Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 727
Filtrar
1.
Demetra (Rio J.) ; 15(1): e37978, jan.- mar.2020. tab, ilus
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-1103895

RESUMO

Objetivo: O presente estudo teve como objetivo elaborar uma proposta para o reuso de água em um restaurante universitário no Estado do Rio de Janeiro, além de propor medidas para redução do seu consumo. Metodologia: Foi aplicado um formulário para quantificação do consumo de água nas etapas de pré-preparo de hortifrutigranjeiros e na higienização de pratos e talheres, em um período de 9 e 13 dias, respectivamente. Em seguida, foi estimado o volume, em litros, de água potável utilizado diariamente em cada etapa. Resultados: Na etapa de pré-preparo de hortifrutigranjeiros, calculouse que são utilizados 2.400 litros por dia; e na etapa de higienização de pratos e talheres, estimou-se o uso de 478 litros por dia. Desta forma, pôde-se calcular o volume total de 2.878 litros por dia que ficarão armazenados para o reuso com fins não potáveis, como por exemplo, a higienização do piso dos refeitórios do restaurante, o que representa 31,97% da quantidade necessária para limpeza de todo o restaurante universitário. Além disso, realizou-se a quantificação dos pontos de água para possível instalação de arejadores nas torneiras, no intuito de reduzir o consumo. Em seguida, elaborou-se o projeto do reservatório de água para reuso. Conclusão: Por fim, atestou-se a importância da proposta apresentada, tendo em vista a significativa quantidade de água com possibilidade de reuso que é desperdiçada diariamente, contribuindo-se assim com a preservação ambiental e diminuição dos custos do restaurante universitário. (AU)


Objective: The aim of the present study was to propose the reuse of water in a university restaurant in the state of Rio de Janeiro, as well as measures to reduce consumption. Methods: A form was applied to quantify water consumption during the pre-preparation of fresh produce and the sanitization of dishes and flatware, within a period of 9 and 13 days, respectively. Later, the volume of potable water used daily was estimated in liters. Results: The estimated volume of water used per day was 2.400 liters for pre-preparation of fresh produce and 478 liters of water per day for sanitization of dishes and flatware. Thus, a total volume of 2.878 liters of water per day for non-potable reuse was estimated, such as, for example, for the sanitization of the dining hall floor of the restaurant. In addition, the quantification of water points for possible installation of faucet aerators was made aiming to reduce consumption. Next, a project of the storage container for the reuse of water was developed. Conclusion: It may be concluded that the importance of the proposal is related to the significant quantity of daily wasted water that could be reused and thus, contribute to environmental preservation and decrease the water expenses of the university restaurant. (AU)


Assuntos
Água , Reciclagem da Água , Restaurantes , Universidades , Consumo de Água (Saúde Ambiental) , Água Cinza , Reservatórios de Água , Gestão Ambiental , Gestão da Qualidade
2.
Movimento (Porto Alegre) ; 25(1): e25033, jan.- dez. 2019.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1048154

RESUMO

Este estudo teve por objetivo analisar os desafios e as oportunidades para o desenvolvimento de atividades esportivas na natureza em Porto Alegre, Brasil. Foram realizadas 29 entrevistas com representantes de organizações ligadas a estas atividades e oito observações de grupos de praticantes. Os resultados indicaram que a escolha de locais apropriados para a realização destas atividades e medidas para evitar a superlotação dos locais de prática, representam desafios; e o potencial de envolvimento de praticantes, instrutores e comunidades locais na manutenção do meio natural e na gestão de atividades esportivas na natureza, representam oportunidades. Em conclusão, o estudo demonstrou que existem áreas da cidade em que essas atividades devem ser evitadas. No entanto, por meio de gerenciamento proativo e promoção de atividades esportivas na natureza as oportunidades podem mitigar os desafios


The aim of this study was to analyse the challenges and opportunities of developing outdoor sports in Porto Alegre, Brazil. Twenty-nine interviews were conducted with different stakeholders. Eight observations were conducted while participants were engaged in outdoor sports. The results indicated that selecting appropriate sites in terms of safe practice and prevention of overuse of the sites represent challenges; and the potential for the involvement of participants, instructors and local communities in the maintenance of the natural environment and in the management of outdoor sports represent opportunities. In conclusion this study demonstrated that outdoor sports must be avoided in some areas of the city. However, through proactive management and promotion of outdoor sports opportunities can mitigate the challenges


El objetivo de este estudio fue analizar los desafíos y oportunidades de desarrollar actividades deportivas en la naturaleza en Porto Alegre, Brasil. Veintinueve entrevistas fueron conducidas con diferentes partes interesadas. Se realizaron ocho observaciones mientras los participantes se dedicaban a las actividades. Los resultados indicaron que la selección de sitios apropiados en términos de prácticas seguras y prevención de hacinamiento representa un desafío; y el potencial para la participación de practicantes, instructores y comunidades locales en el mantenimiento del medio ambiente natural y en la gestión de actividades deportivas en la naturaleza representa oportunidades. En conclusión, este estudio demostró que estas actividades deben evitarse en algunas áreas de la ciudad. Sin embargo, a través de una gestión proactiva y la promoción de actividades deportivas al aire libre, las oportunidades pueden mitigar los desafíos


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Esportes , Exercício Físico , Gestão Ambiental , Natureza
3.
Rev. inf. cient ; 98(1): 29-43, 2019. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1016400

RESUMO

Introducción: las facultades de Estomatología tienen un papel predominante en la gestión ambiental para su desempeño general, la innovación y el desarrollo sostenible. Objetivo: diagnosticar los aspectos e impactos medioambientales asociados en la Facultad de Estomatología de La Habana en el período 2015-2017. Método: investigación cualitativa. Se utilizaron métodos teóricos de análisis y síntesis, deducción e inducción y como métodos empíricos la observación y enfoque de sistema; se realizó revisión bibliográfica y documental sobre temas relacionados con el objeto de estudio. Además, se aplicó una encuesta y una entrevista. La población y muestra la constituyeron 90 trabajadores. Resultados: mediante el diagnóstico fueron identificados y evaluados aspectos e impactos ambientales, los que no son significativos por la posibilidad de que ocurran, dada la evaluación general. Las condiciones ambientales de la facultad no constituyeron un riesgo elevado para la salud del personal y su comunidad. El diagnóstico permitió conocer la posición de la organización con respecto a su entorno e internamente para gestionar el medio ambiente y la salud y seguridad en el trabajo. Conclusiones: un diagnóstico de aspectos e impactos medioambientales en la Facultad de Estomatología puede constituir una herramienta útil para la identificación de problemas que afectan el ambiente, la salud y la seguridad del trabajo, lo que podría permitir el diseño de Sistemas de Gestión Ambiental, lo cual es una exigencia de la Salud Pública Cubana(AU)


Introduction: Stomatology faculties have a predominant role in environmental management for their general performance, innovation and sustainable development. Objective: to diagnose the aspects and associated environmental impacts in the Faculty of Stomatology of Havana in the period 2015-2017. Method: qualitative research. Theoretical methods of analysis and synthesis, deduction and induction were used and as empirical methods the observation and system approach; bibliographic and documentary review was made on subjects related to the object of study. In addition, a survey and an interview were applied. The population and sample constituted 90 workers. Results: through the diagnosis, environmental aspects and impacts were identified and evaluated, which are not significant due to the possibility of their occurrence, given the general evaluation. The environmental conditions of the faculty did not constitute a high risk for the health of the personnel and their community. The diagnosis allowed to know the position of the organization with respect to its environment and internally to manage the environment and health and safety at work. Conclusions: a diagnosis of environmental aspects and impacts in the Faculty of Dentistry can be a useful tool for the identification of problems that affect the environment, health and safety of work, which could allow the design of Environmental Management Systems, what is a requirement of the Cuban Public Health(AU)


Introdução: as faculdades de estomatologia têm um papel predominante na gestão ambiental pelo seu desempenho geral, inovação e desenvolvimento sustentável. Objetivo: diagnosticar os aspectos e impactos ambientais associados na Faculdade de Estomatologia da Havana no período 2015-2017. Método: pesquisa qualitativa. Métodos teóricos de análise e síntese, dedução e indução foram utilizados e como métodos empíricos a observação e abordagem sistêmica; revisão bibliográfica e documental dos assuntos relacionados ao objeto de estudo. Além disso, uma pesquisa e uma entrevista foram aplicadas. A população e amostra constituíram 90 trabalhadores. Resultados: por meio do diagnóstico, foram identificados e avaliados os aspectos e impactos ambientais, que não são significativos devido à possibilidade de sua ocorrência, dada a avaliação geral. As condições ambientais do corpo docente não constituíam um alto risco para a saúde do pessoal e de sua comunidade. O diagnóstico permitiu conhecer a posição da organização em relação ao seu ambiente e internamente para gerenciar o meio ambiente e a saúde e segurança no trabalho. Conclusões: o diagnóstico de aspectos e impactos ambientais na Faculdade de Odontologia pode ser uma ferramenta útil para identificar problemas que afetam a ferramenta ambiente, saúde e segurança no trabalho, que poderia permitir a concepção de Sistemas de Gestão Ambiental, que é uma exigência da Saúde Pública cubana(AU)


Assuntos
Humanos , Ambiente de Trabalho/prevenção & controle , Gestão Ambiental/educação , Auditorias Ambientais/prevenção & controle
4.
São Paulo; s.n; 2019. 128 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-981770

RESUMO

A presente tese se propõe a traçar uma genealogia da Vigilância Ambiental no Brasil. Partindo de um conjunto de chaves interpretativas da obra do filósofo Michel Foucault, congregamos um amplo leque de fontes documentais para compreender os primeiros sinais de uma incipiente medicina preventiva e sua agenda eminentemente ambiental, ainda em um Brasil pré-imperial, e observamos suas transformações em paridade com o desenvolvimento de nossa sociedade - buscando aí encontrar o mote biopolítico, dado que a construção da nação exigia medidas sanitárias que garantissem a saúde da população, ainda que não necessariamente por questões humanitárias. Acompanhamos a transição da agenda ambiental na saúde pública, que leva em conta os impactos do meio ambiente na existência humana para o movimento reverso, quando nos damos conta de que a humanidade está provocando danos possivelmente irreversíveis ao planeta - e como essa nova fase tem afetado nossa saúde. De maneira crítica e reflexiva, discutimos a formação e a dimensão biopolítica da Vigilância Ambiental na atualidade, dispondo de maiores e melhores recursos tecnológicos, mas atuando em uma governamentalidade neoliberal de redução de direitos - que afetam, inclusive, o direito à saúde


This thesis aims to trace the genealogy of Enviromental Surveillance in Brazil. From the standpoint a set of interpretative concepts of the philosopher Michel Foucault, we convey a vast array of documental sources to comprehend the first signs of an incipient preventive care and its respectable environmental agenda, still in a pre-imperial Brazil, and we observe its transformations parallel to the development of our society - aiming to find the biopolitical mote, given that the creation of the nation required sanitation methods that could guarantee the health of the population, even though not by strictly humanitarian reasons. We follow the transtition of the environmental agenda in our public health, which takes into consideration the impact of the environment in the human existence to the reverse movement, when we come to the realization that humanity has been causing possibly irreversible damage to the environment - and due to this also affecting our health. In a critic and self-reflecting way, we discuss the formation and the dimension of biopolitics of the Enviromental Surveillance in current day society, having access to a vast array of newer and better technological resources, but acting in a neoliberal governmentality of deprivation of rights, that also affect the right to health


Assuntos
Filosofia , Gestão Ambiental , Meio Ambiente , Política Ambiental/história , Genealogia e Heráldica , Política de Saúde/história , Brasil , Saúde Ambiental , Saúde Pública , Vigilância Sanitária Ambiental
5.
São Paulo; s.n; 2019. 178 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-1023339

RESUMO

Pesquisadores apontam que a ação antrópica é responsável pelo aquecimento de aproximadamente 1°C na temperatura do planeta e que, se esse ritmo for mantido, a meta do Acordo de Paris de restringir o aquecimento global em 1,5ºC deverá ser ultrapassada por volta do ano de 2040. Os impactos deste aquecimento afetarão com maior intensidade populações social, ambiental e economicamente mais vulneráveis, trazendo especiais desafios para as cidades, que concentrarão 66% da população mundial até a metade do século. No Brasil, alguns fatores dificultam a ampliação da capacidade de adaptação dos governos locais aos efeitos das mudanças climáticas. Dentre estes fatores, destacam-se uma taxa de urbanização acima da média mundial, a desigualdade social, a maneira que as cidades foram planejadas e o baixo domínio da questão climática pelos gestores públicos. Para superar estes problemas, diversos instrumentos de planejamento poderiam ser implantados ou aprimorados, entretanto, muitos municípios necessitam de auxílio para sua tomada de decisão. Nesse sentido, o Índice de Adaptação Urbana (UAI) propõe uma sistematização de indicadores, que verifica a existência ou não de instrumentos de desenvolvimento urbano e de políticas públicas, vinculados às temáticas de habitação, mobilidade urbana, agricultura sustentável, gestão ambiental e resposta aos impactos climáticos que visam a ampliação do potencial adaptativo municipal. Este projeto discute os resultados da aplicação do UAI nos 645 municípios do Estado de São Paulo, fornecendo um diagnóstico do potencial adaptativo dos municípios paulistas. A correlação desses resultados com as características socioambientais de cada região poderá ser utilizada para subsidiar um planejamento local e regional mais adaptado aos efeitos das mudanças climáticas.


Researchers indicate that anthropic action is responsible for the warming of approximately 1°C in the planet's temperature and that, if this pace is maintained, the goal of the Paris Agreement to restrict global warming by 1.5°C should be exceeded by the year 2040. The impacts of this warming will affect with greater intensity social, environmental and economically more vulnerable populations, bringing special challenges to cities, which will concentrate 66% of the world's population by the middle of the century. In Brazil, some factors make it difficult for local governments to increase their capacity to adapt to the effects of climate change. Among these factors, there is a rate of urbanization above the world average, social inequality, the way cities have been planned, and the low level of climate issues by public administrators. In order to overcome these problems, several planning instruments could be implemented or improved, however, many municipalities need assistance for their decision-making. In this sense, the Urban Adaptation Index (UAI) proposes a systematization of indicators, which verifies the existence or not of urban development and public policy instruments, linked to the themes of housing, urban mobility, sustainable agriculture, environmental management and response to climate impacts that aim to increase the municipal adaptive potential. This project discusses the results of the application of UAI in the 645 municipalities of the State of São Paulo, providing a diagnosis on the adaptive potential of these cities. The correlation of the results with the socio-environmental characteristics of each region can be used to support local and regional planning more adapted to the effects of climate change.


Assuntos
Mudança Climática , Gestão Ambiental , Aquecimento Global , Governo Local
6.
São Paulo; s.n; 2019. 253 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-1023791

RESUMO

Uma das características do planejamento de sistemas de infraestrutura regionais em São Paulo é o reconhecimento de uma área denominada Macrometrópole Paulista (MMP) como recorte necessário para análise de formulação de políticas públicas integradas. A MMP abriga cinco regiões metropolitanas, sendo um dos maiores aglomerados urbanos do Hemisfério Sul. Atualmente a MMP é a maior evidência de um novo fato urbano de caráter metropolitano constituindo-se em uma região com grandes contrastes sociais e territoriais. Por isso, o cenário metropolitano atual vem exigindo a busca de instrumentos para além da escala municipal, especialmente porque a integração econômica das cidades e seu desenvolvimento estão acentuando problemas urbanos como a degradação ambiental, a falta de saneamento básico, desemprego, carência de infraestrutura urbana, entre outros, que afetam a qualidade de vida dos seus habitantes. Em mundo cada vez mais urbano, os problemas da vida nas cidades complexificaram-se e diversos desafios emergem para a promoção do desenvolvimento sustentável destas áreas. Neste sentido a proposta desse estudo foi investigar um sistema de classificação para estabelecer correspondências dos traços característicos do espaço na sociedade capitalista contemporânea, visando determinar tipos e sistemas que caracterizem as condições socioambientais da MMP e como essas condicionam à saúde ambiental e a sustentabilidade da região. O trabalho teve como objetivo estabelecer uma tipologia em saúde ambiental para os municípios que compõem a MMP considerando uma matriz de indicadores em saúde ambiental denominada de Força-Motriz-Pressão-Situação-Exposição-Efeito-Ações (FPSEEA) em consonância com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Para a realização da tipologia a opção metodológica adotada foi a submissão dos indicadores a uma análise estatística de Agrupamento Hierárquica utilizando-se o programa estatístico R. A aplicação do software consistiu em uma inovação metodológica e analítica para a compreensão de sistemas urbanos em escalas regionais. De forma geral os resultados obtidos neste estudo revelaram uma grande heterogeneidade de condições de desenvolvimento presentes nos municípios que constituem a MMP. A tipologia dos municípios resultou na proposição de seis grandes agrupamentos com características socioambientais distintas. Coexistem no território municipalidades mais desenvolvidas economicamente e socialmente, municipalidades em níveis intermediários de desenvolvimento e municipalidades com grande precariedade urbana e desigualdades. Compreender as características desse desenvolvimento que ocorre de forma tão desigual no espaço produzindo uma heterogeneidade de condições ao longo do território pode ser um ponto de partida para se discutir aspectos determinantes que comprometem o alcance da sustentabilidade da MMP. Os resultados da tipologia podem ser vistos como uma maneira de classificar as condições socioambientais e de saúde, destacando a importância da escala regional como uma nova unidade territorial a ser explorada na busca de instrumentos e soluções adequados aos problemas da contemporaneidade. Os problemas da reestruturação econômica dessas áreas atingem mais de uma cidade fomentando assim, a discussão política em espaços integrados por uma rede urbana densa e marcados por desafios institucionais em comum.


A central feature in the planning of regional infrastructure systems in São Paulo has been the recognition of an area called São Paulo Macrometropolis (MMP) as a necessary cutoff for the analysis of the formulation of integrated public policies. The MMP contains six metropolitan areas, being one of the largest urban conglomerates in the Southern Hemisphere. Currently, the MMP is the biggest evidence of a new metropolitan concept that constitutes a region with large social and territorial inequality. For this reason, the current scenario calls for research beyond the municipal scale, especially as the economic integration of cities and their development are accentuating urban problems such as environmental degradation, lack of basic sanitation, unemployment, and lack of urban infrastructure all of which affect the quality of life of its inhabitants. In an increasingly urban world, the problems of city life have become more complex, with several challenges emerging to promote the sustainable development of these areas. To this end, the proposal of this study was to investigate a classification system to establish correspondences of the characteristic features of space in contemporary society, aiming to determine types and systems that characterize the social and environmental conditions of the MMP and how they condition the environmental, health and sustainability of the region. The objective of this study was to establish a typology in environmental health for the municipalities that compose the MMP considering a matrix of environmental health indicators called Driving-Force-Pressure-State-Exposure-Effect-Action (DPSEEA) in line with the Sustainable Development Objectives (SDOs). For the accomplishment of the typology the methodology adopted was the submission of the indicators to a statistical analysis of hierarchical grouping using the Statistical Program R. The application of the software constitutes a methodological and analytical innovation as applied to the understanding of urban systems at regional scales. In general, the results obtained in this study revealed a great heterogeneity of developmental conditions present in the municipalities that constitute the MMP. The description of the municipalities resulted in the proposal of six large clusters with distinct socioenvironmental characteristics. More economically and socially developed municipalities coexist in the same regions at intermediate levels of development and municipalities with great urban precariousness and inequalities. Understanding the characteristics of this type of development, that occurs unequally in space and produces a heterogeneity of conditions throughout the territory can be a starting point to discuss determinant aspects that compromise the sustainability reach of the MMP. The results of the description can be seen as a way to classify the socio-environmental and health conditions, highlighting the importance of the regional scale as a new territorial unit to be explored in the search for appropriate solutions to address contemporary problems. The problems of the economic restructuring of these areas affect more than one city thus fomenting the political discussion in spaces integrated by a dense urban network and marked by joint institutional challenges.


Assuntos
Política Pública , Saúde Ambiental , Cidades , Gestão Ambiental
7.
Motrivivência (Florianópolis) ; 30(56): 232-245, Dez. 2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-968736

RESUMO

O estudo relata as atividades da disciplina optativa de Esporte e Gestão Ambiental (EGA) do curso de Educação Física da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF), localizada na cidade de Petrolina-PE. A EGA tem por fim qualificar os conhecimentos dos alunos sobre questões do meio ambiente. A metodologia aplicada desenvolve princípios da educação ambiental (EA) por meio de jogos, brincadeiras e canções. Entre os temas abordados, no primeiro semestre de 2017, existiu a coleta seletiva e a organização de um trekking. Ao final do semestre, observou-se que os alunos ampliaram seus conhecimentos sobre temas ambientais locais e globais, além de terem assumido comportamentos sustentáveis frente ao meio ambiente. Conclui-se que a EGA associada às demais disciplinas do curso de Educação Física da UNIVASF esteja qualificando os profissionais da região, contribuindo para o desenvolvimento de princípios de cidadania e sustentabilidade.


The study reports the activities of the elective course on Sport and Environmental Management (EGA) of the Physical Education course of the Federal University of the São Francisco Valley (UNIVASF), located in the city of Petrolina-PE. The EGA aims to qualify students' knowledge of environmental issues. The applied methodology develops environmental education (EA) principles through games, games and songs. Among the topics covered, in the first half of 2017, there was the selective collection and the organization of a trekking. At the end of the semester, it was observed that the students broadened their knowledge about local and global environmental issues, in addition to assuming sustainable behavior towards the environment. It is concluded that the EGA associated to the other disciplines of the Physical Education course of UNIVASF is qualifying the professionals of the region, contributing to the development of principles of citizenship and sustainability.


El estudio relata las actividades de la disciplina optativa de Deporte y Gestión Ambiental (EGA) del curso de Educación Física de la Universidad Federal del Valle del São Francisco (UNIVASF), ubicada en la ciudad de Petrolina-PE. La EGA tiene por fin calificar los conocimientos de los alumnos sobre cuestiones del medio ambiente. La metodología aplicada desarrolla principios de la educación ambiental (EA) a través de juegos, juegos y canciones. Entre los temas abordados, en el primer semestre de 2017, existió la colecta selectiva y la organización de un trekking. Al final del semestre, se observó que los alumnos ampliaron sus conocimientos sobre temas ambientales locales y globales, además de haber asumido comportamientos sostenibles frente al medio ambiente. Se concluye que la EGA asociada a las demás disciplinas del curso de Educación Física de la UNIVASF esté calificando a los profesionales de la región, contribuyendo al desarrollo de principios de ciudadanía y sostenibilidad.


Assuntos
Educação Física e Treinamento , Esportes/educação , Gestão Ambiental , Educação em Saúde Ambiental/métodos , Indicadores de Desenvolvimento Sustentável
8.
Rev. bioét. derecho ; (44): 19-40, nov. 2018.
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-176787

RESUMO

Podemos reconocer la importancia de las totalidades y los sistemas (ser holistas) en lo ontológico, y mantener no obstante el individualismo moral: son las vidas de los organismos individuales las que cuentan moralmente. Especies y ecosistemas tienen sólo un valor moral derivado. Nos importan, moralmente, los centros de sintiencia y consciencia que llamamos individuos. Pero en la naturaleza son sobre todo las totalidades las que cuentan... Aunque nuestra mejor teoría moral sea individualista, sucede que, ontológicamente, los individuos cuentan poco -¡la realidad es sistémica, evolutiva y relacional! Nuestra mejor ontología no será individualista. (Se basará, más bien, en sistemas complejos adaptativos). No entender esto explica, creo, buena parte de los desencuentros entre animalismo y ecologismo. Necesitamos desarrollar ideas no fosilistas de liberación (humana y animal). La propuesta de una intervención animalista positiva generalizada en la naturaleza me parece una utopía ética desmadrada (fuera de madre, de la Madre Tierra en este caso: Gaia/Gea)


We may recognize the importance of totalities and systems (being holistic) in the ontological, and still maintain moral individualism: it is the lives of individual organisms that count morally. Species and ecosystems have only a derived moral value. We care, morally, for the centers of sentience and consciousness we call individuals. But in nature it is above all the totalities that count... Although our best moral theory may be individualistic, it happens that, ontologically, individuals count little -the reality is systemic, evolutionary and relational! Our best ontology will not be individualistic. (It will be based, rather, on complex adaptive systems). Not understanding this explains, I believe, a good part of the disagreements between animalism and environmentalism. We need to develop non-fossilistic ideas of liberation (human and animal). The proposal of a positive animalist intervention generalized in nature seems to me to be a runaway ethical utopia ("desmadrada", that is "outside of mother", of Mother Earth in this case: Gaia/Gea)


Podem reconèixer la importància de les totalitats i els sistemes (holismes) en el seu aspecte ontològic i mantenir, no obstant, l'individualisme moral: són les vides dels organismes individuals les que moralment importen. Espècies i ecosistemes tenen només un valor moral secundari. Ens importen, moralment, els centres de sintiència i consciència que anomenem individus. Però en la naturalesa són sobretot les totalitats les que interessen. Encara que la nostra millor teoria moral sigui individualista, succeeix que, ontològicament, els individus importen poc-;la realitat és sistèmica, evolutiva i relacional! La nostra millor ontologia no serà, per tant, individualista. Es basarà, més aviat, en sistemes complexos adaptatius. No entendre això explica, crec, bona part dels desacords entre l’animalisme i l’ecologisme. Necessitem desenvolupar idees no fossilitzades d'alliberament (humà i animal). La proposta d'una intervenció animalista positiva generalitzada en la naturalesa em sembla una utopia ètica extralimitada (fora de mare, de la Mare Terra en aquest cas: Gaia/Gea)


Assuntos
Animais , Humanos , Utopias , Animais , Ecologia/ética , Ecologia/legislação & jurisprudência , Bem-Estar do Animal/ética , Bem-Estar do Animal/legislação & jurisprudência , Natureza , Gestão Ambiental/ética , Gestão Ambiental/legislação & jurisprudência , Alternativas ao Uso de Animais/ética , Experimentação Animal/ética , Experimentação Animal/legislação & jurisprudência
9.
Hig. aliment ; 32(284/285): 26-30, out. 30, 2018. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-965456

RESUMO

A realização de práticas educativas de sustentabilidade com gestores do processo produtivo de refeições pode resultar em ações para minimizar a geração de resíduos orgânicos e inorgânicos e, com isso, acarretar menor impacto ambiental negativo, porém é um grande desafio a adoção de procedimentos adequados de Gestão Ambiental. Este estudo objetivou desenvolver Práticas Educativas sobre Gestão Ambiental com os gestores dos Serviços de Alimentação Permissionários (SAP) de uma Universidade Pública localizada no Estado do Rio de Janeiro. Essa ação, denominada Encontro Educativo, foi realizada em dois dias consecutivos com os gestores dos SAP para disseminar conhecimento e despertar o interesse em desenvolver procedimentos, na rotina dos seus serviços, voltados para a Gestão Ambiental, como o manejo e o descarte correto dos resíduos orgânicos e inorgânicos, uso racional de água e da energia elétrica e aproveitamento integral dos alimentos. Ao final do segundo dia do Encontro Educativo foi aplicado um questionário aos participantes contendo sete perguntas relativas às atividades realizadas nesses dois dias. Observou-se interesse dos mesmos em desenvolver ações sobre essa temática na rotina dos seus Serviços de Alimentação, porém relataram falta de apoio, de estrutura e de diálogo com os setores competentes. Todos os participantes demonstraram interesse em participar de outros encontros e sugeriram temas afins e que reforçaram a necessidade de ações educativas sistemáticas para que novos procedimentos sejam adotados, reduzindo a geração de resíduos, de consumo de água e de energia elétrica e, consequentemente, menor o impacto ambiental.


The realization of educational practices with managers directly involved in the generation of organic and inorganic waste can be deployed in actions to minimize environmental impact, since the productive process of meals generates expressive amounts of these residues and the great challenge is to adopt adequate procedures of Environmental management. This study aimed to develop Educational Practices on Environmental Management with Perpetual Feeding Services (SAP) managers of a Public University located in the State of Rio de Janeiro. This action, called the Educational Meeting, was held in two consecutive days with the managers of the SAP to add knowledge and raise interest in developing procedures, in the routine of their services, aimed at Environmental Management, such as handling and correct waste disposal organic and inorganic, rational use of water and 27 Higiene Alimentar - Vol.32 - nº 284/285 - Setembro/Outubro de 2018 electricity and full use of food. At the end of the second day of the Educational Meeting a questionnaire was applied to the participants containing seven questions regarding the activities carried out on those two days. They were interested in developing actions on this subject in the routine of their Food Services, but reported lack of support, structure and dialogue with the relevant sectors. All participants demonstrated an interest in participating in other meetings such as this and suggested similar themes and reinforced the need for systematic educational actions so that new procedures could be adopted to reduce environmental impact.


Assuntos
Universidades , Gerenciamento de Resíduos , Gestão Ambiental , Educação em Saúde Ambiental , Tutoria , Serviços de Alimentação , Resíduos , Refeições , Promoção da Saúde
10.
Hig. aliment ; 32(284/285): 56-60, out. 30, 2018. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-965435

RESUMO

Alimentar-se fora de casa está se tornando cada vez mais comum e, com isso, os Food Trucks têm se tornado uma opção rápida e vantajosa para o público. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi analisar as condições higienicossanitárias de Food Trucks e rebocáveis localizados em instituições particulares de Ensino Superior do Distrito Federal. A análise teve como base o checklist da legislação vigente e a Instrução Normativa Distrital (IN DVS Nº 11 de 23 de março de 2016). Concomitantemente foi aplicado um questionário de informações pessoais a fim de verificar, principalmente, o nível de instrução dos manipuladores bem como se estes possuíam qualquer curso na área de manipulação e higiene de alimentos. Dez (10) estabelecimentos aceitaram participar da pesquisa. Nenhum dos proprietários e manipuladores possuíam qualquer certificação acerca de cursos de capacitação sobre Boas Práticas de Manipulação, Higiene Alimentar ou Gestão Ambiental. Desta forma, observa-se que os Food Trucks e rebocáveis estudados oferecem riscos à saúde dos comensais, uma vez que não apresentam condições higienicossanitárias adequadas para a prestação deste tipo de serviço.


Eating out is becoming more and more common, and with it, Food Trucks has become a fast and advantageous option for the public. In this way, the objective of this work was to analyze the sanitary and hygienic conditions of Food Trucks and other food vehicles located in private institutions of Higher Education of the Distrito Federal. The analysis was based on the checklist of the current legislation and the Instrução Normativa Distrital (IN DVS Nº 11 de 23 de março, de 2016). Simultaneously, a personal information questionnaire was applied in order to verify, mainly, the level of instruction of the manipulators, as well as if they had any course in the area of food hygiene and handling. Ten (10) establishments accepted to participate in the research. None of the owners and handlers had any certification of training courses on Good Handling Practices, Food Hygiene or Environmental Management. Thus, it is observed that the Food Trucks studied present risks to the health of the diners, since they do not present hygienic and sanitary conditions adequate for the provision of this type of service.


Assuntos
Vigilância Sanitária , Higiene dos Alimentos , Instituições de Ensino Superior , Manipulação de Alimentos , Serviços de Alimentação , Indicadores Básicos de Saúde , Gestão Ambiental , Boas Práticas de Fabricação , Abastecimento de Alimentos
11.
Rev. luna azul ; 47: [177]-[195], 01 julio 2018.
Artigo em Inglês, Espanhol | LILACS | ID: biblio-1008823

RESUMO

En este trabajo se realizan algunas reflexiones sobre los recursos sociales que facilitan la construcción de estructuras de gobernanza ambiental para la gestión de las áreas naturales protegidas ­ANP­. Ante la presencia dominante del Estado en estos territorios, el objetivo es identificar los mecanismos sociales que pueden facilitar la vinculación de los actores sociales a favor de estructuras sociales descentralizadas. Se enfatiza en el enfoque del capital social estructural como marco de análisis de las redes y los patrones de organización social. Si bien se señala la presencia de comunidades fuertes que gestionan los recursos de las áreas naturales protegidas, se destaca la necesidad de construir estructuras sociales complejas basadas en la vinculación de actores sociales de escalas y territorialidades distintas que faciliten los procesos de gobernanza ambiental. Se presenta una visión positiva y causal en torno al capital social estructural y la gobernanza; no obstante, se identifican algunas limitantes de dicho enfoque como marco de análisis para la comprensión de las relaciones sociales en territorios complejos como las áreas naturales protegidas. Metodológicamente este trabajo responde a un proceso de revisión bibliográfica y a un análisis de tipo inductivo donde el insumo principal es la evidencia empírica obtenida en trabajos previos realizados por las autoras. El análisis del capital social estructural desde el enfoque estructural puede dar cuenta de la morfología de las relaciones, no así de los vínculos entre actores sociales como un conjunto de relaciones de conflicto, tensiones y desacuerdos; de ahí que se proponen otras perspectivas.


Some reflections on social resources that facilitate the construction of environmental governance structures for the management of protected areas (PA) are made in this paper. Given the dominant presence of the State in these territories, the objective is to identify the social mechanisms that can facilitate the linking of social actors in favor of decentralized social structures. Emphasis is placed on the approach of structural social capital as a framework for analyzing networks and patterns of social organization. Although, the presence of strong communities that manage the resources of protected natural areas is highlighted, the need to build complex social structures based on the linking of social actors of different scales and territorialities that facilitate environmental governance processes. A positive and causal vision around social capital and governance is presented. However, some limitations of this approach are identified as an analytical framework for the understanding of social relations in complex territories such as natural protected areas. Methodologically, this work responds to a process of literature review and to an inductive type analysis where the main input is the empirical evidence obtained in previous studies carried out by the authors. The analysis of the structural social capital from the structural approach can account for the morphology of relationships, but not for the links between social actors as a set of conflict relationships, tensions and disagreements, hence other perspective are proposed.


Assuntos
Gestão Ambiental
12.
Hig. aliment ; 32(280/281): 27-32, 30/06/2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-910368

RESUMO

A implementação de um plano de gestão ambiental nos Serviços de Alimentação e Nutrição é relevante no contexto do Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos Urbanos, pois essa atividade gera um montante cada vez maior de resíduos, que muitas vezes não têm a destinação ou a disposição final adequadas. O nutricionista do Setor de Alimentação Coletiva pode minimizar os impactos gerados ao meio ambiente por meio do uso de ferramentas de gerenciamento e controle do processo produtivo de refeições, como manutenção das Fichas Técnicas de Preparo, introdução da coleta seletiva e aplicação de checklist relacionado às Boas Práticas Ambientais. Este estudo foi desenvolvido por meio de uma revisão bibliográfica sobre a gestão de resíduos orgânicos nos Serviços de Alimentação Coletiva, para um levantamento qualitativo da situação nesse Setor em relação às adequações esperadas à luz da legislação ambiental e à adoção de práticas sustentáveis de produção de refeições. O recorte temporal dos estudos analisados compreendeu o período de 2007 a 2017 e foram utilizados os seguintes descritores para as buscas nas plataformas: alimentação coletiva; sustentabilidade; gestão ambiental; resíduos sólidos. Os resultados obtidos revelaram que ainda há barreiras para a aplicação do sistema de gestão ambiental integrado entre os gestores do Setor de Alimentação, devido a fatores como custo, falta de conhecimento, dificuldade de treinamento de colaboradores e resistência da clientela a mudanças no cardápio. No entanto, alguns profissionais efetivaram mudanças significativas no processo de produção e obtiveram certificações ambientais, além da redução do desperdício de insumos, dos custos com o uso da água e da energia e maior nível de conscientização ambiental entre os clientes e os funcionários.


The implementation of an environmental management plan in the food science and nutrition field is relevant in the context of integrated management of municipal solid organic residues since it generates an ever growing amount of waste, which often doesn't get adequately disposed of. The nutritionist in the collective feeding sector may act in such way as to minimize it's environmental impact using management tools and production control measures, such as adequate maintenance of technical charting, introducing selective collection of such waste and implementing adequate sustainability practices. This article consists of literary revision of organic residue waste management in the collective feeding field, to gather qualitative information in regards to compliance with environmental legislature and adopting sustainable production methods. The temporal cut of the analyzed studies comprises the period from 2007 to 2017 and the following descriptors were used for the searches on the platforms: collective feeding; sustainability; environmental management; solid waste. The information gathered in this revision shows that there's still resistance in implememting the integrated environmental management system amongst food industry managers due to cost, lack of knowledge on the subject, difficulty in training personnel, and customer resistance to menu changes. However, some of the revised authors encountered businesses which made the necessary changes to the production process, and obtained environmental certification, in addition to decrease in waste of supplies, decrease in water and electricity cost and developing environmental awareness for both clients and personnel.


Assuntos
Resíduos Sólidos , Gerenciamento de Resíduos , Gestão Ambiental , Alimentação Coletiva , Serviços de Alimentação , Gestão Ambiental , Conservação dos Recursos Naturais , Dieta Saudável
13.
Rev. luna azul ; 4601 enero 2018.
Artigo em Inglês, Espanhol | LILACS | ID: biblio-1007111

RESUMO

Objetivo: Identificar impulsores, barreras y beneficios en la implementación del Sistema de Gestión Ambiental -SGA- en empresas manufactureras del departamento de Caldas. Metodología: Este estudio aborda la evolución de la certificación ISO 14001 a nivel global y nacional, considerando las estadísticas de la encuesta ISO y los informes del Consejo Colombiano de Competitividad. Luego, presenta un análisis descriptivo para 16 empresas manufactureras de los sectores metalmecánico y alimentos y bebidas, localizadas en Caldas. Para su realización, se recolectó información primaria mediante entrevistas a los responsables del SGA en las industrias; se emplearon instrumentos metodológicos basados en los requisitos de la ISO 14001. Los resultados obtenidos fueron evaluados por sector y tamaño industrial, para identificar los niveles de cumplimiento del estándar y los principales impulsores, barreras y beneficios en su implementación. Resultados: Las estadísticas revelan que Colombia lidera la certificación ISO 14001 en América Latina; sin embargo, las tasas de adopción son relativamente bajas comparadas con países desarrollados. En Colombia, Santander tiene los mejores indicadores en certificación ISO 14001, mientras que Caldas ocupa la novena posición. Para las empresas evaluadas en Caldas, sólo el 25% estaba certificada en el estándar; se encontraron diferencias estadísticamente significativas, con relación al tamaño industrial, en el nivel de implementación del estándar y en los impulsores, barreras y beneficios del SGA. Conclusiones: Los impulsores del SGA son los requerimientos legales y el acceso a mercados, en las grandes empresas evaluadas; la mejora de procesos y la producción sostenible, en las PYME. La principal barrera es el clima organizacional, en grandes empresas; mientras que el costo asociado, en las PYME. Las industrias evaluadas reconocen como beneficios del SGA una mayor satisfacción de partes interesadas; no obstante, su implementación se percibe más como un requerimiento de tipo 'obligatorio' y no como una estrategia voluntaria de mejoramiento.


Objective: To identify driving forces, barriers and benefits for the implementation of Environmental Management Systems (EMS) in manufacturing industries in the department of Caldas. Methodology: This study addresses an evolution of 14001 certifications at a global and national level considering ISO survey statistics and reports of the Colombian Council on Competitiveness. It also presents a descriptive analysis for 16 manufacturing industries of the metal-mechanic and food and beverage sectors located in the Department of Caldas. To achieve this goal, primary information was collected through interviews with those responsible for EMS in the industries using methodological instruments based on the requirements of ISO 14001 . The results obtained were evaluated according to sector and industry size, in order to identify levels of compliance with the standard and the key driving forces, barriers and benefits in its implementation. Results: Statistics shows that Colombia leads the ISO 14001 certification in Latin America. However, adoption rates are relatively low compared to developed countries. Nationwide, the Department of Santander has the best indicators regarding ISO 14001 certified companies, while the Department of Caldas ranks in the ninth position. For the companies evaluated in the Department of Caldas, only 25% were certified to the standard. Statistically significant differences, regarding the industry size, the standard implementation level and driving forces, barriers and benefits of EMS were found. Conclusions: EMS driving forces are the legal requirements and access to markets in the large companies evaluated and process improvement and sustainable production for SMEs. In large industries, the main barrier is the organizational climate, while in SMEs is the associated cost. The industries evaluated recognize greater stakeholders' satisfaction as EMS benefits but the certification implementation is perceived more as a "mandatory" requirement rather than as an improvement strategy.


Assuntos
Gestão Ambiental
14.
São Paulo; s.n; 2018. 203 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-947248

RESUMO

Introdução- A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS -Lei 12.305/2010 e Decreto Federal 7.404/2010) traz na responsabilidade compartilhada seu principal instrumento para mitigar os impactos do lixo na saúde humana e qualidade ambiental. Visando alcançar a meta da disposição e destinação final ambientalmente adequadas de resíduos sólidos e rej eitos, a PNRS elegeu a coleta seletiva sua ferramenta essencial, determinando que a União Federal disponibilize recursos para sua implantação. Nesse contexto a Prefeitura do Município de São Paulo, mesmo alijando parcela significativa de sua população do direito de acesso à coleta seletiva, divulgou no curso do ano de 2016, a universalização do sistema de coleta seletiva em seus 96 distritos e publicou em Diário Oficial o cumprimento das metas da PNRS e do seu ''Programa de Metas 2013/2016" com a expansão da coleta seletiva por todo o município, mediante utilização de verbas federais. Objetivo-O estudo de caso analisa a eficácia social da Política Nacional de Resíduos Sólidos no sistema de coleta seletiva implantado no Município de São Paulo, entre 2013/2016, e sua compatibilidade com a ordem jurídica brasileira vigente. A análise é feita sob a ótica da justiça ambiental na distribuição de bens globais como a saúde humana e qualidade ambiental. Método - Construída a argumentação teórica, fundada na problemática apresentada, os dados da fase empírica foram obtidos por ordem judicial e por perguntas diretas enviadas a órgãos públicos através da Lei de Acesso à Informação. Na fase da análise critica os dados obtidos foram submetidos ao escrutínio da argumentação teórica e legislação vigente, resultando em conclusões e recomendações. Resultados- O estudo mostrou que no período entre 2013/2016, a Prefeitura de São Paulo, utilizando verbas federais, considerou implantada em 100% a coleta seletiva em 52 distritos, do total de 96. Dos 44 distritos que tinham implantação parcial do sistema (variando entre 99% a 1%), 41 se localizavam em áreas que abrigavam segmentos populacionais apontados pelo Índice Paulista de Vulnerabilidade Social (IPVS-20 1 O) como mais pobres e vulneráveis. Esses 41 distritos também são apontados no Mapa da Desigualdade (20 16) como os piores, considerando indicadores de áreas como emprego, renda e moradia. Comparando dados de implantação da coleta seletiva entre junho 2016 e maio de 2018, verificou-se uma redução da implantação em dez das 31 Subprefeituras que contavam com 100%, e ampliação em apenas sete. O índice de coleta seletiva em 2016 foi de 2,11 %, tendo 97,89% do total coletado destinado a aterro sanitário. No ano de 2017, comparado a 2016, o índice de coleta seletiva variou para menos sendo 2,09%. Conclusões - Analisando o sistema de coleta seletiva do Município de São Paulo, entre os anos de 2013/2016, verificou-se que o sistema não está universalizado no município, mas sim expandido; que a mera expansão da coleta seletiva descumpre a meta da disposição ambientalmente adequada prevista na PNRS; que cercear o acesso a programas de prevenção contra riscos ambientais, como a coleta seletiva, desafia a ordem jurídica vigente, expondo riscos à saúde humana, à qualidade ambiental e viola preceitos de justiça ambiental


Introduction - The National Policy on Solid Waste (PNRS - Law 12.305/2010 and Federal Decree 7.404/201 O) brings the shared responsibility the main instrument to mitigate waste impacts on human health and environmental quality To aim to reach the goal of disposition and environmentally adequate disposal of solid wastes, the PNRS chose selective collection as its essential tool, determining that the Federal Union provides resources for its implementation. In this context, the City Hall of the Municipality of São Paulo, even removing a significant portion of its population from the right of access to selective collection, announced in the course o f 2016 the universalization of the selective collection system in its 96 districts and published the fulfillment of its " Program of Goals 2013/2016 "with the expansion of selective collection throughout the municipality, through the use of federal funds. Objective - The case study analyzes the social effectiveness of the National Solid Waste Policy in the selective collection system implemented in the city of São Paulo, between 2013/2016, and its compatibility with the current Brazilian legal system, from the point of view of environmental justice in the distribution of global goods such as human health and environmental quality. Method - Built the theoretical argument, based on the presented problem, the data of the empirical phase were obtained by legal action and direct questions sent to public agencies through the Access to Information Act. The criticai analysis, when submitting the data to the scrutiny of the theoretical argument and current legislation, produced results, conclusions and recommendations Results - The study showed that in the period between 2013/2016, the City of São Paulo, using federal funds, considered 100% of the selective collection in 52 districts, out of a total of 96. Of the 44 districts that had partia! implantation of the system (ranging from 99% to 1% ), 41 were located in areas that were inhabited by the Paulista Social Vulnerability Index (IPVS-2010) as the poorest and most vulnerable. These 41 districts are also mentioned in the Map oflnequality (2016) as the worst, considering indicators of areas such as employment, income and housing. Comparing data from the implementation ofthe selective collection between June 2016 and May 2018, there was a reduction o f the implantation in ten of the 31 Subprefeituras that counted on 100%, and expansion in only seven. The selective collection index in 2016 was 2.11%, with 97.89% of the total collected for landfill. In 2017, compared to 2016, the selective collection index changed to less being 2.09%. Conclusions - Analyzing the selective collection system of the Municipality of São Paulo, between 2013/2016, it was verified that the system is not universalized in the municipality, but expanded; that the mere expansion of selective collection does not meet the goal of the environmentally adequate provision in PNRS; that curtail access to environmental risk prevention programs, such as selective collection, challenges the current legal order, exposing risks to human health, environmental quality and violates the precepts o f environmental justice


Assuntos
Gestão Ambiental , Legislação Ambiental , Responsabilidade Legal , Política Ambiental Municipal , Justiça Social , Coleta de Resíduos Sólidos , Saúde Ambiental , Vulnerabilidade em Saúde , Saneamento , Resíduos Sólidos
15.
São Paulo; s.n; 2018. 220 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-965806

RESUMO

Em muitas cidades ao redor do mundo, principalmente nos países em desenvolvimento, a gestão e o gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos são inadequados e causam impactos negativos à saúde pública, meio ambiente, acentuam as desigualdades sociais e contribuem significativamente com a geração dos Gases do Efeito Estufa. Entretanto estes impactos negativos podem ser minimizados com o cumprimento de políticas públicas que promovem a reutilização e reciclagem desses resíduos. Esta pesquisa teve como objetivo identificar políticas públicas municipais que contribuem para o aumento das taxas de reciclagem de resíduos sólidos urbanos por meio de estudo de caso múltiplo comparativo entre três municípios: São Paulo (Brasil), Cidade do Cabo (África do Sul) e São Francisco (Estados Unidos). A metodologia baseou-se em referências bibliográficas para a identificação de um município que fosse referência mundial no tema e dois outros, situados em países em desenvolvimento (BRICS). Posteriormente foram realizados levantamentos de campo nos municípios selecionados por meio de roteiro de entrevistas e visitas técnicas e, na sequência, criados critérios de avaliação comparativa, baseados em cinco variáveis para a coleta com segregação na fonte e cinco variáveis para as políticas públicas. Os resultados apontaram que São Francisco recupera 84% dos resíduos, obtendo a melhor nota da avaliação, tanto em termos de variáveis técnicas da coleta, como em termos de políticas públicas implantadas. A Cidade do Cabo recupera 27% dos resíduos e obteve a segunda melhor avaliação e, São Paulo que recupera 1,62% dos resíduos, obteve a menor avaliação. As conclusões apontaram que para se alcançar maiores taxas de reciclagem de resíduos sólidos urbanos é fundamental: a obrigatoriedade local de segregação dos resíduos na fonte geradora, a cobrança dos serviços de coleta seletiva para garantir a sustentabilidade econômica, incluindo sistema que permita o pagamento de taxa proporcional às quantidades de resíduos geradas, ampliar programas complementares de minimização de resíduos, campanhas em massa para divulgação dos serviços de coleta seletiva, assim como, a execução de planos integrados de resíduos sólidos com objetivos, metas, recursos e cronograma executivo adaptados às realidades locais dos municípios, inclusive com participação de prestadores de serviços diversificados como o terceiro setor e empresas privadas de diversos portes


In many cities around the world, especially in developing countries, the management of municipal solid waste is inadequate and contributes with to negative impacts for public health and the environment, accentuates social inequalities and contributes significantly to the generation of Greenhouse Gases. However, these negatives impacts can be minimized by complying public policies that promote the reuse and recycling of municipality solid waste. The objective of this research was to identify local public policies that contribute to increase the rates of municipal solid waste recycling through a comparative multiple case studies of three cities: São Paulo (Brazil), Cape Town (South Africa) and San Francisco (The United States). The methodology was based on bibliographical references for the identification of a city that is a world reference in the theme and two others, located developing countries (BRICS). Afterwards field surveys were carried out in the selected municipalities through a script of interviews and technical visits, followed by benchmarking criteria based on five variables for collection with segregation at source and five variables for public policies. The results showed that São Francisco recovers 84% of the waste, obtaining the best evaluation score, both in terms of technical variables of collection and in terms of public policies implemented. Cape Town recovers 27% of the waste and obtained the second best evaluation, and São Paulo, which recovers 1.62% of the waste, obtained the lowest evaluation. The conclusions pointed out that in order to achieve high rates of recycling of solid urban waste, it is essential to: local compulsory segregation of waste in the generating source, the charging of collection services to ensure financial sustainability, including a system that allows the payment of a fee proportional to the amount of waste generated, mass campaigns to disseminate selective waste collection services, as well as the implementation of integrated solid waste plans with objectives, targets, resources and executive schedule adapted to the local realities of municipalities, including the participation of diversified service providers such as the third sector and private companies of various sizes


Assuntos
Uso de Resíduos Sólidos , Gestão Ambiental , Política Ambiental Municipal , Reciclagem , Política Pública , Resíduos Sólidos
16.
São Paulo; s.n; 2018. 132 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-913679

RESUMO

A implantação e a ampliação dos sistemas de esgotamento sanitário devem contemplar não só aspectos políticos, técnicos e econômicos, mas também sociais, ambientais e de sustentabilidade. Para subsidiar a tomada de decisão com base neste paradigma, e auxiliar na definição das prioridades de intervenções, propõe-se aqui um novo indicador de sustentabilidade, que aqui foi denominado de Índice de Diluição de Esgoto - IDE. Este índice correlaciona a vazão de esgoto sanitário não tratado com a vazão dos corpos d'água e permite efetuar a avaliar o sistema de esgotamento sob a ótica da capacidade suporte do ambiente. A revisão bibliográfica abordou quatro temas: os esgotos sanitários, os recursos hídricos superficiais, a poluição dos corpos d'água por esgoto sanitário e os indicadores de sustentabilidade. Com base nos parâmetros de qualidade padrões dos esgotos sanitários e dos corpos d'água limpos, bem como na legislação ambiental, foram identificadas quatro faixas de risco associadas aos valores do IDE: acima de 0,1% há o risco à saúde e à eutrofização de represas, acima de 5% à comunidade aquática, acima de 10% à harmonia paisagística e acima de 15% à harmonia odorífera. Com o IDE desenvolvido, foi estudado o caso da Região Metropolitana de São Paulo - RMSP: o valor do índice foi calculado para as suas diversas sub-bacias de esgotamento. As bacias com os maiores valores de IDE situam-se em um anel que circunda a RMSP, enquanto que aquelas com os menores valores, nas porções interna e externa deste anel. Poucas sub-bacias apresentaram valores inferior a 0,1% e muitas apresentaram valores acima de 15%, que extrapola os 200% em alguns casos. O estudo da RMSP foi realizado à luz de variáveis territoriais e socioeconômicas, o que propiciou uma discussão do diagnóstico e do planejamento do sistema de esgotamento sob a ótica da sustentabilidade e dos riscos associados


The implementation and expansion of sewage systems should include not only political, technical and economic aspects, but also social, environmental and sustainability aspects. In order to support decision-making based on this paradigm and to endorse the interventions's priorities selection, a new sustainability indicator is proposed here, which has been called Sewage Dilution Index - SDI. This index correlates untreated sanitary sewage flow with the water bodies flow and allows the evaluation of the sewage system from the perspective of environmental support capacity. The literature review addressed four themes: sanitary sewage, surface water resources, pollution of water bodies by sanitary sewage and sustainability indicators. Based on the sanitary sewers and clean water bodies quality parameters standard, as well as environmental legislation, four risk ranges were identified associated with SDI values: above 0.1% a health and reservoir eutrophication risk was identified, above 5% an aquatic community risk, above 10% a landscape harmony risk and above 15% an odoriferous harmony risk. After the SDI was developed, it was accomplished the São Paulo's Metropolitan Area - SPRA case study: the sewage's índex values was calculated for it's sewage's sub-basins. The sub-basins with the highest values of SDI are located in a ring that surrounds the SPRA, whereas those with the lowest values are located inside and outside of this ring. Few sub-basins presented values below 0,1% and many showed values above 15%, which exceeds 200% in some cases. The SPRA case study was accomplished associated with territorial and socioeconomic variables, which allowed a discussion of the diagnosis and planning of the sewage system from the sustainability and associated risks point of view


Assuntos
Planejamento Ambiental , Medição de Vazão , Esgotos , Indicadores de Desenvolvimento Sustentável , Gestão Ambiental , Recursos Hídricos
17.
São Paulo; s.n; 2018. 138 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-913686

RESUMO

O monitoramento dos poluentes atmosféricos é um dos principais itens para a gestão do ar em centros urbanos e rurais atualmente. Entretanto, os altos custos de infraestrutura e de manutenção das estações de monitoramento da qualidade do ar inviabilizam muitos países, estados e municípios de implementarem esse intrumento. No Brasil, a gestão da qualidade do ar é restrita a alguns estados. No caso do monitoramento da qualidade do ar, a medida é restrita a algumas cidades. A fim de contribuir com o entendimento dos níveis de ozônio em uma cidade do interior paulista, foram conduzidas vinte e seis campanhas de amostragem semanal do ozônio tropósférico entre setembro de 2016 e setembro de 2017, em Jundiaí. Foram investigadas algumas características que são determinantes para a ocorrência do poluente ao longo das quatro estações e a variação em sete bairros do município. Com o propósito de avaliar o desempenho dos amostradores passivo frente as medições do monitor automático da CETESB, um dos locais selecionados foi a estação de monitoramento da CETESB. Em relação aos sete bairros, contatou-se diferença estatística (p0,05), ainda que o primeiro e segundo quartis tenham apresentado correlação (p<0,05). O dispositivo precisa ser mais bem avaliado com calibração em laboratório.


Monitoring of air pollutants is one the main items for air management in urban and rural centers today. However, the high costs of infrastructure and maintenance of air quality monitoring stations manke many countries, states and municipalities unable to implement this instrument. In Brazil air quality management is restrict to some states. In the case of air quality monitoring, the measure is restricted to some cities. In order to contribuite to the understanding of ozone levels in a city in the state of São Paulo, twenty-six weekly sampling campaigns of tropospheric ozone between September 2016 and Sptember 2017 in Jundiaí. It was investigated some characteristics that are determinant for the occurance of the pollutant throughout the four seasons and the variation in seven districts os the Jundiaí. In order to evaluate the performance of the passive samplers against the CETESB automatic monitor measurements, one of the selected sites was the monitoring station of CETESB. About the seven neighborhoods, a statistical difference (p0.05), although the first and second quartiles showed a correlation (p<0.05). The device needs to be better evaluated with laboratory calibration.


Assuntos
Poluição do Ar , Gestão Ambiental , Monitoramento Ambiental , Ozônio , Meio Ambiente e Saúde Pública , Saúde Ambiental
18.
Rev. luna azul ; 45: [123]-[149], octubre 20, 2017.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-997423

RESUMO

El objetivo de este trabajo fue explorar los principales retos que tendrán que afrontar en las próximas décadas los gobiernos locales de América Latina, para reorientar el desarrollo urbano hacia la construcción de ciudades sustentables, de cara a La Nueva Agenda Urbana avalada en la Conferencia Internacional sobre Hábitat y Desarrollo Urbano Sostenible - Hábitat III. El desordenado y progresivo crecimiento de las ciudades latinoamericanas, sus condiciones actuales de desarrollo humano y las perspectivas económicas de la Región, como principales elementos de análisis de la investigación, permitieron identificar tres principales retos: la construcción de ciudades resilientes, incluyentes y equitativas; el fortalecimiento de la gobernabilidad local mediante la efectiva participación informada en la toma de decisiones por parte de la ciudadanía, y por último, el reconocimiento del componente cultural en la formulación de políticas públicas de gestión ambiental del territorio, como pilar básico en la lucha contra el cambio climático y el logro del desarrollo sustentable.


The aim of this study was to explore the main challenges that local governments in Latin America will have to face in the coming decades regarding the reorientation of urban development towards building sustainable cities with regard to The New Urban Agenda cosigned in the International Conference on Sustainable Urban Development and Habitat - Habitat III. The messy and progressive growth of Latin American cities, their current conditions of human development and the economic prospects of the region, as the main elements of analysis in this research, allowed the identification of three main challenges: building resilient, inclusive and equitable cities; strengthening local governance through effective informed participation in decision-making by citizens; and the recognition of the cultural component in the formulation of public policies for environmental management planning, as a basic foundation in the fight against climate change and the achievement of sustainable development.


Assuntos
Reforma Urbana , Gestão Ambiental
19.
Rev. luna azul ; 45: [171]-[200], octubre 20, 2017.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-997428

RESUMO

A través de este artículo se presenta una propuesta metodológica para desarrollar la formulación de un plan de gestión ambiental municipal. Para ello se emplean como herramientas de identificación y diagnóstico de los problemas territoriales de escala local, el análisis de unidades del paisaje y la evaluación de impacto ambiental. Precisamente, con el fin de visibilizar su fácil aplicabilidad, se exponen los resultados obtenidos de un ejercicio académico investigativo efectuado en el municipio de Tona, Cataluña-España. Por último, se esbozan una serie de programas y acciones de gestión ambiental para esta localidad, orientados a prevenir, controlar, mitigar y corregir los impactos generados por su urbanización y los diferentes usos del suelo.


Through this article a methodological proposal to develop the formulation of a Municipal Environmental Management Plan is presented. To this end, the analysis of landscape units and environmental impact assessment are used as tools for the identification and diagnosis of the territorial conflicts at the local level. Precisely, to visualize its easy applicability, the results of a research academic exercise carried out in the Municipality of Tona, Catalonia-Spain are exposed. Finally, a series of environmental management programs and actions for this location, designed to prevent, control, mitigate and correct the impacts generated by urbanization and the different land uses are outlined.


Assuntos
Gestão Ambiental
20.
São Paulo; s.n; 2017. 210 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-879585

RESUMO

O desenvolvimento portuário tem desdobramentos diretos nos municípios onde estão inseridos, a bibliografia sobre o tema indica que os processos históricos que definem a gênese das cidades suportam, em muitos casos, o desenvolvimento dos portos ao redor do mundo. Esses processos foram analisados nesta tese, visando pontuar os reflexos da econômica global, dos fluxos de bens e mercadorias no desenvolvimento dos espaços portuários e como o atual momento do sistema capitalista cria espaços artificiais, desconexão da territorialidade e desequilíbrios de toda ordem, incluindo àqueles ambientais. A hipótese norteadora desta tese versou sobre a possibilidade de gerir aspectos ambientais e reduzir impactos ambientais oriundos dos portos a partir do emprego da metodologia da gestão adaptativa, pautada nos Padrões Abertos para a Prática da Conservação, tendo como caso de análise a cidade e o porto de Santos. Desta forma, o objetivo geral foi testar parcialmente essa metodologia internacional de gestão aplicada à relação porto-cidade, com especial atenção aos aspectos que comprometem a qualidade de vida e a saúde da população. Os resultados coletados, apesar de parciais, permitiram atestar que o método dos Padrões Abertos para a Prática da Conservação tem grande viabilidade no desenvolvimento de projetos de gestão ambiental, contribuindo para o desenvolvimento de um Planejamento Ambiental Estratégico, com definição de estratégias e ações pautadas em mecanismos de avaliação contínua do atendimento ao planejamento e melhoria dos aspectos e impactos ambientais da atividade portuária. Compete às pesquisas futuras o desafio da implementação e monitoramento de ações, análise de dados produzidos, avalição de atividades e o compartilhamento de lições apreendidas para a plena aplicação da metodologia. Enquanto modelo de gestão, a proposta desenvolvida poderá ser aplicada em outros portos ao redor do mundo e, em especial aos brasileiros


The development of ports carries direct implications for the cities they are located in. The bibliography of theme-related works indicates that the historical processes that define the genesis of cities often include worldwide port development. Such processes were analyzed in this thesis in order to show how global economy and the flow of goods and merchandise influence the development of port areas and how the current phase of capitalism creates artificial spaces, disconnection of territoriality, and imbalances of all sorts, including those concerning environment. The guiding hypothesis of this thesis concerns the possible management of environmental aspects and the reduction of environmental impacts arising from ports by employing the adaptive management methodology, based on the Open Standards for the Practice of Conservation. The case to be analyzed is the city and port of Santos. Therefore, the general aim was to partially test this international management methodology applied to the port-city relationship, with special emphasis on the aspects that compromise the populations health and quality of life. The results collected, although partial, enabled us to prove that the method related to the Open Standards for the Practice of Conservation is truly viable for the development of environmental management projects and contributes to developing a Strategic Environmental Planning, with the definition of strategies and actions based on mechanisms to continually assess the responses to the planning and improvement of port-related environmental aspects and impacts. It is up to future research projects to take on the challenge of implementing and monitoring actions, analyzing data produced, assessing activities, and sharing lessons learned to fully apply the methodology. As a management model, the proposal developed may be applied to other ports all over the world and especially the Brazilian ones


Assuntos
Cidades , Gestão Ambiental/métodos , Saneamento de Portos , Promoção da Saúde , Metodologia
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA