Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 11 de 11
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
2.
Emergencias (St. Vicenç dels Horts) ; 22(2): 130-139, abr. 2010. tab
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-97075

RESUMO

Aunque las armas biológicas han sido utilizadas desde la antigüedad, el temor y la preocupación de los gobiernos occidentales ante la posibilidad de un ataque bioterrorista ha cobrado una inusual importancia en la última década. Las principales características de un ataque biológico son: alta rentabilidad para sus fines con un bajo coste, gran repercusión socio-económica y mediática, capacidad de generar pánico entre la población y que el ajuste es relativamente fácil de producir y ocultar. Las principales formas de liberación del agente son: manifiesta, anunciada, selectiva y encubierta. Existen más de 150 agentes descritos como posibles armas biológicas que son clasificados por el CDC en tres categorías en función del riesgo epidemiológico, el impacto sobre la salud pública, el impacto sobre la economía y de la disponibilidad y facilidad de producción. En el texto se resumen las principales características epidemiológicas, diagnósticas, clínicas, terapéuticas y profilácticas de los principales agentes biológicos susceptibles de ser utilizados como arma biológica (AU)


Although biological weapons have been used since ancient times, general fear and the concerns of Western governments over the possibility of bioterrorist attacks have meant that this subject has received unparalleled attention in the past decade. The main characteristics of a biological weapons attack are high yield at low cost, extensive socioeconomic repercussions and press coverage, the potential to generate panic in the population, and ease of creating and hiding the weapon. Biological agents may be released openly, announcements or warnings may be given, they may be distributed selectively, or they may be hidden before release. The United States Center for Disease Control has described more than 150 agents as potential biological weapons, classifying them in 3 groups according to risk, impact on public health, impact on the economy, and availability or ease of manufacture. This review summarizes the epidemiologic, diagnostic, clinical, therapeutic, and prophylactic aspects of bioterrorism (AU)


Assuntos
Humanos , Bioterrorismo/prevenção & controle , Guerra Biológica/prevenção & controle , Plano Diretor de Defesa Civil , Derramamento de Material Biológico/prevenção & controle , Substâncias para a Guerra Química , Incidentes com Feridos em Massa , Administração de Desastres , Planejamento em Desastres
3.
In. Navarro Machado, Víctor René. Situaciones de desastres. Manual para la preparación comunitaria. La Habana, ECIMED, 2009. .
Monografia em Espanhol | CUMED | ID: cum-62061
4.
Rio Claro; s.n; 2003. 99 p.
Não convencional em Português | Sec. Est. Saúde SP, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-CTDPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ACVSES, SESSP-CVSPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-CVS-ACERVO | ID: biblio-1078917
6.
Anon.
La Habana; Ecimed; 2 ed; 2002. ilus.
Monografia em Espanhol | CUMED | ID: cum-40081
9.
In. Diniz, Elizeu; Pereira, Sheila Duarte. Curso de Vigilância Sanitária: unidade didático pedagógica II. São Paulo, s.n, set. 1999. p.127-161, ilus.
Não convencional em Português | Sec. Est. Saúde SP, LILACS, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-CVSPROD, Sec. Est. Saúde SP | ID: lil-444836
10.
s.l; s.n; set. 1989. [136] p. tab.
Monografia em Português | Sec. Est. Saúde SP, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-CVSPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-CVS-ACERVO | ID: biblio-1073097

RESUMO

Com uma taxa de crescimento médio anual de 9,58% (1970-1980) - Fonte IBGE), o município de Itaquaquecetuba apresenta uma dinâmica demográfica cujo componente mais importante tem sido um intenso fluxo demográfico, mais acentuado a partir de 1980. Tal fatom, para uma cidade sem infra-estrutura e sem regulamentação do uso do solo, implicou em um agravamento das condições de vida da população. Em 1970, a taxa de urbanização era de 75,86%. Em 1980, por decreto, a taxa de urbanização passou a 100,00% (Fonte:IBGE). Por não ser uma forte área de industrialização, Itaquaquecetuba, que foi região agrícola de Mogi das Cruzes e passou a ter mais recentemente um papel de "bairro dormitório" da cidade de São Paulo, não representa ainda uma parte expressiva da população da Grande São Paulo. No entanto, nesta região, é o município que vem apresentando as mais altas taxas de crescimento populacional na década, devido não apenas à conurbação com São Paulo, mas às indústrias que passaram a ser instaladas ao redor da Rodovia dos Trabalhadores. A continuidade de um processo de urbanização...


Assuntos
Características da População , Demografia , Mortalidade Infantil , Mortalidade Materna , Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde , Plano Diretor de Defesa Civil
11.
Marília, SP; s.n; 1989. 142 p.
Não convencional em Português | Sec. Est. Saúde SP, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-CTDPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ACVSES | ID: biblio-1078869
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...