Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 36.253
Filtrar
1.
Rev. enferm. UERJ ; 28: e41988, jan.-dez. 2020.
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1103393

RESUMO

Objetivo: analisar a percepção dos docentes do curso de Graduação em Enfermagem acerca do desenvolvimento do pensamento crítico dos alunos, a partir da utilização de estratégias de ensino e suas implicações no processo ensino aprendizagem. Método: estudo exploratório, descritivo, de cunho qualitativo. Participaram da pesquisa 16 docentes de um curso de graduação em Enfermagem e Obstetrícia. Os dados foram produzidos por meio de entrevistas com roteiro semiestruturado e categorizados pela técnica de análise temática, sendo aprovado por Comitê de Ética em Pesquisa. Resultados: evidenciaram-se três categorias: pensamento crítico como interpretação subjetiva, estratégias de ensino utilizadas pelos docentes no curso de graduação em enfermagem, e desafios e facilidades para o desenvolvimento do pensamento crítico no curso de graduação em enfermagem. Conclusão: os docentes mantiveram opiniões positivas e pontuaram que o pensamento crítico é construído ao longo da vida do ser humano, sendo considerado inerente à construção das suas habilidades e capacidades profissionais.


Objective: to examine perceptions of undergraduate Nursing teachers of their students' development of critical thinking, based on the use of teaching strategies and their implications in the teaching-learning process. Method: sixteen professors from an undergraduate course in Nursing and Obstetrics participated in this exploratory, descriptive, qualitative study. Data were produced through interviews to a semi-structured script and categorized by the thematic analysis technique, The study was approved by the research ethics committee. Results: three categories were identified: critical thinking as subjective interpretation, teaching strategies the teachers used in the undergraduate Nursing course, and what hinders and helps the development critical thinking on the undergraduate Nursing course. Conclusion: teachers held positive opinions and pointed out that critical thinking is built over the course of life and is considered inherent to constructing professional skills and abilities.


Objetivo: analizar las percepciones de los docentes de enfermería de pregrado sobre el desarrollo del pensamiento crítico de sus alumnos, basándose en el uso de estrategias de enseñanza y sus implicaciones en el proceso de enseñanza-aprendizaje. Método: dieciséis profesores de un curso de pregrado en Enfermería y Obstetricia participaron en este estudio exploratorio, descriptivo y cualitativo. Los datos fueron producidos a través de entrevistas a un guion semiestructurado y clasificados por la técnica de análisis temático. El estudio fue aprobado por el comité de ética de investigación. Resultados: se identificaron tres categorías: pensamiento crítico como interpretación subjetiva, estrategias de enseñanza que los maestros utilizaron en el curso de pregrado en Enfermería, y lo que dificulta y ayuda al desarrollo del pensamiento crítico en el curso de pregrado en Enfermería. Conclusión: los maestros sostuvieron opiniones positivas y señalaron que el pensamiento crítico se construye a lo largo de la vida y se considera inherente a la construcción de habilidades y destrezas profesionales.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Ensino/educação , Pensamento , Educação em Enfermagem/métodos , Docentes de Enfermagem , Brasil , Epidemiologia Descritiva , Pesquisa Qualitativa , Aprendizagem
2.
Texto & contexto enferm ; 29: e20180441, Jan.-Dec. 2020. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1059132

RESUMO

ABSTRACT Objective: To analyze the limitations, strategies, importance and obstacles in mental health education in undergraduate nursing, focused on the role of nurses in Primary Health Care. Method: An exploratory descriptive study conducted with 103 professors in the mental health area of Bachelor/Postgraduate nursing courses from 89 public Higher Education Institutions in the five regions of Brazil. Results: Only 23.3% (24) of the professors teach mental health classes only in primary health care. Of the sample, the limitations to teaching in primary care education are few class hours (46.6%), faculty to expand teaching beyond specialty settings (38.8%), and prioritization of other scenarios (48.5%). When teaching, the strategies used are home visits (43.7%), educational actions (34.0%) and active search for mental health cases (29.1%). The professors consider them important to support mental health actions (58.3%); and the barriers are the lack of articulation between the Collective Health and Health disciplines to conduct teaching (87.5%). Conclusion: It is suggested that the institutions, courses and professors make the commitment and focus efforts to overcome the gaps, which hinder the nurse's education process regarding primary knowledge in mental health, so that they can offer care to patients in psychological distress in the context of the community, as well as strengthen national mental health policy.


RESUMEN Objetivo: analizar limitaciones, estrategias, importancia y obstáculos en el ejercicio de la enseñanza de salud mental en la carrera de grado de Enfermería, para el desempeño de los enfermeros en la Atención Primaria de la Salud. Método: estudio descriptivo y exploratorio realizado con 103 docentes del área de salud mental de las carreras de Licenciatura/Post-grado en Enfermería de 89 Instituciones de Enseñanza Superior públicas de las cinco regiones de Brasil. Resultados: solamente el 23,3% (24) de los docentes se desempeñan en la enseñanza de salud mental apenas en la atención primaria de la salud. A partir de la muestra, las limitaciones para dictar clases en la atención primaria son la escasa carga horaria (46,6%), la poca cantidad de docentes para expandir la enseñanza fuera de los ámbitos de la especialidad (38,8%) y la priorización de otros ámbitos (48,5%). Cuando se realiza, las estrategias utilizadas son la visita domiciliaria (43,7%), acciones educativas (34,0%) y búsqueda activa de casos de salud mental (58,3%) y, como obstáculo, se erige la falta de articulación entre las asignaturas de Salud Colectiva y Salud para ejercer la docencia (87,5%). Conclusión: se sugiere que las instituciones, las carreras universitarias y los docentes asuman el compromiso y centren sus esfuerzos en superar las deficiencias que dificultan el proceso de formación de los enfermeros sobre los conocimientos primarios en salud mental, para que dichos profesionales puedan ofrecer atención a personas que padecen enfermedades psíquicas en el contexto de la comunidad, además de fortalecer la política nacional de salud mental.


RESUMO Objetivo: analisar limitações, estratégias, importância e entraves na condução do ensino de saúde mental na graduação em Enfermagem para a atuação do enfermeiro na Atenção Primária à Saúde. Método: estudo descritivo exploratório, realizado com 103 docentes da área de saúde mental de cursos de bacharelado/licenciatura em enfermagem de 89 Instituições de Ensino Superior públicas das cinco regiões do Brasil. Resultados: somente (24) 23,3% dos docentes conduzem o ensino de saúde mental apenas na atenção primária à saúde. Da amostra, as limitações para conduzir o ensino na atenção primária são pouca carga horária (46,6%), docentes para expandir o ensino além dos cenários de especialidade (38,8%), e priorização de outros cenários (48,5%). Quando conduzido, as estratégias utilizadas são visita domiciliar (43,7%), ações educativas (34,0%), busca ativa de casos de saúde mental (29,1%). Os docentes consideram importante para subsidiar ações em saúde mental (58,3%), e como entrave, a falta de articulação entre as disciplinas de Saúde Coletiva e Saúde para conduzir o ensino (87,5%). Conclusão: sugere-se que as instituições, cursos e docentes assumam o compromisso e centrem esforços para superar as lacunas, que dificultam o processo formativo do enfermeiro sobre conhecimentos primários em saúde mental, para que estes consigam ofertar cuidado para a sujeito em sofrimento psíquico no contexto da comunidade bem como fortalecer a política nacional de saúde mental.


