Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 2.214
Filtrar
1.
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1048327

RESUMO

Objetivo: descrever ações executadas pelo acompanhante junto à parturiente, conforme informações recebidas no pré-natal. Método: estudo qualitativo, descritivo, exploratório, com 21 acompanhantes, com o uso de um questionário semiestruturado. No processamento de análise dos dados, foi utilizado o software Iramuteq. Resultados: emergiram duas classes: 1. A informação no pré-natal sobre o direito do acompanhante e 2. A participação do acompanhante junto à parturiente e as ações executadas. Conclusão: a informação referente ao direito do acompanhante e ações a serem desenvolvidas por eles no processo de parto foram poucas ou nenhuma durante o pré-natal e as ações realizadas por eles foram provenientes de conhecimento adquirido por meio de busca individual ou recebido no momento da internação


Objective: to describe actions taken by the companion of the parturient, according the information received in prenatal care. Method: qualitative, descriptive, exploratory study with 21 companions, with the use of a semi-structured questionnaire. In the data analysis processing, Iramuteq software was used. Results: the two categories that emerged: 1. The information in the prenatal about your rights to the parturient companion 2. The participation of the parturient companion and the actions taken. Conclusion: observed that the information concerning the right of the companion and actions to be undertaken by them on labor process, were little or no during prenatal care, and the actions performed by them came from knowledge acquired through individual search or received at the time of hospitalization


Objetivo: describir acciones ejecutadas por el acompañante junto a la parturienta, conforme informaciones recibidas en el prenatal. Método: estudio cualitativo, descriptivo, exploratorio, con 21 acompañantes, con el uso de un cuestionario semiestructurado. En el procesamiento de análisis de los datos, se utilizó el software Iramuteq. Resultados: emergieron dos clases: 1. La información en el prenatal sobre el derecho del acompañante y 2. La participación del acompañante junto a la parturienta y las acciones ejecutadas. Conclusión: la información referente al derecho del acompañante y acciones a ser desarrolladas por ellos en el proceso de parto y parto fueron pocas o ninguna durante el prenatal y las acciones realizadas por ellos, fueron provenientes de conocimiento adquiridos por medio de búsqueda individual o recibidas en el momento de la internación


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Gravidez , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Cuidado Pré-Natal , Parto Humanizado , Acompanhantes Formais em Exames Físicos/tendências , Relações Profissional-Família , Relações Profissional-Paciente , Trabalho de Parto , Parto , Pesquisa Qualitativa , Humanização da Assistência , Acolhimento
2.
ABCS health sci ; 44(3): 172-179, 20 dez 2019. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-1047748

RESUMO

INTRODUÇÃO: A conscientização das gestantes é fundamental para experiências positivas de parto. OBJETIVO: Avaliar o grau de conhecimento das gestantes em dois serviços públicos sobre parto humanizado. Caracterizar epidemiologicamente a população estudada. MÉTODOS: Estudo descritivo realizado entre julho e agosto de 2017. Amostra com 297 gestantes foram selecionadas 200 após aplicação dos critérios de exclusão. Utilizados testes estatísticos de associações de variáveis (Qui-quadrado e Exato de Fisher). RESULTADOS: A média de idade das gestantes foi 26,6 anos. A maioria era procedente do interior do estado (72,5%), com renda até um salário mínimo (90,5%), e com mais de oito anos de estudo (62,5%). 71% iniciaram pré-natal até o primeiro trimestre e o pré-natal foi conduzido por médico em 72% dos casos. 71% preferiam parto normal e 44% tinha medo de cesárea. Profissional pré-natalista não ofereceu informações para 66,5%. 30,5% conhecia parto humanizado, destas 83,6% apresentaram conceito adequado. Houve associação entre conhecimento sobre parto humanizado e procedência (Aracaju) (p=0,03), maior renda (p=0,02), menor ocorrência de aborto (p=0,04), médico pré-natalista (p=0,04) preferência pelo parto vaginal (p=0,04). Dentre as que não conheciam o parto humanizado houve associação de respostas corretas com a maior renda (p=0,03) e anos estudados (p=0,02) e médico pré-natalista (p=0,01). CONCLUSÃO: A maioria desconhecia o parto humanizado, era procedente do interior com menor renda, preferência por parto normal, sem informações quanto aos tipos de parto pelo profissional executante (na maioria médicos), quem conhecia adequadamente. Conceitos adequados sobre parto humanizado mesmo na ausência de informação prévia associaram-se às variáveis socioeconômico e pré-natal.


INTRODUCTION: The awareness of pregnant women is fundamental to positive birth experiences. OBJECTIVE: To analyze the level of knowledge on humanized birth of pregnant women from two public services and characterize the sample epidemiologically. METHODS: Descriptive study using questionnaire between June and August 2017. Sample with 297 pregnant women being selected 200 after applying the exclusion criteria. Association test of variables were used (Chi-square and Fisher's exact test). RRESULTS: Mean age was 26.6 years. Majority were from countryside (72.5%), income up to a minimum wage (90.5%) and more of eight years of education (62.5%). 71% started prenatal care in the first trimester and it was conducted by physician in 71% of cases. 71% preferred vaginal delivery and 44% related fear of cesarean. Prenatal professional in charge did not provide information for 66.5%. 30.5% have heard about humanized childbirth, among these, 83.6% showed adequate concepts. Associations were observed between prior knowledge of humanized childbirth and origin (Aracaju) (p=0.03), higher income (p=0.02), lower abortion incidence (p=0.04), prenatal physician (p=0.04) and preference for normal childbirth (p=0.04). Among women without previous knowledge on humanized childbirth there association of correct concept with higher income (p=0.03), schooling (p=0.02) and prenatal physician (p=0.01). CONCLUSION: The majority did not know about humanized delivery, were from the countryside with lower income, preference for normal birth, were not informed on the types of delivery by the professional practitioner (in majority doctors), whom knew properly. Adequate concepts about humanized childbirth, even in the absence of prior information, were associated to socio-economic and prenatal variables.


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Criança , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Conhecimento , Serviços Básicos de Saúde , Parto Humanizado , Parto Obstétrico , Gestantes , Humanização da Assistência , Serviços de Saúde , Atenção Primária à Saúde , Funções Essenciais da Saúde Pública , Comunicação em Saúde
3.
Nursing (Säo Paulo) ; 22(257): 3204-3208, out.2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1026072

RESUMO

A pesquisa tem como objetivo identificar as vantagens e as desvantagens relacionadas à realização do processo de enfermagem (PE) pelos enfermeiros que atuam nas unidades de internação em um hospital público de ensino. Trata-se de um estudo descritivo com análise quantitativa dos dados. A coleta de dados foi realizada no período de outubro de 2016 a março de 2017 por meio de entrevista individual com enfermeiros que aceitaram fazer parte do estudo, totalizando 29 sujeitos. Foram apontados como eventos vantajosos decorrentes da realização do PE: cuidado humanizado, individualizado e holístico; direcionamento da prática e tomada de decisão; cuidado qualificado; maior qualidade dos registros de enfermagem; valorização profissional; melhoria na condição de saúde dos clientes; autonomia profissional; maior interação da equipe de enfermagem; satisfação do usuário e maior controle de custos. Os aspectos negativos decorrentes da realização do PE foram: necessidade de acompanhamento sequencial do paciente, necessidade de maior número de enfermeiros assistenciais e maior disponibilidade de tempo para avaliar, planejar, prescrever, executar e registrar as respostas do paciente no prontuário, no entanto, tais itens consistem em "dificuldades" para a realização do PE e não como "desvantagens" da realização do mesmo. Foi possível verificar que a realização do PE traz inúmeras vantagens para o paciente, profissional e instituição de saúde e nenhuma desvantagem aos envolvidos nesse processo.(AU)


The research aims to identify the advantages and disadvantages related to the performance of the nursing process (PE) by nurses working in inpatient units in a public teaching hospital. This is a descriptive study with quantitative data analysis. Data collection was performed from October 2016 to March 2017 through individual interviews with nurses who agreed to be part of the study, totaling 29 subjects. Advantageous events resulting from the performance of the PE were: humanized, individualized and holistic care; practice direction and decision making; qualified care; higher quality of nursing records; professional appreciation; improvement in clients' health condition; professional autonomy; greater interaction of the nursing staff; user satisfaction and greater cost control. The negative aspects resulting from the performance of PE were: need for sequential patient follow-up, need for more nurses and more time available to evaluate, plan, prescribe, execute and record patient responses in the medical record; These items consist of "difficulties" for performing PE and not as "disadvantages" of performing PE. It was possible to verify that the performance of PE brings numerous advantages for the patient, professional and health institution and no disadvantage to those involved in this process.(AU)


La investigación tiene como objetivo identificar las ventajas y desventajas relacionadas con el desempeño del proceso de enfermería (EP) por parte de las enfermeras que trabajan en unidades de hospitalización en un hospital público de enseñanza. Este es un estudio descriptivo con análisis de datos cuantitativos. La recopilación de datos se realizó entre octubre de 2016 y marzo de 2017 a través de entrevistas individuales con enfermeras que aceptaron ser parte del estudio, totalizando 29 sujetos. Los eventos ventajosos resultantes del desempeño de la EP fueron: atención humanizada, individualizada y holística; dirección práctica y toma de decisiones; cuidado calificado; mayor calidad de los registros de enfermería; apreciación profesional; mejora en el estado de salud de los clientes; autonomía profesional; mayor interacción del personal de enfermería; satisfacción del usuario y mayor control de costos. Los aspectos negativos resultantes del desempeño de la EP fueron: necesidad de seguimiento secuencial del paciente, necesidad de más enfermeras y más tiempo disponible para evaluar, planificar, prescribir, ejecutar y registrar las respuestas de los pacientes en la historia clínica; Estos elementos consisten en "dificultades" para realizar PE y no como "desventajas" de realizar PE. Fue posible verificar que el desempeño de la EP trae numerosas ventajas para el paciente, el profesional y la institución de salud y no una desventaja para los involucrados en este proceso.(AU)


Assuntos
Humanos , Planejamento de Assistência ao Paciente , Cuidados de Enfermagem/métodos , Processo de Enfermagem , Humanização da Assistência
4.
Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online) ; 11(5): 1286-1292, out.-dez. 2019.
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1022718

RESUMO

Objective: The study's purpose has been to know the experience of mothers during the hospitalization of their children. Methods: This is a descriptive-exploratory study with a qualitative approach in a pediatric clinic of a reference hospital in the northern region of Ceará State, Brazil, on November 2015. The research includes eight mothers with hospitalized children at least seven days. The information was collected through individual semi-structured interviews, which were organized through the thematic analysis. Results: Four thematic categories were configured: the experience of mothers with children in hospitalization; contributions of mothers in the recovery of their child; quality of nursing care in the mother's perception; feelings aroused by the mothers during the hospitalization of their child. Conclusion: It was evidenced the need for the health team to plan and implement qualified health care, furthermore, those professionals are imbued with humanization and a comprehensive care perspective


Objetivo: Conhecer a experiência de mães durante a internação hospitalar de seus filhos. Métodos: Estudo descritivo-exploratório, com abordagem qualitativa em uma clínica pediátrica de um Hospital de referência na região norte do Ceará, Brasil, em novembro de 2015, com oito mães com filhos internados há pelo menos sete dias. A coleta das informações ocorreu por meio de entrevistas semiestruturada individual, que foram organizadas por meio da análise temática. Resultados: Configuraram-se quatro categorias temáticas: experiência de mães com filhos em internação hospitalar; contribuições das mães na recuperação do filho; qualidade do atendimento de enfermagem na percepção das mães e; sentimentos despertados das mães durante a internação hospitalar do filho. Conclusão: Evidenciou-se a necessidade de a equipe de saúde planejar e implementar cuidados de saúde qualificados, e que esses estejam imbuídos de humanização e de uma perspectiva de atenção integral


Objetivo: Conocer la experiencia de madres durante la internación hospitalaria de sus hijos. Método: Estudio descriptivo-exploratorio, con abordaje cualitativo en una clínica pediátrica de un Hospital de referencia en la región norte de Ceará, Brasil, en noviembre de 2015, con ocho madres con hijos internados hace al menos siete días. La recolección de las informaciones ocurrió por medio de entrevistas semiestructuradas individuales, que fueron organizadas por medio del análisis temático. Resultados: Se configuraron cuatro categorías temáticas: experiencia de madres con hijos en internación hospitalaria; las contribuciones de las madres en la recuperación del hijo; calidad de la atención de enfermería en la percepción de las madres y; sentimientos despertados de las madres durante la internación hospitalaria del hijo. Conclusión: Se evidenció la necesidad de que el equipo de salud planificar e implementar cuidados de salud calificados, y que éstos estén imbuidos de humanización y de una perspectiva de atención integral


Assuntos
Humanos , Feminino , Criança , Adulto , Criança Hospitalizada , Humanização da Assistência , Relações Mãe-Filho , Relações Familiares , Acontecimentos que Mudam a Vida
5.
Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online) ; 19(3): 569-574, Jul.-Sept. 2019.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1041095

RESUMO

Abstract Objectives: to analyze the understanding of puerperae, doulas and the care team about the presence of a doula during the pregnant women's parturition process. Methods: this is a qualitative study, using semi-structured interviews as a data collection instrument. The saturation criterion was used to limit the sample and proceed to the Content Analysis. Results: 19 participants were interviewed, 10 were the health team, 5 were doulas and 4 were puerperae. After the analysis, three categories were identified: the doula's presence during the pregnant women's labor and their meaning, the doula's follow up during the pregnant women's labor and its improvements, the influence of doulagem in the academic formation. The presence of doulas brought to the parturient security, support, humanization and follow-up on childbirth process. The team brought comfort and tranquility.The doulas scored benefits for academic training. Conclusions: it was possible to recognize doula as part of the humanized care, to provide subsidies for a reflection of her work, and to reveal the influence of the practice of doulagem for academic formation of doulas at university.


Resumo Objetivos: analisar a compreensão das puérperas, das doulas e da equipe assistencial sobre a presença da doula durante o processo de parturição das gestantes. Métodos: trata-se de estudo qualitativo, utilizando como instrumento de coleta de dados entrevistas semiestruturadas. O critério de saturação foi utilizado para limitar a amostra e procedida a Análise de Conteúdo. Resultados: foram entrevistados 19 participantes, sendo 10 da equipe de saúde, 5 das doulas e 4 das puérperas. Após análise, foram identificadas três categorias, sendo elas: presença da doula durante o trabalho de parto das gestantes e seus significados, acompa-nhamento da doula durante o trabalho de parto das gestantes e suas melhorias, a influência da doulagem na formação acadêmica. A presença das doulas trouxe para a parturiente segurança, apoio, humanização e acompanhamento do processo de parto. Para a equipe trouxe conforto e tranquilidade. As doulas pontuaram benefícios na formação acadêmica. Conclusões: foi possível reconhecer a doula como parte do cuidado humanizado, prover subsídios para uma reflexão do seu trabalho, além de revelar a influência da prática da doulagem para formação acadêmica das doulas universitárias.


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Trabalho de Parto , Parto Humanizado , Período Pós-Parto , Humanização da Assistência , Doulas , Parto
6.
Nursing (Säo Paulo) ; 22(256): 3155-3159, set.2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1026021

RESUMO

Objetivo: Trata-se de estudo o qual tem como foco compreender o entendimento da equipe de enfermagem sobre a sistematização da assistência de enfermagem. Método: Pesquisa descritiva, de abordagem qualitativa realizado com 40 profissionais de enfermagem de uma maternidade referência da Região Central de Belém, com a utilização de entrevista semi-estruturada e realizada a análise de conteúdo de Bardin. A pesquisa foi aprovada pelo comitê de ética sob o parecer n°547.872. Resultados: Houve três categorias temáticas, com base na análise de conteúdo, a partir do qual se observou que os participantes possuem conhecimento insuficiente para aperfeiçoar a implementação do processo de enfermagem e consequentemente tais podem refletir na assistência. Conclusão: O entendimento da equipe de enfermagem é insuficiente para concretizar a SAE na assistência adjunto das dificuldades presentes no ambiente hospitalar.(AU)


Objective: This study focuses on understanding the nursing team's understanding of the systematization of nursing care. Method: Descriptive research, with a qualitative approach conducted with 40 nursing professionals from a reference maternity in the Central region of Belém, with the use of semi-structured interviews and performed the content analysis of Bardin. The research was approved by the Ethics committee under the N ° 547.872. Results: There were 3 thematic categories, based on content analysis, from which it was observed that the participants have insufficient knowledge to optimize the implementation of the nursing process and consequently, they may reflect on the assistance. Conclusion: The understanding of the nursing team is insufficient to achieve the SAE in the adjunctive assistance of the difficulties present in the hospital environment.(AU)


Objetivo: Este estudio se centra en entender la comprensión del equipo de enfermería de la sistematización de la atención de enfermería. Método: Investigación descriptiva, con un enfoque cualitativo realizado con 40 profesionales de enfermería de una maternidad de referencia en la región central de Belém, con el uso de entrevistas semiestructuradas y realizado el análisis de contenido de Bardin. Resultados: Había 3 categorías temáticas, basadas en el análisis del contenido, de las que se observó que los participantes no tienen conocimientos suficientes para optimizar la implementación del proceso de enfermería y, en consecuencia, estos pueden reflexionar sobre la asistencia. Conclusión: La comprensión del equipo de enfermería es insuficiente para lograr el NCS en la asistencia adjunta de las dificultades presentes en el entorno hospitalario.(AU)


Assuntos
Humanos , Humanização da Assistência , Cuidados de Enfermagem/métodos , Processo de Enfermagem , Equipe de Enfermagem
7.
Saude e pesqui. (Impr.) ; 12(2): 309-315, maio/ago 2019. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1016519

RESUMO

Para promover a qualidade de vida aos pacientes atendidos em um programa de reabilitação, há a necessidade e obrigação de humanizar o atendimento. O fisioterapeuta exerce um papel fundamental na reabilitação dos pacientes com sequelas ortopédicas, e, além de qualidade técnica, deve prezar pela qualidade relacional de sua assistência. avaliar a relação terapeuta paciente, investigando se há humanização do atendimento fisioterapêutico na especialidade de ortopedia. Estudo de corte transversal, no qual foi aplicado um questionário adaptado avaliativo individual, contendo 15 questões fechadas em nove domínios, em uma amostra de 59 indivíduos, os quais receberam atendimento na especialidade de fisioterapia ortopédica. Os dados foram analisados e apresentados em frequência e porcentagem. O atendimento fisioterapêutico foi caracterizado como humanizado, obtendo-se resposta com 100% em todos os domínios do questionário, nos quesitos que dizem respeito à relação terapeuta-paciente. A assistência fisioterápica, na especialidade de ortopedia, foi caracterizada como humanizada pelos pacientes.


Care should be humanized to promote the life quality of patients attended in a rehabilitation program. The physiotherapist has an important role in the rehabilitation of patients with orthopedic sequels. Besides technical quality, physiotherapists should appreciate the quality of their relationship. To evaluate the therapist-patient relationship by investigating whether humanization exists in physiotherapist attendance, especially in orthopedics. Transversal research applied a questionnaire adapted for individual evaluation, with 15 questions within nine dominions, in a sample of 59 agents receiving care in orthopedic physiotherapy. Data were analyzed, with frequency and percentages. Physiotherapeutic attendance was characterized as humanized, with one hundred percent response in all the domains of the questionnaire with regard to therapist-patient relationship. Physiotherapy, especially orthopedics, was characterized as humanized by patients.


Assuntos
Humanos , Ortopedia , Fisioterapia , Humanização da Assistência , Promoção da Saúde
8.
Rev. enferm. UFSM ; 9: 2, jul. 15, 2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1009315

RESUMO

"\"\\\"[{\\\\\\\"text\\\\\\\": \\\\\\\"Objetivo: analisar a assistência ao parto e nascimento, sob a ótica de puérperas atendidas em uma\\\\\\\\r\\\\\\\\nmaternidade pública. Método: estudo de natureza qualitativa, descritivo, realizado com dez puérperas no centro\\\\\\\\r\\\\\\\\nobstétrico de uma instituição pública da cidade de Russas, Ceará, Brasil. Os dados foram coletados a partir de\\\\\\\\r\\\\\\\\nentrevistas gravadas, transcritas e analisadas mediante a técnica do discurso do sujeito coletivo. Resultados: da\\\\\\\\r\\\\\\\\nanálise emergiram três ideias centrais: falta de assistência humanizada e suas limitações; insatisfação com o\\\\\\\\r\\\\\\\\natendimento prestado; e informação dos benefícios do parto normal. Considerações finais: essa investigação\\\\\\\\r\\\\\\\\naponta a necessidade de refletir acerca das políticas e práticas em saúde direcionadas para a assistência ao parto e\\\\\\\\r\\\\\\\\nnascimento e a forma como os diferentes atores se inserem nesta dinâmica, entendendo os limites e as\\\\\\\\r\\\\\\\\npotencialidades da atenção em saúde a esse grupo em destaque.\\\\\\\", \\\\\\\"_i\\\\\\\": \\\\\\\"pt\\\\\\\"}, {\\\\\\\"text\\\\\\\": \\\\\\\"Aim: to analyze delivery and birth care, from the point of view of puerperal women cared for at a\\\\\\\\r\\\\\\\\npublic maternity hospital. Method: a qualitative, descriptive study performed with ten puerperae at the obstetric\\\\\\\\r\\\\\\\\ncenter of a public institution in the city of Russas, Ceará, Brazil. Data were collected from recorded interviews,\\\\\\\\r\\\\\\\\ntranscribed and analyzed using the collective subject discourse technique. Results: three main ideas emerged from\\\\\\\\r\\\\\\\\nthe analysis: lack of humanized assistance and its limitations; dissatisfaction with the offered service; and\\\\\\\\r\\\\\\\\ninformation on the benefits of normal birth. Conclusion: this research points to the need to reflect on the health\\\\\\\\r\\\\\\\\npolicies and practices directed to the delivery and birth care and how the different actors are inserted in this\\\\\\\\r\\\\\\\\ndynamic, understanding the limits and potentialities of health care to the highlighted group.\\\\\\\", \\\\\\\"_i\\\\\\\": \\\\\\\"en\\\\\\\"}, {\\\\\\\"text\\\\\\\": \\\\\\\"Objetivo: analizar la asistencia al parto y al nacimiento, a partir del punto de vista de las puérperas\\\\\\\\r\\\\\\\\natendidas en una maternidad pública. Método: estudio de naturaleza cualitativa, descriptiva, realizado con diez\\\\\\\\r\\\\\\\\npuérperas, en el centro obstétrico de una institución pública, de la ciudad de Russas, Ceará, Brasil. Los datos fueron\\\\\\\\r\\\\\\\\nrecolectados a partir de entrevistas grabadas y transcritas y analizadas por la técnica del discurso del sujeto\\\\\\\\r\\\\\\\\ncolectivo. Resultados: del análisis surgieron tres ideas centrales: falta de asistencia humanizada y sus limitaciones;\\\\\\\\r\\\\\\\\ninsatisfacción con la atención prestada; e información sobre los beneficios del parto normal. Conclusión: esta\\\\\\\\r\\\\\\\\ninvestigación resalta la necesidad de reflexionar sobre las políticas y prácticas en salud direccionadas a la asistencia\\\\\\\\r\\\\\\\\nal parto y al nacimiento y a la forma como los diferentes actores se insertan en esa dinámica, entendiendo los\\\\\\\\r\\\\\\\\nlímites y las potencialidades de la atención en salud a ese grupo destacado.\\\\\\\", \\\\\\\"_i\\\\\\\": \\\\\\\"es\\\\\\\"}]\\\"\""


Assuntos
Humanos , Parto , Período Pós-Parto , Humanização da Assistência
9.
Rev. enferm. UFSM ; 9: 15, jul. 15, 2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1009364

RESUMO

"\"\\\"[{\\\\\\\"text\\\\\\\": \\\\\\\"Objetivo: conhecer as potencialidades e fragilidades na consulta pré-natal de risco habitual. Método:\\\\\\\\r\\\\\\\\nestudo qualitativo, desenvolvido com vinte gestantes que realizaram o pré-natal na Atenção Primária à Saúde do\\\\\\\\r\\\\\\\\nmunicípio de São Luís, no ano de 2017. Para análise dos dados utilizou-se a Análise Temática com base nos\\\\\\\\r\\\\\\\\nparâmetros preconizados pelo Ministério da Saúde. Resultados: o acolhimento, o fácil acesso, a realização de\\\\\\\\r\\\\\\\\nexames e os grupos de gestantes configuram-se como potencialidades do pré-natal. A falta de organização das\\\\\\\\r\\\\\\\\nunidades, de medicamentos de uso essencial, de recursos materiais, o tempo prolongado para início das consultas e para as realizações dos exames consistiram em fragilidades. Conclusões: a avaliação da assistência pré-natal a partir da percepção das usuárias trouxe contribuições para intervenções nas fragilidades dos serviços de saúde às gestantes, e o atendimento de acordo com o que está preconizado pelo Ministério da Saúde.\\\\\\\", \\\\\\\"_i\\\\\\\": \\\\\\\"pt\\\\\\\"}, {\\\\\\\"text\\\\\\\": \\\\\\\"Objective: to know the potentialities and weaknesses in the prenatal consultation of habitual risk.\\\\\\\\r\\\\\\\\nMethods: qualitative study, developed with twenty pregnant women who underwent prenatal care at Primary\\\\\\\\r\\\\\\\\nHealth Care in the city of São Luís in 2017. Data analysis used the Thematic Analysis based on the parameters recommended by the Ministry of Health. Results: the reception, the easy access, the examinations and the groups of pregnant women are configured as prenatal potentialities. The lack of organization of the units, of essential drugs, of material resources, the long time to start consultations and the accomplishment of the examinations constituted weaknesses. Conclusions: the assessment of prenatal care from the users' perceptions brought contributions to interventions in the weaknesses of health services to pregnant women, according to the recommendations of the Ministry of Health.\\\\\\\", \\\\\\\"_i\\\\\\\": \\\\\\\"en\\\\\\\"}, {\\\\\\\"text\\\\\\\": \\\\\\\"Objetivo: conocer las potencialidades y fragilidades en la consulta prenatal de riesgo habitual.\\\\\\\\r\\\\\\\\nMétodos: estudio cualitativo, desarrollado con veinte gestantes, que realizaron el prenatal en la Atención Primaria a la Salud, del municipio de São Luís, en el año 2017. Para análisis de los datos, se utilizó el Análisis Temático, con base en los parámetros determinados por el Ministerio de Salud. Resultados: la acogida, el fácil acceso, la realización de exámenes y los grupos de gestantes se configuran como potencialidades del prenatal. La falta de organización de las unidades, de medicamentos de uso básico, de recursos materiales, el tiempo prolongado para el inicio de las consultas y para la realización de los exámenes consistieron en fragilidades. Conclusión: la evaluación de la asistencia prenatal, a partir de la percepción de las usuarias, aportó contribuciones para intervenciones en las fragilidades de los servicios de salud a las gestantes y para garantizar la atención de acuerdo con lo que está determinado por el Ministerio de Salud.\\\\\\\", \\\\\\\"_i\\\\\\\": \\\\\\\"es\\\\\\\"}]\\\"\""


Assuntos
Humanos , Cuidado Pré-Natal , Enfermagem no Consultório , Humanização da Assistência
10.
Med. intensiva (Madr., Ed. impr.) ; 43(5): 290-298, jun.-jul. 2019. graf, tab
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-183241

RESUMO

La corriente humanizadora surge como respuesta a un hecho que parece indiscutible: el desarrollo científico y tecnológico de las Unidades de Cuidados Intensivos. Este ha mejorado el cuidado del paciente crítico en términos cuantitativos y ha relegado, quizá, las necesidades humanas y emocionales de pacientes, familias y profesionales a un segundo plano. La humanización debe ser objeto de debate, sin que esto se confunda con poner en duda la humanidad desplegada por los profesionales. Se analizan y describen en este trabajo las líneas estratégicas sobre las que pivota el cuidado humanizado del paciente crítico, adaptándolas al ámbito pediátrico


The humanization of care emerges as a response to something that seems indisputable: the scientific and technological developments in Intensive Care Units. Such development has improved the care of the critically ill patient in quantitative terms, but has perhaps caused the emotional needs of patients, families and professionals to be regarded as secondary concerns. The humanization of healthcare should be discussed without confusing or discussing the humanity displayed by professionals. In this paper we review and describe the different strategic lines proposed in order to secure humanized care, and adopt a critical approach to their adaptation and current status in the field of pediatric critical care


Assuntos
Humanos , Humanização da Assistência , Unidades de Terapia Intensiva Pediátrica , Cuidados Críticos , Cuidados Paliativos na Terminalidade da Vida/métodos , Comunicação , Conforto do Paciente/métodos , Família/psicologia
11.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 11(4): 1011-1016, jul.-set. 2019. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-1005842

RESUMO

Objetivo: Analisar o conhecimento da equipe de enfermagem acerca das necessidades humanas básicas dos pacientes críticos internos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) sob a luz da teoria das necessidades humanas básicas de Wanda de Aguiar Horta. Métodos: Estudo exploratório, descritivo, com abordagem quantitativa. Amostra de cem profissionais de enfermagem em terapia intensiva adulto. Resultados: Predominância dos aspectos psicobiológico: cuidado corporal (11,7%), oxigenação e nutrição (11,6%) e baixo predomínio dos aspectos psicossociais. A interação com a equipe multiprofissional (25,2%), a iniciativa do profissional (19,50%) e a disponibilidade de recursos humanos compatíveis (16,72%) favorecem a percepção das necessidades humanas básicas do paciente, enquanto estresse (23,74%), quantitativo de paciente para um enfermeiro/ técnico (22,57%) e rotatividade da equipe (14,01%) dificultam. Conclusão: A equipe de enfermagem conhece as necessidades humanas básicas do paciente critico, centralizada nos aspectos psicobiológicos com distanciamento dos aspectos sociais e religiosos na pratica assistencial


Objective: To analyze the knowledge of the nursing team about the basic human needs of critically ill patients in the Intensive Care Unit under the basic human needs theory of Wanda de Aguiar Horta. Methods: This was an exploratory, descriptive study with a quantitative approach. Sample of 100 nursing professionals in adult intensive care. Results: Predominance of psychobiological aspects: body care (11.7%), oxygenation and nutrition (11.6%); low prevalence of psychosocial aspects. Interaction with the multiprofessional team (25.2%), professional initiative (19.50%) and availability of compatible human resources (16.72%) favor the perception of the basic human needs of the patient, while stress (23, 74%), quantitative of a patient for a nurse / technician (22.57%) and staff turnover (14.01%) difficult. Conclusion: The nursing team knows the basic human needs of the critical patient, centered on psychobiological aspects with detachment of social and religious aspects in the practice of care


Objetivo: Analizar el conocimiento del equipo de enfermería acerca de las necesidades humanas básicas de los pacientes críticos internos en la Unidad de Terapia Intensiva bajo la luz de la teoría de las necesidades humanas básicas de Wanda de Aguiar Horta. Métodos: Estudio exploratorio, descriptivo, con abordaje cuantitativo. Muestra de 100 profesionales de enfermería en terapia intensiva adulto. Resultado: Predominancia de los aspectos psicobiológico: cuidado corporal (11,7%), oxigenación y nutrición (11,6%); bajo predominio de los aspectos psicosociales. La interacción con el equipo multiprofesional (25,2%), iniciativa del profesional (19,50%) y disponibilidad de recursos humanos compatibles (16,72%) favorece la percepción de las necesidades humanas básicas del paciente, mientras que el estrés (23, El 74%), cuantitativo de paciente para un enfermero / técnico (22,57%) y la rotatividad del equipo (14,01%) dificultan. Conclusión: El equipo de enfermería conoce las necesidades humanas básicas del paciente critico, centralizado en los aspectos psicobiológicos con distanciamiento de los aspectos sociales y religiosos en la práctica asistencial


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Humanização da Assistência , Unidades de Terapia Intensiva/estatística & dados numéricos , Equipe de Enfermagem/estatística & dados numéricos , Qualidade da Assistência à Saúde/estatística & dados numéricos
12.
Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online) ; 19(2): 471-479, Apr.-June 2019.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1013142

RESUMO

Abstract Objectives: to understand the cultural context presented in hospitals and its relation to the obstetric nurse's autonomous practice on low-risk childbirth care. Methods: ethnographic research performed in three public maternities in Rio Grande do Norte, Brazil. Three managers and twenty-three obstetric nurses participated in this research. Results: distinctive on cultural, organizational and structural aspects of the hospital institution interfering directly with the obstetric nurse's autonomous practice. Among these aspects, professional appreciation on low-risk childbirth care contributes for the nurse's autonomy Conclusions: it was noticed that obstetric nurses undergo different contexts of action, which directly interfere with their autonomy on low-risk childbirth care and their decisionmaking abilities. It is necessary, then, to eradicate the relation of dominance and submission that it is still imposed by medical hegemony.


Resumo Objetivos: compreender o contexto cultural da instituição hospitalar e sua relação com a prática autônoma do enfermeiro obstetra na assistência ao parto de risco habitual. Métodos: pesquisa etnográfica desenvolvida em três maternidades públicas do Estado do Rio Grande do Norte, Brasil, com três gestores e 23 enfermeiros obstetras. Resultados: diferentes aspectos de ordem cultural, organizacional e estrutural da instituição hospitalar interferem diretamente na prática autônoma do enfermeiro obstetra. Dentre estes aspectos, a valorização profissional na assistência ao parto de risco habitual contribui para a autonomia do profissional em questão. Conclusões: constatou-se que o enfermeiro obstetra vivencia distintos contextos de atuação, os quais interferem diretamente na sua autonomia na assistência ao parto de risco habitual e no seu poder de decisão. Faz-se necessário, então, desvencilhar-se das relações de domínio e submissão, ainda impostas pela hegemonia médica.


Assuntos
Humanos , Prática Profissional , Cultura Organizacional , Autonomia Profissional , Tocologia , Enfermeiras Obstétricas , Brasil , Enfermagem Holística , Parto Humanizado , Tomada de Decisões , Humanização da Assistência
13.
Licere (Online) ; 22(02): 160-192, junho.2019. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1008607

RESUMO

Esta pesquisa, descritivo-exploratória, com abordagem qualitativa dos dados, objetivou descrever e refletir sobre a organização e o desenvolvimento das intervenções realizadas por cinco clowns voluntários, com pacientes idosos em um hospital filantrópico as percepções destes voluntários sobre suas intervenções. Foram realizadas seis observações com auxílio de uma matriz de observação sistemática e aplicadas entrevistas semiestruturadas com dois clowns. Os dados foram tratados por meio de elementos da técnica de análise de conteúdo. Evidenciou-se que a conversa, a música e o teatro constituem-se instrumentos potencializadores das manifestações lúdicas e artísticas utilizados pelo grupo; a relação dos voluntários com conteúdos artísticos e lúdicos durante a infância foi fundamental no processo da construção do ser clown e na atuação no contexto hospitalar; a autonomia no grupo e no hospital é fundamental para trabalhar a especificidade de cada clown.


This descriptive-exploratory research, with qualitative data approach, objected describe and reflect about the organization and development of interventions performed by five volunteer clowns with elderly patients in a philanthropic hospital of Florianópolis (SC). It was also sought analyze their perceptions about the interventions. Six observations were performed using a systematic matrix and also were applied a semi-structured interview with two clowns. The data were treated using elements of the content analysis technique. It was evidenced that conversation, music and theater are great instruments for development of the ludic and artistic manifestations used by the group; the relation of volunteers with artistic and recreational contents, during childhood, was fundamental on the building process of the "being clown" and acting in hospital context, also autonomy is fundamental to work to work the specificity of each clown on that specific scenario.


Assuntos
Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Arte , Idoso Fragilizado , Humanização da Assistência , Trabalhadores Voluntários de Hospital , Hospitalização , Relações Interpessoais
15.
Pediatr. aten. prim ; 21(82): 191-201, abr.-jun. 2019. tab
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-184599

RESUMO

La leche humana se reconoce como el alimento idóneo para todos los niños por sus probados beneficios en la salud de la madre y del niño. La Organización Mundial de la Salud recomienda la lactancia materna exclusiva durante los primeros seis meses de la vida y, al menos hasta los dos años, complementada con otros alimentos. Esta recomendación se extiende a los recién nacidos enfermos y prematuros, salvo raras excepciones. Las pruebas sobre el efecto protector de la lactancia materna en la salud del niño y de la madre son muy robustas en relación con catorce enfermedades, nueve infantiles y cinco maternas. El apoyo a la lactancia materna desde Atención Primaria tiene un efecto favorable y consistente, con un riesgo de efectos adversos mínimo y que precisa una disponibilidad de recursos asumibles. En los centros de salud se sugiere implantar las prácticas recomendadas por la Academia Americana de Pediatría o los siete pasos de la Iniciativa de Humanización de la Asistencia al Nacimiento y Lactancia para prolongar la lactancia materna. Se sugiere formar a los médicos en lactancia materna, implicar a enfermeras consultoras en lactancia y favorecer el apoyo entre pares para prolongar la lactancia materna


Human milk is recognized as the ideal nourishment for all children due to its proven health benefits for mother and child. World Health Organization recommends exclusive breastfeeding during the first six months of life and, at least until two years, complemented with other foods. This recommendation extends to sick and preterm newborns, with rare exceptions. Proofs on the protecting effect of breastfeeding for child and mother health are very robust relating to fourteen diseases: nine child diseases and five mother diseases. Support to breastfeeding in Primary Care has a favourable and consistent effect, with a minimum risk of adverse events and it requires affordable resources. It is suggested to implement in Primary Care Centers the recommended practices of the American Academy of Pediatrics or the 7 steps of Initiative Humanisation of Attendance to Birth and breastfeeding to prolong breastfeeding. It is suggested to train physicians in breastfeeding, involve breastfeeding consultant nurses and promote the peers' support to prolong breastfeeding


Assuntos
Humanos , Humanização da Assistência , Aleitamento Materno/tendências , Parto Humanizado , Atenção Primária à Saúde/organização & administração , Promoção da Saúde/organização & administração , Prevenção de Doenças , Avaliação de Eficácia-Efetividade de Intervenções
16.
Rev. enferm. UFPE on line ; 13(5): 1394-1404, maio 2019. ilus, tab, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1024514

RESUMO

Objetivo: analisar a assistência de Enfermagem ao recém-nascido com hidrocefalia em Unidades de Terapia Intensiva e de Cuidados Intermediários Neonatais. Método: trata-se de estudo quantitativo, descritivo, transversal, em um instituto materno-infantil de referência. Compôs-se a amostra por 20 enfermeiros e 55 técnicos de Enfermagem. Utilizou-se, como técnica de coleta dos dados, o questionário, armazenados e analisados pelo EPI INFO 7.1.5. Apresentaram-se os resultados em tabelas e figuras. Resultados: revela-se que, dos profissionais enfermeiros entrevistados, apenas 27,78% possuem curso de pós-graduação em Neonatologia e Pediatria e somente 6,67% dos entrevistados afirmaram que haviam recebido capacitação em relação à qualificação para os cuidados ao recém-nascido com hidrocefalia; apenas 38,67% dos participantes responderam que "sempre" realizam a Sistematização da Assistência de Enfermagem; sobre a assistência, 86,67% referiram o provimento de conforto e segurança e 78,67% deles, a mudança de decúbito a cada três horas como intervenções essenciais para esses neonatos. Conclusão: evidenciaram-se, no estudo, um deficit de capacitação para prestar assistência ao recém-nascido com hidrocefalia e que a assistência é, geralmente, não sistematizada e nem sempre adequada às necessidades integrais desses neonatos.(AU)


Objective: to analyze Nursing care for the newborn with hydrocephalus in Intensive Care Units and Neonatal Intermediate Care Units. Method: this is a quantitative, descriptive, cross-sectional study conducted at a maternal-infant reference institute. The sample was composed by 20 nurses and 55 nursing technicians from these neonatal units. The questionnaire was used as the data collection technique, and were stored and analyzed using the EPI INFO 7.1.5. Results were presented in the form of tables and figures. Results: it is revealed that of the nurses interviewed, only 27.78% have a postgraduate course in Neonatology and Pediatrics and only 6.67% of the interviewees affirmed that they had received training in relation to the qualification for the care of new- born with hydrocephalus; only 38.67% of respondents answered that "always" carry out the Systematization of Nursing Assistance; 86.67% referred to comfort and safety and 78.67% reported bed rest every three hours as essential interventions for these infants. Conclusion: in the present study, there was a lack of capacity to provide assistance to the newborn with hydrocephalus and that care is generally not systematized and not always adequate to the full needs of these infants.(AU)


Objetivo: analizar la asistencia de Enfermería al recién nacido con hidrocefalia en Unidades de Terapia Intensiva y de Cuidados Intermediarios Neonatales. Método: se trata de un estudio cuantitativo, descriptivo, transversal, realizado en un instituto materno-infantil de referencia. Se compuso la muestra por 20 enfermeros y 55 técnicos de Enfermería de esas unidades neonatales. Se utilizó, como técnica de recolección de los datos, el cuestionario, y almacenados y analizados a través del software estadístico EPI INFO 7.1.5. Se presentaron los resultados en tablas y figuras. Resultados: se revela que, de los profesionales enfermeros entrevistados, sólo el 27,78% poseen curso de postgrado en Neonatología y Pediatría y solamente el 6,67% de los entrevistados afirmaron que habían recibido capacitación en relación a la calificación para los cuidados al recién- nacido con hidrocefalia; sólo el 38,67% de los participantes respondieron que "siempre" realizan la Sistematización de la Asistencia de Enfermería; sobre la asistencia, el 86,67% refirió la provisión de confort y seguridad y el 78,67% de ellos, el cambio de decúbito cada tres horas como intervenciones esenciales para esos recién nacidos. Conclusión: se evidenció, en el estudio, un déficit de capacitación para prestar asistencia al recién nacido con hidrocefalia y que la asistencia es generalmente no sistematizada y no siempre adecuada a las necesidades integrales de esos neonatos.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recém-Nascido , Unidades de Terapia Intensiva Neonatal , Serviços de Saúde da Criança , Enfermagem Neonatal , Assistência Integral à Saúde , Hidrocefalia , Cuidados de Enfermagem , Equipe de Enfermagem , Epidemiologia Descritiva , Estudos Transversais , Humanização da Assistência
20.
Rev. enferm. UFPE on line ; 13(4): 997-1005, abr. 2019. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1017316

RESUMO

Objetivo: estabelecer relações entre a humanização da assistência e o acolhimento e a triagem na classificação de risco pela enfermagem nos serviços médicos de emergência. Método: trata-se de um estudo quantitativo, analítico, transversal. Utilizou-se um questionário e entrevistaram-se 80 pacientes que estavam em consulta de enfermagem. Utilizaram-se a análise descritiva, médias, desvio padrão, mediana, mínimo e máximo, frequência e percentual. Apresentaram-se os resultados em forma de tabelas. Resultados: verificouse que, dos 64 pacientes, a maioria era do sexo feminino, na faixa etária entre 21 a 40 anos e casada, e cinco pacientes esperaram mais que o tempo preconizado, sendo que a Ortopedia/Traumatologia foi a especialidade com maior número de pacientes atendidos. Conclusão: chegou-se à conclusão de que os usuários estão satisfeitos com a atuação da Enfermagem na humanização da assistência, no acolhimento e na triagem com classificação de risco, nos serviços médicos de emergência. Infere-se que as considerações sobre as implicações teóricas ou práticas dos resultados e a contribuição do estudo para o avanço do conhecimento científico são estabelecer relações entre a humanização da assistência e o acolhimento e a triagem com classificação de risco nos serviços médicos de emergência. Espera-se encontrar situações em que há falta de humanização e colocá-las em evidência, propondo mudanças.(AU)


Objective: to establish relations between the humanization of care and the reception and screening in risk classification by nursing in emergency medical services. Method: this is a quantitative, analytical, crosssectional study. A questionnaire was used and 80 patients who were in nursing consultation were interviewed. Descriptive analysis, means, standard deviation, median, minimum and maximum, frequency and percentage were used. Results were presented in the form of tables. Results: it was verified that, of the 64 patients, the majority were female, between the ages of 21 and 40 years and married, and five patients waited longer than the recommended time, and Orthopedics/Traumatology was the specialty with greater number of patients attended. Conclusion: it was concluded that the users are satisfied with the Nursing performance in the humanization of care, in the reception and in the classification with risk classification, in emergency medical services. It is inferred that considerations about the theoretical or practical implications of the results and the contribution of the study to the advancement of scientific knowledge are to establish relations between the humanization of care and the reception and sorting with risk classification in emergency medical services. It is hoped to find situations in which there is a lack of humanization and to put them in evidence, proposing changes.(AU)


Objetivo: establecer relaciones entre la humanización de la asistencia y la acogida y el tamizaje en la clasificación de riesgo por la enfermería en los servicios médicos de emergencia. Método: se trata de un estudio cuantitativo, analítico, transversal. Se utilizó un cuestionario y se entrevistaron a 80 pacientes que estaban en consulta de enfermería. Se utilizó el análisis descriptivo, promedios, desviación estándar, mediana, mínimo y máximo, frecuencia y porcentual. Se presentaron los resultados en forma de tablas. Resultados: se verificó que, de los 64 pacientes, la mayoría era del sexo femenino, en el grupo de edad entre 21 a 40 años y casada, y cinco pacientes esperaron más que el tiempo preconizado, siendo que la Ortopedia / Traumatología fue la especialidad con mayor el número de pacientes atendidos. Conclusión: se llegó a la conclusión de que los usuarios están satisfechos con la actuación de la Enfermería en la humanización de la asistencia, en la acogida y en el tamizaje con clasificación de riesgo, en los servicios médicos de emergencia. Se espera encontrar situaciones en que hay falta de humanización y ponerlas en evidencia, proponiendo cambios.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Triagem , Enfermagem em Emergência , Serviços Médicos de Emergência , Humanização da Assistência , Acolhimento , Estudos Transversais , Inquéritos e Questionários , Satisfação do Paciente
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA