Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 142
Filtrar
1.
Rev. direito sanit ; 19(2): 156-197, 2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1010373

RESUMO

A regulação jurídica das profissões de saúde faz parte de uma política de saúde pública e contribui para o estabelecimento de um sistema de saúde de qualidade e acessível a todos. No entanto, há muito tempo, as questões regulatórias são monopolizadas por entidades profissionais, principalmente pelos conselhos médicos, que defendem um sistema liberal e a autonomia jurídica das profissões. A regulação das profissões de saúde na França ainda é precária, porém, tende a se tornar cada vez mais um assunto de interesse de todos os cidadãos.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Competência Profissional , Prática Profissional , Sistemas de Saúde , Órgãos Regionais , Ética Profissional , Ocupações em Saúde/normas
2.
Recurso educacional aberto em Português | CVSP - Brasil, CVSP - Brasil | ID: cfc-198050

RESUMO

Álbum seriado sobre Hanseníase, elaborado pelo Programa Estadual de Controle da Hanseníase dos Estados (CE, AL, RN e PB). Define a Hanseníase como uma doença contagiosa causada por um micróbio (bacilo de Hansen) que ataca a pele e os nervos, causando o aparecimento de manchas dormentes. Afirma que a doença é transmitida através do contato frequente com pessoas portadoras da doença que não estejam em tratamento e aponta como vias de eliminação do bacilo: tosse, espirro, fala, mucosas do nariz e da boca e lesões abertas. Aponta como vias de penetração a pele com ferimentos e áreas de mucosas, especialmente respiratórias. Informa que nem todos os casos de Hanseníase são contagiosos e que muitas pessoas possuem resistência contra a doença. Cita como sinais e sintomas: manchas esbranquiçadas ou avermelhadas com dormência em qualquer parte do corpo, com possibilidade de queda de pêlos; lesões na pele parecendo impigens dormentes em qualquer parte do corpo; sensação de formigamento, agulhadas ou dor nos nervos dos braços e pernas; caroços e/ou manchas por todo corpo; inchação de face e orelhas; queda de sobrenancelhas; nariz entupido; dormência nas mãos e nos pés. Explica que o tratamento é gratuito, podendo durar entre 6 meses e 1 ano, é realizado no Centro de Saúde e leva à cura. Alerta que o tratamento não deve ser interrompido. Afirma que o portador da doença deve levar uma vida normal e reafirma a importância de eliminar o preconceito.
 


Assuntos
Hanseníase , Órgãos Regionais
4.
Washington, D.C; Organización Panamericana de la Salud; 2003. 13 p. (RIMSA13/15 Es).
Monografia em Espanhol | LILACS | ID: lil-382476
5.
Washington, D.C; Pan Américan Health Organization; 2003. 12 p. (RIMSA13/15 En).
Monografia em Inglês | LILACS | ID: lil-382621
6.
Washington, D.C; Organización Panamericana de la Salud; 2003. 13 p. (RIMSA13/15 Es).
Monografia em Espanhol | PAHO | ID: pah-243101
7.
Washington, D.C; Pan American Health Organization; 2003. 12 p. (RIMSA13/15 En).
Monografia em Inglês | PAHO | ID: pah-243102
8.
s.l; s.n; 1997. 3 p. tab.
Não convencional em Inglês | Sec. Est. Saúde SP, Sec. Est. Saúde SP, HANSEN, Hanseníase, SESSP-ILSLACERVO, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-1237128
9.
In. Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.153-4.
Monografia em Português | LILACS | ID: lil-236292

RESUMO

A cada ano tem aumentado o número e a sofisticação dos equipamentos biomédicos que servem de apoio à área da saúde. Isto torna indispensável o gerenciamento das atividades associadas com estes equipamentos (manutenção, treinamento de pessoal, análise de segurança e avaliação de custos) por estruturas especializadas de Engenharia Clínica. Neste estudo realizou-se um levantamento por amostragem da situação dos equipamentos hospitalares em SC através de publicações ofociais e vistas in loco. Foram analisados a estrutura e o funcionamento de núcleos de Engenharia Clínica já em operação em hospitais de outros Estados. Desta forma foram detectados inúmeros problemas de operação, segurança e sucateamento dos equipamentos, analisados os mais urgentes e propostas algumas soluções e a intra-estrutura necessária para implementa-las, na forma de núcleos regionais de Engenharia Clínica, cobrindo todo o Estado de SC. A proposta é pioneira no Brasil e pode trazer uma contribuição efetiva para a melhoria dos equipamentos hospitalares da rede pública e, portanto, do sistema de saúde.


Assuntos
Engenharia Biomédica , Órgãos Regionais , Serviços de Saúde/tendências , Equipamentos e Provisões Hospitalares/estatística & dados numéricos , Equipamentos e Provisões Hospitalares/tendências
11.
Washington, D.C; Pan Américan Health Organization; 1996. s.p (PAHO. Scientific Públication, 560).
Monografia em Inglês | LILACS | ID: lil-377016
14.
In. Alarcón, Enrique. La perspectiva del Instituto Interamericano de Cooperación para la Agricultura. Washington, D.C, Organización Panamericana de la Salud, 1996. p.xvii-xix. (OPS. Publicación Científica, 560).
Monografia em Espanhol | PAHO | ID: pah-227468
15.
In. Alarcón, Enrique. The viewpoint of the Inter-American Instituto for Cooperationin Agriculture. Washington, D.C, Pan American Health Organization, 1996. p.xv-xvii. (PAHO. Scientific Publication, 560).
Monografia em Inglês | PAHO | ID: pah-227469
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...