Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 3.114
Filtrar
1.
Rev. urug. enferm ; 14(1): 38-48, jun 2019.
Artigo em Português | LILACS, InstitutionalDB, RHS | ID: biblio-1009337

RESUMO

ntrodução:O Programa Mais Médicos criado pela Lei nº 12.871, de 2013, surgiu estruturado em três frentes estratégicas: a primeira foi o provimento emergencial de médicos para Atenção Básica, a segunda, o investimento em infraestrutura neste nível de atenção e a última, medidas relacionadas à formação de médicos no país. O acesso da população aos cuidados médicos é essen-cial para promoção de um cuidado integral aos usuários do Sistema Único de Saúde. No Brasil há uma concentração desses profi ssionais nos grandes centros urbanos, e escassez nas regiões norte e nordeste do país, especialmente na Atenção Básica. As cidades situadas em região de fronteira também sofrem de escassez dos profi ssionais médicos, pois são consideradas áreas longínquas das grandes centros urbanos e capitais.Objetivo: descrever a percepção de seis gestores municipais sobre as potencialidades do Programa Mais Médicos na reorientação da Atenção Básica, em cidades gêmeas entre o Brasil e o Uruguai. Metodologia: Estudo de abordagem qualitativa. A coleta dos dados foi realizada de janeiro a março de 2016 mediante a entrevista semiestruturada. A análise dos dados foi embasada na análise de conteúdo prosposta por Bardin e referencial teórico do Planejamento Estratégico descrito por Matus e Testa. Resultados: Os municípios fronteiriços descentralizaram e planifi caram a atenção em saúde ao alocarem os profi ssionais médicos na Atenção Básica. O provimento e maior permanência do mé-dico nas equipes mobilizou o trabalho multiprofi ssional e ampliou o acesso dos usuários aos servi-ços e ações de saúde. Conclusão: A gestão em saúde aufere maior poder de planejamento ao dispor do profi ssional medico em seu quadro de trabalhadores. Portanto, o Programa Mais Médicos pro-piciou mudanças no modelo de atenção e enfrentamento das desigualdades sociais em saúde nos municípios fronteiriços.


Introducción: El Programa Más Médicos creado por la Ley nº 12.871, de 2013, surgió estructurado en tres frentes estratégicos: la primera fue la provisión de emergencia de médicos para Atención Básica, la segunda, la inversión en infraestructura en este nivel de atención y la última, medidas re-lacionadas con la formación de médicos en el país. El acceso de la población a la atención médica es esencial para promover un cuidado integral a los usuarios del Sistema Único de Salud. En Brasil hay una concentración de estos profesionales en los grandes centros urbanos, y escasez en las regiones norte y noreste del país, especialmente en la Atención Básica. Las ciudades situadas en región de frontera también sufren de escasez del profesional médico , pues son consideradas áreas lejanas de los grandes centros urbanos y capitales. Objetivo: describir la percepción de seis gestores municipales sobre las potencialidades del Pro-grama Más Médicos en la reorientación de la Atención Básica, en ciudades gemelas entre Brasil y Uruguay. Metodología: Estudio de enfoque cualitativo. La recolección de los datos fue realizada de enero a marzo de 2016 mediante la entrevista semiestructurada. El análisis de los datos se basó en el análisis de contenido propuesto por Bardin y referencial teórico de la Planifi cación Estratégica descrito por Matus y Testa. Resultados: Los municipios fronterizos descentralizaron y planifi caron la atención en salud al asignar a los profesionales médicos en la Atención Básica. La provisión y mayor permanencia del médico en los equipos movilizó el trabajo multiprofesional y amplió el acceso de los usuarios a los servicios y acciones de salud. Conclusión: La gestión en salud aporta mayor poder de planifi cación al disponer del profesional médico en su cuadro de trabajadores. Por lo tanto, el Programa Más Médicos propició cambios en el modelo de atención y enfrentamiento de las desigualdades sociales en salud en los municipios fronterizos


Introduction: More Doctors Program, in accordance with Law No. 12,871 of 2013, was structured on three strategic fronts: the fi rst one deal with the emergency of medical care for Basic Care, the second, an investment in infrastructure for Basic Care and the last one, these are measures related to the training of doctors in the country. Access to medical care is essential for the comprehensive health care for users of the Unifi ed Health System (called SUS in Brazil). Health professionals are concentrated in large urban centers and are lacking in the north and northeast regions of Brazil, especially in relation to Basic Care. Cities located in the border region also suff er from a shortage of doctors; as such places are considered remote areas of urban centers and capitals. Objective: " is study aims to describe the perception of six municipal managers about the poten-tial of the More Doctors Program in relation to the reorientation of Basic Care in twin cities betwe-en Brazil and Uruguay. Methodology: " is is a qualitative study with a semi-structured interview. Data collection was performed from January to March in 2016. " e analysis of the data was based on the analysis of content proposed by Bardin and the theoretical reference of Strategic Planning was described by Matus and Testa. Results: Border cities decentralized and planned health care by allocating doctors to Basic Care. " e provision of doctors and their permanence in the teams mobilized the multiprofessional work and extended the access of the users to actions and health services. Conclusion: Health manage-ment has greater planning power by having a medical professional in its workforce. " erefore, the More Doctors Program provided both changes in the care model and confrontation of social ine-qualities in health in border cities


Assuntos
Humanos , Gestão em Saúde , Planejamento em Saúde , Política de Saúde , Atenção Primária à Saúde , Uruguai , Brasil , Medicina de Família e Comunidade
2.
Medisan ; 23(2)mar.-abr. 2019. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1002635

RESUMO

Se realizó una investigación de casos y controles de pacientes adultos ingresados en el Hospital Provincial Docente Dr Joaquín Castillo Duany de Santiago de Cuba, durante 5 meses del 2017, con el propósito de estimar el efecto de determinados factores de riesgo como modificadores de la estadía hospitalaria, así como la magnitud del impacto en la potencial reducción del grado de exposición a estos. El grupo de estudio fue conformado por 40 pacientes y el de control por 80. Predominaron las lesiones osteomioarticulares en ambos grupos (con un total de 23,3 por ciento); en tanto, para los casos resultó más frecuente una estadía hospitalaria de 13 días y para los controles fue igual o superior a los 7 días como promedio. Entre los factores de riesgo fueron definidos, con un nivel de confianza de 95 por ciento, la edad superior a los 65 años (OR: 4; IC 95 por ciento: 1,2-17), la ocurrencia de episodios adversos (OR: 26; IC 95 por ciento: 8,1-80,3) y los retrasos en las decisiones médicas (OR: 19; IC 95 por ciento: 4-89). Pudo concluirse que el diseño epidemiológico permitió establecer relaciones de causalidad en la prolongación de la estadía hospitalaria y cuantificar la magnitud de su reducción si se controlan o eliminan los riesgos


An investigation of cases and controls in adult patients admitted at Dr Joaquín Castillo Duany Provincial Hospital from Santiago de Cuba was carried out during 5 months in 2017, with the purpose of estimating the effect of certain risk factors as modifiers of the hospital stay, as well as the magnitude of the impact in the potential reduction of the exposure degree to those factors. The study group was formed by 40 patients and the control group by 80. The osteomioarticular lesions prevailed in both groups (with a total of 23.3 percent); as long as, for the cases it was more frequent a hospital stay of 13 days and for the controls, equal or longer than 7 days as average. Among the risk factors were defined, with a confidence level of 95 percent, the age older than 65 years (OR: 4; IC 95 percent: 1.2-17), the occurrence of adverse episodes (OR: 26; IC 95 percent: 8.1-80.3) and the delays in the medical decisions (OR: 19; IC 95 percent: 4-89). It could be concluded that the epidemiological design allowed to establish causality relationships in the continuity of the hospital stay and to quantify the magnitude of its reduction if risks are controlled or eliminated


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Fatores de Risco , Indicadores de Qualidade em Assistência à Saúde/ética , Gestão em Saúde , Hospitalização , Fatores Epidemiológicos , Administração Hospitalar
3.
San Salvador; s.n; abr. 2019. 56 p. ilus, graf, tab.
Tese em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1007233

RESUMO

OBJETIVO: Determinar el alcance y nivel de desarrollo de los procesos de gestión en la ejecución del presupuesto del primer nivel de atención del MINSAL El Salvador en el período 2014, 2015, 2016 y 2017. DISEÑO: Es un estudio descriptivo retrospectivo de corte transversal. La unidad de análisis fueron los informes de la ejecución presupuestaria del Primer Nivel de Atención, elaborados por la Unidad Financiera Institucional y las entrevistas a actores claves. RESULTADOS: Existe marco legal que orienta y da seguimiento a la ejecución presupuestaria del MINSAL; que el presupuesto aprobado al primer nivel de atención es insuficiente para responder a las necesidades de la población, con una tasa constante a la baja entre lo presentado y aprobado, hay rubros vitales que no logran ejecutarse según lo esperado; puntos críticos en los mecanismos de coordinación para la toma de decisiones y modalidad de gestión. CONCLUSIONES: El marco legal da seguimiento a la ejecución presupuestaria de todas las instancias de la administración pública; las tasas de variación de los rubros han decrecido, solo en rubro de remuneraciones denota incremento, pero menor de un año con respecto al siguiente; en los mismos periodos el rubro de adquisiciones de bienes y servicios disminuyó, de igual forma inversiones de activo fijo, seguido de gastos financieros, transferencias corrientes se mantuvo; se revisan aspectos que influyen en el funcionamiento de los mecanismos de gestión para la toma de decisiones oportunas durante la ejecución presupuestaria


Assuntos
Humanos , Organização e Administração , Orçamentos , Legislação , Gestão em Saúde
4.
Saúde Soc ; 28(1): 287-298, jan.-mar. 2019.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-991674

RESUMO

Resumo O trabalho teve como objetivo identificar a percepção de gestores públicos da assistência farmacêutica em esferas subnacionais e de gerentes técnicos de instâncias colegiadas do Sistema Único de Saúde sobre os reflexos do Programa Farmácia Popular do Brasil (PFPB), iniciativa exclusivamente federal, na gestão da assistência farmacêutica na atenção básica (Afab), de responsabilidade tripartite e operacionalizada pelos municípios. Entrevistaram-se gestores municipais, estaduais e gerentes técnicos do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde e do Conselho Nacional de Secretários de Saúde. A análise do conteúdo considerou as categorias (1) desafios e avanços da Afab e do PFPB e (2) conexões entre a Afab e o PFPB. Houve visões divergentes sobre as relações entre Afab e PFPB, se concorrentes ou complementares. Ressaltou-se o contraste entre os crescentes investimentos no PFPB e sua estagnação na Afab, a sobreposição dos elencos, a migração de usuários e o papel do PFPB como alternativa de acesso, entre outros. A implementação centralizada do PFPB parece ter se dado com baixa articulação com as esferas subnacionais de gestão, gerando distintas e contraditórias interpretações sobre seu papel e objetivos para os municípios, considerando-se as diretrizes de descentralização da assistência farmacêutica.


Abstract This study aimed to identify the perception of public administrators from pharmaceutical services in subnational spheres, and of technical administrators from collegiate instances of the Brazilian National Health System on the impacts of the Farmácia Popular do Brasil Program (PFPB - Brazilian Popular Pharmacy Program), an exclusively federal initiative, in the administration of pharmaceutical services in primary health care (AFAB), of the responsibility of the three government levels and operationalized by the municipalities. Municipal, state and technical administrators from the National Council of Municipal Health Secretaries and from the National Council of Health Secretaries were interviewed. Content analysis considered the categories: (1) challenges and advances of AFAB and PFPB and (2) connections between AFAB and PFPB. There were different visions on the relations between them, either competing or complementing. The contrast between the growing investments in the PFPB and their stagnation in the AFAB, the overlapping of lists of medications, patient migration and the role of the PFPB as an access alternative, among others, were highlighted. The centralized implementation of the PFPB seems to have happened with poor articulation with subnational spheres of management, generating distinct and conflicting interpretations about the program's role and objectives for the municipalities, considering the decentralization guidelines of pharmaceutical services.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Assistência Farmacêutica , Atenção Primária à Saúde , Gestão em Saúde , Federalismo , Política de Saúde
5.
Rev. enferm. UFPE on line ; 13(3): 614-623, mar. 2019.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1015548

RESUMO

Objetivo: analisar o contexto técnico do trabalho de gerentes de Unidades de Saúde da Atenção Primária à Saúde, no que tange à formação, à qualificação profissional e à inserção no cargo/função. Método: trata-se de um estudo qualitativo, descritivo, tipo pesquisa de campo, realizado com 18 gerentes, utilizando a entrevista semiestruturada, a observação sistemática e a técnica de Análise de Conteúdo Temática. Resultados: verificou-se que os gerentes apresentaram uma pluralidade de formações profissionais; há predominância de mulheres enfermeiras; a forma de contratação e o vínculo empregatício são incertos; a falta de experiência e de qualificação profissional no ingresso do cargo/função representa um desafio para o trabalho gerencial; as atividades de educação continuada e de educação em serviço sobrepõem-se às ações de educação permanente; as enfermeiras e gerentes da US revelam dificuldades na articulação entre a assistência e a gerência. Conclusão: deve-se investir na formação e qualificação dos indivíduos que atuam como gerentes das US, visando à valorização do SUS e, consequentemente, ao fortalecimento da APS.(AU)


Objective: to analyze the technical context of the work of managers of Health Units of Primary Health Care, regarding training, professional qualification and inclusion in the position / function. Method: this is a qualitative, descriptive, field-research study conducted with 18 managers, using the semi-structured interview, the systematic observation and the Thematic Content Analysis technique. Results: it was verified that the managers presented a plurality of professional training; there is a predominance of female nurses; the form of hiring and the employment relationship are uncertain; the lack of experience and professional qualification at the entrance of the position / function represents a challenge for managerial work; the activities of continuing education and in-service education overlap with the actions of permanent education; HU nurses and managers reveal difficulties in articulating care and management. Conclusion: it is necessary to invest in the training and qualification of the individuals who act as managers of the HU, aiming at the valorisation of the UHS and, consequently, the strengthening of PHC. (AU)


Objetivo: analizar el contexto técnico del trabajo de gerentes de Unidades de Salud de la Atención Primaria a la Salud, en lo que se refiere a la formación, a la cualificación profesional y a la inserción en el cargo / función. Método: se trata de un estudio cualitativo, descriptivo, tipo investigación de campo, realizado con 18 gerentes, utilizando la entrevista semiestructurada, la observación sistemática y la técnica de Análisis de Contenido Temático. Resultados: se verificó que los gerentes presentaron una pluralidad de formaciones profesionales; hay predominio de mujeres enfermeras; la forma de contratación y el vínculo laboral son inciertas; la falta de experiencia y de cualificación profesional en el ingreso del cargo / función representa un desafío para el trabajo gerencial; las actividades de educación continuada y de educación en servicio se superponen a las acciones de educación permanente; las enfermeras y gerentes de la US revelan dificultades en la articulación entre la asistencia y la gerencia. Conclusión: se debe invertir en la formación y calificación de los individuos que actúan como gerentes de las US, buscando la valorización del SUS y, consecuentemente, al fortalecimiento de la APS.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Atenção Primária à Saúde , Administração de Serviços de Saúde , Centros de Saúde , Pessoal de Saúde , Gestão em Saúde , Epidemiologia Descritiva , Pesquisa Qualitativa
6.
REME rev. min. enferm ; 23: e-1160, jan.2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1005016

