Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 10.688
Filtrar
1.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46794

RESUMO

No ano em que exerce a presidência pró-tempore do Brics (arranjo de países emergentes composto também por China, Rússia, Índia e África do Sul), o Brasil coordenará diversos encontros com o intuito de propor temas prioritários para ações entre os países membros. Prestes a completar 120 anos, a Fiocruz assumiu o papel estratégico de fortalecer, no âmbito do Brics, uma de suas experiências mais exitosas de cooperação horizontal: a Rede Global de Bancos de Leite Humano.


Assuntos
Bancos de Leite , Leite Humano , Sistema Único de Saúde , Política de Saúde , Atenção à Saúde , Cooperação Horizontal , Brasil
2.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46761

RESUMO

Sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus, que pode ser fatal. Sua transmissão ocorre quando o doente tosse, fala, espirra ou respira próximo de outras pessoas. A única maneira de evitar o sarampo é pela vacina.


Assuntos
Sarampo , Vacina contra Sarampo , Epidemias , Sistema Único de Saúde
3.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46762

RESUMO

Calendário de vacinação do SUS para cidadãos de todas as idades.


Assuntos
Programas de Imunização , Sistema Único de Saúde , Vacinação
4.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46763

RESUMO

A imunização correta pode evitar essas doenças. A primeira dose da tríplice viral deve ser ministrada aos 12 meses de idade. Aos 15 meses, uma dose da vacina tetraviral (sarampo, caxumba, rubéola e varíola), que corresponde à segunda dose da vacina tríplice e uma dose da varicela.


Assuntos
Vacina contra Sarampo-Caxumba-Rubéola , Vacinação , Programas de Imunização , Sistema Único de Saúde
5.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde, LIS-fiocruz-SI | ID: lis-LISBR1.1-46752

RESUMO

A questão indígena no Brasil.


Assuntos
Saúde de Populações Indígenas , Sistema Único de Saúde
6.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde, LIS-fiocruz-SI | ID: lis-LISBR1.1-46753

RESUMO

Como é, na prática, o atendimento às comunidades indígenas no Sistema Único de Saúde? As tradições das aldeias são respeitadas? Ficou curioso!? Descubra no SAIBA MAIS! A nossa convidada do dia será Rayanne França Baré, do Ambulatório de Saúde Indígena do Hospital Universitário de Brasília - UnB.


Assuntos
Serviços de Saúde do Indígena , Acesso Efetivo aos Serviços de Saúde , Meios de Comunicação de Massa , Sistema Único de Saúde
7.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46710

RESUMO

Medida reforça alimentação nos primeiros anos de vida com adição direta de vitaminas e minerais em pó aos alimentos.


Assuntos
Nutrição do Lactente , Sistema Único de Saúde , Suplementos Nutricionais , Alimentos Infantis
8.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46711

RESUMO

Com o objetivo de prevenir anemia e controlar carências nutricionais na infância, o Ministério da Saúde realizou nesta segunda-feira (2) o lançamento nacional do NutriSUS, estratégia que beneficiará mais de 330 mil crianças de 1.717 municípios brasileiros. Para a ação, que estará presente em 6.864 creches, o Ministério da Saúde investiu R$ 7,5 milhões para a aquisição de sachês de vitaminas e minerais que irão fortificar a alimentação ofertada nas creches participantes do Programa Saúde na Escola (PSE). Para 2015 está previsto um investimento de R$ 12,5 milhões para a compra de 40 milhões de sachês. Os sachês multivitamínicos da ação, feita em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) e Ministério da Educação, começarão a ser utilizados na suplementação das crianças já no primeiro semestre do ano letivo.


Assuntos
Nutrição do Lactente , Suplementos Nutricionais , Sistema Único de Saúde
9.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46712

RESUMO

Com o objetivo de potencializar o pleno desenvolvimento infantil, a prevenção e o controle das deficiências de vitaminas e minerais na infância, o Ministério da Saúde lança o programa NutriSUS - Estratégia de fortificação da alimentação infantil com micronutrientes (vitaminas e minerais) em pó. A coordenadora geral de Alimentação e Nutrição (CGAN) do Ministério da Saúde, Patrícia Jaime, explica que serão distribuídos, a partir de agosto, sachês com 15 micronutrientes na alimentação de crianças de seis meses a 3 anos e 11 meses matriculadas em creches participantes do Programa Saúde na Escola (PSE).


Assuntos
Nutrição do Lactente , Suplementos Nutricionais , Alimentos Infantis , Sistema Único de Saúde
10.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46682

RESUMO

Para combater as Fake News sobre saúde, o Ministério da Saúde, de forma inovadora, está disponibilizando um número de WhatsApp para envio de mensagens da população. Vale destacar que o canal não será um SAC ou tira dúvidas dos usuários, mas um espaço exclusivo para receber informações virais, que serão apuradas pelas áreas técnicas e respondidas oficialmente se são verdade ou mentira.


Assuntos
Notícias , Comunicação , Saúde Pública , Sistema Único de Saúde
11.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46658

RESUMO

O site traz informações sobre a importância da doação de leite materno; a Rede de Bancos de Leite Humano; a Campanha Nacional de Doação de Leite; Quem pode doar leite materno; Mitos e verdades sobre a doação de leite materno e Contatos dos Bancos de Leite Humano no Brasil.


Assuntos
Bancos de Leite , Leite Humano , Promoção da Saúde , Sistema Único de Saúde
12.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46659

RESUMO

As experiências vividas pela criança, nos primeiros anos de vida, são fundamentais para a formação do adulto que ela será no futuro. Por isso, é muito importante que a criança cresça em um ambiente saudável, cercada de afeto e com liberdade para brincar. Com o objetivo de promover e proteger a saúde da criança e o aleitamento materno, o Ministério da Saúde instituiu a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Criança (PNAISC).


Assuntos
Saúde da Criança , Programas de Imunização , Vacinação , Políticas Públicas de Saúde , Sistema Único de Saúde
13.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46660

RESUMO

Microcefalia é uma malformação congênita em que o cérebro não se desenvolve de maneira adequada. Essa malformação pode ser efeito de uma série de fatores de diferentes origens, como substâncias químicas e infecciosas, além de bactérias, vírus e radiação. Em relação ao aleitamento materno, como não há evidência científica que demonstre a transmissão do vírus Zika pelo leite, o Ministério da Saúde recomenda que seja mantida a amamentação contínua até os dois anos ou mais, sendo ele exclusivo até os seis primeiros meses de vida da criança.


Assuntos
Zika virus , Leite Humano , Infecção por Zika virus , Microcefalia , Recém-Nascido , Gestantes , Sistema Único de Saúde , Saúde da Criança
14.
Rev. enferm. UFSM ; 9: 17, jul. 15, 2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1009362

RESUMO

"\"\\\"[{\\\\\\\"text\\\\\\\": \\\\\\\"Objetivo: analisar a acessibilidade organizacional de uma Unidade de Saúde da Família. Método: pesquisa qualitativa na modalidade de estudo de caso, realizada em uma Unidade de Saúde da Família de um\\\\\\\\r\\\\\\\\nmunicípio do Rio Grande do Sul, no período de fevereiro a julho de 2012. Resultados: a equipe não se\\\\\\\\r\\\\\\\\nresponsabiliza pela recepção dos usuários, interferindo na acessibilidade; as falhas de comunicação entre equipe e usuários, com ausência de acolhimento, prejudicam a resolutividade das necessidades dos usuários; identificou-se que o absenteísmo está relacionado à falta de escuta e singularização; os trabalhadores não se comprometem com a condução de casos. Contudo, linhas de cuidado estão em construção. Conclusões: é necessário qualificar a recepção e a oferta de serviços, fortalecer a organização interna da Unidade e investir na comunicação entre equipe e usuários e com outros pontos de atenção, estabelecendo fluxos assistenciais e redes articuladas.\\\\\\\", \\\\\\\"_i\\\\\\\": \\\\\\\"pt\\\\\\\"}, {\\\\\\\"text\\\\\\\": \\\\\\\"Objective to analyze accessibility to a Family Health Center. Method: qualitative research in the form\\\\\\\\r\\\\\\\\nof case study, carried out in a Family Health Center from a township in the State of Rio Grande do Sul, from\\\\\\\\r\\\\\\\\nFebruary to July 2012. Results: the team does not take responsibility for the users' reception, which interferes in accessibility; miscommunication between staff and users, and the fact that professionals do not welcome the users undermines the staff's ability to solve the users' needs; it was identified that absenteeism was related to a lack of listening and to the absence of personalized care; professionals do not commit to handling the cases. However, lines of care are being created. Conclusions: it is necessary to qualify the reception and service offer, to strengthen the internal organization of the Unit and to invest in the communication between staff and users and with other units, establishing care flows and articulated networks.\\\\\\\", \\\\\\\"_i\\\\\\\": \\\\\\\"en\\\\\\\"}, {\\\\\\\"text\\\\\\\": \\\\\\\"Objetivo: analizar la accesibilidad organizacional de una Unidad de Salud de la Familia. Método:\\\\\\\\r\\\\\\\\ninvestigación cualitativa, en la modalidad estudio de casos, realizada en una Unidad de Salud de la Familia, en un municipio de Rio Grande do Sul, en el período de febrero a julio de 2012. Resultados: el equipo no se responsabiliza por la recepción de los usuarios, lo que interfiere en la accesibilidad; hay fallas de comunicación entre el equipo y los usuarios y ausencia de recepción, lo que perjudica la resolución de las necesidades de los usuarios; se identificó que el ausentismo está relacionado con la falta de atención y personalización; el equipo no se compromete con el manejo de los casos. Sin embargo, se están elaborando líneas de atención. Conclusiones: es necesario calificar la recepción y la prestación de servicios, fortalecer la organización interna de la Unidad e invertir en la comunicación entre el equipo y los usuarios y con otros puntos de atención, estableciendo flujos asistenciales y redes articuladas.\\\\\\\", \\\\\\\"_i\\\\\\\": \\\\\\\"es\\\\\\\"}]\\\"\""


Assuntos
Humanos , Atenção Primária à Saúde , Sistema Único de Saúde , Continuidade da Assistência ao Paciente , Assistência à Saúde
15.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 11(4): 862-867, jul.-set. 2019. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1005593

RESUMO

Objetivo: Avaliar a influência das ações de alimentação dos Sistemas de Informação utilizados na Atenção Primária a Saúde (APS) sobre os cuidados de enfermagem ao indivíduo ou comunidade. Método: Pesquisa quantitativa, com enfermeiros da Atenção Primária. Utilizaram-se os testes ANOVA one-way, Kruskal-Wallis e correlação de Spearman com significância de 5% e confiança de 95%. Resultados: A maioria dos enfermeiros era mulher (94,5%), 34,4 anos de idade, 8,8 anos de formação, sendo 7,6 anos atuando na atenção primária, especialista e concursada. Observou-se associação negativa (p-valor = 0,008) entre tempo destinado às atividades de alimentação dos sistemas e o tempo de atenção aos pacientes. Conclusão: O estudo aponta a influência das ações gerenciais voltadas aos sistemas de informação sobre a atenção prestada aos indivíduos/comunidade


Objective: To evaluate the influence of the feeding actions of the Information Systems used in Primary Health Care (PHC) on nursing care to the individual or community. Methods: Quantitative research with primary care nurses. One-way ANOVA, Kruskal-Wallis and Spearman correlation with significance of 5% and 95% confidence were used. Results: The majority of the nurses were women (94.5%), 34.4 years old, 8.8 years of training, and 7.6 years working in primary care, specialist and bankrupt. A negative association (p-value = 0.008) was observed between time spent feeding the systems and patient care time. Conclusion: The study points out the influence of the managerial actions directed to the information systems on the attention given to the individuals / community


Objetivo: Evaluar la influencia de las acciones de alimentación de los Sistemas de Información utilizados en la Atención Primaria a la Salud (APS) sobre los cuidados de enfermería al individuo o comunidad. Método: Investigación cuantitativa, con enfermeros de la Atención Primaria. Se utilizaron las pruebas ANOVA de una forma, Kruskal-Wallis y correlación de Spearman con significancia del 5% y confianza del 95%. Los resultados: La mayoría de los enfermeros eran mujeres (94,5%), 34,4 años de edad, 8,8 años de formación, siendo 7,6 años actuando en la atención primaria, especialista y concursada. Se observó asociación negativa (p-valor = 0,008) entre tiempo destinado a las actividades de alimentación de los sistemas y el tiempo de atención a los pacientes. Conclusión: El estudio apunta la influencia de las acciones gerenciales dirigidas a los sistemas de información sobre la atención prestada a los individuos / comunidad


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Atenção Primária à Saúde , Sistemas de Informação/organização & administração , Troca de Informação em Saúde , Cuidados de Enfermagem , Sistema Único de Saúde
16.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46631

RESUMO

Embora a brucelose humana chame atenção dos sistemas de saúde em todo o mundo por ser uma doença que apresenta importantes impactos, desde o ponto de vista ocupacional, problemas sanitários e até prejuízos econômicos, ela ainda é pouco conhecida, de difícil diagnóstico, subnotificada e negligenciada.


Assuntos
Doenças Negligenciadas , Brucelose , Zoonoses , Brucella , Saúde Pública , Sistema Único de Saúde , Laticínios , Carne
17.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46632

RESUMO

Serviço qualificado das Portas de Entrada Hospitalares de Urgência, das enfermarias clínicas de retaguarda, dos leitos de cuidados prolongados e dos Leitos de Unidade de Terapia Intensiva pertencentes à Rede de Atenção às Urgências.


Assuntos
Emergências , Cuidados Críticos , Saúde Pública , Sistema Único de Saúde
18.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46610

RESUMO

A atenção domiciliar (AD) é a forma de atenção à saúde oferecida na moradia do paciente e caracterizada por um conjunto de ações de promoção à saúde, prevenção e tratamento de doenças e reabilitação, com garantia da continuidade do cuidado e integrada à Rede de Atenção à Saúde. Com abordagens diferenciadas, esse tipo de serviço está disponível no Sistema Único de Saúde (SUS) e é oferecido de acordo com a necessidade do paciente, a partir do atendimento de diferentes equipes.


Assuntos
Sistema Único de Saúde
19.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46612

RESUMO

Garantir à população brasileira o acesso seguro e o uso racional de plantas medicinais e fitoterápicos, promovendo o uso sustentável da biodiversidade, o desenvolvimento da cadeia produtiva e da indústria nacional. Esse é o objetivo da Política e do Programa Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos, que propõe a ampliação das opções terapêuticas e melhoria da atenção à saúde aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).


Assuntos
Plantas Medicinais , Programas Nacionais de Saúde , Medicamentos Fitoterápicos , Sistema Único de Saúde
20.
Recurso na Internet em Português | LIS - Localizador de Informação em Saúde | ID: lis-LISBR1.1-46614

RESUMO

A principal meta da Política Nacional de Saúde Bucal é a reorganização da prática e a qualificação das ações e serviços oferecidos no país, reunindo medidas para garantir ações de promoção, prevenção e recuperação da saúde bucal dos brasileiros de todas as idades, com ampliação do acesso ao tratamento odontológico gratuito por meio do SUS


Assuntos
Sistema Único de Saúde , Saúde Bucal , Assistência Odontológica
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA