Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 50
Filtrar
1.
Pesqui. vet. bras ; 35(5): 424-430, May 2015. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-759382

RESUMO

O objetivo foi testar in vitro e in vivo a eficácia da planta medicinal Chenopodium ambrosioidesLinnaeus, 1786 (erva-de-santa-maria), nas formas fitoterápica e homeopática, como meios alternativos para o controle de endoparasitos de Coturnix japonica Temminck & Schlegel, 1849 (codorna japonesa), um sério problema que afeta a criação e desempenho de aves domésticas, ocasionando morte quando muito intenso, retardo de crescimento, redução de índice de conversão alimentar e aumento na suscetibilidade às doenças infecciosas. As metodologias utilizadas foram preconizadas por Coles et al. (1992), creditada pela World Association for the Advancement of Veterinary Parasitology (WAAVP). A pesquisa evidenciou a presença dos gêneros Ascaridiae Eimeria. O ensaio in vitro demonstrou alta taxa de redução na inibição de eclosão de ovos de Ascaridiasp. (100,00%) e significativa taxa de redução na destruição de oocistos de Eimeriasp. (47,06%). O ensaio in vivodemonstrou alta taxa de redução na contagem de ovos de Ascaridiasp. nas fezes (100,00%) e expressiva taxa de redução na contagem de oocistos de Eimeriasp. nas fezes (60,33%). Chenopodium ambrosioides mostrou em certos momentos superioridade frente ao produto tradicional (Thiabendazole/Mebendazole) e índices superiores aos preconizados pelo Ministério da Agricultura do Brasil e Organização Mundial da Saúde como indicativos de eficácia.


The aim was in vitro and in vivo to test the effectiveness of Chenopodium ambrosioides Linnaeus, 1786 (santa maria herb) medicinal plant, in regard to phytotherapeutic and homeopathic forms as alternative methods to control Coturnix japonica Temminck & Schlegel, 1849 (japanese quail) endoparasites. The parasitosis is a serious problem affecting domestic poultry raising and performance causing death, delay in grow, food conversion rate reduction and increase of susceptibility to infectious diseases. Methodologies were advocated by Coles et al. (1992), corroborated by World Association for the Advancement of Veterinary Parasitology (WAAVP). Presence of the genera Ascaridia and Eimeria was displayed by this survey. In vitro essay demonstrated high reduction rate on eggs eclosion inhibition of Ascaridia sp. (100.00%) and significant reduction rate on oocyst destruction of Eimeria sp. (47.06%). In vivo essay demonstrated high fecal egg counting reduction rate of Ascaridia sp. (100.00%) and expressive fecal oocyst counting reduction rate of Eimeriasp. (60.33%). C. ambrosioides showed upper rates front traditional product (Thiabendalol/Mebendazol) as well as to those ones advocated by the Brazilian Ministry of Agriculturel and the World Health Organization as effectiveness indicative.


Assuntos
Animais , Antinematódeos/administração & dosagem , Antinematódeos/análise , Antinematódeos/uso terapêutico , Ascaridia/parasitologia , Chenopodium ambrosioides/parasitologia , Coturnix/parasitologia , Eimeria/parasitologia , Fitoterapia/estatística & dados numéricos , Fitoterapia , Fitoterapia/veterinária , Veículos Homeopáticos , Técnicas In Vitro/métodos , Técnicas In Vitro/veterinária
3.
Rev. bras. plantas med ; 17(4,supl.2): 945-952, 2015. graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-771156

RESUMO

RESUMO A papilomatose é uma doença de natureza crônica e pode causar tumores epiteliais e na mucosa. Não possui predileção por sexo, raça ou idade, mas comumente aparece em animais jovens. As lesões papilares ocorrem principalmente na mucosa bucal, nos lábios, língua e da faringe, além destes, também são encontradas na forma ocular e cutânea. Este estudo teve como objetivo relatar a eficácia da Thuya occidentalis CH12, uma medicação homeopática de uso comum, no tratamento de cães com papilomatose. Os resultados positivos puderam ser vistos, em alguns casos, já na primeira semana do tratamento, em outros, após vinte dias, e o desaparecimento total das lesões, na maioria dos casos, ocorreu com quinze dias. Alicerçada no princípio da similitude, a homeopatia apóia-se na observação experimental de que toda substância capaz de provocar determinados sintomas em uma pessoa sadia, é capaz de curar estes mesmos sintomas em uma pessoa enferma. A Thuya occidentalis provou ser eficiente contra lesões de papilomavírus canina, e apresentou resultados rápidos e com um valor econômico acessível.


ABSTRACT The papillomatosis is a disease of chronic nature and can cause epithelial and mucosa tumors. . It may affect any gender, race or age but is most common in young animals. The papillary lesions occur mainly on the oral mucosa, in the lips, tongue and pharynx, besides appearing also in the eeyes and skin. This study aimed to report the effectiveness of the Thuya occidentalis CH12 , a homeopathic medication commonly used in the treatment of dogs with papillomatosis . The positive results could be noticed, in some cases, even in the first week of treatment , or after twenty days, with the total remission of the lesions occurring in most of the cases within fifteen days . Founded based on the similarity principle, the homeopathy relies on the experimental observation that any substance capable of causing certain symptoms in a healthy person can cure these same symptoms in a sick person. The Thuya occidentalis proved to be effective against canine papillomavirus lesions, and with fast results at an affordable economic value.


Assuntos
Cães , Cães/classificação , Papiloma/prevenção & controle , Thuya occidentalis/sangue , Veículos Homeopáticos
4.
Braz. j. pharm. sci ; 50(1): 137-146, Jan-Mar/2014. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-709546

RESUMO

We compared the impregnation techniques for globules according to the Manual of Technical Norms for Homeopathic Pharmacies (MNTFH) of the Association of Homeopathic Pharmacists (ABFH), Brazilian Homeopathic Pharmacopoeia (FHB) and variations of these techniques. The variables were evaluated in this procedure, three different sizes of globules (N o . 3, 5 and 7), the hydroalcoholic solution of 70% (v/v) Minoxidil 2% (w/v) was used to impregnate the globules in concentrations of 2, 3, 4, 5% (v/w) and the impregnation at 10 %(v/w) was used hydroalcoholic solutions at 70, 80 and 90% (v/v), and four impregnation techniques various ( A -glass, B -paper, C -cup and D -FHB). As the results of content uniformity did not demonstrate a normal distribution, the one way ANOVA and a nonparametric statistical model were used for evaluation. Considering the average, the standard deviation (SD), the individual variance of each group and the principal components analysis graphs (PCA), it was observed that the “A” impregnation of globules technique, with 5% (v/w) of the impregnation concentrations and the No.5 globule presented the best uniformity of dose. As to the drying, there was a need to use a heat source.


Compararam-se as técnicas de impregnação para glóbulos segundo o Manual de Normas Técnicas para Farmácias Homeopáticas (MNTFH) da Associação Brasileira de Farmacêuticos Homeopatas (ABFH), Farmacopeia Homeopática Brasileira (FHB) e variações destas técnicas. As variáveis avaliadas neste processo foram: três tamanhos diferentes de glóbulos (n.º 3, 5 e 7); a solução hidroalcóolica a 70% (v/v) de minoxidil a 2% (p/v) foi utilizada para impregnar os glóbulos nas concentrações de 2, 3, 4, 5% (v/p) e na impregnação a 10% (v/p) utilizaram-se as soluções hidroalcóolicas a 70, 80 e 90% (v/v); e quatro técnicas de impregnação diferentes ( A -vidro, B -papel, C -copo e D -FHB). A impregnação foi validada através da uniformidade de dose por conteúdo, sendo o minoxidil a substância quantificada. Como os resultados da uniformidade de dose por conteúdo não demonstraram distribuição normal, utilizaram-se o One way ANOVA e um modelo estatístico não paramétrico para sua avaliação. Considerando-se a média, o desvio padrão (DP), a variância individual de cada grupo e os gráficos de análise de componentes principais (ACP), observou-se que a impregnação que utilizou o glóbulo nº5, a concentração para impregnação de 5% (v/p), graduação alcoólica de 70% (v/v) e técnica “A” apresentou a melhor uniformidade de dose. Quanto à secagem, verificou-se a necessidade do uso de uma fonte de calor.


Assuntos
Veículos Homeopáticos , Espectrofotometria Ultravioleta/métodos , Análise de Variância , Glóbulos
5.
São Paulo; s.n; 2014. 20 p.
Tese em Português | HomeoIndex - Homeopatia | ID: hom-11047

RESUMO

Esta monografia tem por objetivo apresentar ao leitor a história da homeopatia, desde a época de Hipócrates, passando pela vida do Christian Friedrich Samuel Hahnemann, leis dos semelhantes e doses infinitesimais.Farmacotécnica homeopática tem como objetivo apresentar, a forma correta de se manipular a partir dos princípios ativos para a fabricação de medicamentos homeopáticos, através de técnicas de manipulação, oferecer informações sobre o processo de fabricação de medicamentos homeopáticos, abordando os equipamentos, técnicas e escalas de diluição, bem como a legislação que regulamenta as atividades de produção e manipulação de medicamentos homeopáticos segundo os compêndios oficiais. (AU)


This monograph aims to introduce the reader to the history of homeopathy, since the time of Hippocrates, passing on the life of Christian Friedrich Samuel Hahnemann, laws of similars and infinitesimal doses. Homeopathic purpose aims to present, the correct way to handle from the active ingredients for the manufacture of homeopathic medicines, through manipulation techniques, offer information about the homeopathic manufacturing process, addressing the equipment, techniques and dilution scales, as well as the legislation that regulates the activities of production and manipulation of homeopathic medicines in accordance with the official textbooks. (AU)


Assuntos
Homeopatia , Farmácia Homeopática , Medicamento Homeopático , Veículos Homeopáticos
6.
Rev. fitoter ; 13(2): 137-152, jul.-dic. 2013. tab, ilus
Artigo em Português | IBECS | ID: ibc-132785

RESUMO

Este artículo efectúa una compilación etnobotánica y etnofarmacológica de los "muérdagos", especies pertenecientes a las familias botánicas de las Lorantáceas y Viscáceas. Desde los primeros registros de uso popular en el norte de Europa y el Reino Unido, cerca de un centenar de citas demuestran que el uso medicinal de estas especies es cosmopolita. Se emplea básicamente por vía oral y también la aplicación de la planta fresca en forma tópica. Lo más utilizado es la hoja, seguido de las preparaciones de planta entera. Las especies más destacadas son las ue pertenecen a los géneros Loranthus y Struthanthus (Lorantáceas) y Phoradendron y Viscum (Viscáceas). 27 citas señalaron el uso de estas plantas para el tratamiento de trastornos cardiovasculares, seguido de los de las vías respiratorias y la inflamación en general, con 25 y 24 citas, respectivamente. La información recopilada también permite hacer consideraciones sobre la aplicación oncológica de Viscum album, que es la especie de muérdago con mayor tradición de uso y respaldo científico. Un reciente análisis de la literatura existente, realizado por la Agencia Europea del Medicamento concluyó que la inconsistencia de las respuestas farmacológicas, la inaplicabilidad de los hallazgos toxicológicos reportados y la variabilidad química de los extractos desaconsejan la elaboración de una monografía con el fin de validar su uso en el área cardiovascular tradicional de esta especie. Este estudio puede contribuir a organizar mejor el escenario de la información tradicional y científica sobre las especies de muérdago, buscando el progreso de esta cuestión (AU)


This article brings an ethnobotanical and ethnopharmacological compilation of mistletoe, belonging to the botanical families Loranthaceae and Viscaceae. From the earliest records of folk use in northern Europe and the UK, about a hundred quotes demonstrate that the medicinal uses of these species are cosmopolitan. These basically employ ingestion and topical applications prepared with the fresh plant. The most used part of the plant is the leaves, followed by preparations with the whole plant. The most prominent species belong to genera Loranthus and Struthanthus (Loranthaceae), and Phoradendron and Viscum (Viscaceae). As for medicinal use, 27 citations concern the specie to treat cardiovascular disorders, followed by disorders of the respiratory tract and inflammation in general with 25 and 24 citations, respectively. This compilation also allowed raising considerations about the oncologic application of Viscum albumas the traditional specie in long-term use and steadier scientific backing, although this therapy is outside the scope of the pharmacopoeias and regulation of herbal supported by traditional use. A recent detailed analysis by the European Medicines Agency concluded that the inconsistency in pharmacological responses, the inapplicability of the reported toxicological findings, and the chemical variability of V. album extracts are impediments to support their pharmacopoeia monograph and validate its traditional use in the cardiovascular area. Thus, this survey can contribute to better organizing the scenario of traditional and scientific information on mistletoe species, aiming the progress of this issue (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Etnobotânica/história , Etnobotânica/métodos , Etnobotânica/tendências , Loranthaceae , Doenças Cardiovasculares/prevenção & controle , Doenças Cardiovasculares/terapia , Doenças Respiratórias/prevenção & controle , Doenças Respiratórias/terapia , Infecções Respiratórias/terapia , Inflamação/terapia , Etnobotânica/organização & administração , Etnobotânica/normas , Veículos Homeopáticos , Formas de Dosagem , Erva-de-Passarinho
7.
Braz. j. pharm. sci ; 48(3): 537-545, July-Sept. 2012. ilus, graf, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-653468

RESUMO

Globules, compressed tablets and tablet triturates are solid dosage forms used in homeopathy. Divergences can be noted between the preparation techniques described in official compendiums as well as those applied in homeopathic pharmacies. The difficulty associated with standardization of the impregnation of these dosage forms occurs due to the lack of detail provided for the techniques in the literature, leaving it up to each pharmacy to decide on the exact method of preparation. The objective was to optimize the impregnation technique, through investigating the variables that influence the impregnation of globules, compressed tablets and tablet triturates, applying the statistical tool of factorial design. The independent variables were the dosage form, percentage and type of impregnation and drying temperature, and the dependent variables were the mass gain, disintegration time, friability and hardness. For the globules, the greatest mass gain was for 10% impregnation and drying at 20 ºC. For the tablet triturates and compressed tablets the greatest mass gain was for 15% impregnation and there was no difference between the results obtained using simple and triple impregnation or different drying temperatures. The results can contribute to improving the final product quality, besides aiding in the establishment of standardized techniques for the official compendiums.


Glóbulos, comprimidos e tabletes são formas farmacêuticas sólidas utilizadas em homeopatia. Constatam-se divergências entre técnicas de preparação descritas nos compêndios oficiais, bem como em farmácias homeopáticas. A dificuldade de padronização na impregnação destas formas farmacêuticas também ocorre devido à falta de detalhamento das técnicas na literatura existente, deixando para cada farmácia a escolha de como executá-las. O objetivo foi otimizar a técnica de impregnação, através do estudo de variáveis que interferem na impregnação de glóbulos, comprimidos e tabletes, aplicando como ferramenta estatística planejamento fatorial. As variáveis foram forma farmacêutica, percentual e tipo de impregnação e temperatura de secagem, sendo o ganho de massa, tempo de desintegração, friabilidade e dureza as variáveis dependentes. Para os glóbulos, observou-se maior ganho de massa quando impregnados a 10% e secagem realizada a 20 ºC. Para os tabletes e comprimidos, constatou-se maior ganho de massa quando impregnados a 15%, sendo que não houve diferença na impregnação simples ou tríplice nem nas diferentes temperaturas de secagem. Os resultados obtidos podem contribuir para a melhoria da qualidade do produto final, além de auxiliar no estabelecimento de técnicas padronizadas para os compêndios oficiais.


Assuntos
Glóbulos , Veículos Homeopáticos , Comprimidos/análise , Globulinas/farmacocinética , Farmácia Homeopática
8.
São Paulo; s.n; 2011. 23 p.
Tese em Português | HomeoIndex - Homeopatia | ID: hom-10437

RESUMO

O presente trabalho relata a realização de análises bacteriológicas em 3amostras de medicamentos homeopáticos preparados sob a forma de poção, e umaamostra, somente com água purificada (deionizada). O objetivo do trabalho émostrar e propor uma resposta quanto à validade de medicamentos preparados soba forma de poção e, com prescrição de uso por um período de 30 dias. O que sesugere, normalmente, uma validade de 48 horas para estes medicamentos quepossuem um teor alcoólico muito baixo ou praticamente zero.As análises foram realizadas em períodos que vão desde o ato de preparo dasamostras até o trigésimo dia, após o seu preparo. Foram sete períodos de análises,com o objetivo de poder acompanhar gradativamente os resultados das análises.Tivemos, também, a preocupação de verificar se algum detalhe iria interferir ounão no resultado das análises: a quantidade de gotas da matriz que foi preparadaem álcool 70% interfere ou não na validade do medicamento. Estar ou nãodinamizada a amostra interfere na validade. A amostra apresenta diferença devalidade ou resistência à contaminação, quando 3 frascos foram abertos somente 2vezes ao dia, e um deles, foi simulado a ingestão do medicamento 2 vezes ao dia.No término dos resultados das análises verificou-se que, no ato da análise elasestavam intactas, sem qualquer tipo de contaminação, mas, da segunda análise emdiante, já houve contaminação gradativa nas amostras, contaminação esta queocorreu após 24 horas do preparo das amostras.(AU)


Assuntos
Estabilidade de Medicamentos , Avaliação de Medicamentos , Veículos Homeopáticos
9.
Rev. homeopatia (São Paulo) ; 73(1/2): 57-67, 2010. ilus, tab
Artigo em Português | HomeoIndex - Homeopatia | ID: hom-10318

RESUMO

Há 20 anos iniciamos uma padronização dos procedimentos para o preparo e uso das diluições cinquenta-milesimais (LM ou Q) de acordo com a 6ª edição do Organon. O presente artigo visa relatar as principais etapas dessa padronização e nossa experiência com o ensino e a pesquisa usando os princípios essenciais da obra de Hahnemann. Observamos uma menor incidência de agravações homeopáticas com o uso de medicamentos padronizados, em relação à nossa experiência anterior com diluições LM não padronizadas. O protocolo clínico-farmacêutico, que aqui denominamos Organon.modus, mostrou-se adequado ao ensino da homeopatia na Faculdade de Medicina de Jundiaí, primeira escola de medicina no Brasil a oferecer uma especialização em homeopatia para médicos. Diluições LM individualizadas não foram inferiores ao antidepressivo fluoxetina no tratamento de pacientes com depressão moderada a grave em um estudo randomizado e duplo-cego. Conclui-se assim que o protocolo Organon.modus mostrou-se adequado ao ensino acadêmico da homeopatia e eficaz em um estudo clínico controlado, resultados que favorecem seu uso como denominador comum entre a arte de curar e a ciência médica.(AU)


Twenty years ago we began to standardize the procedures of preparation and use of fifty-millesimal dilutions (LM or Q) according to indications in the 6th edition of Hahnemann’s Organon. This article describes the main stages in standardization as well as our teaching and research experience on Organon 6th edition. With the use of standardized LM dilutions we observed a lower incidence of homeopathic aggravation than with our earlier experience with non standardized preparations. Organon.modus, a clinical-pharmaceutical protocol derived from the standardization was adequate for the teaching of homeopathy at Faculty of Medicine of Jundiai (São Paulo), the first Brazilian medical school with a graduate course on homeopathy. A randomized double-blind trial comparing individualized homeopathic medicines prescribed in LM dilutions and fluoxetine showed the former not be inferior to the latter in the treatment of moderate-to-severe depression. Protocol Organon.modus showed to be adequate to graduate-level teaching of homeopathy and efficient in a controlled clinical trial, favoring its use as common denominator between the art of healing and medical science.(AU)


Assuntos
Cinquenta Milesimal , Organon , Protocolos Clínicos , Farmacêuticos , Preparações Farmacêuticas , Veículos Homeopáticos , Educação Médica , Ensaios Clínicos como Assunto
10.
Rev. homeopatia (Säo Paulo) ; 73(1/2): 57-67, 2010. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-552715

RESUMO

Há 20 anos iniciamos uma padronização dos procedimentos para o preparo e uso das diluições cinquenta-milesimais (LM ou Q) de acordo com a 6ª edição do Organon. O presente artigo visa relatar as principais etapas dessa padronização e nossa experiência com o ensino e a pesquisa usando os princípios essenciais da obra de Hahnemann. Observamos uma menor incidência de agravações homeopáticas com o uso de medicamentos padronizados, em relação à nossa experiência anterior com diluições LM não padronizadas. O protocolo clínico-farmacêutico, que aqui denominamos Organon.modus, mostrou-se adequado ao ensino da homeopatia na Faculdade de Medicina de Jundiaí, primeira escola de medicina no Brasil a oferecer uma especialização em homeopatia para médicos. Diluições LM individualizadas não foram inferiores ao antidepressivo fluoxetina no tratamento de pacientes com depressão moderada a grave em um estudo randomizado e duplo-cego. Conclui-se assim que o protocolo Organon.modus mostrou-se adequado ao ensino acadêmico da homeopatia e eficaz em um estudo clínico controlado, resultados que favorecem seu uso como denominador comum entre a arte de curar e a ciência médica.


Twenty years ago we began to standardize the procedures of preparation and use of fifty-millesimal dilutions (LM or Q) according to indications in the 6th edition of Hahnemann’s Organon. This article describes the main stages in standardization as well as our teaching and research experience on Organon 6th edition. With the use of standardized LM dilutions we observed a lower incidence of homeopathic aggravation than with our earlier experience with non standardized preparations. Organon.modus, a clinical-pharmaceutical protocol derived from the standardization was adequate for the teaching of homeopathy at Faculty of Medicine of Jundiai (São Paulo), the first Brazilian medical school with a graduate course on homeopathy. A randomized double-blind trial comparing individualized homeopathic medicines prescribed in LM dilutions and fluoxetine showed the former not be inferior to the latter in the treatment of moderate-to-severe depression. Protocol Organon.modus showed to be adequate to graduate-level teaching of homeopathy and efficient in a controlled clinical trial, favoring its use as common denominator between the art of healing and medical science.


Assuntos
Protocolos Clínicos , Ensaios Clínicos como Assunto , Educação Médica , Cinquenta Milesimal , Veículos Homeopáticos , Organon , Preparações Farmacêuticas , Farmacêuticos
12.
Cienc. tecnol. pharm ; 15(1): 3-10, ene.-mar. 2005. ilus
Artigo em Es | IBECS | ID: ibc-037816

RESUMO

La goma guar es un mucílago neutro que se obtiene por molturación del endospermo de las semillas de la planta Cyamopsis tetragonolobus (L.) Taub., que pertenece a la familia de las leguminosas. La goma guar es un polisacárido de galactomanana cuyo peso molecular oscila entre 220.000 ± 10% Daltons. Por cada unidad de galactosa hay entre 1.8 y 2 manosas. Se utiliza en numerosas aplicaciones tanto en la industria alimentaria como en otras industrias, como la textil, farmacéutica, del papel, refinado de aceites, explosivos e industria química. Su uso en alimentación es cada vez más frecuente, tiene un papel muy importante en las fases de presentación y de procesado de los alimentos. Se utiliza en sopas, postres, aliñados de ensaladas, comida congelada, bebidas, quesos suaves, yogures, mezclas instantáneas, productos de bollería, conservas y comida de niños, donde actúa como agente emulsificador, y estabilizador de las suspensiones, espesante y para mejorar la palatabilidad. Además tiene importantes aplicaciones terapéuticas en el tratamiento de la diabetes, obesidad, hipercolesterolemia, gastritis, úlceras gastroduodenales y estreñimiento


Guar gum is a neutral mucilage obtained of the ground endosperm of seeds of Cyamopsis tetragonolobus (L.) Taub. (Leguminosae). Guar gum is a galactomannane polysaccharide with a molecular weight between 220.000 ± 10% Daltons. There are between 1.8 - 2 mannose residues for every galactose residue. It is used in numerous food and non-food applications, such as textile, pharmaceutical, paper, oil well drilling, explosive and chemical industry. This gum has become increasingly common in food, as it plays an important role in processing stages and final presentation of the product. It is used in soups, desserts, salad dressings, deep frozen food, beverages, soft cheese, yoghurt, instant mixes, bakery products, confectionery, canned foods and baby foods, where it acts as emulsifier, stabiliser suspending agent, thickener and mouth feel improver. In addition it has important therapeutic applications in the treatment of DMNID, obesity, hypercholesterolemia, gastritis, gastroduodenal ulcer and constipation


Assuntos
Cyamopsis/química , Cyamopsis/metabolismo , Polissacarídeos/farmacologia , Polissacarídeos/farmacocinética , Indústria Farmacêutica/tendências , Veículos Homeopáticos , Cyamopsis , Cyamopsis/ultraestrutura , Indústria de Processamento de Alimentos/métodos , Diabetes Mellitus/terapia , Hipercolesterolemia/terapia , Obesidade/terapia , Constipação Intestinal/terapia , Úlcera Duodenal , Úlcera Péptica/terapia , Úlcera Gástrica/terapia
14.
Cienc. tecnol. pharm ; 11(4): 194-204, oct. 2001. tab, ilus
Artigo em Es | IBECS | ID: ibc-7078

RESUMO

Se hace una revisión general del grupo terapéutico quinolonas. El grupo de las quinolonas ha sido cuestionado por los efectos adversos atribuidos a algunas de sus moléculas. El trabajo se complementa con un sumario de métodos analíticos y de características tecnológicas farmacéuticas extraídas de la bibliografía (AU)


Assuntos
Quinolonas/efeitos adversos , Quinolonas/química , Estabilidade de Medicamentos , Formas de Dosagem , Comitê de Farmácia e Terapêutica/normas , Veículos Homeopáticos
17.
Acta Homoeopathica Argentinensia ; 20(62): 233-237, setp.-dic. 1999.
Artigo em Espanhol | HomeoIndex - Homeopatia | ID: biblio-981469
18.
São Paulo; s.n; 1999. 57 p.
Tese em Português | HomeoIndex - Homeopatia | ID: hom-8688
20.
Rev. mex. pueric. ped ; 6(29): 76-84, mayo-jun. 1998. tab, ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-240970

RESUMO

Una de las características para el cumplimiento adecuado del tratamiento con un antibiótico líquido en la edad pediátrica es que el gusto y la sensación posterior a la ingestión sean acetables al paladar del niño. Se comparan siete suspensiones de antimicrobianos (cinco ampicilinas y dos trimetoprim-sulfametoxazol) de uso común en pediatría en un estudio doble ciego con 50 médicos pediatras voluntarios a determinar diferencias en la aceptabilidad del olor, textura, gusto, sensación posterior a la ingestión y el total de los antibióticos orales. en el recuento total el mejor es Pentrexyl, con diferencias significativas (p< 0.05), seguidos de omnipen, Binotal y pembritin sin diferencias significativas entre ellos, seguido de Lampicin y al final se encuentran Septrin y Bactrim. En el gusto el mejor fue Pentrexyl con diferenias significativa al resto. Muchos clínicos pueden considerar lo resultados del presente estudio, para seleccionar una suspensión antimicrobiana y así obtener un mejor cumplimiento del tratamiento


Assuntos
Humanos , Ampicilina/farmacologia , Combinação Trimetoprima e Sulfametoxazol/farmacologia , Veículos Homeopáticos , Odorantes , Suspensões/administração & dosagem , Paladar/efeitos dos fármacos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...