Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 2.155
Filtrar
1.
Acta Paul. Enferm. (Online) ; 32(4): 470-476, Jul.-Ago. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1010818

RESUMO

Resumo Objetivo Avaliar as evidências científicas disponíveis na literatura sobre a associação entre Síndrome de Burnout e Síndrome Metabólica. Métodos Revisão integrativa da literatura, com buscas nas bases de dados do Cumulative Index to Nursing and Allied Health Literature, National Library of Medicine National Institutes of Health, Web of Science, Scopus, Cochrane Library, Latin American and Caribbean Center on Health Sciences Information, Scientific Eletronic Library Online e Springer Link. Os artigos selecionados foram analisados de acordo com a Agency for Healthcare Research and Quality. Resultados A maioria (80%) dos 5 artigos que atenderam aos critérios de seleção estava na língua inglesa e indexada nas bases de dados Web of Science e Scopus. Dentre os trabalhos, 80% tinham médicos como autores principais. O continente asiático (Israel, Japão e China) concentrou a maior parte de produção. Não ocorreu predominância de desenho de estudo. A área financeira correspondeu a 60% do público pesquisado. Conclusão As evidências disponíveis na literatura são incipientes, apenas 20% dos artigos elegíveis apresentou associação entre as síndromes estudadas e os demais, indicam associação entre Burnout e componentes da SM separadamente.


Resumen Objetivo evaluar las evidencias científicas disponibles en la literatura sobre la asociación entre el síndrome de burnout y el síndrome metabólico. Métodos revisión integradora de la literatura, con búsquedas en las bases de datos del Cumulative Index to Nursing and Allied Health Literature, National Library of Medicine National Institutes of Health, Web of Science, Scopus, Cochrane Library, Latin American and Caribbean Center on Health Sciences Information, Scientific Eletronic Library Online y Springer Link. Los artículos seleccionados fueron analizados de acuerdo con la Agency for Healthcare Research and Quality. Resultados la mayoría (80%) de los cinco artículos que cumplieron los criterios de selección estaba en inglés e indexada en las bases de datos Web of Science y Scopus. Entre los trabajos, 80% tenía médicos como autores principales. El continente asiático (Israel, Japón y China) concentró la mayor parte de la producción. No ocurrió predominio de diseño de estudio. El área financiera correspondió al 60% del público investigado. Conclusión las evidencias disponibles en la literatura son incipientes, solo el 20% de los artículos elegibles presentó asociación entre los síndromes estudiados y los demás indican asociación entre burnout y componentes del SM separadamente.


Abstract Objective To evaluate the scientific evidence available in the literature on the association between Burnout Syndrome and Metabolic Syndrome. Methods Integrative literature review, searching the databases of the Cumulative Index to Nursing and Allied Health Literature, National Library of Medicine, National Institutes of Health, Web of Science, Scopus, Cochrane Library, Latin American and Caribbean Center on Health Sciences Information, Scientific Eletronic Library Online and Springer Link. The selected articles were analyzed according to the Agency for Healthcare Research and Quality. Results Most (80%) of the 5 studies that met the selection criteria were in English language and indexed in the Web of Science and Scopus databases. Among the studies, 80% had physicians as the main authors. The Asian continent (Israel, Japan and China) concentrated the majority of production. There was no predominance of study design. The financial area corresponded to 60% of the study participants. Conclusion The available evidence in the literature is incipient, only 20% of the eligible articles showed association between the syndromes studied and the others, indicate association between Burnout and MS components separately.

2.
Acta Paul. Enferm. (Online) ; 32(4): 464-469, Jul.-Ago. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1010822

RESUMO

Resumo No contexto atual encontramos brincadeiras que envolvem tecnologias avançadas, como o uso de notebooks, smartphones e videogames, sejam no cenário hospitalar, ambulatorial, em clínicas ou em casa, esses dispositivos inovadores estão inseridos na promoção, prevenção, tratamento e recuperação da saúde. Diante do exposto, este estudo tem como objetivo descrever através de revisão integrativa a utilização de jogos eletrônicos na atenção à saúde da criança e adolescentes. Trata-se de uma revisão da literatura nacional e internacional, dos artigos publicados entre os anos de 2007 a 2017, que abordam as implicações do uso de jogos eletrônicos. A coleta de dados foi realizada no período entre janeiro e abril de 2018, por meio de consulta na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), selecionando-se as bases de dados (MEDLINE, LILACS e BDENF) utilizando os Descritores em Ciências da Saúde (DeCS), pela Biblioteca Virtual em Saúde (BVS). Foram utilizados os seguintes descritores: "Criança hospitalizada/ Child Hospitalized"; "Jogos de vídeo/Video Games"; "Promoção da saúde/Health Promotion". A análise foi realizada a partir da amostra final com 11 artigos. Diante dos achados, foi possível identificar que a literatura aborda questões relacionadas na utilização de jogos eletrônicos. Temáticas relacionadas com promoção, prevenção, tratamento e recuperação da saúde em situações de doenças crônicas e o estímulo de atividades físicas, foram evidenciados no estudo. Com isso, percebe-se a relevância que os profissionais de saúde, em especial os de enfermagem, têm em saber que os jogos eletrônicos podem auxiliar no cuidado de crianças com doenças agudas ou crônicas, que estejam ou não hospitalizadas.


Resumen En el contexto actual, encontramos juegos que incluyen tecnologías avanzadas, como el uso de notebooks, smartphones y videojuegos. Ya sea en el escenario hospitalario, ambulatorio, en clínicas o en casa, estos dispositivos innovadores están incorporados en la promoción, prevención, tratamiento y recuperación de la salud. Ante lo expuesto, este estudio tiene el objetivo de describir, a través de revisión integradora, la utilización de juegos electrónicos en la atención en salud de niños y adolescentes. Se trata de una revisión de la literatura nacional e internacional de artículos publicados entre 2007 y 2017, que abordan las implicaciones del uso de juegos electrónicos. La recolección de datos se realizó en el período entre enero y abril de 2018, por medio de consulta en la Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), donde se seleccionaron las bases de datos (MEDLINE, LILACS y BDENF) y se utilizaron los descriptores en Ciencias de la Salud (DeCS), de la Biblioteca Virtual em Saúde (BVS). Fueron utilizados los siguientes descriptores: "Niño hospitalizado/ Child Hospitalized"; "Videojuegos/Video Games"; "Promoción de la salud/Health Promotion". El análisis fue realizado a partir de la muestra final con 11 artículos. Entre los descubrimientos, fue posible identificar que la literatura aborda cuestiones relacionadas con la utilización de juegos electrónicos. En el estudio se observaron temáticas relacionadas con promoción, prevención, tratamiento y recuperación de la salud en situaciones de enfermedades crónicas y el estímulo de actividades físicas. De esta forma, se percibe la relevancia que los profesionales de la salud, en especial los de enfermería, tienen en saber que los juegos electrónicos pueden ayudar en el cuidado de niños con enfermedades agudas o crónicas, que estén hospitalizados o no.


Abstract In the current context we find games that involve advanced technologies, such as the use of notebooks, smartphones and video games, whether in the hospital, outpatient, medical clinic, or home setting, these innovative devices are integrated into health promotion, prevention, treatment, and recovery. This study aimed to describe, using an integrative review, the use of electronic games in child and adolescent health care. This was a review of national and international literature; articles published between the years 2007 and 2017, which addresses the implications of electronic game usage. Data collection was performed between January and April of 2018, in the Virtual Health Library (VHL), selecting databases (MEDLINE, LILACS and BDENF) using the VHL Health Sciences Descriptors (DeCS). The following descriptors were used: "Criança hospitalizada/ Hospitalized Child"; "Jogos de vídeo/Video Games"; "Promoção da saúde/Health Promotion". The analysis was performed from the final sample of 11 articles. The literature addresses issues related to the use of electronic games. Issues related to health promotion, prevention, treatment and recovery in situations of chronic diseases, and the stimulation of physical activities were evidenced in the study. This findings showed the relevance for health professionals, especially nurses, to know that electronic games can help in the care for children with acute or chronic diseases, whether or not they are hospitalized.

3.
Ciênc. Saúde Colet ; 24(8): 2895-2908, ago. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1011882

RESUMO

Resumo Realizou-se revisão integrativa que objetivou identificar e analisar publicações nacionais sobre motivos para a não notificação de incidentes de segurança do paciente por profissionais no contexto dos serviços de saúde brasileiros. Em janeiro de 2017 realizou-se busca no Portal da Biblioteca Virtual em Saúde, PubMed e Web of Science, por publicações dos últimos 10 anos. Identificou-se 1.007 publicações e, após aplicação dos critérios de inclusão e exclusão, analisou-se 8 artigos, sendo 5 de abordagem qualitativa e 3 quantitativa. Todas as pesquisas foram desenvolvidas em hospitais, exclusivamente com profissionais da enfermagem, sendo que 75% em serviços do Sudeste do país. A maioria dos estudos evidenciou subnotificação de incidentes, principalmente devido a: medo ou receio em notificar; notificação focada em eventos mais graves, falta de conhecimento sobre o tema ou como notificar e centralização da notificação no profissional enfermeiro. Embora o estudo desta temática seja incipiente no Brasil, a presente revisão encontrou importantes fragilidades e motivos apontados pelos profissionais para a não notificação de incidentes, revelando a necessidade de incentivar sua participação, eliminando ou reduzindo barreiras, com o objetivo de fortalecer a segurança dos pacientes.


Abstract An integrative review was performed to identify and analyze national studies on barriers to patient safety incident reporting by health professionals within Brazilian health services. A search in the Virtual Health Library (BVS) Portal, PubMed and Web of Science was performed in January 2017 for papers published in the last ten years. One thousand and seven publications were identified and, following application of inclusion and exclusion criteria, eight papers were analyzed, five of which were qualitative and three quantitative. All research was conducted in hospitals, exclusively with nursing professionals, and 75% was conducted in Southeast Brazil. Most studies showed an under-reporting of incidents, and the main reasons were fear about reporting, reporting focused on more severe incidents, lack of knowledge about the subject or how to report and, registered nurse-centered reporting. While study of this theme is still incipient in Brazil, this review found important weaknesses in the process and barriers to incident reporting by professionals, revealing a need for encouraging their participation, eliminating or reducing such barriers with a view to strengthening patient safety.

4.
Ciênc. Saúde Colet ; 24(8): 2859-2870, ago. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1011892

RESUMO

Resumo Objetivou-se identificar e analisar na literatura nacional e internacional se e como o tema da violência é abordado nos estudos de políticas públicas de atenção ao idoso albergado em Instituição de Longa Permanência para Idosos. Realizou-se revisão integrativa da literatura publicada entre 2010 e agosto de 2016. Foram consultadas as principais bases bibliográficas utilizando-se os descritores: "idoso", "políticas públicas","instituição de longa permanência para idosos","asilo", "casa de repouso" e "ILPI", nos idiomas português, inglês e espanhol. Analisou-se 77 artigos, sendo 12 brasileiros e 65 estrangeiros, dos quais 30 são dos Estados Unidos. A análise mostrou que muitos países possuem políticas de cuidados de longa duração que regem as modalidades dos serviços que os fornecem. Somente oito artigos abordaram a questão da violência no interior das ILPI no âmbito das políticas de proteção ao idoso e afirmam que países da América Latina e da Ásia precisam avançar nesta pauta e colocar o tema da violência contra idosos na agenda de prioridades. Nenhum artigo brasileiro abordou o tema diretamente, embora tenha ficado claro que paira sobre as ILPI a negligência institucional e outras formas de violências.


Abstract This paper aimed to identify and analyze in national and international literature whether and how the theme of violence is addressed in the studies of public policies for older adults in Long-Term Care Institutions (LTCI). We conducted an integrative review of the published literature between 2010 and August 2016. The primary bibliographic databases were consulted using descriptors "idoso", "políticas públicas", "instituição de longa permanência para idosos", "asilo", "casa de repouso" and "ILPI" in Portuguese and their equivalent in English and Spanish. A total of 77 papers were analyzed, of which 12 were Brazilian and 65 were foreign (of these, 30 were from the U.S.). The analysis showed that many countries have long-term care policies governing the modalities of service providers. Only eight works addressed the issue of violence within LTCIs within older adults' protection policies, and affirm that countries in Latin America and Asia must advance this agenda and place the issue of violence against seniors on the agenda of priorities. No Brazilian paper addressed the issue directly, although it has become clear that neglect and other forms of violence hang over Long-Term Care Institutions for the Elderly (LTCIEs).

5.
Ciênc. Saúde Colet ; 24(7): 2499-2512, jul. 2019. tab, graf
Artigo em Espanhol | LILACS-Express | ID: biblio-1011831

RESUMO

Resumen El objetivo de esta revisión integrativa fue identificar y analizar artículos científicos sobre la participación de las personas usuarias en las políticas públicas de salud mental. Se realizó una búsqueda bibliográfica durante los meses de noviembre 2016-mayo 2017 en las bases de datos Pubmed, Scielo y Lilacs. La muestra de la revisión integrativa quedó constituida por siete artículos relevantes que se adecuaron a los criterios de inclusión. Los documentos obtenidos fueron analizados a partir del software de análisis hermenéutico Atlas Ti 6.1. Como resultado, se constató un creciente reconocimiento legislativo y gubernamental de la participación de las personas usuarias de servicios de salud mental en políticas públicas; la persistencia de cuestionamientos sobre su "capacidad" para participar; una diversidad de barreras que dificultan su participación exitosa; y algunas estrategias para fortalecer esta participación. Uno de los principales desafíos identificados se vincula a la necesidad de superar las creencias prejuiciosas y estigmatizantes que operan como barreras a su participación efectiva, y construir las adecuaciones necesarias que posibiliten que las personas con discapacidad psicosocial puedan participar en igualdad de condiciones que los demás.


Abstract The scope of this integrative review was to identify and analyze scientific articles regarding user participation in public policies of mental health. A bibliographic search was performed between November 2016 and May 2017 in the Pubmed, Scielo and Lilacs databases. The sample of the integrative review was comprised of seven relevant articles that met the inclusion criteria. The documents obtained were analyzed using Atlas Ti 6.1 hermeneutic analysis software. As a result, the review found a growing legislative and governmental recognition of user participation in public policies of mental health; persistent questions about their "capacity" to participate; several barriers to successful participation; and some strategies to bolster this participation. One of the main challenges identified is to overcome prejudiced and stigmatizing beliefs that operate as barriers to effective user participation, and to build the necessary adaptations that enable people with psychosocial disabilities to participate on equal terms with the rest of the population.

6.
Ciênc. Saúde Colet ; 24(7): 2543-2555, jul. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1011852

RESUMO

Resumo A AIDS é uma manifestação clínica avançada da infecção pelo HIV. Gera imunodeficiência grave e inúmeras infecções associadas, podendo levar à morte. A disponibilidade da Terapia Antirretroviral (TARV) diminuiu a morbi-mortalidade do HIV/AIDS, mas seus benefícios dependem da adesão ao tratamento. Esta revisão integrativa da literatura seguiu a estratégia PICO para identificar os fatores associados à adesão à TARV em adultos. Foram consultadas as bases Medline, SciELO, Lilacs e PePSIC e incluídos artigos publicados entre janeiro de 2010 e dezembro de 2016. Foram analisados 125 artigos, quanto às características dos estudos, medidas de adesão e fatores associados. Os resultados mostraram grande variação na definição da adesão e no uso das medidas para seu monitoramento, além de inúmeros fatores associados à adesão. Os quais foram agrupados nas categorias: 1. variáveis individuais; 2. características do tratamento; 3. características da infecção pelo HIV/AIDS; 4. relação com o serviço de saúde e 5. apoio social. É importante que os serviços caracterizem o perfil dos usuários, sistematizem as medidas de adesão e avaliem regionalmente fatores associados à adesão, para a detecção precoce da não adesão à TARV e estabelecimento de planos efetivos de intervenção.


Abstract AIDS is an advanced clinical manifestation of HIV infection. It generates severe immunodeficiency and associated infections that may lead to death. The antiretroviral therapy (ART) has reduced the morbimortality of HIV/AIDS, but its benefits depend on ART adherence. This integrative review followed the PICO method to identify factors associated with adult adherence to ART. Empirical papers published between January 2010 and December 2016 in the Medline, SciELO, Lilacs and PePSIC databases were included. We analyzed 125 papers regarding the characteristics of studies, adherence measures and associated factors. Results showed a wide variety in the definition of adherence and the use of measures for its monitoring, as well as several adherence-associated factors. These were categorized as follows: 1- Individual variables; 2- Treatment characteristics; 3- HIV/aids infection characteristics; 4- Relationship with the health services; 5- Social support. Health services should characterize the users' profiles, systematize adherence measures and regionally assess adherence-associated factors for the early detection of non-adherence to ART and implementation of effective intervention plans.

7.
Ciênc. Saúde Colet ; 24(7): 2513-2530, jul. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1011855

RESUMO

Resumo A detecção e o monitoramento do déficit cognitivo em idosos são necessários já que podem causar impacto em sua funcionalidade. O objetivo dessa revisão integrativa é analisar a produção científica sobre uso de instrumentos de avaliação cognitiva em idosos brasileiros por meio de artigos publicados nos últimos cinco anos, indexados nas bases de dados Web of Science, PubMed, Scopus e Bireme. Os critérios de inclusão foram: artigos originais publicados em inglês e português, de 2012 a 2016, com critério de idade definido para ser considerado idoso, e escore maior que 6 no CASP adaptado. O critério de exclusão foi: ser resumo de congresso. A amostra final foi composta por 100 artigos. Foram apresentados os 61 instrumentos de avaliação cognitiva utilizados nos estudos, com destaque para o Mini Exame do Estado Mental. Essa revisão apresenta o uso de instrumentos cognitivos na pesquisa brasileira, suas diferentes versões e quais domínios são avaliados. O número de instrumentos presentes na literatura foi amplo. Os mais utilizados foram o MEEM (versão de Brucki e colaboradores), o Teste de Fluência Verbal (categoria animais) e o Teste Span de dígitos (ordem direta e inversa). Os achados apresentados nessa revisão são relevantes não apenas para área da pesquisa observacional e experimental, mas também para a prática clínica.


Abstract Detecting and monitoring cognitive deficits in elderly populations are necessary, as they can impact individuals´ functionality. This integrative review aims to analyze the scientific production on the use of cognitive assessment instruments in Brazilian elderly individuals through articles published in the last five years, indexed in the Web of Science, Pubmed, Scopus and Bireme databases. Inclusion criteria were original articles published in English and Portuguese from 2012 to 2016, the age criterion to define elderly individuals and scores higher than 6 in the adapted CASP. The exclusion criterion was conference abstracts submitted for publication. The final sample consisted of 100 articles. Sixty-one cognitive assessment instruments were used in the studies, especially the Mini-Mental State Examination. This review features the use of cognitive instruments in the Brazilian literature, their different versions and domains evaluated. The literature includes a large number of instruments. The most used tests were the MMSE (version proposed by Brucki et al.), the Verbal Fluency Test ("animal" category) and the Digit Span Memory Test (forward span and backward span). The findings presented in this review are relevant not only for observational and experimental research but also for clinical practice.

8.
Rev. SOBECC ; 24(2): 99-106, abr-.jun.2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1006174

RESUMO

Objetivo: Analisar a literatura científica a respeito da comunicação por meios eletrônicos entre profissionais de saúde. Método: Revisão integrativa da literatura, realizada nas bases de dados e/ou portais PubMed, Biblioteca Virtual em Saúde e Cochrane, até agosto de 2018, com descritores combinados, que respondem à pergunta norteadora: "Como ocorre a comunicação eletrônica entre os profissionais de saúde na assistência ao paciente? ”. Resultados: Seis artigos foram incluídos, publicados de 2011 a 2016, no idioma Inglês. Os recursos foram smartphone, pager e tablet. Os aplicativos utilizados foram WhatsApp, Medigram e Serviço de Mensagens Curtas (SMS). Agilidade, facilidade de uso e auxílio na tomada de decisão foram as vantagens encontradas no uso desse recurso na comunicação dos profissionais; dentre as desvantagens estão ausência de privacidade e de confidencialidade das informações, interrupções na assistência e inabilidade no uso do recurso tecnológico. Conclusão: O uso de aplicativos para troca de mensagens e comunicação interdisciplinar de fato proporciona agilidade na comunicação, mas a confidencialidade desses dados ainda é uma questão a ser tratada. Assim, cabe ao enfermeiro conduzir a comunicação com os demais profissionais, preservando a privacidade do paciente.


Purpose: To analyze scientific literature regarding the communication via electronic means between health professionals. Method: Integrative revision of the literature carried through databases and/or portals PubMed, Virtual Health Library and Cochrane, until August 2018, with combined describers, who answer to the leading question: "How does the electronic communication between health professionals in patient assistance occur?". Results: Six articles were included, published from 2011 to 2016 in the English language. Features were smartphone, pager and tablet. The applications used were WhatsApp, Medigram and Short Message Service (SMS). Agility, ease of use and support in decision-making were the advantages found in the use of this resource in the communication of professionals; among the disadvantages are lack of privacy and confidentiality of information, interruptions in assistance and inability to use the technological resource. Conclusion: The use of applications for messaging and interdisciplinary communication does indeed provide agility in communication, but the confidentiality of such data is still an issue to be addressed. Thus, it is up to the nurse to conduct communication with the other professionals, preserving the patient's privacy


Objetivo: Analizar la literatura científica acerca de la comunicación por medios electrónicos entre profesionales de salud. Método: Revisión integrativa de la literatura, realizada en las bases de datos y/o portales PubMed, Biblioteca Virtual em Salud y Cochrane, hasta agosto de 2018, con descriptores combinados, que responden a la pregunta orientadora: "¿Cómo ocurre la comunicación electrónica entre los profesionales de salud en la asistencia al paciente?". Resultados: Seis artículos fueron incluidos, publicados de 2011 a 2016, en el idioma Inglés. Los recursos fueron teléfono inteligente,pager y tablet. Las aplicaciones utilizadas fueron Whatsapp, Medigram y Servicio de mensajes cortos (SMS). Agilidad, facilidad de uso y ayuda em la tomada de decisión fueron las ventajas encontradas en el uso de ese recurso en la comunicación de los profesionales; entre las desventajas están la ausencia de privacidad y de confidencialidad de las informaciones, interrupciones em la asistencia e inhabilidad en el uso del recurso tecnológico. Conclusión: El uso de aplicaciones para el intercambio de mensajes y la comunicación interdisciplinaria de hecho proporciona agilidad en la comunicación, per la confidencialidad de estos datos sigue siendo una cuestión a tratar. Así, corresponde al enfermero conducir la comunicación con os demás profesionales, preservando la privacidad del paciente.


