Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 1.505
Filtrar
1.
Rev. Odontol. Araçatuba (Impr.) ; 41(1): 47-52, jan.-abr. 2020. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1102380

RESUMO

O tratamento endodôntico frequentemente leva à perda de parte coronária de um elemento dentário, seja pelo enfraquecimento de sua estrutura, por lesões traumáticas ou por cárie. Desde que em condições favoráveis, esses dentes podem ser restaurados por meio de retenção adequada provida por meio de retentores intrarradiculares. Os pinos de quartzo utilizados como retentor intrarradicular surgiram com os avanços da odontologia adesiva, sendo uma opção relevante com inúmeras vantagens. A literatura odontológica aponta que a adaptação do pino às paredes do conduto radicular, somada a técnica de cimentação adesiva, são fatores essenciais para a longevidade do tratamento, sendo necessário em alguns casos sua personalização, para garantir melhor assentamento e promover prognóstico favorável. Objetivou-se neste artigo apresentar a técnica de preparo, personalização e cimentação do pino de quartzo na reconstrução de um dente tratado endodonticamente ilustrado por meio de caso clínico. Através de um protocolo ordenado e meticuloso da técnica de aplicação, foi possível alcançar o resultado desejado(AU)


Endodontic treatment often leads to loss of the coronary part of a tooth, either by weakening its structure, by traumatic lesions or by caries. Since under faborable conditions, these teetn can be restored by means of the biomechanical reinforcement promoted by the intraradicular retainers. The quartz posts have appeared with the advances of restorative dentistry, being a relevant option with numerous advantages. The dental literature indicates that the adaptation of the post to the root canal walls, together with the adhesive cementation technique, are essential factors for the longevity of the treatmet, being necessary in some cases its personalization, which guarantees its better settlement, avoiding the impression of undesirable forces to the tooth anf promoting better prognosis. The objective was to present the technique of preparation, personalization and cementation of the quartz post in the reconstruction of an endodontically treated tooth. Through an orderly and meticulous protocol of the application technique, it was possible to achieve the desired result(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Quartzo , Materiais Restauradores do Canal Radicular , Cimentos Dentários , Pinos Dentários , Dente não Vital
2.
Braz. dent. sci ; 23(3): 1-7, 2020. tab, ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1116244

RESUMO

Objective: This study aimed to evaluate the biomechanical behaviour of endodontically treated teeth with direct veneer that received or not intra-radicular glass fiber post by finite elements analysis. Material and methods: Six models were designed, varying the presence or absence of glass fiber post and the thickness of direct veneer (0.5, 0.7 and 1 mm). Tridimensional models of maxillary central incisors were obtained with CAD software, Rhinoceros 4.0, and transferred to CAE software, ANSYS 17.2, which a 100N load was applied in a 45° on the lingual surface to simulate functional movements. Geometry contacts were bonded, and the structures were isotropic, linear, elastics, and homogeneous. After coherence and convergence analysis of mashes, the chosen fail criterion was the maximum principal stresses. Results: For cement, glass fiber post, the stress distribution was similar independently of glass fiber post presence or veneer thickness. Models with glass fiber post had better stress distribution and lower values of maximum stress for inner dentin and veneers. Veneers with 0.5 and 1 mm had higher stress concentration areas. Conclusions: It can be concluded that glass fiber post is favorable for restored teeth with direct veneers, and very thin or very thick preparations can damage the biomechanical behavior of restorations.(AU)


Objetivo: Este estudo teve como objetivo avaliar o comportamento biomecânico de dentes tratados endodonticamente com faceta direta que receberam ou não pinos de fibra de vidro intrarradicular através de análise de elementos finitos. Material e métodos: Foram desenhados seis modelos, variando a presença ou ausência do pino de fibra de vidro e a espessura da faceta direta (0,5, 0,7 e 1 mm). Modelos tridimensionais de incisivos centrais superiores foram obtidos com o software CAD, Rhinoceros 4.0, e transferidos para o software CAE, ANSYS 17.2, cuja carga de 100N foi aplicada a 45° na superfície lingual para simular movimentos funcionais. Os contatos geométricos foram colados e as estruturas eram isotrópicas, lineares, elásticas e homogêneas. Após análise de coerência e convergência de malhas, o critério de falha escolhido foi a tensão principal máxima. Resultados: Para cimento e pino de fibra de vidro, a distribuição de tensões foi semelhante independentemente da presença do pino de fibra de vidro ou da espessura da faceta. Os modelos com pinos de fibra de vidro apresentaram melhor distribuição de tensão e menores valores de tensão máxima para dentina interna e facetas. Facetas com 0,5 e 1mm apresentaram maiores áreas de concentração de estresse. Conclusões: Pode-se concluir que o pino de fibra de vidro é favorável para dentes restaurados com facetas diretas, e preparações muito finas ou muito espessas podem prejudicar o comportamento biomecânico das restaurações.(AU)


Assuntos
Dente não Vital , Análise de Elementos Finitos , Pinos Dentários , Facetas Dentárias
3.
Arq. odontol ; 56: 1-8, jan.-dez. 2020. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1097768

RESUMO

Aim: To evaluate the influence of lengths and different luting agents on the bond strength of fiberglass posts' adhesion to dentin.Methods: Sixty single-root bovine teeth were endodontically treated and included in polyether and acrilyc resin to simulate a periodontal ligament. These were divided into 6 groups according to the post lengths (6, 10 or 14 mm) and luting agents (self-adhesive dual resin cement ­ U; or etch-and-rinse dual resin cement ­ A): U6, U10, U14, A6, A19, and A14. All fiberglass posts were cemented according to manufacturer instructions. After this, mechanical aging was performed (1.2x106 cycles; 4 Hz, 90 N). The push-out specimens were then conducted (2.0 ± 0.1 mm), with the test executed in a universal machine (10 kgf at 0.5 mm/min). Data obtained were submitted to the Kruskal-Wallis and Dunn's test. Results: No statistically significant difference was observed in bond strength between the groups due to the type of luting agent (p > 0.05). However, the isolated post-length factor showed significantly different results for the U groups (p < 0.05). The U10 group showed similar union values to U6 but statistically inferior to U14. Conclusion: bond strength of fiberglass posts of the same length as the dentin presented no differences according to the luting agent, but the post-length property influenced the bond strength when self-adhesive resin cement was used.


Objetivo: avaliar a influência dos agentes cimentantes e dos diferentes comprimentos de pinos na resistência de união de pinos de fibra de vidro a dentina. Métodos: Sessenta dentes bovinos uniradiculares tiveram a raiz endodonticamente tratada, e foram incluídos em poliéter e resina acrílica para simular o ligamento periodontal. Os espécimes foram divididos em seis grupos de acordo com o comprimento dos pinos (6, 10 ou 14mm) e dos agentes de cimentantes (cimento resinoso dual autoadesivo (RelyX U200, 3M ESPE) - U; ou cimento resinoso dual convencional (AllCem Core, FGM) - A: U6, U10, U14, A6, A19 e A14. Todos os pinos de fibra de vidro foram cimentados conforme as recomendações do fabricante. Após, o envelhecimento mecânico (1,2x106 ciclos; 4 Hz, 90 N) as amostras foram fatiadas para o teste de push-out (2,0 ± 0,1 mm) executado em uma máquina de ensaio universal (10 kgf a 0,5 mm/min). Os dados foram submetidos ao teste de Kruskal-Wallis e Dunn. Resultados: não houve diferença estatística na resistência de união entre os grupos devido ao tipo de agente cimentante (p > 0,05), mas houve para o comprimento dos pinos dos grupos U (p < 0,05). O grupo U10 apresentou valores de união semelhantes a U6, mas estatisticamente inferiores ao U14. Conclusão: a resistência de união dos pinos de fibra de vidro de um mesmo comprimento não apresentou diferenças mesmo quando cimentados com cimentos diferentes, mas o comprimento dos pinos isoladamente influenciou quando o cimento resinoso autoadesivo foi utilizado.


Assuntos
Resinas Acrílicas , Teste de Materiais , Cimentos de Resina , Cimentos Dentários , Resistência de Materiais , Cimentos de Ionômeros de Vidro , Pinos Dentários
4.
Dent. press endod ; 9(1): 26-30, jan.-mar. 2019. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1000064

RESUMO

Objetivo: o objetivo do presente estudo foi comparar a resistência à fratura de quatro tipos de pinos intrarradiculares pré-fabricados: fibra de vidro, fibra de vidro customizado com resina composta, fibra de carbono e fibra de carbono customizado com resina, em dentes bovinos. Métodos: foram utilizados 60 dentes bovinos unirradiculares, que receberam tratamento endodôntico e foram divididos nos seguintes grupos: FV = pino de fibra de vidro; FVP = pino de fibra de vidro customizado; FC = pino de fibra de carbono; FCP = pino de fibra de carbono customizado; e Controle = restauração coronária com resina composta. Os dentes foram inseridos em blocos de resina acrílica, a 2 mm da junção amelocementária, simulando a interface dente-osso. Os espécimes foram submetidos ao teste de resistência à fratura em máquina de ensaio universal, sob uma carga de 0,5mm/min, até a fratura do corpo de prova. Os valores obtidos foram submetidos ao teste ANOVA, com pós-teste de Tukey. Foi realizada, também, uma análise dos padrões de fratura, por meio do teste Kruskal- -Wallis. Resultados: o grupo FCP mostrou os maiores valores de resistência à fratura, seguido pelos grupos FV, FVP e FC. O grupo controle mostrou menor resistência do que os demais, que receberam pinos intrarradiculares. Os pinos de FVP apresentaram o maior número de fraturas reparáveis, em contraste ao controle, no qual houve o maior número de fraturas desfavoráveis. Conclusão: o uso de pinos customizados reduziu a incidência de fraturas catastróficas. A ausência de pino intrarradicular ocasionou a maior incidência de fraturas irreparáveis. (AU)


Objective: The aim of this study was to compare the fracture resistance of four types of prefabricated intraradicular posts - glass fiber, glass fiber customized by composite resin, carbon fiber, and customized carbon fiber - on bovine teeth. Methods: Sixty bovine teeth were submitted to endodontic treatment and divided into the following groups: GF - glass fiber post; CGF - customized glass fiber post; CF - carbon fiber post; CCF - customized carbon fiber post; control - composite resin restoration. The teeth were embedded in acrylic resin blocks at 2 mm from the cement-enamel junction, simulating the teeth-bone interface. The specimens were submitted to a fracture resistance test in a universal test machine under a 0.5 mm/min load until the fracture of the specimen. The values obtained were submitted to ANOVA and Tukey tests. The analysis of the fracture patterns was performed by the Kruskal-Wallis test. Results: The CCF group presented the highest values of fracture resistance, followed by GF, CGF, and CF posts. The control group offered less resistance than the other groups that received intraradicular posts. The CGF presented the highest number of favorable fractures, in contrast to the control group, which presented the highest number of unfavorable fractures. Conclusion: The use of customized posts reduced the incidence of catastrophic fractures. The lack of intracanal posts led to a higher incidence of irreparable fractures (AU).


Assuntos
Fraturas dos Dentes , Pinos Dentários , Endodontia , Técnica para Retentor Intrarradicular , Restauração Dentária Permanente
5.
Belo Horizonte; s.n; 2019. 138 p. ilus, tab.
Tese em Inglês, Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1016737

RESUMO

Dentes bovinos têm sido utilizados como substitutos aos humanos em pesquisas odontológicas. Entretanto, faltam dados que suportem o uso da dentina radicular bovina, sobretudo, que analisem o efeito da idade nas propriedades do substrato. Assim, analisou-se o efeito da idade nos aspectos morfológicos, químicos e físicos das dentinas radiculares humana e bovina, em função dos terços da raiz. Trata-se de um estudo experimental, in vitro, aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa (COEP-UFMG 1.803.933) e pela Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUAUFMG 372/2016). A amostra foi composta por dentes unirradiculares, cujas dentinas radiculares foram categorizadas em: humana jovem (HJ, 20-30 anos); humana madura (HM, acima de 60 anos); bovina jovem (BJ, 24-36 meses); e bovina adulta (BA, acima de 48 meses). Os dentes foram seccionados abaixo da junção amelocementária e ao longo eixo da raiz, para a obtenção de hemisecções. Uma hemisecção foi escolhida e cortes foram feitos para a obtenção dos espécimes, conforme cada método de análise. Para as análises dos aspectos morfológicos ­ número, diâmetro e área dos túbulos dentinários ­ os espécimes foram analisados em Microscópio Eletrônico de Varredura. A composição química foi analisada por Espectroscopia de Raios X por Dispersão em Energia, Espectroscopia por Comprimento de Onda Dispersivo e Espectroscopia Raman por Transformada de Fourier. Na análise das propriedades mecânicas, os espécimes foram submetidos aos testes de nanoindentação, resistência à flexão em três pontos e compressão. Para a análise da resistência ao cisalhamento por extrusão, as raízes receberam tratamento endodôntico e foram fixados pinos de fibra de vidro com cimentos resinosos (dual convencional e autoadesivo). As raízes foram seccionadas nos terços radiculares e os espécimes testados em máquina universal de ensaios. Adicionalmente, avaliou-se o grau de conversão dos cimentos resinosos. Os dados foram analisados em software estatístico, nível de significância de 5%. A HM apresentou os menores valores para número, diâmetro e área de túbulos dentinários (p<0,05). A HM apresentou maiores valores de cálcio, razão Ca/P e concentração mineral relativa, com diminuição na organização e qualidade do colágeno (p<0,05). A HM apresentou os maiores valores de nanodureza, módulo de elasticidade e resistência à compressão, mas os menores valores de resistência à flexão e módulo de elasticidade à flexão (p<0,05). A HM apresentou os menores valores de resistência de união, com diferenças entre os terços radiculares (p<0,05). O grau de conversão dos cimentos apresentou uma diminuição ao longo dos terços radiculares (p<0,05). Concluiu-se que a idade possui um efeito nos aspectos morfológicos, químicos e físicos da dentina radicular humana, sem efeito na dentina bovina. Assim, quando da necessidade de substituição da dentina radicular humana pela bovina em pesquisas, é necessário considerar o efeito da idade nos desfechos analisados.


Bovine teeth have been used as a substitute for human teeth in dental research. However, there is a lack of data that support the use of bovine root dentin, mainly, that analyze the effect of age on the properties of the substrate. Thus, the effect of age on the morphological, chemical and physical aspects of human and bovine root dentin was analyzed, in function of the root thirds. This is an in vitro experimental study, approved by the Research Ethics Committee (protocol number: 1.803.933) and the Ethics Committee on the Use of Animals (protocol number: 372/2016). The sample was composed of single-rooted teeth and root dentin was categorized into: young human (YH, 20-30 years); old human (OH, above 60 years); young bovine (YB, 24-36 months); and adult bovine (AB, over 48 months). The roots were sectioned below the cement-enamel and longitudinally to produce two hemi-sections. One hemi-section was chosen and sections were made to obtain the specimens, according to each method of analysis. For the analyzes of the morphological aspects - number, diameter and area of the dentinal tubules - the specimens were analyzed in Scanning Electron Microscope. The chemical composition was analysed by Energy Dispersive Spectroscopy, Wavelength Dispersive Spectroscopy and Fourier Transformed Raman Spectroscopy. In the analysis of the mechanical properties, the specimens were submitted to nano-indentation, three-point flexural and compression tests. For the analysis of the push-out bond strength test, the roots received endodontic treatment and fiber post with resin cements (conventional and selfadhesive dual) were fixed. The roots were sectioned in the root thirds and the specimens tested in a universal testing machine. Additionally, the degree of conversion of the resin cements was evaluated. The data were analyzed in statistical software, level of significance of 5%. The OH presented the lowest values for number, diameter and area of dentinal tubules (p<0.05). OH showed higher values of calcium, Ca/P ratio and relative mineral concentration, with decrease in the organization and quality of the collagen (p<0.05). The OH showed the highest values of nano-hardness, elastic modulus and compressive strength, but the lowest values of flexural strength and flexural modulus (p<0.05). The OH presented the lowest values of bond strength, with differences among the root thirds (p<0.05). The degree of conversion of the cements showed a decrease along the root thirds (p<0.05). It was concluded that age has an effect on the morphological, chemical and physical aspects of human root dentin, with no effect on bovine dentin. Thus, when it is necessary to replace the human root dentin by the bovine in research, it is necessary to consider the effect of age on the analysed outcomes.


Assuntos
Raiz Dentária , Cimentos de Resina , Pinos Dentários , Dentina/anatomia & histologia , Fraturas por Compressão , Resistência à Flexão , Testes de Dureza , Técnicas In Vitro , Microscopia Eletroquímica de Varredura , Microscopia
6.
Braz. j. oral sci ; 18: e191376, jan.-dez. 2019. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1087491

RESUMO

Aim: The aim was to evaluate the bond strength at the cement/dentin interface in the post space, after specimens were treated with different final irrigation protocols, followed by cementation with a dual resin cement. Methods: Forty-eight extracted uniradicular human premolars were divided into four groups according to the irrigation (n = 12): control with distilled water; 2.5% sodium hypochlorite (NaOCl) + ethylenediaminetetraacetic acid (EDTA); 2.5% NaOCl + passive ultrasonic irrigation (PUI); and 2% chlorhexidine (CHX). The pull-out test was performed. The results were evaluated using ANOVA with Tukey's paired comparisons, with a significance of 5%. Results: When all groups were compared, significant difference occurred (p = 0.006), and in the paired comparison, NaOCl + PUI and CHX differed (p = 0.005). The CHX showed significantly higher adhesive defects between cement and dentin than other groups. Conclusions: The final irrigation protocol for cleaning after preparation for post space directly influences the bond strength at the cement/dentin interface


Assuntos
Irrigantes do Canal Radicular , Hipoclorito de Sódio , Camada de Esfregaço , Cimentos Dentários , Pinos Dentários
7.
Rev. odontol. UNESP (Online) ; 48: e20190032, 2019. tab, ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1043180

RESUMO

Abstract Introduction Glass-fiber posts are used in order to improve the retention of restorations in endodontically treated teeth. Objective To evaluate the bond strength of glass-fiber posts submitted to different surface treatments and cemented to the root canal dentin with self-adhesive resin cement. Material and method Thirty roots of human canines were prepared and divided according to two factors: surface treatments (silane, 35% hydrogen peroxide, or sodium bicarbonate) and root thirds (cervical and middle thirds). The glass-fiber posts were cemented with self-adhesive resin cement (RelyX U200). After 24 h, the specimens were prepared for microtensile bond strength test (hourglass format), fracture pattern and micromorphological assessment by scanning electronic microscopy, in order to measure the cement line. Result The data (MPa and µm) were submitted to two-way ANOVA and Tukey's test (α = 5%). The surface treatments influenced the bond strength of the posts cemented with self-adhesive resin cement (p<0.00). The mean bond strength (standard deviations) differed according to the region of root dentin (p<0.00): the cervical region (Control: 19.16MPa (3.71); Silane: 25.65MPa (4.04); Hydrogen peroxide: 24.43MPa (3.16); Sodium bicarbonate: 37.42MPa (8.27)) showed higher bond strength values than the middle third of the root (Control: 14.66MPa (4.65); Silane: 12.52MPa (5.03); Hydrogen peroxide: 10.64MPa (3.33); Sodium bicarbonate: 10.87MPa (2.49)). Conclusion Treatment of the glass-fiber post surface with chemical and physical agents increased the bond strength of the cement-post-dentin interface in the cervical third and the treatment with Sodium bicarbonate showed better results in bond strength.


Resumo Introdução Pinos de fibra de vidro são utilizados para melhorar a retenção das restaurações em dentes tratados endodonticamente. Objetivo Avaliar a resistência de união de pinos de fibra de vidro submetidos a diferentes tratamentos superficiais e cimentados à dentina radicular com cimento resinoso autoadesivo. Material e método trinta raízes de caninos humanos foram preparadas e divididas de acordo com dois fatores: tratamentos de superfície (silano, peróxido de hidrogênio a 35% ou bicarbonato de sódio) e o terço radicular (cervical e médio). Os pinos de fibra de vidro foram cimentados com cimento resinoso autoadesivo (RelyX U200) e foram divididos de acordo com duas regiões: cervical e terço médio. Após 24 horas, foram preparados para microtração (formato de ampulheta), padrão de fratura e avaliação micromorfológica por microscopia eletrônica de varredura, para medir a linha de cimento. Resultado Os dados (MPa e µm) foram submetidos à ANOVA two-way e teste de Tukey (α = 5%). Os tratamentos de superfície influenciaram a resistência de união dos pinos. A média da resistência de união (desvio padrão) diferiu de acordo com a região da dentina radicular (p <0,00): a região cervical (Controle: 19,16Mpa (3.71); Silano: 25,65MPa (4.04); Peróxido de hidrogênio: 24,43MPa (3.16); Bicarbonato de sódio: 37,42MPa (8.27)) apresentou valores de resistência a raiz (Controle: 14,66MPa (4.65); Silano: 12,52MPa (5.03); peróxido de hidrogênio: 10,64MPa (3.33); bicarbonato de sódio: 10,87MPa (2.49)). Conclusão O tratamento com agentes químicos e físicos aumentou a resistência de união da interface cimento-pino-dentina no terço cervical e o tratamento com bicarbonato de sódio apresentou melhores resultados na resistência de união.


Assuntos
Bicarbonato de Sódio , Cimentos de Resina , Pinos Dentários , Dentina , Técnicas In Vitro
8.
Rev. odontol. UNESP (Online) ; 48: e20190020, 2019. tab, graf, ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1043173

RESUMO

Abstract Introduction The attachment of fiberglass posts is achieved through an adhesive process. Failures in adhesion may occur due to the hydrolytic degradation of the adhesives, or to the degradation of the collagen fibres of the hybrid layer by intrinsic enzymes. Objective To evaluate the effect of chlorhexidine and sodium hypochlorite treatment on bond strength to dentin. Material and method Thirty bovine roots were randomly distributed into 3 groups (n=10): a) Control, b) 2% Chlorhexidine, and c) 5% Sodium Hypochlorite. Next, RelyX® ARC resin cement was used to cement the post. Each specimen resulted in samples from the three root thirds that were submitted to the pushout test (MPa) at 24 hours and 12 months. Bond strength values were analysed using the Kolmogorov-Smirnov, 3-way ANOVA and Tukey tests. The fracture mode of the pin was also analysed using stereomicroscopy. Result There were no significant differences between treatments at the immediate time (p=0.0644) or in the interaction of factors (p=0.1935). After one year, the experimental groups showed no significant differences in bond strength in relation to the control group, with the exception of the cervical third of the chlorohexidine group in which there was a significant loss of adhesion. As for the fracture mode, there was a predominance of the mixed type in all groups and thirds. Conclusion The use of chlorhexidine or hypochlorite provides neither benefits nor losses in the adhesive bond strength of fiberglass posts. However, there is an influence of the root thirds, with the worst bond strength in the apical third.


Resumo Introdução A fixação de pinos de fibra de vidro é realizada através de um processo adesivo. Falhas podem ocorrer na adesão devido à degradação hidrolítica dos adesivos, ou pela degradação das fibras colágenas da camada híbrida por enzimas intrínsecas. Objetivo Avaliar o efeito do tratamento com clorexidina e hipoclorito de sódio sobre a resistência de união adesiva à dentina. Material e método Trinta raízes bovinas foram distribuídas aleatoriamente em 3 grupos (n=10): a) Controle, b) Clorexidina 2% e c) Hipoclorito de Sódio 5%. Após, para a cimentação do pino radicular, utilizou-se o cimento resinoso RelyX® ARC. Cada espécime resultou corpos-de-prova dos três terços radiculares, os quais foram submetidos ao teste de pushout (MPa) nos períodos de 24 horas e 12 meses. Valores de resistência de união foram analisados pelos testes de Kolmogorov-Smirnov, ANOVA (three-way) e de Tukey. Analisou-se ainda o modo de fratura do pino, através de estereomicroscopia. Resultado Não houve diferenças significativas entre tratamento no tempo imediato (p=0,0644) ou na interação dos fatores (p=0,1935). Após um ano, os grupos experimentais não promoveram diferença significante na resistência de união em relação ao controle, com exceção do terço cervical do grupo clorexidina, onde houve uma perda significativa de adesão. Quanto ao modo de fratura, houve predominância do tipo mista em todos os grupos e terços. Conclusão O uso de clorexidina ou hipoclorito não promove benefícios ou prejuízos na resistência de união adesiva de pinos de fibra, mas há influência dos terços radiculares, sendo a pior resistência de união no terço apical.


Assuntos
Hipoclorito de Sódio , Técnicas In Vitro , Clorexidina , Cimentação , Pinos Dentários , Cimentos de Resina , Cavidade Pulpar , Dentina
9.
Braz. dent. sci ; 22(4): 538-545, 2019. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1024796

RESUMO

Objective: The aim of this study was to evaluate the effects of using different diameters of parallel cast posts with, or without ferrule, on the overall fracture resistance of Cast Post and Core (CPC). Material and Methods: Forty (40) endodontically treated human maxillary central incisors were divided into four groups (n=10): [F1] 1.0 mm diameter post with ferrule; [NF1] 1.0 mm diameter cast post without ferrule; [F1.5] 1.5 mm diameter cast post with ferrule; [NF1.5] 1.5 mm diameter post without ferrule. For all teeth, the post space (9.0 mm, in depth) was prepared using ParaPostTM drill. CPC using base metal alloy were fabricated and were cemented using resin modified glass ionomer (RMGI) cement along with the Porcelain Fused to Metal (PFM) crowns. A universal testing machine (Instron) was used to apply horizontal force perpendicular to the long axis of the tooth at the center of lingual surface, until catastrophic failure. Data was submitted to two-way ANOVA and Scheffé tests (P<0.05). Results: Both post diameter and ferrule statistically affected the maximum load at fracture (P=0.004 and P=0.013, respectively). The highest mean values were observed for samples with ferrule and wider post size (490N), while the lowest were observed for samples without ferrule and narrower post size (254N). There was no relationship between the presence of a ferrule and post size (P=0.937). Conclusion: For endodontically treated teeth with no ferrule, a wider-diameter cast post increased fracture resistance of a CPC and PFM crown procedure. (AU)


Objetivo: O objetivo do presente estudo foi avaliar os efeitos de diferentes diâmetros de núcleos metálicos paralelos (com ou sem férula) na resistência a fratura do procedimento restaurador. Material e Métodos: Quarenta (40) incisivos centrais superiores humanos foram tratados endodonticamente e divididos em quarto grupos (n=10): [F1] Diâmetro de 1.0 mm, com férula; [NF1] Diâmetro de 1.0 mm, sem férula; [F1.5] Diâmetro de 1.5 mm, com férula; [NF1.5] Diâmetro de 1.5 mm, sem férula. Para todos os dentes, o espaço foi preparado para o núcleo (9.0 mm, em comprimento) utilizando brocas do ParaPostTM. Os núcleos metálicos e as coroas metalocerâmicas fabricadas foram cimentados utilizando-se cimento de ionômero de vidro modificado por resina. Uma máquina de ensaios universal (Instron) foi utilizada para aplicar uma força horizontal perpendicular ao longo eixo do dente, no centro da face lingual, até falha catastrófica. Os dados foram analisados através de análise de variância de dois fatores e teste de Scheffé (p<0.05). Resultados: O diâmetro do núcleo e a presença (ou ausência) de férula afteram estatiscamente a resistência máxima a fratura do procedimento (P=0.004 e P=0.013, respectivamente). Os maiores valores foram observados para amostras com férula e de maior diâmetro (490N), enquanto os menores valores foram observados para amostras sem férula e de menor diâmetro (254N). Conclusão: Para dentes tratados endodondicamente, com férula, um núcleo de maior diâmetro aumentou a resistência a fratura de procedimentos restauradores envolvendo coroas metalocerâmicas cimentadas sobre núcleos metálicos fundidos. (AU)


Assuntos
Humanos , Pinos Dentários , Ferula
10.
Rev. Ciênc. Plur ; 5(3): 132-142, 2019. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1047965

RESUMO

Introdução:Pigmentação dentináriaintrínseca pode comprometer a estética do sorriso e causar constrangimento ao sorrir. Essas manchas podem ser resultado da presença de materiais restauradores na coroa após tratamento endodôntico, hemorragia intracoronária, decomposição de detritos intrapulpares, medicamentos de uso intracanal e materiais obturadores. Objetivo:relatar um caso clínico dedesgaste dentinário seletivo associado à restauração com resina composta e pino de fibra de vidro. Metodologia:paciente do gênero masculino, 23anos, buscou atendimento odontológico queixando-se depigmentaçãodentáriano incisivo central após tratamento endodôntico e restauração classe IV de resina composta escurecida. Constatada a normalidade do tratamento endodôntico, iniciou-se o tratamento. Foi removida com pontas diamantadas e acesso palatinotoda pigmentação que comprometia a estética do sorriso, bem como a restauração em resina composta de cor e forma insatisfatória.Na sequência, após isolamento absoluto, o canal foi desobturado preservando 4mm de material obturador apical. Foi realizada limpeza do conduto e coroa com pasta de pedra pomes e água, aplicação de ácido fosfórico 37% (15s em dentina e 30s em esmalte), lavagem com spray de água e ar e secagem. Foi aplicado na coroa e no conduto adesivo universal e remoção dos excessos com cones de papel absorvente e polimerização (20s). Na sequência, o canal foi preenchido com cimento resinoso dual, e o pino de fibra de vidro foi inserido com inserção única. Por fim, a restauração foi realizada com resina composta de cor compatível com o remanescente e posteriormente acabamento e polimento. Conclusões:O desgaste dentinário seletivo associado à restauração em resina composta com pino de fibra de vidro favoreceua devolução estética efuncional ao elemento dentário (AU).


Introduction: Intrinsic dentinal pigmentation can compromise the aesthetics of the smile and cause embarrassment when smiling. These spots may be the result of the presence of restorative materials in the crown after endodontic treatment, intracoronary hemorrhage, intrapulpal debris decomposition, intracanal medication and obturator materials. Objective:to report a clinical case of selective dentin removal associated with restoration with composite resin and fiberglass pin. Methodology:male patient, 23 years old, sought dental care complaining of dental pigmentation in the central incisor after endodontic treatment and restoration of class IV of darkened composite resin. Once the endodontic treatment was normal, the treatment was started. It was removed with diamond tips and palatine access all pigmentation that compromised the aesthetics of the smile, aswell as the restoration in composite resin of color and unsatisfactory form. Following, after absolute isolation, the canal was obturated preserving 4mm of apical obturator material. The flue and crown were cleaned with pumice paste and water, 37% phosphoric acid (15s in dentin and 30s in enamel),spray with water and air and drying. It was applied to the crown and the universal adhesive conduit and removal of excesses with absorbent papercones (20s)and polymerization. Subsequently, the channel was filled with dual resin cement, and the fiberglass pin was inserted with single insert. Finally, the restoration was carried out with composite resin of color compatible with the remainder and later finishing and polishing. Conclusions:Selective dentin removal associated with composite resin restoration with fiberglass pin favored aesthetic and functional return to the dental element (AU).


Introducción: La pigmentación intrínseca de la dentina puedecomprometer la estética de la sonrisa y causar vergüenza al sonreír. Estas manchas pueden deberse a la presencia de materiales restauradores en la corona después del tratamiento endodóntico, hemorragia intracoronaria, descomposición de escombros intrapulpales, fármacos intracanales y materiales obturadores.Objetivo:reportar un caso clínico de desgaste selectivo de dentina asociado con resina compuesta y fibra de vidrio. Metodología:un paciente masculino de 23 años buscó atención dental quejándose de pigmentación dental en el incisivo central después del tratamiento endodóntico y la restauración de clase IV de resina compuesta oscura. Una vez que se encontró la normalidad del tratamiento endodóntico, se inició el tratamiento. Se eliminó con puntas de diamante y acceso palatino a toda la pigmentación que comprometía la estética de la sonrisa, así como la restauración en resina compuesta de color y forma insatisfactorios. Luego, después del aislamiento absoluto, se limpió el canal conservando 4 mm de material obturador apical. El conducto y la corona se limpiaron con pasta de piedra pómez, aplicación de ácido fosfórico al 37% (15 segundos en dentina y 30 segundos en esmalte), se lavaron con agua y aire y se secaron. Se aplicó a la corona y al conducto adhesivo universal y se eliminó el exceso con conos de papel absorbente y polimerización (20 s). Posteriormente, el canal se llenó con cemento de resina dual y el pasador de fibra de vidrio se insertó con un solo inserto. Finalmente, la restauración se realizó con resina compuesta de un color compatible con el resto y posteriormente acabado y pulido.Conclusiones:el desgaste selectivo de la dentina asociado con la restauración de resina compuesta con pin de fibra de vidrio favoreció el retorno estético y funcional al elemento dental (AU).


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Resinas Compostas , Pinos Dentários , Facetas Dentárias , Desgaste dos Dentes , Sorriso , Brasil
11.
São José dos Campos; s.n; 2019. 60 p. il., tab., graf..
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-969240

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi avaliar, in vitro, pelo teste de compressão, a resistência à fratura de dentes fragilizados que receberam como reforço intra-radicular sistema de pino de fibra de vidro. Foram utilizados 80 dentes bovinos divididos de acordo com o tipo de reforço intra-radicular e com a presença ou não de preparos para simular fragilidade radicular (n=10): SF/SR - sem fragilização e sem reforço intra- radicular; F/SR - com fragilização e sem reforço intra-radicular; SF/GT - sem fragilização e com reforço intra-radicular Rebilda Post GT; F/GT ­ com fragilização e com reforço intraradicular Rebilda Post GT; SF/RP - sem fragilização e com reforço intra-radicular Rebilda Post; F/RP ­ com fragilização e com reforço intra-radicular Rebilda Post; SF/GT+RP - sem fragilização e com reforço intra-radicular Rebilda Post GT + Rebilda Post; e F/GT+RP ­ com fragilização e com reforço intra-radicular Rebilda Post GT + Rebilda Post. Todos os espécimes tiveram suas coroas seccionadas, comprimento radicular padronizado em 16 mm e canais radiculares preparados endodonticamente. Para os espécimes com fragilização simulada, o desgaste radicular foi realizado até 9 mm no interior do canal e a espessura do remanescente radicular obtida foi de aproximadamente 2 mm. Exceto para o SF/SR, todos os canais radiculares foram obturados. O material obturador foi removido dos terços cervical e médio, permanecendo apenas 4 mm no terço apical. A cimentação dos pinos foi realizada seguindo o protocolo do fabricante. Apenas para os espécimes dos grupos SF/GT+RP e F/GT+RP, após a inserção do pino Rebilda Post GT e antes da polimerização final, foi inserido no centro do conjunto o pino Rebilda Post. Os espécimes foram submetidos ao teste de compressão à 45º. Os valores de resistência à fratura encontrados para os grupos, em ordem decrescente, foram: F/SR ­ 5,045 kgf, SF/SR ­ 9,157 kgf, SF/GT ­ 14,032 kgf, F/RP ­ 27,727 kgf, F/GT ­ 28,303 kgf, SF/RP ­ 29,986 kgf, F/GT+RP ­ 38,650 kgf e SF/GT+RP ­ 39,783 kgf. Os resultados obtidos foram submetidos à análise estatística (ANOVA e Tukey) que demonstrou diferença estatisticamente significativa (p<0,05). Dessa forma observouse que o pino único, Rebilda Post, proporcionou maior resistência à fratura que o sistema Rebilda Post GT e os grupos sem reforço intra-radicular, SF/SR e F/SR; e que a associação dos sistemas produziu os maiores valores de resistência à fratura do que os demais(AU)


The objective of this work was to evaluate, in vitro, by the compression test, the fracture strength of fragile teeth that received a fiberglass pin system as intra- radicular reinforcement. It was used 80 bovine teeth divided according to the type of intraradicular reinforcement and with the presence or not of preparations to simulate root fragility (n = 10): SF / SR - without embrittlement and without intra-radicular reinforcement; F / SR - with embrittlement and without intra-radicular reinforcement; SF / GT - without embrittlement and with intra-radicular reinforcement Rebilda Post GT; F / GT - with embrittlement and intra-radicular reinforcement Rebilda Post GT; SF / RP - without embrittlement and with intra-radicular reinforcement Rebilda Post; F / RP - with embrittlement and intra-radicular reinforcement Rebilda Post; SF / GT + RP - without embrittlement and with intra-radicular reinforcement Rebilda Post GT + Rebilda Post; and F / GT + RP - with embrittlement and with intra-radicular reinforcement Rebilda Post GT + Rebilda Post. All specimens had their crowns sectioned, root length standardized at 16 mm and root canals prepared endodontically. For specimens with simulated embrittlement, root wear was performed up to 9 mm inside the canal and the thickness of the root remainder obtained was approximately 2 mm. Except for SF / SR, all root canals were filled. The obturator material was removed from the cervical and middle thirds, remaining only 4 mm in the apical third. Pin cementation was performed following the manufacturer's protocol. Only for the specimens of the groups SF / GT + RP and F / GT + RP, after the insertion of the Rebilda Post GT pin and before the final polymerization, the Rebilda Post pin was inserted in the center of the set. The specimens were submitted to the 45º compression test. The values of fracture resistance found for the groups, in descending order, were: F / SR - 5,045 kgf, SF / SR - 9,157 kgf, SF / GT - 14,032 kgf, F / RP - 27,727 kgf, F / GT - 28,303 kgf, SF / RP-29.986 kgf, F / GT + RP-38.650 kgf and SF / GT + RP-39.783 kgf. The results were submitted to statistical analysis (ANOVA and Tukey), which showed a statistically significant difference (p< 0,05). In this way, it was observed that the single post, Rebilda Post, provided greater resistance to fracture than the Rebilda Post GT system and the non-reinforced groups, SF / SR and F / SR; and that the association of the systems produced the highest values of fracture resistance than the others(AU)


Assuntos
Humanos , Pinos Dentários , Raiz Dentária/diagnóstico por imagem
12.
Full dent. sci ; 10(38): 112-122, 2019.
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-996561

RESUMO

O objetivo desta pesquisa foi avaliar a resistência da união, pelo método depush out, de pinos de fibra de vidro cimentados com cimento resinoso dual associado ao sistema adesivo Single Bond Universal, através de diferentes estratégias adesivas. Em 40 incisivos bovinos, um pino de fibra de vidro (Whitepost DC nº3) foi cimentado com cimento resinoso dual (RelyX ARC) e adesivo (Single Bond Universal). Os dentes foram divididos em 4 grupos (n = 10), de acordo com a estratégia de união. No Grupo 1 não se realizou nenhum tratamento do substrato dentinário. O Grupo 2 recebeu condicionamento com ácido fosfórico 37%. O Grupo 3 recebeu a aplicação de clorexidina 2% e o Grupo 4 recebeu condicionamento com ácido fosfórico 37% e aplicação da clorexidina 2%. Os grupos foram fatiados (1,8 mm) em três porções (cervical, média e apical) e tiveram seus pinos deslocados pela máquina universal de ensaios mecânicos. A análise estatística foi feita pelos testes ANOVA e Post Hoc de Tukey (p = 0,05). A técnica autocondicionante obteve maiores valores em MPa, mostrando a não necessidade de condicionamento ácido para melhoria da resistência adesiva. Para a técnica com condicionamento ácido, com e sem clorexidina, os valores de resistência adesiva foram estatisticamente semelhantes nos três terços radiculares. Para a técnica autocondicionante, com e sem o uso da clorexidina, a região cervical exibiu os maiores valores de resistência adesiva. Em ambas as técnicas, convencional e autocondicionante, não houve diferença significativa nos valores imediatos de resistência adesiva ao uso da clorexidina (AU).


The aim of this research was to evaluate by the push up method the bonding strength of fiberglass pins cemented with dual resin cement associated to the Single Bond Universal adhesive system through different adhesive strategies. In 40 bovine incisors, a fiberglass pin (Whitepost DC nº3) was cemented with dual resin cement (RelyX ARC) and adhesive (Single Bond Universal). The teeth were divided in 4 groups (n = 10), according to the union strategy. In Group 1, no treatment of the dentin substrate was performed. Group 2 received conditioning with 37% phosphoric acid. Group 3 received 2% chlorhexidine and Group 4 received conditioning with 37% phosphoric acid and 2% chlorhexidine application. The groups were sliced (1.8 mm) in three portions (cervical, middle, and apical) and had their pins displaced by the universal machine of mechanical tests. Statistical analysis was performed by ANOVA and Tukey's Post Hoc tests (p = 0.05). The self-etching technique obtained higher values in MPa, showing no need of acid conditioning to improve the adhesive strength. For the acid-conditioning technique with and without chlorhexidine, adhesive strength values were statistically similar in the three-thirds root. For the self-etching technique with and without the use of chlorhexidine, the cervical region exhibited the highest values of adhesive strength. In both techniques, conventional and self-etching, there was no significant difference in the immediate values of adhesive resistance to the use of chlorhexidine (AU).


Assuntos
Animais , Bovinos , Tratamento do Canal Radicular/métodos , Resistência à Tração , Teste de Materiais/métodos , Adesivos Dentinários , Pinos Dentários , Brasil , Análise de Variância , Estatísticas não Paramétricas , Incisivo
13.
Belo Horizonte; s.n; 2019. 93 p. ilus.
Tese em Inglês, Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-1016469

RESUMO

Este estudo experimental in vitro seguindo o delineamento de blocos aleatorizados avaliou a resistência de união de diferentes tipos de retentores intrarradiculares de fibra de vidro à dentina radicular bovina, em dentes tratados endodonticamente e extensamente destruídos. Os incisivos inferiores bovinos obtidos foram limpos manualmente. Aqueles que preencheram os critérios de inclusão foram seccionados na junção cemento-esmalte. Em seguida, o comprimento e o diâmetro das raízes foram padronizados e elas foram tratadas endodonticamente e preparadas com brocas do tipo Largo números 2, 3 e 4. Após a utilização da sequência de brocas Largo, foi utilizada a broca número 3, constituinte do conjunto de pinos de fibra de vidro EXACTO. O comprimento de trabalho adotado foi de 11 mm, e foi deixado remanescente de material obturador de 4 mm. A ponta adiamantada número 4137 (ø = 2,5 mm) foi utilizada nos 3,5 mm mais coronários das raízes para simular casos de grande perda de substrato dentário. As raízes preparadas (n=33) foram divididas aleatoriamente em 3 grupos de acordo com o tipo de pino utilizado: 1) pino de fibra de vidro convencional; 2) pino de fibra de vidro reembasado com resina composta; 3) pino de fibra de vidro fresado no sistema CAD/CAM. Após a cimentação dos pinos com o mesmo cimento resinoso autoadesivo (RelyXÔ U200, 3M ESPE), cada raiz foi seccionada. Obtiveram-se 6 espécimes de cada raiz, os quais foram submetidos ao teste de cisalhamento por extrusão (push-out). Um corpo de prova representativo de cada grupo experimental (n=3) foi submetido à análise em Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), para que fossem avaliadas a adaptação marginal à dentina, a espessura e presença de bolhas na película do cimento resinoso de cada grupo nos terços coronal, médio e apical das raízes. O nível de significância para análise estatística foi de 5% e o poder do teste de 80%. Os valores de resistência de união e os terços radiculares foram comparados utilizando-se One-way ANOVA e teste de Tukey, exceto para o grupo de pinos reembasados, que foram comparados pelos testes Kruskal-Wallis e Games-Howell. O grupo de pinos reembasados obteve melhor desempenho que os outros grupos no terço coronal (8,92 MPa) (p=0,010) e foi o único grupo em que a resistência de união foi afetada pelo terço radicular, sendo o apical aquele com pior desempenho (4,51 MPa) (p=0,037). A fratura predominante nos diferentes grupos de retentores intrarradiculares foi do tipo adesiva entre o cimento e a dentina, exceto nos terços coronais dos grupos reembasado e fresado, onde a fratura principal foi do tipo coesiva em dentina. Concluiu-se que o tipo de retentor intrarradicular e o nível de acesso ao conduto radicular afetaram a resistência de união.


This study evaluated the bond strength of different fiberglass post types to root dentin in cases of severely damaged endodontically treated teeth. A pilot study was carried out and sample size was calculated from the results. Around 340 bovine teeth were obtained in a certified slaughterhouse. Teeth were cleaned and sectioned at dentinenamel's junction. After selection criteria were met, teeth were selected, the roots were endodontically treated and root canals were prepared with Largo burs #2, 3 and 4. After the treatment with Largo bur #4, the specific bur from EXACTO fiberglass post kit was used. The working length was 11 mm and 4 mm gutta-percha remnant were left to seal the apical region. The #4137 diamond bur (ø 2,5 mm) was used on the roots' most coronal 3,5 mm region to simulate extensive loss of tooth structure. The prepared roots (n=33) received different types of fiberglass posts, which were fixed with self-adhesive resin cement (RelyXÔ U200, 3M ESPE), and were randomly divided into 3 groups: 1) conventional glass fiber posts; 2) relined glass fiber posts; 3) glass fiber posts milled on CAD/CAM units. After posts fixing procedure, each root (n=30) was sectioned in different root thirds (coronal, medium and apical), originating 2 specimens/third in a total 6 specimens/root, that were submitted to push-out bond strength test. Other additional root from each experimental group (n=3) was prepared and analyzed using Scanning Electron Microscopy to describe the marginal adaptation to radicular dentin, presence of voids and thickness of the resin cement film, in each root third (coronal, medial and apical. To perform statistical analysis, alpha was preset at 0.05 and 80% power test. The values of bond strength and root third was analyzed using One-way ANOVA and Tukey post-hoc test. The relined fiberglass post group presented better performance than the other two groups at the coronal level (8,92 MPa) (p=0,010). Additionally, the relined fiber post group was also the only group which bond strength values were influenced by root third, and the apical third reported the worst results (4,51MPa) (p=0,037). Therefore, it was concluded that the type of fiberglass post and the root third affected the bond strength to root dentin.


Assuntos
Técnica para Retentor Intrarradicular , Resinas Compostas , Cimentos de Resina , Propriedades Físicas , Materiais Dentários , Pinos Dentários , Dentina , Resistência de Materiais , Técnicas In Vitro
14.
Belo Horizonte; s.n; 2019. 138 p. ilus, tab, graf.
Tese em Inglês, Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1016420

RESUMO

Dentes bovinos têm sido utilizados como substitutos aos humanos em pesquisas odontológicas. Entretanto, faltam dados que suportem o uso da dentina radicular bovina, sobretudo, que analisem o efeito da idade nas propriedades do substrato. Assim, analisou-se o efeito da idade nos aspectos morfológicos, químicos e físicos das dentinas radiculares humana e bovina, em função dos terços da raiz. Trata-se de um estudo experimental, in vitro, aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa (COEP-UFMG 1.803.933) e pela Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUAUFMG 372/2016). A amostra foi composta por dentes unirradiculares, cujas dentinas radiculares foram categorizadas em: humana jovem (HJ, 20-30 anos); humana madura (HM, acima de 60 anos); bovina jovem (BJ, 24-36 meses); e bovina adulta (BA, acima de 48 meses). Os dentes foram seccionados abaixo da junção amelocementária e ao longo eixo da raiz, para a obtenção de hemisecções. Uma hemisecção foi escolhida e cortes foram feitos para a obtenção dos espécimes, conforme cada método de análise. Para as análises dos aspectos morfológicos ­ número, diâmetro e área dos túbulos dentinários ­ os espécimes foram analisados em Microscópio Eletrônico de Varredura. A composição química foi analisada por Espectroscopia de Raios X por Dispersão em Energia, Espectroscopia por Comprimento de Onda Dispersivo e Espectroscopia Raman por Transformada de Fourier. Na análise das propriedades mecânicas, os espécimes foram submetidos aos testes de nanoindentação, resistência à flexão em três pontos e compressão. Para a análise da resistência ao cisalhamento por extrusão, as raízes receberam tratamento endodôntico e foram fixados pinos de fibra de vidro com cimentos resinosos (dual convencional e autoadesivo). As raízes foram seccionadas nos terços radiculares e os espécimes testados em máquina universal de ensaios. Adicionalmente, avaliou-se o grau de conversão dos cimentos resinosos. Os dados foram analisados em software estatístico, nível de significância de 5%. A HM apresentou os menores valores para número, diâmetro e área de túbulos dentinários (p<0,05). A HM apresentou maiores valores de cálcio, razão Ca/P e concentração mineral relativa, com diminuição na organização e qualidade do colágeno (p<0,05). A HM apresentou os maiores valores de nanodureza, módulo de elasticidade e resistência à compressão, mas os menores valores de resistência à flexão e módulo de elasticidade à flexão (p<0,05). A HM apresentou os menores valores de resistência de união, com diferenças entre os terços radiculares (p<0,05). O grau de conversão dos cimentos apresentou uma diminuição ao longo dos terços radiculares (p<0,05). Concluiu-se que a idade possui um efeito nos aspectos morfológicos, químicos e físicos da dentina radicular humana, sem efeito na dentina bovina. Assim, quando da necessidade de substituição da dentina radicular humana pela bovina em pesquisas, é necessário considerar o efeito da idade nos desfechos analisados.


Bovine teeth have been used as a substitute for human teeth in dental research. However, there is a lack of data that support the use of bovine root dentin, mainly, that analyze the effect of age on the properties of the substrate. Thus, the effect of age on the morphological, chemical and physical aspects of human and bovine root dentin was analyzed, in function of the root thirds. This is an in vitro experimental study, approved by the Research Ethics Committee (protocol number: 1.803.933) and the Ethics Committee on the Use of Animals (protocol number: 372/2016). The sample was composed of single-rooted teeth and root dentin was categorized into: young human (YH, 20-30 years); old human (OH, above 60 years); young bovine (YB, 24-36 months); and adult bovine (AB, over 48 months). The roots were sectioned below the cement-enamel and longitudinally to produce two hemi-sections. One hemi-section was chosen and sections were made to obtain the specimens, according to each method of analysis. For the analyzes of the morphological aspects - number, diameter and area of the dentinal tubules - the specimens were analyzed in Scanning Electron Microscope. The chemical composition was analysed by Energy Dispersive Spectroscopy, Wavelength Dispersive Spectroscopy and Fourier Transformed Raman Spectroscopy. In the analysis of the mechanical properties, the specimens were submitted to nano-indentation, three-point flexural and compression tests. For the analysis of the push-out bond strength test, the roots received endodontic treatment and fiber post with resin cements (conventional and selfadhesive dual) were fixed. The roots were sectioned in the root thirds and the specimens tested in a universal testing machine. Additionally, the degree of conversion of the resin cements was evaluated. The data were analyzed in statistical software, level of significance of 5%. The OH presented the lowest values for number, diameter and area of dentinal tubules (p<0.05). OH showed higher values of calcium, Ca/P ratio and relative mineral concentration, with decrease in the organization and quality of the collagen (p<0.05). The OH showed the highest values of nano-hardness, elastic modulus and compressive strength, but the lowest values of flexural strength and flexural modulus (p<0.05). The OH presented the lowest values of bond strength, with differences among the root thirds (p<0.05). The degree of conversion of the cements showed a decrease along the root thirds (p<0.05). It was concluded that age has an effect on the morphological, chemical and physical aspects of human root dentin, with no effect on bovine dentin. Thus, when it is necessary to replace the human root dentin by the bovine in research, it is necessary to consider the effect of age on the analysed outcomes.


Assuntos
Raiz Dentária , Cimentos de Resina , Pinos Dentários , Dentina , Fraturas por Compressão , Módulo de Elasticidade , Resistência à Flexão , Testes de Dureza , Microscopia
15.
Braz. dent. sci ; 22(1): 124-134, 2019. tab, ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-986965

RESUMO

This study evaluated fracture resistance values and failure mode of weakened roots restored with cast post and core, fiber post and anatomical posts. In vitro studies, published in English, Portuguese and Spanish, that evaluated weakened roots restored with at least two of mentioned strategies were searched for in three databases MEDLINE, PubMed and Scopus until June 2017; there was no restriction regarding the publication year. Fracture resistance values were obtained, and the following comparisons: cast post and core vs. fiber post and vs. anatomical post and fiber post vs. anatomical post were performed. Meta-analyses were conducted using the random effects model to calculate the combined effect of the difference between the averages. Six articles were included in the study. There was no significant difference between the fracture resistance values, but more catastrophic failures were observed on cast post and core, and the included studies presented a low risk of bias for the most domains. It was concluded that weakened roots restored with the searched strategies seem to have similar fracture strength, but fiber and anatomic post decreases the possibility of catastrophic failure. (AU)


Este estudo avaliou os valores de resistência à fratura e modo de falha de raízes fragilizadas restauradas com núcleos metálicos fundidos, pinos de fibra de vidro e pinos anatômicos. Foram pesquisados estudos in vitro, publicados em inglês, português e espanhol, que avaliaram raízes fragilizadas restauradas com pelo menos duas das estratégias citadas, em três diferentes bases de dados MEDLINE, PubMed e Scopus até junho de 2017; não houve restrição quanto ao ano de publicação. Os valores de resistência à fratura foram obtidos, e as seguintes comparações foram feitas: núcleo metálico fundido vs. pino de fibra de vidro e vs. pino anatômico e pino de fibra de vidro vs. pino anatômico. Meta-análises foram realizadas utilizando o modelo de efeitos randômicos para calcular o efeito combinado da diferença entre as médias. Seis artigos foram incluídos no estudo. Não houve diferença significativa entre os valores de resistência à fratura, mas foram observadas mais falhas catastróficas nos núcleos metálicos fundidos, e os estudos incluídos apresentaram um baixo risco de viés para a maioria dos domínios. Pode-se concluir que raízes fragilizadas, restauradas com as estratégias pesquisadas, parecem ter semelhante resistência à fratura, porém os pinos anatômicos e de fibra de vidro diminuem as possibilidades de falha catastrófica (AU)


Assuntos
Raiz Dentária , Falha de Restauração Dentária , Pinos Dentários
16.
Journal of Oral Investigations ; 7(1): 52-61, jan.-jun. 2018. ilus
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-915472

RESUMO

Introdução: Pinos pré-fabricados de fibra de vidro possuem boas propriedades mecânicas e estéticas. Porém, estes podem não se adaptar bem em canais amplos ou excessivamente cônicos prejudicando sua retenção ao canal radicular. Uma alternativa para esta desvantagem, é a utilização da técnica de pino anatômico. Objetivo: O objetivo do relato de caso foi apresentar a técnica de confecção de um pino fibra de vidro anatômico em dente anterior com reduzido remanescente coronário e ampla embocadura do canal radicular. Relato de Caso: Paciente masculino, 49 anos, procurou atendimento odontológico com queixa da aparência estética de seus dentes anteriores superiores. Após remoção de uma coroa metalocerâmica e um pino-núcleo metálico fundido do elemento 12, foram confeccionados um pino de fibra de vidro anatômico, núcleo de preenchimento e coroa provisória. Foram realizadas as facetas em resina composta nos elementos 13, 11, 21, 22 e 23. Uma coroa de cerâmica reforçada por dissilicato de lítio (IPS e.max CAD, Ivoclar Vivadent) foi cimentada no elemento 12. Conclusões: Através da técnica pino de fibra de vidro anatômico, é possível reabilitar dentes anteriores tratados endodonticamente sem a utilização de pinos metálicos, apresentando bons resultados estéticos. Entretanto, uma condição oclusal dentro dos princípios de uma oclusão mutuamente protegida deve ser almejada para garantir longevidade da restauração(AU)


Introduction: Prefabricated glass fiber posts present good mechanical and esthetic proprieties. However, these may not fully fit in large canal or excessively conical damaging your retention in the root canal. An alternative to this disadvantage, it is the use of post anatomic technique. Aim: the aim of the case report was to present the technique to obtain an anatomic glass fiber post in anterior teeth with reduced coronal remaining and large access of the root canal. Case Report: Man patient 49 year-old searched dental care with complaint of the esthetic appearance of your anterior maxillary teeth. After the removal of a metalceramic crown and a cast core and post of the tooth 12, an anatomic glass fiber post, resin core and interim crown were performed. Direct composite resin veneers were performed in the teeth 13, 11, 21, 22 and 23. A crown of reinforced lithium disilicate ceramic (IPS e.max CAD, Ivoclar Vivadent) was luted at tooth 12. Conclusions: It is possible to restore endodontically treated teeth without to use metal posts presenting improved esthetic results using the technique of anatomic glass fiber post. However, an occlusal condition concerning the principles of protected occlusion must be founded to guarantee a long-term restoration(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Pinos Dentários , Técnica para Retentor Intrarradicular , Dente não Vital , Resinas Compostas , Estética Dentária , Vidro
17.
J Contemp Dent Pract ; 19(5): 541-545, 2018 May 01.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-29807964

RESUMO

AIM: The purpose was to compare the fracture strength between restorations containing the metal pin (MP) and those containing the glass fiber pin (GFP). MATERIALS AND METHODS: Forty-five healthy bovine anterior teeth were used in this study. A preparation of 4 mm × 4 mm was created on the incisal surface of each tooth. All teeth were prepared in the same way. The teeth were randomly divided into three groups (n = 15): group I-control: teeth restored with resin composite (RC) only, without reinforcement; group II-Each tooth was restored with a MP and RC; group III-Each tooth was restored with a GFP and RC. The specimens were left in an oven at a temperature of 37°C for 24 hours before performing the fracture strength tests. The fracture strength test was performed in a universal test machine at an angle of 90°. RESULTS: The Tukey test (p ≤ 0.05) showed that for the variable maximum force (kgf), there was no statistically significant difference among the groups (p = 0.272). The chi-square test showed that groups II and III presented over 70% of cohesive-adhesive type fractures when compared with group I (over 70% of adhesive fractures), and this difference was statistically significant (p < 0.05). CONCLUSION: The pins tested did not increase the fracture resistance of the restorations (RC) in comparison with group I (without reinforcement); however, with the use of the MP and GFP, there was a predominance of cohesive-adhesive fractures (groups II and III). CLINICAL SIGNIFICANCE: Evaluate if the new GFP can generate greater resistance to fracture of RC restorations.


Assuntos
Resinas Acrílicas , Resinas Compostas , Pinos Dentários , Restauração Dentária Permanente/métodos , Análise do Estresse Dentário , Resistência à Flexão , Vidro , Incisivo , Teste de Materiais , Poliuretanos , Animais , Bovinos , Metais
18.
Prótesenews ; 5(2): 162-170, abr.-jun. 2018. tab, ilus
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-906263

RESUMO

Este artigo descreveu, através de uma revisão da literatura, conceitos atuais acerca da cimentação adesiva de pinos de fibra de vidro. Já que a união entre cimento resinoso, pino e dentina assume um papel importante na longevidade do tratamento protético restaurador. Na presente revisão, foram discutidos tópicos como a influência da espessura do cimento, as estratégias adesivas que podem ser utilizadas e fatores que podem influenciar na escolha do tipo de cimento resinoso a ser utilizado, os métodos indicados para a inserção desses cimentos no interior do conduto radicular e os conceitos referentes ao tratamento de superfície, tanto do pino de fibra como da superfície dentinária.


This paper has described through current literature concepts the adhesive cementation of fiberglass posts since the adhesive union between resin cement, post and dentin plays an important role in the longevity of the restorative and prosthetic treatment. The present review discussed topics such as: the influence of cement thickness, the adhesive strategies that can be used and factors that may influence the choice of the type of resin cement to be used, the methods indicated for the insertion of these cements inside the root canal, and concepts regarding the surface treatment of both post and dentin surfaces.


Assuntos
Humanos , Cimentos Dentários , Pinos Dentários , Técnica para Retentor Intrarradicular
19.
Rio de Janeiro; s.n; 2018. 51 p. ilus, tab.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-1009847

RESUMO

A realização do retratamento endodôntico pode ser considerada um desafio, principalmente quando existe um pino intrarradicular. Este estudo avalia, através da microtomografia computadorizada (micro-CT), a formação de microfissuras e o desgaste dentinário após a remoção ultrassônica de pinos de fibra de vidro cimentados com dois tipos de cimento resinoso. Quarenta molares inferiores tiveram suas raízes distais instrumentadas com o sistema Wave-One (Dentsply Maillefer) e obturadas com guta-percha e cimento AH-Plus (Dentsply Maillefer). Após presa do cimento, tiveram o espaço para o pino intrarradicular preparado com a broca calibradora nº0,5 do sistema White Post DC (FGM Produtos Odontológicos). A seguir, foram divididas em dois grupos, de acordo com o cimento utilizado na cimentação do pino: G1= sistema adesivo convencional de três passos (Adapter Scothbond Scotchbond Multi-Uso Plus, 3M/ESPE) e cimento RelyX ARC (3M/ESPE) e G2= cimento autoadesivo RelyX U200 (3M/ESPE). Após uma semana, os pinos foram removidos por desgate com brocas de alta rotação e pontas de ultrassom diamantadas. A análise por microtomografia computadorizada foi realizada em três tempos: após a cavidade de acesso, antes da cimentação do pino e após sua remoção. O volume do canal radicular antes e após a remoção do pino foi calculado e os cortes transversais foram analisados para a presença de microfissuras, e estas, quando presentes, foram medidas. A diferença volumétrica causada pelo desgaste entre os grupos foi avaliada pelo Teste Mann Whitney e a diferença entre a ocorrência de microfissuras entre os grupos foi avaliada pelo Teste Qui-Quadrado, com nível de significância de 0,05. Os resultados mostraram que houve o surgimento de uma nova microfissura em um canal em cada grupo, não havendo diferença estatisticamente significativa entre os grupos em relação ao volume do canal radicular tanto inicial, quanto final, nem quanto à ocorrência de microfissuras (p>0,05). A remoção dos pinos de fibra causou um aumento significativo de desgaste dentinário, independente do tipo de cimento (p<0,05). A remoção de pinos por desgaste gerou perda dentinária. Entretanto, não causou o aparecimento significativo de microfissuras ao longo da raiz, sugerindo ser um método seguro na remoção de pinos de fibra de vidro. (AU)


Endodontic retreatment can be considered a challenge, especially when an intraradicular post exists. This study evaluates, using computerized microtomography (micro-CT), the formation of microcracks and dentin volume changes after the ultrasonic removal of glass-fiber posts cemented with two types of resin cement. Forty lower molars had their distal roots instrumented with the Wave-One system (Dentsply Maillefer) and filled with gutta-percha and AH-Plus (Dentsply Maillefer) sealer. After the sealer was seized, post space was prepared with the calibration drill #0,5 from the White Post DC system (FGM Produtos Odontológicos). Specimens were divided into two groups according to the resin sealer: G1: Three-step etch-and-rinse adhesive (Adapter Scothbond Scotchbond Multi-purpose Plus, 3M/ESPE) + RelyX ARC (3M/ESPE) resin sealer and G2: RelyX U200 (3M/ESPE) self-adhesive resin sealer. After a week, posts were removed by high-speed drills and diamond-tipped ultrasonic tips. The Micro CT analysis was performed in three stages: after the access cavity, before posts cementation and after its removal. The root canal volume before and after posts removal was calculated and cross sections were analyzed for the presence of microcracks, and these, when present, were measured. The volumetric difference caused by wear among the groups was evaluated by the Mann Whitney Test and the difference between the occurrence of microcracks between the groups was evaluated by the Chi-Square Test, with a significance level of 0.05. The results showed that there was no statistically significant difference between the groups in relation to both the initial and final root canal volumes or the occurrence of microcracks (p> 0.05). Fiber posts removal caused a significant increase in dentin loss, regardless of the type of sealer (p <0.05). Removal of posts due to wear did not cause significant appearance of microcracks along the root, suggesting to be a safe method in the removal of glass-fiber posts. However, it generates dentin loss. (AU)


Assuntos
Humanos , Remoção de Dispositivo/efeitos adversos , Pinos Dentários/tendências , Microtomografia por Raio-X , Ultrassom , Dente Molar
20.
Full dent. sci ; 9(36): 87-95, 2018. ilus, tab
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-994753

RESUMO

Um fator de insucesso bastante frequente na terapia com núcleos metálicos fundidos é a fratura radicular dos dentes suportes. Essa situação é afetada pela quantidade de estrutura coronária remanescente, bem como o tipo de liga metálica utilizado. O objetivo deste estudo é comparar as tensões e sua distribuição em um dente incisivo central superior. Para isto, este dente foi reconstruído virtualmente a partir de uma tomografia computadorizada e, por fim, exportado para um software de edição de modelos visuais Ansys Design Modeler v10 (Ansys Inc., Canonsburg, PA, EUA). Foram analisados ainda, neste trabalho, a variação de três fatores de projeções dentinárias, bem como suas interações. Houve a criação de grupos: um modelo controle sem projeção e outros catorze modelos variando a projeção dentinária e o material utilizado na confecção do núcleo metálico fundido. A disponibilidade de 1,5 mm de estrutura dentária cervical remanescente, que proporciona o efeito férula, aumenta a resistência à fratura da raiz, fratura do núcleo e deslocamento do núcleo. A presença da férula resulta, também, em uma menor tensão na dentina do que a sua ausência. Dessa forma, a presença da férula, a altura do remanescente e o material utilizado para a confecção do núcleo metálico fundido são variáveis que afetam diretamente as tensões que atuam sobre o dente tratado endodonticamente (AU).


A frequent failure factor in the therapy with molten metal cores is the root fracture of tooth holders. This situation can be affected by the quantity of coronary remanescent structure as well as the type of alloy used. The aim of this study is to compare the tensions and their distribution in a maxillary central incisor tooth. Therefore, this tooth was virtually reconstructed from a computed tomography and finally exported to a visual models editing software Ansys Design Modeler v10 (Ansys Inc., Canonsburg, PA, USA). In this work were also analyzed the variation of three factors of dentin projections, as well as their interactions. There was the creation of groups: a model control without projection and fourteen other models varying the dentin projection and the material used in the manufacturing of the molten metal core. The availability of 1.5 mm remanescent cervical tooth structure, which provides the ferrule effect, increases resistance of root fracture, of core fracture, and core displacement. The ferrule presence also results in less tension on dentin than in its absence. Thus, the presence of ferrule, the remanescent height and the material used to manufacture the molten metallic core are variables that directly affect the tensions actuating on the endodontically treated tooth (AU).


Assuntos
Fraturas dos Dentes/diagnóstico , Análise de Elementos Finitos , Materiais Dentários , Pinos Dentários , Endodontia/métodos , Brasil , Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico/instrumentação
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...