Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 972
Filtrar
1.
Washington, D.C.; OPS; 2024-06-04. (OPS/IMT/QR/23-0003).
em Espanhol | PAHO-IRIS | ID: phr-60175

RESUMO

La provisión y el acceso a sangre segura para transfusiones están en relación estrecha con la organización y el grado de desarrollo de los servicios de sangre, con la gobernanza y con la participación de la sociedad a través de la donación voluntaria no remunerada. Sin embargo, un aspecto importante al abordar la disponibilidad de sangre es la actitud solidaria de las personas que donan sangre y componentes sanguíneos de manera voluntaria y regular. A pesar del notable aumento de la donación voluntaria de sangre en la región, la donación voluntaria aún se encuentra por debajo del 50% y la disponibilidad de sangre por cada mil habitantes en algunos países está muy por debajo de la demanda estimada. Desde el 2004, la Organización Panamericana de la Salud (OPS) ha recopilado y publicado los indicadores relacionados con el suministro de sangre en los países de América Latina y el Caribe, con el fin de facilitar el seguimiento de los avances en el suministro de sangre en los países de la Región. En el 2014, los países de la Región de las Américas reafirmaron su compromiso con la salud universal a través de la aprobación del Plan de acción para el acceso universal a sangre segura 2014-2019, aprobado por el 53.o Consejo Directivo celebrado en octubre del 2014 (CD53.6). Este plan promovía el acceso universal a sangre segura para transfusiones en la Región a través de donaciones voluntarias no remuneradas, la organización de servicios de sangre y la aplicación de estándares de calidad y seguridad y de acciones de gobernanza. El informe final del plan de acción para el acceso universal a sangre segura evidenció modestos avances obtenidos en su implementación, destacándose la cobertura del 100% de análisis de la sangre que se va a transfundir, lo cual llevó a una reducción muy importante en la posibilidad de transmisión por transfusión del VIH y otras infecciones. Sin embargo, este avance puede haber disminuido la prioridad del tema de la sangre en la agenda de salud pública, dejando rezagadas las demás acciones propuestas en el plan para aumentar la seguridad transfusional. También se demostró que es necesario intensificar la integración del tema de la sangre en programas prioritarios de salud pública a fin de destacar su relevancia en temas como la mortalidad materna, los trasplantes y el control de eventos infecciosos como los relacionados con las hepatitis B y C. Así mismo, se requiere fortalecer las acciones de gobernanza en la vigilancia y la organización eficiente de los servicios de sangre para disminuir la existencia de modelos de servicios dispersos, poco eficientes y con altos costos económicos que contribuyen a mantener bajos niveles de acceso y disponibilidad de sangre y escaso avance en la donación voluntaria no remunerada, entre otras acciones necesarias para la seguridad de la sangre. Los datos presentados en esta publicación permiten monitorizar e informar con indicadores específicos el progreso y las limitaciones en la aplicación del Plan de acción para el acceso universal a sangre segura. Asimismo, se espera que estos datos promuevan el análisis y la evaluación a nivel nacional, subregional, y la toma de decisiones que fortalezcan o modifiquen las estrategias que mejoren la seguridad de la sangre y la accesibilidad a las transfusiones. La información fue proporcionada por las autoridades de los países y corresponde a los años 2018, 2019 y 2020.


Assuntos
Sangue , Serviço de Hemoterapia , Acesso a Medicamentos Essenciais e Tecnologias em Saúde , Doação de Sangue , América , Região do Caribe
2.
Brasília; CONITEC; 2024.
Não convencional em Português | BRISA/RedTESA | ID: biblio-1553749

RESUMO

INTRODUÇÃO: A doença falciforme (DF) se refere a um grupo de hemoglobinopatias nas quais a mutação na hemoglobina (Hb) associada à falcização das hemácias é co-herdada com mutações em outras beta globinas. A doença evolui com vaso-oclusão e outras complicações crônicas, graves e multissistêmicas. Uma das principais complicações da DF ­ que ocorre especialmente em pessoas com os genótipos HbSS e HbSbeta0 ­ é a nefropatia falciforme, que pode evoluir desde quadros assintomáticos até doença crônica renal (DRC). Além do tratamento padrão com hidroxiureia e transfusões sanguíneas, diretrizes internacionais recomendam o tratamento com agentes estimulantes da eritropoiese (AEE), como a alfaepoetina para pacientes com comprometimento renal. O uso desse medicamento está consolidado para tratamento da anemia em DRC em pacientes sem DF, estando incorporada ao SUS como pó para solução injetável e em solução injetável para o tratamento desta condição clínica. PERGUNTA: Alfaepoetina em associação ao cuidado-padrão comparada ao cuidado-padrão, é eficaz, efetiva, segura, custo-efetiva e viável economicamente para o tratamento de adultos com DF que apresentam comprometimento renal associado à piora do quadro de anemia? EVIDÊNCIAS CLÍNICAS: Foram incluídos oito estudos observacionais que apresentaram os resultados por meio de análises antes/depois de parâmetros clínicos e hematológicos. O uso de alfaepoetina esteve associado à melhora significativa estatisticamente na concentração de Hb (variação de 4 a 32,8% de aumento nos níveis de Hb comparados aos valores da linha de base, p<0,05), nos níveis percentuais de Hb-F (a diferença variou de 5,2 a 17,1% entre os estudos, p<0,05) e na redução da necessidade de transfusões sanguíneas (resultados quantitativos não reportados). Não houve aumento de crises vaso-oclusivas (CVO) ou tromboembolismo venoso (TEV), sugerindo que o tratamento com alfaepoetina pode ser seguro (resultados quantitativos não reportados). A certeza na evidência pelo GRADE foi muito baixa para todos os desfechos, com preocupações relacionadas ao risco de viés e imprecisão. Ao considerar apenas a evidência para um subgrupo de pacientes (n=4) com comprometimento renal para o desfecho de concentração de Hb (aumento de 29,0%) a certeza na evidência permanece muito baixa, apesar de não haver, neste caso, rebaixamento da qualidade da evidência por evidência indireta. AVALIAÇÃO ECONÔMICA (AE): Foi elaborada uma análise de custo-efetividade/utilidade a partir de modelo de árvore de decisão com horizonte temporal de um ano para avaliar as consequências da alfaepoetina na redução da necessidade de transfusões sanguíneas em termos de custos e ano de vida ajustado por qualidade (QALY). A análise demonstrou que a alfaepoetina + cuidado padrão para o tratamento de adultos com DF apresentando declínio da função renal e piora dos níveis de hemoglobina, quando comparado ao cuidado padrão, apresenta modesto benefício clínico (incremental de 0,033 QALY e redução de custo - R$ 11.564). A alfaepoetina permaneceu como alternativa dominante nas simulações realizadas nas análises de sensibilidade. ANÁLISE DE IMPACTO ORÇAMENTÁRIO (AIO): O tamanho da população elegível foi estimado por demanda aferida combinada à demanda epidemiológica, sendo identificado em média 5.274 pacientes por ano. A taxa de difusão de alfaepoetina variou de 10% a 50% entre primeiro e último anos. O custo direto com aquisição da alfaepoetina variou de R$ 806.129 no primeiro ano a R$ 4.853.242 no quinto ano de incorporação. A AIO construída, atrelada à análise de custoefetividade, sugeriu uma economia de R$ 96.545.791 acumulada em cinco anos. Esta economia é decorrente da efetividade do medicamento em reduzir a necessidade de transfusões frequentes, uma vez que este procedimento está associado a altos custos, como os custos da terapia de quelação de ferro. As análises de sensibilidade reforçaram estes resultados. MONITORAMENTO DO HORIZONTE TECNOLÓGICO: Foram identificadas 2 tecnologias para o potencial tratamento de pessoas com doença falciforme, apresentando declínio da função renal e piora dos níveis de hemoglobina. Crizanlizumabe, anti-P selectina, com registro na Anvisa, EMA e FDA. Voxelotor, registrada na EMA e FDA. PERSPECTIVA DO PACIENTE: Foi aberta Chamada Pública nº 35/2023 para inscrição de participantes para a perspectiva do paciente, durante o período de 21 a 27/09/2023, e 11 pessoas se inscreveram, mas nenhuma atendia aos critérios da chamada. A Secretaria-Executiva da Conitec realizou uma busca ativa junto a especialistas, associações de pacientes e Centros de Tratamento para identificar um usuário do SUS que pudesse fazer o relato na reunião da Conitec. Em sua fala, o participante informou que há 10 anos apresentou elevação nas taxas de potássio, necessitando fazer, na época, uso do medicamento denominado "sorcal" (poliestirenossulfonato de cálcio). Há cerca de cinco anos começou a fazer uso da alfaepoetina. O medicamento, segundo ele, mantém a insuficiência renal controlada sem provocar efeitos adversos. Há algum tempo, entretanto, vem apresentando queda nas taxas de hemoglobina, necessitando receber transfusões de sangue a cada dois meses, procedimento que até então não era rotineiro. Não sabe dizer se o declínio das taxas de hemoglobina se deve ao uso da alfaepoetina. RECOMENDAÇÃO PRELIMINAR DA CONITEC: Os membros do Comitê de Medicamentos presentes na 16ª Reunião Extraordinária da Conitec, realizada no dia 01 de novembro de 2023, deliberaram por unanimidade, que a matéria fosse disponibilizada em consulta pública com recomendação preliminar favorável à incorporação ao SUS da alfaepoetina (rHuePO, eritropoietina humana recombinante) para adultos com doença falciforme, com comprometimento renal associado à piora do quadro de anemia. Discutiu-se a necessidade de estabelecer, no contexto da atualização do PCDT, critérios objetivos de declínio da função renal, queda de hemoglobina e níveis de eritropoetina endógena para compor critérios de uso do medicamento. Sugeriu-se o uso de critérios relativos, como queda de 25% ou mais na TFGe em relação ao valor basal. Ademais, frente às incertezas quanto às evidências de benefício, especialmente no longo prazo, recomendou-se que sejam definidos no PCDT da DF, além dos critérios para uso, critérios de interrupção do tratamento na ausência de benefício clínico. CONSULTA PÚBLICA: A consulta pública nº 56 foi realizada entre os dias 26/12/2023 e 15/01/2024 e recebeu uma contribuição técnico-científica e oito contribuições de experiência e opinião. A contribuição técnico-científica foi emitida pela Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular (ABHH), que se posicionou favoravelmente à incorporação, destacando que a tecnologia irá impactar positivamente a qualidade de vida dos pacientes, possibilitando a redução das transfusões de hemácias e da quelação de ferro, e, consequentemente, reduzindo custos associados às complicações. Especialistas participantes do processo de atualização do PCDT da DF contribuíram apresentado critérios de uso e interrupção do tratamento, tendo em vista as discussões realizadas durante a reunião de apresentação da demanda. Em relação às contribuições recebidas pelo formulário de experiência e opinião, observou-se que em uma delas havia um anexo, o qual, por se tratar de artigo científico, foi encaminhado para ser incorporado à análise das contribuições de natureza técnico-científica. Todas as contribuições concordaram com a recomendação preliminar da Conitec, que foi favorável à incorporação da tecnologia avaliada. A eficácia da tecnologia, a melhora da qualidade de vida e a importância do acesso por meio do SUS foram mencionados como pontos a favor da incorporação. Como resultados positivos e facilidades da tecnologia em avaliação, foram mencionadas a eficácia do medicamento e a importância de estar disponível no SUS. Quanto aos efeitos negativos, ao lado da consideração da inexistência de efeitos negativos, foi mencionada a dificuldade de acesso ao medicamento. RECOMENDAÇÃO FINAL DA CONITEC: Após apreciação das contribuições recebidas na Consulta Pública, os membros do Comitê de Medicamentos presentes na 126ª Reunião Ordinária da Conitec deliberaram, por unanimidade, recomendar a incorporação da alfaepoetina para o tratamento de pacientes com doença falciforme apresentando declínio da função renal e piora dos níveis de hemoglobina conforme Protocolo Clínico do Ministério da Saúde. Foi assinado o Registro de Deliberação nº 871/2024. DECISÃO: incorporar, no âmbito do Sistema Único de Saúde - SUS, a alfaepoetina para o tratamento de pacientes com doença falciforme apresentando declínio da função renal e piora dos níveis de hemoglobina, conforme Protocolo Clínico do Ministério da Saúde, publicada no Diário Oficial da União, nº 66, seção 1, página 109, em 05 de abril de 2024.


Assuntos
Humanos , Hemoglobinas/deficiência , Eritropoetina/uso terapêutico , Insuficiência Renal/etiologia , Anemia Falciforme/tratamento farmacológico , Avaliação em Saúde/economia , Sistema Único de Saúde , Brasil , Análise Custo-Benefício/economia
3.
Rev. esp. patol ; 56(3): 158-167, Jul-Sep. 2023. ilus, tab
Artigo em Inglês | IBECS | ID: ibc-223320

RESUMO

Idiopathic multicentric Castleman disease (iMCD) is rare. The differential diagnosis includes inflammatory, autoimmune and neoplastic disease. The identification of the histopathological features of Castleman disease in the lymph node is the main diagnostic criterion.Fifty-three experts from three medical societies (SEMI, SEHH and SEAP) have created a multi-disciplinary consensus document in order to standardise the diagnosis of Castleman disease. Using the Delphi method, specific recommendations for the initial clinical, laboratory and imaging studies have been made for an integrated diagnosis of iMCD as well as for the best way to obtain samples for histopathological confirmation, correct laboratory procedure and interpretation and reporting of results.(AU)


La enfermedad de Castleman multicéntrica idiopática (ECMi) es una patología infrecuente. El diagnóstico diferencial incluye patología inflamatoria, autoinmune y neoplásica. El estudio anatomopatológico del ganglio linfático y la identificación de las características histopatológicas de la enfermedad de Castleman constituyen un criterio principal para el diagnóstico.Con el objetivo de estandarizar el proceso diagnóstico de esta patología, se ha desarrollado un documento de consenso multidisciplinario con la participación de 53 expertos de tres sociedades médicas (Sociedad Española de Medicina Interna [SEMI], Sociedad Española de Hematología y Hemoterapia [SEHH] y Sociedad Española de Anatomía Patológica [SEAP]). Mediante el método Delphi se han validado las recomendaciones específicas para el diagnóstico integrado de la ECMi con respecto a los estudios clínicos, de laboratorio y de imagen necesarios en el abordaje inicial del paciente y las recomendaciones acerca de la mejor obtención de muestras para confirmación histopatológica, así como procedimientos de laboratorio para el estudio de las muestras, interpretación de resultados y emisión de un informe anatomopatológico.(AU)


Assuntos
Humanos , Prova Pericial , Hiperplasia do Linfonodo Gigante/diagnóstico , Diagnóstico Diferencial , Interleucina-6 , Inquéritos e Questionários , Patologia
4.
San Salvador; MINSAL; sept. 04, 2023. 70 p. ilus, graf.
Não convencional em Espanhol | BISSAL, LILACS | ID: biblio-1510000

RESUMO

El presente manual de procesos y procedimientos documenta los servicios que se ofrecen en la atención al usuario interno y externo para la gestión de la sangre, inmunohematología y hemoterapia como parte del proceso de atención en salud integral e integrada a la persona en el curso de vida con enfoque de atención primaria en salud, describe el sistema de operación ofrecido en los establecimientos de salud, mediante el enfoque por procesos, fomentando así el desarrollo organizacional y el mejoramiento continuo para el cumplimiento de la misión institucional. Establece las bases para la ejecución de los procedimientos como parte de los procesos institucionales, unificando criterios de contenido que permite la sistematización de las actividades y la definición de la metodología para efectuarlas. Esta herramienta táctica y operativa, permite integrar las actividades y tareas de manera oportuna, para el logro de la prestación de servicios con calidad en los establecimientos de salud que lo necesiten, facilitando el cumplimiento de las normativas y lineamientos de programas especiales o por ciclo de vida vigentes en el Ministerio de Salud, así como la armonización con la sistematización y uso de herramientas tecnológicas que sea necesario implementar para volver más eficaz el trabajo del talento humano en salud


This manual of processes and procedures documents the services offered in the care of internal and external users for blood management, immunohematology and hemotherapy as part of the process of comprehensive and integrated health care for the person throughout the life course. With a focus on primary health care, it describes the operation system offered in health establishments, through the process approach, thus promoting organizational development and continuous improvement to fulfill the institutional mission. Establishes the bases for the execution of procedures as part of institutional processes, unifying content criteria that allows the systematization of activities and the definition of the methodology to carry them out. This tactical and operational tool allows the integration of activities and tasks in a timely manner, to achieve the provision of quality services in the health establishments that need it, facilitating compliance with the regulations and guidelines of special programs or by cycle of life in force in the Ministry of Health, as well as harmonization with the systematization and use of technological tools that need to be implemented to make the work of human talent in health more effective


Assuntos
Sangue , Antígenos de Grupos Sanguíneos , Serviço de Hemoterapia , Manuais como Assunto , El Salvador
5.
Brasília; CONITEC; jul. 2023.
Não convencional em Português | BRISA/RedTESA | ID: biblio-1452598

RESUMO

INTRODUÇÃO: A leucemia linfocítica crônica (LLC) é uma desordem linfoproliferativa, composta por linfócitos B redondos monomórficos envolvendo sangue periférico, medula óssea e órgãos linfoides. A maioria dos pacientes é assintomática ao diagnóstico e não requer tratamento. Outros apresentam a doença em estado de progressão, com necessidade de tratamento logo após o diagnóstico. A apresentação clínica geralmente é caracterizada por linfadenopatias palpáveis e/ou esplenomegalia, anemia, trombocitopenia, fadiga, febre, perda de peso não intencional, sudorese noturna e plenitude abdominal com saciedade precoce. A LLC também aumenta a vulnerabilidade a infecções por meio de alterações na imunidade humoral e mediada por células. É mais frequentemente diagnosticada entre homens, caucasianos, com idade entre 65 e 74 anos. O diagnóstico é estabelecido por hemograma, esfregaço sanguíneo e imunofenotipagem. Na avaliação do estadiamento são utilizados os sistemas Rai e Binet, baseados em indicadores físicos (presença de linfonodos, baço e/ou fígado aumentados) e parâmetros sanguíneos (anemia ou trombocitopenia). Para pacientes em boas condições físicas e ausência de comorbidades ou presença de comorbidades leves, a combinação de fludarabina, ciclofosfamida e rituximabe (FCR) pode ser utilizada como tratamento de primeira linha. PERGUNTA: A associação entre rituximabe e quimioterapia (fludarabina e ciclofosfamida) é mais eficaz, segura e custoefetiva do que a quimioterapia isolada, em primeira linha de tratamento da leucemia linfocítica crônica (LLC)? EVIDÊNCIAS CLÍNICAS: Rituximabe associado à fludarabina e ciclofosfamida (FCR) apresentou redução de 41% no risco de óbito ou progressão da doença, quando comparado ao grupo que recebeu quimioterapia (FC) (HR: 0,59; IC 95% 0,50- 0,69). A mediana de sobrevida livre de progressão (SLP) foi de 51,8 meses (IC 95% 46,2-57,6) para os indivíduos que receberam FCR em comparação a 32,8 meses (IC 95% 29,6-36,0) para quem recebeu FC. O benefício da FCR na SLP foi observado tanto para pacientes com idade < 0,0001). Dez óbitos ocorreram no grupo que recebeu FC, sendo que seis casos (60%) foram causados por infecção. No grupo que recebeu FCR ocorreram oito óbitos, desses, cinco casos (62,5%) foram relacionados à infecção. Com maior tempo de observação, o grupo tratado com FCR apresentou maior frequência de neutropenia prolongada graus 3 e 4, pelo período ≤ 1 ano após o final do tratamento, em comparação ao grupo que recebeu FC [FCR= 67 pacientes (16,6%) versus FC= 34 pacientes (8,6%); p-valor= 0,007]. Um ano após o final do tratamento a diferença não foi mais observada [FCR= 16 pacientes (4%) versus FC= 14 pacientes (3,5%); p-valor= 0,75). Toxicidade hematológica (p-valor= 0,04) e infecção bacteriana (p-valor= 0,004) foram mais frequentes entre os pacientes com 65 anos ou mais do que nos mais jovens. AVALIAÇÃO ECONÔMICA: Foi realizada uma análise de custo-utilidade comparando o uso do FCR a FC, em tratamento de primeira linha para LLC, na perspectiva do SUS. O preço considerado para a tecnologia nessa análise foi de R$264,99. Por meio de uma análise de sobrevida particionada foi simulada uma coorte hipotética, com horizonte temporal de oito anos e taxa de desconto anual de 5%. O esquema de tratamento FCR apresentou custo de tratamento por paciente igual a R$ 29.106,99, um incremental de R$14.449,29, proporcionando ganho incremental de 0,5 QALYs (quality ajusted life years) e razão de custo-efetividade incremental (RCEI ou ICER) de R$28.564,07/QALY. As variáveis com maior impacto foram a utilidade da SLP e o custo do rituximabe a partir do segundo ciclo. Na análise de sensibilidade probabilística a maioria das simulações ficaram abaixo do limiar de R$40.000/QALY (1 PIB per capita). ANÁLISE DE IMPACTO ORÇAMENTÁRIO: O cálculo do impacto orçamentário (IO) foi realizado para um horizonte temporal de cinco anos e considera exclusivamente os custos dos esquemas terapêuticos. Foi considerado um market share de 60% do esquema de tratamento FCR no primeiro ano de incorporação, com aumento de 10% ao ano até o final do horizonte temporal. A população estimada a ser beneficiada pela incorporação da tecnologia foi de 7.098 pacientes por ano, número que corresponde ao número médio de Autorizações de Procedimentos de Alta Complexidade registradas por ano entre 2017 e 2021. Dessa forma o impacto orçamentário incremental variou de R$ 11.875.890,94 a R$ 26.776.069,32. RECOMENDAÇÕES INTERNACIONAIS: As quatro agências de ATS avaliadas (NICE, SMC, CADTH e PBAC) recomendam o uso de rituximabe em combinação com fludarabina e ciclofosfamida como uma opção para o tratamento de primeira linha de LLC. MONITORAMENTO DO HORIZONTE TECNOLÓGICO: Foram identificados sete medicamentos: dois da classe de inibidores de tirosina quinase de Bruton administrados por via oral (orelabrutinibe e pirtobrutinibe), dois anticorpos monoclonais administrados por via intravenosa (ublituximabe e lirilumabe), duas vacinas peptídicas subcutâneas derivadas de PD-L1 e PD-L2 (IO-103 e IO-120 + IO-103) e um inibidor beta da proteína quinase C (MS-553) administrado por via oral. CONSIDERAÇÕES FINAIS: A evidência clínica de eficácia e segurança apresentou superioridade do rituximabe em associação a fludarabina e ciclofosfamida, para indivíduos hígidos, mais jovens e sem comorbidades. Com relação a efetividade, o esquema FCR se mostrou custo-efetivo, com um ganho em QALY de 0,5 em comparação ao FC. A razão de custoefetividade incremental (RCEI ou ICER) foi de R$28.564,07/QALY (abaixo do limiar de 1 PIB per capita). PERSPECTIVA DO PACIENTE: A chamada pública de número 02/2023 para participar da Perspectiva do Paciente sobre o tema foi aberta de 13/02/2023 a 26/02/2023 e duas pessoas se inscreveram. O participante relatou que foi diagnosticado com LLC em 2009, quando tinha 50 anos de idade. O estágio da doença foi considerado Rai II e Binet B, com risco intermediário. Realizou o tratamento com FCR, em seis ciclos de aplicações. O primeiro foi realizado com o paciente internado, em dois dias de aplicação, o primeiro com rituximabe e o seguinte com a fludarabina e ciclofosfamida. Os ciclos seguintes foram realizados em ambulatório. Ele relatou que teve evento adverso, como a perda de neutrófilos, mas ao fim dos seis ciclos, que foi em junho de 2010, já estava estabilizado e com a LLC em remissão. RECOMENDAÇÃO PRELIMINAR DA CONITEC: Os membros do Comitê de Medicamentos, presentes na 117ª Reunião Ordinária da Conitec, realizada no dia 28 de março de 2023, deliberaram por unanimidade que a matéria fosse disponibilizada em consulta pública com recomendação preliminar favorável à incorporação ao SUS do rituximabe associado à quimioterapia com fludarabina e ciclofosfamida para o tratamento de primeira linha da leucemia linfocítica crônica. Para essa recomendação, a Conitec considerou a tecnologia eficaz, segura e custo-efetiva. CONSULTA PÚBLICA: Foi realizada entre 02/05/2023 e 22/05/2023 a Consulta Pública nº 15/2023. Foram recebidas 14 contribuições, sendo 10 pelo formulário para contribuições técnico-científicas e quatro pelo formulário para contribuições de experiência ou opinião de pacientes, familiares, amigos ou cuidadores de pacientes, profissionais de saúde ou pessoas interessadas no tema. Das 10 contribuições técnico-científicas, sete foram de pessoa física (profissionais de saúde) e três de pessoa jurídica (organização de sociedade civil). Além das contribuições descritas no próprio formulário, também foram anexados quatro documentos: dois ofícios da Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular ­ ABHH; um ofício da Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia ­ ABRALE e uma nota da Secretaria Estadual de Saúde de Minas Gerais ­ SES-MG. Todas as contribuições e documentos apresentaram argumentações favoráveis à recomendação preliminar da Conitec. Sobre as contribuições de experiência e opinião, foram quatro no total, todas enviadas por pessoas físicas, sendo três concordantes com a recomendação preliminar e uma que declarava não ter opinião formada sobre o tema. Todas as contribuições foram descritas no próprio formulário, nenhum documento foi anexado. Não foram enviadas contribuições discordantes da recomendação preliminar relacionadas às informações sobre evidências clínicas, avaliação econômica e impacto orçamentário. RECOMENDAÇÃO FINAL DA CONITEC: Os membros do Comitê de Medicamentos, presentes na 120ª Reunião Ordinária da Conitec, no dia 29 de junho de 2023, deliberaram por unanimidade, recomendar a incorporação do rituximabe associado à quimioterapia com fludarabina e ciclofosfamida para o tratamento de primeira linha da leucemia linfocítica crônica. Não foram acrescentadas informações durante a consulta pública que pudessem modificar a recomendação preliminar da Conitec. Foi assinado o Registro de Deliberação nº 835/2023. DECISÃO: Incorporar, no âmbito do Sistema Único de Saúde - SUS, o rituximabe associado à quimioterapia com fludarabina e ciclofosfamida para o tratamento de primeira linha.


Assuntos
Humanos , Leucemia Linfocítica Crônica de Células B/tratamento farmacológico , Ciclofosfamida/uso terapêutico , Rituximab/uso terapêutico , Sistema Único de Saúde , Brasil , Eficácia , Análise Custo-Benefício/economia , Combinação de Medicamentos
6.
Acta méd. peru ; 40(3)jul. 2023.
Artigo em Espanhol | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1527616

RESUMO

Objetivo: determinar la relación entre el Ret-He con diferentes categorías según la concentración de hemoglobina en candidatos a donar sangre. Materiales y Métodos: Se realizó un estudio transversal a partir de la revisión de 227 historias clínicas de candidatos a donar sangre durante el mes de diciembre del 2021 en el Servicio de Banco de Sangre y Hemoterapia del Hospital Cayetano Heredia. Se categorizó en 3 grupos según los niveles de hemoglobina: Grupo 1: ≥12,5 g/dl (mujeres) - ≥13,5 g/dl (varones). Grupo 2: 12 g/dl ≥ mujeres <12.5 g/dl y 13 g/dl ≥ varones<13.5 g/dl. Grupo 3: <12 g/dl (mujeres) - <13 g/dl (varones). Se tomaron datos de hematocrito, hemoglobina, VCM, HCM, CHCM y Ret-He. Para el análisis bivariado se utilizó el análisis de varianza (ANOVA) y se consideró un nivel de significancia del 5 %. Resultados: La mediana de Ret-He fue mayor en el grupo 1 que en el grupo 2 (33.5 frente a 32.5; p=0.002) y en el grupo 3 (33.5 frente a 27.8; p<0.001). Se encontró relación estadísticamente significativa entre los grupos estudiados y Ret-He (p<0.001), además de una correlación positiva moderada fuerte entre Ret-He y los índices eritrocitarios. Conclusiones: Se encontró una asociación significativa entre los grupos basados en categorías de hemoglobina y la Ret-He en candidatos a donar sangre.


Objective: to determine the relationship between Ret-He with different categories according to hemoglobin concentration in candidates for blood donation. Methods: A cross-sectional study was carried out based on the review of 227 medical records of candidates to donate blood during the month of December 2021 in the Blood Bank and Hemotherapy Service of the Cayetano Heredia Hospital. They were categorized into 3 groups according to hemoglobin levels: Group 1: ≥12.5 g/dl (females) - ≥13.5 g/dl (males). Group 2: 12 g/dl ≥ females <12.5 g/dl and 13 g/dl ≥ males<13.5 g/dl. Group 3: <12 g/dl (females) - <13 g/dl (males). Hematocrit, hemoglobin, VCM, HCM, CHCM and Ret-He data were collected. For the bivariate analysis, analysis of variance (ANOVA) was used and a significance level of 5% was considered. Results: The median Ret-He was higher in group 1 than in group 2 (33.5 vs. 32.5; p=0.002) and in group 3 (33.5 vs. 27.8; p<0.001). A statistically significant relationship was found between the groups studied and Ret-He (p<0.001), in addition to a moderate-strong positive correlation between Ret-He and erythrocyte indices. Conclusions: An association was found between groups based on hemoglobin categories and Ret-He in blood donation candidates.

7.
Ciênc. Saúde Colet. (Impr.) ; 28(5): 1387-1397, maio 2023. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1439801

RESUMO

Resumo Estudo que teve por objetivo analisar a gestão dos serviços hemoterápicos (SH) no contexto da pandemia de COVID-19, na perspectiva de gestores de municípios de diferentes regiões do Brasil. Pesquisa de abordagem qualitativa com entrevistas semiestruturadas aplicadas a gestores dos SH das três capitais brasileiras de diferentes regiões do Brasil, no período de setembro de 2021 a abril de 2022. O conteúdo textual das entrevistas foi submetido à análise textual lexicográfica a partir do uso do software Iramuteq, de acesso gratuito. As percepções dos gestores resultaram da análise da classificação hierárquica descendente (CHD), que gerou seis classes: disponibilidade de recursos para o desenvolvimento do trabalho; capacidade instalada dos serviços; estratégias e desafios para captação de doadores de sangue; riscos e proteção dos trabalhadores; medidas para gestão da crise; estratégias de comunicação para a adesão de candidatos para doação. A análise evidenciou diversas estratégias utilizadas pela gestão, bem como apontou limites e desafios para a organização e a gestão de serviços hemoterápicos, agudizados no contexto da pandemia.


Abstract This study aimed to analyze the management of hemotherapy services (HS) in the context of the COVID-19 pandemic from the perspective of municipal managers in different regions of Brazil. A qualitative approach with semi-structured interviews was applied to HS managers in the three Brazilian capitals, from different regions of Brazil, during the period between September 2021 and April 2022. The textual content of the interviews was submitted to lexicographic textual analysis using the free access software, Iramuteq. The managers' perceptions resulted from the descending hierarchical classification (DHC) analysis, which generated six classes: availability of resources for the development of work; installed capacity of services; strategies and challenges for attracting blood donors; risks and worker protection; measures for crisis management; and communication strategies for the adhesion of candidates for donation. The analysis highlighted several strategies used by the management, as well as pointed out limits and challenges for HS organization and management, exacerbated in the context of the pandemic.

8.
Rev. ABENO ; 23(1): 1798, mar. 2023.
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-1436933

RESUMO

Por apresentarem maior risco de sangramento durante a realização de procedimentos odontológicos, pacientes diagnosticados com coagulopatias ou trombopatias hereditárias apresentam, frequentemente, dificuldade de acesso à assistência odontológica na Atenção Primária em Saúde. Alguns centros especializados no tratamento dessas doenças contam com o cirurgião-dentista como parte da equipe multiprofissional, permitindo que a maioria dos pacientes realizem o acompanhamento odontológico em tais serviços. Este estudo tem como objetivo relatar a experiência dos discentes de graduação e pós-graduação em Odontologia da Universidade Federal do Paraná na reabertura do ambulatório odontológico de assistência à pacientes com coagulopatias e trombopatias hereditárias do estado. Com a aposentadoria da profissional responsável pelos atendimentos odontológicos deste serviço, os pacientes ficaram desassistidos. Para suprir a demanda reprimida, o ambulatório foi reaberto como atividade extramuros da graduação e pós-graduação em Odontologia. Este fato possibilitou, além da retomada ao cuidado odontológicode pacientes com predisposição a hemorragias, o aprimoramento dos alunos no atendimento de pacientes com comprometimento sistêmico. A reabertura de um ambulatório de alta complexidade em saúde como campo de prática acadêmico é atípico, uma vez que comumente o processo se dá de forma inversa: o discente ingressando em um serviço bem estabelecido. Na presente experiência, os discentes tiveram atuação fundamental no restabelecimento da assistência à saúde pelo ambulatório de Odontologia do hemocentro (AU).


Debido a su mayor riesgo de hemorragia durante los procedimientos dentales, los pacientes diagnosticados con coagulopatías o trombopatías hereditarias a menudo tienen dificultades para acceder a la atención dental en la Atención Primaria de Salud. Algunos centros especializados en el tratamiento de estas enfermedades cuentan con el odontólogo como parte del equipo multidisciplinario, haciendo que la mayoría de los pacientes se sometan a un seguimiento odontológico en dichos servicios. Este estudio tiene como objetivo reportar la experiencia de estudiantes de pre y posgrado en Odontología de la Universidade Federal do Paraná en la reapertura de laconsulta externa de odontología para pacientes con coagulopatías y trombopatías hereditarias en el estado. Con la jubilación del profesional responsable de la atención odontológica de este servicio, los pacientes quedaron desatendidos. Para atender la demanda reprimida, se reabrió el ambulatorio como actividad extramuros para los cursos de grado y posgrado en Odontología. Este hecho posibilitó, además de la reanudación de la atención odontológica de los pacientes con predisposición a la hemorragia, la mejora de los estudiantes en la atención de los pacientes con deterioro sistémico. La reapertura de una clínica de salud de alta complejidad como campo de práctica académica es atípica, ya que el proceso comúnmente se da a la inversa: el estudiante ingresa a un servicio bien establecido. En la experiencia actual, los estudiantes tuvieron un papel fundamental en el restablecimiento de la atención de la salud por parte de la consulta externa de Odontología del Hemocentro (AU).


Due to their increased risk of bleeding during dental procedures, patients diagnosed with hereditary coagulopathies or thrombopathies often have difficulty in accessing dental care in primary health care. Some centres specialised in the treatment of these diseases have a dentist as part of the multidisciplinary team, making most patients undergo dental follow-up in such services. This study aims to report the experience of undergraduate and graduate students in dentistry at the Federal University of Paraná in the re-opening of the dental outpatient clinic for patients with hereditary coagulopathies and thrombopathies in the State of Paraná. With the retirement of the dentist accounting for local dental care, the patients were left unattended. To meet the repressed demand, the dental outpatient clinic was re-opened as an extramural activity for undergraduate and postgraduate courses in dentistry. This fact made it possible to improve the students' care for patients with systemic impairment, in addition to resuming dental care for patients with predisposition to haemorrhage. The re-opening of a highly complex clinic as a field of academic practice is atypical, as the process commonly takes place in reverse order, that is, with the student entering well-established service. In the present experience, the students played a fundamental role in the re-establishment of dental care at the blood centre (AU).


Assuntos
Estudantes de Odontologia , Transtornos da Coagulação Sanguínea , Assistência Odontológica , Serviço de Hemoterapia , Equipe de Assistência ao Paciente , Atenção Primária à Saúde
9.
Terminologia | DeCS - Descritores em Ciências da Saúde | ID: 051545

RESUMO

A service which function is to provide hemotherapy or hematologic care, by recruiting blood donors, processing blood, performing the necessary tests and preparing transfusions.


Un servicio cuya función es proporcionar hemoterapia o atención hematológica, por medio de encontrar donantes de sangre, de procesar la sangre colectada, realizando las pruebas necesarias, y de preparar las transfusiones.


Tem a função de prestar assistência hemoterápica e/ou hematológica, o qual recruta doadores, processa o sangue, realiza os testes necessários, armazena e prepara transfusões, podendo ou não prestar atendimento ambulatorial.

10.
Terminologia | DeCS - Descritores em Ciências da Saúde | ID: 059932

RESUMO

The therapeutic administration of a mixture of ozone, subcutaneously, intramuscularly, intradiscal, intracavitary (peritoneal and pleural spaces), intravaginal, intraurethral and vesical, in addition to the route by autohemotherapy. Ozone is administered in a gas mixture of about 95% oxygen and no more than 5% ozone.


La administración terapéutica de una mezcla de ozono, por vía subcutánea, intramuscular, intradiscal, intracavitaria (espacios peritoneal y pleural), intravaginal, intrauretral y vesical, además de la vía por autohemoterapia. El ozono se administra en una mezcla de gases de alrededor del 95% de oxígeno y no más del 5% de ozono.


Administração terapêutica de uma mistura de ozônio, por via subcutânea, intramuscular, intradiscal, intracavitária (espaços peritonial e pleural), intravaginal, intrauretral e vesical, além da via por auto-hemoterapia. O ozônio é administrado em mistura gasosa de cerca de 95% de oxigênio e não mais que 5% de ozônio.

11.
Terminologia | DeCS - Descritores em Ciências da Saúde | ID: 026096

RESUMO

Therapy based on the utilization of the patient's own blood, which may or may not be prepared according to homeopathic pharmaceutical procedures. It is not considered a homeopathic remedy as no previous tests have been conducted on healthy humans.


Terapia que utiliza la sangre del enfermo, preparado o no de acuerdo a la farmacotecnia homeopática. No se consideran una medicación homeopática porque no tiene experimentación previa en el hombre sano.


Terapia baseada na utilização do sangue do próprio paciente, preparado de acordo ou não à farmacotécnica homeopática. Não é um medicamento homeopático porque não tem experimentação prévia no homem são.

12.
O.F.I.L ; 33(3): 259, 2023. graf, tab
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-224986

RESUMO

Objetivo: Analizar el impacto sanitario y económico, así como evaluar la actividad clínica y asistencial, que supone la integración de un farmacéutico de hospital en un Servicio de Hematología y Hemoterapia. Material y métodos: Se trata de un estudio observacional prospectivo, unicéntrico, realizado en un hospital de tercer nivel desde enero de 2014 hasta febrero de 2019, diseñado para definir las funciones y las actividades clínicas a realizar por un farmacéutico de hospital integrado en un Servicio de Hematología de un hospital de tercer nivel y medir los resultados que se obtienen mediante la adopción de este nuevo modelo asistencial integrado Hematología-Farmacia, basado en la multidisciplinariedad. Resultados: El farmacéutico se integró totalmente en la actividad clínica diaria del equipo multidisciplinar perteneciente al Servicio de Hematología y Hemoterapia, siendo un facilitador del trabajo diario de los profesionales del Servicio de Hematología y un mediador de las necesidades de ambos servicios implicados (Hematología y Farmacia). Esta integración permitió garantizar la seguridad en la administración de tratamientos hematológicos en 9.125 pacientes hematológicos, reducir los errores de medicación en un 95%, detectar y notificar 45 reacciones adversas a medicamentos, diseñar medidas de eficiencia y seguimiento de las mismas en patologías de elevado impacto económico como mieloma múltiple, leucemia linfática crónica, leucemia mieloide crónica y hemofilia, consiguiendo un ahorro de 1.500.000 euros, entre otros resultados. Conclusiones: La integración de un farmacéutico de hospital en un Servicio de Hematología constituye una medida de innovación y eficiencia, mejora la calidad asistencial, garantiza la seguridad, favorece la sostenibilidad del sistema sanitario y facilita la incorporación de innovación. (AU)


Objective: To analyze the health and economic impact and to evaluate the clinical and care activity of the integration of a hospital pharmacist in a Hematology and Hemotherapy Service. Material and methods: This is a prospective, single-centre, observational study conducted in a tertiary hospital from January 2014 to February 2019, designed to define the functions and clinical activities to be performed by a hospital pharmacist integrated into a Hematology and Hemotherapy Service of a tertiary hospital and to measure the results obtained by adopting this new integrated Hematology-Pharmacy care model, based on multidisciplinarity. Results: The pharmacist was fully integrated into the daily clinical activity of the multidisciplinary team belonging to the Hematology and Hemotherapy Service, being a facilitator of the daily work of the professionals of the Hematology Service and a mediator of the needs of both services involved (Hematology and Pharmacy). This integration made it possible to guarantee safety in the administration of hematological treatments in 9,125 hematological patients, to reduce medication errors by 95%, to detect and notify 45 adverse drug reactions, to design efficiency measures and follow-up of these in pathologies with a high economic impact such as multiple myeloma, chronic lymphatic leukemia, chronic myeloid leukemia and hemophilia, achieving savings of 1,500,000 euros, among other results. Conclusions: The integration of a hospital pharmacist in a Hematology and Hemotherapy Service constitutes a measure of innovation and efficiency, improves the quality of care, guarantees safety, favours the sustainability of the health system and facilitates the incorporation of innovation. (AU)


Assuntos
Humanos , Farmacêuticos , Hospitais , Hematologia
13.
Artigo em Português | SES-GO, Coleciona SUS, CONASS, LILACS | ID: biblio-1526632

RESUMO

Os profissionais de enfermagem exercem um papel fundamental na segurança transfusional. A atuação da equipe de enfermagem não é limitada à apenas administrar os hemocomponentes, uma vez que tem a responsabilidade de prestar uma assistência livre de danos decorrentes de imperícia, negligência e imprudência. Portanto, esses profissionais devem ter conhecimento das boas práticas relacionadas ao ciclo produtivo do sangue e componentes, garantindo a qualidade dos processos e produtos, reduzindo os riscos sanitários e garantindo a segurança transfusional. Objetivo: Avaliar o conhecimento do enfermeiro sobre hemotransfusão, explorando os principais pontos da legislação que aborda o ciclo do sangue, enfatizando principalmente os conhecimentos necessários durante o ato transfusional. Materias e Métodos: Trata-se de um estudo exploratório, transversal, quantitativo, descritivo, realizado em um hospital de referência em urgência e trauma no estado de Goiás, sendo a coleta de dados estruturada por meio de questionário semi-estruturado, abordando os seguintes temas: legislação sobre o assunto, sistema ABO e Rh, bolsa de coleta, tempo de administração, reação adversa imediata e tardia. Resultados: A amostra foi constituída de 35 enfermeiros (n), que atuam na assistência direta ao paciente crítico nas quatro UTIs de um hospital de urgências de no estado de Goiás: 62,9% afirmam que nunca participaram de educação continuada sobre transfusão sanguínea, 68,6 % desconhecem a classificação das reações transfusionais quanto ao tempo de manifestação do quadro clínico. 37,1% apresentaram resposta satisfatória quanto a iniciar a transfusão de concentrado de hemácias de acordo com o percentual de perda volêmica no choque hemorrágico. Considerações finais: Os enfermeiros não têm os conhecimentos necessários para realizar de forma competente o ato transfusional, podendo comprometer a segurança do paciente e a qualidade do serviço de saúde. Parte das fragilidades podem estar relacionadas à formação acadêmica, já que, uma parcela considerável de profissionais relataram não ter cursado disciplina que abordasse a hemoterapia durante a graduação. Espera-se que esse trabalho possa contribuir com o conhecimento e desenvolvimento de estudos sobre a terapia transfusional e que possa servir de base para formulação de avaliação e treinamentos dos profissionais envolvidos na terapia transfusional


Nursing professionals play a key role in transfusion safety. The performance of the nursing team is not limited to just administering the blood components, since it has the responsibility to provide assistance free of damage resulting from malpractice, negligence and recklessness. Therefore, these professionals must be aware of good practices related to the production cycle of blood and components, ensuring the quality of processes and products, reducing health risks and ensuring transfusion safety. Objective: Evaluate nurses´knowledge about blood transfusion, exploring the main points of the legislation that addresses the blood cycle, emphasizing mainly the necessary knowledge during the transfusion act. Methodology: This is an exploratory, cross-sectional, quantitative, descriptive study, carried out in a reference hospital in emergency and trauma in the state of Goiás, with data collection structured through a semi-structured questionnaire, covering the following topics: legislation on the subject, ABO and RH system, collection bag, administration time, immediate and late adverse reaction. Results: The sample consisted of 35 nurses (n), who work in direct assistance to critical patients in the four ICUs of hospital de emergency in the state of Goiás: 62.9% claim that they have never participated in continuing education on blood transfusion, 68.6% are unaware of classification of transfusion reactions according to the time of manifestation of the clinical condition. 37.1% had a satisfactory response regarding initiating the transfusion of packed red blood cells according to the percentage of volume loss in hemorrhagic shock. Final considerations: Nurses do not have the necessary knowledge to competently perform the transfusion act, which may compromise patient safety and the quality of the health service. Part of the weaknesses may be related to academic training, since a considerable portion of professionals reported not having taken a course that addressed hemotherapy during graduation. It is hoped that this work can contribute to the knowledge and development of studies on transfussion therapy and that it can serve as a basis for the formulation of evaluation and training of professionals involved in transfusion therapy


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Transfusão de Sangue/enfermagem , Enfermeiras e Enfermeiros , Segurança do Paciente , Reação Transfusional/enfermagem
14.
Texto & contexto enferm ; 32: e20230123, 2023. graf
Artigo em Inglês | LILACS-Express | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1530536

RESUMO

ABSTRACT Objective: to construct and validate a checklist for patient safety during transfusion. Method: this is a methodological study whose development took place, between February 2020 and January 2021, at a teaching hospital in Santa Maria, RS, Brazil. The design was based on the survey of items in an integrative literature review, and validity, with 17 health specialists and 8 hemotherapy experts. Pre-test was carried out with 36 professionals from the target population. For data analysis, the Content Validity Index was calculated. Results: the checklist was composed of 29 items and 90 sub-items, distributed in three domains, corresponding to the transfusion act stages: Pre-transfusion (Medical prescription, Compatibility and Bedside identification); Transfusion (Blood component installation); and Post-transfusion (Monitoring). The items obtained a Content Validity Index predominantly > 0.80 in all stages. After reformulations suggested by participants, a Content Validity Index of 0.98 was obtained in its final version. Conclusion: the checklist demonstrated evidence of content validity and can be a reliable instrument to promote patient safety during transfusion.


RESUMEN Objetivo: construir y validar una lista de verificación para la seguridad del paciente durante la transfusión. Método: estudio metodológico cuyo desarrollo tuvo lugar entre febrero de 2020 y enero de 2021 en un hospital universitario de Santa María, RS, Brasil. El diseño se basó en el levantamiento de ítems en una revisión integrativa de la literatura, validación con 17 especialistas de la salud y 8 expertos en hemoterapia. La preprueba se realizó con 36 profesionales de la población objetivo. Para el análisis de los datos, se calculó el Índice de Validez de Contenido. Resultados: la lista de verificación estuvo compuesta por 29 ítems y 90 subítems, distribuidos en tres dominios, correspondientes a las etapas del acto transfusional: Pre-transfusión (Prescripción médica, Compatibilidad e Identificación al pie de la cama); Transfusión (Instalación del componente sanguíneo); y Post-transfusión (Monitoreo). Los ítems obtuvieron un Índice de Validez de Contenido predominantemente > 0,80 en todas las etapas. Luego de reformulaciones sugeridas por los participantes, se obtuvo un Índice de Validez de Contenido de 0,98 en su versión final. Conclusión: la lista de verificación demostró evidencia de validez de contenido y puede ser una herramienta confiable para promover la seguridad del paciente durante la transfusión.


RESUMO Objetivo: construir e validar um checklist para segurança do paciente no ato transfusional. Método: estudo metodológico cujo desenvolvimento ocorreu entre fevereiro de 2020 e janeiro de 2021, em um hospital de ensino de Santa Maria, RS, Brasil. A concepção se deu pelo levantamento dos itens em revisão integrativa da literatura, validação com 17 especialistas da saúde e 8 experts em hemoterapia. O pré-teste foi realizado com 36 profissionais da população-alvo. Para análise dos dados, procedeu-se ao cálculo do Índice de Validade de Conteúdo. Resultados: o checklist ficou composto de 29 itens e 90 subitens, distribuídos em três domínios, correspondentes às etapas do ato transfusional: Pré-transfusão (Prescrição médica, Compatibilização e Identificação Beira-leito); Transfusão (Instalação do hemocomponente); e Pós-transfusão (Monitoramento). Os itens obtiveram Índice de Validade de Conteúdo predominantemente >0,80 em todas as etapas. Após realizadas reformulações sugeridas pelos participantes, obteve-se Índice de Validade de Conteúdo de 0,98 na sua versão final. Conclusão: o checklist demonstrou evidências de validade de conteúdo, podendo ser uma ferramenta confiável para promover a segurança do paciente no ato transfusional.

15.
Artigo em Espanhol | LILACS, CUMED | ID: biblio-1530112

RESUMO

Introducción: La comunidad médica en muchas partes del mundo está preocupada porque se indica realizar más transfusiones que lo recomendado. La transfusión de sangre alogénica se ha considerado erróneamente un procedimiento exento de peligros y con beneficios indiscutibles; además, no es una forma totalmente segura para tratar la anemia asociada al cáncer. Objetivo: Analizar el consumo de componentes sanguíneos en el Hospital Docente Provincial Oncológico María Curie en Camagüey. Métodos: Estudio descriptivo, longitudinal, retrospectivo, sustentado en el análisis del consumo hospitalario de componentes sanguíneos en el período enero 2018 a diciembre 2021. Las variables analizadas fueron: cantidad mensual de unidades transfundidas de componentes sanguíneos, celulares y plasmáticos; el total de pacientes ingresados y transfundidos y la tasa de hemoterapia por cada 1000 ingresos hospitalarios. Resultados: El concentrado de eritrocitos fue el componente sanguíneo más solicitado en el período desde 2018 hasta 2021 (excepto en tres meses). La tasa de hemoterapia se mantuvo por encima de 245 hemocomponentes transfundidos por cada 1000 pacientes ingresados. Conclusiones: El consumo de hemocomponentes, según el cumplimiento de la tasa de hemoterapia, fue evaluado de mal en los años desde 2018 hasta 2021. Se sugiere mejorar la seguridad del paciente y la calidad de la asistencia médica con la aplicación imprescindible del método clínico, la preparación en medicina transfusional, el establecimiento de los consensos de criterios que sirvan de guía para el tratamiento de la anemia asociada a cáncer y la atención centrada en el paciente (tratamientos personalizados).


Introduction: Around the world, the Medical Community concerned with blood transfusions being recommended more than it is indicated. Allogenic blood transfusions have been erroneously considered as a safe procedure with unquestionable benefits; as well as it is not completely safe for cancer anemia treatment. Objective: To analyse the use of blood components at the Oncological Hospital Marie Curie of Camagüey Method: Longitudinal, descriptive study, retrospectively sustained in the analysis of the consumption of blood components at the hospital from January 2018 to December 2021. Analysed variables were the monthly quantity of transfused units, cellular and plasma, blood products, total of admitted patients, total transfused patients and haemotherapy rate for each 1000 patients admitted at the hospital. Results: Red blood cells were the most requested components during the study period. From 2018 to 2021 (except three months). Haemotherapy rate stayed above 245 blood component transfused by each 1000 admitted patients. Conclusions: According to compliance with the haemotherapy rate, the use of blood components was evaluated unfavorably in analyzed period. With the indispensable application of the clinical method, education in transfusion medical practice, the consensus criteria as a guide for anemia cancer treatment, and patient-centered attention (personalized treatments), will improve the patient's safety and the quality of the medical treatment.


Assuntos
Humanos
17.
Rev Rene (Online) ; 24: e89226, 2023. tab, graf
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1521469

RESUMO

RESUMO Objetivo desenvolver e validar o conteúdo de um instrumento para acompanhamento do atendimento hemoterápico ao paciente de transplante hepático. Métodos estudo metodológico realizado em duas etapas: 1) Revisão de escopo para identificar tópicos pertinentes à elaboração do instrumento; 2) Validação do conteúdo junto a cinco especialistas em duas rodadas, utilizando a técnica Delphi. Resultados a versão final do instrumento para atendimento hemoterápico ao paciente de transplante hepático consistiu-se em quatro dimensões: Identificação do Paciente; Pré-Operatório; Intraoperatório; e Pós-Operatório, totalizando 54 itens. Após a segunda rodada, todos os itens obtiveram índice de validação de conteúdo de 0,8 ou superior, resultando em um escore final de 0,97 para o instrumento. Conclusão o instrumento demonstrou evidências de validade de conteúdo, tornando-se uma ferramenta útil para o acompanhamento do atendimento hemoterápico a pacientes submetidos a transplante hepático. Contribuições para a prática a validação deste instrumento permitirá às equipes da agência transfusional e de transplantes obterem informações essenciais para orientar um atendimento hemoterápico eficiente e seguro durante todo o processo de transplante hepático.


ABSTRACT Objective to develop and validate the content of an instrument to monitor hemotherapy attention in liver transplant patients. Methods methodological study in two stages: 1) Scoping review to identify relevant topics for the elaboration of the instrument; 2) Content validation with five specialists in two rounds, using the Delphi technique. Results the final version of the instrument for hemotherapy care to liver transplant patients had four dimensions: Patient identification; Preoperative; Intraoperative; and Postoperative, to a total of 54 items. After the second round, all items had a content validation index of 0.8 or higher, and the instrument had a final score of 0.97. Conclusion the instrument showed evidence of content validity, meaning it is a useful tool to monitor hemotherapy care for liver transplant patients. Contributions to practice the validation of this instrument will provide teams of transfusion and transplant centers with essential information to guide safe and efficient hemotherapy attention during the entirety of the liver transplant process.


Assuntos
Protocolos Clínicos , Transplante de Fígado , Enfermagem , Serviço de Hemoterapia , Segurança do Paciente
18.
Arq. ciências saúde UNIPAR ; 27(6): 2718-2731, 2023.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1436669

RESUMO

A transfusão de sangue é considerada uma tecnologia de grande importância na terapia moderna. Quando usada corretamente, pode salvar vidas e melhorar o quadro clínico dos pacientes. Todavia, esse procedimento pode apresentar riscos tanto aguda quanto tardia. Para tanto, o conhecimento da enfermagem é de grande relevância a fim de evitar complicações e fornecer um procedimento assertivo ao paciente. Objetivo: Demonstrar, a partir de uma revisão integrativa dos últimos quatro anos, a atribuição do enfermeiro no processo de hemotransfusão, descrevendo seu papel desde o acolhimento até a infusão dos hemoderivados. Métodos: Trata-se de uma revisão integrativa da literatura. Resultados e discussão: Para a seleção, 10 artigos científicos foram inclusos na revisão. As análises em nível de grupo mostraram que é de suma importância do conhecimento técnico e científico para a segurança do paciente. Considerações finais: O processo de hemotransfusão é de responsabilidade da enfermagem, incluindo cuidados minuciosos e atenção clínica por parte do enfermeiro, devendo ser amplamente divulgado e discutido para garantir atualização de conhecimento entre os profissionais que atuam em hemoterapia, para que possam realizar as práticas com segurança e prevenir a ocorrência de eventos adversos.


Blood transfusion is considered a technology of great importance in modern therapy. When used correctly, it can save lives and improve the condition of patients. However, this procedure may present both acute and late requirements. Therefore, nursing knowledge is of great encouragement in order to avoid complications and provide an assertive procedure to the patient. Objective: To demonstrate, based on an integrative review of the last four years, the attribution of nurses in the blood transfusion process, describing their role from reception to the infusion of blood products. Methods: This is an integrative literature review. Results and discussion: For the selection, 10 scientific articles were included in the review. The group-level analyzes appreciated that technical and scientific knowledge is of paramount importance for patient safety. Final considerations: The blood transfusion process is the responsibility of nursing, including meticulous care and clinical attention by the nurse, and should be widely publicized and discussed to ensure updating of knowledge among professionals who perform hemotherapy, so that they can carry out the practices safely and preventing the occurrence of adverse events.


La transfusión de sangre se considera una tecnología de gran importancia en la terapia moderna. Cuando se utiliza correctamente, puede salvar vidas y mejorar el estado de los pacientes. Sin embargo, este procedimiento puede presentar requisitos agudos y tardíos. Por lo tanto, los conocimientos de enfermería son de gran estímulo para evitar complicaciones y proporcionar un procedimiento asertivo al paciente. Objetivo: Demostrar, a partir de una revisión integradora de los últimos cuatro años, la atribución de enfermería en el proceso de transfusión sanguínea, describiendo su papel desde la recepción hasta la infusión de hemoderivados. Métodos: Se trata de una revisión bibliográfica integradora. Resultados y discusión: Para la selección se incluyeron en la revisión 10 artículos científicos. Los análisis a nivel de grupo apreciaron que el conocimiento técnico y científico es de suma importancia para la seguridad del paciente. Consideraciones finales: El proceso de transfusión sanguínea es responsabilidad de enfermería, incluyendo el cuidado meticuloso y la atención clínica por parte de la enfermera, y debe ser ampliamente divulgado y discutido para garantizar la actualización de conocimientos entre los profesionales que realizan hemoterapia, para que puedan llevar a cabo las prácticas con seguridad y previniendo la ocurrencia de eventos adversos. PALABRAS CLAVE: Hemoterapia; Transfusión Sanguínea; Infusión de Hemoderivados; Cuidados de Enfermería; Asignación de Enfermería.

19.
Hematol., Transfus. Cell Ther. (Impr.) ; 45(2): 165-169, Apr.-June 2023. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1448338

RESUMO

Abstract Introduction In the current scenario, in which evidence-based medicine is almost obligatory, therapeutic approaches are increasingly being restricted to measures that are proven to bring benefits to the patient. Transfusion therapy follows the same concept. Even though it can be an essential support procedure in some situations, it must be carefully used, exclusively in situations in which the literature assures scientific support for its usage. Transfusion exposes patients to risks and complications, so it is necessary that we, as doctors, continue working to reduce possible mistakes involving the practice of this type of therapy. Objective To analyze if the red blood cell requests are properly made, analyzing the indication written on them (by the doctor, comparing them to the references in the actual literature. Method In this research, we have analyzed and reviewed the requests for red blood cell concentrates between August and September of 2018 received at the Hematology and Hemotherapy Center studied to find the most common mistakes made by requesters/doctors. Results A total of 397 of the 754 analyzed requests were evaluated as inadequate. Therefore, 1 out of every 2 transfusions performed did not have their requests properly completed in the city of Cascavel, Paraná. Conclusions The number of inappropriate requests was high during the studied period, especially when compared to studies available in the literature. The number of inadequacies suggests that the blood component requests and the subsequent evaluation by the transfusion agency needs to be better addressed in clinical practice.


Assuntos
Transfusão de Sangue , Erros Médicos , Serviço de Hemoterapia , Reação Transfusional , Hematócrito
20.
Rev. enferm. UFSM ; 13: 17, 2023.
Artigo em Inglês, Espanhol, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1428832

RESUMO

Objetivo: identificar os indicadores relacionados ao processo transfusional. Método: revisão integrativa de literatura realizada entre março e maio de 2022, em nove fontes de informação no período de 2001 a 2021. Como estratégia de busca, utilizaram-se os descritores "Indicadores de Qualidade em Assistência à Saúde", "Indicadores de Serviços", "Indicadores Básicos de Saúde", "Serviço de Hemoterapia", "Transfusão de Sangue", "Segurança do Sangue", com os operadores boleanos "AND" e "OR" em três idiomas, sendo analisados 49 artigos. Resultados: foram identificados 53 indicadores, os quais se agruparam para: gestão do estoque de hemocomponentes, de produção do processo transfusional, para avaliação do processo transfusional e de suporte do processo transfusional. Conclusão: os indicadores identificados possibilitam avaliação do processo transfusional, apesar de atividades, como a avaliação do cuidado, apresentarem poucos indicadores, evidenciando a necessidade de estudos sobre a temática e construção de novos indicadores para dar sustentação à avaliação mais aprimorada do processo transfusional.


Objective: to identify transfusion-related indicators. Method: an integrative literature review carried out between March and May 2022, in nine sources of information from 2001 to 2021. As a search strategy, the descriptors "Quality Indicators in Health Care", "Service Indicators", "Basic Health Indicators", "Hemotherapy Service", "Blood Transfusion", "Blood Safety" were used, with Boolean operators "AND" and "OR" in three languages, with 49 articles being analyzed. Results: a total of 53 indicators were identified, which were grouped for: blood component stock management, transfusion process production, transfusion process assessment and transfusion process support. Conclusion: the identified indicators make it possible to assess the transfusion process, although activities, such as care assessment, present few indicators, highlighting the need for studies on the subject and the construction of new indicators to support a more improved transfusion process assessment.


Objetivo: identificar indicadores relacionados con el proceso de transfusión. Método: revisión integrativa de la literatura, realizada entre marzo y mayo de 2022, en nueve fuentes de información de 2001 a 2021. Como estrategia de busca, se utilizaron los descriptores "Indicadores de Calidad en la Atención de Salud", "Indicadores de Servicio", "Indicadores Básicos de Salud", "Servicio de Hemoterapia", "Transfusión de Sangre", "Seguridad de la Sangre", con operadores booleanos "AND" y "OR" en tres idiomas, analizando 49 artículos. Resultados: se identificaron 53 indicadores, los cuales fueron agrupados en: gestión del stock de hemocomponentes, producción del proceso transfusional, evaluación del proceso transfusional y apoyo al proceso transfusional. Conclusión: los indicadores identificados posibilitan la evaluación del proceso transfusional, aunque actividades, como la evaluación del cuidado, presenten pocos indicadores, destacando la necesidad de estudios sobre el tema y la construcción de nuevos indicadores que apoyen una evaluación más perfeccionada del proceso de transfusión.


Assuntos
Humanos , Transfusão de Sangue , Indicadores de Serviços , Indicadores de Qualidade em Assistência à Saúde , Serviço de Hemoterapia , Segurança do Sangue
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...