Assuntos
Humanos , Assistência ao Paciente , Enfermagem , Revisão , Comunicação , Confidencialidade
9.
Rev. Ciênc. Plur ; 5(1): 52-70, jun. 2019. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1007343

RESUMO

Introdução:Os serviços de emergência médica exigem do profissional da saúde uma pronta resposta às demandas de cada paciente. Nesse contexto, o estresse laboral pode ser extremamente destrutivo não só para o trabalhador, mas também para o serviço de saúde prestado.Objetivo:Assim, este estudo tem como objetivo analisar os fatores desencadeantes do estresse laboral em profissionais de saúde que trabalham em serviços de emergência médica.Metodologia:Para isso, foi realizada uma revisão integrativa de literatura, tendo como fonte as basesde dados Lilacs, MedLinee Scielo. Foram incluídos estudos transversais ou longitudinais em inglês, português ou espanhol sem restrição de período de publicação que tinham como objetivo avaliar os níveis de estresse em profissionais de saúde que trabalham em serviços de emergência médica. Logo, nove artigos transversais e dois longitudinais foram incluídos, totalizando onze artigos.Resultados:Como resultado, observou-se que uma série de fatores ambientais (más condições de trabalho, atividades de administração) e pessoais(união estável, menor tempo de serviço) são associados ao estresse laboral. Todavia, principalmente os fatores relacionados ao ambiente são passíveis de intervenção.Conclusões:Dessa forma, surge a necessidade de políticas de melhoria do ambiente de trabalho e de empoderamento do profissional de saúde que trabalha em serviços de emergência médica (AU).


Introduction:The emergency medical services require the health professional to respond promptly to the demands of each patient. In this context, work stress can be extremely destructive not only for the worker, but also for the health service provided. Objective:Thus, this study aims to analyze the factors that trigger work stress in health professionals working in emergency medical services.Methods:For this, a integrative review of the literature was performed, based on the Lilacs, MedLineand Scielodatabases. We included cross-sectional or longitudinal studies in English, Portuguese or Spanish without restriction of publication period that aimed to evaluate stress levels in health professionals working in emergency medical services. Therefore, nine transverse and two longitudinal articles were included, totaling eleven articles.Results:As a result, it was observed that a series of environmental factors (poor working conditions, administration activities) and personal factors (stable union, shorter working time) are associated with work stress. However, mainly environmental factors are amenable to intervention.Conclusions:Thus, there is a need for policies to improve the work environment and the empowerment of the health professional working in emergency medical services (AU).


Assuntos
Pessoal de Saúde , Pessoal de Saúde/psicologia , Serviços Médicos de Emergência/métodos , Estresse Ocupacional/psicologia , Brasil , Saúde Pública , Revisão
10.
Rev. Ciênc. Plur ; 5(1): 71-88, jun. 2019. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1007352

RESUMO

Introdução: Durante a trajetória histórica que envolve a política de saúde infantil no Brasil, houve pontos positivos e negativos no processo de cuidar, implementado por meio das políticas públicas. Nesse sentido, em vários anos e décadas, foram propostas diretrizes novas que vão ao encontro de uma assistência qualificada à saúde da criança. Objetivo: Analisar a trajetória histórica das políticas de saúde infantil no Brasil verificando as tendências do coeficiente de mortalidade infantil. Método: Revisão integrativa consolidada a partir de pesquisa realizada em documentos de domínio público, disponíveis em formato digital na rede de internet. Foram coletados dados sobre a saúde infantil do período de 1930 a 2016. Resultados: Entre 1930 e 2015 observa-se uma redução na taxa de mortalidade infantil e melhoria na economia do país, além da implantação de várias políticas com ações voltadas diretamente com o objetivo desta redução. Porém, em 2016, um ano após a implantação da última política infantil, observou-se um aumento com 10,2% na taxa de mortalidade infantil referente ao ano anterior. Conclusões: Dessa forma, este estudo mostra que nos últimos 80 anos a taxa de mortalidade infantil vem reduzindo concomitantemente com o aumento de implantações de políticas. Todavia, foi possível ver que ainda se faz necessário melhorias e uma atenção mais direcionada a esta parte da população (AU).


Introduction:During the historical trajectory that involves the policy of children's health in Brazil, there were positive and negative points in the care process, implemented through public policies. In this sense, in several years and decades, new guidelines have been proposed that meet assistance qualified child health care.Aim:To analyze the historical trajectory of child health policies in Brazil by verifying trends in the infant mortality coefficient.Methods:Consolidated integrative review based on research carried out in public domain documents, available in digital format on the internet network. Data were collected on child health from the period 1930 to 2016.Results:Between 1930 and 2015, there is a reduction in the infant mortality rate and improvement in the country's economy, as well as the implementation of several policies with actions aimed directly at the objective of this reduction. However, in 2016, one year after the implementation of the last child policy, there was a 10.2% increase in the infant mortality rate in relation to the previous year.Conclusions:Thus, this study shows that in the last 80 years the infant mortality rate has been reducing concomitantly with the increase in policy implementation. However, it was possible to see that there is still a need for improvements and more targeted attention to this part of the population (AU).


Assuntos
Política Pública , Brasil , Mortalidade Infantil , Saúde da Criança
11.
Rev. psicol. organ. trab ; 19(1): 549-554, jun. 2019. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-985803

RESUMO

O termo florescimento é um conceito advindo da psicologia positiva e se mostra importante no contexto do trabalho por se relacionar a uma condição de prosperidade, felicidade, engajamento, automotivação, satisfação e bem-estar. Este artigo teve como objetivo realizar uma revisão integrativa da literatura de estudos relacionados ao florescimento no trabalho, dos últimos dez anos. Foram realizadas buscas em quatro bases de dados (Scielo, BVS-Psi, Periódicos Capes e EBSCO Host) e, após os critérios de seleção, restaram oito artigos incluídos nas análises. Foram analisados o delineamento, participantes, instrumentos, país de origem, objetivos, assim como os resultados e o conceito de florescimento no trabalho. Ainda há poucos estudos sobre o tema, e buscou-se compreender o conceito de florescimento no trabalho e suas implicações para este contexto.


The term flourishing is a concept that comes from positive psychology and is important in the context of work because it relates to a condition of prosperity, happiness, commitment, self-motivation, satisfaction, and well-being. The objective of this article was to carry out an integrative review of the literature from the last 10 years on studies related to flourishing at work. Four databases were searched (Scielo, BVS-Psi, Capes Periodicals, and EBSCO Host) and, following the selection criteria, eight articles were included in the analysis. We analyzed the design, participants, instruments, country of origin, objectives, as well as the results and the concept of flourishing at work. There are still few studies on this subject, and we sought to understand the concept of flourishing at work and its implications for this context.


El término florecimiento es un concepto que procede de la psicología positiva y se muestra importante en el contexto del trabajo por relacionarse con una condición de prosperidad, felicidad, compromiso, automotriz, satisfacción y bienestar. Este artículo tuvo como objetivo realizar una revisión integrativa de la literatura de estudios relacionados con el florecimiento en el trabajo, de los últimos 10 años. Se realizaron búsquedas en cuatro bases de datos (Scielo, BVS-Psi, Periódicos Capes y EBSCO Host) y, tras los criterios de selección, quedaron ocho artículos incluidos en los análisis. Se analizaron el delineamiento, participantes, instrumentos, país de origen, objetivos, así como los resultados y el concepto de florecimiento en el trabajo. Todavía hay pocos estudios sobre el tema, y se buscó comprender el concepto de florecimiento en el trabajo y sus implicaciones para este contexto.

12.
Acta Paul. Enferm. (Online) ; 32(3): 341-349, Mai.-Jun. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1010803

RESUMO

Resumo Objetivo Avaliar a aplicabilidade e os resultados do uso da simulação nos processos de capacitação de estudantes e profissionais de enfermagem sobre violência no trabalho. Métodos Revisão integrativa da literatura que seguiu recomendações metodológicas para responder à questão: a simulação pode ajudar estudantes e trabalhadores de enfermagem a lidarem com a violência no trabalho? Construiu-se estratégias de busca a partir de operadores booleanos e termos relacionadas à simulação e violência no trabalho, que foram inseridas ao CINAHL, MEDLINE e Proquest Central juntamente com os demais filtros. Dois revisores independentes selecionaram os estudos mediante critérios e houve análise do nível de evidência. Resultados Nove estudos foram selecionados e revelaram a flexibilidade da simulação pela possibilidade de utilizá-la com diferentes propósitos em capacitações. Identificou-se nos estudos que houve o uso de recursos variados de simulação, assim como a abordagem de diferentes tópicos de violência. Os cenários com pacientes ou agressores e a violência com origem no paciente foram os mais frequentes. Os estudos indicaram benefícios da simulação, mas nem todos os resultados foram consensuais. Conclusão A simulação é um recurso com potencial de ajudar estudantes e profissionais de enfermagem a lidarem com casos de violência no trabalho, prevenindo sua ocorrência ou reduzindo danos. Os estudos neste tema são recentes e várias necessidades de pesquisa emanam da aliança entre simulação e violência no trabalho, algumas das quais destacadas nesta revisão e que podem orientar a construção de evidências mais robustas.


Resumen Objetivo Evaluar la aplicabilidad y los resultados del uso de simulacros en procesos de capacitación de estudiantes y profesionales de enfermería sobre violencia en el trabajo. Métodos Revisión integradora de literatura que sigue recomendaciones metodológicas para responder la pregunta: ¿los simulacros pueden ayudar a los estudiantes y trabajadores de enfermería a lidiar con la violencia en el trabajo? Se elaboraron estrategias de búsqueda a partir de operadores booleanos y términos relacionados con simulacros y violencia en el trabajo, que fueron ingresadas al CINAHL, MEDLINE y Proquest Central junto con los demás filtros. Dos revisores independientes seleccionaron los estudios mediante criterios y se realizó un análisis del nivel de evidencia. Resultados Se seleccionaron nueve estudios que revelaron la flexibilidad de realizar simulacros por la posibilidad de utilizarlos con diferentes propósitos en capacitaciones. En los estudios, se observó el uso de recursos variados de simulacros, así como el enfoque de diferentes tópicos de violencia. Los escenarios con pacientes o agresores y la violencia con origen en el paciente fueron los más frecuentes. Los estudios indicaron los beneficios de los simulacros, pero no hubo consenso en todos los resultados. Conclusión Los simulacros son un recurso con potencial para ayudar a estudiantes y profesionales de enfermería a lidiar con casos de violencia en el trabajo, mediante prevención de incidentes o reducción de daños. Los estudios sobre este asunto son recientes y surgen varias necesidades de investigación de la alianza entre simulacro y violencia en el trabajo, algunas de las cuales se destacan en esta revisión y pueden orientar la construcción de evidencias más firmes.


Abstract Objective To evaluate the applicability and results of the use of simulation in nursing students and professionals' training on violence at work. Methods Integrative review of literature that met methodological guideline to answer the question: can simulation help nursing students and workers understand and deal with workplace violence? It was developed search strategies from Boolean operators and terms related to simulation and violence at work, which were inserted into CINAHL, MEDLINE and ProQuest Central along with the other filters. Two independent reviewers selected the studies using criteria and there was an analysis of the level of evidence. Results Nine studies were selected and showed the flexibility of the simulation by the possibility of using it with different purposes in training. It was identified in the studies the use of many simulation resources, as well as the approach of different topics of violence. The settings with patients or aggressors and violence starting with the patient were the most frequent. The studies pointed out benefits of the simulation, but not all results were consensual. Conclusion Simulation is a resource capable of helping nursing students and professionals to deal with cases of workplace violence, preventing it to occur or reducing damage. Studies on this topic are recent and several research needs emanate from the alliance between simulation and violence at work, some of which are highlighted in this review and that may guide the gathering of stronger evidence.

13.
Acta Paul. Enferm. (Online) ; 32(3): 350-357, Mai.-Jun. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1010804

RESUMO

Resumo Objetivo Identificar na literatura nacional e internacional, estudos sobre a eficácia de métodos não farmacológicos na redução da dor do parto. Métodos Revisão integrativa realizada nas bases de dados MEDLINE/PUBMED, SCOPUS, CINAHL, LILACS e BDENF, com recorte temporal entre os anos de 2013 a 2018, em português, inglês e espanhol. Utilizado a metodologia PICo para construir a pergunta de pesquisa e selecionar descritores controlados e não controlados, que foram combinados com os operadores booleanos "AND", "OR" e "NOT". Resultados Foram selecionados 19 artigos. Dentre os métodos não farmacológicos encontrados, destacam-se: a acupuntura e suas principais variações (acupressão e auriculoterapia) (29,17%), hidroterapia (25%), exercícios perineais com a bola suíça (16,67%), terapias térmicas (8,33%) e os demais métodos (20,83%). Conclusão A acupuntura e a acupressão agem tanto sobre aspectos fisiológicos da dor como sobre sua subjetividade. O banho quente de aspersão, a musicoterapia, a aromaterapia e as técnicas de respiração promovem o relaxamento e a diminuição dos níveis de ansiedade. As terapias térmicas contribuem para a analgesia local de regiões afetadas pela dor. Os exercícios na bola suíça são importantes para reduzir a dor e adotar a posição vertical, importante na progressão do trabalho de parto.


Resumen Objetivo Identificar en la literatura nacional e internacional estudios sobre la eficacia de métodos no farmacológicos para reducir el dolor de parto. Métodos Revisión integradora realizada en las bases de datos MEDLINE/PUBMED, SCOPUS, CINAHL, LILACS y BDENF, con un recorte temporal entre los años 2013 y 2018, en portugués, inglés y español. Se utilizó la metodología PICO para elaborar la pregunta de investigación y seleccionar descriptores controlados y no controlados, que fueron combinados con los operadores booleanos "AND", "OR" y "NOT". Resultado Se seleccionaron 19 artículos. Entre los métodos no farmacológicos encontrados, se destacan: la acupuntura y sus principales variantes (acupresión y auriculoterapia) (29,17%), hidroterapia (25%), ejercicios perineales con pelota suiza (16,67%), terapias térmicas (8,33%) y demás métodos (20,83%). Conclusión La acupuntura y la acupresión actúan tanto sobre aspectos fisiológicos del dolor, como sobre su subjetividad. La ducha caliente, la musicoterapia, la aromaterapia y las técnicas de respiración promueven la relajación y la reducción de los niveles de ansiedad. Las terapias térmicas contribuyen como analgésico local en regiones afectadas por el dolor. Los ejercicios con pelota suiza son importantes para reducir el dolor y adoptar la posición vertical, importante en la progresión del trabajo de parto.


Abstract Objective To identify studies on the efficacy of non-pharmacological methods in reducing labor pain in the national and international literature. Methods Integrative review in the MEDLINE/PUBMED, SCOPUS, CINAHL, LILACS, and BDENF databases, limiting to studies published between 2013 and 2018, in Portuguese, English, and Spanish. The PICo methodology was used to build the research question and select the controlled and uncontrolled descriptors, which were combined with the "AND", "OR," and "NOT" Boolean operators. Results A total of 19 articles were selected. The non-pharmacological methods found were: acupuncture and its core variations (acupressure and auriculotherapy) (29.17%), hydrotherapy (25%), perineal exercises with the Swiss ball (16.67%), thermal therapies (8.33%), and other methods (20.83%). Conclusion Acupuncture and acupressure worked on both physiological aspects of pain and the subjective nature of pain. The warm bath, music therapy, aromatherapy, and breathing techniques promoted relaxation and decreased the levels of anxiety. Thermal therapies contributed to local analgesia in regions affected by pain. Exercises with the Swiss ball were important for pain relief, and the vertical position was important for labor.

14.
Acta Paul. Enferm. (Online) ; 32(3): 334-340, Mai.-Jun. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1010807

RESUMO

Resumo Objetivo Identificar as principais literaturas científicas sobre o cuidado prestado ao agressor familiar frequente e apresentar as experiências exitosas mais relevantes. Métodos Revisão integrativa da literatura, com busca de artigos publicados entre os anos de 2008 a 2017, nas bases de dados MEDLINE, CINAHL e SciELO. Resultados Dos 1.496 artigos identificados, 15 atenderam aos critérios de inclusão. A análise desses estudos revelou duas categorias: Fatores intervenientes à agressividade intrafamiliar e Medidas exitosas para cuidado ou reabilitação de agressores familiares. Conclusão Há escassez de produção sobre a temática em países emergentes. Aspectos como padrões intergeracionais e vivência de situações violentas na infância podem ser intervenientes para o comportamento agressivo contra a família. São apontadas como medidas exitosas para o cuidado do agressor familiar a meditação de atenção plena, o aconselhamento pessoal, a melhoria do padrão do sono, participação em programas de prevenção e em formas de psicoterapia.


Resumen Objetivo Identificar las principales literaturas científicas sobre el cuidado ofrecido al agresor familiar recurrente y presentar las experiencias exitosas más relevantes. Métodos Revisión integradora de literatura, con búsqueda de artículos publicados entre 2008 y 2017 en las bases de datos MEDLINE, CINAHL y SciELO. Resultados De los 1496 artículos identificados, 15 cumplieron los criterios de inclusión. El análisis de estos estudios reveló dos categorías: factores intervinientes en la agresividad intrafamiliar y medidas exitosas para cuidado o rehabilitación de agresores familiares. Conclusión Hay escasez de producción sobre este tema en países emergentes. Aspectos como patrones intergeneracionales y vivencia de situaciones violentas durante la infancia pueden ser intervinientes en el comportamiento agresivo contra la familia. Se señalaron las siguientes medidas exitosas para el cuidado del agresor familiar: meditación de atención plena, consejos personales, mejora del patrón del sueño, participación en programas de prevención y tipos de psicoterapia.


Abstract Objectives Identifying the main articles in scientific literature on care of perpetrators of repeat family violence and presenting the most relevant successful experiences. Methods Integrative literature review consisting of a survey for articles published from 2008 to 2017 indexed in MEDLINE, CINAHL, and SciELO. Results Out of the 1,496 identified articles, 15 met all inclusion criteria. After analysis of all studies included, two categories were elaborated: intervening factors for intra-familial violence and successful measures for the treatment or rehabilitation of perpetrators of family violence. Conclusion Literature on the topic is scarce in emerging countries. Aspects such as intergenerational patterns and experience of violence in childhood may be intervening factors for aggressive family behavior. Mindfulness meditation, individual counseling, improvement in sleep pattern, participation in prevention programs, and forms of psychotherapy were shown to be successful measures for the care of perpetrators.

15.
Cad. Bras. Ter. Ocup ; 27(2): 426-437, abr.-jun. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1011677

RESUMO

Resumo Introdução As lesões traumáticas de membro superior frequentemente levam ao afastamento do trabalho. Assegurar a manutenção do papel ocupacional de trabalhador compõe os objetivos do terapeuta ocupacional que atua na área de saúde do trabalhador, por meio de ações de prevenção e reabilitação. Nesse sentido, é importante conhecer os fatores que influenciam no retorno ao trabalho. Objetivo Documentar evidências sobre as barreiras e facilitadores para o retorno ao trabalho de pessoas que sofreram traumas agudos em membros superiores. Método Estudo de revisão bibliográfica pelo método de revisão integrativa. A busca foi realizada nas bases de dados da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), Scielo, Lilacs, Periódicos Capes e Pubmed. Foram pesquisados artigos publicados no período entre 2005 e 2015, escritos em português, inglês ou espanhol. Resultados A amostra final é composta de 13 artigos. Após a análise qualitativa, os resultados foram agrupados em quatro categorias temáticas para a verificação das barreiras e facilitadores correspondentes: Paciente, Lesão, Reabilitação e Trabalho. A gravidade da lesão, tempo de hospitalização, número de procedimentos cirúrgicos, inserção em programa de reabilitação, reabilitação voltada ao trabalho, suporte sócio familiar e no local de trabalho foram os principais elementos identificados. Conclusão O programa de reabilitação deve ser integrado e multidisciplinar com ações voltadas ao manejo da dor, recuperação funcional e preparo para o retorno ao trabalho. O suporte sócio familiar e no ambiente de trabalho sempre que possível devem ser considerados dentro do programa de reabilitação profissional para garantir o retorno ao trabalho.


Abstract Introduction Traumatic upper limb injuries often lead to work disability. Ensuring the maintenance of the worker occupational role is a goal for occupational therapists in occupational health, using prevention and rehabilitation techniques. Therefore, it is important to know the factors that influence return to work. Objective To document evidence of barriers and facilitators elements of return to work after acute upper limb trauma. Method A review study using the integrative review approach. The search included Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), Scielo, Lilacs, Periódicos Capes and Pubmed databases. Articles that mentioned a return to work and upper limb trauma in their abstract, published between 2005 and 2015 and written in Portuguese, English or Spanish, were also used. Results The final sample consists of 13 articles, after qualitative analysis the results were grouped into four categories: Patient, Injury, Rehabilitation, and Work. Injury severity, hospitalization time, number of surgical procedures, insertion in a rehabilitation program, work-related rehabilitation, family and workplace support were the main elements identified. Conclusion The rehabilitation program should be integrated and multidisciplinary with actions aimed at pain management, functional recovery, and preparation for a return to work. Support family member and whenever possible work environment should be considered within the vocational rehabilitation program to ensure the return to work.

16.
Ciênc. Saúde Colet ; 24(6): 2293-2306, jun. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1011801

RESUMO

Resumo Os hábitos alimentares das mulheres grávidas são influenciados por diversos fatores, sendo essencial conhecê-los para poder realizar intervenções nutricionais na atenção pré-natal. O objetivo desta revisão integrativa foi analisar a produção bibliográfica sobre hábitos alimentares de gestantes brasileiras. Foram buscados artigos na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), PubMed, Scopus, Web of Science e na Scientific Eletronic Library Online (SciELO) utilizando os seguintes descritores: "Gestantes" OR "Grávidas" AND "Hábitos Alimentares" e os termos "Pregnant women" AND "Food habits" AND "Brazil" para busca em inglês. Após a adoção dos critérios de inclusão e exclusão foram analisados 18 estudos. Alguns estudos contemplaram populações específicas como adolescentes ou gestantes não obesas. O instrumento mais utilizado para investigação do consumo alimentar de gestantes foi o Questionário de Frequência Alimentar. A maioria mostrou que a dieta das gestantes precisa de melhorias, especialmente pelo baixo consumo de frutas, verduras e hortaliças, elevado consumo de açúcares, doces e gorduras. A maioria dos estudos concluiu e reforçou a importância e a necessidade da educação nutricional pelos profissionais atuantes no pré-natal. Mais estudos são necessários para compreensão mais acurada destes hábitos alimentares.


Abstract The eating habits of pregnant women are influenced by several factors, and it is essential to understand them in order to establish nutritional interventions in prenatal care. The objective of this integrative review was to analyze the bibliographic production on the eating habits of pregnant Brazilian women. A search was conducted in the Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), PubMed, Scopus, Web of Science and Scientific Electronic Library Online databases (SciELO) using the following key words: "Gestantes" or "Grávidas" and "Hábitos Alimentares" in Portuguese, and "Pregnant women" and "Eating habits" and "Brazil" in English. After the adoption of inclusion and exclusion criteria, 18 studies were analyzed. Some studies targeted specific populations such as adolescents or non-obese pregnant women. The Food Frequency Questionnaire was the instrument most often used to investigate food consumption among pregnant women. The majority of the studies revealed that the diet of pregnant women needs improvement, especially due to the low consumption of fruit, greens and vegetables, and the high consumption of sugar, sweets and fats. Most studies concluded and reinforced the importance and need for nutritional education by prenatal professionals. More studies are needed to better understand these eating habits.

17.
Enferm. univ ; 16(2): 185-195, abr.-jun. 2019. tab
Artigo em Espanhol | LILACS-Express | ID: biblio-1012021

RESUMO

Resumen Introducción: Las mujeres que padecen cáncer de mama requieren de acciones que busquen mejorar su calidad de vida, a pesar del tratamiento. La espiritualidad parece ser un mecanismo de afrontamiento a la enfermedad. Objetivo: Identificar las evidencias disponibles sobre espiritualidad, para la mejora de la calidad de vida de mujeres con cáncer de mama, por medio de una revisión integrativa como metodología. Métodos: La búsqueda fue realizada en las bases de datos: PubMed, LILACS y Scopus, en un intervalo de 10 años. Se incluyeron artículos en los idiomas: inglés, portugués y español; con una temática relacionada a la espiritualidad, calidad de vida y cáncer de mama. Resultados: La muestra final fue de 23 artículos, mismos que se analizaron y agruparon en tres categorías: Calidad de vida y espiritualidad, la espiritualidad como estrategia de afrontamiento y las intervenciones que apoyan la espiritualidad. Discusión: Mujeres con cáncer de mama de diferentes culturas y prácticas espirituales, infieren que la espiritualidad les ayudó a reorganizarse psicológicamente, por lo tanto, es importante reconocer las necesidades espirituales de estas mujeres, proporcionar un cuidado holístico y humanizado, por ende mejorar su calidad de vida. Conclusiones: Las instituciones de salud deben poner énfasis en la incorporación de prácticas espirituales y religiosas, como parte integral en el tratamiento, una vez que, en su mayoría no requieren de recursos financieros, sino de los recursos espirituales propios de cada una de estas mujeres.


Abstract Introduction: Women with breast cancer require actions aimed at improving their quality of life. Spirituality is a way to address this situation. Objective: Through an integrative review, to identify available evidence related to the use of spirituality to improve the quality of life of women with breast cancer. Methods: An integrative search was conducted on the databases of PubMed, LILACS and Scopus, considering an interval of 10 years. Articles written in English, Portuguese, and Spanish, addressing spirituality, quality of life, and breast cancer, were included. Results: The final simple contained 23 articles which were analyzed and clustered into 3 categories: quality of life and spirituality, spirituality as an addressing strategy and spirituality supporting interventions. Discussion: Women from diverse cultures and spiritual practices referred that spirituality had helped them reorganize their minds, suggesting that, it is important to consider spirituality as part of the holistic care aimed at improving the quality of life of women with breast cancer. Conclusion: Health institutions should consider incorporating spiritual and religious practices into their integral treatments, echoing the spiritual needs of patients, including women with breast cancer.


Resumo Introdução: As mulheres que sofrem de câncer de mama requerem de ações que procurem melhorar sua qualidade de vida, apesar do tratamento. A espiritualidade parece ser um mecanismo de enfrentamento da doença. Objetivo: Identificar as evidências disponíveis sobre espiritualidade, para a melhora da qualidade de vida de mulheres com câncer de mama, por meio de uma revisão integrativa como metodologia. Métodos: A busca foi realizada nas bases de dados: PubMed, LILACS e Scopus, em um intervalo de 10 anos. Incluíram-se artigos nos idiomas: inglês, português e espanhol; com una temática relacionada à espiritualidade, qualidade de vida e câncer de mama. Resultados: A amostragem final foi de 23 artigos, mesmos que foram analisados e agrupados em três categorias: Qualidade de vida e espiritualidade; a espiritualidade como estratégia de enfrentamento e as intervenções que apoiam a espiritualidade. Discussão: Mulheres com câncer de mama de diferentes culturas e práticas espirituais, inferem que a espiritualidade lhes ajudou a reorganizar-se psicologicamente, portanto, é importante reconhecer as necessidades espirituais destas mulheres, proporcionar um cuidado holístico e humanizado, por conseguinte melhorar sua qualidade de vida. Conclusões: As instituições de saúde devem dar especial atenção na incorporação de práticas espirituais e religiosas, como parte integral no tratamento, uma vez que, em sua maioria não requeiram de recursos financeiros, senão dos recursos espirituais próprios de cada uma destas mulheres.

18.
Trends Psychol ; 27(2): 293-308, Apr.-June 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-1014711

RESUMO

Abstract The present study aimed to understand how the gender category emerges in studies about adoption in the Brazilian context. The guiding question was: How do researches in the context of adoption, regarding children, parents and professionals, address gender issues? An integrative literature review was conducted on the databases LILACS, SciELO and PePISC with the descriptors adoption, gender and parentality, published between 2007 and 2017. Seventeen articles had been recovered and three categories were constituted: (a) Exercise of maternity in the context of adoption; (b) (In)visibility of paternity in the discussion about adoptive parenting; (c) Homoparentality: meanings of reproductive technology and adoption. The studies brought to light reflections about adoptive parenting and adoptive homoparentality, as well as highlighting the way these couples exercise their parental roles. It is concluded that understanding how parental roles are exercised in these different realities makes it possible to understand different family arrangements, opening more space for families by adoption. It is recommended to expand the gender discussions in order to provide questions and tensions for this scenario, dialoguing with different developmental and clinical perspectives.


Resumo O presente estudo teve por objetivo compreender como a categoria gênero emerge nos estudos sobre adoção no contexto brasileiro. A pergunta norteadora foi: de que forma as pesquisas realizadas no contexto da adoção, que se referem às crianças, pais e profissionais, abordam as questões de gênero? Realizou-se uma revisão integrativa da literatura nas bases de dados LILACS, SciELO e PePISC, com os descritores adoção, gênero e parentalidade, publicados no período entre 2007 e 2017. Foram selecionados 17 artigos, a partir dos quais constituíram-se três categorias de análise: (a) Exercício da maternidade no contexto da adoção; (b) (In)visibilidade da paternidade na discussão sobre parentalidade adotiva; (c) Homoparentalidade: significados da tecnologia reprodutiva à adoção. Os estudos se debruçam sobre reflexões a respeito da parentalidade em casais heterossexuais e homossexuais, bem como ressaltam o modo como esses casais exercem seus papéis parentais. Conclui-se que entender o modo como é feito o exercício dos papéis parentais nessas diferentes realidades possibilita a compreensão das diferentes configurações familiares, abrindo mais espaço para as famílias por adoção. Recomenda-se ampliação das discussões de gênero, afim de propiciar questionamentos e tensões para esse cenário, dialogando com diferentes perspectivas desenvolvimentais e clínicas.


Resumen El presente estudio tuvo por objetivo comprender cómo la categoría género emerge en los estudios sobre adopción en el contexto brasileño. La pregunta orientadora fue: ¿de qué forma las investigaciones realizadas en el contexto de la adopción abordan las cuestiones de género? Se realizó una revisión integrativa de la literatura en las bases de datos LILACS, SciELO y PePISC publicados en el período entre 2007 y 2017. Se seleccionaron 17 artículos, a partir de los cuales se constituyeron tres categorías de análisis (a) El ejercicio de la maternidad en el contexto de la adopción; (b) La (In) visibilidad de la paternidad en la discusión sobre parentalidad adoptiva; (c) Homoparentalidad: significados de la tecnología reproductiva a la adopción. Los estudios se centran en reflexiones acerca de la parentalidad en parejas heterosexuales y homosexuales, así como resaltan el modo en que estas parejas ejercen sus papeles parentales. Se concluye que entender cómo se ejerce papeles parentales en esas diferentes realidades posibilita la comprensión de las diferentes configuraciones familiares, abriendo más espacio para las familias por adopción. Se recomienda ampliar las discusiones de género, a fin de propiciar cuestionamientos para ese escenario, dialogando con diferentes perspectivas de desarrololo y clinicas.

19.
J. Health Biol. Sci. (Online) ; 7(3): 271-276, jul.-set. 2019.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1005646

RESUMO

Objetivo: analisar os resultados de estudos científicos das pesquisas de enfermagem nos anos de 2010 a 2018, referentes à qualidade de vida de mulheres com câncer de colo uterino. Métodos: trata-se de uma revisão integrativa da literatura realizada por meio da Biblioteca Virtual da Saúde (BVS) em que se utilizou a Base de Dado MEDLINE e a Biblioteca Eletrônica SCIELO, por meio dos Descritores em Ciências da Saúde (DeCS) "Qualidade de vida" e "Câncer de colo uterino". Resultados: foram encontrados 42 artigos, dos quais 27 foram eliminados conforme os critérios de exclusão, restando 15 artigos para amostra final, com um número maior de produções no ano de 2015, estudos quantitativos e nível 4 de evidência. Conclusão: nesses estudos, identificaram-se as prioridades das pesquisas em enfermagem, mostrando a necessidade de se intensificar a investigação sobre os resultados para embasar a assistência de enfermagem oncológica à mulher.


Objective: analyze the results of scientific studies of nursing research from the year 2010 to 2018, concerning the quality of life of women with cervical cancer. Methods: it is an integrative review of the literature performed through the Virtual Health Library (VHL) using the MEDLINE Database and the SCIELO Electronic Library, using the Health Sciences Descriptors (DeCS) "Quality of life" and "Cancer of the uterine cervix ". Results: we found 42 articles, of which 27 were eliminated according to the exclusion criteria, leaving 15 articles for the final sample, with a major number of productions in 2015, quantitative studies and level 4 of evidence. Conclusion: in these studies, the priorities of nursing research were identified, showing the need to intensify research on the results to support the oncological nursing care of women.


Assuntos
Qualidade de Vida , Neoplasias do Colo do Útero , Enfermagem
20.
Rev. chil. nutr ; 46(3): 230-238, jun. 2019. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1003699

RESUMO

ABSTRACT This study analyzed the profile of scientific production related to the nutritional aspects of the etiology and/or progress of Multiple Sclerosis (MS). We conducted an integrative review that analyzed 64 works published in English, Spanish or Portuguese between 2012 and 2017 on the relationship between nutrition and MS. There was a predominance of studies in humans (54.0%, n= 34) and randomized clinical trials (38.3%, n= 13). The association between vitamin D and etiology progression and/or development of disabilities resulting from MS was the most studied aspect (30.2%, n= 19), followed by studies that evaluated the importance of fat concentration and/or types for MS risk (22.2%, n= 14), and research that analyzed the role of antioxidant vitamins (19.0%; n= 12) in the disease development and/ or evolution. The study showed that most research involves small samples and that a healthy diet contributes to the prevention and mitigation of disease evolution. However, this affirmation cannot be made with regards to dietary supplements. Further research is necessary, from cross-sectional studies to randomized clinical trials considering the wide knowledge gap on this subject.


RESUMEN El presente estudio buscó plantear el perfil de las producciones científicas que relacionan aspectos nutricionales con la etiología y/o progresión de la Esclerosis Múltiple (EM). Fue una revisión integrativa que analizó 63 trabajos publicados en el idioma inglés, español y portugués, entre 2012 a 2017, sobre la relación entre los aspectos nutricionales y la EM. Predominaron estudios con seres humanos (54,0%, n= 34), del tipo ensayo clínico randomizado (38,3%, n= 13). La asociación de la vitamina D con la etiología, progresión y/o desarrollo de incapacidades consecuentes de la EM fue la más estudiada (30,2%, n= 19), seguida de los estudios que evaluaron la importancia de la concentración y/o de los tipos de gordura para el riesgo o progresión de la EM (22,2%, n= 14), y de estudios que analizaron el papel de las vitaminas antioxidantes (19,0%; n= 12) en el desencadenamiento y/o evolución de la enfermedad. La mayoría de los estudios incluyó muestras pequeñas y una dieta saludable que aporta con la prevención y atenuación de la evolución de la enfermedad. No se pueó hacer esta afirmación para los suplementos dietéticos. Son necesarios más estudios, dada la enorme laguna de conocimiento que envuelve el tema.


Assuntos
Humanos , Alimentação , Alimentos , Progressão da Doença , Esclerose Múltipla/etiologia , Literatura de Revisão como Assunto
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA