Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 128
Filtrar
1.
Cienc. tecnol. salud ; 7(1): 39-46, 2020. ^c27 cmilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1120258

RESUMO

La flexibilidad laboral es característica de la producción estacional agroindustrial, cuyo principal problema es aprovechar con intensidad los períodos en los que se incrementa la producción. Pero, ¿cómo la demandante competitividad laboral influye en las estrategias de los trabajadores para incrementar su productividad? A partir de esta pregunta, se identificaron los aspectos económicos, sociales y laborales que inciden en la salud, así como las respuestas para disminuir el dolor físico y aumentar las exigencias de competitividad, flexibilización y desregularización del mercado de trabajo. La exposición ambiental y ocupacional en las condiciones de trabajo, el estrés térmico asociado a la deshidratación en la actividad física intensa, el limitado acceso a los servicios de salud, la mala alimentación y la pobre calidad de vida, también pueden producir otras enfermedades como diabetes e hipertensión, así como infecciones y lesiones renales. En ese contexto, en los últimos 20 años, se empezaron a reportar casos de enfermedad renal. La metodología cualitativa aplicada a este estudio, permitió llevar a cabo un proceso investigativo descriptivo e interpretativo sobre la forma en que los sujetos interactúan. Para ello se utilizaron las trayectorias laborales como técnicas en la recolección de datos. Los resultados arrojaron información relevante sobre las estrategias que los trabajadores utilizan para incrementar su rendimiento laboral, entre ellas la automedicación de vitaminas y analgésicos para tratar los espasmos musculares, que estimulan el sistema nervioso central, así como de bebidas saborizadas y energizantes con posibles repercusiones en la excreción renal.


Labor flexibility is characteristic of seasonal agroindustrial production whose main problem is to take advantage of the periods in which production increases. But, how does this demanding labor competitiveness influence workers' strategies to increase their productivity? From this question, the economic, social and labor aspects that affect health were identified, as well as the answers to reduce physical pain and increase the demands for competitiveness, flexibility and deregulation of the labor market. Environmental and occupational exposure in working conditions, thermal stress associated with dehydration in intense physical activity, limited access to health services, poor diet and quality of life, can also cause other diseases such as diabetes and hypertension, as well as infections and kidney lesions. In that context, in the last 20 years, cases of kidney disease began to be reported. The qualitative methodology applied to this study, allowed to carry out a descriptive and interpretive investigation process on the way in which the subjects interact, for this, the work trajectories were used as techniques in data collection. The results yielded relevant information on the strategies that workers use to increase their work performance, including self-medication of "vitamins" and analgesics to treat muscle spasms, drugs that stimulate the central nervous system, as well as flavored and energizing drinks with possible repercussions on renal excretion.


Assuntos
Humanos , Masculino , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Trabalhadores Rurais , Condições de Trabalho , Insuficiência Renal Crônica/economia , Dor/tratamento farmacológico , Automedicação , Vitaminas/administração & dosagem , Costa , Desidratação/complicações , Mercado de Trabalho , Bebidas Energéticas/efeitos adversos , Eliminação Renal , Desempenho Profissional , Guatemala , Analgésicos/efeitos adversos
2.
Cienc. tecnol. salud ; 7(1): 62-77, 2020. ^c27 cmilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1120437

RESUMO

Los moluscos son uno de los grupos faunísticos dominantes en ambientes estuarinos con bosque de manglar como el humedal Las Lisas-La Barrona. Forman parte de la transferencia de energía a través de las redes tróficas y contribuyen a la estructuración de los hábitats bénticos. El humedal Las Lisas-La Barrona se ubica en el litoral Pacífico de Guatemala. Se determinó la diversidad de la comunidad de moluscos, así como su relación con los parámetros fisicoquímicos del agua. Se realizaron ocho muestreos (enero a agosto) en 2017, utilizando parcelas con un área de 16 m2 en seis sitios de bosque de manglar y cuatro sitios en el canal estuarino, distribuidos en el humedal. La riqueza de moluscos del humedal está comprendida por 26 especies correspondientes a 18 familias y 22 géneros. Las especies más abundantes de gasterópodos fueron Cerithideopsis californica (Adams, 1852) y Littoraria fasciata (Gray, 1839) y de bivalvos Iliochione subrugosa (Wood, 1828) y Larkinia grandis (Broderip & Sowerby, 1829). Los sitios correspondientes a bosque de manglar presentaron una mayor cantidad de moluscos, principalmente gasterópodos. La distribución de las especies dominantes, no está dada por los factores fisicoquímicos del agua, pudiendo ser otros factores como la disponibilidad de hábitat y alimento los que rijan su distribución dentro del humedal. Algunos factores como la influencia de agua marina dentro del humedal, las altas concentraciones de oxígeno disuelto y pH ligeramente básicos, así como la calidad del agua en general, hacen del humedal Las Lisas-La Barrona un área muy diversa en cuanto a especies de moluscos.


Molluscs are one of the dominant faunistic groups in estuarine environments with mangrove forests such as the Las Lisas-La Barrona wetland. They are part of the transfer of energy through trophic networks and contribute to the structuring of the benthic habitats. The Las Lisas-La Barrona wetland is located on the Pacific coast of Guatemala. The diversity of the mollusk community, as well as its relationship with the physicochemical parameters of the water was determined. Eight samplings were carried out (January to August) in 2017, using parcels with an area of 16 m2 in six mangrove forest sites and four sites in the estuarine channel, distributed along the wetland. The mollusk richness of the wetland is comprised of 26 species corresponding to 18 families and 22 genera. The most abundant species of gastropods were Cerithideopsis californica (Adams, 1852) and Littoraria fasciata (Gray, 1839) and bivalves Iliochione subrugosa (Wood, 1828) and Larkinia grandis (Broderip & Sowerby, 1829). The sites corresponding to mangrove forest, presented a greater amount of mollusks, mainly gastropods. The distribution of dominant species is not given by the physicochemical factors of the water, being able to be other factors such as the availability of habitat and food that govern their distribution within the wetland. Some factors such as the influence of seawater in the wetland, the high concentrations of dissolved oxygen and the slightly basic levels of pH, as well as water quality in general, make the Las Lisas-La Barrona wetland a very diverse area in terms of mollusk species


Assuntos
Animais , Costa , Fauna Bentônica/análise , Áreas Alagadas , Moluscos/classificação , Qualidade da Água , Bivalves , Estuários , Gastrópodes
3.
Neotrop. ichthyol ; 17(2): e180108, 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1012705

RESUMO

We investigated the intraspecific partitioning of food resources of the Brazilian silverside Atherinella brasiliensis in a tropical estuary. A total of 1,099 stomachs were analyzed, and the diet consisted mainly of Gastropoda, Ceratopogonidae larvae, Decapoda larvae, Calanoida, Cyclopoida, Hymenoptera and Brachyura. Ordination of the mean volumetric percentage contribution of preys indicated differences in the dietary compositions between sites and size classes. By SIMPER analysis, we detected high dissimilarity between size classes, suggesting ontogenetic niche shifts: the diet of the early juveniles was based in zooplankton, whereas adults consumed mainly benthic macroinvertebrates. These shifts were related to changes in feeding structures and foraging abilities that show a strong relationship with body size, and showed functional trade-offs in swimming capacity, and feeding strategies used to capture prey. Differences in the diet between size classes and habitat selection by Brazilian silverside are likely strategies to avoid intraspecific competition, clearly related to the abundance and accessibility of resources along the estuarine habitats.(AU)


Nós investigamos a partição intraespecífica de recursos alimentares do peixe-rei Atherinella brasiliensis em um estuário tropical. Um total de 1.099 estômagos foi analisado, e a dieta foi constituída principalmente de Gastropoda, Larva de Ceratopogonidae, Larva de Decapoda, Calanoida, Cyclopoida, Hymenoptera e Brachyura. A análise de ordenação da contribuição do volume das presas indicou diferenças na composição da dieta entre locais e classes de tamanho. Pela análise do SIMPER, nós detectamos alta dissimilaridade entre as classes de tamanho, sugerindo mudanças ontogenéticas: a dieta dos indivíduos menores foi baseada em zooplâncton, enquanto os maiores indivíduos consumiram principalmente macroinvertebrados bentônicos. Essas variações foram relacionadas com mudanças nas estruturas para captura do alimento e na habilidade de forrageamento que evidenciaram uma forte relação com o tamanho do corpo, e mostraram trade-offs funcionais na capacidade de natação e no modo de captura das presas. Diferenças na dieta entre as classes e a seleção de habitat pelo peixe-rei são estratégias para evitar a competição intraespecífica, claramente relacionada com a abundância e a acessibilidade dos recursos alimentares ao longo dos habitats estuarinos.(AU)


Assuntos
Animais , Heterogeneidade Genética , Recursos Alimentares , Peixes/metabolismo , Costa/análise
4.
Recife; s.n; 2015. 88 p. ilus, graf, tab, ^c30 cm.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-750253

RESUMO

Desde 1975 ações são desenvolvidas para controlar a esquistossomose, mas, apesar dos esforços a endemia persiste em Pernambuco, onde a área de transmissão tem se expandido para o litoral. Assim, desenvolveu-se um trabalho com o objetivo de conhecer os fatores intervenientes na variação do grau de implantação (GI) das ações de controle da esquistossomose na Estratégia de Saúde da Família (ESF) de Serrambi, localidade do litorânea do Estado vulnerável à transmissão da doença. Para tanto, foi procedida uma análise de implantação, que avaliou a influência do contexto utilizando-se o referencial teórico de Carlos Matus, no GI da intervenção. Utilizaram-se questionários estruturados que foram aplicados ao coordenador do Programa de Controle da Esquistossomose (PCE), Coordenador da Atenção Básica, Secretária de Saúde e aos profissionais da ESF. Também foram pesquisados registros oficiais e os documentos de gestão. Empregou-se um sistema de escores que classificou o GI da intervenção em implantado (90 a 100 pontos), parcialmente implantado (60 a 89 pontos) e não implantado ( 59). A influência do Contexto sobre o GI foi classificada conforme escores em incipiente (quando alcançou menos de 33 por cento dos pontos), intermediária (quando alcançou entre 33,3 e 66,6 por cento dos pontos) e avançada (quando alcançou mais de 66 por cento dos pontos). O GI das ações de vigilância e controle da esquistossomose na ESF da localidade foi 'não implantado' (49,86 pontos). A análise do contexto evidenciou que o Município de Ipojuca tem uma capacidade de gestão avançada para gerir o PCE na ESF, no entanto, mostrou-se ineficiente na condução adequada da implantação da intervenção estudada em Serrambi, devido ao frágil projeto de governo e à não capilarização dos fatores favoráveis para Serrambi. Conclui-se, portanto que há necessidade de se instaurar ações voltadas para o controle da expansão da doença por meio das ESF sob a perspectiva da atenção integral...


Since 1975 actions have been developed to control schistosomiasis. However, despite efforts to control the disease in the state of Pernambuco, the transmission area has expanded to the coast. This study was developed to know the factors involved in the variation of the implementation degree (GI) of schistosomiasis control actions in Serrambi ESF (Family Health Strategy). To this, was performed an evaluated analysis of the context influence (Management Capacity), using the Carlos Matus theory. We used structured questionnaires applied to the PCE (Schistosomiasis Control Program) coordinator, Primary care coordinator, Secretary of Health and professional family health strategy that whose duties are clearly defined to the schistosomiasis control. Were also surveyed official records and documents management. We used a scoring system that ranked the GI intervention in deployed (90-100 points), partially deployed (60-89 points) and not deployed (<59). The influence of context on the GI was classified in incipient (when achieved less than 33% of the points), intermediate (when achieved between 33.3 and 66.6% of the points) and advanced (when it reached more than 66% of points). The GI of vigilance and control of schistosomiasis in Serrambi family health strategy location was 'not deployed' (49.86 points). The context analysis highlighted that Ipojuca has an advanced management capabilities to the PCE in the family health strategy, however, proved to be inefficient in the proper conduct of the implementation of the study intervention in Serrambi, due to the fragile design of government and non-capillarity the favorable factors for Serrambi. It follows therefore that it is necessary to establish actions to control the spread of the disease through the family health strategy from the perspective of integrality...


Assuntos
Humanos , Esquistossomose mansoni/prevenção & controle , Estratégia Saúde da Família , Política de Saúde , Avaliação de Programas e Projetos de Saúde , Costa , Pessoal de Saúde
5.
Biosci. j. (Online) ; 30(3): 874-878, may/june 2014. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-947476

RESUMO

Visando obter informações sobre as espécies de tartarugas marinhas que ocorrem na Ilha, iniciaramse levantamentos de encalhes e pesca acidental desses animais em parceria com comunidades pesqueiras da ilha, de junho de 2006 a outubro de 2007. São cinco as espécies de tartarugas marinhas que habitam a zona costeira brasileira e todas elas foram encontradas em São Luís tais como: tartaruga cabeçuda (Caretta caretta), tartaruga de pente (Eretmochelys imbricata), tartaruga de couro (Dermochelys coriacea), tartaruga oliva (Lepidochelys olivacea), e tartaruga verde ou aruanã (Chelonia mydas). Foram observados filhotes recém eclodidos de E. imbricata (demonstrando atividade reprodutiva na região). Todos os espécimes adultos e juvenis localizados vivos ou mortos estavam com alguma marca ou indícios característicos de interação com a pesca como marcas de emalhes de redes de pesca, espinhel ou golpes de faca na cabeça ou na região do casco. Esses animais estão em situação de risco de extinção devido ao consumo por comunidades pesqueiras, muitas vezes ocasionadas pela pesca acidental e pela ausência de informação dos pescadores sobre a adequada devolução ao mar. Portanto os esforços de conservação destes animais devem se concentrar não somente na atividade reprodutiva, mas na conscientização sobre pesca e consumo ilegal junto às comunidades pesqueiras da zona costeira. Neste aspecto a importância deste trabalho foi delinear os principais impactos sobre as espécies para melhorar sua proteção nas praias e a relação com as atividades de pesca na Ilha. Os resultados desta pesquisa podem levar à intensificação de esforços de conservação dessas espécies da zona costeira de toda a Ilha do Maranhão, incluindo também São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa, inserindo-as no programa nacional de conservação de espécies em risco de extinção.


In order to obtain information about the species of sea turtles that occur on the island of Maranhão, São Luis, surveys were started through observations of catching and stranding of these animals in partnership with fishing communities, from June 2006 to October 2007. There are five species of sea turtles that inhabit the coastal area of Brazil and all of them were observed in Maranhão Island, São Luís, such as: loggerhead turtle (Caretta caretta), hawksbill turtles (Eretmochelys imbricata), leatherback turtle (Dermochelys coriacea), olive turtle (Lepidochelys olivacea) and green turtle (Chelonia mydas). It was observed puppies newly hatched of E. imbricata (indicating reproductive activity). All adult and juvenile specimens found dead or alive were observed with some injury due fishing artifacts such as fishing gill, fishing nets, long lines or knife blows on the head or on the hull. These animals are at risk of extinction due to the consumption by fishing communities, caused by catch and the lack of information of the fishermen how to manage the returning of the animals to the sea. For this reason, conservation efforts for these animals should focus not only on reproductive activity, but in raising awareness of illegal fishing and consumption by the fishing communities along the coastal zone. In this aspect, the importance of this work was to delineate the main impacts on these animals to improve the protection at the beaches and the fishing activities on the Island. The results of this research may lead to the intensification of efforts to conserve these species in the coastal zone of all the island of Maranhão, including also the municipalities of São José de Ribamar, Paço do Lumiar and Raposa to insert them at the national conservation program of endangered species.


Assuntos
Tartarugas , Costa , Conservação dos Recursos Naturais
6.
Neotrop. ichthyol ; 12(2): 403-418, Apr-Jun/2014. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-716330

RESUMO

Probolodus is a genus of tetras distributed along the coastal basins of southeastern Brazil, from Espírito Santo on the north, to São Paulo states. It was proposed by Eigenmann in 1911, to include the single species P. heterostomus. However, examining of material recently collected we identified two new species: P. oyakawai, new species, from the rio Ribeira de Iguape basin, and P. sazimai, new species, from the rio Itapemirim (Espírito Santo), and drainages of the rio Doce basin (Espírito Santo and Minas Gerais states). Therefore, the distribution of P. heterostomus was restricted to the rio Paraíba do Sul basin, southeastern Brazil. The genus Probolodus was redefined based on osteological characters, in particular details of oral dentition. Probolodus heterostomus differs from its congeners by a combination of meristic and osteological characters. An identification key for the species of the genus is presented. The possible evolutionary relationships of Probolodus with other characids, especially some lepidophagous taxa are discussed. Regarding the biogeography of the group, some geological events are hypothesized as responsible for the cladogenetic events among species of the genus.


Probolodus é um gênero de lambari distribuído ao longo das bacias costeiras do sudeste brasileiro, do Espírito Santo até São Paulo. Foi proposto originalmente por Eigenmann em 1911, para abrigar a única espécie P. heterostomus. Entretanto, através do exame de material coletado recentemente, identificamos duas novas espécies do gênero: P. oyakawai, espécie nova, da bacia do rio Ribeira de Iguape, e P. sazimai, espécie nova, das drenagens das bacias dos rios Itapemirim (Espírito Santo) e Doce (Espírito Santo e Minas Gerais). Portanto, a distribuição de P. heterostomus foi restringida à bacia do rio Paraíba do Sul, sudeste do Brasil. O gênero Probolodus foi redefinido a partir de caracteres osteológicos, em especial detalhes da dentição. Probolodus heterostomus difere de suas duas congêneres por uma combinação de caracteres merísticos e osteológicos. Uma chave de identificação do gênero é apresentada. As possíveis relações evolutivas de Probolodus com outros caracídeos, em especial alguns táxons lepidófagos examinados neste estudo, são discutidas. Com relação à biogeografia do gênero, alguns eventos geológicos são postulados como possivelmente responsáveis pela sua cladogênese.


Assuntos
Animais , Biogeografia , Classificação , Classificação/métodos , Costa/análise , Peixes/classificação
7.
Mundo saúde (Impr.) ; 38(1): 56-65, dez. 2013. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-756230

RESUMO

O presente trabalho visou avaliar efeitos agudos e crônicos em amostras de sedimento do rio Cubatão e dois de seusafluentes (Perequê e Pilões), por meio de ensaios ecotoxicológicos. Os organismos-teste foram a Hyalella azteca para avaliaçãode sedimento integral. A análise de crescimento corpóreo do organismo também foi realizada. As amostras foramcoletadas entre 2010 e 2011 (quatro campanhas), em nove pontos da Bacia do rio Cubatão. Os ensaios de toxicidade paraefeitos agudos do sedimento integral em H. azteca resultaram em toxicidade para as amostras de P2 e P5 (2ª e 4ª campanhas),com mortalidade superior a 50% dos organismos expostos. A análise de crescimento corpóreo identificou menorcrescimento nos organismos expostos ao sedimento proveniente dos locais P4 e P5, onde ocorreu a industrialização naregião estudada.


The present paper assessed acute and chronic biological effects at sediment samples from Cubatão River and two othercontributors (Perequê and Pilões Rivers), by using ecotoxicity assays. Hyalella azteca were exposed to integral sediments.Body growing size was also determined. The samples were collected in 2010 and 2011 (four data) and nine different siteswere included, representing the Cubatão River Basin. The acute effects for Hyalella azteca were obtained at P2 and P5 (2ªand 4ª samplings), with mortality higher than 50% of the total number of exposed organisms. Organisms body size analysisdetected lower growing rates at sites P4 and P5, places identified as pertaining to the mainly industrialized sites.


Assuntos
Humanos , Costa , Ecotoxicologia , Saúde Ambiental , Toxicidade
8.
Mundo saúde (Impr.) ; 36(4): 587-593, out.- dez. 2012. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-757684

RESUMO

As cidades litorâneas atraem inúmeros turistas pela sua beleza cênica e atrativos recreacionais, incrementando a fonte de renda dos municípios. Dessa forma, é evidente a necessidade de programas de monitoramento da qualidade de suas praias, a fim de assegurara saúde dos banhistas. Apesar de haver um monitoramento eficaz para as águas recreacionais marinhas, ainda não existem, no Brasil, programas que atestem a qualidade das areias das praias. Nesse sentido, o presente estudo objetivou analisar a densidade de bactérias do gênero Enterococcus nas areias e águas de duas praias do município de São Vicente-SP, Brasil correlacionando com parâmetros abióticos (temperatura, salinidade, granulometria, matéria orgânica e variação de maré). Amostras de água e areia foram coletadas durante o mês de fevereiro de 2006 nas praias do Gonzaguinha e da Ilha Porchat, e as densidades das bactérias,determinadas com base na técnica de membrana filtrante. Temperatura e salinidade foram medidas in situ com o auxílio de um termômetro e um refratômetro, enquanto que granulometria e matéria orgânica foram determinadas em laboratório, de acordo com os métodos descritos por Suguio e Dean. Houve diferenças significativas entre as densidades encontradas na água e nas areias(p=0.004), sendo aproximadamente 20 vezes superior na areia das praias do Gonzaguinha. Resultado semelhante foi obtido para as amostras das praias da Ilha Porchat, sendo as densidades encontradas nas areias cerca de três vezes superior às encontradas nas amostras de água. Em ambas as praias, salinidade e temperatura correlacionaram-se de maneira negativa com as densidades obtidas, o que sugere que há um efeito deletério desses parâmetros sobre a população bacteriana. O presente estudo demonstra que há uma grande necessidade de estabelecimento de programas de monitoramento para areias de praias, visto que atualmente a avaliação da qualidade das praias é parte importante de programas de gerenciamento costeiro integrado.


Coastal cities attract a large number of tourists for their beautiful landscape and recreational activities, increasing the municipalities’income source. Thus, a need is clear for the establishment of beach quality monitoring programs to ensure bathers health. Although there is an effective monitoring program for recreational waters in Brazil there are no programs to certify the quality of beach sands. In this sense, the aim of this work was to analyze the density of bacteria from the genus Enterococcus in both sand and water from two beaches from São Vicente, São Paulo (Brazil) and correlate these densities to abiotic parameters such as: temperature, salinity, particle size, organic matter and tides). Water and sand samples were collected during February 2006 on the beaches of Gonzaguinha e Ilha Porchat and bacterial densities were determined by membrane filter technique. Temperature and salinity were measured in situwith a thermometer and a refractometer while particle size and organic matter were determined according to methods described by Suguio and Dean. There were significant differences between densities found in water and sand (p=0.004), being approximately 20times higher in Gonzaguinha’s beach sands. Similar results were found for Ilha Porchat beach samples, being the densities found insand 3 times greater than those found in water. Both beaches showed a negative correlation between bacterial densities and salinity and temperature, suggesting a deleterious effect of these parameters on the bacterial community. On the other hand, no correlation was found between organic matter and particle size and bacterial densities. This work demonstrates that there is a great necessity for monitoring beach sand since the evaluation of beach quality is an important part of integrated coastal management programs.


Assuntos
Humanos , Costa , Indicadores de Contaminação , Saúde Pública , Areia
9.
Braz. j. microbiol ; 43(4): 1242-1254, Oct.-Dec. 2012.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-665805

RESUMO

The importance and protection of mangrove ecosystems has been recognized in Brazilian Federal law since 1965. Being protected in law, however, has not always guaranteed their protection in practice. Mangroves are found in coastal and estuarine locations, which are prime real estate for the growth of cities, ports and other economic activities important for Brazilian development. In this mini-review we introduce what mangroves are and why they are so important. We give a brief overview of the microbial diversity found in mangrove sediments and then focus on diversity studies from Brazilian mangroves. We highlight the breadth and depth of knowledge about mangrove microbial communities gained from studying Brazilian mangroves. We report on the exciting findings of molecular microbial ecology methods that have been very successfully applied to study bacterial communities. We note that there have been fewer studies that focus on fungal communities and that fungal diversity studies deserve more attention. The review ends with a look at how a combination of new molecular biology methods and isolation studies are being developed to monitor and conserve mangrove ecosystems and their associated microbial communities. These recent studies are having a global impact and we hope they will help to protect and re-establish mangrove ecosystems.


Assuntos
Humanos , Biodiversidade , Costa/legislação & jurisprudência , Ecossistema , Legislação Ambiental , Áreas Alagadas/legislação & jurisprudência , Ecologia , Metodologia , Natureza
10.
Neotrop. ichthyol ; 10(1): 109-122, 2012. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-624073

RESUMO

Reefs, mangroves and seagrass biotopes often occur in close association, forming a complex and highly productive ecosystem that provide significant ecologic and economic goods and services. Different anthropogenic disturbances are increasingly affecting these tropical coastal habitats leading to growing conservation concern. In this field-based study, we used a visual census technique (belt transects 50 m x 2 m) to investigate the interactions between fishes and microhabitats at the Mamanguape Mangrove-Reef system, NE Brazil. Overall, 144 belt transects were performed from October 2007 to September 2008 to assess the structure of the fish assemblage. Fish trophic groups and life stage (juveniles and adults) were recorded according to literature, the percent cover of the substrate was estimated using the point contact method. Our results revealed that fish composition gradually changed from the Estuarine to the Reef zone, and that fish assemblage was strongly related to the microhabitat availability, as suggested by the predominance of carnivores at the Estuarine zone and presence of herbivores at the Reef zone. Fish abundance and diversity were higher in the Reef zone and estuary margins, highlighting the importance of structural complexity. A pattern of nursery area utilization, with larger specimens at the Transition and Reef Zone and smaller individuals at the Estuarine zone, was recorded for Abudefduf saxatilis, Anisotremus surinamensis, Lutjanus alexandrei, and Lutjanus jocu. Our findings clearly suggests ecosystem connectivity between mangrove, seagrass and reef biotopes, and highlighted the importance of Mamanguape Mangrove-Reef System as a priority area for conservation and research, whose habitat mosaics should be further studied and protected.


Recifes, manguezais e bancos de fanerógamas marinhas são biótopos frequentemente associados, formando um ecossistema complexo e altamente produtivo que proporciona significativos bens e serviços ecológicos e econômicos. Diferentes impactos antrópicos estão crescentemente afetando esses habitats costeiros tropicais, trazendo preocupações acerca de sua conservação. Neste estudo de campo, utilizamos uma técnica de censo visual subaquático (transecções de 50 x 2 m) para investigar as interações entre os peixes e microhabitats no complexo estuarino-recifal de Mamanguape, no Nordeste do Brasil. Entre outubro de 2007 e setembro de 2008 foram realizadas 144 transecções para avaliar a estrutura da assembleia de peixes. Grupos tróficos e estágios de vida dos peixes (jovens e adultos) foram registrados segundo a literatura, enquanto a porcentagem de cobertura do substrato foi estimada através do método de pontos de contato. Nossos resultados mostraram que a composição da ictiofauna mudou gradualmente da Zona Estuarina para a Zona Recifal, e que a assembleia de peixes esteve fortemente relacionada com a disponibilidade de microhabitats - como sugerido pela predominância de carnívoros na zona estuarina e presença de herbívoros na zona recifal. A abundância e diversidade de peixes foram maiores na zona recifal e nas margens do estuário, destacando a importância da complexidade estrutural. O padrão de uso da área como berçário, com indivíduos maiores nas zonas de transição e recifal, e os menores na zona estuarina, foi registrado para Abudefduf saxatilis, Anisotremus surinamensis, Hippocampus reidi, Lutjanus alexandrei e Lutjanus jocu. Nossos resultados sugerem que há conectividade entre os biótopos de manguezal, bancos de fanerógamas e recifes, e destacam a importância do Sistema Manguezal-Recife de Mamanguape como uma área prioritária para conservação e pesquisa, cujos mosaicos de habitats devem ser ainda estudados e protegidos.


Assuntos
Animais , Recifes de Corais , Costa/etnologia , Meio Ambiente/análise , Áreas Alagadas/etnologia , Peixes/crescimento & desenvolvimento , Biota , Ecossistema/análise
11.
Rev. dor ; 12(1)jan.-mar. 2011.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-580964

RESUMO

BACKGROUND AND OBJECTIVES: Low back pain is a prevalent complaint of multifactorial origins. To date,there have been no studies on the prevalence and characteristics of low back pain in the city of Santos, in the coasta lregion of the State of São Paulo, Brazil. The objective of the present study was to assess the profi le of middle-aged individuals with low back pain from the general population aged 40-59 years, regarding gender, body mass index, regular physical activity and load handling.METHOD: The study design was prospective, exploratory and transversal, comprising 200 adults aged between 40 and 59 years, randomly selected as the study population.These individuals were sequentially approached bythe researchers and asked whether they would agree toanswer a medical questionnaire. No indication of the intention of researching low back pain was given before the individuals had agreed to participate.RESULTS: Out of 200 individuals (78 males and 122 females),159 of them (60 males and 99 females) answered that they had experienced at least one significant and limiting episode of low back pain in their lives. A subgroup of 109 individuals (37 males and 72 females) had sought medical care for this painful episode. There were no statistically signifi cant differences regarding gender, body mass index or number of hours sitting down at work and the presence of low back pain. There was a small positive correlation between low back pain and load handling atwork, as well as a slight negative correlation between low back pain and regular physical activity.CONCLUSION: Low back pain was a highly prevalent condition in otherwise healthy individuals in our region.


JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A lombalgia é uma queixa prevalente de origem multifatorial. Até hoje não existem estudos sobre a prevalência e as características da lombalgia na cidade de Santos, no litoral do estado de São Paulo, Brasil. O objetivo deste estudo foi avaliar o perfi l de indivíduos de meia idade com lombalgia na população entre 40 e 59 anos de idade, com relação ao sexo, índice de massa corporal, atividade física regular e manuseio decarga. MÉTODO: Estudo prospectivo, exploratório e transversal,envolvendo 200 adultos com idades entre 40 e 59 anos, escolhidos aleatoriamente. Os indivíduos foram abordados sequencialmente pelos pesquisadores que perguntaram se concordariam em responder a um questionário médico. Nenhuma indicação da intenção de pesquisar a lombalgia foi dada antes que as pessoas concordassem em participar.RESULTADOS: Dos 200 indivíduos (78 homens e 122 mulheres), 159 (60 homens e 99 mulheres) responderam que haviam passado por pelo menos um episódio importantee limitante de lombalgia em suas vidas. Um subgrupo de 109 pessoas (37 homens e 72 mulheres) havia buscado tratamento médico para esse episódio doloroso. Não houve diferença estatisticamente significante em gênero,índice de massa corporal ou número de horas sentados no trabalho e a presença de lombalgia. Houve uma pequena correlação positiva entre lombalgia e manuseio de carga no trabalho, bem como uma pequena correlação negativa entre lombalgia e atividade física regular.CONCLUSÃO: A lombalgia foi uma condição altamente prevalente em pessoas saudáveis de nossa região.


Assuntos
Costa , Dor Lombar
12.
Belo Horizonte; Fórum; 2011. 246 p. mapas, tab.
Monografia em Português | LILACS | ID: lil-620638

RESUMO

O livro apresenta a Carta de Vitória do Espírito Santo e também traz os seguintes estudos: Fundo Estadual de Recursos Hídricos (Fun dágua): um mecanismo de fortalecimento da gestão de recursos hídricos no Estado do Espírito Santo; O art. 5º, XXXV, da Constituição Federal como regra processual fundamental em defesa do direito material ambiental: o direito de agir em face de lesão ou ameaça ao meio ambiente ecologicamente equilibrado; O meio ambiente e o desenvolvimento econômico: uma visão realista dentro de uma nova ordem; Gestão integrada de recursos hídricos e costeiros: uma perspectiva legislativa; O cooperativismo na ordem constitu cional; Cooperação e crise: a prevalência da axiologia cooperativa no agir em presarial; Reserva legal e áreas de preservação permanente (APP): áreas de relevante importância ao Município; Estímulo econômico am biental via cooperativismo; Teoria finalística do ato cooperativo: uma nova visão; Sustentabilidade e sociedade; O meio ambiente do tra ba lho como indutor de desempenho econômico empresarial; Direito am biental municipal; Energia eólica: aspectos ambientais; e novos para digmas Sociais e econômicos no direito ambiental.


Assuntos
Humanos , Comportamento Cooperativo , Desenvolvimento Sustentável/legislação & jurisprudência , Meio Ambiente , Conservação dos Recursos Naturais , Legislação Ambiental , Política Ambiental Municipal/legislação & jurisprudência , Recursos Hídricos/legislação & jurisprudência , Costa/legislação & jurisprudência , Energia Eólica/economia , Energia Eólica/legislação & jurisprudência
14.
Rev. peru. biol. (Impr.) ; 17(3): 293-301, dic. 2010. map, tab, graf
Artigo em Espanhol | LIPECS | ID: biblio-1111358

RESUMO

Entre agosto de 2007 y agosto de 2009 se registraron varamientos y capturas incidentales de cuatro especies de tortugas marinas (Chelonia mydas, Lepidochelys olivacea, Dermochelys coriacea y Eretmochelys imbricata) en la Región Tumbes, norte del Perú. Estos registros (52,6% de varamientos y 47,4% de capturas incidentales) ocurrieron todo el año, principalmente en Punta Picos (50,5%), Canoas (20,0%) y Baja de Punta Mero (14,7%). Las especies más abundantes fueron C. mydas (64,2%) y L. olivacea (30,5%), cuyas tallas no presentaron diferencias significativas entre zonas ni entre épocas climáticas. El mayor porcentaje de ejemplares de C. mydas, L. olivacea y D. coriacea se consideraron sub-adultos, incluyendo el único ejemplar de E. imbricata. Todas las capturas incidentales fueron realizadas con redes de enmalle de diferentes tamaños de malla, pero la de mayor frecuencia fue de 8 pulgadas. El alto porcentaje de ejemplares encontrados muertos con signos de ahogamiento (22,2%) se debió al prolongado tiempo de calado (aproximadamente 12 horas). No se encontraron diferencias significativas de CPUE entre épocas climáticas y no fue evidente ningún patrón estacional. El 14% de ejemplares varados presentaron lesiones causadas posiblemente por ataques humanos o por colisión con embarcaciones pesqueras. El 77,8% de ejemplares capturados incidentalmente fueron sacrificados para la comercialización de su carne, y en algunas ocasiones de su caparazón, lo que evidenció la falta de conciencia conservacionista. Estas observaciones indican que el litoral de Tumbes es una importante zona de forrajeo y desarrollo de ejemplares sub-adultos de tortugas marinas, por lo que recomendamos el desarrollo de programas de monitoreo, concienciación y de protección de zonas críticas para lograr la conservación de estos organismos en el Pacífico Oriental.


Assuntos
Animais , Costa , Peru , Tartarugas , Ambiente Marinho
15.
Rev. peru. biol. (Impr.) ; 17(3): 359-364, dic. 2010. ilus, map, tab, graf
Artigo em Espanhol | LIPECS | ID: biblio-1111364

RESUMO

Se determinó la prevalencia y distribución de diferentes agentes patógenos en langostinos silvestres, en la zona de esteros de la Región Tumbes - Perú, entre marzo y diciembre de 2009. Los canales de marea considerados en este estudio fueron: Boca del Río Tumbes, El Alcalde, Jelí, El Bendito, Envidia, Soledad y Algarrobo. Se colectó un total de 1926 langostinos entre juveniles y pre-adultos de las especies Litopenaeus vannamei, L. stylirostris y Farfantepenaeus californiensis. Utilizando la técnica de la PCR, se detectó la presencia de los patógenos NHPB (0,62%), IHHNV (0,31%), BP (1,61%) y WSV (2,75%); no se encontró infección por TSV. Las tres especies en estudio fueron positivas a WSV y BP, presentándose la mayor prevalencia de infección por WSV (2,98%) en la especie L. stylirostris y por BP (2,66%) en L. vannamei. La NHPB fue detectada en las especies L. vannamei y L. stylirostris con 0,77% y 0,43% de prevalencia respectivamente. Se obtuvo una prevalencia de 0,52% para IHHNV en L. vannamei. Las más altas prevalencias de las infecciones por WSV, BP, NHPB e IHHNV se registraron en los canales de marea El Alcalde (10,79%), Algarrobo (4,51%), Envidia (2,26%) y Jelí (5,05%). Los datos señalan la presencia constante de diversos patógenos virales y bacterianos en diferentes especies de peneidos y su amplia distribución a lo largo del litoral tumbesino, lo que constituye un riesgo potencial para el desarrollo de la acuicultura en la región, y podría afectar las poblaciones naturales de langostinos.


Assuntos
Animais , Astacoidea , Bactérias , Costa , Peru , Vírus
16.
Rev. peru. biol. (Impr.) ; 17(2): 249-251, ago. 2010. ilus, map
Artigo em Espanhol | LIPECS | ID: biblio-1111348

RESUMO

El presente trabajo reporta la expansión en la distribución del Huaco de Corona Amarilla Nyctanassa violacea en el Perú, en tres departamentos de la costa, entre el 2002 y el 2010, así como los nuevos reportes de nidificación. Se analizan las posibles causas de la dispersión de la especie en el Perú.


The present work reports the expansion of the distribution of the Yellow-crowned Night-heron Nyctanassa violacea in Peru, in three coastal departments, between 2002 and 2010, as well the new nesting records. We analyze the possible causes of dispersion of the species in Peru.


Assuntos
Aves , Costa , Peru , Áreas Alagadas
17.
Rev. peru. biol. (Impr.) ; 17(2): 257-259, ago. 2010. ilus
Artigo em Espanhol | LIPECS | ID: biblio-1111350

RESUMO

Dos nidos de Phytotoma raimondii, cortarrama peruana, fueron hallados en la localidad de El Gramadal, distrito de Huarmey, Provincia de Huarmey, Departamento de Áncash. Ambos nidos estaban en arbustos de Grabowskia boerhaaviaefolia palo negro. Uno de ellos contenía dos huevos y el segundo dos pichones de unos diez días a dos semanas de edad. Una semana después, el 14 de abril de 2010 se ubicó muy cerca del segundo nido que ya estaba vacío, a dos volantones que seguían a sus padres. Son los primeros nidos activos reportados que se han encontrado desde 1934.


Two nests belonging to Phytotoma raimondii, the Peruvian plantcutter, were found in El Gramadal, at Huarmey, Áncash. Both nests were in shrubs of Grabowskia boerhaaviaefolia, commonly known as palo negro. One nest had two eggs and the other nest had two chicks that were approximately two weeks old. Two weeks later, two fledglings were found following presumed parents. These chicks were close to the second nest, which was empty. These are the first nests reported for Phytotoma raimondii since 1934.


Assuntos
Costa , Deserto , Passeriformes
18.
Biota neotrop. (Online, Ed. port.) ; 10(1): 21-30, Apr. 2010. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-556892

RESUMO

There are few studies on the zooplankton from the northwestern region of São Paulo State, Brazil, compared to other regions of the State. Cladocerans are a very representative zooplankton group with high species diversity. Most of this diversity can be found at littoral zones of lakes and reservoirs, especially those occupied by macrophytes. This study was part of a thematic project FAPESP/BIOTA Program - The Virtual Institute of Biodiversity (www.biotasp.org.br), and its aim is to catalogue and analyze the distribution of cladoceran species (Crustacea, Anomopoda and Ctenopoda) in pelagic and littoral zones from small reservoirs in the northwest of the São Paulo State, in dry and rainy seasons. Zooplankton samplings were carried out in littoral and pelagic zone of 10 small shallow reservoirs (mean depth: 2.8 m) using a plankton 45 µm mesh net. Water physical and chemical parameters were also monitored with a multiparameter Horiba U10. pH and dissolved oxygen concentration were lower at rainy than dry seasons, indicating high decomposition rates of organic matter introduced from the rural environment, being the main factor contributing to reservoirs' eutrophication. Fifty eight cladocerans species were recorded, with four new occurrences for the São Paulo State. This high richness contrasts with the high devastation of the northwestern region in the State. During the two seasons, littoral zones presented higher cladoceran richness and diversity than pelagic zone. Littoral zones with higher macrophytes diversity also showed higher cladocerans richness and diversity than that with low macrophyte diversity. Littoral and pelagic zones comparisons emphasized the importance of studies on different regions of the aquatic environments, confirming the elevated richness in the littoral zone, as reported in previous works. This study revealed also the strong influence of the macrophyte community and the adjacent terrestrial environment, which is occupied by forest or agriculture.


A região noroeste paulista é uma das regiões com menor quantidade de dados sobre o zooplâncton, comparado a outras regiões do estado. Os Cladocera constituem um grupo bastante representativo do zooplâncton, apresentando elevada diversidade de espécies. A maior parte desta diversidade pode ser encontrada nas regiões litorâneas de lagos e reservatórios, especialmente aquelas ocupadas por muitas macrófitas. Como parte de um projeto temático mais amplo (Programa Biota-Fapesp - Instituto Virtual da Biodiversidade, www.biotasp.org.br), o presente trabalho tem o objetivo de caracterizar as comunidades de cladóceros (Crustacea, Anomopoda e Ctenopoda) pelágicos e litorâneos presentes em pequenos reservatórios na região noroeste do estado de São Paulo, nas estações seca e chuvosa. As amostragens foram realizadas tanto na zona litorânea quanto pelágica de 10 pequenos reservatórios rasos (média de 2,8 m), através de arrastos verticais com rede de plâncton de 45 µm de malha. Parâmetros físicos e químicos da água também foram avaliados utilizando-se o aparelho Horiba U10. As concentrações de oxigênio e o pH foram mais baixos na estação chuvosa, indicando maiores taxas de decomposição. A entrada de matéria proveniente do ambiente rural pode ser o principal fator que contribui para a eutrofização dos reservatórios. No total, foram identificadas 58 espécies de cladóceros, sendo que destas, quatro constituem novas ocorrências para o estado de São Paulo. Esta elevada riqueza contrapõe-se com o fato de que a região noroeste paulista tem sido considerada uma das mais devastadas do estado. Maiores valores de riqueza e diversidade foram observados na zona litorânea, comparado à zona pelágica, durante as duas estações. Zonas litorâneas com maior diversidade de macrófitas também apresentaram maiores riqueza e diversidade de espécies de cladóceros do que zonas com menor diversidade de macrófitas. As comparações entre as zonas litorâneas e pelágicas evidenciaram a importância dos estudos nos diferentes compartimentos dos ambientes aquáticos, confirmando a elevada riqueza na zona litorânea, já relatada em tantos outros trabalhos, bem como revelando a forte influência da comunidade de macrófitas e do ambiente terrestre adjacente.


Assuntos
Cladóceros/crescimento & desenvolvimento , Macrófitas , Zooplâncton , Brasil , Costa
19.
Rio de Janeiro; s.n; 2010. x,62 p. ilus, tab, graf, mapas.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-587487

RESUMO

O presente trabalho propõe um estudo comparativo entre as concentrações de mercúrio total em aves marinhas, especificamente o pinguin- e-magalhães (Spheniscus magellanicus) arribados na costa brasileira entre 2006 e 2008. Foram estudados três grupos de S.magellanicus coletados ao longo do litoral brasileiro no ano de 2008: 14 espécimes do Rio Grande do Sul, 22 do Rio de Janeiro e 12 do litoral Sergipano e comparados os resultados das concentrações com pinguins- e-magalhães arribados em 2006: 35 espécimes provenientes da Região dos Lagos no Rio de Janeiro e 12 do litoral norte do Rio Grande do Sul. As concentrações de Hg total foram analisadas em fígado e músculo peitoral entre os grupos através do método de espectrometria de absorção atômica. Foram realizados dois tipos de análises: análise espacial das concentrações de Hg entre os grupos do Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Sergipe e uma análise de comparação entre as concentrações nos anos de 2006 e 2008. (...) Fatores como a idade reprodutiva, os hábitos alimentares, rotas migratórias e história de vida influenciam na determinação da concentração do mercúrio nestes indivíduos. Novos estudos com aves marinhas como o S. magellanicus, são importantes na construção de parâmetros e possíveis políticas de monitoramento da qualidade do meio ambiente.


The present work proposes a comparative study among the concentrations of total mercury in sea birds, specifically the Magellanic Penguin (Spheniscus magellanicus)dead in the Brazilian coast between 2006 and 2008. They were studied three groups of S.magellanicus collected along the Brazilian coast in the year of 2008: 14 specimens of Rio Grande do Sul, 22 of Rio de Janeiro and 12 of the Sergipe coast and compared themercury concentrations with Magellanic Penguin collected in 2006: 35 from the Região dos Lagos in Rio de Janeiro and 12 of the north coast of Rio Grande do Sul. The concentrations of Hg total were analyzed in pectoral muscle and liver of the groups by atomic spectometry techniques. Two types of analyses were accomplished: space analysis of the concentrations of Hg among the groups of Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro and Sergipe and a comparison analysis among the concentrations in the years of2006 and 2008. The average of Hg concentration in liver was higher than the average concentration muscle in PRS ([Hg] - liver: 2,3!g/g, muscle: 0,5!g /g), PRJ ([Hg] - liver: 3,3!g/g, muscle: 0,7!g /g) and PSE ([Hg] - liver: 2,5!g/g, muscle: 0,6!g/g). Comparingthe values between the years, the 2006 group had the lowest average of mercury concentration ([Hg] - liver: 1,6 g /g, muscle: 0,4!g/g) than 2008 group ([Hg] - liver: 2,3!g/g, muscle: 0,7 g /g) in both areas. The age, the diet, broken migratory and life history influences in the determination of the concentration of the mercury in these individuals. Further studies with seabirds as the S magellanicus are important buildingparameters and possible policies for monitoring the environment health.


Assuntos
Animais , Costa , Mercúrio , Poluição Costeira/efeitos adversos , Características de Residência , Spheniscidae , Poluição da Água , Brasil , Água Costeira , Ecossistema , Fauna Marinha , Metais/toxicidade , Análise Estatística
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA