Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 35.864
Filter
1.
São Paulo; s.n; 20240103. 69 p.
Thesis in Portuguese | LILACS, BBO - Dentistry | ID: biblio-1524322

ABSTRACT

Este estudo teve o objetivo de desenvolver um gel experimental contendo flúor e estanho, como uma opção de tratamento profissional, para ser utilizado na prevenção da erosão dental. Foram utilizados 50 fragmentos (4mm × 4mm × 2mm) de esmalte e 50 de dentina, obtidos de incisivos bovinos. Os fragmentos foram incluídos em resina acrílica, planificados e polidos. Em seguida, uma fita adesiva foi posicionada sobre a superfície polida desses espécimes, deixando uma janela de 4mm × 1mm exposta aos testes subsequentes. Os espécimes foram previamente erodidos (10min em solução de ácido cítrico a 1%, pH~2,4) e distribuídos aleatoriamente em cinco grupos experimentais (n=10 para cada substrato), de acordo com os seguintes tratamentos: 1. F+Sn+HPMC: Gel de fluoreto de sódio e cloreto de estanho experimental (7500 ppm F- e 15000 ppm Sn2+, pH=4,5); 2. F+HPMC: Gel de fluoreto de sódio experimental (7500 ppm F-, pH=4,5); 3. Comercial: Gel de flúor fosfato acidulado comercial - APF (12300 ppm F-, pH=3,2); 4. Placebo: Gel placebo (Hidroxipropil MetilceluloseHPMC, sem componentes ativos); 5. Controle negativo: sem tratamento; aplicados por 60 s. Na sequência, os espécimes foram submetidos a uma ciclagem de erosão-re-deposição mineral, que consistia em 5 min de imersão em solução de ácido cítrico a 0,3% (pH~2,6), seguido de imersão em saliva artificial por 60min, 4x/dia, durante 5 dias. A perda de superfície dos espécimes (PS em m) foi determinada com um perfilômetro óptico após 5, 10 e 20 dias de ciclagem. Os dados obtidos foram analisados com ANOVA de dois fatores de medidas repetidas, considerando um nível de significância de 5%. Para o esmalte, o placebo não diferiu do controle em nenhum tempo experimental, e ambos apresentaram significativamente a maior PS. Após 5 e 10 dias: (F+Sn+HPMC)=(comercial)<(F+HPMC)<(placebo)=(controle). Após 20 dias: (F+Sn+HPMC)=(F+HPMC)=(comercial)<(controle)=(placebo). Para dentina, no 5º dia: (comercial)=(F+Sn+HPMC)=(F+HPMC)<(controle)=(placebo). No 10º dia, os grupos F+Sn+HMC, comercial e F+HPMC continuaram apresentando menor PS do que o controle e o placebo, porém, F+HPMC não diferiu significativamente desses dois últimos grupos. No 20º dia, somente o comercial apresentou menor PS que controle e placebo. Considerando as limitações desse estudo in vitro, pode-se concluir que o gel de F+Sn+HPMC foi capaz de controlar a progressão da erosão dental de maneira semelhante ao gel comercial, que possui 4800 ppm a mais de fluoreto em sua composição, exceto após 20 dias de desafio erosivo na dentina. Esse gel é uma alternativa clínica viável, podendo ser potencialmente utilizado em conjunto com produtos de uso diário, visando o aumento da proteção contra erosão em indivíduos com alto risco para erosão dental.


Subject(s)
Tin , Tin Fluorides , Tooth Erosion
2.
São Paulo; s.n; 20240104. 86 p.
Thesis in Portuguese | LILACS, BBO - Dentistry | ID: biblio-1524408

ABSTRACT

Os pacientes portadores de câncer de cabeça e pescoço realizam tratamento, de radioterapia podendo ou não estar associados à quimioterapia e/ou cirurgias. A qualidade de vida dos mesmos é afetada em função dos efeitos colaterais causados pelos tratamentos. Mucosite, hiposalivação, perda do paladar, trismo e osteorradionecrose são os efeitos colaterais que mais acomentem os pacientes em tratamento para câncer de cabeça e pescoço. A osteorradionecrose é considerada um evento tardio e a maior complicação pós tratamento de radioterapia. Foi realizada uma busca sistemática nas bases de dados eletrônicas MEDLINE / PubMed, Cochrane Central Register of Controlled Trials, Web of Science, Open Gray e busca manual, sem restrição de idioma e tempo. Os critérios de elegibilidade foram os seguintes: 1) ser revisão sistemática; 2) abordar sobre os efeitos orais e complicações após quimioterapia e/ou radioterapia em pacientes adultos portadores de câncer de cabeça e pescoço e 3) RS baseadas em estudos clínicos prospectivos/ retrospectivos e ECR (estudo clínico randomizado). A elegibilidade foi determinada de acordo com os critérios de exclusão para:1) RS que descrevessem a o tratamento para as sequelas da ORN; 2) as RS baseadas em relatos de casos ou estudos in vitro sobre ORN; 3) ORN em ossos não gnáticos (temporal); 4) não abordarem sobre incidência, tratamento ou prevenção da ORN e 5) revisão da classificação da ORN. Foram identificados 1321 artigos, mas apenas 13 foram considerados elegíveis. A fase de elegibilidade, qualidade metodológica (AMSTAR 2) foi conduzida por dois examinadores independentes e calibrados (RMS e GS), e um terceiro examinador (MSANM) foi consultado para a resolução de incongruências. O número de pacientes avaliados para o desenvolvimento de ORN ao longo do tratamento foi 33.762 sendo que desses, 2.094 desenvolveram a lesão, representando uma incidência de 6,2%. Quanto a localização a mandíbula é o local de maior acometimento. A exodontia após a radioterapia foi apontada como o maior fator causal para o desenvolvimento de ORN. A abordagem de tratamento para a ORN com pentoxifilina e tocoferol demonstrou eficácia superior em relação ao uso de antibioticoterapia e câmera hiperbárica. Baseado no risco de viés, é baixo o nível atual de evidência para as abordagens preventivas e curativas da ORN.


Subject(s)
Osteoradionecrosis , Systematic Review , Head and Neck Neoplasms , Radiotherapy
3.
São Paulo; s.n; 20240111. 73 p.
Thesis in Portuguese | LILACS, BBO - Dentistry | ID: biblio-1525022

ABSTRACT

O objetivo deste ensaio clínico randomizado foi comparar a taxa de sobrevida das restaurações oclusais e oclusoproximais em molares decíduos usando duas versões de cimentos de ionômero de vidro: pó-líquido, manipulado manualmente (MAN) e encapsulado (ENC) após 24 meses. Crianças entre 3 e 10 anos de idade que apresentaram lesões de cárie em dentina nas superfícies oclusais e/ou oclusoproximais de molares decíduos foram selecionadas na Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo, Brasil. Elas foram alocadas aleatoriamente em dois grupos: M/M (Fuji IX®, GC Europa) ou ENC (Equia Fill®, GC Europa). A ocorrência de falha das restaurações foi avaliada por duas examinadoras calibradas e cegas e em relação aos grupos. As análises estatísticas foram realizadas no software Stata 13 (StataCorp, EUA). A análise de Kaplan-Meier foi utilizada para ilustrar a sobrevida e o comportamento das restaurações ao longo dos 24 meses de acompanhamento enquanto a Regressão de Cox com fragilidade compartilhada foi realizada para avaliar a associação entre falha de restauração e variáveis independentes (=5%). Realizamos ainda a análise por intenção de tratar (ITT) considerando os 24 meses de acompanhamento. Um total de 323 restaurações foram realizadas em 145 crianças. A sobrevida para o grupo MAN foi de 58,2% e 60,1% para o grupo ENC, sem diferença estatisticamente significativa (p=0,738). As restaurações oclusoproximais tiveram menor taxa de sobrevida quando comparadas às oclusais (HR=3,83; p<0,001). A taxa de sobrevida nos molares decíduos não é influenciada pelas diferentes formas de apresentação do CIV Registro do ECR: Este ensaio clínico randomizado foi registrado no ClinicalTrials.Gov em 15/10/2014 sob protocolo (NCT 02274142).


Subject(s)
Pediatric Dentistry , Glass Ionomer Cements
4.
Alerta (San Salvador) ; 7(1): 88-95, ene. 26, 2024.
Article in Spanish | BISSAL, LILACS | ID: biblio-1526720

ABSTRACT

La Organización Mundial de la Salud (OMS) define el estrés laboral como una reacción que puede manifestarse ante exigencias y presiones laborales que ponen a prueba la capacidad que tiene cada persona para afrontar ciertas situaciones y que se agravan en el personal de salud que atiende pacientes con la COVID-19. Es decir, lo que resulta del desequilibrio entre las presiones y exigencias a las que se enfrenta el individuo, por una parte, y los conocimientos adquiridos por otra parte. El Síndrome de desgaste profesional, conocido también como síndrome de agotamiento emocional o psicológico, o por el anglicismo burnout, es un tipo de estrés laboral que engloba un estado de agotamiento físico, emocional y mental que conlleva a consecuencias individuales y sociales. El objetivo de esta revisión narrativa es identificar los factores de riesgo para el desarrollo del Síndrome de desgaste profesional en el personal de salud relacionado con la atención de pacientes con la COVID-19. Se realizó una búsqueda en la base de datos PubMed, se incluyeron artículos originales, estudios aleatorizados, revisiones sistemáticas y otros textos en español e inglés, publicados durante el periodo 2020-2023. Los principales factores de riesgo identificados en la literatura para el desarrollo de Síndrome de desgaste profesional fueron la juventud, sexo femenino, la soltería, la carga de trabajo y el nivel de satisfacción laboral de los profesionales.


The WHO defines occupational stress as a reaction that may occur when a person is faced with work-related demands and pressures that test the individual's ability to cope with certain situations, and it exacerbates in healthcare personnel who provide care to patients with COVID-19. That is, what results from the imbalance between the pressures and demands that the individual faces, on the one hand, and the knowledge acquired on the other hand. Burnout syndrome is a type of work-related stress that encompasses a state of physical, emotional and mental exhaustion that leads to individual and social consequences. The objective of this systematic review is to identify the risk factors for the development of Burnout Syndrome in health personnel related to the care of patients with COVID-19. A search was carried out in the PubMed database, including original articles, randomized studies, systematic reviews, and textbooks in Spanish and English, published during the period 2020-2023. The main risk factors for the development of Burnout Syndrome identified in the literature were youth, female sex, singleness, workload and the level of job satisfaction of the professionals


Subject(s)
El Salvador
5.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469242

ABSTRACT

Abstract The study was conducted to evaluate the effect of Moringa olifera on the growth and gut health of Tilapia (Oreochromis niloticus). The feed having 30% crude protein was prepared as an experimental diet with 4%, 8% and 10% M. olifera leaf supplementation, respectively. The control diet was devoid of M. olifera leaves. The 10 weeks feeding trial was carried out on 60 fish in aquaria. Fish was fed @ 3% of body weight twice a day. Diet with the high level of inclusion of M. olifera leaves significantly increased the growth rate, Survival Rate (SR), Specific Growth Rate (SGR) and Feed Conversion Efficiency (FCE) in all treatment groups compared to the control group. Similarly, Feed Conversion Ratio (FCR) gradually decreased and found highly-significant. To check the gut health of the Tilapia, random samples were selected and dissected. Nutrient agar was used as culture media to check the growth of bacteria. Pour Plate Method was used for viable colonies count by colony counter. Through staining method, the different bacteria such as Escherichia coli, Salmonella, Shigella and Pseudomonas aeruginosa were identify abundantly in the intestine of control diet fish but less number present in treatment diets groups. These results showed that M. olifera leaves up to 10% of dietary protein can be used for Nile tilapia for significant growth and healthy gut microbiota of fish.


Resumo O estudo foi conduzido para avaliar o efeito da Moringa olifera no crescimento e saúde intestinal da tilápia (Oreochromis niloticus). A ração com 30% de proteína bruta foi preparada como dieta experimental com 4%, 8% e 10% de suplementação de folhas de M. olifera, respectivamente. A dieta controle foi desprovida de folhas de M. olifera. O ensaio de alimentação de 10 semanas foi realizado em 60 peixes em aquários. O peixe pesava 3% do peso corporal duas vezes ao dia. A dieta com alto nível de inclusão de folhas de M. olifera aumentou significativamente a taxa de crescimento, taxa de sobrevivência (SR), taxa de crescimento de sobrevivência (SGR) e eficiência de conversão alimentar (FCE) em todos os grupos de tratamento em comparação com o grupo de controle. Da mesma forma, a taxa de conversão de alimentação (FCR) diminuiu gradualmente e foi considerada altamente significativa. Para verificar a saúde intestinal da tilápia, amostras aleatórias foram selecionadas e dissecadas. O ágar nutriente foi usado como meio de cultura para verificar o crescimento das bactérias. O método da placa de Verter foi usado para a contagem de colônias viáveis por contador de colônias. Através do método de coloração, diferentes como Escherichia coli, Salmonella, Shigella e Pseudomonas aeruginosa foram identificados abundantemente no intestino de peixes da dieta controle, mas em menor número nos grupos de dieta de tratamento. Esses resultados mostraram que M. olifera deixa até 10% da proteína dietética e pode ser usado para tilápia do Nilo para um crescimento significativo e microbiota intestinal saudável de peixes.

6.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469257

ABSTRACT

Abstract This study was carried out to evaluate the effect of Glutamine, as a dipeptide or a free amino acid form, on the progression of burn injuries in rats. Thirty male Wistar rats were burned with a comb metal plate heated in boiling water (98 °C) for three minutes, creating four rectangular full-thickness burn areas separated by three unburned interspaces (zone of stasis) in both dorsum sides. The animals were randomized into three groups (n=10): saline solution (G1-Control) and treated groups that orally received Glutamine as dipeptide (G2-Dip) or free amino acid (G3-FreeAA). Two and seven days after burn injury, lesions were photographed for unburned interspaces necrosis evolution assessment. Seven days after injury, glutathione seric was measured and histopathological analysis was performed. By photographs, there was a significant reduction in necrosis progression in G3-Free-AA between days two and seven. Histopathological analysis at day 7 showed a significantly higher stasis zone without necrosis and a higher number of fibroblasts in G2-Dip and G3-FreeAA compared with G1-Control. Also, glutathione serum dosage was higher in G2-Dip. The plasmatic glutathione levels were higher in the G2-Dip than the G1-Control, and there was a trend to higher levels in G3-FreeAA. The reduction in histological lesions, greater production of fibroblasts, and greater amounts of glutathione may have benefited the evolution of burn necrosis, which showed greater preservation of interspaces.


Resumo Este estudo foi realizado para avaliar o efeito da Glutamina, como um dipeptídeo ou forma de aminoácido livre, na progressão de queimaduras em ratos. Trinta ratos Wistar machos foram queimados com um pente de metal aquecido em água fervente (98 °C) por três minutos, criando quatro áreas retangulares queimadas separadas por três interesespaços não queimados (zona de estase) em ambos os lados do dorso. Os animais foram randomizados em três grupos (n = 10): solução salina (G1-Controle) e grupos tratados que receberam glutamina via oral como dipeptídeo (G2-Dip) ou aminoácido livre (G3-FreeAA). Dois e sete dias após a queimadura, as lesões foram fotografadas para avaliação da evolução da necrose entre os espaços não queimados. Sete dias após a lesão, foi dosada a glutationa sérica e realizada análise histopatológica. Pelas fotografias, houve uma redução significativa na progressão da necrose no G3-Free-AA entre os dias dois e sete. A análise histopatológica no dia 7 mostrou uma zona de estase significativamente maior sem necrose e número mais elevado de fibroblastos em G2-Dip e G3-FreeAA em comparação com G1-Controle. Os níveis plasmáticos de glutationa foram maiores no G2-Dip em relação ao G1-Controle, e houve tendência a níveis mais elevados no G3-FreeAA. A redução das lesões histológicas, maior produção de fibroblastos, maior quantidade de glutationa podem ter beneficiado a evolução da necrose da queimadura, que mostrou maior preservação dos interespaços.

7.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469259

ABSTRACT

Abstract Acacia mangium is a pioneer species with fast growth and frequently used in the recovery of degraded areas. The objectives were to evaluate insects and spiders, their ecological indices and interactions on A. mangium saplings in a tropical degraded area in recovering process. The experimental design was completely randomized with 24 replications, with treatments represented by the first and second years after A. mangium seedling planted. Numbers of leaves/branch, branches/sapling, and ground cover by A. mangium saplings, Hemiptera: Phenacoccus sp. and Pachycoris torridus; Hymenoptera: Tetragonisca angustula and Trigona spinipes, Brachymyrmex sp., Camponotus sp. and Cephalotes sp.; Blattodea: Nasutitermes sp. and Neuroptera: Chrysoperla sp.; abundance, species richness of pollinating insects, tending ants, and the abundance of Sternorrhyncha predators were greatest in the second year after planting. Numbers of Hemiptera: Aethalium reticulatum, Hymenoptera: Camponotus sp., Cephalotes sp., Polybia sp., T. angustula, T. spinipes, tending ants, pollinating insects, Sternorrhyncha predators and species richness of tending ants were highest on A. mangium saplings with greatest numbers of leaves or branches. The increase in the population of arthropods with ground cover by A. mangium saplings age increase indicates the positive impact by this plant on the recovery process of degraded areas.


Resumo Acacia mangium é uma espécie pioneira, de rápido crescimento e utilizada na recuperação de áreas degradadas. Os objetivos foram avaliar insetos e aranhas, seus índices ecológicos e interações com plantas de A. mangium em área tropical degradada em processo de recuperação. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com 24 repetições, com os tratamentos representados pelos primeiro e segundo anos após a plantio de A. mangium. Os números de folhas/galhos, galhos/plantas e cobertura do solo por plantas de A. mangium, de Hemiptera: Phenacoccus sp. e Pachycoris torridus; Hymenoptera: Tetragonisca angustula e Trigona spinipes, Brachymyrmex sp., Camponotus sp. e Cephalotes sp.; Blattodea: Nasutitermes sp. e Neuroptera: Chrysoperla sp.; a abundância, riqueza de espécies de insetos polinizadores, formigas cuidadoras e a abundância de predadores de Sternorrhyncha foram maiores no segundo ano após o plantio. Os números de Hemiptera: Aethalium reticulatum, Hymenoptera: Camponotus sp., Cephalotes sp., Polybia sp., T. angustula, T. spinipes, formigas cuidadoras, insetos polinizadores, predadores de Sternorrhyncha e a riqueza de espécies de formigas cuidadoras foram maiores em plantas de A. mangium com maior altura e número de folhas ou galhos. O aumento populacional de artrópodes e da cobertura do solo com o processo de envelhecimento das plantas de A. mangium indicam impacto positivo dessa planta na recuperação de áreas degradadas.

8.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469268

ABSTRACT

Abstract Field survey study was conducted season (2017). Soybeans and weeds were weekly sampled randomly. Thrips adults were identified and counted. Detection of the virus isolate and the natural incidence was determined using; Mechanical transmission, host range, DAS-ELISA, RT-PCR. The natural incidence thrips individuals was detected depending on the SVNV% in thrips individuals and weeds hosts. Ten thrips species were associated with soybean plants in the field. The most abundant species was T. tabaci, average 256.5 average no.of individuals, followed by F. occidentalis (142.5 average no. of individuals), then N. variabilis (86.6/ average no. of individuals). Fourteen thrips species occurred on 5 legumes field crops and 41 weed plant species within soybean field. The highest average number 40.6.of individuals were recorded on Ammi majus. While the lowest one 3.3 average no. of individuals were on Urtica urens. Only 21diagnostic plant species were susceptible to infection with SVNV. G. max and Vigna radiate, were the highest percentage of infection 80% followed by V. unguilata & N. benthamiana, 75%. Egyptian isolate of Soybean vein necrosis virus (SVNV) in this study showed a high degree of similarity and it is closely related to TSWV from Egypt (DQ479968) and TCSV from USA (KY820965) with nucleotide sequence identity of 78%. Four thrips species transmitted SVNV (F. fusca 4.0%, F. schultzei 4.3%, F. tritici 3.3% and N. variabilis 68.0% transmission). Both C. phaseoli and M. sjostedti can acquire the virus but unable to transmit it. The following species; T. tabaci, F. occidentalis, S. dorsallis and T. palmi cannot acquire or transmit SVNV. The incidence of SVNV in the field started by the end of July then increased gradualy from 12.7 to 71.3% by the end of the season. In conclusion, few thrips individuals invaded soybean crops are enough to transmit high rate of SVNV within the crop. Furthermore, several vector species are also abundant on weeds, which are the major sources of soybean viruses transmitted to the crops. This information might be important for control and reduce the incidence of SVNV infection.


Resumo O estudo de pesquisa de campo foi realizado na temporada (2017). A soja e as ervas daninhas foram amostradas semanalmente de forma aleatória. Tripes adultos foram identificados e contados. A detecção do vírus isolado e a incidência natural foram determinadas usando transmissão mecânica, gama de hospedeiros, DAS-ELISA, RT-PCR. A incidência natural de tripes em indivíduos foi detectada dependendo da % de SVNV em tripes e hospedeiros infestantes. Dez espécies de tripes foram associadas a plantas de soja no campo. A espécie mais abundante foi T. tabaci, com média de 256,5 número médio de indivíduos, seguida por F. occidentalis (142,5) e N. variabilis (86,6 / número médio de indivíduos). Catorze espécies de tripes ocorreram em 5 culturas de leguminosas e 41 espécies de plantas daninhas dentro de campos de soja. O maior número médio de 40,6 indivíduos foi registrado em Ammi majus. Enquanto o mais baixo, 3,3 número médio de indivíduos, foi no Urtica urens. Apenas 21 espécies de plantas diagnosticadas foram suscetíveis à infecção com SVNV. G. max e Vigna radiate foram os maiores percentuais de infecção, 80%, seguidos por V. unguilata e N. benthamiana, 75%. O isolado egípcio neste estudo mostrou um alto grau de similaridade e está intimamente relacionado ao TSWV do Egito (DQ479968) e ao TCSV dos EUA (KY820965), com identidade de sequência de nucleotídeos de 78%. Quatro espécies de tripes transmitiram SVNV (F. fusca 4,0%, F. schultzei 4,3%, F. tritici 3,3% e N. variabilis 68,0% de transmissão). Tanto C. phaseoli quanto M. sjostedti podem adquirir o vírus, mas não podem transmiti-lo. As seguintes espécies, T. tabaci, F. occidentalis, S. dorsallis e T. palmi não podem adquirir ou transmitir SVNV. A incidência de SVNV no campo, iniciada no final de julho, aumentou gradativamente de 12,7 para 71,3% no final da temporada. Em conclusão, poucos indivíduos de tripes invadiram a cultura da soja e são suficientes para transmitir alta taxa de SVNV dentro da cultura. Além disso, várias espécies de vetores também abundam em ervas daninhas, que são as principais fontes dos vírus da soja transmitidos às lavouras. Essas informações podem ser importantes para controlar e reduzir a incidência de infecção por SVNV.

9.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469271

ABSTRACT

Abstract Reports abound on Lernaea parasitizing the brood stock, fingerlings, and marketable-sized culturable freshwater fish species in various parts of the world. We investigated seven small-scale aquaculture farms and how the prevailing Lernaea is impacting them. Randomly seven fish farms were selected to determine the prevalence percentage of lernaeid ectoparasites. Relevant information of the fishponds to estimate the various aspects such as effects of water source and quality, feed, stocking density, treatment used, and weight and length of fish, concerned with Lernaea infestation and prevalence was gathered. The results indicated that Catla catla (F. Hamilton, 1822) showed highest prevalence (41.7%) among the seven fish species, whereas Oreochromis niloticus showed zero. Other five fish species Ctenopharyngodon idella, Cirrhinus cirrhosis, Cyprinus carpio, Labeo rohita and Hypophthalmichthys molitrix showed 13.2%, 8.1%, 7.7%, 7.4%, 0.9% prevalence, respectively. In Royal Fish Farm 84.3% lernaeid infestation was observed, while no parasite was observed in the Vicents Chunnian fish farm. The water source, quality, feed, fertilizers, stocking density, water temperature, and potential treatment options displayed varying tendencies among fish farms and prevalence. Depending on the weight and length, the highest prevalence (56.7%, and 66.7%) was observed in 3501-4000 g and 81-90 cm groups. The infestation rate varied in various fish body parts with the dorsal fin the most vulnerable organ and showed 2.3% overall prevalence (while 18.4% contribution within total 12.6% infestation). Out of 147 infected fish samples, 45 were extensively contaminated by Lernaea spread. In conclusion, our findings confirm that Lernaea could pose a considerable threat to marketable fish, and various treatment options should be educated to the farmers to help mitigate the spread and potential losses. Furthermore, Catla catla is more vulnerable to Lernaea infestation (41.7%), so are the fish species being cultured at higher stocking densities.


Resumo Abundam os relatórios sobre Lernaea parasitando o estoque de cria, alevinos e espécies de peixes de água doce cultiváveis de tamanho comercial em várias partes do mundo. Investigamos sete fazendas de aquicultura de pequena escala e de que maneira a Lernaea predominante está impactando-as. Aleatoriamente, sete fazendas de peixes foram selecionadas para determinar a porcentagem de prevalência de ectoparasitas de Lernaea. Foram recolhidas informações relevantes sobre os viveiros de peixes para estimar os vários aspectos, tais como efeitos da fonte e qualidade da água, alimentação, densidade de povoamento, tratamento utilizado e peso e comprimento dos peixes, relacionados com a infestação e prevalência de Lernaea. Os resultados indicaram que Catla catla (F. Hamilton, 1822) apresentou maior prevalência (41,7%) entre as sete espécies de peixes, enquanto Oreochromis niloticus apresentou zero. Outras cinco espécies de peixes Ctenopharyngodon idella, Cirrhinus cirrhosis, Cyprinus carpio, Labeo rohita e Hypophthalmichthys molitrix apresentaram 13,2%, 8,1%, 7,7%, 7,4%, 0,9% de prevalência, respectivamente. Em Royal Fish Farm, 84,3% de infestação de Lernaea foi observada, enquanto não se observou nenhum parasita na fazenda de peixes Chunnian de Vicent. A fonte de água, qualidade, ração, fertilizantes, densidade de estocagem, temperatura da água e opções de tratamento potenciais exibiram tendências variadas entre as fazendas de peixes e prevalência. Dependendo do peso e comprimento, a maior prevalência (56,7% e 66,7%) foi observada nos grupos de 3501-4000 g e 81-90 cm. A taxa de infestação variou em várias partes do corpo dos peixes, sendo a nadadeira dorsal o órgão mais vulnerável e apresentou 2,3% de prevalência geral (enquanto 18,4% de contribuição dentro do total de 12,6% de infestação). Das 147 amostras de peixes infectados, 45 estavam amplamente contaminadas pela propagação de Lernaea. Em conclusão, nossos resultados confirmam que Lernaea pode representar uma ameaça considerável para peixes comercializáveis, e várias opções de tratamento devem ser educadas para os agricultores para ajudar a mitigar a propagação e as perdas potenciais. Além disso, Catla catla é mais vulnerável à infestação por Lernaea (41,7%), assim como as espécies de peixes sendo cultivadas em densidades de estocagem mais altas.

10.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469276

ABSTRACT

Abstract The objective of the current study was to investigate the synergistic impact of -Tocopherol and -Linolenic acid (100 µM) on IVM and IVC of Nili Ravi buffalo oocytes. Oocytes were obtained from the ovaries of slaughtered buffaloes within two hours after slaughter and brought to laboratory. Buffalo cumulus oocyte complexes were placed randomly in the five experimental groups included; GROUP 1: Maturation media (MM) + 100 µM ALA (control), GROUP 2: MM + 100 µM ALA + 50M -Tocopherol, GROUP 3: MM + 100 µM ALA + 100M -Tocopherol, GROUP 4: MM + 100 µM ALA + 200 M -Tocopherol and GROUP 5: MM + 100 µM ALA + 300 M -Tocopherol under an atmosphere of 5% CO2 in air at 38.5 °C for 22-24 h. Cumulus expansion and nuclear maturation status was determined (Experiment 1). In experiment 2, oocytes were matured as in experiment 1. The matured oocytes were then fertilized in Tyrodes Albumin Lactate Pyruvate (TALP) medium for about 20 h and cultured in synthetic oviductal fluid (SOF) medium to determine effect of -Linolenic acid (100 µM) and -Tocopherol in IVM medium on IVC of presumptive zygotes. To study the effect of -Linolenic acid (100 µM) in IVM media and increasing concentration of -tocopherol in the culture media on early embryo development (Experiment 3), the presumptive zygotes were randomly distributed into the five experimental groups with increasing concentration of -tocopherol in culture media. Higher percentage of MII stage oocytes in experiment 1(65.2±2.0), embryos at morula stage in experiment 2 (30.4±1.5) and experiment 3 (22.2±2.0) were obtained. However, overall results for cumulus cell expansion, maturation of oocyte to MII stage and subsequent embryo development among treatments remain statistically similar (P > 0.05). Supplementation of -tocopherol in maturation media having -Linolenic acid and/or in embryo culture media did not further enhance in vitro maturation of oocyte or embryo production.


Resumo O objetivo do presente estudo foi investigar o impacto sinérgico do -tocoferol e do ácido -linolênico (100 µM) na MIV e CIV de oócitos de búfala Nili Ravi. Os oócitos foram obtidos dos ovários de búfalos abatidos duas horas após o abate e levados ao laboratório. Complexos de oócitos cumulus de búfalo foram colocados aleatoriamente nos cinco grupos experimentais incluídos; GRUPO 1: Meio de maturação (MM) + 100 µM ALA (controle), GRUPO 2: MM + 100 µM ALA + 50 µM -tocoferol, GRUPO 3: MM + 100 µM ALA + 100 µM -tocoferol, GRUPO 4: MM + 100 µM ALA + 200 M -tocoferol e GRUPO 5: MM + 100 µM ALA + 300 M -tocoferol sob uma atmosfera de 5% de CO2 em ar a 38,5 °C por 22-24 h. A expansão cumulus e o estado de maturação nuclear foram determinados (Experimento 1). No experimento 2, os oócitos foram maturados como no experimento 1. Os oócitos maturados foram então fertilizados em meio de Tyrode's Albumina Lactato Piruvato (TALP) por cerca de 20 h e cultivados em meio de fluido oviductal sintético (SOF) para determinar o efeito do ácido -linolênico (100 µM) e -tocoferol em meio IVM em IVC de presumíveis zigotos. Para estudar o efeito do ácido -linolênico (100 µM) em meio IVM e aumentar a concentração de -tocoferol no meio de cultura no desenvolvimento inicial do embrião (Experimento 3), os presumíveis zigotos foram distribuídos aleatoriamente nos cinco grupos experimentais com concentração crescente de -tocoferol em meios de cultura. Maior porcentagem de oócitos em estágio MII no experimento 1 (65,2 ± 2,0), embriões em estágio de mórula no experimento 2 (30,4 ± 1,5) e experimento 3 (22,2 ± 2,0) foram obtidos. No entanto, os resultados gerais para a expansão das células do cumulus, maturação do oócito para o estágio MII e desenvolvimento embrionário subsequente entre os tratamentos permanecem estatisticamente semelhantes (P> 0,05). A suplementação de -tocoferol em meios de maturação com ácido -linolênico e / ou em meios de cultura de embriões não aumentou ainda mais a maturação in vitro de oócitos ou a produção de embriões.

11.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469280

ABSTRACT

Abstract Land use and land cover change are affecting the global environment and ecosystems of the different biospheres. Monitoring, reporting and verification (MRV) of these changes is of utmost importance as they often results in several global environmental consequences such as land degradation, mass erosion, habitat deterioration as well as micro and macro climate of the regions. The advance technologies like remote sensing (RS) and geographical information system (GIS) are helpful in determining/ identifying these changes. In the current study area, changes in carbon stocks, notably in forest areas, are resulting in considerable dynamics of carbon stocks as a result of climate change and carbon sequestration. This study was carried out in the Diamer district of the Gilgit Baltistan (GB) Pakistan to investigate the change in cover change/land use change (particularly Forest Land use) as well as carbon sequestration potential of the forests in the district during almost last 25years. The land cover, temporal Landsat data (level 1, LIT) were downloaded from the USGS EROS (2016), for 1979-1989, 1990-2000 and 2001-2012. Change in land uses, particularly forest cover was investigated using GIS techniques. Forest inventory was carried out using random sampling techniques. A standard plot of size 0.1 ha (n=80) was laid out to determine the tree density, volume, biomass and C stocks. Simulation of C stocks was accomplished by application of the CO2FIX model with the data input from inventory. Results showed a decrease in both forest and snow cover in the region from 1979-2012. Similarly decrease was seen in tree volume, tree Biomass, dynamics of C Stocks and decrease was in occur tree density respectively. It is recommended we need further more like project such as BTAP (Billion Tree Afforestation Project) and green Pakistan project to increase the forest cover, to control on land use change, protect forest ecosystem and to protect snow cover.


Resumo O uso e as mudanças na cobertura da terra estão afetando o meio ambiente global e os ecossistemas das diferentes biosferas. O monitoramento, relatório e verificação (MRV) dessas mudanças são de extrema importância, pois muitas vezes resultam em várias consequências ambientais globais, como degradação da terra, erosão em massa, deterioração do hábitat, bem como micro e macroclima das regiões. As tecnologias avançadas, como sensoriamento remoto (RS) e sistema de informações geográficas (SIG), são úteis para determinar / identificar essas mudanças. Na área de estudo atual, as mudanças nos estoques de carbono, principalmente em áreas florestais, estão resultando em uma dinâmica considerável dos estoques de carbono como resultado das mudanças climáticas e do sequestro de carbono. Este estudo foi realizado no distrito de Diamer de Gilgit Baltistan (GB), Paquistão, para investigar a mudança na mudança de cobertura / mudança de uso da terra (particularmente uso de terras florestais), bem como o potencial de sequestro de carbono das florestas no distrito durante quase os últimos 25 anos. A cobertura da terra, os dados temporais do Landsat (nível 1, LIT), foram baixados do USGS EROS (2016), para 1979-1989, 1990-2000 e 2001-2012. Mudanças nos usos da terra, particularmente na cobertura florestal, foram investigadas usando técnicas de SIG. O inventário florestal foi realizado por meio de técnicas de amostragem aleatória. Um lote padrão de 0,1 ha (n = 80) foi estabelecido para determinar a densidade das árvores, volume, biomassa e estoques de C. A simulação dos estoques de C foi realizada pela aplicação do modelo CO2FIX com a entrada de dados do inventário. Os resultados mostraram uma diminuição na cobertura florestal e de neve na região de 1979 a 2012. Da mesma forma, diminuição foi observada no volume da árvore, biomassa das árvores, dinâmica dos estoques de C e diminuição na densidade das árvores, respectivamente. É recomendado que precisemos de mais projetos como o BTAP (Billion Tree Afforestation Project) e o projeto Green Pakistan para aumentar a cobertura florestal, controlar as mudanças no uso da terra, proteger o ecossistema florestal e proteger a cobertura de neve.

12.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469294

ABSTRACT

Abstract This study aimed to evaluate the effect of atmospheric plasma application on the inactivation of fungi on the surface of Erythrina velutina seeds and on isolated fungal colonies. Two experiments were conducted using a completely randomized design. First, plasma was applied to the surface of the seeds using helium gas and atmospheric plasma for 3, 6, and 9 min in addition to the control (untreated seeds), constituting seven treatments with five repetitions each. In the second experiment, Petri dishes containing the inoculum of different fungi were treated with atmospheric air plasma for 3, 6, and 9 min (Air-3, Air-6, and Air-9) and were compared with untreated fungi in Petri dishes without treatment (control), totaling four treatments and five repetitions each. We found that the application of atmospheric air plasma to E. velutina seeds for 9 min had an antimicrobial effect on the fungi Aspergillus niger, Aspergillus flavus, Fusarium sp., Brachysporium sp., and Rhizopus sp. The formation of fungal colonies isolated from E. velutina seeds was also inhibited by 3 min of exposure to atmospheric air plasma, except for A. niger, whose inhibition occurred after 6 min of exposure to atmospheric plasma.


Resumo Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da aplicação de plasma atmosférico na inativação de fungos na superfície de sementes de Erythrina velutina e em colônias fúngicas isoladas. Dois experimentos foram realizados em delineamento inteiramente casualizado: no primeiro, o plasma foi aplicado na superfície das sementes usando gás hélio e plasma atmosférico por três, seis e nove minutos, além do controle (sementes sem tratamento), constituindo sete tratamentos com cinco repetições cada; no segundo experimento, placas de Petri contendo o inóculo de diferentes fungos foram tratadas com plasma atmosférico por três, seis e nove minutos (Air-3, Air-6 e Air-9) e comparadas com fungos não tratados em placas de Petri sem tratamento (controle), totalizando quatro tratamentos e cinco repetições cada. Descobrimos que a aplicação de plasma atmosférico nas sementes de E. velutina por nove minutos teve efeito antimicrobiano sobre os fungos Aspergillus niger, Aspergillus flavus, Fusarium sp., Brachysporium sp. e Rhizopus sp. A formação de colônias fúngicas isoladas de sementes de E. velutina também foi inibida por três minutos de exposição à aplicação de plasma atmosférico, exceto para A. niger, cuja inibição ocorreu a partir de 6 minutos de exposição à aplicação de plasma atmosférico.

13.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469300

ABSTRACT

Abstract Fish is the main source of animal protein for human diet. The aim of this study was to find out prevalence of pathogenic bacteria of two selected economically important fish of Pakistan namely Mahseer (Tor putitora) and Silver carp (Hypophthalmichthys molitrix). Live fish samples from hatcheries and dead fish samples from different markets of study area were randomly collected. The fish samples were analyzed for isolation, identification and prevalence of bacteria. The isolated bacteria from study fish were identified through biochemical test and about 10 species of pathogenic bacteria were identified including the pathogenic bacteria to human and fish namely, Pseudomonas aeruginosa, Escherichia coli, Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis, Streptococcus iniae, Serratia spp. Citrobacter spp. Stenotrophomonas spp. Bacillus spp. and Salmonella spp. The bacterial percentage frequency of occurrence in Silver carp and Mahseer fish showed Pseudomonas aeruginosa 21.42%, Staphylococcus epidermidis 17.85%, Escherichia coli 11.90%, Staphylococcus aureus 9.52%, Citrobacter spp. 9.52%, Serratia spp. 8.33%, Streptococcus iniae 7.14%, Stenotrophomonas spp. 5.95%, Bacillus spp. 4.76% and Salmonella spp. 3.57%. The study revealed that Fish samples of Mahseer and Silver carp that were collected from markets have found more isolates (10 bacterial species) than did the fresh fish pond samples (03 bacterial species) of hatcheries. The occurrence of pathogenic bacteria in study fish showed risk factor for public health consumers.


Resumo O peixe é a principal fonte de proteína animal para a alimentação humana. O objetivo deste estudo foi descobrir a prevalência de bactérias patogênicas de dois peixes economicamente importantes selecionados do Paquistão, nomeadamente Mahseer (Tor putitora) e carpa prateada (Hypophthalmichthys molitrix). Amostras de peixes vivos de incubatórios e amostras de peixes mortos de diferentes mercados da área de estudo foram coletadas aleatoriamente. As amostras de peixes foram analisadas quanto ao isolamento, identificação e prevalência de bactérias. As bactérias isoladas dos peixes do estudo foram identificadas através de testes bioquímicos e cerca de 10 espécies de bactérias patogênicas foram identificadas incluindo as bactérias patogênicas para humanos e peixes, nomeadamente, Pseudomonas aeruginosa, Escherichia coli, Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis, Streptococcus iniae, Serratia spp. Citrobacter spp. Stenotrophomonas spp. Bacillus spp. e Salmonella spp. A porcentagem de freqüência de ocorrência bacteriana em carpa prateada e peixes Mahseer mostrou Pseudomonas aeruginosa 21,42%, Staphylococcus epidermidis 17,85%, Escherichia coli 11,90%, Staphylococcus aureus 9,52%, Citrobacter spp. 9,52%, Serratia spp. 8,33%, Streptococcus iniae 7,14%, Stenotrophomonas spp. 5,95%, Bacillus spp. 4,76% e Salmonella spp. 3,57%. O estudo revelou que as amostras de peixes de Mahseer e carpa prateada coletadas nos mercados encontraram mais isolados (10 espécies bacterianas) do que as amostras de peixes frescos (03 espécies bacterianas) de incubatórios. A ocorrência de bactérias patogênicas nos peixes do estudo apresentou fator de risco para consumidores de saúde pública.

14.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469312

ABSTRACT

Abstract The main purpose of this study was to find out a possible association between ABO blood groups or Rh and diabetes mellitus (DM) in the local population of eight (8) different towns of Karachi, Pakistan. For this purpose a survey was carried out in Karachi to have a practical observation of these towns during the period of 9 months from June 2019 to Feb. 2020. Out of eighteen (18) towns of Karachi, samples (N= 584) were collected from only eight (8) Towns of Karachi and gave a code-number to each town. Diabetic group sample was (n1=432) & pre-diabetes sample was (n2 =152). A standard Abbot Company Glucometer for Random Blood Sugar (RBS) and Fasting Blood Sugar (FBS) tests, standard blood anti sera were used for ABO/Rh blood type. Health assessment techniques were performed ethically by taking informed consent from all registered subjects. Finally data was analyzed by SPSS version 20.0. In our current study, the comparison of ABO blood groups frequencies between diabetic and pre-diabetic individuals were carried out. The percentage values of blood Group-B as given as: (32% in DM vs. 31% in pre-diabetics), followed by blood Group-O as: (18% in DM vs. 11% in pre-diabetics). Contrary to Group-B & O, blood Group-A and Group-AB were distribution percentage higher pre-diabetic as compared to DM patients, as given as: Group-A (32% in pre-diabetics vs. 26% in DM) & Group-AB (26% in pre-diabetics vs. 24% in diabetics patients). In addition, percentage distribution of Rh system was also calculated, in which Rh+ve Group was high and more common in DM patients as compared to pre-diabetics; numerically given as: Rh+ve Group (80% in DM vs. 72% in pre-diabetics). Different views and dimensions of the research topic were studied through literature support, some have found no any association and some established a positive association still some were not clear in making a solid conclusion. It is concluded that DM has a positive correlation with ABO blood groups, and people with Group-B have increased susceptibility to DM disease.


Resumo O objetivo principal deste estudo foi descobrir uma possível associação entre grupos sanguíneos ABO ou Rh e diabetes mellitus (DM) na população local de oito (8) diferentes cidades de Karachi, Paquistão. Para tanto, foi realizado um levantamento em Karachi para observação prática dessas cidades durante o período de 9 meses de junho de 2019 a fevereiro de 2020.De dezoito (18) cidades de Karachi, as amostras (N = 584) foram coletadas de apenas oito (8) cidades de Karachi e deram um número-código para cada cidade. A amostra do grupo de diabéticos foi (n1 = 432) e a amostra de pré-diabetes foi (n2 = 152). Um glicômetro padrão da Abbot Company para testes de açúcar no sangue aleatório (RBS) e açúcar no sangue em jejum (FBS), antissoros de sangue padrão foram usados para o tipo de sangue ABO / Rh. As técnicas de avaliação de saúde foram realizadas de forma ética, tomando o consentimento informado de todos os indivíduos registrados. Finalmente, os dados foram analisados pelo SPSS versão 20.0.No presente estudo, foi realizada a comparação das frequências dos grupos sanguíneos ABO entre diabéticos e pré-diabéticos. Os valores percentuais do sangue do Grupo-B são dados como: (32% em DM vs. 31% em pré-diabéticos), seguido pelo sangue do Grupo-O como: (18% em DM vs. 11% em pré-diabéticos). Ao contrário dos Grupos B e O, sangue do Grupo-A e Grupo-AB tiveram distribuição percentual maior de pré-diabéticos em comparação com pacientes com DM, dado como: Grupo-A (32% em pré-diabéticos vs. 26% em DM) e Grupo AB (26% em pré-diabéticos vs. 24% em pacientes diabéticos). Além disso, também foi calculada a distribuição percentual do sistema Rh, no qual o Grupo Rh + ve foi elevado e mais comum em pacientes com DM em comparação aos pré-diabéticos; dados numericamente como: Grupo Rh + ve (80% em DM vs. 72% em pré-diabéticos). Diferentes visões e dimensões do tema de pesquisa foram estudadas com o suporte da literatura, alguns não encontraram nenhuma associação e alguns estabeleceram uma associação positiva, embora alguns não estivessem claros em fazer uma conclusão sólida. Conclui-se que o DM tem correlação positiva com os grupos sanguíneos ABO, e as pessoas com o Grupo B têm maior suscetibilidade à doença DM.

15.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469319

ABSTRACT

Abstract Transplanting time and genotype contribute to improving crop yield and quality of eggplant (Solanum melongena L.). A field experiment was conducted to investigate the impact of foliar applied of triacontanol (TRIA) and eggplant genotypes 25919, Nirala, 28389 and Pak-10927,transplanted on 1 March,15 March, and 1 April on exposure to high air temperature conditions. The experiment was performed according to Randomized Complete Block Design and the data was analyzed by using Tuckey,s test . The TRIA was applied at 10µM at flowering stage; distilled water was used as the control. Rate of photosynthesis and transpiration, stomatal conductance, water use efficiency, and effects on antioxidative enzymes (superoxide dismutase, catalase and peroxidase) were evaluated. The 10µM TRIA increased photosynthesis rate and water use efficiency and yield was improved in all genotypes transplanted at the different dates. Foliar application of 10µM TRIA increased antioxidative enzyme activities (SOD, POD & CAT) and improved physiological as well as biochemical attributes of eggplant genotypes exposed to high heat conditions. Highest activity of dismutase enzyme 5.41mg/1g FW was recorded in Nirala genotype in second transplantation. Whereas, lowest was noted in PAK-10927 (2.30mg/g FW). Maximum fruit yield was found in accession 25919 (1.725kg per plant) at 1st transplantation with Triacontanol, whereas accession PAK-10927 gave the lowest yield (0.285 kg per plant) at control treatment on 3rd transplantation. Genotype, transplanting date and application of TRIA improved growth, yield and quality attributes under of heat stress in eggplant.


Resumo O tempo de transplante e o genótipo contribuem para melhorar a produtividade e a qualidade da cultura da berinjela (Solanum melongena L.). Um experimento de campo foi conduzido para investigar o impacto da aplicação foliar de triacontanol (TRIA) e genótipos de berinjela 25919, Nirala, 28389 e Pak-10927, transplantados em 1 de março, 15 de março e 1 de abril de exposição a condições de alta temperatura do ar. O experimento foi realizado de acordo com o Randomized Complete Block Design e os dados foram analisados pelo teste de Tuckey. O TRIA foi aplicado a 10 µM na fase de floração; água destilada foi utilizada como controle. Taxa de fotossíntese e transpiração, condutância estomática, eficiência do uso da água e efeitos sobre as enzimas antioxidantes (superóxido dismutase, catalase e peroxidase) foram avaliados. O TRIA 10 µM aumentou a taxa de fotossíntese e a eficiência do uso da água e o rendimento foi melhorado em todos os genótipos transplantados nas diferentes datas. A aplicação foliar de TRIA 10µM aumentou as atividades das enzimas antioxidantes (SOD, POD e CAT) e melhorou os atributos fisiológicos e bioquímicos de genótipos de berinjela expostos a condições de alto calor. A atividade mais elevada da enzima dismutase 5,41mg / 1g FW foi registrada no genótipo Nirala no segundo transplante. Considerando que o mais baixo foi observado em PAK-10927 (2,30 mg / g FW). A produtividade máxima de frutos foi encontrada no acesso 25919 (1,725 kg por planta) no 1º transplante com Triacontanol, enquanto o acesso PAK-10927 deu a menor produção (0,285 kg por planta) no tratamento de controle no 3º transplante. Genótipo, data de transplante e aplicação de TRIA, melhoramento do crescimento, rendimento e atributos de qualidade sob estresse térmico em berinjela.

16.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469326

ABSTRACT

Abstract Melon production in the Brazilian semi-arid region is subject to the use of marginal waters with high salinity. However, the use of regulators and bioactivators in seed treatment can mitigate the harmful effects of salts in irrigation water. In this context, the objective was to evaluate the effect of pre-germination treatments with plant regulators and bioactivator in melon seeds for the production of seedlings irrigated with biosaline water from fish farming effluent. For this, two trials with the Goldex and Grand Prix hybrids were carried out separately. A completely randomized design was used in a 4 × 3 factorial scheme (pre-germination treatments × water dilutions). In addition to the control, the seeds were treated with salicylic and gibberellic acids and thiamethoxam. The waters used for irrigation were local-supply water, fish farming effluent (biosaline water) and these diluted to 50%. Physiological and biochemical analyses were performed for fourteen days. Biosaline water (5.0 dS m-1) did not affect the emergence of Goldex melon seedlings, but compromised the establishment of the Grand Prix cultivar. Seed pre-treatments with salicylic and gibberellic acids attenuate the effects of water salinity and promote growth modulations, resulting in more vigorous melon seedlings.


Resumo A produção de meloeiro no semiárido brasileiro está sujeita a utilização de águas marginais com salinidade elevada. Entretanto, a utilização de reguladores e bioativadores no tratamento de sementes podem mitigar os efeitos nocivos dos sais na água de irrigação. Nesse sentido, objetivou-se avaliar o efeito de tratamentos pré-germinativos com fitorreguladores e bioativador em sementes de melão para a produção de mudas irrigadas com água biossalina de efluente de piscicultura. Para isso, dois ensaios com os híbridos Goldex e Grand Prix foram realizados separadamente. Utilizou-se delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 4 × 3 (tratamentos pré-germinativos × diluições de água). Além do controle, as sementes foram tratadas com os ácidos salicílico e giberélico, e tiametoxam. As águas utilizadas para irrigação foram a de abastecimento local, efluente de piscicultura (água biossalina) e estas diluídas a 50%. Durante quatorze dias foram realizadas as análises fisiológicas e bioquímicas. A água biossalina (5,0 dS m-1) não afetou a emergência de plântulas de meloeiro Goldex, mas prejudicou o estabelecimento da cultivar Grand Prix. Os pré-tratamentos de sementes com os ácidos salicílico e giberélico atenuam os efeitos da salinidade da água e promovem modulações no crescimento, proporcionando mudas de meloeiro mais vigorosas.

17.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469330

ABSTRACT

Abstract Under salt stress conditions, plant growth is reduced due to osmotic, nutritional and oxidative imbalance. However, salicylic acid acts in the mitigation of this abiotic stress by promoting an increase in growth, photosynthesis, nitrogen metabolism, synthesis of osmoregulators and antioxidant enzymes. In this context, the objective was to evaluate the effect of salicylic acid doses on the growth and physiological changes of eggplant seedlings under salt stress. The experiment was conducted in a greenhouse, where the treatments were distributed in randomized blocks using a central composite matrix Box with five levels of electrical conductivity of irrigation water (CEw) (0.50; 1.08; 2.50; 3.92 and 4.50 dS m-1), associated with five doses of salicylic acid (SA) (0.00; 0.22; 0.75; 1.28 and 1.50 mM), with four repetitions and each plot composed of three plants. At 40 days after sowing, plant height, stem diameter, number of leaves, leaf area, electrolyte leakage, relative water content, and total dry mass were determined. ECw and SA application influenced the growth and physiological changes of eggplant seedlings. Increasing the ECw reduced growth in the absence of SA. Membrane damage with the use of SA remained stable up to 3.9 dS m-1 of ECw. The relative water content independent of the CEw increased with 1.0 mM of SA. The use of SA at the concentration of 1.0 mM mitigated the deleterious effect of salinity on seedling growth up to 2.50 dS m-1 of ECw.


Resumo Em condições de estresse salino, o crescimento das plantas é reduzido, em virtude, do desequilíbrio osmótico, nutricional e oxidativo. Contudo, o ácido salicílico atua na mitigação desse estresse abiótico por promover incremento no crescimento, fotossíntese, metabolismo do nitrogênio, síntese de osmorreguladores e enzimas antioxidantes. Nesse contexto, objetivou-se avaliar o efeito de doses de ácido salicílico sobre o crescimento e alterações fisiológicas de mudas de berinjela sob estresse salino. O experimento foi conduzido em casa de vegetação, onde os tratamentos foram distribuídos em blocos ao acaso utilizando uma matriz composta central Box com cinco níveis de condutividade elétrica da água de irrigação (CEa) (0,50; 1,08; 2,50; 3,92 e 4,50 dS m-1), associada a cinco doses de ácido salicílico (AS) (0,00; 0,22; 0,75; 1,28 e 1,50 mM), com quatro repetições e cada parcela composta por três plantas. Aos 40 dias após a semeadura, foram determinados a altura da planta, diâmetro do caule, número de folhas, área foliar, vazamento de eletrólito, teor relativo de água e massa seca total. A CEa e a aplicação de AS influenciaram no crescimento e nas alterações fisiológicas das mudas de berinjela. O aumento da CEa reduziu o crescimento na ausência de AS. O dano de membrana com o uso de AS manteve-se estável até 3,9 dS m-1 de CEa. O conteúdo relativo de água independentemente da CEa aumentou com 1 mM de SA. O uso de AS na concentração de 1 mM mitigou o efeito deletério da salinidade no crescimento das mudas até 2,50 dS m-1 de CEa.

18.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469334

ABSTRACT

Abstract Southern corn leaf blight (SCLB) is one of the most important corn leaf diseases. Appropriate management strategies and the use of resistant cultivars allow disease control. Therefore, knowing the aspects related to the pathogen and the response of hosts makes it possible to design efficient strategies for selecting genotypes resistant to this disease. In this sense, the objective was to carry out the Bipolaris maydis isolate characterization, evaluating the pathogenicity in different popcorn lines and the symptoms generated in the host after inoculation. The isolate characterization consisted of the macromorphological evaluation of the colonies and the micromorphological evaluation of the conidia in the PDA medium. An experiment was carried out in a greenhouse to evaluate the pathogenicity of the isolate, using 20 inbred lines of popcorn in a randomized block design with four replicates. Inoculation was carried out by spraying leaves, with a suspension containing 1.0 x 104 conidia.ml-1 of the CF/UENF 501 isolate of B. maydis. An incidence assessment and three assessments of disease symptom severity were performed, with seven days intervals between evaluations. The morphological characterization data of the isolate were analyzed using descriptive statistics, and for disease severity, the linear regression model was applied the first-degree model. The variance analysis was performed for the linear and angular coefficients obtained for each treatment. When a difference was found, the Scott-Knott clustering algorithm at 5% significance was applied. The isolate had gray-green colonies, a cottony appearance, and an irregular shape. The lines L353, L354, and L624 show more resistance at the beginning and throughout the evaluations. The high virulence of the CF/UENF 501 isolate made it possible to differentiate the lines in terms of disease intensity and the pattern of symptoms presented.


Resumo Mancha-de-Bipolaris é uma das mais importantes doenças foliares do milho. Estratégias de manejo adequadas e o uso de cultivar resistente permitem o controle da doença, mas para tanto, conhecer os aspectos associados ao patógeno e a resposta do hospedeiro é necessário para traçar estratégias eficientes para seleção de genótipos resistentes a essa doença. Neste sentido, objetivou-se realizar a caracterização do isolado de Bipolaris maydis avaliando a patogenicidade em diferentes linhagens de milho-pipoca e os sintomas gerados no hospedeiro a partir da inoculação. A caracterização do isolado consistiu na avaliação macromorfológica das colônias e micromofológica dos conídios em meio nutritivo BDA. Para avaliação da patogenicidade do isolado foi conduzido um experimento em casa de vegetação utilizando 20 linhagens endogâmicas de milho-pipoca, com delineamento em blocos casualizados, com quatro repetições. A inoculação foi realizada por meio de pulverização em folhas, com uma suspensão contendo 1,0 x 104 conídios.ml-1 do isolado CF/UENF 501 de B. maydis. Foi realizada uma avaliação de incidência e três avaliações de severidade dos sintomas da doença, com o intervalo de sete dias para cada avaliação. Os dados da caracterização morfológica do isolado foram analisados por meio da estatística descritiva e para severidade da doença foi aplicado o modelo de regressão linear de primeiro grau. Realizou-se a análise de variância para o coeficiente linear e angular obtido para cada tratamento e quando constatada diferença aplicou-se o agrupamento de médias de Scott-knott a 5% de significância. O isolado apresentou colônias com coloração cinza esverdeado, aspecto algodonoso e forma irregular. As linhagens L353 e L354 e L624 estão entre as linhagens que apresentaram maior resistência no inicio e ao longo das avaliações. A elevada virulência do isolado CF/UENF 501 possibilitou diferenciar as linhagens quanto a intensidade da doença, bem como o padrão dos sintomas apresentados.

19.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469339

ABSTRACT

Abstract Domestic donkey plays a key role as a draft animal in rural economy of Pakistan where its population is increasing every year. The complete mtDNA control region of forty randomly sampled donkeys was PCR- amplified and sequenced bi-directionally using specific primers. Distinct mtDNA haplotypes obtained in the current study (KY446001KY446011) were subjected to haplotype (h) and nucleotide diversity () measures using DnaS as well as to phylogenetic, Network, and AMOVA analyses. There were a total 27 polymorphic sites present within 11 unique mtDNA haplotypes from the studied 40 animals from different regions. Neighbor-joining network and median-joining network both illustrated the splitting of all these haplotypes into two well-defined Nubian and Somali lineages, confirming African maternal origin of Pakistani domestic donkey. Diversity parameters h (0.967± 0.037) and (0.02917± 0.00307) were found to reveal high levels of genetic diversity in Pakistani donkeys. AMOVA demonstrated only 1% of genetic differences between two mtDNA maternal lineages, pointing to lack of population substructure in Pakistani donkeys as is the case with worldwide domestic donkey population. Pakistani donkeys have African maternal origin and high levels of mtDNA diversity. High genetic diversity may be due to non-selective breeding and heteroplasmy. We herein provide the first report on mtDNA diversity of control region in Pakistani domestic donkey.


Resumo O burro doméstico possui um papel fundamental como animal de tração na economia rural do Paquistão, onde a população desse animal está aumentando a cada ano. A região de controle de mtDNA completa de 40 burros amostrados aleatoriamente foi ampliada por PCR e sequenciada bidirecionalmente por intermédio de primers específicos. Haplótipos distintos de mtDNA obtidos no estudo atual (KY446001 KY446011) foram submetidos a medidas de haplótipo (h) e diversidade de nucleotídeos () por meio de DnaS, bem como análises filogenéticas, de rede e AMOVA. Havia um total de 27 sítios polimórficos presentes em 11 haplótipos de mtDNA exclusivos dos 40 animais estudados de diferentes regiões. A rede de união de vizinhos e a rede de união mediana ilustram a divisão de todos esses haplótipos em duas linhagens núbias e somalis bem definidas, confirmando a origem materna africana do burro doméstico do Paquistão. Os parâmetros de diversidade h (0,967 ± 0,037) e (0,02917 ± 0,00307) revelaram altos níveis de diversidade genética em burros paquistaneses. AMOVA demonstrou apenas 1% de diferenças genéticas entre as duas linhagens maternas de mtDNA, apontando a falta de subestrutura populacional em burros paquistaneses, como é o caso da população mundial de burros domésticos. Os burros paquistaneses têm origem materna africana e altos níveis de diversidade de mtDNA. A alta diversidade genética pode ser por causa da reprodução não seletiva e de heteroplasmia. Aqui, fornecemos o primeiro relatório sobre a diversidade do mtDNA da região de controle em burros domésticos do Paquistão.

20.
Braz. j. biol ; 842024.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469340

ABSTRACT

Abstract Exosomes are 30-120nm bio particles transferred from donor to recipient cells leading to modification in their regulatory mechanisms depending upon the coded message in the form of loaded biomolecule. Cancer cells derived exosomes the true representatives of the parent cells have been found to modify the tumor surrounding/distinct regions and participate in metastasis, angiogenesis and immune suppression. Tis study was aimed to study the effects of tumor mice derived exosomes on the normal mice spleen isolated T cells by using co-culture experiments and flow cytometer analysis. We mainly focused on some of the T cells population and cytokines including IFN-, FOXP3+ regulatory T (Treg) cells and KI67 (proliferation marker). Overall results indicated random changes in different set of experiments, where the cancer derived exosomes reduced the IFN- expression in both CD4 and CD8 T cells, similarly the Treg cells were also found decreased in the presence of cancer exosomes. No significant changes were observed on the Ki67 marker expression. Such studies are helpful in understanding the role of cancer exosomes in immune cells suppression in tumor microenvironment. Cancer exosomes will need to be validated in vivo and in vitro on a molecular scale in detail for clinical applications.


Resumo Os exossomos são biopartículas de 30-120 nm transferidas de células doadoras para células receptoras, levando à modificação em seus mecanismos reguladores, dependendo da mensagem codificada na forma de biomolécula carregada. Verificou-se que exossomos derivados de células cancerosas os verdadeiros representantes das células-mãe modificam as regiões circundantes / distintas do tumor e participam da metástase, angiogênese e imunossupressão. Este estudo teve como objetivo estudar os efeitos de exossomos derivados de camundongos com tumor nas células T isoladas de baço de camundongos normais, usando experimentos de cocultura e análise de citômetro de fluxo. Concentrou-se, principalmente, em algumas populações de células T e citocinas, incluindo IFN-, células T reguladoras FOXP3 + (Treg) e KI67 (marcador de proliferação). Os resultados gerais indicaram mudanças aleatórias em diferentes conjuntos de experimentos, em que os exossomos derivados de câncer reduziram a expressão de IFN- em células T CD4 e CD8, da mesma forma que as células Treg também foram encontradas diminuídas na presença de exossomos de câncer. Nenhuma mudança significativa foi observada na expressão do marcador Ki67. Esses dados são úteis para a compreensão do papel dos exossomos do câncer na supressão de células do sistema imunológico no microambiente tumoral. Exossomos de câncer precisarão ser validados in vivo e in vitro em escala molecular com detalhes para aplicações clínicas.

SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL
...