Assuntos
Humanos , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Instituições Acadêmicas , Saúde Mental , Enfermagem , Currículo , Atenção Primária à Saúde , Conhecimento , Educação em Enfermagem , Bacharelado em Enfermagem , Docentes
4.
Texto & contexto enferm ; 29: e20180314, Jan.-Dec. 2020. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1101976

RESUMO

ABSTRACT Objective: to evaluate the Empathic Orientation in Nursing students of the Universidad Metropolitana of Barranquilla (Colombia). Method: a descriptive, exploratory and transversal study in which the Jefferson Medical Empathy Scale in an anonymous and confidential manner was applied to 489 students from the first to fourth undergraduate year of the Nursing Program of the Universidad Metropolitana (Barranquilla, Colombia); the corresponding ethical and methodological rigor was kept. Results: the ANOVA results were not significant in the Academic Year factor and in the interaction (p=0.261), but significant by Gender. It was observed that behavior was different in both genders. The masculine gender tends to descend between the first and third undergraduate year and female gender also descends between first and second undergraduate year to later reach the average levels of empathy of the male gender. Conclusion: the results obtained show that the means of the variable studied do not show a great difference between the different undergraduate courses, nevertheless, a slight increase in the fourth undergraduate year is observed. There were significant differences between genders, the scores observed in men students were higher than those obtained from women students.


RESUMO Objetivo: avaliar a orientação empática em estudantes de enfermagem da Universidad Metropolitana de Barranquilla (Colombia). Método: estudo descritivo, exploratório e transversal, no qual a Escala de Empatia Médica de Jefferson, de forma anônima e confidencial, foi aplicada a 489 alunos do primeiro ao quarto ano de graduação do Programa de Enfermagem da Universidad Metropolitana (Barranquilla, Colombia). o rigor ético e metodológico correspondente foi mantido. Resultados: os resultados da ANOVA não foram significativos no fator Ano Acadêmico e na interação (p=0,261), mas significativos por Gênero. Observou-se que o comportamento foi diferente em ambos os sexos. O gênero masculino tende a descer entre o primeiro e o terceiro ano de graduação e o gênero feminino também desce entre o primeiro e o segundo ano de graduação para atingir posteriormente os níveis médios de empatia do gênero masculino. Conclusão: os resultados obtidos mostram que as médias da variável estudada não apresentam grande diferença entre os diferentes cursos de graduação. no entanto, observa-se um ligeiro aumento no quarto ano de graduação. Houve diferenças significativas entre os sexos, os escores observados nos estudantes do sexo masculino foram superiores aos obtidos nas estudantes do sexo feminino.


RESUMEN Objetivo: evaluar la orientación empática en estudiantes de enfermería de la Universidad Metropolitana de Barranquilla (Colombia). Método: un estudio descriptivo, exploratorio y transversal en el que se aplicó la Escala de Empatía Médica de Jefferson de forma anónima y confidencial a 489 estudiantes del primer a cuarto año de pregrado del Programa de Enfermería de la Universidad Metropolitana (Barranquilla, Colombia); guardando el rigor ético y metodológico correspondiente. Resultados: los resultados de ANOVA no fueron significativos en el factor Año Académico y su interacción (p=0.261), pero significativos para género. Se observó que el comportamiento fue diferente en ambos géneros. El género masculino tiende a descender entre el primer y tercer año de pregrado, y el Género femenino también desciende entre el primer y segundo año de pregrado para luego alcanzar los niveles promedio de empatía del género masculino. Conclusión: los resultados obtenidos muestran que las medias de la variable estudiada no muestran gran diferencia entre los diferentes cursos de pregrado, sin embargo, se observa un ligero aumento en el cuarto año de pregrado. Hubo diferencias significativas entre géneros, las puntuaciones observadas en los estudiantes hombres fueron más altas que las obtenidas en las mujeres estudiantes.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Adulto Jovem , Enfermagem , Educação em Enfermagem , Empatia , Estudantes , Estudantes de Enfermagem , Universidades , Comportamento
5.
Texto & contexto enferm ; 29: e20190104, Jan.-Dec. 2020.
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1101972

RESUMO

ABSTRACT Objective: to compare the moral values that nursing teachers and students consider important for vocational training with those they believe are promoted throughout undergraduate study. Method: a qualitative research; an ethnographic study conducted at a public nursing school in the state of Rio de Janeiro, in 2018, involving 40 interviews with teachers and students and a participant observation phase. Results: the moral values that teachers and students consider important for vocational training, as well as those that are promoted, converge on prudence, respect, responsibility, and empathy. It is noteworthy that the knowledge was much cited by the respondents and this article interpreted it as prudence. However, in relation to the values promoted during undergraduation, students warn that these are stimulated when referring to the binomial student-user of health, because they do not feel to the same intensity the presence of these moral values in the teacher-student relationship. Conclusion: a powerful strategy for teaching about moral values is to promote the care of their own students, teachers and staff. In this way, mismatches are avoided between what is said and what is done by experiencing values such as prudence, respect, responsibility and empathy within interpersonal relationships and in the daily life of the school.


RESUMEN Objetivo: comparar los valores morales que los profesores y estudiantes de enfermería consideran importantes para la formación profesional con los que creen que se promueven a lo largo de la carrera de grado. Método: investigación cualitativa; un estudio etnográfico realizado en el año 2018 en una facultad pública de enfermería del estado de Río de Janeiro, por medio de 40 entrevistas con profesores y estudiantes y una fase de observación de los participantes. Resultados: los valores morales que los profesores y estudiantes evalúan como importantes para la formación profesional, al igual como los que se promueven, convergen en la prudencia, el respeto, la responsabilidad y la empatía. Cabe destacar que el conocimiento fue muy citado por los entrevistados y, en este artículo, se lo interpretó como prudencia. Pese a ello, en relación con los valores promovidos a lo largo de la carrera de grado, los estudiantes manifiestan que se los fomenta cuando se refieren al binomio estudiante-usuario de servicios de salud, puesto que no sienten con la misma intensidad la presencia de estos valores en la relación profesor-estudiante. Conclusión: estamos frente a una poderosa estrategia para enseñar sobre los valores morales y promover el cuidado de sus propios estudiantes, profesores y personal administrativo. De esta manera, se evitan desencuentros entre lo que se dice y lo que se hace al respetar valores como la prudencia, el respeto, la responsabilidad y la empatía dentro de las relaciones interpersonales y en la vida cotidiana de la facultad.


RESUMO Objetivo: comparar os valores morais que professores e estudantes de enfermagem consideram importantes para a formação profissional com aqueles que eles acreditam que são promovidos ao longo da graduação. Método: pesquisa qualitativa; um estudo etnográfico realizado em uma faculdade pública de enfermagem do estado do Rio de Janeiro, em 2018, envolvendo 40 entrevistas com professores e estudantes e uma fase de observação participante. Resultados: os valores morais que os professores e estudantes avaliam ser importantes para a formação profissional, bem como aqueles que são promovidos, convergem para a prudência, o respeito, a responsabilidade e a empatia. Vale destacar que o conhecimento foi muito citado pelos entrevistados e, este artigo, interpretou-o como prudência. Todavia, em relação aos valores promovidos ao longo da graduação, os estudantes alertam que estes são estimulados quando referem-se ao binômio estudante-usuário de saúde, pois não sentem na mesma intensidade a presença desses valores morais na relação professor-estudante. Conclusão: uma potente estratégia para ensinar sobre os valores morais é promover o cuidado dos seus próprios estudantes, professores e funcionários. Dessa maneira, evitam-se desencontros entre o que se diz e o que se faz ao vivenciar os valores como a prudência, o respeito, a responsabilidade e a empatia dentro das relações interpessoais e no cotidiano da faculdade.


Assuntos
Humanos , Adulto , Teoria Ética , Ética , Moral , Estudantes de Enfermagem , Ensino , Enfermagem , Pesquisa Qualitativa , Educação em Enfermagem , Ética em Enfermagem , Docentes , Relações Interpessoais
6.
Texto & contexto enferm ; 29: e20180362, Jan.-Dec. 2020. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1059141

RESUMO

ABSTRACT Objective: to evaluate the effectiveness of the Active Teaching Model for Critical Thinking in a first aid course for undergraduate nursing students. Method: a clinical, randomized, single blind and parallel trial, conducted at the Federal University of Viçosa (Brazil) in November 2016 with 102 undergraduate nursing students divided into experimental group and control group. In the experimental group, the Problem Based Learning methodology associated with the Active Teaching Model for Critical Thinking was used and, in the control group, only the Problem Based Learning methodology was employed to assess the difference in the average knowledge level of the groups, a test with 25 questions was applied before and after the educational intervention. To identify the effect of the measurement factors on the tests, the analysis of variance was used. Result: a significant interaction effect was observed (F1.100=11.138; p=0.001), indicating that the experimental group showed an improvement in the mean value of the grades between the pre- and post-test, with a high magnitude (d=1.10) Conclusion: the teaching model was effective, being demonstrated by the performance of the experimental group, which presented significantly higher results in terms of knowledge. Brazilian Registry of Clinical Trials, number U1111-1176-5343.


RESUMEN Objetivo: evaluar la efectividad del Modelo de Enseñanza Activa para el Pensamiento Crítico en un curso de primeros auxilios para estudiantes universitarios de enfermería. Método: ensayo clínico, aleatorizado, ciego simple y paralelo, realizado en la Universidad Federal de Viçosa (Brasil) en noviembre de 2016, con 102 estudiantes universitarios de enfermería, divididos en un grupo y uno de control. En el grupo experimental se utilizó la metodología del Problem Based Learning asociada al Modelo de Enseñanza Activa para el Pensamiento Crítico y, en el grupo de control, se utilizó solamente la metodología del Problem Based Learning. Para evaluar la diferencia del nivel de conocimiento medio entre los grupos se aplicó una prueba con 25 preguntas, antes y después de la intervención educativa. Para identificar el efecto de los factores de medida de las pruebas se utilizó el análisis de varianzas. Resultado; se observó un efecto de interacción significativo (F1,100=11,138; p=0,001), lo que indica que el grupo experimental presentó una mejoría en la media de las notas entre antes y después de la prueba, con una magnitud elevada (d=1,10). Conclusión: el modelo de enseñanza fue efectivo, lo que quedó demostrado por el desempeño del grupo experimental, que presentó resultados significativamente mayores en términos de conocimiento. Registro Brasileño de Ensayos Clínicos, número U1111-1176-5343.


RESUMO Objetivo: avaliar a efetividade do Modelo de Ensino Ativo para o Pensamento Crítico em um curso de primeiros socorros para estudantes de graduação em enfermagem. Método: ensaio clínico, randomizado, unicego e paralelo, realizado na Universidade Federal de Viçosa (Brasil). Em novembro de 2016, com 102 estudantes de graduação em enfermagem divididos em grupo experimental e grupo controle. No grupo experimental, foi utilizada a metodologia do Problem Based Learning associada ao Modelo do Ensino Ativo para o Pensamento Crítico e, no grupo controle, foi utilizada apenas a metodologia do Problem Based Learning. Para avaliar a diferença do nível de conhecimento médio dos grupos, foi aplicado teste com 25 questões, antes da intervenção educativa e após. Para identificar o efeito dos fatores de medida nos testes, foi utilizado análise de variância. Resultado: foi observado efeito de interação significativo (F1,100=11,138; p=0,001), indicando que o grupo experimental apresentou melhora na média das notas entre o pré e pós-teste, com elevada magnitude (d=1,10). Conclusão: o modelo de ensino foi efetivo, sendo demonstrado pelo desempenho do grupo experimental, que apresentou resultados significativamente maiores em termos de conhecimento. Registro Brasileiro de Ensaios Clínicos número U1111-1176-5343.


Assuntos
Humanos , Adulto Jovem , Estudantes de Enfermagem , Enfermagem , Aprendizagem Baseada em Problemas , Educação em Enfermagem , Primeiros Socorros , Estudantes , Ensino , Ensaio Clínico
7.
Estima (Online) ; 18(1): e0620, jan.-dez. 2020.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1099472

RESUMO

Objetivo: descrever os sentidos de ser estomaterapeuta considerando a complexidade do processo de cuidar de pessoas com feridas, estomias e incontinências. Método: Estudo de natureza qualitativa, do tipo descritivo-exploratório, realizado por meio de entrevista semiestruturada, entre os meses de janeiro a abril de 2018, com 22 egressos de um curso de Especialização em Enfermagem em Estomaterapia de uma universidade pública da região Sudeste, seguindo a técnica de snowball. Realizou-se, ainda, a pesquisa documental, a fim de complementar a análise dos dados. Resultados: Os egressos entrevistados relataram que ser estomaterapeuta é cuidar das pessoas que apresentam alguma ferida, estomia e/ou incontinência, ou seja, reconheceram a essência da especialidade. Destacaram que ser estomaterapeuta é cuidar de pessoas que podem ser marginalizadas/estigmatizadas pela sociedade, é trabalhar com foco na reabilitação do paciente, buscando sua reintegração social e independência e é saber ser empreendedor. Conclusão: O sentido de ser estomaterapeuta envolve inserir-se em uma especialidade que confere flexibilidade de atuação no mercado de trabalho e caráter empreendedor, o qual confere reconhecimento profissional e até satisfação financeira. Sugere-se, assim, que novos estudos sejam realizados nessa área, contribuindo para os campos da assistência, ensino, pesquisa e extensão


Assuntos
Enfermagem , Educação em Enfermagem
8.
Soins ; 65(846): 16-19, 2020 Jun.
Artigo em Francês | MEDLINE | ID: mdl-33012411

RESUMO

Nurse training was profoundly remodelled following publication of the 2009 reference framework. Signalling the entry into the bachelor-master-doctorate system, and likewise the academisation process, this document modified training engineering, teaching approaches, partnerships and organisations. Interprofessional collaboration has become essential.


Assuntos
Educação em Enfermagem/organização & administração , França , Humanos , Relações Interprofissionais , Pesquisa em Educação de Enfermagem
9.
Soins ; 65(846): 20-22, 2020 Jun.
Artigo em Francês | MEDLINE | ID: mdl-33012412

RESUMO

For 70 years, nurse training has been regularly reformed as knowledge and practices evolve. The 2009 reform is part of a professionalisation approach, with training supported by university. More than ten years after it came into force, the analysis of incidents encountered by students during clinical internships highlights two training points that need to be reinforced: acquisition of clinical reasoning and construction of a nursing identity.


Assuntos
Educação em Enfermagem/organização & administração , Internato e Residência , Estudantes de Enfermagem/psicologia , Humanos , Pesquisa em Educação de Enfermagem , Universidades
10.
Soins ; 65(846): 23-25, 2020 Jun.
Artigo em Francês | MEDLINE | ID: mdl-33012413

RESUMO

The terms for recruiting nursing students changed in 2018 in favour of Parcoursup, putting an end to the entrance exam. The first class recruited via this national platform took its first steps in training in September 2019. The enthusiasm of young people for the sector was very high, leading to a modification of the rules for 2020-2021.


Assuntos
Educação em Enfermagem/organização & administração , Critérios de Admissão Escolar , Estudantes de Enfermagem/psicologia , Adolescente , Emoções , Humanos , Pesquisa em Educação de Enfermagem
11.
Soins ; 65(846): 26-28, 2020 Jun.
Artigo em Francês | MEDLINE | ID: mdl-33012414

RESUMO

With the 2009 reference frame, nurse training transformed and moved close to universities with a new organisation of teaching. Integration into the university system is not yet complete. However, it is necessary in order to modernise and enhance the value of training and the profession.


Assuntos
Educação em Enfermagem/organização & administração , Estudantes de Enfermagem/psicologia , Universidades/organização & administração , Humanos
12.
Soins ; 65(846): 29-31, 2020 Jun.
Artigo em Francês | MEDLINE | ID: mdl-33012415

RESUMO

With the 2009 reference frame, the internship became a clinical apprenticeship. It is not up to the supervisors in the departments and in the training environment to assess the student, but the tutor. Disparities in learning persist, often linked to the organisation of the departments.


Assuntos
Educação em Enfermagem/organização & administração , Internato e Residência/organização & administração , Relações Interprofissionais , Humanos , Aprendizagem , Pesquisa em Educação de Enfermagem , Organização e Administração , Estudantes de Enfermagem/psicologia
13.
Soins ; 65(846): 32-34, 2020 Jun.
Artigo em Francês | MEDLINE | ID: mdl-33012416

RESUMO

The 2009 training reference frame was designed in accordance with the development of students' learning capacities and the French health context. As part of this necessary development, nurse training is based on a three-party contract between the student, the trainer and the internship tutor. The portfolio, used as an assessment aid and a tool to monitor learning, makes the progress and the acquisition of skills visible during the three years of training. As it is digitised, information concerning the internship can be shared in real time.


Assuntos
Educação em Enfermagem/organização & administração , Avaliação Educacional/métodos , Estudantes de Enfermagem/psicologia , Humanos , Internato e Residência , Aprendizagem
14.
Soins ; 65(846): 35-39, 2020 Jun.
Artigo em Francês | MEDLINE | ID: mdl-33012417

RESUMO

Digital technology is now an integral part of health training, offering many possibilities to diversify teaching methods. The apprenticeship has changed in a few years. Its challenges, means and methods are evolving and adapting to objectives which remain the same: to train autonomous, reflective and adaptable caregivers to give excellent quality care.


Assuntos
Educação em Enfermagem/organização & administração , Tecnologia , Humanos
15.
Soins ; 65(846): 48-51, 2020 Jun.
Artigo em Francês | MEDLINE | ID: mdl-33012421

RESUMO

The change of the nursing training reference frame took around 10 years to be fully adopted by educational teams and their partners. Some pitfalls, coupled with progress in the nursing discipline, show that a development is now necessary. Advanced practice, university integration, experimentations: the scope of possibilities is vast.


Assuntos
Educação em Enfermagem/organização & administração , Humanos
16.
Medicine (Baltimore) ; 99(40): e21668, 2020 Oct 02.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-33019384

RESUMO

BACKGROUND: One of the major challenges in nursing and medical education is to foster the critical thinking ability and autonomous learning ability for students. But the effect of different teaching methods on these abilities of nursing or medical students has not been conclusive, and few studies have directly compared the differences in the effects of different teaching methods. As a result, it is necessary for students to evaluate the impact of different teaching methods on critical thinking ability and autonomous learning ability. METHODS: A systematic search will be performed using Chinese National Knowledge Infrastructure, Wanfang Data (Chinese database), VIP Information (Chinese database), Chinese Biomedical Literature, and English language databases, including PubMed and Embase, Web of Science, CINAHL Complete (EBSCO0, Cochrane library to identify relevant studies from inception to July 10, 2020. We will include random controlled trials that evaluated the different teaching methods. The Quality Assessment of Diagnostic Accuracy Studies 2 quality assessment tool will be used to assess the risk of bias in each study. Standard pairwise meta-analysis and network meta-analysis will be performed using STATA V.12.0, MetaDiSc 1.40, and R 3.4.1 software to compare the diagnostic efficacy of different hormonal biomarkers. RESULTS: The results of this study will be published in a peer-reviewed journal. CONCLUSION: This study will summarize the direct and indirect evidence to determine the effectiveness of different teaching methods for medical or nursing students and attempt to find the most effective teaching method. ETHICS AND DISSEMINATION: Ethics approval and patient consent are not required, because this study is a meta-analysis based on published studies. INPLASY REGISTRATION NUMBER: INPLASY202070017.


Assuntos
Educação Médica/métodos , Educação em Enfermagem/métodos , Currículo , Educação Médica/normas , Educação em Enfermagem/normas , Humanos , Metanálise em Rede , Aprendizagem Baseada em Problemas/métodos , Revisões Sistemáticas como Assunto , Pensamento
17.
J Nurs Educ ; 59(10): 570-576, 2020 Oct 01.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-33002163

RESUMO

BACKGROUND: In March 2020, due to the COVID-19 pandemic, universities halted in-person education and health care pivoted to telehealth delivery models. This article describes a nurse-led educational program that transitioned to fully online delivery to prepare interprofessional teams of health care students to use telehealth during the pandemic and beyond. METHOD: Participants included 67 students from seven professions. Researchers developed "the four Ps of telehealth" model to guide the curriculum. The program used pre- and postassessments including the Confidence in Planning for Telehealth Scale, the Telehealth Etiquette Knowledge Scale, and the Confidence in Providing Telehealth Scale. RESULTS: There were significant improvements in scores on all scales following the program (p = .000). CONCLUSION: The results suggest that comprehensive telehealth education should focus on more than just delivering telehealth but also planning and preparing for its delivery. Programs such as this online program can serve as a model for future telehealth programs to prepare providers. [J Nurs Educ. 2020;59(10):570-576.].


Assuntos
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle , Educação a Distância/organização & administração , Educação em Enfermagem/organização & administração , Relações Interprofissionais , Pandemias/prevenção & controle , Pneumonia Viral/prevenção & controle , Telemedicina/organização & administração , Adulto , Infecções por Coronavirus/epidemiologia , Currículo , Feminino , Humanos , Masculino , Modelos Educacionais , Pesquisa em Educação de Enfermagem , Pesquisa em Avaliação de Enfermagem , Pneumonia Viral/epidemiologia , Estudantes de Enfermagem/psicologia , Estudantes de Enfermagem/estatística & dados numéricos , Estados Unidos/epidemiologia , Adulto Jovem
18.
J Nurs Educ ; 59(10): 570-576, 2020 Oct 01.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: covidwho-809871

RESUMO

BACKGROUND: In March 2020, due to the COVID-19 pandemic, universities halted in-person education and health care pivoted to telehealth delivery models. This article describes a nurse-led educational program that transitioned to fully online delivery to prepare interprofessional teams of health care students to use telehealth during the pandemic and beyond. METHOD: Participants included 67 students from seven professions. Researchers developed "the four Ps of telehealth" model to guide the curriculum. The program used pre- and postassessments including the Confidence in Planning for Telehealth Scale, the Telehealth Etiquette Knowledge Scale, and the Confidence in Providing Telehealth Scale. RESULTS: There were significant improvements in scores on all scales following the program (p = .000). CONCLUSION: The results suggest that comprehensive telehealth education should focus on more than just delivering telehealth but also planning and preparing for its delivery. Programs such as this online program can serve as a model for future telehealth programs to prepare providers. [J Nurs Educ. 2020;59(10):570-576.].


Assuntos
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle , Educação a Distância/organização & administração , Educação em Enfermagem/organização & administração , Relações Interprofissionais , Pandemias/prevenção & controle , Pneumonia Viral/prevenção & controle , Telemedicina/organização & administração , Adulto , Infecções por Coronavirus/epidemiologia , Currículo , Feminino , Humanos , Masculino , Modelos Educacionais , Pesquisa em Educação de Enfermagem , Pesquisa em Avaliação de Enfermagem , Pneumonia Viral/epidemiologia , Estudantes de Enfermagem/psicologia , Estudantes de Enfermagem/estatística & dados numéricos , Estados Unidos/epidemiologia , Adulto Jovem
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA