Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 2.170
Filtrar
1.
BMC Infect Dis ; 20(1): 731, 2020 Oct 07.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-33028231

RESUMO

BACKGROUND: The specific clinical feature of tetanus is whole body muscle spasms. These spasms are intensely painful and sometime lead to some injuries. Vertebral fractures have been reported as a common complication of tetanus, however iliopsoas hematoma is a rare complication. We describe a case of iliopsoas hematoma in a tetanus patient who had not been treated with any anticoagulant or antiplatelet agents. CASE PRESENTATION: A 72-year-old female patient was transferred to our hospital 7 days after the onset of tetanus. An iliopsoas hematoma was identified in her right iliopsoas muscle on computed tomography. There was no extravasation; thus, the hematoma improved with conservative therapy. There were no episodes that suggested a bleeding tendency, or no factors associated with hemorrhagic conditions. CONCLUSION: This is the first report of iliopsoas hematoma as a complication in a tetanus patient who did not received anticoagulation therapy. The possibility of IPH as a complication of tetanus should be considered before and during the administration of anticoagulation therapy.


Assuntos
Hematoma/diagnóstico , Tétano/patologia , Idoso , Anticoagulantes/uso terapêutico , Feminino , Hematoma/etiologia , Hematoma/terapia , Humanos , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Músculos Psoas/diagnóstico por imagem , Músculos Psoas/patologia , Tétano/complicações , Tétano/tratamento farmacológico , Tomografia Computadorizada por Raios X
2.
Brasília; s.n; 8 ago. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117974

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 16 artigos e 4 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Ozônio/uso terapêutico , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Inibidores da Enzima Conversora de Angiotensina/uso terapêutico , Vacina BCG/uso terapêutico , Estudos Transversais , Estudos de Coortes , Corticosteroides/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Combinação de Medicamentos , Proteína Antagonista do Receptor de Interleucina 1/uso terapêutico , Células-Tronco Mesenquimais , Lopinavir/uso terapêutico , Darunavir/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico
3.
Brasília; s.n; 13 ago. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117987

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 16 artigos e 5 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Vitamina D/uso terapêutico , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Cloroquina/uso terapêutico , Estudos Transversais , Estudos de Coortes , Corticosteroides/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Lopinavir/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico
4.
Brasília; s.n; 11 ago. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117979

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 14 artigos e 5 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Ribavirina/uso terapêutico , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Ácido Ursodesoxicólico/uso terapêutico , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Prednisolona/uso terapêutico , Combinação Trimetoprima e Sulfametoxazol/uso terapêutico , Cloroquina/uso terapêutico , Estudos Transversais , Estudos de Coortes , Interferon-alfa/uso terapêutico , Tacrolimo/uso terapêutico , Corticosteroides/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Anticorpos Neutralizantes/uso terapêutico , Células-Tronco Mesenquimais , Lopinavir/uso terapêutico , Ácido Fólico/uso terapêutico , Meropeném/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico , Anticorpos Monoclonais/uso terapêutico , Ácido Micofenólico/uso terapêutico
5.
Brasília; s.n; 12 ago. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117983

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 13 artigos e 10 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Ivermectina/uso terapêutico , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Vacina BCG/uso terapêutico , Colchicina/uso terapêutico , Estudos Transversais , Estudos de Coortes , Azitromicina/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Lopinavir/uso terapêutico , Inibidores de Janus Quinases/uso terapêutico , Telmisartan/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico
6.
Brasília; s.n; 5 ago 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117760

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 11 artigos e 6 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Antivirais/uso terapêutico , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Metilprednisolona/uso terapêutico , Colchicina/uso terapêutico , Metotrexato/uso terapêutico , Estudos de Coortes , Interferons/uso terapêutico , Corticosteroides/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Oseltamivir/uso terapêutico , Células-Tronco Mesenquimais , Interferon alfa-2/uso terapêutico , Glucocorticoides/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico , Imunossupressores/uso terapêutico , Antibacterianos/uso terapêutico , Anticorpos Monoclonais/uso terapêutico
7.
BMC Vet Res ; 16(1): 264, 2020 Jul 29.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-32727468

RESUMO

BACKGROUND: Neonatal diarrhea remains one of the main causes of morbi-mortality in dairy calves under artificial rearing. It is often caused by infectious agents of viral, bacterial, or parasitic origin. Cows vaccination and colostrum intake by calves during the first 6 h of life are critical strategies to prevent severe diarrhea but these are still insufficient. Here we report the field evaluation of a product based on IgY antibodies against group A rotavirus (RVA), coronavirus (CoV), enterotoxigenic Escherichia coli, and Salmonella sp. This product, named IgY DNT, has been designed as a complementary passive immunization strategy to prevent neonatal calf diarrhea. The quality of the product depends on the titers of specific IgY antibodies to each antigen evaluated by ELISA. In the case of the viral antigens, ELISA antibody (Ab) titers are correlated with protection against infection in calves experimentally challenged with RVA and CoV (Bok M, et al., Passive immunity to control bovine coronavirus diarrhea in a dairy herd in Argentina, 2017), (Vega C, et al., Vet Immunol Immunopathol, 142:156-69, 2011), (Vega C, et al., Res Vet Sci, 103:1-10, 2015). To evaluate the efficiency in dairy farms, thirty newborn Holstein calves were randomly assigned to IgY DNT or control groups and treatment initiated after colostrum intake and gut closure. Calves in the IgY DNT group received 20 g of the oral passive treatment in 2 L of milk twice a day during the first 2 weeks of life. Animals were followed until 3 weeks of age and diarrhea due to natural exposure to infectious agents was recorded during all the experimental time. RESULTS: Results demonstrate that the oral administration of IgY DNT during the first 2 weeks of life to newborn calves caused a delay in diarrhea onset and significantly reduced its severity and duration compared with untreated calves. Animals treated with IgY DNT showed a trend towards a delay in RVA infection with significantly shorter duration and virus shedding compared to control calves. CONCLUSIONS: This indicates that IgY DNT is an effective product to complement current preventive strategies against neonatal calf diarrhea in dairy farms. Furthermore, to our knowledge, this is the only biological product available for the prevention of virus-associated neonatal calf diarrhea.


Assuntos
Anticorpos Antibacterianos/uso terapêutico , Anticorpos Antivirais/uso terapêutico , Doenças dos Bovinos/terapia , Diarreia/veterinária , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Imunoterapia , Animais , Animais Recém-Nascidos , Anticorpos Antiprotozoários , Bovinos , Doenças dos Bovinos/microbiologia , Doenças dos Bovinos/virologia , Criptosporidiose/prevenção & controle , Indústria de Laticínios , Diarreia/microbiologia , Diarreia/terapia , Diarreia/virologia , Imunização Passiva/métodos , Imunização Passiva/veterinária
8.
Int J Antimicrob Agents ; 56(3): 106114, 2020 Sep.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-32712334

RESUMO

The aim of this study was to compare ribavirin therapy versus supportive therapy only for patients with severe coronavirus disease 2019 (COVID-19). A total of 115 patients with laboratory-confirmed COVID-19 were retrospectively analysed. All patients received supportive care as well as regular laboratory and clinical monitoring. The 115 patients comprised 44 patients who received intravenous ribavirin (treatment group) and 71 who did not (control group). Baseline laboratory and clinical characteristics were similar between the two groups. The negative conversion time for severe acute respiratory syndrome coronavirus 2 (SARS-CoV-2) RT-PCR in the ribavirin group was 12.8 ± 4.1 days compared with 14.1 ± 3.5 days in the control group (P = 0.314). Moreover, 7/41 patients (17.1%) in the ribavirin group died compared with 17/69 (24.6%) in the control group (P = 0.475). Adverse effects were similar between the two groups. In conclusion, in patients with severe COVID-19, ribavirin therapy is not associated with improved negative conversion time for SARS-CoV-2 test and is not associated with an improved mortality rate. Further assessment in designed randomised controlled trials is recommended.


Assuntos
Antivirais/uso terapêutico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Ribavirina/uso terapêutico , Corticosteroides/uso terapêutico , Idoso , Betacoronavirus/imunologia , Infecções por Coronavirus/mortalidade , Infecções por Coronavirus/virologia , Feminino , Humanos , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Pandemias , Alta do Paciente , Pneumonia Viral/mortalidade , Pneumonia Viral/virologia , Estudos Retrospectivos , Índice de Gravidade de Doença , Análise de Sobrevida , Fatores de Tempo , Resultado do Tratamento
9.
Brasília; s.n; 31 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117732

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 12 artigos e 6 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Vacinas/uso terapêutico , Cloroquina/uso terapêutico , Estudos Transversais , Estudos de Coortes , Azitromicina/uso terapêutico , Combinação de Medicamentos , Bevacizumab/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico
10.
Brasília; s.n; 29 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117728

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 16 artigos e 3 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Midazolam/uso terapêutico , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Metilprednisolona/uso terapêutico , Vacinas contra Influenza/uso terapêutico , Propofol/uso terapêutico , Cloroquina/uso terapêutico , Anti-Inflamatórios não Esteroides/uso terapêutico , Fentanila/uso terapêutico , Estudos Transversais , Estudos de Coortes , Enoxaparina/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Cobre/uso terapêutico , Lopinavir/uso terapêutico , Resveratrol/uso terapêutico , Interferon alfa-2/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico , Ketamina/uso terapêutico
11.
Brasília; s.n; 25 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117709

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 13 artigos e 8 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Antivirais/uso terapêutico , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Estudos Transversais , Estudos de Coortes , Interleucinas/antagonistas & inibidores , Corticosteroides/uso terapêutico , Proteína Antagonista do Receptor de Interleucina 1/uso terapêutico , Leflunomida/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico , Imunossupressores/uso terapêutico , Antibacterianos/uso terapêutico , Antifúngicos/uso terapêutico , Bloqueadores Neuromusculares/uso terapêutico
12.
Brasília; s.n; 24 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117704

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 21 artigos e 15 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Metilprednisolona/uso terapêutico , Vacinas/uso terapêutico , Heparina/uso terapêutico , Estudos de Coortes , Azitromicina/uso terapêutico , Heparina de Baixo Peso Molecular/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Combinação de Medicamentos , Proteína Antagonista do Receptor de Interleucina 1/uso terapêutico , Células-Tronco Mesenquimais , Darunavir/uso terapêutico , Adalimumab/uso terapêutico , Rituximab/uso terapêutico , Infliximab/uso terapêutico , Clopidogrel/uso terapêutico , Ticagrelor/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico , Anticoagulantes/uso terapêutico
13.
Brasília; s.n; 21 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117680

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 9 artigos e 10 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Ribavirina/uso terapêutico , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Cloroquina/uso terapêutico , Aspirina/uso terapêutico , Interferons/uso terapêutico , Corticosteroides/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico , Antibacterianos/uso terapêutico
14.
Brasília; s.n; 20 jul.2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117679

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 14 artigos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Ribavirina/uso terapêutico , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Vitamina D/uso terapêutico , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Dexametasona/uso terapêutico , Metilprednisolona/uso terapêutico , Prednisona/uso terapêutico , Roxitromicina/uso terapêutico , Estudos Transversais/instrumentação , Estudos de Coortes , Interferons/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Heparina de Baixo Peso Molecular/uso terapêutico , Peptidil Dipeptidase A/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Oseltamivir/uso terapêutico , Lopinavir/uso terapêutico , Amoxicilina/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico
15.
Brasília; s.n; 14 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117673

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 17 artigos e 18 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Inibidores da Enzima Conversora de Angiotensina/uso terapêutico , Vacina BCG/uso terapêutico , Efeito de Coortes , Cloroquina/uso terapêutico , Corticosteroides/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Interleucina-17/uso terapêutico , Combinação de Medicamentos , Oseltamivir/uso terapêutico , Lopinavir/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico
16.
Brasília; s.n; 13 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117641

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 14 artigos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Vitamina D/uso terapêutico , Ivermectina/uso terapêutico , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Angiotensinas/uso terapêutico , Vacina BCG/uso terapêutico , Heparina/uso terapêutico , Interferon Tipo I/uso terapêutico , Estudos Transversais/instrumentação , Estudos de Coortes , Iloprosta/uso terapêutico , Corticosteroides/uso terapêutico , Enoxaparina/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Proteína Antagonista do Receptor de Interleucina 1/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico
17.
Brasília; s.n; 10 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117640

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 20 artigos e 16 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Esteroides/toxicidade , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Vitamina D/uso terapêutico , Ivermectina/uso terapêutico , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Inibidores da Enzima Conversora de Angiotensina/uso terapêutico , Vacinas/uso terapêutico , Cloroquina/uso terapêutico , Cloridrato de Fingolimode/uso terapêutico , Rituximab/uso terapêutico , Infliximab/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico , Lítio/uso terapêutico
18.
Brasília; s.n; 9 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117638

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 23 artigos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Antivirais/uso terapêutico , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Ivermectina/uso terapêutico , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Prednisona/uso terapêutico , Inibidores da Enzima Conversora de Angiotensina/uso terapêutico , Estudos de Coortes , Corticosteroides/uso terapêutico , Enoxaparina/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Antirreumáticos/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Lopinavir/uso terapêutico , Fondaparinux/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico , Antibacterianos/uso terapêutico , Anticoagulantes/uso terapêutico
19.
Brasília; s.n; 8 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117634

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referentes ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 16 artigos e 11 protocolos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Antivirais/uso terapêutico , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Vacinas/uso terapêutico , Cloroquina/uso terapêutico , Colchicina/uso terapêutico , Estudos Transversais/instrumentação , Estudos de Coortes , Interferon-alfa/uso terapêutico , Ativador de Plasminogênio Tecidual/uso terapêutico , Corticosteroides/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Lopinavir/uso terapêutico , Fibrinolíticos/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico , Antibacterianos/uso terapêutico
20.
Brasília; s.n; 6 jul. 2020.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA, PIE | ID: biblio-1117629

RESUMO

O Informe Diário de Evidências é uma produção do Ministério da Saúde que tem como objetivo acompanhar diariamente as publicações científicas sobre tratamento farmacológico e vacinas para a COVID-19. Dessa forma, são realizadas buscas estruturadas em bases de dados biomédicas, referente ao dia anterior desse informe. Não são incluídos estudos pré-clínicos (in vitro, in vivo, in silico). A frequência dos estudos é demonstrada de acordo com a sua classificação metodológica (revisões sistemáticas, ensaios clínicos randomizados, coortes, entre outros). Para cada estudo é apresentado um resumo com avaliação da qualidade metodológica. Essa avaliação tem por finalidade identificar o grau de certeza/confiança ou o risco de viés de cada estudo. Para tal, são utilizadas ferramentas já validadas e consagradas na literatura científica, na área de saúde baseada em evidências. Cabe ressaltar que o documento tem caráter informativo e não representa uma recomendação oficial do Ministério da Saúde sobre a temática. Foram encontrados 17 artigos.


Assuntos
Humanos , Pneumonia Viral/tratamento farmacológico , Infecções por Coronavirus/tratamento farmacológico , Betacoronavirus/efeitos dos fármacos , Avaliação da Tecnologia Biomédica , gama-Globulinas/uso terapêutico , Imunoglobulinas/uso terapêutico , Inibidores da Enzima Conversora de Angiotensina/uso terapêutico , Vacinas/uso terapêutico , Cloroquina/uso terapêutico , Interferon beta/uso terapêutico , Aldeído Redutase/antagonistas & inibidores , Corticosteroides/uso terapêutico , Azitromicina/uso terapêutico , Sulfato de Zinco/uso terapêutico , Ritonavir/uso terapêutico , Oseltamivir/uso terapêutico , Lopinavir/uso terapêutico , Hidroxicloroquina/uso terapêutico
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA