Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 2.072
Filtrar
1.
Estima (Online) ; 19(1): e0321, jan.-dez. 2021.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1178276

RESUMO

Objetivo:caracterizar o perfil de mulheres com úlceras da perna decorrentes da doença falciforme atendidas em uma instituição pública de saúde do Brasil. Método: estudo de coorte histórica realizado no setor ambulatorial com amostra de mulheres com doença falciforme e úlcera da perna, acompanhadas de 1998 a 2014. Os dados foram extraídos do prontuário e contemplaram variáveis sociodemográficas, clínicas e relacionadas à úlcera, e passaram por análise estatística descritiva. Resultados: das 17 mulheres, 64,7% obtiveram cura, 58,8% tinham idade entre 30 e 39 anos, 64,7% se autodeclaram pardas, 70,6% estavam sem parceiros, 41,2% possuíam ensino fundamental incompleto, 52,9% tinham renda de 2 a 3 salários mínimos, 70,6% eram eutróficas e 82,4% faziam uso de suplementos vitamínicos. As mulheres apresentaram o total de 29 úlceras, 52,9% tinham úlcera única, 41,4% localizadas na região maleolar, 55,17% com existência entre 2 e 36 meses, todas classificadas em estágio 3. O tratamento foi com coberturas e bota de Unna. Conclusão: as mulheres receberam cuidados de enfermeiros especialistas e a maioria obteve a cura com até oito meses de acompanhamento que demandou a consulta de enfermagem, contemplando a avaliação clínica, o tratamento tópico e aplicação da terapia de compressão.


Assuntos
Perfil de Saúde , Anemia Falciforme , Úlcera da Perna
2.
Estima (Online) ; 19(1): e0721, jan.-dez. 2021.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1255203

RESUMO

Objetivo:conhecer o perfil sociodemográfico e clínico das pessoas com incontinência urinária em ambulatório de Hospital Universitário. Métodos: estudo transversal, em que se utilizou formulário semiestruturado com 63 mulheres que aguardavam atendimento nos ambulatórios de ginecologia e urologia, entre os meses de julho e agosto de 2019. Os dados foram processados no software Statistical Package for the Social Sciences ­ SPSS 20.0. Resultados: foram realizadas entrevistas com mulheres com idade entre 19 e 77 anos. Dessas, 55,6% mantinha vida sexual ativa; 85,7% apresentava doença preexistente; 69,8% presentou perda urinária ao tossir, espirrar, sorrir, colocar peso e/ou fazer esforços; 12,7% precisa urinar assim que sentem vontade; e 17,5% apresenta perda de urina nas duas situações. Cerca de 35% procurou consulta devido à bexiga baixa e/ou perda de urina; 27% teve de 4 a 5 gestações. Dentre os fatores de risco associado à incontinência urinária, 28,6% tinha diabetes mellitus, 61,9% hipertensão arterial, 82,5% fazia uso de medicação contínua, 11,1% era obesa, 34,9% relatou problemas de constipação e 74,6% fez cirurgias pélvicas. Conclusão: concluiu-se que todas as mulheres do estudo apresentaram mais de um fator de risco para desenvolver incontinência urinária, reforçando sua multifatorialidade, bem como a importância de um tratamento holístico e multiprofissional.


Objective:to know the sociodemographic and clinical profile of people with urinary incontinence in an outpatient clinic of a University Hospital. Methods: cross-sectional study, using a semi-structured form with 63 women who were awaiting care at the gynecology and urology outpatient clinics, between the months of July and August 2019. The data were processed in the software Statistical Package for the Social Sciences ­ SPSS 20.0. Results: interviews were carried out with women aged between 19 and 77 years. Of these, 55.6% maintained an active sex life; 85.7% had pre-existing disease; 69.8% presented urinary loss when coughing, sneezing, smiling, putting on weight and/or making efforts; 12.7% need to urinate as soon as they feel like it; and 17.5% had loss of urine in both situations. About 35% sought consultation due to low bladder and/or loss of urine; 27% had 4 to 5 pregnancies. Among the risk factors associated with urinary incontinence, 28.6% had diabetes mellitus, 61.9% had arterial hypertension, 82.5% used continuous medication, 11.1% was obese, 34.9% reported constipation problems and 74.6% underwent pelvic surgery. Conclusion: it was concluded that all women in the study had more than one risk factor for developing urinary incontinence, reinforcing their multifactoriality, as well as the importance of a holistic and multiprofessional treatment.


Assuntos
Incontinência Urinária , Perfil de Saúde , Prevalência , Enfermagem
3.
Porto Alegre; CEVS/RS; ago. 2021. 1-15 p. ilus., graf., tab., mapas.
Monografia em Português | Coleciona SUS, CONASS, SES-RS | ID: biblio-1290835

RESUMO

Neste boletim são apresentados: situação mundial, ocorrência de hospitalizações confirmadas para sars-cov-2, perfil das pessoas, distribuição espacial, Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (SIM-P), povos indígenas, descrição de surtos, trabalhadores da saúde, Vigilância sentinela de síndrome gripal e tabelas de descrição do surto. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Gravidez , Recém-Nascido , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Perfil de Saúde , Mortalidade Hospitalar/etnologia , Grupos Populacionais/estatística & dados numéricos , COVID-19/epidemiologia , Hospitalização/estatística & dados numéricos , Surtos de Doenças , Betacoronavirus , COVID-19/mortalidade
4.
Porto Alegre; CEVS/RS; ago. 2021. 1-15 p. ilus., graf., tab., mapas.
Monografia em Português | Coleciona SUS, CONASS, SES-RS | ID: biblio-1290836

RESUMO

Neste boletim são apresentados: situação mundial, ocorrência de hospitalizações confirmadas para sars-cov-2, perfil das pessoas, distribuição espacial, Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (SIM-P), povos indígenas, descrição de surtos, trabalhadores da saúde, Vigilância sentinela de síndrome gripal e tabelas de descrição do surto. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Gravidez , Recém-Nascido , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Perfil de Saúde , Mortalidade Hospitalar/etnologia , Grupos Populacionais/estatística & dados numéricos , COVID-19/epidemiologia , Hospitalização/estatística & dados numéricos , Fatores Epidemiológicos , Surtos de Doenças , Betacoronavirus , COVID-19/mortalidade
5.
Rev. Ciênc. Plur ; 7(2): 107-118, maio 2021. tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1282976

RESUMO

Introdução:Os tumores de cabeça e pescoço têm expressiva incidência e mortalidade, assim comoalta letalidade, e constituem um relevante problema de saúde pública, particularmente nos países em desenvolvimento. Dentre as neoplasias malignas diagnosticadas no mundo, aproximadamente 10% estão localizadas na boca, sendo esse o sexto tipo de câncer mais incidente. Objetivo:Avaliar o perfil epidemiológico de pacientes diagnosticados com câncer de boca e faringe da Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer do município de Mossoró, Rio Grande do Norte,Brasil,entre janeiro 2013 e junho de 2018.Metodologia:Estudo transversal, fundamentado na análise retrospectiva e descritiva de prontuários médicos.Resultados:Dos221 prontuáriosanalisados, a cor branca (56,6%) e o gênero masculino (70,6%) foram os mais prevalentes, com média de idade entre 55 e65 anos. A maioria (61,9%) apresentava ensino fundamental incompleto, sendo residentes de área urbana (59,6%) com histórico de uso de tabaco (64,6%) e/ou bebidas alcoólicas (53,9%). Osítio mais prevalente de câncer em boca foi a base da língua (12,7%).Conclusões:Conhecer o perfil dos pacientes com câncer de boca e orofaringe é um importante passo para melhor traçar e direcionar ações de saúde pública visando tanto àprevenção quanto o diagnóstico precoce (AU).


Introduction:Head and neck tumors have a significant incidence and mortality, as well as high lethality, and are a relevant public health problem, particularly in developing countries. Among the malignant neoplasms diagnosed in the world, approximately 10% are located in the mouth, this being the sixth most frequent type of cancer. Objective:To evaluate the epidemiological profile of patients diagnosed with oral and pharyngeal cancer of the Mossoroense League of Studies and Cancer Fighting in the municipality of Mossoró, Rio Grande do Norte, Brazil,between January 2013 and June 2018.Methodology:Cross-sectional study, based on retrospective and descriptive analysis of medical records.Results:Of the 221 records analyzed, white (56.6%) and male (70.6%) were the most prevalent, with a mean age between 55 and 65 years. Most (61.9%) had incomplete primary education, being residents of an urban area (59.6%) with a history of tobacco use (64.6%) and / or alcoholic beverages (53.9%).The most prevalent site of cancer in the mouth was the base of the tongue (12.7%). Conclusions:Knowing the profile of patients with oral and oropharyngeal cancer is an important step to better outline and direct public health actions aimed at both prevention and early diagnosis (AU).


Introducción: Los tumores de cabeza y cuello tienen una expresiva incidencia y mortalidad, así como alta letalidad, y constituyen un relevante problema de salud pública, especialmente en los países en desarrollo. Entre las neoplasias malignas diagnosticadas en el mundo,aproximadamente el 10% están localizadas en la boca, siendo este el sexto tipo de cáncer más común.Objetivo: Evaluar el perfil epidemiológico de pacientes diagnosticados con cáncer de boca y faringe de la Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer del municipio de Mossoró, Rio Grande do Norte, Brasil,entre enero de 2013 y junio de 2018.Metodologia: Estudio transversal, basado en el análisis retrospectivo y descriptivo de los registros médicos.Resultados: De los 221 registros analizados, blancos (56,6%) y varones (70,6%) han sido los más prevalentes, con una media de edad entre 55 y 65 años. La mayoría (61,9%) presentaba educación primaria incompleta, siendo residentes de área urbana (59,6%) con antecedentes de uso de tabaco (64,6%) y/o bebidas alcohólicas (53,9%). El sitio más prevalente de cáncer en boca fuelabase de la lengua (12,7%). Conclusiones: Conocer el perfil de los pacientes con cáncer de boca y orofaringe es un importante paso para mejor delinear y dirigir acciones de salud pública objetivando tanto la prevención como el diagnóstico precoz (AU).


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Perfil de Saúde , Brasil/epidemiologia , Neoplasias Bucais/patologia , Neoplasias Orofaríngeas/patologia , Diagnóstico Precoce , Registros Médicos , Estudos Transversais/métodos , Interpretação Estatística de Dados , Pesquisa Qualitativa
6.
Nursing (Säo Paulo) ; 24(275): 5556-5565, abr.-2021.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1224367

RESUMO

Objetivo: Analisar o perfil epidemiológico do escorpionismo em crianças, no Estado de Pernambuco, nos anos de 2015 a 2019. Métodos: Trata-se de um estudo ecológico, de caráter exploratório, cujo dados foram extraídos do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (fichas de notificação preenchidas no período de 2015 a 2019). A análise dos dados foi realizada por meio do Statistical Package for the Social Sciences versão 20.0. Resultados: Entre 2015 e 2019 foram registrados 17.825 acidentes com escorpiões em crianças de até 14 anos no Estado de Pernambuco. A faixa etária mais acometida foi a de 5 a 9 anos (32,70%). Crianças de 0 a 4 anos de idade apresentaram duas vezes mais chances de apresentar quadro clínico grave (p: <0,001; OR: 2,353; IC95%:1,650 ­ 4,782). Conclusão: Houve uma elevada taxa de agravos no período analisado, especialmente em crianças em início de vida escolar, suscitando medidas de prevenção mais eficazes.(AU)


Objective: To analyze the epidemiological profile of scorpionism in children, in the State of Pernambuco, in the years 2015 to 2019. Methods: This is an ecological, exploratory study, whose data were extracted from the Notifiable Diseases Information System (data sheets). notification completed from 2015 to 2019). Data analysis was performed using the Statistical Package for the Social Sciences version 20.0. Results: Between 2015 and 2019 there were 17,825 accidents involving scorpions in children up to 14 years old in the State of Pernambuco. The most affected age group was 5 to 9 years old (32.70%). Children from 0 to 4 years of age were twice as likely to have a severe clinical condition (p: <0.001; OR: 2.353; 95% CI: 1.650 - 4.782). Conclusion: There was a high rate of injuries in the analyzed period, especially in children at the beginning of school life, giving rise to more effective prevention measures.(AU)


Objetivo: Analizar el perfil epidemiológico del escorpionismo en niños, en el estado de Pernambuco, en los años 2015 a 2019. Métodos: Este es un estudio exploratorio ecológico, cuyos datos fueron extraídos del Sistema de Información de Enfermedades Notificables (fichas técnicas). notificación completada de 2015 a 2019). El análisis de los datos se realizó utilizando el Statistical Package for the Social Sciences versión 20.0. Resultados: Entre 2015 y 2019 se produjeron 17,825 accidentes con escorpiones en niños de hasta 14 años en el estado de Pernambuco. El grupo de edad más afectado fue el de 5 a 9 años (32,70%). Los niños de 0 a 4 años tenían el doble de probabilidades de tener una enfermedad clínica grave (p: <0,001; OR: 2,353; IC del 95%: 1,650 - 4,782). Conclusión: Hubo una alta tasa de lesiones en el período analizado, especialmente en niños al inicio de la vida escolar, dando lugar a medidas de prevención más efectivas.(AU)


Assuntos
Humanos , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Perfil de Saúde , Incidência , Sistemas de Informação em Saúde/estatística & dados numéricos , Picadas de Escorpião/epidemiologia , Brasil/epidemiologia , Monitoramento Epidemiológico
7.
Enferm. glob ; 20(62): 316-344, abr. 2021. tab
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-202235

RESUMO

OBJETIVO: Determinar los factores sociodemográficos y clínicos asociados a la Calidad de Vida relacionada con la salud (CVRS) en personas con hipertensión arterial y diabetes mellitus tipo 2. MÉTODOS: Estudio analítico de corte transversal en una muestra de 184 usuarios de un programa de control de riesgo cardiovascular en Bucaramanga (Colombia). Se utilizó el instrumento EQ-5D-3L para evaluar la calidad de vida. Un modelo de regresión lineal múltiple fue llevado a cabo usando como desenlace la Escala Visual Análoga y como posibles predictores las dimensiones del EQ-5D, ajustando por edad, sexo, grupo de intervención (variable instrumental) y variables clínicas como la patología de base y el control de la misma. RESULTADOS: La mediana de edad fue 63 años, 73,3% mujeres, 88,0% nivel socioeconómico bajo; mediana de Presión Arterial Sistólica de 130 mmHg (116,0-145,0) y de HbA1c 5,7% (5,4-6,2) en la población general, hallándose diferencias estadísticamente significativas entre los grupos de patología. La mediana de la Escala Visual Análoga fue de 80(Q1:59-Q3:95) puntos, sin diferencias estadísticamente significativas entre los grupos de patología. Manifestar dolor/malestar, tener problemas en las actividades cotidianas y el no control de la hipertensión arterial disminuyó la percepción de la calidad de vida relacionada con la salud, en 7,5, 18,1 y 7,3 puntos, respectivamente. CONCLUSIONES: La CVRS, en general, fue alta. Esta fue mayor en las personas con diabetes mellitus tipo 2. Factores relacionados con la funcionalidad y control de la enfermedad fueron asociados con una menor percepción de la CVRS


OBJECTIVE: To determine the sociodemographic and clinical factors associated with health-related Quality of Life (HRQoL) among people with hypertension and type 2 diabetes mellitus. METHODS: Analytical cross-sectional study in a sample of 184 users of a cardiovascular risk control program in Bucaramanga (Colombia). The EQ-5D-3L instrument was used to assess quality of life. A multiple linear regression model was carried out using the Visual Analog Scale as the outcome and the dimensions of the EQ-5D as possible predictors, adjusting for age, sex, intervention group (instrumental variable), and clinical variables such as the disease and its control. RESULTS: The median of age was 63 years, 73.3% women, 88.0% low socioeconomic level; Median Systolic Blood Pressure of 130 mmHg (116.0-145.0) and HbA1c 5.7% (5.4-6.2) in the general population, showing statistically significant differences between the pathology groups. The median of Visual Analog Scale was 80(Q1: 59-Q3: 95) points, with no statistically significant differences between the pathology groups. Manifesting pain/discomfort, problems with usual activities and lack of hypertension control decreased the perception of HRQoL, by 7.5, 18.1 and 7.3 points, respectively. CONCLUSIONS: The HRQoL in general was high. It was higher among people with type 2 diabetes mellitus. Factors related to the functionality and control of the disease were associated with a lower perception HRQoL


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Qualidade de Vida , Hipertensão/diagnóstico , Diabetes Mellitus Tipo 2/diagnóstico , Doenças Cardiovasculares/prevenção & controle , Hipertensão/prevenção & controle , Diabetes Mellitus Tipo 2/prevenção & controle , Estudos Transversais , Modelos Lineares , Medição da Dor/métodos , Classe Social , Cooperação e Adesão ao Tratamento , Nível de Saúde , Perfil de Saúde
8.
ABCS health sci ; 46: e021201, 09 fev. 2021. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1147201

RESUMO

INTRODUCTION: The city of Santarém, the regional healthcare center in the western Pará State, lacks studies on the epidemic of the human immunodeficiency virus (HIV), in particular, on the causes of death. OBJECTIVE: To characterize the sociodemographic and clinical profile related to the evolution of HIV infection to death. METHODS: The sample consisted of 94 medical records of patients from a reference center in the city of Santarém-PA, who died between 2010-2018. Data were collected on the sociodemographic profile, immunological and clinical characteristics of the patients. Data were analyzed using descriptive and inferential statistics, adopting p<0.05. RESULTS: Most deaths were male (67%), aged between 15-29 years (39%) and diagnosed between 30-44 years (41%), single (54%), mixed race (91.5%), from Santarém (77%) and with sexual intercourse being the main type of exposure (95.7%). Most patients were not being treated at the moment of death (56.4%), the main cause of death was respiratory failure (5%), in which, these individuals had, at the moment of death, TCD4+ lymphocytes <200 cell/mm3 (26%) and detectable viral load (29%). CONCLUSION: The lifetime from diagnosis to death was 48.45±50,30 months, and immunosuppression in the diagnosis was positively associated with the shortest survival time. However, sex was not associated with the immunological profile, age at the time of diagnosis, and death. There was only a tendency for women towards immunosuppression and detectable viral load.


INTRODUÇÃO: A cidade de Santarém, o polo assistencial da região oeste do Pará, carece de estudos sobre a epidemia do vírus da imunodeficiência humana (HIV), especialmente, sobre as causas de óbitos. OBJETIVO: Caracterizar o perfil sociodemográfico e clínico relacionado à evolução da infecção pelo HIV até a morte. MÉTODO: A amostra foi de 94 prontuários de pacientes de um centro de referência do município de Santarém-PA, que evoluíram a óbito entre os anos de 2010-2018. Foram levantados os dados sobre o perfil sociodemográfico, características imunológicas e clínicas dos pacientes. Os dados foram analisados por estatística descritiva e inferencial, adotando-se p<0,05. RESULTADOS: A maioria dos óbitos foi de indivíduos do sexo masculino (67%), com faixa etária do diagnóstico entre 15-29 anos (39%) e de falecimento entre 30-44 anos (41%), solteiros (54%), pardos (91,5%), procedentes de Santarém (77%) e com a relação sexual sendo o principal tipo de exposição (95,7%). A maioria dos pacientes não estava em tratamento no momento do óbito (56,4%), a principal causa de morte foi por insuficiência respiratória (5%), no qual, esses indivíduos apresentavam, no momento da morte, linfócitos TCD4+ <200 cél/mm3 (26%) e carga viral detectável (29%). CONCLUSÃO: O tempo de vida do diagnóstico ao óbito foi de 48,45±50,30 meses e a presença de imunossupressão no diagnóstico associou-se positivamente com o menor tempo de sobrevida. Contudo, o sexo não apresentou associação com o perfil imunológico, a idade no momento do diagnóstico e do óbito, apenas notou-se uma tendência das mulheres para a imunossupressão e carga viral detectável.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Perfil de Saúde , Demografia , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/mortalidade , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/epidemiologia , Linfócitos T CD4-Positivos , Centros de Saúde , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/diagnóstico , Carga Viral
9.
Rev. baiana saúde pública ; 45(Especial 1): 46-61, 20210101.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1178342

RESUMO

A Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (SIM-P) é uma nova apresentação clínica em crianças e adolescentes, na faixa etária de zero a 19 anos, temporalmente associada à infecção pelo SAR-CoV-2. O objetivo deste estudo é analisar o perfil epidemiológico dos casos de SIM-P na Bahia. Trata-se de um estudo exploratório descritivo, com revisão de literatura, análise documental e das notificações de SIM-P realizadas no formulário on-line do REDCap, no período de 20 de julho a 4 de dezembro de 2020, considerando a orientação do Ministério da Saúde para a realização de busca ativa de casos desde 26 de fevereiro de 2020, data da confirmação do primeiro caso de Covid-19 no país. Na Bahia, nesse período, foram realizadas 66 notificações, com a confirmação de 42 casos, dos quais três evoluíram para óbito, 38 tiveram alta e um continua internado. As faixas etárias foram agrupadas em intervalos de cinco anos, sendo a faixa de 5 a 9 anos a que concentrou o maior número de casos (N = 20; 47,6%) e a faixa de 15 a 19 anos a que apresentou o menor número (N = 2; 4,8%). A média de idade coincidiu com a mediana, que foi de oito anos. Houve predomínio do sexo masculino, com 25 casos, representando 59,5%. Em relação à análise de ocorrência dos primeiros sintomas, o mês de julho registrou a maior concentração de casos no período estudado (28,6%). As informações obtidas por meio da vigilância da SIM-P são fundamentais para o conhecimento do perfil epidemiológico, podendo contribuir para o melhor manejo clínico dos casos.


Multisystem Inflammatory Syndrome in Children (MIS-C) is a new clinical presentation in children and adolescents aged zero to nineteen, temporarily associated with SARS-CoV-2 infection. This study aims at analyzing the epidemiological profile of MIS-C cases in the state of Bahia. This is an exploratory descriptive study, with a literature review, document analysis and MIS-C notifications made on the REDCap online form, from July 20 to December 4, 2020, considering the guidance of the Ministry of Health to conduct an active search for cases since February 26, 2020, date of confirmation of the first case of Covid-19 in the country. In the state, during this period, 66 notifications were made, with the confirmation of 42 cases, of which three evolved to death, 38 were discharged and one is still hospitalized. The age groups were grouped into five-year intervals, with the range of 5 to 9 years old having the highest number of cases (N = 20; 47.6%) and the range of 15 to 19 years old having the lowest number (N = 2; 4.8%). The mean age coincided with the median, which was 8 years. There was a predominance of boys, with 25 cases, representing 59.5%. Regarding the analysis of the occurrence of the first symptoms, July registered the highest concentration of cases (28.6%). The information obtained by the surveillance of MIS-C is fundamental for the knowledge of the epidemiological profile and may contribute to the better clinical management of cases.


El síndrome inflamatorio multisistémico pediátrico (SIM-P) es una nueva presentación clínica en niños y adolescentes de 0 a 19 años, temporalmente asociada a la infección por SARS-CoV-2. El objetivo de este estudio es analizar el perfil epidemiológico de los casos de SIM-P en Bahía. Este es un estudio exploratorio descriptivo, con revisión de literatura, análisis de documentos y notificaciones SIM-P realizadas en el formulario en línea de REDCap, del 20 de julio al 4 de diciembre de 2020, considerando la orientación del Ministerio de Salud para realizar una búsqueda activa de casos desde el 26 de febrero de 2020, fecha de confirmación del primer caso del covid-19 en el país. En Bahía, durante ese período, se realizaron 66 notificaciones, con la confirmación de 42 casos, de los cuales tres evolucionaron a muerte, 38 fueron dados de alta y uno aún se encuentra hospitalizado. Los grupos de edad se agruparon en intervalos de cinco años, con el rango de 5 a 9 años con el mayor número de casos (N = 20; 47,6%) y el rango de 15 a 19 años con el número más bajo (N = 2; 4,8%). La edad media coincidió con la mediana, que fue de 8 años. Predominó el sexo masculino, con 25 casos, representando el 59,5%. En cuanto al análisis de la ocurrencia de los primeros síntomas, el mes de julio registró la mayor concentración de casos en el período analizado (28,6%). La información obtenida por la vigilancia del SIM-P es fundamental para conocer el perfil epidemiológico, lo que puede contribuir al mejor manejo clínico de los casos.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recém-Nascido , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Adolescente , Adulto Jovem , Síndrome de Resposta Inflamatória Sistêmica/epidemiologia , Perfil de Saúde , Características de Residência , Distribuição por Sexo , Distribuição por Idade , Síndrome de Resposta Inflamatória Sistêmica/diagnóstico , Síndrome de Resposta Inflamatória Sistêmica/etiologia , Distribuição Temporal , COVID-19/complicações
10.
Femina ; 49(1): 58-64, 20210131. graf, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1146935

RESUMO

Objetivo: Analisar características socioeconômicas, adesão ao pré-natal, diagnóstico, tratamento, repercussões para o concepto, notificação, coinfecção com outras ISTs e histórico reprodutivo de mulheres com sífilis gestacional em uma maternidade de referência, visando estimular políticas de saúde eficazes. Métodos: Foi realizada busca ativa dos casos de sífilis gestacional no Hospital Regional Materno Infantil de Imperatriz, entre outubro de 2018 e julho de 2019, obtendo-se 151 mulheres. Para a coleta dos dados, foi aplicado questionário próprio. O projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal do Maranhão. Resultados: A média de idade das mulheres foi de 23,6 anos, e a maioria era parda, com ensino fundamental incompleto, renda familiar de até um salário mínimo e solteira. Quanto ao pré-natal, 76,1% o realizaram adequadamente; entre essas, 46% fizeram o tratamento adequado. O diagnóstico foi realizado predominantemente no pré-natal, com 91,4% das mulheres diagnosticadas na fase latente da doença. Em relação ao tratamento, 62 (41%) entrevistadas e 61 (40,4%) parceiros sexuais foram considerados adequadamente tratados. Quanto aos conceptos, 92,7% nasceram com sífilis congênita provável. O número médio de gestações foi de 2,7, e a maioria realizou parto normal; 33 (21,8%) possuíam abortos prévios. Foram detectados 4 casos de coinfecção com o vírus da imunodeficiência humana e 87,4% dos casos foram notificados. Conclusão: Para combater a sífilis gestacional, é necessário atuar em diferentes esferas: prevenção, acesso à educação e serviços de saúde de qualidade, além de capacitação dos profissionais atuantes.(AU)


Objective: To review social-economic features, adherence to prenatal care, diagnosis, treatment, consequences for the conceptus, reporting, co-infection with other STD and reproductive history of women with syphilis in pregnancy in a reference maternity hospital; aiming at fostering effective healthcare policies. Methods: An active search was performed on cases of syphilis in pregnancy in Imperatriz' Hospital Regional Materno Infantil, between October 2018 and July 2019, wherein 151 females were included. Results: The age average of subjects was 23.6 years, most of them were brown-skinned, had not completed elementary school, with a household income of up to one minimum wage, and single. As to prenatal care, 76.1% of them adhered to it properly, of which 46% had adequate treatment. Diagnosis was performed predominantly at prenatal care, with 91.4% of diagnosed women in the disease latent period. With respect to treatment, 62 (41%) out of those interviewed and 61 (40.4%) out of their sexual partners were regarded as adequately treated. As to the concept, 92.7% were born with probable congenital syphilis. The average number of gestations was 2.7 and most of them had vaginal delivery; 33 (21.8%) had previous miscarriages. We detected 4 cases of co-infection with the human immunodeficiency virus and 87.4% of the cases were reported. Conclusion: In order to fight gestational syphilis, it is necessary to act in different areas: prevention, access to education and good healthcare services, in addition to training of practitioners.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Adolescente , Adulto , Perfil de Saúde , Sífilis/epidemiologia , Gestantes , Cuidado Pré-Natal , Brasil/epidemiologia , Estudos Transversais , Notificação de Doenças
11.
Rev. baiana saúde pública ; 45(Especial 1): 19-32, 20210101.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1178340

RESUMO

A vigilância da Síndrome Respiratória Aguda Grave foi instituída em 2009, devido à pandemia do vírus influenza A(H1N1) pdm09. Desde então, tem sido a estratégia para monitoramento da circulação dos vírus respiratórios no Brasil. Com a pandemia do Coronavírus (SARS-CoV-2) em 2020, os casos hospitalizados foram incorporados ao Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe (SIVEP-Gripe). Este artigo tem como objetivo analisar o perfil epidemiológico dos casos e óbitos por SRAG confirmados para Covid-19 no estado da Bahia, no período de janeiro a outubro de 2020. Trata-se de um estudo descritivo de corte transversal que tem como fonte de dados o SIVEP-Gripe. Os dados foram tabulados através do programa TabWin e analisados no Excel 2016. O número de casos notificados para SRAG foi 30.865, sendo 17.092 confirmados para Covid-19 e, desses, 6.813 tiveram como desfecho o óbito. Devido à magnitude dos resultados da infecção pelo SARS-CoV-2, tornou-se imprescindível a ampliação das estratégias sanitárias de prevenção do adoecimento e agravamento dos casos a fim de prevenir o aumento do número óbitos.


Severe Acute Respiratory Syndrome Surveillance was instituted in 2009 due to pandemic influenza A(H1N1) pdm09. Since then, it has been the strategy for monitoring the circulation of respiratory viruses in the country. With the Coronavirus pandemic (SARS-CoV-2) in 2020, hospitalized cases were incorporated into the Influenza Epidemiological Surveillance Information System (SIVEP-Gripe). This article analyzes the epidemiological profile of cases and deaths by SRAG positive for Covid-19 in the state of Bahia, from January to October 2020. It is a descriptive study of transversal design, having as data sources the SIVEP-Gripe. The population under study are the cases and deaths of SRAG positive for Covid-19. The data were tabulated using the TabWin program and analyzed in Excel 2016. The number of cases reported for SRAG was 30,865, of which 17,092 were positive for Covid-19, and of these 6,813 died. The results show that the magnitude of the infection by Sars-CoV-2 made it essential to expand health strategies to prevent illness and aggravation of cases to prevent the increase of deaths.


En 2009 se instituyó la vigilancia del síndrome respiratorio agudo grave (SRAG) debido a la pandemia de gripe A (H1N1) pdm09. Desde entonces, ha sido la estrategia para vigilar la circulación de los virus respiratorios en Brasil. Con la pandemia del coronavirus (SARS-CoV-2) en 2020, los casos hospitalizados se incorporaron al Sistema de Información de Vigilancia Epidemiológica de la Gripe (SIVEP-Gripe). Este artículo tiene por objetivo analizar el perfil epidemiológico de los casos y muertes por SRAG confirmado para Covid-19 en el estado de Bahía, de enero a octubre de 2020. Este es un estudio descriptivo de cohorte transversal, teniendo como fuente de datos el SIVEP-Gripe. La población estudiada fue los casos y muertes por SRAG confirmados para Covid-19. Los datos fueron tabulados usando el programa TabWin y analizados en Excel 2016. El número de casos notificados para el SRAG fue de 30.865, de los cuales 17.092 fueron positivados para Covid-19; de estos 6.813 murieron a causa del coronavirus. Los resultados muestran que la infección por el SARS-CoV-2, debido a su magnitud, hizo que fuera esencial ampliar las estrategias sanitarias de prevención de la enfermedad y agravamiento de los casos a fin de evitar un aumento de las muertes.


Assuntos
Humanos , Perfil de Saúde , Atestado de Óbito , Infecções por Coronavirus , Vírus da SARS
12.
Rev. bras. med. fam. comunidade ; 16(43): 2649, 20210126. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1282015

RESUMO

Introducción: Entre los anticonceptivos reversibles de larga acción disponibles en el mercado, el dispositivo intrauterino (DIU) de cobre es el método ofrecido por el gobierno brasileño para estar disponible en la red de servicios del Sistema Único de Salud (SUS). A pesar de ser una forma de contracepción con alta eficacia y seguridad, incluso en adolescentes y nulíparas, el DIU aún es infrautilizado en Brasil. Objetivo: Trazar el perfil de las mujeres sometidas a la inserción de DIU de cobre en la Atención Primaria a la Salud de municipios del estado de Paraíba. Métodos: Estudio transversal, descriptivo, con muestra de 246 mujeres sometidas a la inserción de DIU de cobre en la Atención Primaria a la Salud de municipios de Paraíba entre 2016 y 2019. Información sobre edad, ocupación, educación, estado civil y paridad de esas mujeres fueron recolectadas de prontuarios médicos y registros del procedimiento. Las variables nominales fueron presentadas por medio de sus frecuencias absolutas y relativas y las variables continuas por medio de sus medias, medianas y modas. La edad de las mujeres varía de 15 a 50 años, la edad promedio siendo de 27,4 años, 158 (64,2%) usuarias estaban casadas o estaban en unión consensual y 150 (61%) mujeres terminaron por al menos sus estudios de preparatoria. En la encuesta, 110 (44,7%) mujeres ejercían alguna actividad remunerada y 97 (39,4%) eran amas de casa. Se observaron 27 (11%) nulíparas y 215 (87,4%) mujeres con al menos un hijo, la media siendo de 1,6 hijos por mujer. Entre las adolescentes del estudio, 15 (75%) tenían al menos un hijo. Conclusión: La mayoría de las mujeres que ingresaron DIU en la Atención Primaria a la Salud en el estado Paraíba eran de las edades entre 20 y 29 años, poseía enseñanza media completa, ejercía actividad remunerada y tenían entre de 1 a 2 hijos. Los bajos porcentajes de mujeres con baja educación, adolescentes y nulíparas encontradas en la encuesta indican la necesidad de trazar estrategias específicas de incentivo al dispositivo intrauterino en la Atención Primaria a la Salud.


Introduction: Among the long-acting reversible contraceptives available on the market, the copper intrauterine device (IUD) is the method offered by the Brazilian government to be made available through the Unified Health System (SUS). Despite being a form of contraception with high efficacy and safety, including in adolescents and nulliparous, the IUD is still underutilized in Brazil. Objectives: To trace the profile of women submitted to the insertion of copper IUDs in Primary Health Care of municipalities in the state of Paraíba. Methods: This was a descriptive cross-sectional study with a sample of 246 women submitted to copper IUD insertion in the Primary Health Care of municipalities of Paraíba between 2016 and 2019. Information on age, occupation, education, marital status, and parity of these women were collected from medical records and records of the procedure. The nominal variables were presented by means of their absolute and relative frequencies and the continuous variables by means of their means, medians, and mode. Results: The age of women ranged from 15 to 50 years, with a mean age of 27.4 years, 158 (64.2%) were married or in consensual union and 150 (61%) women had at least complete. In the sample, 110 (44.7%) women were engaged in some paid activity and 97 (39.4%) declared housewife. There were 27 (11%) nulliparous and 215 (87.4%) women with at least one child, with an average of 1.6 children per woman. Among the adolescents in the study, 15 (75%) had at least one child. Conclusion: Most of the women who inserted IUDs in the Primary Health Care of Paraíba were between 20 and 29 years of age, had completed high school, had paid work, and had 1 to 2 children. The low percentages of women with low levels of education, adolescents and nulliparas found in the sample point to the need to outline specific strategies to encourage intrauterine devices in Primary Health Care.


Introdução: Dentre os contraceptivos reversíveis de longa ação disponíveis no mercado, o dispositivo intrauterino (DIU) de cobre é o método oferecido pelo Ministério da Saúde para ser disponibilizado na rede de serviços do Sistema Único de Saúde (SUS). Apesar de ser uma forma de contracepção com alta eficácia e segurança, inclusive em adolescentes e nulíparas, o DIU ainda é subutilizado no Brasil. Objetivo: Traçar o perfil das mulheres submetidas à inserção de DIU de cobre na Atenção Primária à Saúde (APS) de municípios da Paraíba. Métodos: Estudo transversal, descritivo, com amostra de 246 mulheres submetidas à inserção de DIU de cobre em Unidades Básicas de Saúde (UBS) de municípios da Paraíba entre 2016 e 2019. Informações sobre idade, ocupação, escolaridade, estado civil e paridade dessas mulheres foram coletadas de prontuários médicos e registros do procedimento. As variáveis nominais foram apresentadas por meio de suas frequências absolutas e relativas e as variáveis contínuas por meio de suas médias, medianas e modas. Resultados: A idade das mulheres variou de 15 a 50 anos, sendo a idade média de 27,4 anos, 158 (64,2%) usuárias eram casadas ou estavam em união consensual e 150 (61%) mulheres apresentavam pelo menos o ensino médio completo. Na amostra, 110 (44,7%) mulheres exerciam alguma atividade remunerada e 97 (39,4%) declararam-se do lar. Foram observadas 27 (11%) nulíparas e 215 (87,4%) mulheres com pelo menos um filho, sendo uma média de 1,6 filhos por mulher. Dentre as adolescentes do estudo, 15 (75%) tinham pelo menos um filho. Conclusão: A maioria das mulheres que inseriram DIU na APS de municípios da Paraíba apresentava entre 20 e 29 anos, possuía ensino médio completo, exercia atividade remunerada e continha de 1 a 2 filhos. As baixas porcentagens de mulheres com baixa escolaridade, adolescentes e nulíparas encontradas na amostra apontam para a necessidade de traçar estratégias específicas de incentivo ao dispositivo intrauterino na Atenção Primária à Saúde.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Atenção Primária à Saúde , Perfil de Saúde , Dispositivos Intrauterinos
13.
Rev. enferm. UFPE on line ; 15(1): [1-15], jan. 2021. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1147302

RESUMO

Objetivo: descrever o perfil da ocorrência de lesões cutâneas em pacientes internados em um hospital público de ensino. Método: trata-se de um estudo quantitativo, prospectivo, transversal. Informa-se que amostra foi composta por 40 pacientes. Empregou-se, para a coleta de dados, questionário estruturado e validado. Coletaram-se dados sobre características sociodemográficas como idade, estado civil e características da lesão, tempo de ocorrência, localização e causa. Realizou-se a coleta de dados de todos os pacientes internados com presença de lesão que aceitaram participar da pesquisa. Resultados: mostra-se que maioria do sexo feminino, casada, com Ensino Fundamental completo, idade média de 58,5 anos e apresentando comorbidades; quanto à característica das lesões, a mais frequente foi a lesão única, do tipo lesão por pressão, com tempo de um a seis meses e localidade na região sacral. Conclusão: tornou-se o conhecimento do perfil dos pacientes e das lesões fundamental para o planejamento da assistência a ser prestada, inclusive quanto à provisão de materiais e ao dimensionamento da equipe de Enfermagem.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Pele , Pele/lesões , Úlcera , Cicatrização , Perfil de Saúde , Lesão por Pressão , Pacientes Internados , Estudos Transversais , Estudos Prospectivos
14.
Rev. enferm. UFPE on line ; 15(1): [1-20], jan. 2021. ilus, tab, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1147315

RESUMO

Objetivo: conhecer as evidências científicas na literatura nacional sobre a saúde indígena no contexto da Amazônia Legal. Método: trata-se de um estudo bibliográfico, descritivo, tipo revisão integrativa de literatura. Encontraram-se, após a pesquisa nas bases de dados LILACS e BDENF e na Biblioteca Virtual SciELO, 99 artigos, dos quais dez atenderam aos critérios de inclusão. Utilizaramse os descritores 'saúde das populações indígenas', 'serviço de saúde indígena' e 'assistência aos índios', além do cruzamento dos Descritores em Ciências da Saúde combinados com o uso do operador booleano AND: "saúde indígena" AND "Amazônia" e "comunidade indígena" AND "saúde". Resultados: destacaram-se, na análise, os estados do Amazonas e Mato Grosso em relação aos estudos selecionados de abordagem quantitativa. Publicou-se a maioria na revista Caderno Saúde Pública, sendo 26 com autoria de doutores. Conclusão: constatou-se a necessidade de novos estudos sobre a saúde indígena na Amazônia Legal com o intuito de se conhecer as adversidades enfrentadas por essas populações.(AU)


Objective: to know the scientific evidence on indigenous health in the Brazilian literature in the context of the Legal Amazon. Method: this is a bibliographic, descriptive, integrative literature review type study. After searching the LILACS and BDENF databases, as well as the SciELO Virtual Library, 99 articles were found, ten of which met the inclusion criteria. The descriptors 'health of indigenous populations', 'indigenous health service' and 'assistance to indians' were used, in addition to the crossover of the Descriptors in Health Sciences combined with the use of the Boolean operator AND: "indigenous health" AND "Amazon" and "indigenous community" AND "health". Results: in the analysis, the states of Amazonas and Mato Grosso stood out in relation to the quantitative approach selected studies, most of which were published in the Caderno Saúde Pública journal, with 26 authored by PhDs. Conclusion: the need for new studies on indigenous health in the Legal Amazon was verified in order to know the adversities faced by these populations.(AU)


Objetivo: conocer la evidencia científica en la literatura nacional sobre la salud indígena en el contexto de la Amazonía Legal. Método: se trata de una revisión bibliográfica, descriptiva e integradora de la literatura. Después de buscar en las bases de datos LILACS y BDENF y en la Biblioteca Virtual SciELO, se encontraron 99 artículos, de los cuales diez cumplieron con los criterios de inclusión. Se utilizaron los descriptores 'salud de poblaciones indígenas', 'servicio de salud indígena' y 'asistencia a indígenas', además del cruce de Descriptores de Ciencias de la Salud combinado con el uso del operador booleano AND: "salud indígena" AND "Amazonia "y" comunidad indígena "AND" salud ". Resultados: los estados de Amazonas y Mato Grosso se destacaron en el análisis en relación a los estudios seleccionados con enfoque cuantitativo. La mayoría fue publicada en la revista Caderno Saúde Pública, 26 de las cuales fueron escritas por médicos. Conclusión: era necesario realizar más estudios sobre la salud indígena en la Amazonia Legal para comprender las adversidades que enfrentan estas poblaciones.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Perfil de Saúde , Ecossistema Amazônico , Saúde de Populações Indígenas , Assistência à Saúde Culturalmente Competente , Serviços de Saúde do Indígena , Epidemiologia Descritiva , LILACS
15.
Rev. enferm. UFPE on line ; 15(1): [1-14], jan. 2021. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1147991

RESUMO

Objetivo: identificar o perfil epidemiológico e clínico dos casos regulados como acidente vascular cerebral hiperagudo em um hospital referenciado. Método: trata-se de um estudo quantitativo, retrospectivo, que analisou 131 fichas de casos regulados com hipótese diagnóstica de acidente vascular cerebral hiperagudo, em um hospital referenciado. Submeteram-se os dados coletados à análise estatística descritiva com o programa SAS 9.4, considerando-se p<0,05 como o nível de significância. Resultados: detectou-se que a idade média dos pacientes foi de 67,44 anos, do sexo masculino, com sintoma mais frequente a fraqueza de membros, em 119 casos e 107 na referência. Verificou-se a ocorrência do acidente vascular isquêmico em 79 casos e a etiologia de síndrome lacunar em 33. Registra-se que 100 pacientes obtiveram alta hospitalar e 20 faleceram. Percebeuse a significância estatística (p≤0,05) entre os resultados clínicos com o valor do teste de glicemia capilar e a presença do desvio de rima labial no serviço de origem. Conclusão: observa-se que os achados estatisticamente significativos revelam a necessidade da criação de protocolos específicos e a educação permanente das equipes.(AU)


Objective: to identify the epidemiological and clinical profile of cases coordinated as hyperacute stroke in a reference hospital. Method: this is a quantitative retrospective study in which we analyzed 131 medical records of hyperacute stroke cases coordinated in a reference hospital. The data collected were submitted to descriptive statistical analysis with the SAS 9.4 program, considering a p <0.05 statistically significant. Results: the mean age of patients was 67.44 years, most were male, and limb weakness was the most frequent symptom, in 119 cases and 107 referral cases. The occurrence of ischemic stroke was found in 79 cases, and the etiology of lacunar syndrome in 33. One hundred patients were discharged from the hospital and 20 died. A statistically significant (p≤0.05) relation was found between clinical results concerning the capillary glycemia values and the presence of lip rhyme deviation in the service of origin. Conclusion: the statistically significant findings reveal the need to create specific protocols and to implement permanent education of the teams.(AU)


Objetivo: identificar el perfil epidemiológico y clínico de los casos coordinados como ictus hiperagudo en un hospital de referencia. Método: se trata de un estudio cuantitativo retrospectivo en el que analizamos 131 historias clínicas de casos de ictus hiperagudo regulados en un hospital de referencia. Los datos recolectados fueron sometidos a análisis estadístico descriptivo con el programa SAS 9.4, considerando p <0.05 estadísticamente significativa. Resultados: la edad media de los pacientes fue de 67,44 años, la mayoría eran varones y la debilidad de las extremidades fue el síntoma más frecuente, en 119 casos y 107 casos referenciados. La ocurrencia de ictus isquémico se encontró en 79 casos originales y la etiología del síndrome lacunar en 33. Cien pacientes fueron dados de alta del hospital y 20 fallecieron. Se encontró relación estadísticamente significativa (p≤0.05) entre los resultados clínicos de los valores de glucemia capilar y la presencia de desviación de la rima labial en el servicio de origen. Conclusión: los hallazgos estadísticamente significativos revelan la necesidad de crear protocolos específicos e implementar la educación permanente de los equipos.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Perfil de Saúde , Acidente Vascular Cerebral , Regulação e Fiscalização em Saúde , Sistemas de Informação em Saúde , Acesso aos Serviços de Saúde , Hospitalização , Estudos Retrospectivos , Hospitais Públicos
16.
Rev. enferm. UFPE on line ; 15(1): [1-13], jan. 2021. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1177411

RESUMO

Objetivo: avaliar os perfis sociodemográfico e clínico de pacientes em terapia nutricional enteral em uma instituição de alta complexidade. Método: trata-se de um estudo quantitativo, descritivo, observacional e transversal. Analisaram-se dados de pacientes em terapia nutricional enteral ao longo de sete meses, considerando-se variáveis sociodemográficas e clínicas e a via de infusão da dieta. Realizaram-se análises estatísticas descritivas das frequências absoluta, relativa e média. Resultados: registrou-se que 614 pacientes usaram a terapêutica, sendo que 55,0% eram do sexo masculino e 39,9% tinham idade acima de 60 anos. Verifica-se que os diagnósticos clínicos mais prevalentes variaram de acordo com as faixas etárias, com destaque para o câncer (25,2%). Apontase que a via de infusão predominante foi a sonda nasoenteral (78,6%). Conclusão: entende-se que a terapia nutricional enteral se mostrou necessária em todas as faixas etárias e em vários diagnósticos clínicos, principalmente, para idosos e pessoas em tratamento oncológico. Avalia-se que os achados contribuem para o planejamento assistencial e o conhecimento em Enfermagem.(AU)


Objetivo: evaluar los perfiles sociodemográficos y clínicos de los pacientes sometidos a terapia nutricional enteral en una institución de alta complejidad. Método: se trata de un estudio cuantitativo, descriptivo, observacional y transversal. Se analizaron los datos de los pacientes sobre la terapia nutricional enteral durante siete meses, teniendo en cuenta las variables sociodemográficas y clínicas y la vía de infusión de la dieta. Se realizaron análisis estadísticos descriptivos de frecuencias absolutas, relativas y medias. Resultados: se registró que 614 pacientes utilizaron el tratamiento, y el 55,0% eran hombres y el 39,9% mayores de 60 años. Se verificó que los diagnósticos clínicos más frecuentes variaron según los grupos de edad, especialmente el cáncer (25,2%). Se señala que la vía de perfusión predominante fue el tubo nasoenteral (78,6%). Conclusión: se entiende que la terapia nutricional enteral era necesaria en todos los grupos de edad y en diversos diagnósticos clínicos, principalmente para los ancianos y las personas sometidas a tratamiento oncológico. Se evalúa que los hallazgos contribuyen a la planificación de la atención y al conocimiento en Enfermería.(AU)


Objective: to evaluate the sociodemographic and clinical profiles of patients undergoing enteral nutrition therapy in a high-complexity institution. Method: a quantitative, descriptive, observational, and cross-sectional study was carried out. Data from patients on enteral nutrition therapy over seven months were analyzed, considering sociodemographic and clinical variables and the diet's infusion route. Descriptive statistical analyzes of absolute, relative, and average frequencies were performed. Results: it was registered that 614 patients used the therapy, of which 55.0% were male, and 39.9% were older than 60 years. The most prevalent clinical diagnoses varied according to age groups, with an emphasis on cancer (25.2%). The predominant infusion route was the nasojejunal tube (78.6%). Conclusion: it is understood that enteral nutrition therapy was necessary for all age groups and several clinical diagnoses, mainly for the elderly and patients on cancer treatment. The findings contribute to care planning and nursing knowledge.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recém-Nascido , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Perfil de Saúde , Nutrição Enteral , Nutrição Enteral/enfermagem , Terapia Nutricional , Hospitalização , Epidemiologia Descritiva , Estudos Transversais
17.
CuidArte, Enferm ; 15(1): 17-21, jan.-jun. 2021.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1283840

RESUMO

Introdução: A prática do Aleitamento Materno Exclusivo é uma eficaz intervenção para a redução da morbimortalidade infantil, uma vez que o leite humano possui todas as substâncias necessárias para promover a proteção e nutrição de crianças até os seis meses de vida. O aleitamento materno também traz benefícios à mãe ao contribuir para a recuperação no pós-parto imediato; maior rapidez na involução uterina e consequente prevenção à anemia. Objetivos: Identificar a adesão do aleitamento materno exclusivo e as orientações recebidas no pré-natal, em mães adolescentes. Métodos: Estudo descritivo transversal realizado de abril a agosto de 2019, no ambulatório de aleitamento materno do Hospital-Escola Emílio Carlos. Resultados: Com relação à faixa etária: 6 mães (32%) tinham 18 anos; 5 (26%) tinham 19 anos. A maioria das adolescentes tinha companheiro 14 (74%) e 5 (26%) solteiras. Em relação à escolaridade, apenas 5 (26%) concluíram o ensino médio. Das adolescentes, 13 (69%) não tinham profissão; 14 (74%) não planejaram a gravidez e 12 (63%) não usavam contraceptivo. Realizaram o pré-natal 17 (89%); não receberam orientações sobre o aleitamento materno pré-natal 15 (79%). A maioria das adolescentes na consulta do aleitamento materno estava em Aleitamento Materno Exclusivo; 7 (37%) não usavam chupeta. Conclusão: Evidências científicas comprovam que a melhor maneira de ajudar as mães adolescentes a estabelecer e manter o aleitamento é o aconselhamento, apoio pessoal e contínuo por um profissional de saúde com conhecimentos adequados sobre amamentação.(AU)


Introduction: The practice of Exclusive Breastfeeding is an effective intervention to reduce infant morbidity and mortality, since human milk has all the necessary substances to promote the protection and nutrition of children up to six months of life. Breastfeeding also brings benefits to the mother by contributing to recovery in the immediate postpartum period; faster uterine involution and consequent prevention of anemia. Objectives: To identify the adherence to exclusive breastfeeding and the guidelines received during prenatal care in adolescent mothers. Methods: A cross-sectional descriptive study was conducted from April to August 2019, at the Emílio Carlos School-Hospital outpatient clinic. Results: Regarding the age group: 6 mothers (32%) were 18 years old; 5 (26%) were 19 years old. The majority of adolescents had 14 (74%) and 5 (26%) unmarried partners. In relation to schooling, only 5 (26%) completed high school. Of the adolescents, 13 (69%) had no profession; 14 (74%) did not plan pregnancy and 12 (63%) did not use contraceptives. They underwent prenatal care 17 (89%); received no guidance on prenatal breastfeeding 15 (79%). The majority of adolescents in the breastfeeding consultation were in Exclusive Breastfeeding; 7 (37%) did not use pacifiers. Conclusion: Scientific evidence proves that the best way to help teenage mothers establish and maintain breastfeeding is counseling, personal and continuous support by a health professional with adequate knowledge about breastfeeding.(AU)


Introducción: La práctica de la Lactancia Materna Exclusiva es una intervención eficaz para reducir la morbilidad y mortalidad infantil, ya que la leche materna posee todas las sustancias necesarias para promover la protección y nutrición de los niños hasta los seis meses de edad. La lactancia materna también beneficia a la madre al contribuir a la recuperación en el período posparto inmediato; mayor rapidez en la involución uterina y consecuente prevención de la anemia. Objetivos: Identificar la adherencia a la lactancia materna exclusiva y las pautas recibidas durante la atención prenatal en madres adolescentes. Métodos: Estudio descriptivo transversal realizado de abril a agosto de 2019, en el ambulatorio de lactancia materna del Hospital-Escola Emílio Carlos. Resultados: Respecto al grupo de edad: 6 madres (32%) tenían 18 años; 5 (26%) tenían 19 años. La mayoría de los adolescentes tenían pareja 14 (74%) y 5 (26%) soltera. En cuanto a educación, solo 5 (26%) completaron la escuela secundaria. De los adolescentes, 13 (69%) no tenían profesión; 14 (74%) no planificaron el embarazo y 12 (63%) no usaron anticonceptivos. Realizaron atención prenatal 17 (89%); no recibieron orientación sobre lactancia materna...(AU)


Assuntos
Feminino , Gravidez , Lactente , Adolescente , Gravidez na Adolescência , Aleitamento Materno , Ambulatório Hospitalar , Cuidado Pré-Natal , Perfil de Saúde
18.
CuidArte, Enferm ; 15(1): 67-73, jan.-jun. 2021.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1290672

RESUMO

Introdução: Feridas crônicas demandam tempo de tratamento, podem levar a amputações e prejudicar a qualidade de vida, embora sejam preveníveis por meio de ações assistenciais bem direcionadas. Objetivo: Identificar o perfil de portadores de feridas crônicas atendidos em Unidades Básicas de Saúde do interior do Paraná. Material e Método: Estudo transversal realizado através de inquérito domiciliar. A análise descritiva foi realizada por meio da distribuição de frequências de variáveis categóricas e para análise de associação utilizou-se o teste de Qui-quadrado. Resultados: Entre os participantes (N=100), predominou o sexo feminino, sem companheiro, idosos, com baixa escolaridade e renda. A úlcera vasculogênica prevaleceu (n=51;51%) e o tratamento mais utilizado foi com ácido graxo essencial (n=43;28,6%). Em análise de associação, houve relação entre estar acamado e a presença de úlcera por pressão (p<0,001). Doenças crônicas como a hipertensão arterial e diabetes relacionaram-se com os tipos de úlcera (p=0,039). Conclusão: Verificou-se que o perfil de portadores de doença crônica teve maior prevalência no sexo feminino, em pessoas que não possuíam companheiro, que concluíram o ensino fundamental e com renda mensal de um a dois salários mínimos. A maioria tinha úlceras vasculogênicas. Necessária a implantação de um conjunto de ações assistenciais com abrangência em aspectos biopsicossociais.(AU)


Introduction: Chronic wounds require time of treatment, can lead to amputations and impair the quality of life, although they are preventable through well targeted care actions. Objective: To identify the profile of patients with chronic wounds treated in Basic Health Units in the interior of Paraná. Material and Method: Cross-sectional study conducted through household survey. The descriptive analysis was performed by means of frequency distribution of categorical variables and for association analysis the chi-square test was used. Results: Among the participants (N=100), the female sex predominated, without a partner, elderly, with low schooling and income. Vasculogenic ulcer prevailed (n=51;51%) and the most commonly used treatment was essential fatty acid (n=43;28.6%). In an association analysis, there was a relationship between being bedridden and the presence of pressure ulcers (P0,001). Chronic diseases such as hypertension and diabetes were related to the types of ulcers (p=0.039). Conclusion: It was verified that the profile of patients with chronic disease had higher prevalence in females, in people who did not have a partner, who completed elementary school and with monthly income of one to two minimum wages. Most of them had vasculogenic ulcers. It was necessary to implement a set of care actions with coverage in biopsychosocial aspects.(AU)


Introducción: Las heridas crónicas requieren tiempo de tratamiento, pueden conducir a amputaciones y deteriorar la calidad de vida, aunque son prevenibles mediante acciones asistenciales bien focalizadas. Objetivo: Identificar el perfil de pacientes con heridas crónicas atendidos en Unidades Básicas de Salud del interior de Paraná. Material y Método: Estudio transversal realizado a través de una encuesta de hogares. El análisis descriptivo se realizó mediante la distribución de frecuencias de variables categóricas y para el análisis de asociación se utilizó la prueba de Chi-cuadrado. Resultados: Entre los participantes (n = 100), predominó el género femenino, sin pareja, ancianos, con baja escolaridad e ingresos. Predominaron las úlceras...(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Idoso , Lesão por Pressão , Enfermagem Domiciliar , Úlcera Cutânea/enfermagem , Fatores Socioeconômicos , Perfil de Saúde
19.
Rev. enferm. UFPE on line ; 15(1): [1-14], jan. 2021. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1145769

RESUMO

Objetivo: descrever o perfil sociodemográfico, de saúde e longevidade de idosos. Método: trata-se de um estudo quantitativo, descritivo, realizado com 524 idosos, cadastrados em Unidades de Saúde da Família, por meio de entrevistas nos seus domicílios. Incluíram-se participantes de ambos os sexos, com 80 anos ou mais, que tiveram o mínimo de 19 pontos no MEEM. Analisaram-se os dados por meio da estatística descritiva, apresentando-os em tabelas de frequência. Resultados: registra-se que as idades variaram de 80 a 108 anos, sendo que 70,4% dos idosos eram do sexo feminino, 84,4% residiam com familiares e muitos demonstravam baixa escolaridade. Aponta-se que a maioria dos idosos considerava a saúde boa, as principais morbidades foram a hipertensão arterial, artrose, hipercolesterolemia e Diabetes Mellitus, 71,6% não apresentaram quedas no último ano e a polifarmácia esteve presente. Associou-se a longevidade ao histórico familiar, contato familiar e atividades sociais. Conclusão: conclui-se que, no envelhecimento, deve-se considerar não só a quantidade dos anos vividos, mas a qualidade. Ressalta-se que o estudo não pretende encerrar a temática, mas ampliá-la e subsidiar discussões entre as comunidades acadêmicas e assistenciais na busca pelo envelhecimento saudável.(AU)


Objective: to describe the socio-demographic, health and longevity profile of elderly people. Method: It is a quantitative, descriptive study, carried out with 524 elderly, registered in Family Health Units, through interviews in their homes. It included participants of both sexes, 80 years old or older, who had at least 19 points in MMSE. The data were analyzed by means of descriptive statistics, presenting them in frequency tables. Results: It is recorded that the ages ranged from 80 to 108 years, 70.4% of the elderly were female, 84.4% lived with relatives and many showed low schooling. It is pointed out that the majority of the elderly considered good health, the main morbidities were hypertension, arthrosis, hypercholesterolemia and Diabetes Mellitus, 71.6% did not show falls in the last year and polypharmacy was present. Longevity was associated to family history, family contact and social activities. Conclusion: It is concluded that, in aging, one must consider not only the quantity of the years lived, but the quality. It is emphasized that the study doesn't intend to finish the theme, but to amplify it and to subsidize discussions between the academic and assistential communities in the search for the healthy ageing.


Objetivo: describir el perfil sociodemográfico, de salud y longevidad de las personas mayores. Método: se trata de un estudio cuantitativo, descriptivo, realizado con 524 ancianos, registrados en Unidades de Salud de la Familia, mediante entrevistas en sus domicilios. Se incluyeron participantes de ambos sexos, de 80 años o más, que tuvieran un mínimo de 19 puntos en el MMSE. Los datos se analizaron mediante estadística descriptiva y se presentaron en tablas de frecuencia. Resultados: se registra que las edades oscilaron entre 80 y 108 años, siendo el 70,4% de los ancianos eran mujeres, el 84,4% convivía con familiares y muchos presentaban baja escolaridad. Se señala que la mayoría de los ancianos consideraban buena su salud, las principales morbilidades fueron hipertensión arterial, artrosis, hipercolesterolemia y Diabetes Mellitus, el 71,6% no presentó caídas en el último año y la polifarmacia estuvo presente. La longevidad se asoció con antecedentes familiares, contacto familiar y actividades sociales. Conclusión: se concluye que, en el envejecimiento, se debe considerar no solo la cantidad de años vividos, sino la calidad. Es de destacar que el estudio no pretende cerrar el tema, sino ampliarlo y subsidiar las discusiones entre las comunidades académica y asistencial en la búsqueda de un envejecimiento saludable.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Idoso de 80 Anos ou mais , Fatores Socioeconômicos , Perfil de Saúde , Idoso de 80 Anos ou mais , Envelhecimento , Saúde do Idoso , Envelhecimento Saudável , Longevidade , Atenção Primária à Saúde , Epidemiologia Descritiva , Estudos Transversais
20.
Rev. enferm. UFPE on line ; 15(1): [1-19], jan. 2021. ilus, mapas, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1145784

RESUMO

Objetivo: analisar a situação do tratamento inadequado da Sífilis Congênita (SC). Método: trata-se de um estudo misto, descritivo, com dados coletados no Sistema de Informação de Agravos de Notificação, no período de 2014 a 2017. Realizaram-se, adicionalmente, entrevistas semiestruturadas com os profissionais de saúde da Atenção Básica (AB), sendo os dados quantitativos estudados pela estatística descritiva, e os qualitativos, por meio da Análise de Conteúdo. Resultados: identificaram-se 61 recém-nascidos que receberam tratamento inadequado para SC. Entrevistaram-se enfermeiros da AB do município de Macapá atuantes nas áreas de abrangência das residências das crianças. Aponta-se que as análises das entrevistas permitiram a criação de três categorias: o saber do enfermeiro sobre a doença; a experiência do enfermeiro para a detecção de casos de SC na sua área de atuação; e as estratégias do enfermeiro para a busca de crianças com história de sífilis. Conclusão: evidenciou-se a fragilidade no tratamento da SC em Macapá com um alto índice de tratamento inadequado. Avalia-se que os perfis sociodemográficos e clínico das mães e crianças potencializam as vulnerabilidades individual, programática e social.(AU)


Objective: to analyze the situation of inadequate treatment of Congenital Syphilis (CS). Method: it is a mixed, descriptive study with data collected in the System of Information on Disease Notification (SINAN), within the period from 2014 to 2017. In addition, semi-structured interviews were carried out with health professionals from Basic Care (BC), with the quantitative data studied through descriptive statistics, and the qualitative data by means of Content Analysis. Results: 61 newborns who received inadequate treatment for CS were identified. Nurses from the BC of Macapá who work in the areas of the children's residences were interviewed. It is pointed out that the analysis of the interviews allowed the creation of three categories: the nurse's knowledge on the disease; the nurse's experience for the detection of cases of CS in his/her area of operation; and the nurse's strategies for the search of children with history of syphilis. Conclusion: the fragility in the treatment of CS in Macapá was evidenced with a high rate of inadequate treatment. The sociodemographic and clinical profiles of mothers and children are estimated to have enhanced individual, programmatic and social vulnerabilities.(AU)


Objetivo: analizar la situación de tratamiento inadecuado de la Sífilis Congénita (CS). Método: se trata de un estudio descriptivo mixto, con datos recogidos en el Sistema de Información de Enfermedades de Notificación, en el período de 2014 a 2017. Además, se realizaron entrevistas semiestructuradas con profesionales de la salud de atención primaria (AB) , datos cuantitativos que se estudian mediante estadística descriptiva, y datos cualitativos, a través del análisis de contenido. Resultados: se identificaron 61 recién nacidos que recibieron tratamiento inadecuado por CE. Se entrevistó a enfermeras de AB en la ciudad de Macapá que trabajan en las áreas cubiertas por los hogares de los niños. Se señala que el análisis de las entrevistas permitió la creación de tres categorías: el conocimiento de la enfermera sobre la enfermedad; la experiencia del enfermero en la detección de casos de CS en su área de especialización; y las estrategias de la enfermera para encontrar niños con antecedentes de sífilis. Conclusión: se evidenció debilidad en el tratamiento del CS en Macapá con una alta tasa de tratamiento inadecuado. Se evalúa que los perfiles sociodemográficos y clínicos de madres e hijos potencian las vulnerabilidades individuales, programáticas y sociales.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Sífilis Congênita , Sífilis Congênita/tratamento farmacológico , Sífilis Congênita/transmissão , Sífilis Congênita/epidemiologia , Perfil de Saúde , Criança , Saúde Materno-Infantil , Transmissão Vertical de Doenças Infecciosas , Cuidados de Enfermagem , Epidemiologia Descritiva , Enfermagem Materno-Infantil , Sistemas de Informação em Saúde
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...