was measured by using flame atomic absorption spectrometry, and smear layer removal was determined by scanning electron microscopy. Mean +/- standard deviation, one-way analysis of variance, Tukey-Kramer, Kruskal-Wallis, Dunn, and kappa tests were used for statistical analysis. The use of 15% EDTA resulted in the greatest concentration of calcium ions followed by 10% citric acid; 15% EDTA and 10% citric acid were the most efficient solutions for removal of smear layer.


Assuntos
Cálcio/análise , Quelantes/farmacologia , Cavidade Pulpar/efeitos dos fármacos , Irrigantes do Canal Radicular/farmacologia , Camada de Esfregaço , Ácido Acético/farmacologia , Citratos/farmacologia , Ácido Cítrico/farmacologia , Ligas Dentárias , Cavidade Pulpar/ultraestrutura , Dentina/efeitos dos fármacos , Dentina/ultraestrutura , Ácido Edético/farmacologia , Humanos , Incisivo/efeitos dos fármacos , Malatos/farmacologia , Teste de Materiais , Microscopia Eletrônica de Varredura , Níquel , Preparo de Canal Radicular/instrumentação , Preparo de Canal Radicular/métodos , Citrato de Sódio , Hipoclorito de Sódio/farmacologia , Espectrofotometria Atômica , Titânio
4.
Braz Dent J ; 19(3): 245-51, 2008.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-18949299

RESUMO

This study investigated the influence of cervical preflaring with different rotary instruments on determination of the initial apical file (IAF) in mesiobuccal roots of mandibular molars. Fifty human mandibular molars whose mesial roots presented two clearly separated apical foramens (mesiobuccal and mesiolingual) were used. After standard access opening and removal of pulp tissue, the working length (WL) was determined at 1 mm short of the root apex. Five groups (n=10) were formed at random, according to the type of instrument used for cervical preflaring. In group 1, the size of the IAF was determined without preflaring of the cervical and middle root canal thirds. In groups 2 to 5, preflaring was performed with Gates-Glidden drills, ProTaper instruments, EndoFlare instruments and LA Axxes burs, respectively. Canals were sized manually with K-files, starting with size 08 K-files, inserted passively up to the WL. File sizes were increased until a binding sensation was felt at the WL and the size of the file was recorded. The instrument corresponding to the IAF was fixed into the canal at the WL with methylcyanoacrylate. The teeth were then sectioned transversally 1 mm short of the apex, with the IAF in position. Cross-sections of the WL region were examined under scanning electron microscopy and the discrepancies between canal diameter and the diameter of IAF were calculated using the tool "rule" (FEG) of the microscope's proprietary software. The measurements (microm) were analyzed statistically by Kruskal-Wallis and Dunn's tests at 5% significance level. There were statistically significant differences among the groups (p<0.05). The non-flared group had the greatest discrepancy (125.30 +/- 51.54) and differed significantly from all flared groups (p<0.05). Cervical preflaring with LA Axxess burs produced the least discrepancies (55.10 +/- 48.31), followed by EndoFlare instruments (68.20 +/- 42.44), Gattes Glidden drills (68.90 +/- 42.46) and ProTaper files (77.40 +/- 73.19). However, no significant differences (p>0.05) were found among the rotary instruments. In conclusion, cervical preflaring improved IAF fitting to the canals at the WL in mesiobuccal roots of maxillary first molars. The rotary instruments evaluated in this study did not differ from each other regarding the discrepancies produced between the IAF size and canal diameter at the WL.


Assuntos
Cavidade Pulpar/patologia , Dente Molar/patologia , Preparo de Canal Radicular/métodos , Materiais Revestidos Biocompatíveis , Ligas Dentárias , Cavidade Pulpar/ultraestrutura , Dentina/ultraestrutura , Desenho de Equipamento , Humanos , Microscopia Eletrônica de Varredura , Dente Molar/ultraestrutura , Odontometria , Pulpectomia/instrumentação , Irrigantes do Canal Radicular/uso terapêutico , Preparo de Canal Radicular/instrumentação , Hipoclorito de Sódio/uso terapêutico , Aço Inoxidável , Propriedades de Superfície , Titânio , Ápice Dentário/patologia , Ápice Dentário/ultraestrutura
5.
Braz. dent. j ; 19(3): 245-251, 2008. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-495981

RESUMO

This study investigated the influence of cervical preflaring with different rotary instruments on determination of the initial apical file (IAF) in mesiobuccal roots of mandibular molars. Fifty human mandibular molars whose mesial roots presented two clearly separated apical foramens (mesiobuccal and mesiolingual) were used. After standard access opening and removal of pulp tissue, the working length (WL) was determined at 1 mm short of the root apex. Five groups (n=10) were formed at random, according to the type of instrument used for cervical preflaring. In group 1, the size of the IAF was determined without preflaring of the cervical and middle root canal thirds. In groups 2 to 5, preflaring was performed with Gates-Glidden drills, ProTaper instruments, EndoFlare instruments and LA Axxes burs, respectively. Canals were sized manually with K-files, starting with size 08 K-files, inserted passively up to the WL. File sizes were increased until a binding sensation was felt at the WL and the size of the file was recorded. The instrument corresponding to the IAF was fixed into the canal at the WL with methylcyanoacrylate. The teeth were then sectioned transversally 1 mm short of the apex, with the IAF in position. Cross-sections of the WL region were examined under scanning electron microscopy and the discrepancies between canal diameter and the diameter of IAF were calculated using the tool "rule" (FEG) of the microscope's proprietary software. The measurements (µm) were analyzed statistically by Kruskal-Wallis and Dunn's tests at 5 percent significance level. There were statistically significant differences among the groups (p<0.05). The non-flared group had the greatest discrepancy (125.30 ± 51.54) and differed significantly from all flared groups (p<0.05). Cervical preflaring with LA Axxess burs produced the least discrepancies (55.10 ± 48.31), followed by EndoFlare instruments (68.20 ± 42.44), Gattes Glidden drills (68.90 ± 42.46)...


Este estudo investigou a influência do alargamento cervical feito com diferentes instrumentos rotatórios na determinação do instrumento apical inicial (IAI) das raizes mésio-vestibulares de molares inferiores. Foram utilizados 50 molares inferiores cujas raízes mesiais apresentavam dois forames apicais nitidamente separados (mésio-vestibular e mésio-lingual). Após o acesso à câmara pulpar de forma convencional e remoção do tecido pulpar, o comprimento de trabalho foi definido a 1 mm do ápice radicular. Os dentes foram divididos aleatoriamente em cinco grupos (n= 10) de acordo com o tipo de instrumento utilizado no alargamento cervical. No grupo 1, o IAI foi definido sem o prévio alargamento dos terços médio e cervical das raízes. Nos grupos 2 a 5, o terço cervical e médio do canal radicular foi alargado com as brocas de Gates-Glidden, instrumentos Pro Taper, Endo Flare e brocas LA Axxes, respectivamente. A determinação do IAI foi realizada manualmente com limas tipo K em ordem crescente de diâmetro a partir da lima 08 até se chegar ao instrumento que permitisse ao operador ter a sensação tátil do mesmo estar firmemente ajustado ao CRT. O instrumento que correspondeu ao IAI foi fixado no interior do canal radicular com cianocrilato de metila. Com o IAI posicionado, os dentes foram seccionados transversalmente até 1 mm do ápice. As seções transversais do CRT foram observadas através da microscopia eletrônica de varredura e os desajustes entre o diâmetro do canal e o diâmetro do IAI foram calculados com a função "régua" (FEG) do software do próprio microscópio. Os resultados foram avaliados estatisticamente pelo testes de Kruskal-Wallis e Dunn ao nível de significância de 5 por cento. Houve diferenças estatisticamente significantes entre os grupos (p<0,05). O grupo sem alargamento apresentou o maior desajuste (125,30 ±51,54) e diferiu significativamente dos demais grupos (p<0,05). O alargamento cervical com as brocas LA Axxess apresentou...


Assuntos
Humanos , Cavidade Pulpar/patologia , Dente Molar/patologia , Preparo de Canal Radicular/métodos , Materiais Revestidos Biocompatíveis , Ligas Dentárias , Cavidade Pulpar/ultraestrutura , Dentina/ultraestrutura , Desenho de Equipamento , Microscopia Eletrônica de Varredura , Dente Molar/ultraestrutura , Odontometria , Pulpectomia/instrumentação , Irrigantes do Canal Radicular/uso terapêutico , Preparo de Canal Radicular/instrumentação , Aço Inoxidável , Propriedades de Superfície , Hipoclorito de Sódio/uso terapêutico , Titânio , Ápice Dentário/patologia , Ápice Dentário/ultraestrutura
6.
Braz Dent J ; 18(2): 102-6, 2007.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-17982547

RESUMO

The purpose of this study was to investigate the influence of cervical preflaring on determination of the initial apical file in maxillary lateral incisors. Forty human lateral incisors with complete root formation were used. After standard access cavities, a size 06 K-file was inserted into each canal until the apical foramen was reached. The WL (WL) was set 1 mm short of the apical foramen. Four groups (n=10) were formed at random, according to the type of cervical preflaring performed. Group 1 received the initial apical instrument without previous preflaring of the cervical and middle root canal thirds. Group 2 had the cervical and middle root canal thirds enlarged with nickel-titanium Orifice Opener instruments. Group 3 had the cervical and middle root canal thirds enlarged with Gates-Glidden drills. Titanium-nitrite treated, stainless steel LA Axxess burs were used for preflaring the cervical and middle root canal thirds of group 4. Each canal was sized using manual K-files, starting with size 08 files with passive movements until the WL was reached. File sizes were increased until a binding sensation was felt at the WL, and the instrument size was recorded for each tooth. The apical region was then observed under a stereoscopic magnifier, images were recorded digitally and the differences between root canal and maximum file diameters were recorded (in mm) for each sample. Significant differences were found between the groups regarding the anatomical diameter at the WL and the first file to bind the canal (p = 0.01). The major discrepancy was found when no preflaring was performed (0.1882 mm average). Canals preflared with Orifice Opener instruments (0.0485 mm average) and Gates-Glidden drills (0.1074 mm average) also showed great discrepancy. The LA Axxess burs produced the smallest differences between anatomical diameter and first file to bind (0.0119 mm average). Instrument binding technique for determining anatomical diameter at WL was not accurate. Preflaring of the cervical and middle thirds of the root canal improved anatomical diameter determination; the instrument used for preflaring played a major role on determination of the anatomical diameter at the WL. Canals preflared with LA Axxess burs created a more accurate relationship between file size and anatomical diameter.


Assuntos
Cavidade Pulpar/patologia , Incisivo/patologia , Preparo de Canal Radicular/instrumentação , Ápice Dentário/patologia , Ligas Dentárias , Desenho de Equipamento , Humanos , Processamento de Imagem Assistida por Computador , Maxila , Níquel , Preparo de Canal Radicular/métodos , Aço Inoxidável , Propriedades de Superfície , Titânio , Colo do Dente
7.
Braz. dent. j ; 18(2): 102-106, 2007. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-466500

RESUMO

The purpose of this study was to investigate the influence of cervical preflaring on determination of the initial apical file in maxillary lateral incisors. Forty human lateral incisors with complete root formation were used. After standard access cavities, a size 06 K-file was inserted into each canal until the apical foramen was reached. The WL (WL) was set 1 mm short of the apical foramen. Four groups (n=10) were formed at random, according to the type of cervical preflaring performed. Group 1 received the initial apical instrument without previous preflaring of the cervical and middle root canal thirds. Group 2 had the cervical and middle root canal thirds enlarged with nickel-titanium Orifice Opener instruments. Group 3 had the cervical and middle root canal thirds enlarged with Gates-Glidden drills. Titanium-nitrite treated, stainless steel LA Axxess burs were used for preflaring the cervical and middle root canal thirds of group 4. Each canal was sized using manual K-files, starting with size 08 files with passive movements until the WL was reached. File sizes were increased until a binding sensation was felt at the WL, and the instrument size was recorded for each tooth. The apical region was then observed under a stereoscopic magnifier, images were recorded digitally and the differences between root canal and maximum file diameters were recorded (in mm) for each sample. Significant differences were found between the groups regarding the anatomical diameter at the WL and the first file to bind the canal (p = 0.01). The major discrepancy was found when no preflaring was performed (0.1882 mm average). Canals preflared with Orifice Opener instruments (0.0485 mm average) and Gates-Glidden drills (0.1074 mm average) also showed great discrepancy. The LA Axxess burs produced the smallest differences between anatomical diameter and first file to bind (0.0119 mm average). Instrument binding technique for determining anatomical diameter...


Avaliou-se a influência do pré-alargamento cervical na determinação do instrumento apical inicial em incisivos laterais superiores. Foram selecionados quarenta incisivos laterais superiores com completa formação radicular. Concluída cirurgia de acesso, uma lima tipo K #06 foi inserida em cada canal até atingir o forame apical. A partir desse comprimento foi reduzido 1 mm e determinou-se o comprimento de trabalho. Os dentes foram divididos em cinco grupos (n=10), de acordo com o tipo de alargamento cervical realizado: Grupo 1: sem alargamento; Grupo 2: instrumentos Orifice Opener; Grupo 3: brocas Gates-Glidden; Grupo 4: LA Axxess. Os canais foram explorados com lima do tipo K inserindo-se passivamente a lima 08 no comprimento de trabalho. A seguir, limas de maiores diâmetros foram sucessivamente introduzidas no canal radicular, até se obter a sensação de travamento no comprimento de trabalho. O diâmetro desse instrumento foi registrado, e este foi fixado em posição no canal com cianoacrilato de metila. Secções transversais realizadas no comprimento de trabalho foram observadas em lupa estereoscópica com auxílio de máquina fotográfica acoplada e as imagens foram digitalizadas. A diferença entre o menor diâmetro do canal e o diâmetro do instrumento apical inicial foi calculada para cada amostra (em mm). A análise estatística indicou diferença estatisticamente significante entre os grupos experimentais (p=0.01). A maior discrepância foi representada pelo grupo que não recebeu o pré-alargamento (média: 0,1882 mm). O grupo no qual o pré-alargamento foi realizado com instrumentos Orifice Opener também apresentou elevada discrepância entre o diâmetro anatômico e o instrumento apical inicial (média: 0,0485 mm), seguido pelo grupo que se utilizou Gates-Glidden (média: 0,1074 mm). As brocas LA Axxess promoveram a menor diferença entre o diâmetro anatômico no comprimento de trabalho e o instrumento apical inicial (média: 0,0119 mm). Pode-se concluir...


Assuntos
Humanos , Cavidade Pulpar/patologia , Incisivo/patologia , Preparo de Canal Radicular/instrumentação , Ápice Dentário/patologia , Ligas Dentárias , Desenho de Equipamento , Processamento de Imagem Assistida por Computador , Maxila , Níquel , Preparo de Canal Radicular/métodos , Aço Inoxidável , Propriedades de Superfície , Titânio , Colo do Dente
8.
Rev. ABENO ; 6(1): 66-69, jan.-jun. 2006.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-437115

RESUMO

A sala de aula não se limita a um espaço físico dentro da universidade. O aluno precisa ser inserido no contexto profissional, saindo de práticas realizadas exclusivamente dentro do espaço físico formal para atividades extra muros. As atividades extra muros têm sido utilizadas com sucesso entre os graduandos dos cursos da saúde (Odontologia, Nutrição, Enfermagem, Farmácia e Fisioterapia) da Universidade Paulista, Campus Vargas de Ribeirão Preto, através do exercício de práticas educativas e preventivas na comunidade, em parcerias públicas e privadas. É uma variação do ambiente ensino/aprendizagem valiosa tanto pelo contato do aluno com a comunidade, quanto pela grande interação entre professor e aluno. Os cursos de saúde devem proporcionar a aquisição de conhecimentos, habilidades e atitudes na vivência de um mundo real, conhecida através da integração da universidade com a comunidade. O aluno em contato com comunidades carentes, além do aprendizado, exerce cidadania, tornando-se um profissional mais humano. As instituições envolvidas neste estudo, considerando esses aspectos, incentivaram e apoiaram as atividades extra muros de ensino/aprendizagem, motivando professores e alunos e proporcionando troca de informações e de experiências através da integração dos graduandos dos diferentes cursos oferecidos. Nessas atividades externas, foram observados entusiasmo...


Assuntos
Currículo , Educação em Odontologia , Educação em Saúde , Aprendizagem , Ensino
9.
Braz Dent J ; 15(2): 115-8, 2004.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-15776193

RESUMO

The present study evaluated, in vitro, the temperature alterations on the external root surface during instrumentation with four different rotary systems. A total of 20 extracted human maxillary lateral incisors were instrumented using either the ProFile, MicroMega, Quantec or K3 systems and the thermal alterations on the root surface were recorded by means of three thermocouples attached to the coronal, middle and apical portions of the root. Mean temperature increases no higher than 0.4 degrees C +/- 1.0 degrees C (ProFile system) were recorded, which indicates that these instruments are safe for the surrounding periodontal tissues.


Assuntos
Temperatura Corporal , Instrumentos Odontológicos , Preparo de Canal Radicular/instrumentação , Ligas Dentárias , Segurança de Equipamentos , Temperatura Alta , Humanos , Incisivo , Níquel , Distribuição Aleatória , Titânio , Raiz Dentária
10.
Braz. dent. j ; 15(2): 115-118, 2004. graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-394817

RESUMO

O presente estudo avaliou, in vitro, as alterações térmicas na superfície externa radicular de dentes submetidos à instrumentação rotatória com quatro sistemas diferentes. Um total de 20 incisivos laterais superiores humanos foram divididos em 4 grupos e instrumentados com os sistemas ProFile, MicroMega, Quantec ou K3, sendo as variações térmicas da superfície radicular registradas por meio de 3 pares termoelétricos acoplados aos terços cervical, médio e apical das raízes dos dentes. Variações médias de temperatura não superiores a 0.4ºC ± 1.0ºC foram registradas (sistema ProFile), o que indica que estes instrumentos são seguros do ponto de vista biológico aos tecidos periodontais circunjacentes.


Assuntos
Humanos , Instrumentos Odontológicos , Técnicas In Vitro , Preparo do Dente , Análise Diferencial Térmica , Níquel , Titânio
11.
ROBRAC ; 11(31): 27-29, jun. 2002. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-391807

RESUMO

Analisou-se quantitativamente a presença ou ausência de resíduos de mercúrio em cápsulas pré-dosadas de amálgama de marcas Degussa, Permite SDI, SSWHITE (Velvalloy Plus) e Vigodent (Pratic NG2) já utilizadas. Utilizou-se para tanto, testes provenientes da química analítica denominado análise por via úmida. Concluiu-se que a cápsula da marca Degussa apresentou resultados negativos e as demais cápsulas testadas apresentaram resultados positivos para a presença de resíduos de mercúrio


Assuntos
Cápsulas , Amálgama Dentário , Mercúrio
12.
Rev. bras. odontol ; 59(2): 133-135, mar.-abr. 2002. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-312618

RESUMO

Estudou-se a capacidade de remoçäo da pasta de hidróxido de cálcio PA misturada com água destilada e deionizada; pasta Calen (SS White) por meio da irrigaçäo pré-obturaçäo realizada com soluçäo de sacarose a 15 por cento ou com água destilada e deionizada. A quantidade remanescente das pastas foi aferida com o auxílio de métodos computadorizados. Os resultados evidenciaram que a irrigaçäo pré-obturaçäo com soluçäo de sacarose a 15 por cento mostrou-se mais eficiente na remoçäo do hidróxido de cálcio, embora nenhuma das soluçöes testadas tenha sido totalmente efetiva no volume estudado e que a pasta Calen PMCC foi a de mais fácil remoçäo do interior dos canais radiculares


Assuntos
Hidróxido de Cálcio , Resíduos Odontológicos , Irrigantes do Canal Radicular , Sacarose , Dente Canino
13.
Braz. dent. j ; 12(3): 154-157, set.-dez. 2001. tab, CD-ROM
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-872580

RESUMO

Estudou-se, in vitro, a ação solvente de quatro concentrações da solução de hipoclorito de sódio (0,5, 1,0, 2,5 e 5,0 por cento) sobre o tecido pulpar bovino, o teor de cloro residual, pH e a tensão superficial antes e após a dissolução. Um fragmento do tecido pulpar bovino era submerso na solução de hipoclorito de sódio que circulava em um aparato composto de uma bomba peristáltica e uma seringa Luer Lok e anotava-se o tempo até a total dissolução deste fragmento. De acordo com a metodologia empregada e com os resultados obtidos concluiu-se que: quanto maior a concentração da solução de hipoclorito de sódio maior a velocidade de dissolução do tecido pulpar, todas as soluções de hipoclorito de sódio apresentaram redução do pH e da tensão superficial após os testes de dissolução e as soluções de maior concentração apresentam menor consumo de cloro para a realização da dissolução tecidual


Assuntos
Animais , Bovinos , Polpa Dentária , Hipoclorito de Sódio , Cloro , Concentração de Íons de Hidrogênio , Relação Dose-Resposta a Droga , Técnicas In Vitro , Solventes , Tensão Superficial
14.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-737

RESUMO

Descreve sobre o estudo "in vitro" o tempo de amolecimento de cones de guta-percha através da ação de cinco solventes químicos: xilol, clorofórmio, turpentina, eucaliptol e óleo de laranja.


Assuntos
Solventes , Endodontia , Guta-Percha
15.
ROBRAC ; 6(21): 14-8, mar. 1997. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-235775

RESUMO

Estudou-se a adesividade de alguns cimentos obturadores dos canais radiculares antes e após a aplicaçäo de EDTAC sobre a superfície dentinária. Os resultados evidenciaram que, antes da aplicaçäo do EDTAC, a ordem dos cimentos, da maior adesividade para a menor, ficou assim estabelecida: Fillcanal, N-Rickert, Endométhasone e Endométhasone Ivory. Após aplicado o EDTAC sobre a superfície dentinária, a ordem, da maior adesividade para a menor, ficou assim: Fillcanal, N-Rickert, Endométhasone Ivory, sendo que estes dois últimos compuseram um grupo à parte, sem diferenças estatisticamente significante entre eles. A aplicaçäo de EDTC sobre a superfície dentinária surtiu efeitos estatisticamente significante apenas para o cimento Endométhasone Ivory, ao nível de 5 por cento


Assuntos
Humanos , Adesividade , Cimentos Dentários/análise , Dentina/química , Materiais Restauradores do Canal Radicular/análise , Obturação do Canal Radicular , Ácido Edético/análise , Eugenol/análise
16.
Braz. endod. j ; 2(1): 56-9, 1997. ilus
Artigo em Inglês | BBO - Odontologia | ID: biblio-850508

RESUMO

Gas released from the chemical reactions between sodium hypochlorite (0.5, 1.0, 1.5, 2.0, and 2.5 per cent) and 3 per cent hydrogen peroxide was investigated. The number of moles of released gas was measured to determine the pressure generated by the gas released in a closed system connected to a mercury manometer. The pressure data were submitted to the Clapeyron equation (P.V=n.R.T) and the number of released gas moles was determined. The differences among the multiple comparisons were statistically significant and the linear correlation between the concentration of sodium hypochlorite and the amount of released gas was directly proportional


Assuntos
Intoxicação por Gás/diagnóstico , Mercúrio , Peróxido de Hidrogênio/administração & dosagem , Peróxido de Hidrogênio/análise , Peróxido de Hidrogênio/farmacocinética , Peróxido de Hidrogênio/uso terapêutico , Hipoclorito de Sódio/administração & dosagem , Hipoclorito de Sódio/análise , Hipoclorito de Sódio/farmacocinética , Hipoclorito de Sódio/uso terapêutico , Técnicas In Vitro
17.
ROBRAC ; 5(16): 15-7, dez. 1995. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-168294

RESUMO

Estudou-se, utilizando-se a Especificaçäo N§ 57 da American Dental Association, o tempo de endurecimento dos seguintes cimentos endodônticos que contém hidróxido de cálcio em suas fórmulas: Apexit, Sealapex, CRCS e Sealer 26. O cimento CRCS evidenciou um tempo de endurecimento de 23 minutos; o Apexit, 1 hora e 30 minutos; o Sealer 16,41 horas e 22 minutos e o Sealapex, 45 horas e 34 minutos


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Cimento de Óxido de Zinco e Eugenol/uso terapêutico , Cimentos Dentários/química , Hidróxido de Cálcio/análise , Fatores de Tempo
18.
Rev. bras. odontol ; 52(5): 14-6, set.-out. 1995. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-160045

RESUMO

Estudaram-se as alteraçöes dimensionais de alguns cimentos obturadores de canais radiculares que continham hidróxido de cálcio em suas fórmulas: Sealer 26, CRCS, PR-Sealer (cimento confeccionado no laboratório de pesquisa em endodontia da FORP-USP), Apexit e Sealapex. Constatou-se que o cimento Sealpex näo resistiu ao experimento, desintegrando-se; todos os cimentos sofreram ligeira expansäo, com os maiores índices sendo encontrados com o PR-Sealer e os mesmos com o Sealer 26. Os testes seguiram a especificaçäo 57 da American Dental Association


Assuntos
Hidróxido de Cálcio/análise , Hidróxido de Cálcio/uso terapêutico , Técnicas In Vitro , Materiais Restauradores do Canal Radicular/análise , Cimentos Dentários/análise , Obturação do Canal Radicular/métodos
19.
Rev. odontol. Univ. Säo Paulo ; 9(3): 189-92, jul.-set. 1995. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-168192

RESUMO

Quantificou-se a variaçäo térmica durante a reaçäo química entre o hipoclorito de sódio nas concentraçöes de 0,5 por cento, 1,0 por cento, 1,5 por cento, 2,0 por cento, 2,5 por cento e 5,0 por cento com o peróxido de hidrogênio a 3 por cento. Observou-se a correlaçäo linear, diretamente proporcional, entre a concentraçäo das soluçöes de hipoclorito de sódio e a variaçäo térmica


Assuntos
Peróxido de Hidrogênio/análise , Peróxido de Hidrogênio/química , Irrigantes do Canal Radicular/análise , Hipoclorito de Sódio/análise , Hipoclorito de Sódio/química , Temperatura Alta/uso terapêutico , Tratamento do Canal Radicular
20.
ROBRAC ; 5(14): 25-8, mar. 1995. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-160006

RESUMO

Estudou-se a capacidade solvente dos óleos essenciais Eucaliptol, Turpentina, óleo de laranja e suas respectivas associaçöes sobre guta-percha, utilizando-se o clorofórmio como controle, objetivando substituir os solventes tóxicos por óleos essenciais na desobturaçäo dos canais radiculares. Para tanto utilizou-se de uma aparelho denominado Panetrômetro PVBS. Póde-se ordenar os solventes de guta-percha, dos mais eficiente para o menos eficiente: 1§ Clorofórmio e a associaçäo óleo de laranja+Turpentina, 2§ óleo de laranja e a associaçäo óleo de laranja+Turpentina, 3§ óleo de laranja+Eucaliptol, 4§ Turpentina e a associaçäo Turpentina+Eucaliptol e 5§ Eucaliptol


Assuntos
Humanos , Cavidade Pulpar , Guta-Percha/uso terapêutico , Óleos Voláteis/uso terapêutico , Solventes/uso terapêutico , Clorofórmio , Eucalyptus , Tratamento do Canal Radicular
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA