Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 63
Filtrar
1.
Rev. cuba. farm ; 44(2)abr.-jun. 2010. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-575701

RESUMO

La metodología para la elaboración del Plan Maestro de Validación de los procesos de producción del Centro Nacional de Sanidad Agropecuaria, se diseñó a partir de los requisitos contenidos en la Regulación 16 del 2006 de Buenas Pràcticas de Fabricación de medicamentos. Abarcó la política de la organización para la actividad de validación su estructura organizativa, las instalaciones, sistemas, equipos y procesos que se deben validar; el formato de la documentación a utilizar; la planificación y calendario de cada actividad; los resultados de cada protocolo ejecutado, el control de los cambios que se generan; un resumen de las validaciones anteriores; cumplimiento del plan propuesto; las conclusiones donde se precisan de forma resumida si los procesos validados estàn bajo control, los resultados màs relevantes, así como las acciones correctivas y preventivas a tomar; por último se define la distribución de toda la información generada, conformando así el Plan Maestro de Validación. Este sistema de validación se muestra a través de procedimientos, protocolos y registros aplicados en el proceso de fabricación de Surfacen®, medicamento para uso humano que se fabrica en el Centro Nacional de Sanidad Agropecuaria.


The methodology to design the Validation Master Plan the production processes of National Center of Agricultural Health was created from the requirements present in the Regulation 16, 2006 of Good Practices of drugs manufacture including the organization policy for validation activity of its organizing structure, installations, systems, equipments and processes to be validated, documentation format used, planning and calendar of each activity; the results from each protocol performed, the generating changes control, abstract of prior validations, fulfillment of proposed plan, conclusions where are determined in a summarized way if the validated processes are under control, the more relevant results, as well as how the corrective and preventive actions executed, and lastly, the distribution of all the generated information is defined, thus creating the validation of Master Plan. This validation system is showed thorough procedures, protocols and registries applied in manufacturing process of Surfacen® a human use drug manufactured in the National Center of Agricultural Health.


Assuntos
Planos Diretores/métodos , Surfactantes Pulmonares/normas
2.
Rev. cuba. farm ; 44(2)abr.-jun. 2010.
Artigo em Espanhol | CUMED | ID: cum-44692

RESUMO

La metodología para la elaboración del Plan Maestro de Validación de los procesos de producción del Centro Nacional de Sanidad Agropecuaria, se diseñó a partir de los requisitos contenidos en la Regulación 16 del 2006 de Buenas Pràcticas de Fabricación de medicamentos. Abarcó la política de la organización para la actividad de validación su estructura organizativa, las instalaciones, sistemas, equipos y procesos que se deben validar; el formato de la documentación a utilizar; la planificación y calendario de cada actividad; los resultados de cada protocolo ejecutado, el control de los cambios que se generan; un resumen de las validaciones anteriores; cumplimiento del plan propuesto; las conclusiones donde se precisan de forma resumida si los procesos validados estàn bajo control, los resultados màs relevantes, así como las acciones correctivas y preventivas a tomar; por último se define la distribución de toda la información generada, conformando así el Plan Maestro de Validación. Este sistema de validación se muestra a través de procedimientos, protocolos y registros aplicados en el proceso de fabricación de Surfacen®, medicamento para uso humano que se fabrica en el Centro Nacional de Sanidad Agropecuaria(AU)


The methodology to design the Validation Master Plan the production processes of National Center of Agricultural Health was created from the requirements present in the Regulation 16, 2006 of Good Practices of drugs manufacture including the organization policy for validation activity of its organizing structure, installations, systems, equipments and processes to be validated, documentation format used, planning and calendar of each activity; the results from each protocol performed, the generating changes control, abstract of prior validations, fulfillment of proposed plan, conclusions where are determined in a summarized way if the validated processes are under control, the more relevant results, as well as how the corrective and preventive actions executed, and lastly, the distribution of all the generated information is defined, thus creating the validation of Master Plan. This validation system is showed thorough procedures, protocols and registries applied in manufacturing process of Surfacen® a human use drug manufactured in the National Center of Agricultural Health(AU)


Assuntos
Surfactantes Pulmonares/normas , Planos Diretores/métodos
3.
Cad. Hist. Ciência ; 6(1): 157-178, jan.-jul.2010. ilus, mapas
Artigo em Português | HISA - História da Saúde | ID: his-24676

RESUMO

O trabalho proposto trata do processo de criação de um Plano Diretor para o conjunto histórico edificado considerando a análise do desenvolvimento arquitetônico do antigo Asilo de Alienados do Juquery, tanto do ponto de vista estético quanto histórico. A finalidade é realizar uma leitura desse espaço tendo em vista as modificações em função das influências e dinâmicas sócio-urbanas ocorridas dentro do contexto da Macrometrópole paulistana, e assim preparando-o, por meio de novos usos para sua reinvenção como pólo indutor da transformação das cidades no Vale do Rio Juqueri, culminando em um uso novo para o espaço construído. (AU)


Assuntos
Hospitais Psiquiátricos/história , Planos Diretores , Arquitetura Hospitalar , Saúde Pública/história , Saúde Mental/história , Brasil
4.
Physis (Rio J.) ; 18(2): 215-250, 2008.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-500122

RESUMO

Abordam-se a trajetória, estrutura, organização e implementação das atividades da Comissão de Ciências Sociais e Humanas em Saúde da Associação Brasileira de Pós-graduação em Saúde Coletiva, no período 1981 a 2006, articulando-a aos contextos das diretorias que lhes forneceram maior apoio, destacando as diferentes gestões da associação e da comissão. Documentos, matérias divulgadas nos boletins da associação, relatórios de gestão e atas da comissão, pronunciamentos de ex-coordenadores e bibliografia específica sobre o assunto foram consultados, assim como dados informalmente obtidos de alguns ex-coordenadores ou membros da comissão. Conclui-se que, das dificuldades iniciais de fazer interlocução com a área da Saúde Coletiva, as ciências sociais se legitimaram, ampliaram seus objetos e disciplinas, firmando sua identidade, que requer novos espaços. A comissão organizou-se, estabeleceu normas informais, definiu e redefiniu o sistema de representação e seu formato, destacando: a promoção de eventos científicos, os diagnósticos e planos para solucionar os problemas da subárea, resposta às atribuições que lhe foram dadas pela associação e às iniciativas de seus intelectuais de delimitar o papel das ciências sociais e humanas na Saúde Coletiva, organizando seus profissionais e intervenções.


This paper analyzes the Social Science and Human in Health Commission at the Brazilian Collective Health Association and its trajectory, structure, organization and activities implemented from 1981 to 2006, within its administrative context, which gave major support to it, highlighting the different association and commission administrations. Abrasco's documents were used, such as journals, written reports, speeches from former coordinators and specific bibliography, such as reports from former coordinators or members. The paper allows concluding that from the initial difficult to communicate with the Collective Health area, the social sciences legitimated themselves and expanded their subject and disciplines, establishing their identity, which demands new fronts. The Commission organized itself, established informal rules, defining and redefining its representation system and shape. The commission's major activities were: promotion of scientific events; diagnosis and strategies to solve specific problems; accomplishment of goals established by the association and response to its intellectuals' initiatives to set up the role of the social and human sciences in the Collective Health, organizing its professionals and interventions.


Assuntos
Humanos , Ciências Sociais/educação , Ciências Sociais/história , Planos Diretores/história , Saúde Pública/educação , Saúde Pública/história , Programas de Pós-Graduação em Saúde
8.
Anon.
Bol. Nordeste Saudável ; (3): 6-6, dez. 2005. ilus
Artigo em Pt | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-58064
9.
Cad. saúde colet., (Rio J.) ; 13(1): 294-316, jan.-mar. 2005. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-431787

RESUMO

O Grupo Temático de Saúde e Ambiente da Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva – ABRASCO – elaborou subsídios para um Plano Diretor de Saúde e Ambiente no Âmbito do Sistema Único de Saúde, na perspectiva de se estabelecer uma política intersetorial nesse tema. O presente artigo traz esta contribuição do grupo, abordando aspectos conceituais e operacionais, fruto de vários debates interdisciplinares ocorridos em diversas oficinas e consolidado em uma Oficina de Trabalho deste GT realizada em Brasília, no ano de 2003, durante o Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva.


Assuntos
Colaboração Intersetorial , Saúde Ambiental , Comunicação Interdisciplinar , Planos Diretores , Sistema Único de Saúde
10.
Rio de Janeiro; Consórcio Ecologus-Agrar; 2005. [203] p. ilus, mapas, tab, graf.
Monografia em Português | LILACS | ID: lil-438155

RESUMO

O livro-síntese (Plano Diretor), é um planejamento do uso futuro dos recursos hídricos da Região Hidrográfica da Baía de Guanabara. Ele é um diagnóstico da situação atual, retratando os cenários de desenvolvimento projetados, com uma análise de que é necessário e urgente não apenas ampliar a oferta de água, mas melhorar os processos historicamente adotados de gestão dos recursos hídricos


Assuntos
Bacias Hidrográficas , Planos Diretores , Recursos Hídricos
11.
12.
Gran ciudad ; planeamiento estratégico para Región Metropolitana Buenos Aires;4(Primavera 2004): 71-5, 2004. ilus
Artigo em Espanhol | BINACIS | ID: bin-140503
16.
In. Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva - ABRASCO. Livro de resumos I: VII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva; Saúde, Justiça, Cidadania. Rio de Janeiro, ABRASCO, 2003. p.291. (Ciência & Saúde Coletiva, 8 supl. 1 2003).
Monografia em Pt | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-47626
17.
Säo Paulo; PM; mar. 2002. 159 p. ilus, mapas.
Monografia em Português | LILACS | ID: lil-307484

RESUMO

O Plano busca através do instrumento de gestäo representado pelo Plano, incrementar o desenvolvimento local, entendido como crescimento das atividades econômico-sociais, melhoria de qualidade de vida de todos, superaçäo das injustiças sociais que excluem parcelas da populaçäo dos benefícios desse desenvolvimento. Por isso o Plano está concebido em dois níveis e etapas. Em primeiro lugar, um plano para a estruturaçäo e integraçäo do Município como um todo; e, em seguida, Planos Regionais, que cuidem da problemática local dos distritos e bairros do Município a serem integrados em subprefeituras. O conjunto de medidas proposto pelo Plano busca reverter a tendência à concentraçäo dos benefícios do desenvolvimento nas mäos de poucos, através da adoçäo de políticas públicas que tenham por objetivo a inclusäo social daqueles deixados à margem no processo recente. Para entender o sentido global do que se pretende, é necessário que algumas consideraçöes sobre o cenário presente, o passado que o produziu e o futuro que se projeta para a cidade de Säo Paulo


Assuntos
Planejamento de Cidades/legislação & jurisprudência , Planos Diretores , Administração Municipal , Política Organizacional , Estratégias de Saúde Regionais , Reforma Urbana/legislação & jurisprudência , Urbanização/legislação & jurisprudência , Política Ambiental , Conservação dos Recursos Naturais , Formulação de Projetos , Qualidade de Vida
18.
São Paulo; PM; mar. 2002. 159 p. ilus, mapas.
Monografia em Pt | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-41748

RESUMO

O Plano busca através do instrumento de gestão representado pelo Plano, incrementar o desenvolvimento local, entendido como crescimento das atividades econômico-sociais, melhoria de qualidade de vida de todos, superação das injustiças sociais que excluem parcelas da população dos benefícios desse desenvolvimento. Por isso o Plano está concebido em dois níveis e etapas. Em primeiro lugar, um plano para a estruturação e integração do Município como um todo; e, em seguida, Planos Regionais, que cuidem da problemática local dos distritos e bairros do Município a serem integrados em subprefeituras. O conjunto de medidas proposto pelo Plano busca reverter a tendência à concentração dos benefícios do desenvolvimento nas mãos de poucos, através da adoção de políticas públicas que tenham por objetivo a inclusão social daqueles deixados à margem no processo recente. Para entender o sentido global do que se pretende, é necessário que algumas considerações sobre o cenário presente, o passado que o produziu e o futuro que se projeta para a cidade de São Paulo (AU)


Assuntos
Reforma Urbana , Urbanização , Planos Diretores , Planejamento de Cidades , Administração Municipal , Estratégias de Saúde Regionais , Política Organizacional , Formulação de Projetos , Qualidade de Vida , Política Ambiental , 32479
20.
Ciênc. saúde coletiva ; 7(2): 313-323, 2002.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-334716

RESUMO

Este estudo faz parte de uma pesquisa no Departamento de Saúde e Saneamento Ambiental da Fiocruz. O recorte significa uma leitura crítica do Plano Diretor da cidade do Rio de Janeiro. A pesquisa identifica áreas de sombra, e fragilidades do Plano. Para recuperar uma nova concepção na criação de um planejamento que permita enfrentar as dificuldades e as alarmantes exigências do presente é preciso: o abandono das teses mecanicistas; consideração da integridade de objeto e compreensão da área de planejamento da cidade como uma realidade fundamental. A cidade é um espaço de ações contrastantes, um jogo de causas e efeitos, impulsos e reações; tem um passado agindo no presente e um futuro que é possível escolher. Num mundo comandado pela lei do valor mundializado, os planos se tornam tributários dos interesses da produção e renunciam a vocação de servir à sociedade. A saída é fazer surgir uma singularidade em cada sujeito que somos nós, considerando suas verdades, suas experiências e permitir espaço para suas manifestações e realizações, gerando novas versões na cena da cultura e encaminhando "re-sentimentos" de pessoas deixadas a meio caminho pelos interesses citados.


Assuntos
Planos Diretores , Urbanização
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...