RESUMO

O objetivo deste estudo foi identificar os aspectos que dinamizam e/ou obstaculizam o processo de avaliação de desempenho de uma instituição hospitalar pública e discutir com os profissionais de saúde estratégias facilitadoras desse processo. Trata-se de pesquisa qualitativa, exploratório-descritiva realizada em um hospital público da região Sul do Brasil. A coleta de dados ocorreu por meio da realização de grupo focal e as informações foram submetidas à análise temática. Como resultados do estudo emergiram as categorias: na dialogicidade do grupo focal, ponderações sobre a finalidade do processo avaliativo; cultura sobre avaliação de desempenho como dinamizadora/obstaculizadora do processo de avaliação; e estratégias facilitadoras do processo de avaliação de desempenho. Os resultados reforçam a necessidade de conduzir a avaliação de desempenho alicerçada em um processo dialógico, reflexivo e que busque uma leitura crítica da realidade em que os profissionais estão inseridos.(AU)


This study aims to identify the aspects that optimize and/or hamper the process of performance appraisal in a public hospital and to discuss strategies that facilitate this process with health professionals. This is a qualitative, exploratory-descriptive study conducted in a public hospital in the southern region of Brazil. Data collection took place through focal group and information was submitted to thematic analysis. The following categories emerged as a result of this study: considerations about the purpose of the evaluation process in the dialogical process of the focal group; the culture of performance appraisal as an optimization / obstacle to the evaluation process; and strategies that facilitate the process of performance appraisal. The results reinforce the need for the institution to conduct performance appraisal based on a reflexive and dialogical process that seeks a critical analysis of the circumstances health professionals work in.(AU)


El objetivo de este estudio fue identificar los aspectos que dinamizan y/o obstaculizan el proceso de evaluación de desempeño de un hospital público y discutir con los profesionales de la salud estrategias facilitadoras de dicho proceso. Investigación cualitativa, exploratoria, descriptiva llevada a cabo en un hospital público del sur de Brasil. La recogida de datos se efectuó por medio de la realización del grupo focal; las informaciones fueron sometidas al análisis temático. Como resultados del estudio se generaron las siguientes categorías: en la dialogicidad del grupo focal, consideraciones...(AU)


Assuntos
Humanos , Pesquisa em Administração de Enfermagem , Gestão em Saúde , Avaliação de Desempenho Profissional , Administração Hospitalar
7.
Trab. educ. saúde ; 17(3): e0022151, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1014705

RESUMO

Resumo O artigo analisa o papel dos apoiadores institucionais como sujeitos responsáveis pela condução das políticas públicas. Busca, desse modo, compreender a forma de construção de relações institucionais desde a base do Estado brasileiro, mediante ao estabelecimento de dinâmicas relacionais entre agentes públicos, especialmente no enfrentamento das complexas questões sobre as relações federativas brasileiras. O estudo foi realizado na Coordenação Geral de Gestão da Atenção Básica, do Departamento de Atenção Básica do Ministério da Saúde. Configura uma pesquisa ancorada na epistemologia qualitativa, com a realização de pesquisa documental, observação, entrevistas em profundidade e grupos focais entre novembro de 2015 e junho de 2017. Os resultados permitiram a identificação de dois elementos estruturantes do trabalho dos apoiadores - vínculo e conhecimento do território -, os quais subsidiaram a construção de uma tipologia da estratégia de atuação desenvolvida e operada pelos apoiadores, a saber: aplicação, adaptação e cooperação. Conclui-se que o avanço da implantação da estratégia de apoio institucional foi possível fundamentalmente em função da dinâmica relacional e presencial entre sujeitos, e seus resultados indicam possibilidades concretas de avanço na garantia do direito à saúde, não obstante as dificuldades e contradições que caracterizam o federalismo brasileiro.


Abstract Thise article analyzes the role of the institutional supporters as individuals responsible for the conduction of public policies. Thus, it aims to understand the way in which institutional relationships are developed from the basis of the Brazilian State, through the establishment of relational dynamics among public agents, especially in the confrontation of complex issues regarding Brazilian federative relationships. The study was conducted at the General Coordination for Primary Health Care Management of the Primary Health Care Department of the Brazilian Ministry of Health. The research was based on qualitative epistemology, with the development of a documentary research, observation, in-depth interviews and focus groups between November 2015 and June 2017. The results enabled the identification of two structuring elements of the work of the supporters - ties to and knowledge of the territory -, which subsidize the development of a typology of the strategy of action developed and operated by the supporters, namely: application, adaptation, and cooperation. We concluded that the advancement in the implementation of the institutional support strategy was fundamentally made possible due to the relational and in-person dynamics among the individuals, and its results indicate concrete possibilities regarding the advancement in the guarantee of the right to health, in spite of the difficulties and contradictions that characterize Brazilian federalism.


Resumen El artículo analiza el papel de los apoyos institucionales como sujetos responsables por la conducción de las políticas públicas. Busca, de ese modo, comprender la forma de construcción de relaciones institucionales desde la base del Estado brasileño, mediante el establecimiento de dinámicas de relación entre agentes públicos, especialmente en el enfrentamiento de las complejas cuestiones sobre las relaciones federativas brasileñas. El estudio fue realizado en la Coordinación General de Gestión de la Atención Básica, del Departamento de Atención Básica del Ministerio de la Salud. Configura una búsqueda surgida en la epistemología cualitativa, con la realización de búsqueda documental, observación, entrevistas en profundidad y grupos focales entre noviembre de 2015 y junio de 2017. Los resultados permitieron la identificación de dos elementos estructurantes del trabajo de los apoyos - vínculo y conocimiento del territorio -, los cuales subsidiaron la construcción de una tipología de la estrategia de actuación desarrollada y operada por los apoyos, a saber: aplicación, adaptación y cooperación. Se concluye que el avance de la implementación de la estrategia de apoyo institucional fue posible fundamentalmente en función de la dinámica de relación y presencial entre sujetos, y sus resultados indican posibilidades concretas de avance en la garantía del derecho a la salud, no obstante las dificultades y contradicciones que caracterizan el federalismo brasileño.


Assuntos
Humanos , Atenção Primária à Saúde , Gestão em Saúde , Federalismo , Administração em Saúde
8.
Trab. educ. saúde ; 17(3): e0021544, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1014706

RESUMO

Resumo A humanização é um importante arcabouço teórico-prático para a transformação social das organizações e gestão de pessoas, pois promove políticas e práticas inclusivas e de desenvolvimento para trabalhadores, gestores e instituições. Enfatizando essa compreensão, este ensaio abarcou concepções críticas dos fenômenos organizacionais para contribuir na análise de práticas de gestão humanizadas em organizações sociais. O campo teórico-prático das práticas de gestão e organização do trabalho foi analisado, destacando a ineficácia do positivismo instrumental, práticas administrativas de recursos humanos e dataísmo. Também foram transpostos aos contextos de trabalho, elaborações contemporâneas sobre práticas organizativas, dialógica, prática político-pedagógica, libertação versus dominação e análise de implicação. Destacamos essas contribuições como formulações iniciais para proporcionar condições organizacionais e de gestão do trabalho humanizadas. Essas elaborações também podem ser úteis para visualizar práticas negativas e dar maior visibilidade a ações e práticas que possibilitem aos sujeitos, às organizações e à própria sociedade condições de 'ser mais'.


Abstract Humanization is an important theoretical-practical framework for the social transformation of organizations and personnel management because it promotes inclusive and developmental policies and practices for workers, managers and institutions. Emphasizing this understanding, the present essay encompassed critical conceptions of the organizational phenomena in order to contribute to the analysis of humanized management practices in social organizations. The theoretical-practical field of the practices of management and organization of labor was analyzed, highlighting the inefficacy of the instrumental positivism, administrative practices of human resources and dataism. Contemporary elaborations regarding organizational, dialogical and political-pedagogical practices, liberation versus domination and an analysis of implications were also transposed to the labor contexts. We highlight these contributions as initial formulations to provide humanized labor management and organizational conditions. These elaborations may also be useful in order to visualize negative practices and to give more visibility to actions and practices that enable the subjects, the organizations and even society itself to have conditions to 'be more'.


Resumen La humanización es un importante marco teórico-práctico para la transformación social de las organizaciones y la gestión de personas, ya que promueve políticas y prácticas inclusivas y de desarrollo para trabajadores, gestores e instituciones. Enfatizando esta idea, este ensayo abarcó concepciones críticas de los fenómenos organizacionales para contribuir en el análisis de prácticas de gestión humanizadas en organizaciones sociales. Se analizó el ámbito teórico-práctico de las prácticas de gestión y organización del trabajo, destacándose la ineficacia del positivismo instrumental, prácticas administrativas de recursos humanos y dataísmo. También se traspusieron, a los contextos de trabajo, elaboraciones contemporáneas sobre prácticas organizativas, dialógica, práctica político-pedagógica, liberación versus dominación y análisis de la implicación. Destacamos estas contribuciones como formulaciones iniciales para proporcionar condiciones organizacionales y de gestión del trabajo humanizadas. Estas elaboraciones también pueden ser útiles para identificar prácticas negativas y proporcionar mayor visibilidad a aquellas acciones y prácticas que posibiliten a los individuos, las organizaciones y la propia sociedad, condiciones de 'ser más'.


Assuntos
Humanos , Ensaios , Gestão em Saúde , Administração em Saúde , Humanização da Assistência , Mão de Obra em Saúde
9.
Trab. educ. saúde ; 17(1): e0018710, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-979431

RESUMO

Resumo Este estudo teve como objetivo avaliar a organização do processo de trabalho entre equipes de saúde da família de um município de Minas Gerais (MG), Brasil. Pesquisa quantitativa, transversal, analítica, desenvolvida em 2014. Investigaram-se formulários da Autoavaliação para Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica de 73 equipes. Foram considerados 14 itens da subdimensão organização do processo de trabalho, avaliados com valores entre zero e 10 pontos, referindo-se à total inadequação ou adequação da equipe ao padrão avaliado. As equipes foram classificadas do padrão 'muito insatisfatório' ao 'muito satisfatório'. Efetuaram-se análises estatísticas com nível de significância p<0,05. Classificaram-se 86,3% nos padrões muito satisfatório/satisfatório, mas 13,7% foram regular/muito insatisfatório. Três itens ‒ 'Território definido, vínculo com a população e responsabilização pela resolução das necessidades de saúde'; 'Coordenação do cuidado' e 'Monitoramento das solicitações de exames' ‒ apresentaram desempenho inadequado. As equipes da zona urbana foram melhor avaliadas. O maior número de profissionais da odontologia foi correlacionado à maior pontuação. Atenção especial deve ser dada àquelas equipes com baixa pontuação. Melhor organização do processo de trabalho deve ser fortalecida, visando aprimorar a performance no cuidado à saúde da comunidade.


Abstract The study had the goal of assessing the organization of the work process of family health teams in a municipality in the state of Minas Gerais, Brazil. It was a quantitative, cross-sectional analytical research performed in 2014. We investigated the forms for the Self-Assessment for the Improvement in the Access and Quality of Primary Health Care of 73 teams. A total of 14 items of the subdimension organization of the work process were considered, and they were scored from 0 to 10, with 0 meaning complete inadequacy and 10 meaning complete adequacy of the team to the assessed pattern. The teams were classified from the 'highly unsatisfactory' pattern to the 'highly satisfactory' pattern. The significance level of the statistical analyses was set as values of p < 0.05. A total of 86.3% were classified in the highly satisfactory/satisfactory pattern, and 13.7% were classified as average/highly unsatisfactory. Three items ‒ 'Defined territory, bond with the population and responsibility for the fulfilment of the health needs'; 'Coordination of care'; and 'Monitoring of exam requests' ‒ had inadequate performances. The teams from urban areas scored better in the assessment. The odontology professionals were the category that scored the highest in the assessment. Special attention should be devoted to the teams with low scores. A better organization of the work process should be strengthened, with the goal of enhancing the performance in the care to health of the community.


Resumen Este estudio tuvo como objetivo evaluar la organización del proceso de trabajo entre equipos de salud de la familia de un municipio del Estado de Minas Gerais, Brasil. Investigación cuantitativa, transversal, analítica, desarrollada en el 2014. Se investigaron formularios de Autoevaluación para Mejora del Acceso y la Calidad de la Atención Básica de 73 equipos. Se consideraron 14 puntos de la subdimensión organización del proceso de trabajo, evaluados con valores entre cero y diez puntos, correspondiendo respectivamente a la total inadecuación o adecuación del equipo al estándar evaluado. Los equipos se clasificaron desde el estándar 'muy insatisfactorio' hasta el 'muy satisfactorio'. Se efectuaron análisis estadísticos con nivel de significación p<0,05. El 86,3% se clasificó en los estándares muy satisfactorio/satisfactorio y el 13,7% como regular/muy insatisfactorio. Tres puntos ‒ 'Territorio definido, vínculo con la población y responsabilidad por la resolución de las necesidades de salud'; 'Coordinación del cuidado' y 'Monitoreo de las solicitudes de exámenes' ‒ presentaron un rendimiento inadecuado. Los equipos de la zona urbana tuvieron un mejor resultado. El mayor número de profesionales de odontología estuvo correlacionado a la mayor puntuación. Se debe dar atención especial a aquellos equipos con baja puntuación. Se debe poner énfasis en una mejor organización del proceso de trabajo, a fin de optimizar el rendimiento en el cuidado de la salud de la comunidad.


Assuntos
Humanos , Atenção Primária à Saúde , Gestão em Saúde , Estratégia Saúde da Família , Serviços de Saúde , Pesquisa sobre Serviços de Saúde
10.
Interface (Botucatu, Online) ; 23: e170451, 2019.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-975843

RESUMO

Espera-se como objetivo deste estudo conhecer as percepções dos profissionais das equipes de Saúde da Família sobre a temática da gestão compartilhada. Foi realizado com base nos pressupostos teóricos da pesquisa qualitativa, utilizando o método da Análise de Conteúdo na modalidade temática. O universo de estudo foi constituído de 25 trabalhadores das Unidades de Saúde da Família (USF) com equipes de saúde bucal. Os dados foram obtidos inicialmente por entrevistas semiestruturadas, gravadas em áudio e posteriormente transcritas. A análise temática revelou uma categoria: Percepções sobre gestão compartilhada, com os temas "Gestão descentralizada" e "Gestão centralizada" e seus respectivos subtemas. Concluiu-se que, para os trabalhadores, gestão compartilhada é um processo participativo. Eles valorizam a participação e a democracia nas equipes para que se possa trabalhar em uma proposta de gestão mais horizontal. Porém, foram apontados modelos de gestão verticalizados, centralizados no enfermeiro.(AU)


The objective of the present study was to understand the perceptions of professionals from family health teams regarding the subject of shared management. It was based on the theoretical framework of qualitative research, using the thematic modality of the content analysis method. The study sample was 25 employees from family health units with oral health teams. Data were obtained through semi-structured interviews, whose audios were transcribed. Thematic analysis revealed the thematic category perceptions regarding shared management, with the subjects decentralized and centralized management and their respective subthemes. It was concluded that the employees consider that shared management is a participative process. They value participation and democracy in teams, so it is possible to develop a more horizontal management model. However, the results pointed to a prevalence of vertical management models, focused on nurses.(AU)


Se espera, como objetivo de este estudio, conocer las percepciones de los profesionales de los equipos de salud de la familia sobre la temática de la gestión compartida. Se realizó con base en los supuestos teóricos de la investigación cualitativa, utilizando el método del Análisis de Contenido en la modalidad temática. El universo de estudio lo constituyeron 25 trabajadores de las Unidades de Salud de la Familia con equipos de salud bucal. Los datos se obtuvieron inicialmente por medio de entrevistas semi-estructuradas, grabadas en audio y con trascripción posterior. El análisis temático reveló una categoría temática: percepciones sobre gestión compartida, con los temas Gestión Descentralizada y Centralizada y sus correspondientes subtemas. Se concluyó que, para los trabajadores, gestión compartida es un proceso participativo. Ellos valoran la participación y la democracia en los equipos para que se pueda trabajar en una propuesta de gestión más horizontal. No obstante, se señalaron modelos de gestión verticalizados, centralizados en el enfermero.(AU)


Assuntos
Humanos , Animais , Masculino , Gerenciamento da Prática Profissional , Gestão em Saúde , Estratégia Saúde da Família , Pesquisa Qualitativa , Pesquisa sobre Serviços de Saúde
11.
Interface (Botucatu, Online) ; 23: e170395, 2019.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1002336

RESUMO

Em uma pesquisa sobre a produção do cuidado nas redes de saúde, avaliou-se o papel dos colegiados de gestão em uma experiência de mudança no governo da saúde. Com metodologia qualitativa de abordagem cartográfica, observou-se que a ativação dos colegiados pela gestão visava uma dupla tarefa: por um lado, a democracia institucional, e por outro, a criação de governabilidade para a mudança proposta. No entanto, predominavam nesses colegiados pautas restritas aos agires técnicos ou profissionais, além de uma certa tensão junto com vários atores da rede. Por outro lado, também houve encontros nos quais se vivenciou novos pactos intra e entre-equipes, mediante relações simétricas e de coautoria: um analisador aqui denominado magia a-significante. Conclui-se como possível que os colegiados gestores configurem-se como cenários para uma mudança, e para tanto propõe-se o seu engravidamento com ferramentas de educação permanente em Saúde.


En una investigación sobre la producción del cuidado en las redes de salud se evaluó el papel de los colegiados de gestión en una experiencia de cambio en el gobierno de la salud. Con metodología de abordaje cartográfico, se observó que la activación de los colegiados por la gestión tenía como objetivo una tarea doble: por un lado, la democracia institucional y, por el otro, crear gobernabilidad para el cambio propuesto. Sin embargo, predominaban en ellos las mismas pautas restringidas a las actuaciones técnicas o profesionales, además de una cierta tensión en relación a varios de los actores de la red. Por otro lado, también hubo encuentros en los cuales se experimentaron nuevos pactos intra y entre equipos, mediante relaciones simétricas y de coautor: Un analizador aquí denominado magia a-significante. Se concluye como posible que los colegiados gestores se configuren como escenarios para un cambio y para ello se propone que ellos contengan herramientas de Educación permanente en salud.


In a qualitative research about healthcare production in the health networks, the role of management committees in an experience of change in the government of health was evaluated. Using a cartographic approach, we found that the activation of the committees by the government aimed at a double task: to promote institutional democracy and to create governability for the proposed change. Nevertheless, the committees' agendas were predominantly restricted to technical or professional matters, and there was some tension involving several of the network actors. On the other hand, there were encounters in which intra- and inter-team pacts were experienced, through symmetrical and co-authorial relationships: an analyzer that we called "a-significant enchantment". We conclude that the management committees can configure themselves as scenarios for a change, and to that end, we propose to make them pregnant with Permanent Health Education tools.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Sistema Único de Saúde , Reforma dos Serviços de Saúde/organização & administração , Assistência Integral à Saúde/organização & administração , Gestão em Saúde , Educação Continuada/organização & administração
12.
Interface (Botucatu, Online) ; 23: e180082, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1002341

RESUMO

Este artigo apresenta e analisa os depoimentos de médicos que trabalharam na Estratégia de Saúde da Família acerca do trabalho que desenvolveram sob gestão de diferentes Organizações Sociais (OS) no município de São Paulo, estado de São Paulo, Brasil. Os resultados são discutidos a partir das distorções que podem emergir da aplicação de indicadores de desempenho (metas) aos serviços de saúde. Concluiu-se que a simples comparação do desempenho dos serviços no alcance de metas não é suficiente para determinar qual serviço cumpre melhor seu papel na rede de saúde, segundo as diretrizes do Sistema Único Saúde (SUS) e da Constituição Federal. Ainda que o estudo não permita acessar em que proporção as distorções relatadas afetam o trabalho realizado sob gestão das OS, traz elementos que apontam para a importância de mais investigações sobre o tema.


Este artículo presenta y analiza las declaraciones de médicos que trabajaron en la Estrategia de Salud de la Familia sobre el trabajo que desarrollaron bajo la gestión de diferentes Organizaciones Sociales (OS) en el municipio de São Paulo (Estado de São Paulo, Brasil). Los resultados se discuten a partir de las distorsiones que pueden surgir de la aplicación de indicadores de desempeño (metas) a los servicios de salud. Se concluyó que la simple comparación del desempeño de los servicios en el alcance de las metas no es suficiente para determinar cuál servicio cumple mejor su papel en la red de salud, según las directrices del Brazilian Sistema Brasileño de Salud (SUS) y de la Constitución Federal. Aunque el estudio no permite el acceso en la proporción en que las distorsiones relatadas afectan el trabajo realizado bajo la gestión de las OS, presenta elementos que señalan la importancia de mayores investigaciones sobre el tema.


This article presents and analyzes testimonies of physicians who worked in the Family Health Strategy about the work they developed under the management of different Social Organizations (SO) in the city of São Paulo, state of São Paulo, Brazil. The results are discussed in light of the distortions that can emerge from the application of performance indicators (targets) to health services. It was concluded that the simple comparison of services' performance regarding the achievement of targets is not sufficient to determine which service best fulfills its role in the health network, according to the guidelines of the Brazilian National Health System (SUS) and the Federal Constitution. Although the study does not allow to determine the extent to which the reported distortions affect the work carried out under SO management, it points to the importance of further research on the subject.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Sistema Único de Saúde/organização & administração , Privatização , Gestão em Saúde
13.
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-1005152

RESUMO

OBJETIVO: descrever as práticas obstétricas realizadas por uma parteira leiga tencionando uma reflexão sobre as contribuições dessas práticas para a gestão do cuidado de enfermagem à parturiente. MÉTODO: utilizou-se da história oral temática, na perspectiva qualitativa, tendo como participante, uma parteira leiga, residente em um município do Norte do Estado do Rio Grande do Sul, que atuou na assistência a gestantes, parturientes, puérperas, recém-nascidos e seus familiares. Na coleta de dados, utilizaram-se entrevistas e diário de campo. Os dados foram submetidos à análise temática de conteúdo. RESULTADOS: demonstraram a atuação da parteira no pré-natal, no parto, no pós-parto e na condução de complicações, com práticas voltadas para a gestão do cuidado de Enfermagem durante o período gravídico-puerperal, pautadas na humanização do parto e nascimento, cuidado seguro e empoderamento da mulher. CONCLUSÃO: as práticas obstétricas realizadas pela parteira têm potencial para contribuir para a gestão do cuidado de Enfermagem à parturiente, embora algumas técnicas adotadas, nas décadas de 1940 a 1970, necessitem de respaldo científico


OBJECTIVE: describe the obstetric practices performed by a lay midwife with a reflection on the contributions of these practices to the management of nursing care to the parturient. METHOD: thematic oral history was used in the qualitative perspective, having as a participant a lay midwife, resident in a municipality in the North of the State of Rio Grande do Sul, which assisted in the care of pregnant women, parturients, mothers who has recently given birth, newborns and their families. In the data collection, we used interviews and field diary. The data were submitted to thematic content analysis. RESULTS: demonstrated the performance of the midwife in prenatal care, in the delivery, postpartum and in the management of complications, with practices aimed at the management of Nursing care during the pregnancy-puerperal period, based on the humanization of childbirth and birth, safe care and empowerment of women. CONCLUSION: this description may contribute to the orientation of obstetrical practices for the management of nursing care, although some techniques adopted require scientific support


OBJETIVO: describir las prácticas obstétricas realizadas por una partera laica teniendo una reflexión sobre las contribuciones de estas prácticas para la gestión del cuidado de enfermería a la parturienta. MÉTODO: se utilizó de la historia oral temática, en la perspectiva cualitativa, teniendo como participante una partera laica, residente en un municipio del Norte del Estado de Rio Grande do Sul, que actuó en la asistencia a embarazadas, parturientas, puérperas, recién nacidos y sus familiares. En la recolección de datos, se utilizaron entrevistas y diario de campo. Los datos se sometieron al análisis de contenido temático. RESULTADOS: demostraron la actuación de la partera en el prenatal, en el parto, en el postparto y en la conducción de complicaciones, com prácticas dirigidas a la gestión del cuidado de Enfermería durante el período gravídico-puerperal, pautadas en la humanización del parto y nacimiento, cuidado seguro y empoderamiento de la mujer. CONCLUSIÓN: las prácticas obstétricas realizadas por la partera tienen potencial para contribuir para la gestión del cuidado de Enfermería a la parturiente, aunque algunas técnicas adoptadas, em las décadas de 1940 a 1970, necesiten de respaldo científico


Assuntos
Humanos , Feminino , Gestão em Saúde , Parto Humanizado , Parto Domiciliar , Tocologia , Enfermagem Obstétrica
14.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-34481

RESUMO

Objetivo: descrever as práticas obstétricas realizadas por uma parteira leiga tencionando uma reflexão sobre as contribuições dessas práticas para a gestão do cuidado de enfermagem à parturiente. Método: utilizou-se da história oral temática, na perspectiva qualitativa, tendo como participante, uma parteira leiga, residente em um município do Norte do Estado do Rio Grande do Sul, que atuou na assistência a gestantes, parturientes, puérperas, recém-nascidos e seus familiares. Na coleta de dados,utilizaram-se entrevistas e diário de campo. Os dados foram submetidos à análise temática de conteúdo. Resultados:demonstraram a atuação da parteira no pré-natal, no parto, no pós-parto e na condução de complicações, com práticas volta das para a gestão do cuidado de Enfermagem durante o período gravídico-puerperal, pautadas na humanização do parto e nascimento,cuidado seguro e empoderamento da mulher. Conclusão: as práticas obstétricas realizadas pela parteira têm potencial para contribuir para a gestão do cuidado de Enfermagem à parturiente, embora algumas técnicas adotadas, nas décadas de 1940 a 1970, necessitem de respaldo científico(AU)


Objective: describe the obstetric practices performed by a lay midwife with a reflection on the contributions of these practices tothe management of nursing care to the parturient. Method: thematic oral history was used in the qualitative perspective, having asa participant a lay midwife, resident in a municipality in the North of the State of Rio Grande do Sul, which assisted in the care ofpregnant women, parturients, mothers who has recently given birth, newborns and their families. In the data collection, we usedinterviews and field diary. The data were submitted to thematic content analysis. Results: demonstrated the performance of themidwife in prenatal care, in the delivery, postpartum and in the management of complications, with practices aimed at themanagement of Nursing care during the pregnancy-puerperal period, based on the humanization of childbirth and birth, safe careand empowerment of women. Conclusion: this description may contribute to the orientation of obstetrical practices for themanagement of nursing care, although some techniques adopted require scientific support(AU)


Objetivo: describir las prácticas obstétricas realizadas por una partera laica teniendo una reflexión sobre las contribuciones deestas prácticas para la gestión del cuidado de enfermería a la parturienta. Método: se utilizó de la historia oral temática, en laperspectiva cualitativa, teniendo como participante una partera laica, residente en un municipio del Norte del Estado de RioGrande do Sul, que actuó en la asistencia a embarazadas, parturientas, puérperas, recién nacidos y sus familiares. En la recolecciónde datos, se utilizaron entrevistas y diario de campo. Los datos se sometieron al análisis de contenido temático. Resultados:demostraron la actuación de la partera en el prenatal, en el parto, en el postparto y en la conducción de complicaciones, conprácticas dirigidas a la gestión del cuidado de Enfermería durante el período gravídico-puerperal, pautadas en la humanización delparto y nacimiento, cuidado seguro y empoderamiento de la mujer. Conclusión: las prácticas obstétricas realizadas por la parteratienen potencial para contribuir para la gestión del cuidado de Enfermería a la parturiente, aunque algunas técnicas adoptadas, enlas décadas de 1940 a 1970, necesiten de respaldo científico(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Tocologia , Parto Domiciliar , Parto Humanizado , Enfermagem Obstétrica , Gestão em Saúde
15.
J. bras. econ. saúde (Impr.) ; 10(3): 232-238, dez. 2018.
Artigo em Português | LILACS, ECOS | ID: biblio-980926

RESUMO

Objetivo: Desenvolver um modelo para o gerenciamento de projetos em centros de pesquisa clínica (CPCs) no cenário público-privado e privado. Métodos: Estudo transversal prospectivo com aplicação de um questionário específico em CPCs no Brasil. Esse instrumento avaliou a aplicação prática das 10 áreas de conhecimento do Project Management Body of Knowledge (PMBOK®) (gerenciamento da integração, do escopo, do tempo, de custos, de qualidade, de recursos humanos, de comunicações, de riscos, de aquisições e partes interessadas) com relação à prática diária da pesquisa clínica nos CPC do país. Resultados: Dos 195 centros de pesquisa elegíveis, 55 responderam ao questionário completo. O profissional com o cargo de gerente de projetos é inexistente em 37 centros (67,3%) ativos e não há Escritório de Gerenciamento de Projetos (EGP) em 41 centros (74,5%). O controle de despesas e receitas é realizado por 50 centros (90,9%), entretanto 28 (50,9%) realizam avaliação da rentabilidade. Quanto ao gerenciamento da qualidade, 28 (50,9%) não têm parâmetros de qualidade implantados e 11 (40,7%) não realizam auditoria interna. Falhas de comunicação estão presentes em 48 centros (87,2%). A partir da avaliação da aplicação prática das 10 áreas de conhecimento do Guia PMBOK®, foi desenvolvido um modelo de gerenciamento de projetos com aplicabilidade aos centros. Conclusões: É possível que os centros tenham melhor definição do escopo de cada projeto, custos e prazos possuam baixa margem de variabilidade, se estabeleça boa comunicação entre as partes envolvidas e que o impacto econômico do gerenciamento possa ser reconhecido.


Objective: To develop a model for the management of research projects, in public-private and private scenarios. Methods: Prospective cross-sectional study with the application of a specific questionnaire for research centers in the country. This instrument evaluated the practical application of the 10 areas of Project Management Body of Knowledge (PMBOK®) (management of integration, scope, time, costs, quality, human resources, communications, risks, acquisitions and stakeholders) of in relation to the daily practice of clinical research in the country's research centers. Results: Of the 195 eligible research centers, 55 centers answered the complete questionnaire. The professional with the position of project manager does not exist in 37 active centers (67.3%), there is no project management office (PMO) in 41 centers (74.5%). The control of expenses and revenues is carried out by 50 centers (90.9%), however, 28 (50.9%) carry out an evaluation of the profitability. Regarding quality management, 28 (50.9%) did not have quality parameters implanted and 11 (40.7%) did not perform internal audit. Communication failures are present in 48 (87.2%) centers. Based on the evaluation of the practical application of the 10 knowledge areas of the PMBOK® Guide, the project management model was developed with applicability to clinical research centers. Conclusions: It is possible that the centers have a better definition of the scope of each project, the costs and deadlines have a low margin of variability, a good communication between the parties is established and the economic impact of the management can be recognized.


Assuntos
Humanos , Gestão em Saúde , Academias e Institutos , Gestão do Conhecimento para a Pesquisa em Saúde
16.
Ciênc. Saúde Colet ; 23(12)Dec. 2018.
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-967207

RESUMO

Este trabalho teve por objetivo caracterizar a trajetória histórica, incluindo os avanços e os desafios, da integração ensino-serviço no processo de formação médica. Diante deste contexto, por meio de estudos científicos indexados em bases de dados, foi realizada uma revisão crítica da literatura a partir da busca por trabalhos considerados referência até o momento atual. A maioria dos artigos consultados trata de material referencial sobre o tema publicado em periódicos científicos indexados nas bases de dados da Biblioteca Virtual da Saúde. A busca evidenciou que foi a partir da década de 1970 que o país passou por experiências transformadoras nos campos da saúde e educação e, desde então, a integração ensino-serviço aproximou as universidades e as instituições de saúde por meio da reorganização do ensino e da assistência à saúde. Apesar dos avanços significativos, principalmente na última década, ainda há desafios a serem superados na integração destes diferentes mundos, um deles é a criação e a implementação de instrumentos de gestão como o Contrato Organizativo da Ação Pública Ensino Saúde (COAPES), capazes de suportar a complexidade deste processo. (AU)


This paper aimed to characterize the historical trajectory, including the advances and challenges, of the teaching-service integration in the medical training process. In this context, through scientific studies indexed in databases, a critical review of the literature was performed from the search for works of reference until the present moment. Most of the works consulted were reference material on the topic published in scientific journals and indexed in the databases of the Virtual Health Library. The search evidenced that the country underwent transformative experiences in the fields of health and education in the 1970's and, since then, the teaching-service integration has drawn universities and health institutions closer through the reorganization of education and healthcare. Despite the progress achieved mainly in the last decade, there are challenges to overcome in the integration of these different worlds, of one which is the creation and implementation of management tools such as the Organizing Contract for Public Health Education Action (COAPES), capable of withstanding the complexity of this process.(AU)


Assuntos
Faculdades de Medicina , Gestão em Saúde , Educação Médica , Políticas Públicas de Saúde , Brasil , Capacitação de Recursos Humanos em Saúde , Internato e Residência , Programas Nacionais de Saúde
17.
Rev. bioét. (Impr.) ; 26(4): 617-625, out.-dez. 2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-985224

RESUMO

Resumo Objetivou-se neste estudo identificar e analisar as dificuldades éticas na realização da Pesquisa Nacional de Saúde Bucal de 2010. Trata-se de estudo qualitativo, no qual foram entrevistados 12 membros do grupo gestor e do Comitê Técnico Assessor do Ministério da Saúde, além de dois coordenadores, um estadual e outro municipal. Utilizou-se a técnica do discurso do sujeito coletivo na sistematização dos depoimentos. Foram identificadas seis dificuldades centrais, entre as quais: convencer o gestor municipal a liberar o profissional para fazer a pesquisa; e dialogar nos locais em que as gestões do município e do estado são de partidos políticos diferentes. As recusas em participar da pesquisa nacional foram principalmente de cirurgiões-dentistas e gestores municipais de saúde. Em ambos os casos, constata-se grave violação da ética da responsabilidade individual e pública.


Abstract The objective of this study was to identify and analyze the ethical difficulties present in the Pesquisa Nacional de Saúde Bucal de 2010 (National Oral Health Survey). This is a qualitative research, in wich interviews were carried out with 12 members of the Management Group and the Advisory Technical Committee of the Ministry of Health, in addition to two coordinators, one State and the other Municipal. The discourse of the collective subject technique was used. Six central ideas were identified, among which are convince the municipal manager who does not want to release the professional to carry out the research; to negotiate in places where the Municipal and State administrations are from different political parties. The refusals to participate took place at two levels: dental surgeons and municipal health managers. In both cases, there is an important violation of responsibility, both individual and public.


Resumen Este estudio tuvo como objetivo identificar y analizar las dificultades de naturaleza ética presentes en la realización de la Investigación Nacional de Salud Bucal (SBBrasil 2010). Se trata de una investigación cualitativa, en la cual se realizaron entrevistas con 12 miembros del Grupo Gestor y del Comité Técnico Asesor del Ministerio de Salud, y con dos coordinadores, uno estadual y otro municipal. Se utilizó la técnica del discurso del sujeto colectivo. Se identificaron seis ideas centrales, entre ellas: convencer al gestor municipal que no quiere autorizar al profesional para la realización del estudio; dialogar en los lugares en los que la gestión municipal y estadual recae en partidos políticos diferentes. El rechazo a participar se dio en dos niveles: dos cirujanos dentistas y dos gestores municipales de salud. En ambos casos, se evidencia una importante violación de la ética de la responsabilidad, individual y pública.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Saúde Bucal , Inquéritos Epidemiológicos , Autonomia Profissional , Gestão em Saúde
18.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 10(4): 1098-1102, out.-dez. 2018. []
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-915735

RESUMO

Objetivo: Desvelar a percepção de enfermeiras quanto ao ensino e aprendizagem do componente curricular de Gestão e Gerenciamento em Saúde e Enfermagem e os subsídios para a atuação profissional. Método: Estudo com abordagem qualitativa, norteada pelo Itinerário de Pesquisa de Paulo Freire. Resultados: Realizado com três egressas do curso de Enfermagem da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) que trabalham no município de Chapecó, SC. O Círculo de Cultura, no qual se percorreram as etapas do Itinerário de Pesquisa, resultou em três quadros: importância da transversalidade da gestão no curso de Enfermagem; diálogo entre a academia e o serviço; e autopercepção do preparo para o desempenho profissional. Conclusão: As enfermeiras desvelaram que o ensino da gestão, durante a graduação, apresenta fragilidades para o desenvolvimento da prática profissional, e sugerem que o tema seja transversal durante o processo de formação


Objective: The study's aim has been to reveal the nurses' perception regarding the teaching-learning process of the curricular component of Supervision and Management in Health and Nursing, and also about the support for professional performance. Methods: It is a study with a qualitative approach guided by the Paulo Freire's Research Itinerary. Results: The study was carried out with three nursing students from the Universidade Federal da Fronteira Sul who work in Chapecó city, Santa Catarina State. The Culture Circle, in which the stages of the Research Itinerary were performed, resulted in three frameworks, as follows: Importance of intersectional management during the nursing course; Dialogue between the academia and the service; Self-perception of capability for professional performance. Conclusions: The nurses revealed that management teaching shows weaknesses towards professional practice development during the graduation period, and also suggests that this matter should be approached in an intersectional manner during the training process


Objetivo: Comprender la percepción de las enfermeras para la enseñanza y el aprendizaje de la administración del componente curricular y Gestión en Salud y Enfermería y subsidios para el desempeño profesional. Método: Un estudio cualitativo, guiada por el itinerario de investigación de Paulo Freire. Resultados: Realizado con tres graduados del curso de Enfermería de la Universidad Federal de la Frontera Sur trabajando em Chapecó, SC. El Círculo de Cultura, en el que subió los escalones de La investigación dio como resultado tres marcos de Ruta: Importancia de la gestión transversal de curso de Enfermería; El diálogo entre el mundo académico y el servicio; Autopercepción de la preparación para El desempeño profesional. Conclusiones: Las enfermeras dieron a conocer que la enseñanza de la gestión para la graduación presenta debilidades para el desarrollo de la práctica profesional y sugieren que los recortes tema a través durante el proceso de formación


Assuntos
Humanos , Feminino , Programas de Graduação em Enfermagem , Gestão em Saúde , Pesquisa em Educação de Enfermagem , Enfermagem/organização & administração , Brasil , Educação em Enfermagem
19.
Rev. enferm. UFPE on line ; 12(10): 2753-2758, out. 2018. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-996789

RESUMO

Objetivo: analisar a vulnerabilidade programática relacionada às doenças causadas pelo Aedes aegypti. Método: trata-se de um estudo quantitativo, exploratória e descritiva, com 15 secretários de saúde e 15 coordenadores da atenção básica. Os dados foram coletados por meio de um questionário e analisados utilizando-se a estatística descritiva simples. Os resultados foram apresentados em tabelas. Resultados: verificou-se que os municípios realizam atividades de capacitação profissional, educação para a população, visitas e investigação em domicílio, distribuição de materiais educativos com ênfase para impedir a proliferação do vetor e dispõem de assistência atenta e sensibilizada para informar a população, diagnosticar casos de arboviroses causadas pelo Aedes, notificar e tratar essas doenças. Conclusão: não há vulnerabilidade programática nos municípios investigados, conforme a análise do discurso dos gestores em saúde.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Vírus Chikungunya , Aedes , Gestão em Saúde , Dengue , Vulnerabilidade em Saúde , Febre de Chikungunya , Zika virus , Infecção por Zika virus , Educação em Saúde , Epidemiologia Descritiva , Visita Domiciliar
20.
Artigo em Português | PAHO-IRIS | ID: phr-49557

RESUMO

[RESUMO]. Objetivo. Descrever as características da gerência das unidades de atenção primária à saúde e o perfil dos gerentes e discutir as implicações desses elementos para a efetivação dos pressupostos do Sistema Único de Saúde no Brasil de forma coerente com as proposições de Alma-Ata. Métodos. Estudo descritivo, transversal, com dados colhidos pelo questionário de Avaliação da Qualidade de Serviços de Atenção Básica (QualiAB), um instrumento autoaplicado via web. O QualiAB foi respondido voluntariamente por 157 gerentes de unidades básicas de saúde de 41 municípios do estado de São Paulo entre outubro e dezembro de 2014. Resultados. Das 157 unidades, 67 (42,7%) eram unidades de saúde da família e 58 (36,9%) eram unidades básicas de saúde de organização “tradicional”; 95 (60,5%) se localizavam em região urbana periférica. No momento do estudo, oito (5,0%) unidades não possuíam gerente e oito (5,0%) eram gerenciadas por secretários municipais de saúde. Quase 80% dos gerentes eram enfermeiros e desempenhavam múltiplas funções além da gerência. O matriciamento (supervisão técnica como forma de educação permanente) era feito em 75 (47,7%) unidades; 60 (38,2%) unidades não contavam com nenhum tipo de matriciamento. A participação em processos avaliativos foi referida por 130 (82,8%) serviços. Os principais desdobramentos induzidos por avaliações foram planejamento e reprogramação das atividades com participação da equipe multiprofissional em 40 unidades (25,5%) e definição de um plano anual de atividades em 38 (24,2%). Não tiveram acesso aos resultados das avaliações 29 unidades (17,8%). Conclusão. O estudo recoloca a importância da gestão do trabalho e a necessidade de (re) investir na formação e valorização do gerenciamento local como estratégia para efetivar uma atenção primária à saúde capaz de promover a saúde como direito e condição de cidadania.


[ABSTRACT]. Objective. To describe the characteristics of the management process in primary health care units as well as the profile of managers, and to discuss the implications of these elements for the attainment of Unified Health System principles in Brazil in accordance with the propositions of the Alma-Ata Declaration. Method. This descriptive, cross-sectional study used data collected with the Primary Care Service Quality Assessment tool (QualiAB), a self-administered, web-based instrument. QualiAB was voluntarily answered by 157 unit managers from 41 municipalities in the state of São Paulo from October to December 2014. Results. Of 157 units, 67 (42.7%) were family health care units and 58 (36.9%) were “traditional” units; 95 (60.5%) were located in urban peripheries. At the time of the study, eight (5.0%) units did not have a manager and eight (5.0%) were managed by the city health secretary. Almost 80% of the managers were nurses and performed multiple tasks in addition to management. Multidisciplinary support (technical supervision as a means of continuing education) was available in 75 (47.7%) units; 60 (38.2%) units did not have any kind of multidisciplinary support. Participation in evaluative processes was mentioned in 130 (82.8%) units. The main results of evaluations were planning and reprogramming of activities with the engagement of the multiprofessional team in 40 units (25.5%) and definition of an annual activity plan in 38 (24.2%). Twenty-nine units (17.8%) did not have access to the results of evaluations. Conclusion. The study supports the importance of work process management and the need to (re)invest in training and recognition of local management as a strategy to produce primary health care that is capable of promoting health as a right and a condition of citizenship.


[RESUMEN]. Objetivo. Describir las características de la gestión de las unidades de atención primaria de salud y el perfil de los gerentes, y analizar las implicaciones de esos elementos en la puesta en práctica de los principios del Sistema Único de Salud de Brasil de forma coherente con las propuestas de Alma- Ata. Métodos. Estudio descriptivo, transversal, con datos recolectados a través del cuestionario de Evaluación de la Calidad de Servicios de Atención Básica (QualiAB), un instrumento autoadministrado a través de Internet. En total 157 gerentes de Unidades Básicas de Salud de 41 municipios del estado de São Paulo respondieron voluntariamente el QualiAB entre octubre y diciembre de 2014. Resultados. De las 157 unidades, 67 (42,7%) eran unidades salud de la familia y 58 (36,9%) eran unidades básicas de salud de organización “tradicional”; 95 (60,5%) están ubicadas en una región urbana periférica. En el momento del estudio, ocho (5,0%) unidades no poseían gerente y ocho (5,0%) eran gestionadas por secretarios municipales de salud. Casi el 80% de los gerentes eran enfermeros y desempeñaban múltiples funciones además de la gerencia. En 75 (47,7%) unidades se disponía de apoyo multidisciplinario (supervisión técnica como forma de educación permanente); 60 (38,2%) unidades no contaban con ningún tipo de apoyo multidisciplinario. La participación en procesos de evaluación fue referida por 130 (82,8%) servicios. Las principales modificaciones inducidas por las evaluaciones fueron la planificación y reprogramación de las actividades con participación del equipo multiprofesional en 40 unidades (25,5%) y la definición de un plan anual de actividades en 38 (24,2%). No tuvieron acceso a los resultados de las evaluaciones 29 unidades (17,8%). Conclusión. El estudio subraya la importancia de la gestión del trabajo y la necesidad de reinvertir en la formación y valorización de la gestión local como estrategia para hacer efectiva una atención primaria de salud capaz de promover la salud como derecho y condición de ciudadanía.


Assuntos
Gestão em Saúde , Administração de Serviços de Saúde , Atenção Primária à Saúde , Brasil , Gestão em Saúde , Administração de Serviços de Saúde , Atenção Primária à Saúde , Brasil , Gestão em Saúde , Administração de Serviços de Saúde , Atenção Primária à Saúde
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA