Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 835
Filtrar
1.
Nurs Outlook ; 67(3): 232-243, 2019.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-30826008

RESUMO

BACKGROUND: Maintaining a productive research enterprise within a college of nursing is multifaceted and complex. It is especially challenging when a college's mission transitions to address other priorities, and later attempts to re-emerge in the competitive funding environment and re-establish a productive research portfolio. PURPOSE: To describe how a college is rebuilding the research enterprise to meet the established research mission after a decade of marginal research productivity. STRATEGIES: Targeted multi-level strategies at the university, college, and individual levels are being implemented to enhance the research infrastructure and faculty capacity to increase research productivity. IMPACT: In the past five years, compared to the previous five years, annual faculty publications have doubled, annual extramural funding per tenure track faculty increased by 72%, and the College's average extramural sponsored award funding per year increased 118%. National Institutes for Research rankings moved from no ranking (2013) to top 31 (2017). DISCUSSION: Early results are positive and efforts to maintain and further grow the research enterprise will require sustained effort to meet ongoing challenges.


Assuntos
Pesquisa Biomédica/história , Pesquisa Biomédica/organização & administração , Escolas de Enfermagem/história , Escolas de Enfermagem/organização & administração , Universidades/história , História do Século XX , História do Século XXI , Humanos , South Carolina
2.
J R Coll Physicians Edinb ; 48(1): 78-84, 2018 Mar.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-29741534

RESUMO

The Deaconess Hospital, Edinburgh, opened in 1894 and was the first establishment of its kind in the UK, maintained and wholly funded as it was by the Reformed Church. Through its 96-year lifetime it changed and evolved to time and circumstance. It was a school: for the training of nurses and deaconesses who took their practical skills all over the world. It was a sanctum: for the sick-poor before the NHS. It was a subsidiary: for the bigger hospitals of Edinburgh after amalgamation into the NHS. It was a specialised centre: as the Urology Department in Edinburgh and the Scottish Lithotripter centre. And now it is currently student accommodation. There is no single source to account for its history. Through the use of original material made available by the Lothian Health Services Archives - including Church of Scotland publications, patient records, a doctor's casebook and annual reports - we review its conception, purpose, development and running; its fate on joining the NHS, its identity in the latter years and finally its closure.


Assuntos
Hospitais Religiosos/história , Escolas de Enfermagem/história , História do Século XIX , História do Século XX , Hospitais Religiosos/organização & administração , Hospitais de Ensino/história , Hospitais de Ensino/organização & administração , Missionários/educação , Missionários/história , Escócia , Medicina Estatal/história
5.
Nurs Adm Q ; 42(1): 35-42, 2018.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-29194331

RESUMO

A legacy project was launched in 2016 to research, capture, and record the history and voice of Kaiser Foundation School of Nursing alumni. The inspirational stories of these early nursing pioneers emerged within a disruptive and innovative health care system known as Kaiser Permanente. Led by a doctorally prepared nurse director, the new school boldly rejected the dominant social norms of the 1940s by welcoming minorities and offering an unprecedented curriculum that prioritized prevention, health promotion, and wellness over conventional institutionalized sick care models. Kaiser Foundation School of Nursing alumni became Kaiser Permanente's earliest nurse leaders, educators, and care advocates. They helped revolutionize the key concepts of integrated patient care. As early innovators, many graduates pursued advanced degrees and were instrumental in defining expanded nursing roles, including the introduction of nurse practitioners in California. How Kaiser Foundation School of Nursing transcended the traditions and cultural norms of the day offers a reflective narrative on the enduring leadership attributes of disruptive innovation and the nurse executive's role in reimagining care for future generations.


Assuntos
Educação em Enfermagem/história , Escolas de Enfermagem/história , Educação em Enfermagem/tendências , História do Século XX , História do Século XXI , Humanos
6.
Nurse Educ Today ; 61: 134-139, 2018 Feb.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-29197688

RESUMO

BACKGROUND: College of nursing leaders can foster organizational learning as a means of achieving their desired organizational outcomes. Organizational learning has not previously been studied in colleges of nursing, leaving college administrators and faculty little guidance as they strive to improve outcomes in their own colleges. OBJECTIVES: The purpose of this study was to discover new insights related to organizational learning in a college of nursing. DESIGN: The learning history method was used to document and describe organizational learning in a college of nursing. SETTING: This study was conducted with a college of nursing situated in a private, religious-based university in the western United States. PARTICIPANTS: Six stakeholders and 16 individuals familiar with the college's history were purposively recruited for this study. Participants included college administrators, faculty, students, alumni, and individuals with university-level responsibilities related to the college. METHODS: Semi-structured interviews and college artifacts were used to gather data. Data was reviewed and themes identified through a process called "distillation." FINDINGS: The college's vision, "Learning the Healer's Art" provides purpose and motivation within the college. Four themes provide additional insight into how the college established a learning culture and fosters behavior conducive to organizational learning: (1) Character and Quality, (2) Long-Term Perspective, (3) Collaborative Leadership and Adaptation, and (4) Mentoring. CONCLUSION: College of nursing leaders can foster organizational learning and pursue improvement within their colleges. Recommended actions include developing a shared vision for the college, building a cadre of qualified faculty and students who have strong personal character, maintaining a long-term perspective, using a collaborative approach to leadership and adaptation, and facilitating mentoring.


Assuntos
Aprendizagem , Objetivos Organizacionais , Escolas de Enfermagem/história , Educação em Enfermagem , Docentes , Feminino , História do Século XX , História do Século XXI , Humanos , Liderança , Masculino , Mentores , Melhoria de Qualidade , Estudantes de Enfermagem , Estados Unidos
7.
Belo Horizonte; s.n; 2018. 187 p. tab, ilus.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-915931

RESUMO

Esta pesquisa teve como objetivo analisar a trajetória histórica da Escola de Enfermagem da Universidade Federal de Minas Gerais, tendo como foco a sua federalização. O marco inicial (1950) corresponde ao ano da anexação da Escola de Enfermagem Carlos Chagas à Faculdade de Medicina, federalizada como unidade acadêmica da Universidade Federal de Minas Gerais por meio da Lei Federal 775/1949. O marco final (2004) foi escolhido por ser um ano de mudanças expressivas, como a aprovação do Doutorado e a criação do curso de Nutrição. Partiu-se do pressuposto que a Escola de Enfermagem assume um processo de crescente laicização e que a oferta desses dois cursos é o fechamento de um ciclo que solidifica a ideia da Escola como unidade acadêmica autônoma de uma universidade federal que possui potencialidades para formação de pesquisadores, integrando diversas áreas do saber em um mesmo lócus de produção de conhecimento científico. Optou-se pelo método históricodocumental com uso de fontes escritas e produção de documentação oral referente ao período de 1968-2004. A análise foi feita apoiada em Eliot Freidson (1996), por entendermos que ao estudar a institucionalização da Escola Carlos Chagas/Escola de Enfermagem da Universidade Federal de Minas Gerais, desvelou-se o processo de autonomização da Escola e os caminhos da profissionalização da enfermagem em Minas Gerais. Os dezoito primeiros anos da Escola de Enfermagem na estrutura da Universidade Federal de Minas Gerais têm como marcos o processo de anexação da Escola e a posterior desanexação da Faculdade de Medicina no bojo da Reforma Universitária (1968). Este período é marcado por uma gestão de enfermeiras irmãs de caridade e subordinação administrativa e financeira à Faculdade de Medicina, além da falta de assento das enfermeiras Carlos Chagas no Conselho Universitário. Apesar de ser um desejo expresso na fala das enfermeiras laicas professoras da Escola Carlos Chagas romper com a subordinação à Faculdade de Medicina, esta quebra só foi possível com a Reforma de 1968. A partir de 1967, a Escola de Enfermagem da Universidade Federal de Minas Gerais é reassumida pelas laicas, porém as décadas de 1970 e 1980, marcadas pela ditadura militar e pelo processo de redemocratização política do país, desvelam o aprendizado das enfermeiras em fazer gestão acadêmica universitária. Os cursos de especialização e articulações extensionistas voltados para o assistencial marcaram as iniciativas desse período. Em 1993, conseguiu-se a aprovação do curso de mestrado empreendido por professoras que romperam com o perfil extensionista e assistencial, que buscaram qualificação fora da Escola. O doutorado e o curso de Nutrição, iniciados em 2004, permitiram integrar a Escola de Enfermagem aos ideais de uma universidade federal, produzindo pesquisas, qualificando o corpo docente da instituição, expandindo o espaço físico e as possibilidades de interfaces entre os saberes na saúde e o diálogo da Escola com o sistema de saúde. A percepção de necessidade de crescimento da Escola foi amplamente influenciada pela sua integração com redes de fomento, programas e projetos como Fundação Kellogg; Programa de Desenvolvimento da Enfermagem; Projeto de Profissionalização dos Trabalhadores da Área de Enfermagem; Projetos Integração Docente Assistencial, UNI e REDE UNIDA. Concluiu-se que a enfermagem é um caso de sucesso na perspectiva de investimento do Estado em saúde pública e que a Escola de Enfermagem da Universidade Federal de Minas Gerais incorporou status profissional e se reconfigurou à medida em que assumiu a laicização, firmando-se como referência na formação de recursos humanos para a enfermagem, delineando os rumos da profissionalização em enfermagem no estado de Minas Gerais com repercussão nos cenários da enfermagem brasileira e da América Latina e no Sistema Único de Saúde.(AU)


This research was intended to analyze the historical trajectory of the School of Nursing of the Federal University of Minas Gerais, focusing on its federalization. The initial milestone (1950) corresponds to the year of the attachment of School of Nursing of the Federal University of Minas Gerais to the Faculty of Medicine, federalized as an academic unit of the Federal University of Minas Gerais through Federal Law 775/1949. The final milestone (2004) was selected due to the fact of being a year of significant changes, such as the approval of the Doctoral degree and the establishment of the Nutrition undergraduate course. Starting from the assumption that the School of Nursing takes on a process of growing secularisation and that the provision both of these courses is seen as the closing of a cycle that consolidates the idea of the School as an autonomous academic unit of a Federal University that has strengths in the training of researchers and that integrates several areas of knowledge in the same locus of production of scientific knowledge. The chosen method was the historical-documentary with the use of written and oral sources. The analysis was supported on Eliot Freidson (1996), as understood that during the study of the School Carlos Chagas / School of Nursing of the Federal University of Minas Gerais, a process of independence of the School was unveiled and the paths of the professionalization of nursing in the Minas Gerais. The School of Nursing's eighteen first years inside the Federal University of Minas Gerais structure has the milestones the School annexation process and the later disengagement from the Faculty of Medicine during the University Reform (1968). This phase is marked by a management of sister nurses of charity and administrative and financial subordination to Faculty of Medicine, besides the lack of chair in the University Council. Although it was an express desire from the lay nurses teachers of Carlos Chagas School to break up from the Faculty of Medicine subordination, the break up was possible only with the 1968 Reform. From 1967, School of Nursing of the Federal University of Minas Gerais is reassumed by the lay nurses, but the decades of 1970 and 1980, marked by the military dictatorship and the process of political re-democratization of the country, unveil the nurses' learning in the field of university management. Accordingly, the specialization courses and extensionist joints directed to the health care marked the initiatives of this period. In 1993, teachers who broke with the extensionist and care-centered profile managed to approve the masters' degree course, who sought qualification beyond the borders of School of Nursing of the Federal University of Minas Gerais. The doctoral degree and the Nutrition undergraduate course, started in 2004, enabled the School to integrate the ideals of a federal university, thus producing researches, qualifying the teaching staff of the institution, expanding physical space and the interface possibilities between the health knowledge and the School's dialogue with the healthcare system. The perception of the need for expanding the School was significantly influenced by its integration with research promotion networks such as the Kellogg Foundation; the Nursing Development Program; the Project of Professionalization of Nursing Workers; Assistance Teacher Integration, UNI and REDE UNIDA projects. The conclusion is that the nursing is a success case in the perspective of State investment in public healthcare and that the School of Nursing of the Federal University of Minas Gerais incorporated professional status and has been reconfiguring itself as long the laicinization was embraced, securing as reference in the human resources formation for nursing, outlining the nursing professionalization trends in the Minas Gerais state, reverberating the scenarios of Brazilian nursing and Latin America and the Unified Health System.(AU)


Assuntos
Humanos , Escolas de Enfermagem/história , História da Enfermagem , Estudos Retrospectivos , Dissertação Acadêmica , Federalismo , Educação de Pós-Graduação em Enfermagem
8.
J Pak Med Assoc ; 67(12): 1889-1894, 2017 Dec.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-29256536

RESUMO

Nurses are primary care providers and are responsible for caring of patients. Since centuries, the nursing profession has been known as a profession only for females. Therefore, the history of nurses in early ages only states the role of the female, although males at that time also took part in patient-care along with females. The aim of this paper is to provide detailed review of national and international literature available related to male nursing students, and their experiences in the nursing profession.


Assuntos
Enfermeiros , Escolas de Enfermagem , Competência Cultural , História do Século XV , História do Século XVI , História do Século XIX , História do Século XX , História do Século XXI , História Antiga , História Medieval , Humanos , Masculino , Enfermeiros/história , Enfermeiros/organização & administração , Paquistão , Escolas de Enfermagem/história , Escolas de Enfermagem/organização & administração , Estereotipagem
9.
Acta Med Hist Adriat ; 15(1): 109-138, 2017 06.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-28767265

RESUMO

Midwifery in Dalmatia was highly undeveloped at the beginning of the XIX century. The health report from 1813 suggested that there were only 48 midwives in the whole province, and none of them with a degree from the midwifery school. After abolishing the Central Schools ("Ecoles Centrales"), which were founded at the time of French reign, and which had the university range, the professors who stayed in Zadar continued their work and teaching in the Midwifery School, which was founded in 1820 according to the decision made by Emperor Franz I, and started working in 1821. Since the school was working continuously for the whole century, a lot of professors and principals passed through. Protomedicus of Dalmatia officially performed the duty of principals of the Midwifery School. Their life and work biographies were gathered in this paper. Although the newcomers were mostly illiterate, very contemporary and valuable textbooks were used at that time. The professors of this school wrote some of these textbooks. This paper analyses those textbooks from the current medical science and praxis point of view, which points out to its significance and contribution of its authors to the reputation that the School enjoyed at that time.


Assuntos
Tocologia/história , Escolas de Enfermagem/história , Livros de Texto como Assunto/história , Croácia , História do Século XIX , História do Século XX , História do Século XXI
10.
Rev Gaucha Enferm ; 37(spe): e69074, 2017 Jul 20.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-28746499

RESUMO

Objective: To analyze the strengths and weaknesses found in the implementation process of the Nursing Certificate Program at the Instituto Federal de Santa Catarina (Federal Institute of Santa Catarina), in the 2000s. Method: Socio-historical research with a qualitative approach. Oral history as a method source for data collection between June/September 2015, with thematic analysis. Seven professionals participated in the study, resulting in three categories: Recognition of the Nursing Certificate Program in the community and work market; Weaknesses faced by the course; Strengths during the implementation of the course. Results: The course was accepted by the labor market, resulting in an increased demand. As weaknesses: insufficient materials and structure, few teachers, course is offered every two years and no understanding of the stages by the institution. As strengths: commitment of teachers, management support and incentives to perform research. Final considerations: Despite the weaknesses, the strengths contributed to the implementation of the Nursing Certificate Program overcoming challenges, ensuring improvement in vocational training.


Assuntos
Academias e Institutos/organização & administração , Certificação/organização & administração , Educação em Enfermagem/organização & administração , Escolas de Enfermagem/organização & administração , Academias e Institutos/história , Brasil , Certificação/normas , Relações Comunidade-Instituição , Educação em Enfermagem/normas , Emprego , Docentes de Enfermagem , História do Século XX , Humanos , Avaliação de Programas e Projetos de Saúde , Pesquisa Qualitativa , Escolas de Enfermagem/história
11.
Br J Nurs ; 26(5): 266-271, 2017 Mar 09.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-28328273

RESUMO

Niall McCrae, Lecturer, and Katerina Kuzminska, Postgraduate Nursing Student, Florence Nightingale Faculty of Nursing and Midwifery, King's College, London, chart the influences of Nightingale's Poor Law infirmary reforms.


Assuntos
Educação em Enfermagem/história , Enfermagem/organização & administração , Escolas de Enfermagem/história , História da Enfermagem , História do Século XIX , História do Século XX , Hospitais , Humanos , Londres , Reino Unido
13.
Enfoque (Panama) ; 20(16): 26-45, Ene.jun.2017.
Artigo em Espanhol | BDENF - Enfermagem | ID: bde-32885

RESUMO

El presente artículo, representa nuestras memorias como Estudiante de Enfermería en laFacultad de Ciencias Naturales y Farmacia, que representó la Facultad que “anidó la Escuela deEnfermería” en la Universidad de Panamá hasta que se transformó en la Facultad de Enfermeríade la Universidad de Panamá en 1985 y como se fue dando el proceso y evolución de la PrimeraEscuela de Enfermería a nivel Universitario en la República de Panamá, transformándose enFacultad de Enfermería.Presentamos parte del proceso de evolución, donde algunas de las Estudiantes deEnfermería de los primeros grupos se han transformado en profesoras Catedráticas en diferentesdepartamentos, realizando estudios de Licenciatura, Maestría, y Doctorados que representan latransformación académica de una Escuela que nació en 1967 y ahora es una Facultad pujante conprogramas de Maestrías Académicas y Profesionales, también contamos con un programa Doctoralen Enfermería con Énfasis en Salud Internacional.Con la esperanza que sigan realizando memorias del proceso Evolutivo de la Carrera deEnfermería de Panamá, que cumple en febrero 2017 sus primeros 50 años de labores Académicascontinuas con miras a seguir desarrollando en el futuro, nuevas generaciones de Profesionales deEnfermería, para mejorar la salud de individuos, familias y comunidades, de Panamá y del Mundo.(AU)


The present article, represents our memories as Student of the School of Nursing at the Faculty ofNatural Science and Pharmacy that nested the first School of Nursing until its transformation into theFaculty of Nursing at University level in the University of Panamá, becoming this Nursing School the firstNursing School at University level born in the year 1967 in the Republic of Panama, celebrating its 50Aniversary on February 2017 at high academic level, that is since 1985, the Nursing Faculty of theUniversity of Panamá.We are presenting part of the process of evolutional were some of the first Nursing Studentsgraduated with the Bachelor in Nursing Program, became Assistant professors, Professors with Masterlevel, to Doctoral Degree and Post-Doctoral Studies in Nursing and Public Health, being academics ofdifferent departments.The stages of academic development are presented since the Degree in Nursing, Bachelor inNursing Science, Master levels, and the Doctoral in Nursing with Emphasis in International Healthprograms.Actually, nursing at the University of Panama had showed an interesting evolution process, that weare initiating the Acreditation of Nursing to accomplish the Globalization demands.Our hopes are that, the process of evolution of Nursing in Panamá continue, as the first generationof nurse’s graduated at the University of Panama, make the efforts to develop Nursing of Panama, for thewell-being of the individuals, families and communities of the Republic of Panama and the World.(AU)


Este artigo representa nossas memórias como estudante de Enfermagem na Faculdade deCiências Naturais e Farmácia, que representou a Faculdade que aninhava a Escola de Enfermagemda Universidade de Panamá até ser transformada na Faculdade de Enfermagem da Universidadede Panamá em 1985 e como foi o processo e evolução da primeira Escola de Enfermagem de níveluniversitário na República do Panamá, tornando-se a Escola de Enfermagem.Apresentamos parte do processo de evolução, onde alguns dos estudantes deEnfermagem dos primeiros grupos se tornaram professores em diferentes departamentos,realizando estudos de Bacharelado, Mestrado e Doutorado que representam a transformaçãoacadêmica de uma Escola que nasceu em 1967 e agora é uma Faculdade próspera com programasde Mestrado Acadêmico e Profissional, além de um programa de Doutorado em Enfermagem comÊnfasis em Saúde Internacional.Mantemos a esperança de que as memórias continuem a ser feitas no processo evolutivo da carreirade enfermagem no Panamá, que em fevereiro de 2017 completa seus primeiros 50 anos de trabalhoacadêmico contínuo com vistas a desenvolver, no futuro, novas gerações de profissionais deenfermagem, para melhorar a saúde dos indivíduos, das famílias e das comunidades, do Panamá edo mundo.(AU)


Assuntos
Humanos , Escolas de Enfermagem/história , Pesquisa em Avaliação de Enfermagem , Educação em Enfermagem , Docentes de Enfermagem/história , Tecnologia Educacional , Educação Continuada em Enfermagem , Congressos como Assunto
14.
Dynamis (Granada) ; 37(2): 317-343, 2017.
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-168861

RESUMO

Este artículo identifica y describe una serie de procesos históricos que contribuyeron, junto a la formación académica, a la profesionalización de la enfermería entre las décadas de 1930 y 1950 en Chile, alejando gradualmente la asociación de este oficio con el ejercido por el servicio doméstico. A través de la revisión de fuentes documentales como monografías y publicaciones periódicas de naturaleza médico-asistencial, el artículo examina los debates públicos respecto de los vínculos que las enfermeras establecieron con la comunidad médica y otros oficios paramédicos; el impacto de la formación fuertemente influenciada por la experiencia norteamericana; su gradual especialización sanitaria y su papel en las políticas materno-infantiles. En el marco de la profesionalización de oficios sanitarios ejercidos casi exclusivamente por la población femenina, sustentada en las clásicas atribuciones a dicho género, el artículo explora algunos efectos de estos procesos en la formación de las enfermeras que posibilitaron la conformación de una identidad profesional que progresivamente experimentaba el reconocimiento de la comunidad médica, y que alcanzaba mayores niveles de autonomía en el ejercicio de sus tareas específicas hacia mediados del siglo XX chileno (AU)


No disponible


Assuntos
Humanos , Profissionalismo/história , Escolas de Enfermagem/história , Educação em Enfermagem/história , História da Enfermagem , Especialidades de Enfermagem/história , Chile , Política de Saúde/história
15.
Rio de Janeiro; s.n; dez. 2016. 151 f p. ilus, graf, tab.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-847209

RESUMO

O foco deste estudo abarca as lutas, estratégias e repercussões simbólicas de enfermeiras para a criação e institucionalização do curso de Enfermagem na Universidade Federal de Alagoas (UFAL), no recorte temporal de 1973 até 1979, o qual contempla a criação e o reconhecimento pelo Ministério de Educação e Cultura do curso referido. A tese defendida é de que o suporte de enfermeiras americanas no contexto das ações desenvolvidas no âmbito do Convênio celebrado entre a universidade, o governo do estado e um projeto norte-americano foi essencial para acelerar as condições de criação do curso e de que a mobilização de professoras e alunas pioneiras propiciaram avanços simbólicos e concretos, para visibilidade e reconhecimento do trabalho de enfermagem perante a sociedade local e no espaço acadêmico. Os objetivos da pesquisa foram: Descrever o processo de criação e implantação do Curso de Graduação em Enfermagem na UFAL; Analisar as estratégias de luta das docentes pelo reconhecimento acadêmico no espaço universitário; e Discutir os efeitos simbólicos advindos da inserção do curso de graduação em enfermagem na Universidade Federal de Alagoas. A tese encontra suporte teórico nas contribuições do sociólogo Pierre Bourdieu, quando aborda os conceitos de campo, habitus, capital, luta simbólica, poder simbólico e violência simbólica, que se mostraram fecundos para analisar aspectos explícitos e subjacentes aos achados da investigação. As fontes consultadas foram: depoimentos orais resultantes da transcrição de 24 entrevistas (13 professoras enfermeiras; 3 alunas da primeira turma que após a formatura ingressaram como docentes; 4 alunas da primeira turma; 2 enfermeiras norte-americanas; e 2 professores do curso de medicina), alguns destes depoimentos estavam arquivados no acervo do Laboratório de Documentação e Pesquisa em História da Enfermagem ­ LADOPHE do curso de Enfermagem da UFAL; atas, portarias, declarações, boletins, memorandos e ofícios constantes em alguns setores da UFAL (Arquivo Central, Coordenação do Curso de Enfermagem, Conselho Universitário, Departamento de Registro e Controle Acadêmico); documentos arquivados no LADOPHE; documentos cedidos pelo projeto norte-americano; e documentos cedidos pelos depoentes. Estas fontes foram trianguladas com referências que abordam a História do Brasil, com ênfase na história da saúde pública, de Alagoas e da Enfermagem. Os resultados apontam para a confirmação da tese, eis que as estratégias empreendidas pelas professoras enfermeiras foram bem sucedidas: na luta com médicos na ocupação do espaço no cenário de cuidados aos pacientes, no intuito da implantação de um modelo de Enfermagem autônoma, como parte ativa da equipe de saúde; na ampliação da visibilidade e reconhecimento social do trabalho da enfermeira nos cuidados, na educação em saúde e na saúde pública; na produção científica, ao ponto de alunas terem conquistado prêmio pela qualidade de estudo exposto em evento científico nacional; na busca de algumas pioneiras por especialização em universidades de outros estados brasileiros; na contribuição com as Organizações Civis da Enfermagem (Associação Brasileira de Enfermagem e Conselho Regional de Enfermagem de Alagoas); na criação do Departamento de Enfermagem dentro da estrutura administrativa da UFAL com consequente reconhecimento do curso. Ao final, apresentam-se considerações as quais podem ser úteis para o resgate e compreensão do importante trabalho de enfermeiras, em diferentes espaços do solo pátrio, no intuito da implantação e consolidação de um modelo de Enfermagem autônomo e capacitado para cooperar com eficiência e responsabilidade na equipe de saúde, nos vários espaços de sua atuação. Esse conhecimento serve como ponto de reflexão para a análise, crítica e planejamento da formação contemporânea em Enfermagem.(AU)


Assuntos
Humanos , História da Enfermagem , Autonomia Profissional , Escolas de Enfermagem/história
16.
Cult. cuid ; 20(46): 74-85, sept.-dic. 2016. ilus
Artigo em Português | IBECS | ID: ibc-159841

RESUMO

Este trabalho tem por objetivo descrever e analisar as contribuições da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo (EEUSP) para a construção e consolidação da enfermagem profissional no Brasil desde sua origem nos primórdios da década de 1940. Desenvolveu-se um estudo histórico-social a partir do legado das líderes pioneiras da enfermagem brasileira (Edith de Magalhães Fraenkel e Maria Rosa Sousa Pinheiro) e do exame das contribuições mais recentes de outros diretores da EEUSP, com ênfase nas seguintes categorias temáticas: construção da enfermagem profissional, consolidação da enfermagem profissional e fortalecimento do ensino e do exercício da enfermagem no Brasil. Delineou-se um itinerário da enfermagem brasileira por meio do resgate da história de vida profissional de Edith Magalhães, primeira diretora da EEUSP e da gestão de Maria Rosa de Sousa Pinheiro, segunda diretora da EEUSP. As contribuições da EEUSP para a profissionalização da enfermagem brasileira foram inúmeras com destaque para a formação do enfermeiro em nível de graduação e pós-graduação e para o fortalecimento da enfermagem como prática social e politicamente relevante nos cenários nacional e internacional por meio de pesquisas e da produção acadêmica dos docentes (AU)


Este trabajo tiene como objetivo describir y analizar las aportaciones de la Escuela de Enfermería de la Universidad de São Paulo (EEUSP) para la construcción y consolidación de la enfermería profesional en Brasil desde sus inicios en la década de 1940. Se desarrolló un estudio socio-histórico sobre el legado de los líderes pioneros de la enfermería brasileña (Edith Magallanes Fraenkel y Maria Rosa Sousa Pinheiro) y sobre el examen de las últimas aportaciones de otros directores de la misma Escuela, con énfasis en las siguientes categorías temáticas: la construcción profesional, consolidación y el fortalecimiento de la educación profesional de enfermería y la práctica de enfermería en Brasil. Fue trazado un itinerario de la enfermería brasileña a través de la restauración de la historia de la vida profesional de Edith Magallanes, primer director de la EEUSP y gestión de Maria Rosa de Sousa Pinheiro, segundo director de la misma institución. Las contribuciones de EEUSP para la profesionalización de la enfermería brasileña fueron numerosas, especialmente en la educación de enfermería en los niveles de pregrado y postgrado y para fortalecer la enfermería como práctica social y políticamente relevante en el panorama nacional e internacional a través de la investigación, producción y difusión de conocimientos en la área de salud y de enfermería (AU)


This paper aims to describe and analyze the contributions of the School of Nursing, University of São Paulo (EEUSP) in the construction and consolidation of professional nursing in Brazil, since its inception in the early 1940s. This is a socio-historical study on the legacy of the pioneering leaders of Brazilian nursing (Edith de Magalhães Fraenkel and Maria Rosa Sousa Pinheiro) and the examination of the latest contributions from other directors of EEUSP, with emphasis on the following themes: building of professional nursing, consolidation and strengthening of professional nursing education and nursing practices in Brazil. It sas outlined an itinerary of Brazilian nursing through the history of the professional life of Edith de Magalhães Fraenkel and Maria Rosa Sousa Pinheiro, first and second directors of EEUSP. The contributions of EEUSP for the professionalization of Brazilian nursing were numerous, especially in nursing education at the undergraduate and graduate levels and to strengthening of nursing as a socially and politically relevant practice in the national and international scenes through research and academic production (AU)


Assuntos
Humanos , Escolas de Enfermagem/história , Educação em Enfermagem/história , História da Enfermagem , Brasil , Profissionalismo/história , Capacitação Profissional
17.
Cult. cuid ; 20(46): 102-114, sept.-dic. 2016. tab
Artigo em Português | IBECS | ID: ibc-159844

RESUMO

Este estudo teve como objetivo identificar e analisar a produção científica de estudos históricos sobre as escolas de enfermagem e sua contribuição para a memória e identidade da profissão. A metodologia utilizada foi uma revisão integrativa. A busca foi realizada nas bases de dados SCIELO, LILACS, MEDLINE e CINAHL. Os critérios de inclusão foram: artigos escritos em português, inglês, francês ou espanhol; estarem de acordo com a questão norteadora; e, terem sido publicados nos últimos 10 anos. Foram excluídos aqueles que se tratavam de editoriais, cartas ao leitor, biografias e relatos de experiência. O levantamento das fontes identificou 26 artigos, compondo a amostra do estudo. Os resultados evidenciaram um pico de publicação entres os anos 2008 e 2010; a Revista de Enfermagem da Escola Anna Nery como principal periódico de divulgação; e, o Brasil com uma expressiva produção sobre a temática. Alguns pontos fortes da análise dos artigos podem ser mencionados no que tange a contribuição para a identidade e memória da profissão: uma rígida formação com caráter religioso; uma submissão à categoria médica, assim como uma forte resistência a mesma; a luta por melhores posições no campo da saúde; a ênfase na competência profissional; e, a perpetuação de rituais e símbolos. Todos os estudos históricos se revelaram importantes para desenvolvimento da profissão enfermagem bem como para a preservação da sua identidade e memória (AU)


Este estudio tuvo como objetivo identificar y analizar la producción científica de los estudios históricos sobre las escuelas de enfermería y su contribución a la memoria y la identidad de la profesión. La metodología utilizada fue la revisión integradora. La búsqueda se realizó en la base de datos SciELO, LILACS, MEDLINE y CINAHL. Los criterios de inclusión fueron: artículos escritos en portugués, inglés, francés o español; estar de acuerdo con la pregunta orientadora; y se han publicado en los últimos 10 años. Se excluyeron editoriales, cartas al lector, biografías y relatos de experiência. El estudio identificó 26 artículos de fuentes que componen la muestra del estudio. Los resultados mostraron un pico de publicación entre los años 2008 y 2010; la Revista de Enfermería de Escuela Anna Nery como el vehículo principal de publicación; y Brasil con una amplia literatura sobre el tema. Algunas fortalezas del análisis de los artículos se pueden mencionar en cuanto a la contribución a la identidad y la memoria de la profesión: una formación rígida de carácter religioso; una sumisión a la profesión médica, así como una fuerte resistencia a la misma; la lucha por mejores posiciones en el campo de la salud; énfasis en la competencia profesional; y la perpetuación de los ritos y símbolos. Todos los estudios históricos han demostrado ser importantes para el desarrollo de la profesión de enfermería, así como a preservar su identidad y la memoria (AU)


This study aimed to identify and analyze the scientific production of historical studies on nursing schools and their contribution to the memory and identity of the profession. The methodology used was an integrative review. The search was conducted in the databases SciELO, LILACS, MEDLINE and CINAHL. Inclusion criteria were: articles written in Portuguese, English, French or Spanish; be in accordance with the guiding question; and have been published in the last 10 years. The editorials, letters to the reader, biographies and accounts of experience were excluded. The survey identified 26 articles of sources composing the study sample. The results showed a peak of publication between years 2008 and 2010; the Journal of Nursing in Anna Nery School main periodic disclosure; and Brazil with a significant literature on the subject. Some strengths of the analysis of the articles may be mentioned regarding the contribution to the identity and memory of the profession: a rigid training with religious character; a submission to the medical profession as well as a strong resistance to it; the fight for better positions in the healthcare field; emphasis on professional competence; and the perpetuation of rituals and symbols. All historical studies have proved important for development of the nursing profession as well as to preserve their identity and memory (AU)


Assuntos
Humanos , Educação em Enfermagem/história , História da Enfermagem , Escolas de Enfermagem/história , Papel Profissional , Pesquisa em Enfermagem/história
18.
Cienc. enferm ; 22(3): 125-136, set. 2016. graf
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-839761

RESUMO

Objetivos: Descrever o vestuário/uniforme usado pelas alunas da Escola de Enfermagem Hermantina Beraldo (EEHB) e analisar sua relação com a construção da identidade profissional da enfermeira diplomada nessa escola de 1947-1965. Método: Estudo histórico-social. Foram utilizadas fontes escritas, iconográficas e orais de ex-alunas e ex-professoras da escola. Os autores que abordam a identidade profissional e o vestuário subsidia ram a análise dos dados. Resultados: Emergiu a categoria: Vestuário/uniforme na EEHB nos primeiros anos de seu funcionamento: papel na construção da identidade profissional (1947-1964). Tanto o uniforme hospitalar como o de saúde pública das alunas, tinham como principais características cores e acessórios semelhantes aos utilizados na escola padrão, a Escola de Enfermagem Anna Nery da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Conclusões: O uniforme na EEHB acompanhava simbolicamente a imagem da enfermeira diplomada naquele período com diferenças que permitiam a construção de uma identidade institucional, social e profissional das enfermeiras formadas nesta escola.


Objectives: To describe the clothing/uniform worn by the students of the Hermantina Beraldo Nursing School (HBNS) and to analyze its relation to professional identity building in graduate nurses from this school in the period 1947-1965. Method: Historical and social study. Written, iconographic and oral sources of data were delivered by former students and former school teachers for this study. The data analysis was financed by the authors addressing the concepts of professional identity and uniforms in nursing schools. Results: We identified the following category: Clothing/uniforms in the first years of the HBNS: their role in professional identity building (1947-1964). The colors and accessories of both the hospital uniform and the uniform worn by students at public health care establishments remained similar to those worn at the sponsor school Anna Nery School of Nursing. Conclusions: The uniforms worn at the HBNS became a symbol for this school's graduates at that time, which led to the creation of an institutional, social and professional identity.


Objetivos: Describir el vestuario/uniforme usado por los alumnos de la Escuela de Enfermería Hermantina Beraldo (EEHB) y analizar su relación con la construcción de la identidad profesional de la enfermera en esta escuela desde 1947 hasta 1965. Método: Estudio histórico y social. Se utilizaron fuentes escritas, iconográficas y orales de las ex alumnas y ex profesores de la escuela. El análisis de los datos fue subvencionado por los autores que abordaron los conceptos de identidad profesional y vestuario. Resultados: Emergió la categoría: vestuario/ uniforme en la EEHB en los primeros años de su funcionamiento: papel en la construcción de la identidad profesional (1947-1964). Tanto el uniforme del hospital como el de salud pública de los estudiantes tuvieron como principales característicos los colores y accesorios similares a los utilizados en la escuela patrón, la Escuela de Enfermería Anna Nery de la Universidade Federal do Rio de Janeiro. Conclusiones: El uniforme en EEHB acompañó simbólicamente la imagen de la Enfermera graduada en ese período, con diferencias que permitieron la construcción de una identidad institucional, social y profesional de los enfermeros formados en esta escuela.


Assuntos
História do Século XX , Vestuário/história , História da Enfermagem , Escolas de Enfermagem/história , Identificação Social , Estudantes de Enfermagem , Brasil
19.
Cult. cuid ; 20(45): 35-43, mayo-ago. 2016. ilus, tab, graf
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-156209

RESUMO

La investigación en historia de la enfermería cuenta con un amplio número de fuentes. Aún por explorar está la documentación existente en los colegios profesionales, fiel reflejo de los cuidados y cuidadores en la etapa de la profesionalización y el desarrollo científico de la disciplina. Con este artículo pretendemos describir, por un lado, el proceso de organización que estamos llevando a cabo en el archivo del colegio de enfermería de Huelva; y por otro, la situación que ofrecen en cuanto a organización de sus archivos el resto de estas instituciones provinciales españolas. La clasificación de esos fondos se realiza para el servicio de la administración colegial que es el órgano que la genera, para los profesionales y sobre todo para la investigación, la difusión cultural y la construcción de ese periodo de la historia de enfermería (AU)


Research on Nursery History has a wide range of sources at its disposal. We must still investigate documents kept in professional colleges, as they are an accurate reflection of care and caregiver in the period of scientific development of the discipline. In this paper we shall describe the process of reorganization in the archive of the Nursery College in Huelva, as well as the situation of most Spanish nursery archives. Their classification aims to serve the College administration, which generates them, as well as the professionals and research, cultural diffusion and the reconstruction of this period of Nursery History (AU)


Pesquisas em história da enfermagem temum grande número de fontes. Inexplorada é a documentação existente nas escolas profissionais, um verdadeiro reflexo de cuidados e cuidadores na fase do desenvolvimento profissional e científica da disciplina. Com esta comunicação pretende-se descrever, por um lado, o processo de organização que estamos realizando no arquivocom o Huelva enfermeira da escola; e em segundo lugar, a situação oferecido em organização de seus arquivos o restante deste instituições provinciais espanhóis. A classificação destes fundos é feito para o serviço da administração da faculdade é o corpo que gera, para os profissionais e, especialmente, para a pesquisa, difusão cultural e construção desse período na história da enfermagem (AU)


Assuntos
Humanos , Arquivos , História da Enfermagem , Escolas de Enfermagem/história , Educação em Enfermagem/história , Documentação/história , Papel Profissional/história
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA