Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 1.496
Filtrar
1.
Ciênc. Saúde Colet ; 27(8): 3129-3138, ago. 2022. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1384462

RESUMO

Resumo Objetiva-se mapear jogos educativos relacionados à sexualidade de adolescentes/jovens, a partir de publicações ocorridas na última década (2011 a 2020). Realizou-se uma revisão integrativa nas bases de dados Web of Science, SCOPUS, MEDLINE/PubMed e LILACS em setembro de 2020, com a inclusão final de 16 estudos. Identificaram-se jogos desenvolvidos em quatro continentes, com predominância em países de renda alta, sendo os Estados Unidos e o Brasil os que mais publicaram. As ferramentas eram, em sua maioria, videogames e jogos digitais, com a adoção de cenários e enredos simulados. Sobre o desenvolvimento, houve preferência pelo modo de construção participativo; alguns também passaram por processo de validação. Abordavam diversas áreas da sexualidade humana e demonstravam potencial positivo para uso, com ganhos educacionais e mudança de hábitos, mas seus resultados precisam ser ponderados. Apenas três jogos tiveram seus efeitos avaliados por estudos controlados e randomizados.


Abstract This study aims to map educational games related to the sexuality of adolescents/young people, based on publications that occurred over the last decade (2011 to 2020). An integrative review was performed in the Web of Science, SCOPUS, MEDLINE/PubMed, and LILACS databases in September 2020, with the final inclusion of 16 studies. Games developed on four continents were identified, predominantly in high-income countries, with the United States of America and Brazil being those that published the most. The tools consisted mostly of videogames and digital games, with the adoption of simulated scenarios and plots. Regarding development, there was a preference for the participatory construction mode, while some also underwent a validation process. The tools addressed several areas of human sexuality and demonstrated a positive potential for use, with educational gains and changes in habits, but their results need to be carefully considered. Only the effects of three games were evaluated by randomized controlled trials.

2.
Cogit. Enferm. (Online) ; 27: e83253, Curitiba: UFPR, 2022. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1394306

RESUMO

RESUMO Objetivo: analisar os efeitos da sexualidade nos transtornos mentais comuns e na qualidade de vida de pessoas idosas. Método: estudo transversal realizado com 721 pessoas idosas de todas as regiões do Brasil que responderam a quatro instrumentos: biosociodemográfico, EVASI, SRQ-20 e WHOQOL-Old entre os meses de julho a outubro de 2020. Os dados foram analisados por meio dos testes de Mann-Whitney e Modelagem de Equações Estruturais adotando intervalo de confiança de 95%. Resultados: a sexualidade exerceu efeito forte e positivo sobre a qualidade de vida (CP=0,778 [IC95%=0,680-0,862] p<0,001), enquanto sobre os transtornos mentais comuns, o efeito foi forte e negativo (CP=-0,481 [IC95%=-0,540 - -0,421] p<0,001). Conclusão: por ter sido identificado efeito forte sobre as variáveis, constatou-se a relevância clínica de a sexualidade ser trabalhada com mais frequência nos serviços de saúde. Assim, a sociedade se beneficia com a inserção de uma temática pouco explorada e com a fragilização dos preconceitos existentes, inclusive, entre as próprias pessoas idosas.


ABSTRACT Objective: to analyze the effects of sexuality on common mental disorders and quality of life in elderly people. Method: cross-sectional study conducted with 721 elderly people from all regions of Brazil who answered four instruments: bio-sociodemographic, EVASI, SRQ-20 and WHOQOL-Old between July and October 2020. Data were analyzed using Mann-Whitney and Structural Equation Modeling tests adopting a 95% confidence interval. Results: sexuality exerted a strong, positive effect on quality of life (SC=0.778 [95%CI=0.680-0.862] p<0.001), while on common mental disorders, the effect was strong and negative (SC=-0.481 [95%CI=-0.540 - -0.421] p<0.001). Conclusion: because a strong effect on the variables was identified, the clinical relevance of sexuality being worked on more frequently in health services was verified. Thus, society benefits with the insertion of a little explored theme and with the weakening of existing prejudices, including among the elderly themselves.


RESUMEN Objetivo: analizar los efectos de la sexualidad sobre los trastornos mentales comunes y la calidad de vida de las personas ancianas. Método: estudio transversal realizado con 721 ancianos de todas las regiones de Brasil que respondieron a cuatro instrumentos: bio-sociodemográficos, EVASI, SRQ-20 y WHOQOL-Old entre los meses de julio y octubre de 2020. Los datos se analizaron mediante las pruebas de Mann-Whitney y del Modelo de Ecuaciones Estructurales, adoptando un intervalo de confianza del 95%. Resultados: la sexualidad ejerció un efecto fuerte y positivo sobre la calidad de vida (CP=0,778 [IC 95%=0,680-0,862] p<0,001), mientras que, sobre los trastornos mentales comunes, el efecto fue fuerte y negativo (CP=-0,481 [IC 95%=-0,540 -0,421] p<0,001). Conclusión: al haberse identificado un efecto fuerte sobre las variables, se constató la relevancia clínica de que la sexualidad se trabaje con mayor frecuencia en los servicios de salud. Así, la sociedad se beneficia con la inserción de un tema poco explorado y con la fragilización de los prejuicios existentes, incluso entre las propias personas ancianas.

3.
ABCS health sci ; 47: e022209, 06 abr. 2022. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1372370

RESUMO

INTRODUCTION: The COVID-19 outbreak was responsible for a high number of deaths worldwide. Not only the physical health was affected by COVID-19. Thus, to avoid the infection spreading, social distancing and quarantine have been adopted, bringing rupture to previous habits, economic losses, and isolation. OBJECTIVE: To study the sexual life during the COVID-19 pandemic in Brazilian individuals. METHODS: This crosssectional study using an internet survey was conducted from June 10th to July 30th, 2020 with epidemiological questions, questions on fatigue and depression, and the sexual quotient scale (SQS). RESULTS: The survey was answered by 2,131 individuals: 325 males, median age 25 years (IQR=22.0-33.5 years), range between 18 to 69 years and 1,806 females with median age 25 years (IQR=22-31 years), range between 18 to 67 years. In 49% of males and 29% of females (29%), there were no changes in sexual life. In 43.7% of females and 32.1% of males, some deterioration was observed while in 26.3% of females and 18.1% some improvement was noted. Despite this, 90.8% of males and 85% of females scored as having good sexual performance according to SQS. Sexual performance was negatively influenced by fatigue, state of mind in males and females; having a fixed partner and staying at home impaired male performance. CONCLUSION: Despite the pandemic, the studied sample showed good sexual performance in the studied period.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Comportamento Sexual , Saúde Mental , Sexualidade , COVID-19 , Estudos Transversais
4.
Saude e pesqui. (Impr.) ; 15(2): e10364, abr./jun. 2022.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1371424

RESUMO

Avaliar como as mulheres em área metropolitana do Nordeste brasileiro sentem e compreendem a menopausa. Estudo misto, com 417 mulheres de 40 a 60 anos no qual se utilizou um roteiro de questões socioeconômicas, ginecológicas/obstétricas, morbidades, medicações e sexualidade, além do Female Sexual Function Index e Menopause Rating Scale. A menopausa, constatada em 56,6% das mulheres com média de idade de 50,4±5,7 anos, teve sintomatologia associada severa (falta de ar, suor, calor e ansiedade); 52,5% apresentaram dúvidas ou falta de conhecimento sobre a menopausa, e 44,6%, redução na função sexual, que se correlacionou negativamente com a idade (r= -0,208; p<0,001). A disfunção sexual é quase duas vezes maior nas mulheres em menopausa do que naquelas em pré menopausa (OR=1,81; p=0,036). A sexualidade das mulheres com dificuldades ou disfunções sexuais por causa da menopausa pode estar permeada por inibições emocionais e psicológicas.


To evaluate what women feel and how they understand the menopause period in a metropolitan area of the Brazilian Northeast. A mixed study with 417 women aged 40 to 60 years that used a script of socioeconomic, gynecological/obstetrical, morbidity, medication, and sexuality questions, as well as the Female Sexual Function Index and Menopause Rating Scales. Menopause, observed in 56.6% of women with a mean age of 50.4±5.7 years, had severe associated symptoms (shortness of breath, sweat, heat and anxiety); 52.5% had doubts or lack of knowledge about menopause, and 44.6%, reduction in sexual function, which correlated negatively with age (r= -0.208; p<0.001). Sexual dysfunction is almost twice as high in menopausal women as in premenopausal women (OR=1.81; p=0.036). The sexuality of women with sexual issues or dysfunctions due to menopause may be permeated by emotional and psychological inhibitions.

5.
Rev. bras. med. fam. comunidade ; 17(44): 2964, 20220304. ilus, mapas
Artigo em Português | LILACS, Coleciona SUS | ID: biblio-1379767

RESUMO

Introdução: É inegável o cenário de marginalização institucional a que está exposta a população travesti e transexual. Isso inclui serviços mesmo no contexto do Sistema Único de Saúde (SUS). Esse fenômeno, como apontam a literatura e os próprios movimentos sociais, apresenta-se principalmente no desrespeito ao nome social, na discriminação, na necessidade de diagnóstico para acesso a serviços e no despreparo das equipes de saúde. Para que se possam reduzir iniquidades históricas na constituição da assistência e da implementação de políticas públicas em saúde, é necessário caracterizar a assistência ofertada a essa população no âmbito do SUS. Objetivo: Analisar como se vêm constituindo os serviços de atendimento integral à saúde de pessoas transexuais e travestis no Brasil com base em uma revisão integrativa da literatura sobre o tema. Métodos: Este é um estudo de natureza qualitativa, do tipo exploratório. Foi realizada revisão integrativa da literatura, buscando explorar o cenário de atenção à saúde trans atual no país. A busca foi conduzida nas bases Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), Scientific Electronic Library Online (SciELO) e Portal de Periódicos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) no período de julho a setembro de 2020. Os critérios de inclusão foram ter temática referente a serviços públicos e nacionais de atenção à saúde trans e travesti, independentemente do nível de complexidade. Resultados: Foi realizada a leitura completa de 22 trabalhos. O cenário de atenção à saúde trans e travesti no âmbito do SUS consiste, majoritariamente, em serviços de atenção especializada e concentra-se no Sul do país, em grandes centros urbanos. Os dispositivos de saúde já existentes na rede não se mostram suficientes e capacitados para realizar assistência integral em saúde, com uma ótica que fuja à heterocisnormatividade e ao modelo patologizador biomédico das transidentidades. Modelos de serviços exitosos na Atenção Primária à Saúde (APS), contudo, estão modificando esse cenário. Conclusões: Serviços específicos para a população trans e travesti são necessários, pois operam na lógica de sanar iniquidades históricas sofridas por essa população. A APS é um cenário estratégico nesse cuidado e políticas públicas devem operar nessa perspectiva.


Introduction: The institutional marginalization scenario to which transgender people and travestis are exposed is undeniable. Even healthcare services in the Brazilian Unified Health System (SUS) are part of this scenario. This situation, as suggested by the literature and social movements themselves, is mainly evidenced through disrespect regarding the social name, discrimination, the need for diagnosis to access services, and the unpreparedness of health teams. To reduce historical iniquities in the constitution of health care and in the implementation of public health policies it is necessary to characterize the health care provided to this population in the context of SUS. Objective: To analyze how comprehensive healthcare services have been constituted to transgender people and travestis in Brazil based on an integrative literature review. Methods:This is a qualitative and exploratory study. An integrative literature review was carried out, seeking to explore the current scenario of health care for transgender people in Brazil. The research was performed in LILACS, SciELO, and Portal de Periódicos CAPES databases, during July and September 2020. The inclusion criteria were topics concerning public Brazilian healthcare services for transgender people and travestis, regardless of the level of complexity. Results: A total of 22 studies were fully read. The scenario of health care for transgender people and travestiswithin the scope of SUS consists mainly of specialized care services and is concentrated in the south region of the country, in large urban centers. The health devices that already exist in the network are not sufficient and qualified to provide comprehensive health care, from a perspective other than heterocysnormativity and the biomedical pathologizing model of transidentities. Nevertheless, models of successful services in Primary Health Care (PHC) have been changing this scenario. Conclusions: Specific services for the population of transgender people and travestis are necessary, as they operate in the logic of remedying historical inequities faced by this population. PHC is a strategic scenario in this care, and public policies must operate from this perspective.


Introducción: El escenario de marginación institucional al que se ve expuesta la población travesti y transexual es innegable. Esto incluye servicios en el contexto del Sistema Único de Salud (SUS) brasileño. Este fenómeno, como lo indica la literatura y los propios movimientos sociales, aparece principalmente por la falta de respeto al nombre social, la discriminación, la necesidad de diagnóstico para acceder a los servicios y la falta de preparación de los equipos de salud. Para reducir las inequidades históricas en la constitución de la asistencia y la implementación de las políticas públicas de salud, es necesario caracterizar la asistencia ofrecida a esta población en el ámbito del SUS. Objective: Analizar cómo se han constituido los servicios de atención integral de salud para transexuales y travestis en Brasil, a partir de una revisión integradora de la literatura sobre el tema. Methods: Se trata de un estudio exploratorio cualitativo. Se realizó una revisión integradora de la literatura, buscando explorar el escenario actual de atención de salud trans en el país. La búsqueda se realizó en las bases de datos del Portal de Revistas LILACS, SciELO y CAPES de julio a septiembre de 2020. Los criterios de inclusión fueron temas relacionados con los servicios públicos y nacionales de atención de la salud de personas trans y travestis, independientemente del nivel de complejidad. Results: Se realizó una lectura completa de 22 artículos. El escenario de atención de la salud para trans y travestis en el ámbito del SUS consiste principalmente en servicios de atención especializada y se concentra en el sur del país, en grandes núcleos urbanos. Los dispositivos de salud que ya existen en la red no son suficientes y calificados para brindar una atención integral de salud, a través de una óptica que escapa a la heterocisnormatividad y al modelo biomédico patologizante de las transidentidades. Sin embargo, los modelos de servicios exitosos en la atención primaria de salud están cambiando este escenario. Conclusiones: Son necesarios servicios específicos para la población trans y travestis, ya que operan en la lógica de remediar las inequidades históricas que sufre esta población. La APS es un escenario estratégico en esta atención y las políticas públicas deben operar desde esta perspectiva.


Assuntos
Humanos , Atenção Primária à Saúde , Transexualidade , Travestilidade , Identidade de Gênero , Sistema Único de Saúde , Sexualidade
6.
Rev. bras. med. fam. comunidade ; 17(44): 2873, 20220304.
Artigo em Português | LILACS, Coleciona SUS | ID: biblio-1380402

RESUMO

Problema: Sabe-se que transexuais e travestis são uma população extremamente vulnerabilizada em diversas esferas sociais, incluindo institucionalmente. Na saúde, esse processo não é diferente, e o que se observa são inúmeras barreiras às demandas em saúde dessa população. Essa desassistência está em dissonância da legislação vigente, dos próprios fundamentos do Sistema Único de Saúde (SUS) e mesmo de políticas de atenção à saúde da população LGBTQIA+. A ampliação e o fortalecimento da rede de cuidado dessa população caminham no sentido de redução das iniquidades e reparação histórica, que são sistematicamente violentadas nos moldes sociais que temos atualmente. O objetivo do trabalho foi relatar a experiência da criação do serviço do Ambulatório de Identidade de Gênero (AMIG) do Grupo Hospitalar Conceição, um serviço integral e despatologizador de atendimento à saúde trans e travesti no contexto da Atenção Primária à Saúde no SUS. Método: Este é um estudo de natureza qualitativa, do tipo descritivo. Foi realizada pesquisa documental de minutas e materiais produzidos nesse percurso, bem como observações feitas pelos pesquisadores, como diário de campo, que decorreram da participação nesse processo. Para a análise dos dados, foi utilizada análise de conteúdo, a fim de sintetizar e processar as informações coletadas. Resultados: Serviços específicos para a população trans e travesti são necessários, pois operam na lógica de sanar iniquidades históricas sofridas por essa população. A concepção e a operacionalização desse serviço permitiram revisitar etapas de um processo complexo e nem sempre linear, com desafios incluindo a transfobia. Conclusão:O fortalecimento do próprio serviço e da rede de atenção à saúde dessa população necessitará da formação continuada de profissionais, bem como do incentivo das instituições envolvidas nesse processo. A formalização do projeto, a ampliação da participação popular e de movimentos sociais e o estímulo a ações educativas e formativas são perspectivas a serem consideradas nos próximos passos dessa trajetória.


Problem: Transgender people and travestis constitute an extremely vulnerable population in several social spheres, including the institutional one. In health, this process is no different, with numerous barriers to the health demands of this population. This lack of care contradicts the current legislation, the very foundation of the Brazilian public health system (Sistema Único de Saúde ­ SUS), and even health care policies for the LGBTQIA+ population. The expansion and strengthening of this population's care network move toward historical reparation and reducing inequities, which are systematically violated in our current social structure. This work aims to report the experience of creating the Gender Identity Outpatient Clinic (Ambulatório de Identidade de Gênero ­ AMIG) of Conceição Hospital Group (Grupo Hospitalar Conceição), a comprehensive and depathologizing service for trans and travesti health care in the primary health care context of SUS. Methods: This is a qualitative descriptive study. We performed documentary research on minutes and materials produced during the implementation, as well as observations made by the researchers, such as field journals, resulting from their participation in this process. Data were analyzed through content analysis to synthesize and process the information collected. Results: Specific services for the trans and travesti population are necessary because they work to remedy historical inequities experienced by this population. The design and operationalization of this service allowed us to revisit stages of a complex and not always linear process, with challenges including transphobia. Conclusions: Strengthening the service itself and the health care network for this population will require continuing education for professionals, as well as incentives from the institutions involved in this process. The formalization of the project, the increasing participation of the population and social movements, and the promotion of educational and training actions are perspectives to be considered in the next steps of this journey.


Problema: Se sabe que los transexuales y travestis constituyen una población en extrema vulnerabilidad en varios ámbitos sociales, incluido el institucional. En salud, este proceso no es diferente y lo que se observa son numerosas barreras a las demandas de salud de esta población. Esta falta de asistencia es incompatible con la legislación vigente, los mismos fundamento del SUS e incluso las políticas de atención de la salud de la población LGBTI +. La ampliación y fortalecimiento de la red de atención de esta población va en la dirección de reducir las inequidades y de reparación histórica, que se viola sistemáticamente en los moldes sociales que tenemos actualmente. El objetivo del trabajo es reportar la experiencia de crear el servicio de la Clínica Ambulatoria de Identidad de Género del Grupo Hospitalar Conceição (AMIG), un servicio integral y despatologizante para la atención de la salud trans y travestis en el contexto de la Atención Primaria a la Salud en el Sistema Único de Salud (SUS). Método: Se trata de un estudio descriptivo cualitativo. Se realizó una investigación documental sobre las actas y materiales producidos a lo largo de esto camino, así como las observaciones realizadas por los investigadores como un diario de campo que resultaron de la participación en este proceso. Para el análisis de datos, se utilizó el análisis de contenido con el fin de sintetizar y procesar la información recopilada. Resultados:Los servicios específicos para la población trans y travestis son necesarios, ya que operan en la lógica de remediar las inequidades históricas que sufre esta población. La concepción y operacionalización de este servicio nos permitió repasar etapas de un proceso complejo, no siempre lineal y con desafíos, incluida la transfobia. Conclusión: El fortalecimiento del propio servicio y de la red asistencial de esta población requerirá sin duda la formación continua de los profesionales, así como el impulso de las instituciones involucradas en este proceso. La formalización del proyecto, así como la expansión de la participación popular y los movimientos sociales y el impulso de acciones educativas y formativas son perspectivas a considerar en los próximos pasos de esta trayectoria.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Atenção Primária à Saúde , Transexualidade , Serviços de Saúde para Pessoas Transgênero , Direito à Saúde , Sistema Único de Saúde , Pesquisa Qualitativa
7.
Motrivivência (Florianópolis) ; 34(65): 1-18, 20220316.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1378836

RESUMO

Este estudo objetivou analisar a abordagem dos corpos que transgridem as fronteiras do gênero e da sexualidade nos conteúdos da Educação Física em nível de Ensino Médio. De abordagem qualitativa, a pesquisa realizou-se em uma escola de Ensino Médio em Limoeiro do Norte-CE com sete estudantes do 3º ano. Para o levantamento e a análise dos dados, utilizaram-se questionário, grupo focal e categorização. Os resultados apontaram para: a) As abordagens para com os corpos subversivos em gênero e sexualidade ocorrem de modo velado (piadas, olhares de vigilância) que geram exclusão e autoexclusão e b) Visão equivocada da Educação Física em decorrência das cenas de preconceito. Concluiu se que os corpos subversivos estão assujeitados a exclusões e autoexclusões que decorrem das discriminações que se apresentam, segundo os/as estudantes, em situações veladas. Tais distinções interferem na visão que esses estudantes têm da Educação Física e no interesse em participar das aulas desse componente.


This study aimed to analyze the approach of bodies that transgress the boundaries of gender and sexuality within the content of Physical Education at the high school level. With a qualitative approach, the research was conducted in a high school in Limoeiro do Norte-CE with seven 3rd year students. For the survey and data analysis, a questionnaire, focus group, and categorization were used. The results pointed to: a) The approaches to the subversive bodies in gender and sexuality occur in a veiled way (jokes, surveillance looks) that generate exclusion and selfexclusion and b) mistaken view of Physical Education due to the prejudice scenes. It was concluded that the subversive bodies are subject to exclusions and self-exclusions that result from discriminations that are presented, according to the students, in veiled situations. Such distinctions interfere in the view these students have of Physical Education and in the interest in participating in the classes of this component.


Este estudio tuvo como objetivo analizar el abordaje de los cuerpos que transgreden las fronteras del género y la sexualidad dentro de los contenidos de la Educación Física en el nivel secundario. Con un enfoque cualitativo, la investigación se llevó a cabo en una escuela secundaria en Limoeiro do Norte-CE con siete estudiantes de tercer año. Para el estudio y el análisis de los datos, se utilizó un cuestionario, un grupo focal y una categorización. Los resultados señalaron: a) Las aproximaciones a los cuerpos subversivos en género y sexualidad ocurren de forma velada (bromas, miradas de vigilancia) que generan exclusión y autoexclusión y b) visión equivocada de la Educación Física debido a las escenas de prejuicio. Se concluyó que los cuerpos subversivos son objeto de exclusiones y auto exclusiones que resultan de discriminaciones que se presentan, según los alumnos, en situaciones veladas. Tales distinciones interfieren en la visión que estos estudiantes tienen de la Educación Física y en el interés por participar en las clases de este componente.

8.
Motrivivência (Florianópolis) ; 34(65): {1-22}, 20220316.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1361743

RESUMO

O presente artigo refere-se à uma pesquisa descritiva de caráter quanti-qualitativo que envolveu 15 professores/as de educação física da Rede de Ensino da cidade de Dourados/MS, com o objetivo de investigar como a intervenção docente tem trabalhado as questões de gênero e sexualidade na Educação física escolar, procurando vislumbrar possibilidades de atividades corporais e esportivas numa dimensão de igualdade e valorização da diversidade. Para a coleta de dados utilizou-se questionário online (com questões abertas e fechadas) pela plataforma Google Forms. Entre os achados do estudo, constatou-se que a grande maioria dos professores/as nunca trabalharam com discussões de gênero e sexualidade e demonstram dificuldades em relação a problematizar a temática, mesmo que isso acarrete a reprodução de uma educação física de cunho sexista, binário e biologizante.


This article refers to a quantitative and qualitative descriptive research involving 15 Physical Education teachers from the Teaching Network in the city of Dourados/ MS, with the objective of investigating how the teaching intervention to the content of gender and sexuality has been Physical Education and analyze the pedagogical practice of teachers in a dimension of equality and valuing diversity. For this, as datacollection, an online questionnaire was used (with open and closed questions) through the Google Forms platform. Among the findings of the study, it was found that the vast majority of teachers never work with the content of gender and sexuality. It was not possible to identify the barriers that led to this. Also, it was found that the teachers prioritized equality in the class administrations. It could be concluded that from this content, there is still room for improvement since Physical Education can contribute much more to the students' "social" formation.


Este artículo se refiere a una investigación descriptiva cuantitativa y cualitativa que involucró a 15 profesores de Educación Física de la Red de Enseñanza de la ciudad de Dourados / MS, con el objetivo de indagar cómo se ha realizado la intervención docente en los contenidos de género y sexualidad. Educación Física y analizar la práctica pedagógica de los docentes en una dimensión de igualdad y valoración de la diversidad. Para ello, como recolección de datos, se utilizó un cuestionario en línea (con preguntas abiertas y cerradas) a través de la plataforma Google Forms. Entre los hallazgos del estudio, se encontró que la gran mayoría de profesores nunca trabaja con el contenido de género y sexualidad. No fue posible identificar las barreras que llevaron a esto. Asimismo, se encontró que los docentes priorizaron la igualdad en la administración de clases. Se puede concluir que a partir de este contenido aún hay margen de mejora, ya que la Educación Física puede aportar mucho más a la formación "social" de los estudiantes.

9.
Rev. psicol. (Fortaleza, Online) ; 13(1): 44-58, 01/01/2022.
Artigo em Inglês | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: biblio-1357838

RESUMO

Normative masculinity and alexithymia may negatively affect sexual life and men's well-being. In this study, the endorsement of traditional male norms, alexithymia and sexual behavior were assessed through an online survey directed to Brazilian men. Relationship status and religion were also addressed, and associations and correlations between variables were carried out. The survey presented 66 items, including standardized questionnaires, such as Meanings of Adolescent Masculinity Scale, Toronto Alexithymia Scale and Male Sexual Quotient. The sample consisted in 528 Brazilian men with high socioeconomic and educational levels. Alexithymia was negatively correlated with sexual satisfaction. The endorsement of traditional male norms was positively correlated with pornography use and was also associated with sharing of pornographic material through social media. Married men had the lowest levels of alexithymia, with significant difference when compared with men who are not currently in a relationship. Furthermore, having a religion was associated with greater endorsement of traditional male norms. These findings suggest that alexithymia may have greater influence on behaviors associated with interpersonal relations, including sexual satisfaction and relationship status. Conversely, normative masculinity was linked to personal variables, which did not involve a partner, including pornography consumption and religion.


A masculinidade normativa e alexitimia podem afetar negativamente a vida sexual e o bem-estar dos homens. Neste estudo, a concepção de masculinidade, alexitimia e comportamento sexual foram avaliados por meio de uma pesquisa online dirigida aos homens brasileiros. O status de relacionamento e religião também foram abordados, efetivando-se associações e correlações entre as diferentes variáveis. A pesquisa apresentou 66 itens, incluindo questionários estandardizados, como a Escala de Concepções de Masculinidade, Escala de Alexitimia de Toronto e Quociente Sexual - versão masculina. A amostra consistiu em 528 homens brasileiros com altos níveis socioeconômicos e educacionais. Alexitimia foi negativamente correlacionada com a satisfação sexual. O endosso das normas tradicionais masculinas foi positivamente correlacionado com o uso de pornografia, bem como associado ao compartilhamento de material pornográfico por meio das mídias sociais. Os homens casados obtiveram os níveis mais baixos de alexitimia, com diferença significativa quando comparados com homens que não mantém atualmente um relacionamento. Além disso, ter uma religião foi associado a uma maior percepção de importância das normas tradicionais masculinas. Os achados sugerem que a alexitimia pode possuir maior influência sobre os comportamentos associados às relações interpessoais, incluindo satisfação sexual e status de relacionamento. Por outro lado, a masculinidade normativa foi ligada a variáveis pessoais, que não envolviam um parceiro, incluindo o consumo de pornografia e a religião.


Assuntos
Sexualidade , Sintomas Afetivos , Masculinidade , Homens
10.
Rev. Psicol., Divers. Saúde ; 11(1)jan. 2022. ilus, tab, graf
Artigo em Espanhol, Português | LILACS | ID: biblio-1377598

RESUMO

INTRODUÇÃO: A adolescência é um período marcado por mudanças biopsicossociais nas quais as relações com os pares ganham muita importância e a sexualidade apresenta-se de forma evidente. OBJETIVO: Compreender por meio da revisão de produção científica como são transmitidas as informações sobre educação sexual para os adolescentes em diferentes contextos, conforme a percepção dos cuidadores parentais e dos próprios adolescentes. MÉTODO: Trata-se de uma revisão sistemática da literatura, na qual a busca dos artigos foi realizada nas bases de dados, Lilacs, Scielo, Directory of Open Access Journals, e Biblioteca Virtual da Saúde, entre os anos de 2016 e 2020. Foram verificados por meio da revisão nos relatos dos pais e adolescentes o que entendem sobre educação sexual. CONCLUSÃO: Compreendeu-se que os adolescentes buscam por essas informações principalmente com os membros da família, mesmo que algumas orientações sejam transmitidas com pouca clareza, em segundo apareceu o cenário escolar, na sequência os meios tecnológicos, os amigos e os profissionais da saúde.


INTRODUCTION: Adolescence is a period marked by biopsychosocial changes, in which relationships with peers gain great importance and sexuality is evident. OBJECTIVE: To understand, through the review of scientific production, how information on sex education is transmitted to adolescents in different contexts, according to the perception of parental caregivers and the adolescents themselves. METHOD: This is a systematic review of the literature, in which the search for articles was performed in the databases Lilacs, Scielo, Directory of Open Access Journals, and Biblioteca Virtual da Saúde, between 2016 and 2020. verified by reviewing the reports of parents and adolescents what they understand about sex education. CONCLUSION: It was understood that adolescents seek this information mainly with family members, even if some guidelines are transmitted with little clarity, secondly the school scenario appeared, followed by technological means, friends, and health professionals


INTRODUCCIÓN: La adolescencia es un período marcado por cambios biopsicosociales, en el que las relaciones con los pares cobran gran importancia y la sexualidad es evidente. OBJETIVO: Comprender, a través de la revisión de la producción científica, cómo se transmite la información sobre educación sexual a los adolescentes en diferentes contextos, según la percepción de los padres cuidadores y de los propios adolescentes. MÉTODO: Se trata de una revisión sistemática de la literatura, en la que se realizó la búsqueda de artículos en las bases de datos Lilacs, Scielo, Directory of Open Access Journals y Biblioteca Virtual da Saúde, entre 2016 y 2020. verificado mediante la revisión de los relatos de los padres y adolescentes lo que entienden sobre educación sexual. CONCLUSIÓN: Se entendió que los adolescentes buscan esa información principalmente con los familiares, aunque algunas orientaciones se transmiten con poca claridad, en segundo lugar, apareció el escenario escolar, seguido de medios tecnológicos, amigos y profesionales de la salud.


Assuntos
Sexualidade , Adolescente , Educação
11.
Rev. bras. enferm ; 75(6): e20210288, 2022. tab
Artigo em Inglês | LILACS-Express | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1394769

RESUMO

ABSTRACT Objectives: to build, validate and verify the reliability of the Scale of knowledge about sexuality of people with spinal cord injury for nursing students. Methods: a methodological study, following the steps: 1) Construction based on literature review; 2) Validation of the content with calculation of the Content Validity Index and the Modified Kappa Coefficient; 3) Pre-test with Nursing students; and 4) Measurement of reliability by internal consistency (Cronbach's alpha). Results: the first version of the instrument presented 13 items. After validation, the items received values above 0.80 and 0.76 for the Content Validity Index and Modified Kappa Coefficient, and it was suggested to separate three items to contemplate gender-specific aspects. After pre-testing, it was recommended that the writing of two items be revised. The final scale, with 16 items, showed Cronbach's alpha equal to 0.93. Conclusions: the constructed scale presented valid content and proved to be reliable for application with nursing students.


RESUMEN Objetivos: construir, validar y verificar confiabilidad de Escala de conocimiento sobre sexualidad de personas con lesión medular para estudiantes de Enfermería. Métodos: estudio metodológico, siguiendo las etapas: 1) Construcción basada en revisión de la literatura; 2) Validez de contenido con cálculo del Índice de Validez de Contenido y Coeficiente Kappa Modificado; 3) Pretest con estudiantes de Enfermería; y 4) Medida de confiabilidad por consistencia interna (alfa de Cronbach). Resultados: la primera versión del instrumento presentó 13 ítems. Posterior validación, estos recibieron valores arriba de 0,80 y 0,76 para el Índice de Validez de Contenido y Coeficiente Kappa Modificado, y sugerido separar tres ítems para contemplar aspectos específicos del sexo. Posterior pretest, recomendado la revisión de la escrita de dos ítems. La escala final, con 16 ítems, presentó alfa de Cronbach igual a 0,93. Conclusiones: la escala construida presentó contenido válido y se mostró confiable para aplicación con estudiantes de Enfermería.


RESUMO Objetivos: construir, validar e verificar a confiabilidade da Escala de conhecimento sobre sexualidade de pessoas com lesão medular para estudantes de Enfermagem. Métodos: estudo metodológico, seguindo as etapas: 1) Construção baseada em revisão da literatura; 2) Validação do conteúdo com cálculo do Índice de Validade de Conteúdo e do Coeficiente Kappa Modificado; 3) Pré-teste com estudantes de Enfermagem; e 4) Medida da confiabilidade pela consistência interna (alfa de Cronbach). Resultados: a primeira versão do instrumento apresentou 13 itens. Após validação, os itens receberam valores acima de 0,80 e 0,76 para o Índice de Validade de Conteúdo e Coeficiente Kappa Modificado, e sugeriu-se separar três itens para contemplar aspectos específicos do sexo. Após pré-teste, recomendou-se a revisão da escrita de dois itens. A escala final, com 16 itens, apresentou alfa de Cronbach igual a 0,93. Conclusões: a escala construída apresentou conteúdo válido e mostrou-se confiável para aplicação com estudantes de Enfermagem.

12.
Interface (Botucatu, Online) ; 26: e210307, 2022.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1360509

RESUMO

O estudo objetivou compreender como mulheres jovens que nasceram com HIV lidam com o exercício de suas sexualidades e com a ocorrência da gravidez durante suas trajetórias de vida. Esta pesquisa qualitativa foi inspirada na abordagem Construcionista Social em Saúde e no Quadro da Vulnerabilidade/Direitos Humanos. As dez participantes engravidaram na adolescência e na juventude (14 a 21 anos) e foram entrevistadas entre 2017 e 2018, em um serviço especializado da região Sul do Brasil. Evidenciaram-se dois perfis de trajetórias de vida distintos: gravidez inesperada no início da vida sexual da adolescente; gravidez desejada na transição para a adultez. Conclui-se que os processos e marcadores sociais, que ampliam a vulnerabilidade à gravidez não planejada, são comuns às adolescentes em geral, contudo particularizam-se pelo estigma do HIV, sendo preciso incorporar no cuidado contínuo em HIV os direitos sexuais e reprodutivos, fortalecendo a dimensão psicossocial do cuidado. (AU)


El objetivo del estudio fue comprender cómo mujeres jóvenes que nacieron con VIH manejan el ejercicio de sus sexualidades y el surgimiento del embarazo durante sus trayectorias de vida. Investigación cualitativa inspirada en el abordaje Construccionista Social en salud y en el Cuadro de la Vulnerabilidad/Derechos Humanos. Las diez participantes se quedaron embarazadas en la adolescencia y juventud (14 a 21 años) y fueron entrevistadas entre 2017 y 2018, en un servicio especializado de la región Sur de Brasil. Quedaron en evidencia dos perfiles de trayectorias de vida distintos: embarazo inesperado en el inicio de la vida sexual de la adolescente; embarazo deseado en la transición para la edad adulta. Se concluyó que los procesos y marcadores sociales que amplían la vulnerabilidad para la gravidez no planeada son comunes entre las adolescentes en general, sin embargo, se particularizan por el estigma del VIH, siendo preciso incorporar en el cuidado continuo de VIH los derechos sexuales y reproductivos, fortaleciendo la dimensión psicosocial del cuidado. (AU)


The study aimed to understand how young women born with HIV deal with the exercise of their sexualities and the occurrence of pregnancy during their life trajectories. It is a qualitative research, inspired by the Social Constructionist approach to health and the Vulnerability/Human Rights Framework. The 10 participants became pregnant in adolescence and youth (14-21 years old) and were interviewed between 2017 and 2018, in a specialized service in Brazil. Two distinct life trajectory profiles were evidenced: unexpected pregnancy at the beginning of the adolescent's sexual life; desired pregnancy in transition to adulthood. It is concluded that the processes and social markers, which increase the vulnerability to unplanned pregnancy, are common to adolescents in general, however they have particularities by the stigma of HIV, and it is necessary to incorporate sexual and reproductive rights in continuous care for HIV. (AU)

13.
Rev. baiana enferm ; 36: e38638, 2022.
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1376452

RESUMO

Objective: to report the development of educational actions, from a feminist perspective, that articulated sexuality and body movement with women in the community of the Centro de Ciências da Saúde of the Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, contributing to their self-empowerment. Method: descriptive study, with qualitative approach, type experience report, about action research, with active and feminist educational methodology. The participants were 8 women in the seven workshops held in Santo Antônio de Jesus, Bahia, from September to November 2019. For body activities and data collection, educational techniques were used, referenced in the theoretical and methodological framework of feminist pedagogy and in active methodologies. Results: there were different reflections on identity and the various ways of being a woman in today's society. Conclusion: the educational actions performed strengthened the exchange of knowledge, the bond and trust of the group, in addition to the collective experience of the feminine being.


Objetivo: informar sobre el desarrollo de acciones educativas, desde una perspectiva feminista, que articulen la sexualidad y el movimiento corporal con las mujeres de la comunidad del Centro de Ciências da Saúde de la Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, contribuyendo a su autoempoderamiento. Método: estudio descriptivo, con enfoque cualitativo, tipo informe de experiencia, sobre investigación-acción, con metodología educativa activa y feminista. Ocho mujeres participaron en los siete talleres realizados en Santo Antônio de Jesus, Bahia, de septiembre a noviembre de 2019. Para las actividades corporales y la recolección de datos se utilizaron técnicas educativas, referenciadas en el marco teórico y metodológico de la pedagogía feminista y en metodologías activas. Resultados: hubo diferentes reflexiones sobre la identidad y las diversas formas de ser mujer en la sociedad actual. Conclusión: las acciones educativas realizadas fortalecieron el intercambio de conocimientos, el vínculo y la confianza del grupo, además de la experiencia colectiva del ser femenino.


Objetivo: relatar o desenvolvimento de ações educativas, na perspectiva feminista, que articularam sexualidade e movimentação corporal junto a mulheres da comunidade do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, contribuindo para o seu autoempoderamento. Método: estudo descritivo, com abordagem qualitativa, tipo relato de experiência, sobre pesquisa-ação, com metodologia educativa ativa e feminista. Participaram oito mulheres nas sete oficinas realizadas em Santo Antônio de Jesus, Bahia, de setembro a novembro de 2019. Utilizou-se, para as atividades de corpo e coleta de dados, técnicas educativas, referenciadas no arcabouço teórico e metodológico da pedagogia feminista e em metodologias ativas. Resultados: houve diferentes reflexões sobre identidade e as várias formas de ser mulher na sociedade atual. Conclusão: as ações educativas realizadas fortaleceram a troca de conhecimentos, o vínculo e a confiança do grupo, além da vivência coletiva do ser feminino.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Saúde da Mulher , Sexualidade , Dança/psicologia
14.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 26: e20210469, 2022. tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1375402

RESUMO

RESUMO Objetivo analisar os efeitos da sexualidade na autoestima e na qualidade de vida de pessoas idosas. Método estudo transversal, web survey, analítico e observacional desenvolvido com 519 pessoas idosas, as quais preencheram quatro instrumentos para a coleta dos dados. Os participantes foram recrutados conforme a técnica de amostragem não probabilística por conveniência. A análise foi realizada com o teste de Mann-Whitney, Correlação de Spearman e Modelagem de Equações Estruturais, com intervalo de confiança de 95%. Resultados dentre as dimensões da sexualidade, o ato sexual exerceu efeito fraco sob a autoestima (CP=0,186; p=0,007) e moderado sob a qualidade de vida (CP=0,326; p<0,001). Já a dimensão das relações afetivas exerceu efeito fraco sobre a autoestima (CP=0,204; p=0,006) e fraco sob a qualidade de vida (CP=0,186; p=0,03). Por fim, a dimensão das adversidades física e social exerceu efeito moderado sob a autoestima (CP=0,276; p<0,001) e moderado sob a qualidade de vida (CP=0,358; p<0,001). Conclusão constatou-se que todas as dimensões da sexualidade exerceram efeitos positivos e significativos sob a autoestima e sob a qualidade de vida dos participantes.


RESUMEN Objetivo analizar los efectos de la sexualidad sobre la autoestima y la calidad de vida de las personas mayores. Método estudio transversal, de tipo encuesta web, analítico y observacional desarrollado con 519 personas mayores, quienes completaron cuatro instrumentos para la recolección de datos. Los participantes fueron reclutados mediante técnica de muestreo no probabilístico por conveniencia. El análisis se realizó por medio de la prueba de Mann-Whitney, correlación de Spearman y modelado de ecuaciones estructurales, con un intervalo de confianza del 95%. Resultados entre las dimensiones de la sexualidad, el acto sexual tuvo un efecto débil en la autoestima (CE=0.186; p=0.007) y moderado en la calidad de vida (CE=0.326; p<0.001). La dimensión de relaciones afectivas tuvo un efecto débil sobre la autoestima (CE=0,204; p=0,006) y débil sobre la calidad de vida (CE=0,186; p=0,03). Finalmente, la dimensión de adversidad física y social tuvo un efecto moderado en la autoestima (CE=0.276; p<0.001) y un efecto moderado en la calidad de vida (CE=0.358; p<0.001). Conclusión se encontró que todas las dimensiones de la sexualidad tuvieron efectos positivos y significativos sobre la autoestima y la calidad de vida de las participantes.


ABSTRACT Objective to analyze the effects of sexuality on older adults' self-esteem and quality of life. Method a cross-sectional, web survey, analytical and observational study developed with 519 aged individuals, who filled out four instruments for data collection. The participants were recruited using a non-probability convenience sampling technique. The analysis was performed using the Mann-Whitney test, Spearman's correlation and Structural Equation Modeling, with a 95% confidence interval. Results among the sexuality dimensions, the sexual act had a weak effect on self-esteem (SC=0.186; p=0.007) and moderate on quality of life (SC=0.326; p<0.001). The affective relationships dimension had a weak effect both on self-esteem (SC=0.204; p=0.006) and on quality of life (SC=0.186; p=0.03). Finally, the physical and social adversity dimension had a moderate effect both on self-esteem (SC=0.276; p<0.001) and quality of life (SC=0.358; p<0.001). Conclusion it was found that all the sexuality dimensions exerted positive and significant effects on the participants' self-esteem and quality of life.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Qualidade de Vida , Autoimagem , Saúde do Idoso , Sexualidade , Estudos Transversais
15.
Artigo em Inglês | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: biblio-1375968

RESUMO

Abstract The themes of sexuality and gender must be addressed at all stages of schooling. However, there is a certain invisibility during childhood, as well as a lack of interventions focused on educators. This study aimed to evaluate the effectiveness of a formative intervention about sexuality and gender in teachers of Early Childhood Education, in relation to the level of prejudice and attitudes related to sexual and gender diversity, gender roles, and educational competences for working with LGBT students. In total, 37 teachers participated in the study. Descriptive statistics and bivariate analyses were performed in the form of parametric tests (paired samples t-tests) and a thematic analysis. The intervention was positively evaluated, the prejudice level was significantly reduced and there was an immediate effect in relation to the application of knowledge. We suggest the development of interventions on subtle manifestations of prejudice towards sexual diversity and gender roles.


Resumo As temáticas de sexualidade e gênero devem ser trabalhadas em todas as etapas da escolarização. Contudo, verifica-se certa invisibilidade no contexto da infância e uma carência de trabalhos com educadores/as. O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia de uma intervenção formativa em sexualidade e gênero para professoras/es de Educação Infantil, em relação ao nível de preconceito e de atitudes relacionadas à diversidade sexual e de gênero, aos papéis de gênero e às competências educacionais para trabalhar com estudantes LGBT. Trinta e sete professoras/es participaram. Foram realizadas estatísticas descritivas, análises bivariadas na forma de testes paramétricos (testes t de amostras pareadas) e uma análise temática. A intervenção foi avaliada de maneira positiva, o nível de preconceito reduziu significativamente e houve um imediato efeito em relação à aplicação dos conhecimentos. Sugerimos o desenvolvimento de intervenções sobre manifestações sutis de preconceito à diversidade sexual e aos papéis de gênero.


Resumen Los temas de sexualidad y género deben ser abordados en todas las etapas de la escolaridad. Sin embargo, existe cierta invisibilidad en el contexto de la infancia y escasos trabajos con los/las educadores/as. El objetivo de este estudio fue evaluar la eficacia de una intervención formativa en sexualidad y género para profesores/as de Educación Infantil, con relación al nivel de prejuicios y actitudes relacionadas con la diversidad sexual y de género, roles de género y competencias educativas para el trabajo con estudiantes LGBT. Participaron 37 profesores/ras. Se realizaron estadísticas descriptivas, análisis bivariados en forma de pruebas paramétricas (pruebas t de muestras apareadas) y un análisis temático. La intervención fue evaluada positivamente, se redujo significativamente el nivel de prejuicio y hubo un efecto inmediato con relación a la aplicación de conocimientos. Se sugiere desarrollar intervenciones sobre manifestaciones sutiles de prejuicio a la diversidad sexual y los roles de género.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Preconceito , Educação Infantil , Sexualidade , Capacitação de Professores , Diversidade de Gênero , Identidade de Gênero
16.
Textos contextos (Porto Alegre) ; 21(1): 38940, 2022.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1352640

RESUMO

O presente texto é fruto de investigação científica realizada em pós-graduação na área da saúde pública, cujo objetivo foi analisar como os temas de gênero e de sexualidade aparecem nas narrativas dos trabalhadores de uma unidade de saúde que atuam com saúde da família e da comunidade. A metodologia, fundamentalmente qualitativa, procurou acionar reflexões a partir de notícias e de imagens deixadas nas mesas da cozinha da unidade de saúde, onde ocorreram "encontros do cotidiano". O estudo revelou que essas temáticas se conectam com diferentes dimensões da vida dos sujeitos ­ entre elas a dimensão afetiva, responsável por mobilizar narrativas moralizadoras e conservadoras próprias do espaço do cotidiano a respeito do tema de gênero e de sexualidade. A intenção da pesquisa foi também demonstrar que o espaço do cotidiano é potente para a realização de metodologias de educação mais conectadas ao conhecimento popular e, por isso, mais transformadoras de comportamentos preconceituosos e conservadores


This text is the result of postgraduate scientific research in the field of public health, whose objective was to analyze how the themes of gender and sexuality appear in the narratives of workers in a health unit who work with family and community health. The methodology, fundamentally qualitative, sought to trigger reflections based on news and images left on the kitchen tables of the health unit, where "everyday meetings" took place. The study revealed that these themes are connected with different dimensions of the subjects' lives ­ among them the affective dimension, responsible for mobilizing moralizing and conser-vative narratives typical of the everyday space regarding the theme of gender and sexuality. The intention of the research was also to demonstrate that the daily space is powerful for the realization of educational methodologies more connected to popular knowledge, and, therefore, more transforming of prejudiced and conservative behaviors


Assuntos
Atenção Primária à Saúde , Saúde Pública , Sexualidade , Identidade de Gênero , Centros de Saúde
17.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 26: e20210326, 2022. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1375410

RESUMO

RESUMO Objetivo investigar o diagnóstico de enfermagem Padrão de sexualidade ineficaz em idosos com Diabetes mellitus na atenção primária e analisar o seu perfil de sexualidade. Método estudo transversal realizado em uma Unidade Básica de Saúde com uma amostra de 134 idosos diabéticos. Entrevista foi realizada entre julho e agosto de 2019 com instrumentos estruturados, assim como foram coletados exames laboratoriais. Para investigação do diagnóstico de enfermagem Padrão de Sexualidade Ineficaz, foi utilizado um instrumento com as definições conceituais e operacionais das características definidoras e fatores relacionados de acordo com a taxonomia NANDA-I (2018-2020). Resultados predominaram mulheres, mas os homens eram mais ativos sexualmente (p<0,001). Os mais jovens eram sexualmente mais ativos (p = 0,001). Com relação aos parâmetros hormonais, idosos com maiores níveis de testosterona relataram serem ativos sexualmente (p<0,001). A maioria não utiliza preservativo durante a relação sexual. Ao analisar o diagnóstico de enfermagem Padrão de Sexualidade Ineficaz, a característica definidora mais prevalente foi "alteração no comportamento sexual", e o fator relacionado foi "déficit de habilidades sobre alternativas relacionadas à sexualidade". Conclusão e implicações para a prática o diagnóstico de enfermagem Padrão de Sexualidade Ineficaz tem sua importância na avaliação de idosos diabéticos, visto que a sexualidade tem influência em seu comportamento e sua satisfação pessoal.


RESUMEN Objetivo investigar el diagnóstico de enfermería "Patrón de sexualidad ineficaz" en ancianos con Diabetes mellitus en atención primaria y analizar su perfil de sexualidad. Método estudio transversal realizado en una Unidad Básica de Salud, con una muestra de 134 ancianos diabéticos. Las entrevistas se realizaron entre julio y agosto de 2019 con instrumentos estructurados y se recolectaron pruebas de laboratorio. Para investigar el diagnóstico de enfermería Patrón de Sexualidad Ineficaz, se utilizó un instrumento con definiciones conceptuales y operativas de las características definitorias y factores relacionados según la taxonomía NANDA-I (2018-2020). Resultados predominaron las mujeres, pero los hombres fueron más activos sexualmente (p < 0,001). Las personas más jóvenes eran más activas sexualmente (p = 0,001). En cuanto a los parámetros hormonales, las personas mayores con niveles más altos de testosterona refirieron ser sexualmente activas (p < 0,001). La mayoría no usa condones durante las relaciones sexuales. Al analizar el diagnóstico de enfermería de Patrón de Sexualidad Ineficaz, la característica definitoria más prevalente fue "cambio en la conducta sexual" y el factor relacionado "déficit de habilidades sobre alternativas relacionadas con la sexualidad". Conclusiones e implicaciones para la práctica el diagnóstico de enfermería Patrón de Sexualidad Ineficaz tiene su importancia en la evaluación de los ancianos diabéticos, ya que la sexualidad influye en su comportamiento y satisfacción personal.


ABSTRACT Objective to investigate the nursing diagnosis ineffective sexuality pattern in elderly people with Diabetes mellitus in primary care and analyze their sexuality profile. Method this is a cross-sectional study carried out in a Basic Health Unit with a sample of 134 elderly diabetics. Interviews were carried out between July and August 2019 with structured instruments and laboratory tests. An instrument was used to investigate the nursing diagnosis ineffective sexuality pattern with conceptual and operational definitions of the defining characteristics and related factors according to the NANDA-I taxonomy (2018-2020). Results women predominated, although men were more sexually active (p < 0.001). Younger people were more sexually active (p = 0.001). Regarding hormonal parameters, elderly people with higher testosterone levels reported being sexually active (p < 0.001). Most do not use condoms during sexual intercourse. When analyzing the nursing diagnosis of ineffective sexuality pattern, the most prevalent defining characteristic was "a change in sexual behavior" and the related factor was "skills deficit in sexuality-related alternatives". Conclusions and implications for practice the nursing diagnosis ineffective sexuality pattern has importance in assessing elderly diabetics, as sexuality influences their behavior and personal satisfaction.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Idoso , Diagnóstico de Enfermagem , Saúde do Idoso , Sexualidade , Diabetes Mellitus Tipo 2 , Perfil de Saúde , Estudos Transversais
18.
Estud. Psicol. (Campinas, Online) ; 39: e200017, 2022. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: biblio-1375435

RESUMO

Discrimination against sexual and gender minorities is a persistent problem in several contexts. This article sought to investigate prejudice against sexual and gender diversity and beliefs about sex education among students of licenciatura (Brazilian term for a bachelor of education degree with a specialization) courses from different areas, and whether there are differences in the manifestation of these attitudes and beliefs between freshmen and seniors. Five hundred eighty university students participated in this study and the data was collected through scales to measure sexual and gender prejudice and beliefs about sex education, and through a sociodemographic characterization form. The results showed that prejudice and belief indices varied by area of study and differences were observed in the mean values of beliefs, but not in those of prejudice, between freshmen and seniors. The importance of more investments is emphasized so that undergraduate students present lower levels of this type of prejudice when completing their respective courses.


A discriminação de minorias sexuais e de gênero é um problema persistente em diversos contextos. Neste artigo buscou-se investigar preconceito contra diversidade sexual e de gênero e crenças sobre educação sexual entre estudantes de cursos de licenciatura de áreas distintas e se há diferenças nas manifestações dessas atitudes e crenças entre ingressantes e concludentes. Participaram deste estudo 580 estudantes universitários e os dados foram coletados através de escalas para medir preconceito sexual e de gênero e crenças sobre educação sexual e de uma ficha de caracterização sociodemográfica. Os resultados mostraram que os índices de preconceito e de crenças variaram por área e foram observadas diferenças nas médias de crenças, mas não nas de preconceito, entre ingressantes e concludentes. Ressalta-se a importância de que haja mais investimentos voltados à conscientização dos estudantes de graduação para que, ao concluírem seus respectivos cursos, apresentem menores níveis desse tipo de preconceito.


Assuntos
Educação Sexual , Sexualidade , Identidade de Gênero
19.
Rev. bras. enferm ; 75(1): e20210049, 2022. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS-Express | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1341043

RESUMO

ABSTRACT Objectives: to analyze the effects of sexuality on frailty and quality of life in the elderly. Methods: a sectional study conducted with 662 elderly people between July and October 2020. Four self-administered instruments were used to collect bio-sociodemographic variables, sexuality, frailty and quality of life. Correlation analysis and structural equation modeling were performed. Results: among the dimensions that assess sexuality, sexual intercourse had a weak, positive effect on quality of life (SC: 0.134, 95%CI: 0.153 - 0.254, p = 0.027), while affective relationships had a strong, positive effect (SC: 0.556, 95%CI: 0.442 - 0.670, p < 0.001). Frailty was only significantly related to a weak to moderate negative effect with sexual intercourse (SC: -0.216, 95%CI: -0.385 - -0.047, p = 0.012). Conclusions: two dimensions of sexuality, Sexual intercourse and Affective relationships, were found to have an effect on the quality of life and frailty of the elderly people investigated.


RESUMEN Objetivos: analizar efectos de la sexualidad en la fragilidad y calidad de vida del anciano. Métodos: estudio seccional conducido con 662 ancianos entre julio y octubre de 2020. Utilizaron cuatro instrumentos autoaplicables para recogida de las variables biosociodemográficas, sexualidad, fragilidad y calidad de vida. Realizó un análisis de correlación y modelado de ecuaciones estructurales. Resultados: de entre las dimensiones que evalúan la sexualidad, el acto sexual ejerció efecto débil y positivo sobre la calidad de vida (CP: 0,134, IC95%:0,153 - 0,254, p = 0,027), mientras las relaciones afectivas tuvieron efecto fuerte y positivo (CP:0,556, IC95%:0,442 - 0,670, p < 0,001). La fragilidad sólo fue relevante relacionada a un efecto negativo, de débil a moderado, con el acto sexual (CP: -0,216, IC95%:-0,385 - -0,047, p = 0,012). Conclusiones: constató que dos dimensiones de la sexualidad, Acto sexual y Relaciones afectivas, ejercieron efectos sobre la calidad de vida y fragilidad de los ancianos investigados.


RESUMO Objetivos: analisar os efeitos da sexualidade na fragilidade e qualidade de vida da pessoa idosa. Métodos: estudo seccional conduzido com 662 pessoas idosas entre julho e outubro de 2020. Utilizaram-se quatro instrumentos autoaplicáveis para coleta das variáveis biossociodemográficas, sexualidade, fragilidade e qualidade de vida. Realizou-se uma análise de correlação e modelagem de equações estruturais. Resultados: dentre as dimensões que avaliam a sexualidade, o ato sexual exerceu efeito fraco e positivo sobre a qualidade de vida (CP: 0,134, IC95%:0,153 - 0,254, p = 0,027), enquanto as relações afetivas tiveram efeito forte e positivo (CP:0,556, IC95%:0,442 - 0,670, p < 0,001). A fragilidade só foi significantemente relacionada a um efeito negativo, de fraco a moderado, com o ato sexual (CP: -0,216, IC95%:-0,385 - -0,047, p = 0,012). Conclusões: constatouse que duas dimensões da sexualidade, Ato sexual e Relações afetivas, exerceram efeitos sobre a qualidade de vida e fragilidade das pessoas idosas investigadas.

20.
Cad. Bras. Ter. Ocup ; 30: e3017, 2022. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: biblio-1364625

RESUMO

Resumo Introdução Pessoas com deficiência se deparam com inúmeras barreiras no desempenho da atividade sexual; dentre elas, está o acesso a locais acessíveis destinados a essa finalidade. Objetivo O objetivo do presente estudo foi mapear e avaliar a acessibilidade arquitetônica de estabelecimentos que têm como atividade-fim o sexo, tais como motéis e pousadas, localizados na região metropolitana de Belém. Método Trata-se de uma pesquisa de caráter quantitativo, transversal, descritivo, na qual foram avaliados 22 estabelecimentos, através de um questionário de avaliação de acessibilidade elaborado pelos pesquisadores, contendo 11 questões objetivas sobre a acessibilidade arquitetônica de banheiros, rampas de acesso, elevadores, sinalização, formas de comunicação, altura da cama e área de circulação. Resultados Os resultados acerca da sinalização sonora e visual demonstraram que 32% dos estabelecimentos não apresentam nenhuma das formas de sinalização, assim como comunicação alternativa e piso tátil. Em contrapartida, 82% dos estabelecimentos avaliados apresentaram altura dos interfones, interruptores e sinalizadores dentro dos padrões. Em relação à acessibilidade dos banheiros, 43% dos estabelecimentos não apresentaram nenhum mobiliário acessível. Conclusão O presente estudo demonstra resultados não satisfatórios quanto aos parâmetros básicos de acessibilidade dos motéis participantes, constituindo-se graves barreiras ao acesso do público com algum tipo de deficiência. Conclui-se que há a necessidade de maiores discussões sobre o assunto, além de fiscalização para o cumprimento das normas de acessibilidade e mobiliário acessível para que pessoas com deficiência possam usufruir desses serviços.


Abstract Introduction People with disabilities face numerous barriers in the performance of sexual activity; among them are finding accessible places intended for this purpose. Objective The aim of this study was to map and evaluate the architectural accessibility of establishments whose main activity is sex, such as motels and inns, located in the metropolitan region of Belém. Method This is a cross-sectional, descriptive, quantitative research, in which 22 establishments were evaluated, through an accessibility assessment questionnaire developed by the researchers, containing 11 objective questions about the architectural accessibility of bathrooms, access ramps, elevators, signage, forms of communication, bed height and circulation areas. Results The results regarding sound and visual signage showed that 32% of establishments do not have any form of signage, as well as alternative communication and tactile flooring. On the other hand, 82% of the establishments evaluated presented the height of the intercoms, light switches and warning flags within the standards. Regarding the accessibility of bathrooms, 43% of the establishments did not have any accessible furniture. Conclusion The present study demonstrates unsatisfactory results regarding the basic parameters of accessibility of the participating motels, constituting serious barriers to access for the public with some type of disability. It is concluded that there is a need for further discussions on the subject, in addition to inspection for compliance with accessibility standards and accessible furniture so that people with disabilities can enjoy these services.

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...