Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 207
Filtrar
1.
Rev Bras Enferm ; 72(3): 744-752, 2019 Jun 27.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-31269141

RESUMO

OBJECTIVES: To identify useful terms for nursing practice in the care of people with leprosy and to cross-mapp the identified terms with the ICNP® terms. METHOD: A descriptive, documentary study that included publications of the Ministry of Health in the area of leprosy launched between 2002 and 2017. The terms identified in these publications were extracted and underwent a normalization proces and then, were cross-mapped with terms of the ICNP® version 2015 for the identification of constant and non-constant terms in this terminology. RESULTS: In total, were extracted 1,177 terms, of which 26.76% were equal, 4.59% similar, 4.26% were broader, 19.62% were more restricted, and 44.77% were totally different from the ICNP® terms. CONCLUSIONS: The large number of terms identified and not included in the ICNP® show the need for its expansion in order to contemplate the phenomena of clinical practice more effectively and allow better representation of nursing care for people with leprosy.


Assuntos
Hanseníase/classificação , Diagnóstico de Enfermagem/classificação , Humanos , Hanseníase/enfermagem , Cuidados de Enfermagem/métodos , Cuidados de Enfermagem/tendências , Diagnóstico de Enfermagem/estatística & dados numéricos , Terminologia Padronizada em Enfermagem
2.
Rev Infirm ; 66(233): 31-34, 2017.
Artigo em Francês | MEDLINE | ID: mdl-28865696

RESUMO

Lucien Gbadié is a nurse at the Raoul-Follereau Institute in Adzopé, Ivory Coast. In this article, he describes how people with leprosy or Buruli ulcer are treated and supported.


Assuntos
Úlcera de Buruli/enfermagem , Hanseníase/enfermagem , Costa do Marfim , Assistência à Saúde/organização & administração , Hospitais Públicos , Humanos
3.
Enferm. glob ; 16(46): 336-348, abr. 2017. tab
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-161738

RESUMO

La lepra, junto con el envejecimiento trae cambios físicos que afectan a la dependencia y a la autonomía. El objetivo fue evaluar el aspecto físico y el impacto en la calidad de vida y la independencia de las personas mayores afectadas por la lepra. Estudio descriptivo con un enfoque cuantitativo, con 60 ancianos en dos centros de rehabilitación en Sao Luis - MA. Se utilizó el dominio físico de la WHOQOL - bref y Facetas «Habilidades sensoriales» y «Autonomía» del WHOQOL -.OLD, de la Organización Mundial de la Salud. Se observó problemas con el dolor / malestar (31,3%), fatiga (21 3%) y el sueño / descanso (23,3%), actuando en la incapacidad para el transporte (23,3%), la realización de actividades cotidianas (16,6%) y el trabajo (33,3%), así como relacionados con la dependencia de medicamentos / tratamientos (56,6%). La calidad de vida se alteró por la pérdida sensorial (33,3%), así como la capacidad de realizar actividades (28,3%) e interactuar con personas (23,3%). En cuanto a la autonomía, la mayoría de las personas mayores se sintieron libres para tomar decisiones (53,3%) y se sintieron respetadas por tomarlas (55,0%), aunque afirmaron no hacer todo lo que quisieran (38,3 %). Por lo tanto, se concluye que la enfermedad ante el proceso de la senescencia y / o proceso de la senilidad puede haber contribuido negativamente sobre los aspectos físicos y calidad de vida de las personas mayores (AU)


A hanseníase, aliada ao processo de envelhecimento, traz alterações físicas que interferem na dependência e autonomia. O objetivo foi avaliar o aspecto físico e as repercussões na qualidade de vida e autonomia de idosos afetados por hanseníase. Estudo descritivo, de abordagem quantitativa, com 60 idosos em dois Centros de Reabilitação em São Luís - MA. Utilizou-se o Domínio Físico do WHOQOL - bref e as Facetas «Habilidades Sensoriais» e «Autonomia» do WHOQOL - OLD, da Organização Mundial de Saúde. Observou-se problemas com dor/desconforto (31,6%), fadiga (21,6%) e sono/repouso (23,3%), atuando na incapacidade para locomoção (23,3%), realização de atividades diárias (16,6%) e trabalho (33,3%), bem como relacionados à dependência de medicamentos/tratamentos (56,6%). A qualidade de vida foi alterada por perdas sensoriais (33,3%), bem como a capacidade de realizar atividades (28,3%) e interagir com pessoas (23,3%). No que tange a autonomia, a maioria dos idosos se sentia livre para tomar decisões (53,3%) e sentia-se respeitada por tomá-las (55,0%), embora afirmasse não realizar tudo o que deseja (38,3%). Assim, conclui-se que a doença, diante do processo de senescência e/ou senilidade, pode ter contribuído negativamente sobre os aspectos físicos e qualidade de vida dos idosos (AU)


Leprosy, coupled with aging process, brings physical changes, which interfere in dependency and autonomy. The objective was to evaluate the physical aspect and the impact on the quality of life and the autonomy of elderly people affected by leprosy. This is a descriptive study of a quantitative approach, conducted with 60 elderly people in two rehabilitation centers in São Luís (MA). We used the Physical Domain of the WHOQOL-Bref and facets «Sensory Skills» and «Autonomy» of WHOQOL-OLD, from the World Health Organization. There were observed problems with pain/discomfort (31.6 percent), fatigue (21.6%) and sleep/rest (23.3 percent), acting in the inability for locomotion (23.3%), carrying out daily activities (16.6%), and work (33.3 percent), as well as related to the dependency on drugs/treatments (56.6%). The quality of life has changed by loss of sensory (33.3%), as well as the ability to perform activities (28.3%) and interact with people (23.3%). Regarding autonomy, most seniors felt free to make decisions (53.3%) and respected by taking them (55.0%), although stated that do not perform all who desire (38.3%). Thus, it was concluded that the disease, before the process of senescence and/or senility, might have contributed negatively about the physical aspects and quality of life of the elderly (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Idoso , Hanseníase/enfermagem , Hanseníase/psicologia , Qualidade de Vida/psicologia , Autonomia Pessoal , Envelhecimento/psicologia , Pessoas com Deficiência/psicologia , Perfil de Impacto da Doença , Análise Qualitativa/estatística & dados numéricos
4.
Rio de Janeiro; s.n; dez. 2016. 129 f p. ilus, graf, mapas.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-836771

RESUMO

O presente estudo que abordou a vivência de pessoas com hanseníase e a experiência dos enfermeiros que prestam assistência no Programa de Controle da Hanseníase foi desenvolvido em serviços de saúde primários e secundários do Município do Rio de Janeiro. Teve como objetivos compreender os sentidos da vivência dos usuários que receberam diagnóstico de hanseníase no que se refere ao cuidado empreendido durante e após o tratamento; analisar a experiência de enfermeiros dos serviços de saúde primários e especializados no cuidado às pessoas com hanseníase; e discutir como o sentido dessas vivências e experiências se expressam na dinâmica de Atenção à Saúde em Hanseníase. Utilizou-se a hermenêutica filosófica de Gadamer para interpretação analítica dos significados para usuários e enfermeiros. Os resultados foram organizados em quatro categorias para os usuários: 1-a doença e o tratamento tornam a vida tumultuada e dolorosa; 2- a rotatividade de profissionais para o atendimento à pessoa com hanseníase é fator de preocupação que gera insegurança quanto à evolução da doença e ao tratamento; 3- para se protegerem do preconceito as pessoas com hanseníase adotam atitudes que visam reduzir tensões nas relações sociais; 4- o usuário cria vínculo com o enfermeiro e o considera uma referência no tratamento da hanseníase. Em relação aos enfermeiros, foram organizadas três categorias: 1- o atendimento da pessoa com hanseníase perdeu em qualidade; 2- os enfermeiros reconhecem o estigma como um problema importante que compromete o tratamento e a cura; 3- A atenção à família das pessoas com hanseníase fortalece o apoio social que elas necessitam. Concluiu-se que a produção de um cuidado não direcionado apenas à doença, mas também para a pessoa acometida por ela, se fará quando houver o estabelecimento de um diálogo produtivo entre os gestores, trabalhadores da saúde e usuários nos serviços de saúde. A fusão de horizontes entre as partes, que convivem no espaço assistencial, é fundamental para alcance dos objetivos assistenciais.(AU)


Assuntos
Humanos , Serviços de Saúde , Hanseníase/enfermagem , Cuidados de Enfermagem
5.
Nihon Hansenbyo Gakkai Zasshi ; 85(3): 123-32, 2016 Dec.
Artigo em Japonês | MEDLINE | ID: mdl-30148947

RESUMO

This study aims to clarify the structure of practices and tasks of death watch care in the A National Sanatorium for Sufferers of Hansen's Disease (shown as A Sanatorium). A semi-structured interview was conducted of four nurses with experience of death watch care. Then, it was analyzed using the qualitative unification methods (KJ methods) individually and comprehensively. According to the results of the comprehensive analysis, nurses tended to feel strongly toward "a necessity of death watch care with a focus on family" through their communication with residents with poor relationships with their families. With this feeling in mind, they were placed everyday in "death watch care, focusing on supporting resident's lives through daily care" while trying to be conscious of life-support for them. In practice every day, they seemed to be satisfied and encouraged by "tasks of death care are to focus on the resident's value of life." However, nurses with little experience of death watch care were full of anxiety and dilemmas emerged when they began death watch care. During this process, it was verified that there was "a gap in consciousness among nurses administering death watch care" and "an uncertainness of policies of institutions that accepted the death watch of residents." In this way, an method for future death watch care in A Sanatorium was shown.


Assuntos
Hospitais de Dermatologia Sanitária de Patologia Tropical , Hanseníase/enfermagem , Assistência Terminal , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade
6.
Hansen. int ; 41(1/2): 25-36, 2016. tab
Artigo em Português | LILACS, SESSP-IIERPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ILSLACERVO, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-972893

RESUMO

Objetivou-se descrever sobre a consulta de enfermagem no contexto de cuidado do paciente com hanseníase. Trata-se de um estudo exploratório-descritivo, qualitativo, desenvolvido em uma instituição pública de saúde de Fortaleza-CE. Os dados foram coletados no período de fevereiro a abril de 2013, com sete enfermeiros, por meio de entrevista em profundidade. A análise dos dados seguiu as etapas da análise de conteúdo, elencando-se a categoria: Assistência de enfermagem à pessoa com hanseníase, e três subcategorias: Aspectos básicos da consulta de enfermagem dos casos novos; Condução da consulta de enfermagem subsequente; e Sistematização da Assistência de Enfermagem. Os enfermeiros se mostraram dispostos a perceber o outro em sua singularidade e na particularidade do adoecimento pela hanseníase. Os relatos dos profissionais revelaram a prestação de um cuidado humanizado e pautado no saber-fazer, caracterizado pelo relacionamento terapêutico, orientações ao paciente, reforço ao autocuidado, identificação das queixas, exame dos troncos nervosos, administração da dose supervisionada, convocação dos contatos domiciliares e utilização da Sistematização da Assistência de Enfermagem como ferramenta norteadora do cuidado. A consulta de enfermagem como instrumento de cuidado à pessoa com hanseníase demonstrou seu potencial no manejo terapêutico da doença, constituindo-se como estratégia de aproximação, avaliação, orientação e valorização do outro em seu contexto de enfrentamento e superação do estigma dessa condição de adoecimento.


This study aimed to describe about nursing consultation in the care context of patient with leprosy. It is a descriptive and exploratory study with a qualitative approach, developed in a public health institution in Fortaleza-CE. Data were collected from February to April 2013, with seven nurses, using a deep interview. Data analysis was made by content analysis method, identifying as main category: Nursing care to the person with leprosy, and three subcategories: Basic aspects in the nursing consultation of new cases; Conducting of subsequent nursing consultation; and Nursing Care Systematization. Nurses were willing to see the patient as an unique person, respecting the particularity of illness by leprosy. Professionals revealed an humanized, technical and scientific care, characterized by therapeutic relationship, informational support, reinforce to self-care, identification of complaints, examination of the nerves, administration of supervised dose, convocation of leprosy contacts and use of nursing care systematization as a guide to the care. We conclude that nursing consultation as an instrument in the care context to the person with leprosy showed its potential in the therapeutic management of disease, constituting an strategy of approach, evaluation, guidance and appreciation of the patient’s coping context and overcome the stigma implied in this sick condition.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Hanseníase/enfermagem , Cuidados de Enfermagem/métodos , Cuidados de Enfermagem , Enfermagem no Consultório , Planejamento de Assistência ao Paciente
7.
Hansen. int ; 41(1/2): 99-104, 2016.
Artigo em Português | LILACS, SESSP-ILSLPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ILSLACERVO, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-972900

RESUMO

As pessoas vivendo com Hanseníase têm sua autoimagem maculada pelas lesões causadas pela doença, reações hansênicas e pela discriminação. Apesar de ser um problema antigo e de haver campanhas educativas para combatê-lo, o estigma está presente no cotidiano destas pessoas e desafia os profissionais que tem uma lacuna em seu saber no que concerne ao manejo do mesmo na sociedade e em seu fazer profissional. Este artigo objetiva refletir sobre o estigma e o cuidado da enfermagem a partir da fenomenologia ontológica de Martin Heidegger. O cuidado humanístico na perspectiva de ser-com-outro, de reconhecer o cuidado como ontológico e a negação do mesmo como desenraizante e desumanizante se coloca como alternativa para este enfrentamento e superação trazendo para a enfermagem o outro como parceiro na construção do cuidado, como um ser humano que vive aquele instante do encontro com o profissional em um ser-no-mundo repleto de significado e possibilidades.


People living with leprosy have their self-image blemished due to injuries caused by the disease, leprosy reactions and discrimination. Despite being an old problem and the existence of educational campaigns to combat it, the stigma is present in the daily lives of these people and is a challenge for professionals who lack knowledge regarding the management of the disease in society and in their professional work. This article aims to reflect on the stigma and nursing care from Martin Heidegger’s ontological phenomenology. Humanistic care from the perspective of being-with-others, of recognizing care as ontological and denying that it is rooted and dehumanizing is an alternative to face and overcome this condition. For the nursing staff, this brings the other as a partner in the construction of care, as a human being who lives that moment of meeting the professional in a being-in-the-world full of meaning and possibilities.


Assuntos
Hanseníase/enfermagem , Hanseníase/psicologia , Autoimagem , Cuidados de Enfermagem/psicologia , Estigma Social , Adaptação Psicológica
8.
Hansen. int ; 41(1/2): 105-113, 2016.
Artigo em Inglês | LILACS, SESSP-ILSLPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ILSLACERVO, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-972901

RESUMO

This study aims to report an experience of a curricular internship in nursing based on the investigative methodology in a Reference Center for Leprosy. It is an experience report structured in the description of a series of activities, components of a didactic sequence, whose contents permeate the construction of the care for adults and the elderly with Leprosy and /or other skin and appendages alterations. The educational goals and the teaching techniques used supported the discussion on the construction of knowledge from the perspective of the critical pedagogy and public policies that guide the academic formation in the health area. Among the lessons learned, we highlight the role of intervention and teaching mediation in the learning process, as well as the relevance of the reflective practice as essential and leveraging of transformation in the educational process.


Este manuscrito tem por objetivo discutir uma experiência de estágio curricular em enfermagem fundamentada na metodologia problematizadora, em um Centro de Referência em Hanseníase. Trata-se de um relato de experiência estruturado na descrição de uma série de atividades, componentes de uma sequência didática, cujos conteúdos permearam a construção do cuidado a adultos e idosos com Hanseníase e/ou outras alterações da pele e anexos. Os objetivos educativos e as técnicas de ensino utilizadas subsidiaram a discussão sobre a construção do conhecimento na perspectiva da pedagogia crítica e das políticas públicas orientadoras da formação acadêmica na área da saúde. Dentre as lições apreendidas destaca-se o papel da intervenção e da mediação docente no processo de aprendizagem e a relevância dos registros reflexivos como essenciais e alavancadores de transformações no processo educativo.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Adulto , Idoso , Hanseníase/enfermagem , Hanseníase/terapia , Cuidados de Enfermagem , Hospitais de Dermatologia Sanitária de Patologia Tropical , Brasil , Apoio ao Desenvolvimento de Recursos Humanos
9.
Hansen. int ; 41(1/2): 25-36, 2016. tab
Artigo em Português | Sec. Est. Saúde SP, SESSP-IIERPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ILSLACERVO, Sec. Est. Saúde SP | ID: ses-37308

RESUMO

Objetivou-se descrever sobre a consulta de enfermagem no contexto de cuidado do paciente com hanseníase. Trata-se de um estudo exploratório-descritivo, qualitativo, desenvolvido em uma instituição pública de saúde de Fortaleza-CE. Os dados foram coletados no período de fevereiro a abril de 2013, com sete enfermeiros, por meio de entrevista em profundidade. A análise dos dados seguiu as etapas da análise de conteúdo, elencando-se a categoria: Assistência de enfermagem à pessoa com hanseníase, e três subcategorias: Aspectos básicos da consulta de enfermagem dos casos novos; Condução da consulta de enfermagem subsequente; e Sistematização da Assistência de Enfermagem. Os enfermeiros se mostraram dispostos a perceber o outro em sua singularidade e na particularidade do adoecimento pela hanseníase. Os relatos dos profissionais revelaram a prestação de um cuidado humanizado e pautado no saber-fazer, caracterizado pelo relacionamento terapêutico, orientações ao paciente, reforço ao autocuidado, identificação das queixas, exame dos troncos nervosos, administração da dose supervisionada, convocação dos contatos domiciliares e utilização da Sistematização da Assistência de Enfermagem como ferramenta norteadora do cuidado. A consulta de enfermagem como instrumento de cuidado à pessoa com hanseníase demonstrou seu potencial no manejo terapêutico da doença, constituindo-se como estratégia de aproximação, avaliação, orientação e valorização do outro em seu contexto de enfrentamento e superação do estigma dessa condição de adoecimento(AU)


This study aimed to describe about nursing consultation in the care context of patient with leprosy. It is a descriptive and exploratory study with a qualitative approach, developed in a public health institution in Fortaleza-CE. Data were collected from February to April 2013, with seven nurses, using a deep interview. Data analysis was made by content analysis method, identifying as main category: Nursing care to the person with leprosy, and three subcategories: Basic aspects in the nursing consultation of new cases; Conducting of subsequent nursing consultation; and Nursing Care Systematization. Nurses were willing to see the patient as an unique person, respecting the particularity of illness by leprosy. Professionals revealed an humanized, technical and scientific care, characterized by therapeutic relationship, informational support, reinforce to self-care, identification of complaints, examination of the nerves, administration of supervised dose, convocation of leprosy contacts and use of nursing care systematization as a guide to the care. We conclude that nursing consultation as an instrument in the care context to the person with leprosy showed its potential in the therapeutic management of disease, constituting an strategy of approach, evaluation, guidance and appreciation of the patient’s coping context and overcome the stigma implied in this sick condition(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Hanseníase/enfermagem , Cuidados de Enfermagem/métodos , Cuidados de Enfermagem , Enfermagem no Consultório , Planejamento de Assistência ao Paciente
10.
Hansen. int ; 41(1/2): 99-104, 2016.
Artigo em Português | Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ILSLPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ILSLACERVO, Sec. Est. Saúde SP | ID: ses-37315

RESUMO

As pessoas vivendo com Hanseníase têm sua autoimagem maculada pelas lesões causadas pela doença, reações hansênicas e pela discriminação. Apesar de ser um problema antigo e de haver campanhas educativas para combatê-lo, o estigma está presente no cotidiano destas pessoas e desafia os profissionais que tem uma lacuna em seu saber no que concerne ao manejo do mesmo na sociedade e em seu fazer profissional. Este artigo objetiva refletir sobre o estigma e o cuidado da enfermagem a partir da fenomenologia ontológica de Martin Heidegger. O cuidado humanístico na perspectiva de ser-com-outro, de reconhecer o cuidado como ontológico e a negação do mesmo como desenraizante e desumanizante se coloca como alternativa para este enfrentamento e superação trazendo para a enfermagem o outro como parceiro na construção do cuidado, como um ser humano que vive aquele instante do encontro com o profissional em um ser-no-mundo repleto de significado e possibilidades(AU)


People living with leprosy have their self-image blemished due to injuries caused by the disease, leprosy reactions and discrimination. Despite being an old problem and the existence of educational campaigns to combat it, the stigma is present in the daily lives of these people and is a challenge for professionals who lack knowledge regarding the management of the disease in society and in their professional work. This article aims to reflect on the stigma and nursing care from Martin Heidegger’s ontological phenomenology. Humanistic care from the perspective of being-with-others, of recognizing care as ontological and denying that it is rooted and dehumanizing is an alternative to face and overcome this condition. For the nursing staff, this brings the other as a partner in the construction of care, as a human being who lives that moment of meeting the professional in a being-in-the-world full of meaning and possibilities(AU)


Assuntos
Hanseníase/enfermagem , Hanseníase/psicologia , Autoimagem , Cuidados de Enfermagem/psicologia , Estigma Social , Adaptação Psicológica
11.
Hansen. int ; 41(1/2): 105-113, 2016.
Artigo em Inglês | Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ILSLPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ILSLACERVO, Sec. Est. Saúde SP | ID: ses-37316

RESUMO

This study aims to report an experience of a curricular internship in nursing based on the investigative methodology in a Reference Center for Leprosy. It is an experience report structured in the description of a series of activities, components of a didactic sequence, whose contents permeate the construction of the care for adults and the elderly with Leprosy and /or other skin and appendages alterations. The educational goals and the teaching techniques used supported the discussion on the construction of knowledge from the perspective of the critical pedagogy and public policies that guide the academic formation in the health area. Among the lessons learned, we highlight the role of intervention and teaching mediation in the learning process, as well as the relevance of the reflective practice as essential and leveraging of transformation in the educational process(AU)


Este manuscrito tem por objetivo discutir uma experiência de estágio curricular em enfermagem fundamentada na metodologia problematizadora, em um Centro de Referência em Hanseníase. Trata-se de um relato de experiência estruturado na descrição de uma série de atividades, componentes de uma sequência didática, cujos conteúdos permearam a construção do cuidado a adultos e idosos com Hanseníase e/ou outras alterações da pele e anexos. Os objetivos educativos e as técnicas de ensino utilizadas subsidiaram a discussão sobre a construção do conhecimento na perspectiva da pedagogia crítica e das políticas públicas orientadoras da formação acadêmica na área da saúde. Dentre as lições apreendidas destaca-se o papel da intervenção e da mediação docente no processo de aprendizagem e a relevância dos registros reflexivos como essenciais e alavancadores de transformações no processo educativo (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Idoso , Hanseníase/enfermagem , Hanseníase/terapia , Cuidados de Enfermagem , Hospitais de Dermatologia Sanitária de Patologia Tropical , Brasil , Apoio ao Desenvolvimento de Recursos Humanos
14.
Rev. enferm. UERJ ; 23(2)mar.-abr. 2015.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-33021

RESUMO

O objetivo do estudo foi identificar as dificuldades relatadas por usuários em tratamento para hanseníase, na busca por diagnóstico e tratamento, relacionadas com a peregrinação do indivíduo com suspeita de hanseníase até o diagnóstico definitivo. Estudo descritivo, com abordagem qualitativa. As informações foram obtidas por meio de entrevistas com 16 usuários com hanseníase nos meses de dezembro de 2009 e janeiro de 2010, na Policlínica Lessa de Andrade em Recife. Os dados foram submetidos à análise de conteúdo de Bardin. Foram delineados três eixos temáticos: Peregrinação até o diagnóstico correto da hanseníase; Atuação do profissional de saúde; Consequência da peregrinação. Conclui-se que diagnósticos incorretos e tardios demonstram o despreparo dos profissionais de saúde em todos os níveis de complexidade para a suspeição e diagnóstico da hanseníase, exigindo a educação continuada, principalmente para os trabalhadores da atenção básica. (AU)


The aim of this qualitative, descriptive study was to identify the difficulties associated with the peregrinations of persons with suspected leprosy in their efforts to obtain diagnosis and treatment, until receiving a definitive diagnosis, as reported by healthcare users being treated for leprosy. Data was obtained between December 2009 and January 2010, through interviews of 16 patients with leprosy at the Lessa de Andrade Clinic in Recife, and analyzed according to Bardin’sIndex. Three themes were outlined: peregrination until correct diagnosis of leprosy; role of health professionals; and outcome of the peregrination. It was concluded that incorrect and delayed diagnoses attest to the lack of preparedness, among health professionals at all levels of complexity, to suspect and diagnose leprosy. This points to a need for continuing professional development, especially for primary health care workers. (AU)


El objetivo del estudio fue identificar las dificultades reportadas por usuarios en tratamiento de la lepra, en la búsqueda del diagnóstico y tratamiento, relacionados con la peregrinación de la persona con sospecha de lepra hasta el diagnóstico definitivo. Es un estudio descriptivo, con enfoque cualitativo. Las informaciones se obtuvieron a través de entrevistas con 16 usuarios con lepra, en diciembre de 2009 y enero de 2010, en la Clínica Lessa de Andrade, Recife. Los datos fueron sometidos a análisis de contenido de Bardin. Se eligieron tres ejes temáticos: Peregrinación hasta la obtención el correcto diagnóstico de lepra; Desempeño de los profesionales de la salud; Consecuencias de la peregrinación. Se concluye que diagnósticos equivocados y tardíos demuestran la falta de preparo de los profesionales de salud en todos los niveles de complejidad para sospecha y diagnóstico de lepra, lo que exige la educación continua, en especial para los trabajadores de atención primaria. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto Jovem , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Hanseníase , Diagnóstico Tardio , Hanseníase/diagnóstico , Hanseníase/enfermagem , Hanseníase/prevenção & controle , Hanseníase/terapia , Educação Continuada em Enfermagem , Epidemiologia Descritiva , Pesquisa Qualitativa , Brasil
15.
Rev. enferm. UERJ ; 23(2): 235-240, mar.-abr. 2015.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-33029

RESUMO

O objetivo do estudo foi analisar, na perspectiva de conselheiros de saúde e líderes comunitários, o processo de intervenção do serviço de saúde no controle da hanseníase. Trata-se de uma pesquisa de abordagem qualitativa, realizada em agosto de 2013, no município de Almenara, Minas Gerais. Os dados foram coletados por meio de entrevista semiestruturada com 10 conselheiros de saúde e sete líderes comunitários. O tratamento dos dados foi realizado a partir da análise qualitativa proposta por Laville e Dione. Os líderes comunitários e os conselheiros de saúde não identificam as ações realizadas pelo serviço de saúde relacionadas à hanseníase no município e não participam, individualmente ou como grupo, das atividades de controle da doença. Conclui-se que o serviço de saúde de Almenara não está sendo capaz de promover a participação social no controle dessa doença, conforme estabelecido pelo Programa Nacional de Controle da Hanseníase. (AU)


The aim of this qualitative study was to examine the process of health service intervention in leprosy control asse en by local health policy council members and community leaders. The study was conducted in August 2013 in the municipality of Almenara, Minas Gerais, Brazil. Data were collected from 10 health policy counsellors and seven community leaders using a semi-structured questionnaire. Data were analysed according to Laville and Dione’s qualitative approach. Neither the community leaders nor the health policy counsellors identified leprosy-related measures by health services in the municipality, and took no part, individually or as a group, in leprosy control activities. It was concluded that health services in Almenara are not capable of promoting social participation in leprosy control as required by the National Leprosy Control Programme. (AU)


El objetivo del estudio fue analizar desde la perspectiva de los consejeros de salud y líderes comunitarios, el proceso de intervención del servicio de salud en el control de la lepra. Se trata de una investigación de abordaje cualitativo, realizada en agosto de 2013, en el municipio de Almenara, Minas Gerais, Brasil. Se han recolectado los datos a través de entrevistas semiestructuradas con 10 consejeros de salud y siete líderes comunitarios. Se han analizado los datos por medio deanálisis cualitativo propuesto por Laville y Dione. Los líderes comunitarios y consejeros de salud no identifican las medidas adoptadas por el servicio de salud en relación a la lepra en el distrito y no participan, de forma individual o como un grupo, de las actividades de control de la enfermedad. Se concluye que el servicio de salud de Almenara no es capaz de promover la participación social en el control de la lepra, según lo establecido por el Programa Nacional de Control de Lepra. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Hanseníase , Hanseníase/enfermagem , Hanseníase/prevenção & controle , Educação em Saúde , Participação da Comunidade , Pesquisa Qualitativa , Brasil , Serviços de Saúde
17.
Rev. enferm. UERJ ; 22(6): 865-871, nov.-dez. 2014. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-749392

RESUMO

O objetivo da pesquisa foi analisar o perfil epidemiológico da hanseníase no município de Maricá, Rio de Janeiro. Estudo epidemiológico retrospectivo, com abordagem quantitativa. Utilizou dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação, de pacientes com hanseníase, no período entre 2000-2013. Incluiu as variáveis: número de casos notificados; idade; sexo; formas clínicas; classificação operacional; o grau de incapacidade dos acometidos e saída do sistema. Totalizaram 191 casos de hanseníase, sendo a maioria constituída de homens 54%, maiores de 15 anos - 96%, multibacilares - 63% e alta por cura como principal tipo de saída do sistema - 87,5%. A taxa de detecção anual permaneceu média entre os maiores de 15 anos. Todos os examinados apresentaram algum grau de incapacidade física, durante o diagnóstico. Conclui-se que o conhecimento epidemiológico da doença na cidade implicará mais suporte para o controle de saúde pública local.


The study aimed at analyzing epidemiological profile of leprosy in the city of Maricá, Rio de Janeiro, Brazil, from 2000 to 2013. This is a retrospective epidemiological study with quantitative approach. Data collected of all leprosy cases from Notifiable Diseases Information System Database through the notification of patients with leprosy. The variables included were: new cases diagnosed within the 2000-2013 span; age; clinic forms; operational classification; degree of physicaldisability and system output. 191 patients were reported: 54% males, 96% are older than 15 years old, 34% were in the virchowian leprosy, tuberculoid (30%), dimorphic (19%) and indeterminate (13%), 63% multibacillary forms, 87.5% had had discharges after cure as main type of system output. Annual detection rate remained medium for those over 15. All those examined showed physical disability to a certain extent at diagnosis time. We concluded that the epidemiological knowledge of leprosy in the city must require stronger support for disease control.


El objetivo del estudio fue analisar el perfil epidemiológico de la lepra en Maricá, Rio de Janeiro – Brasil. Estudio epidemiológico retrospectivo, con enfoque cantitativo. Fueron usados dados del Sistema de Información para Enfermedades de Declaración Obligatoria, a través de la notificación de los pacientes con lepra, de 2000 a 2013. Las variables incluídas fueron: número de casos notificados; edad; sexo; formas clínicas; clasificación operacional y el grado de discapacidad de los afectados y salida del sistema. Totalizaron 191 casos, con prevalencia de 54% de hombres, 96% mayores de 15 años, 63% de multibacilares y 87,5% de curación como el principal tipo de salida. La tasa de detección anual se mantuvo media paralos > de 15 años. Todos los pacientes presentaron alguno grado de discapacidad en el momento del diagnóstico. Se concluye que el conocimiento epidemiológico de la enfermadad en la ciudad significará más apoyo para el control de la salud.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto Jovem , Pessoa de Meia-Idade , Idoso de 80 Anos ou mais , Hanseníase/enfermagem , Hanseníase/epidemiologia , Hanseníase/prevenção & controle , Cuidados de Enfermagem , Saúde Pública , Brasil , Estudos Epidemiológicos
18.
Rev. enferm. UERJ ; 22(6): 865-871, nov.-dez. 2014. tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-27924

RESUMO

O objetivo da pesquisa foi analisar o perfil epidemiológico da hanseníase no município de Maricá, Rio de Janeiro. Estudo epidemiológico retrospectivo, com abordagem quantitativa. Utilizou dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação, de pacientes com hanseníase, no período entre 2000-2013. Incluiu as variáveis: número de casos notificados; idade; sexo; formas clínicas; classificação operacional; o grau de incapacidade dos acometidos e saída do sistema. Totalizaram 191 casos de hanseníase, sendo a maioria constituída de homens 54%, maiores de 15 anos - 96%, multibacilares - 63% e alta por cura como principal tipo de saída do sistema - 87,5%. A taxa de detecção anual permaneceu média entre os maiores de 15 anos. Todos os examinados apresentaram algum grau de incapacidade física, durante o diagnóstico. Conclui-se que o conhecimento epidemiológico da doença na cidade implicará mais suporte para o controle de saúde pública local.(AU)


The study aimed at analyzing epidemiological profile of leprosy in the city of Maricá, Rio de Janeiro, Brazil, from 2000 to 2013. This is a retrospective epidemiological study with quantitative approach. Data collected of all leprosy cases from Notifiable Diseases Information System Database through the notification of patients with leprosy. The variables included were: new cases diagnosed within the 2000-2013 span; age; clinic forms; operational classification; degree of physicaldisability and system output. 191 patients were reported: 54% males, 96% are older than 15 years old, 34% were in the virchowian leprosy, tuberculoid (30%), dimorphic (19%) and indeterminate (13%), 63% multibacillary forms, 87.5% had had discharges after cure as main type of system output. Annual detection rate remained medium for those over 15. All those examined showed physical disability to a certain extent at diagnosis time. We concluded that the epidemiological knowledge of leprosy in the city must require stronger support for disease control.(AU)


El objetivo del estudio fue analisar el perfil epidemiológico de la lepra en Maricá, Rio de Janeiro – Brasil. Estudio epidemiológico retrospectivo, con enfoque cantitativo. Fueron usados dados del Sistema de Información para Enfermedades de Declaración Obligatoria, a través de la notificación de los pacientes con lepra, de 2000 a 2013. Las variables incluídas fueron: número de casos notificados; edad; sexo; formas clínicas; clasificación operacional y el grado de discapacidad de los afectados y salida del sistema. Totalizaron 191 casos, con prevalencia de 54% de hombres, 96% mayores de 15 años, 63% de multibacilares y 87,5% de curación como el principal tipo de salida. La tasa de detección anual se mantuvo media paralos > de 15 años. Todos los pacientes presentaron alguno grado de discapacidad en el momento del diagnóstico. Se concluye que el conocimiento epidemiológico de la enfermadad en la ciudad significará más apoyo para el control de la salud.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto Jovem , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Hanseníase/enfermagem , Hanseníase/prevenção & controle , Hanseníase/epidemiologia , Cuidados de Enfermagem , Saúde Pública , Estudos Epidemiológicos , Brasil
19.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 6(2): 493-506, abr.-jun. 2014. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: lil-712322

RESUMO

Objective: Understand the perception of leprosy patients about the stigma and prejudice experienced in prisons. Method: A qualitative, descriptive and exploratory research. The participants were five men and two women incarcerated. Data was collected through the Association Free Word Test and semistructured interview and processed by content analysis. Results: Using the Test emerged the categories Treatment, Prejudice, Symptoms and Feelings. From the interviews emerged the following categories: Leprosy from the perspective of patients and family relations; Stigma of leprosy, the impact of the diagnosis and their feelings; Refusing leprosy and Resorting to divine faith to tackle the disease. Conclusion: Negative feelings, prejudice and stigma were present in the speeches of subjects. Research and monitoring of leprosy patients become indispensable for nursing actions and for spaces of care in relation to social aspects of leprosy.


Objetivo: Conhecer a percepção dos portadores de hanseníase acerca do estigma e preconceito que vivenciam em unidades prisionais. Método: Estudo qualitativo, descritivo e exploratório. Foram participantes cinco homens e duas mulheres encarceradas. Dados coletados através do Teste de Associação Livre de Palavras e entrevista semiestruturada e tratados por Análise de Conteúdo. Resultados: Com o uso do Teste, emergiram as categorias Tratamento, Preconceito, Sintomas e Sentimentos. Das entrevistas emergiram as seguintes categorias: A hanseníase sob a ótica dos portadores e as relações familiares; O estigma da hanseníase, o impacto do diagnóstico e seus sentimentos; e Negando a hanseníase e recorrendo à fé divina para enfrentar a doença. Conclusão: Sentimentos negativos, preconceito e estigma fizeram-se presentes nos discursos dos sujeitos. A investigação e o acompanhamento de portadores de hanseníase tornam-se indispensáveis para as ações de enfermagem e para os espaços de cuidados no que se refere aos aspectos sociais da hanseníase.


Objetivo: Conocer la percepción de los pacientes de lepra sobre el estigma y los prejuicios enfrentado en las prisiones. Método: Estudio cualitativo, descriptivo y exploratorio. Los participantes fueron cinco hombres y dos mujeres encarceladas. Los datos recogidos a través de la Teste de Asociación Libre de Palabras y la entrevista semi-estructurada y procesados por análisis de contenido. Resultados: Con el uso del Teste surgieron las categorías: tratamiento, los prejuicios, síntomas y sentimientos. De las entrevistas emergieran las siguientes categorías: La perspectiva de los enfermos acerca de la lepra y las relaciones familiares; Lepra y el estigma de la sociedad, el impacto del diagnóstico y sentimientos; Ocultándose de la lepra e Recurriendo a la fe divina para enfrentarse la enfermedad. Conclusión: Sentimientos negativos, los prejuicios y el estigma estuvieron presentes en los discursos de los sujetos. La investigación y el acompañamiento de los enfermos de lepra son indispensables para las acciones de enfermería y para los espacios de atención en relación con los aspectos sociales de la lepra.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Hanseníase/enfermagem , Preconceito , Prisioneiros , Estigma Social , Brasil
20.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 6(2): 493-506, abr.-jun. 2014. tab
Artigo em Inglês, Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-25429

RESUMO

Objective: Understand the perception of leprosy patients about the stigma and prejudice experienced in prisons. Method: A qualitative, descriptive and exploratory research. The participants were five men and two women incarcerated. Data was collected through the Association Free Word Test and semistructured interview and processed by content analysis. Results: Using the Test emerged the categories Treatment, Prejudice, Symptoms and Feelings. From the interviews emerged the following categories: Leprosy from the perspective of patients and family relations; Stigma of leprosy, the impact of the diagnosis and their feelings; Refusing leprosy and Resorting to divine faith to tackle the disease. Conclusion: Negative feelings, prejudice and stigma were present in the speeches of subjects. Research and monitoring of leprosy patients become indispensable for nursing actions and for spaces of care in relation to social aspects of leprosy.(AU)


Objetivo: Conhecer a percepção dos portadores de hanseníase acerca do estigma e preconceito que vivenciam em unidades prisionais. Método: Estudo qualitativo, descritivo e exploratório. Foram participantes cinco homens e duas mulheres encarceradas. Dados coletados através do Teste de Associação Livre de Palavras e entrevista semiestruturada e tratados por Análise de Conteúdo. Resultados: Com o uso do Teste, emergiram as categorias Tratamento, Preconceito, Sintomas e Sentimentos. Das entrevistas emergiram as seguintes categorias: A hanseníase sob a ótica dos portadores e as relações familiares; O estigma da hanseníase, o impacto do diagnóstico e seus sentimentos; e Negando a hanseníase e recorrendo à fé divina para enfrentar a doença. Conclusão: Sentimentos negativos, preconceito e estigma fizeram-se presentes nos discursos dos sujeitos. A investigação e o acompanhamento de portadores de hanseníase tornam-se indispensáveis para as ações de enfermagem e para os espaços de cuidados no que se refere aos aspectos sociais da hanseníase.(AU)


Objetivo: Conocer la percepción de los pacientes de lepra sobre el estigma y los prejuicios enfrentado en las prisiones. Método: Estudio cualitativo, descriptivo y exploratorio. Los participantes fueron cinco hombres y dos mujeres encarceladas. Los datos recogidos a través de la Teste de Asociación Libre de Palabras y la entrevista semi-estructurada y procesados por análisis de contenido. Resultados: Con el uso del Teste surgieron las categorías: tratamiento, los prejuicios, síntomas y sentimientos. De las entrevistas emergieran las siguientes categorías: La perspectiva de los enfermos acerca de la lepra y las relaciones familiares; Lepra y el estigma de la sociedad, el impacto del diagnóstico y sentimientos; Ocultándose de la lepra e Recurriendo a la fe divina para enfrentarse la enfermedad. Conclusión: Sentimientos negativos, los prejuicios y el estigma estuvieron presentes en los discursos de los sujetos. La investigación y el acompañamiento de los enfermos de lepra son indispensables para las acciones de enfermería y para los espacios de atención en relación con los aspectos sociales de la lepra.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Hanseníase/enfermagem , Estigma Social , Preconceito , Prisioneiros , Brasil
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA