Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 82
Filtrar
6.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-6600

RESUMO

Faça sua parte: use máscara e mantenha sempre o distanciamento social.


Assuntos
Máscaras/normas , Saneantes , Promoção da Saúde , Isolamento Social
7.
Pediatr. aten. prim ; 22(87): 291-294, jul.-sept. 2020.
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-194300

RESUMO

La hematuria es un motivo de consulta frecuente. Una adecuada historia clínica y exploración física permiten una aproximación diagnóstica inicial en la mayoría de los casos. Lo primero es reconocer y confirmar la hematuria, descartando otras circunstancias que pueden teñir falsamente la orina. El análisis del aspecto macroscópico de la orina es clave para determinar el origen glomerular o extraglomerular de la hematuria. Presentamos el caso de una niña con falsa hematuria por agente externo, efectuándose el diagnóstico a través de una exhaustiva historia clínica


Hematuria is a frequent reason for consultation. An adequate medical history and physical examination allow an initial diagnostic approach in most cases. The first thing is to recognize and confirm hematuria, ruling out other circumstances that can falsely stain urine. The analysis of the macroscopic appearance of urine is key to determine the glomerular or extraglomerular origin of hematuria. In this paper, the case of a girl with false hematuria from an external agent in which the diagnosis is reached through an exhaustive medical history


Assuntos
Humanos , Feminino , Pré-Escolar , Lixívia/uso terapêutico , Hematúria/diagnóstico , Urinálise/métodos , Saneantes , Diagnóstico Diferencial , Coleta de Urina/normas
8.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-6132

RESUMO

O Governador João Doria anunciou nesta sexta-feira (7) que a retomada das aulas presenciais no estado se dará no dia 7 de outubro. Para que a previsão se concretize, é necessário que o estado esteja por 28 dias na fase amarela do Plano São Paulo. O retorno será gradual e, na primeira etapa, vai atingir até 35% dos alunos. “A volta gradual e responsável das atividades escolares é fundamental, principalmente para as crianças das camadas mais desfavorecidas da sociedade. O retorno é importante não somente pelo aspecto educacional, mas também pela questão social e da segurança alimentar”, afirmou Doria. Os riscos para saúde mental dos estudantes com longos períodos de isolamento devido à pandemia e ao fechamento das escolas têm sido apontados em alguns estudos. Segundo pesquisa Datafolha, 75% dos estudantes das escolas estaduais de São Paulo declararam que estão tristes, ansiosos ou irritados. A Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou que a paralisação das aulas presenciais gera uma “catástrofe geracional que pode desperdiçar um potencial humano incalculável, minar décadas de progresso e acentuar desigualdades.” “Proteger vidas, cuidar dos nossos estudantes e profissionais é a coisa mais importante que precisamos fazer nesse tempo de pandemia. Essa tem que ser a premissa fundamental que tem nos guiado e vai continuar nos guiando”, reforçou o Secretário de Estado da Educação, Rossieli Soares. A última previsão do Governo de São Paulo era de que as atividades presenciais pudessem ser retomadas no dia 8 de setembro. A data teve de ser adiada por recomendação do Centro de Contingência do Coronavírus, tendo em vista que apesar de 86% da população do estado já estar na fase amarela, dificilmente no próximo ciclo de 14 dias, todo o estado estará, já que há regiões que continuam na fase vermelha. A partir do dia 8 de setembro, as escolas localizadas em regiões na fase amarela ficam autorizadas a receber os alunos para aulas de reforço, recuperação e atividades opcionais. Para isso, as regiões também terão de obedecer ao critério de estar há pelo menos 28 dias na fase amarela. Além disso, as escolas também terão de respeitar o limite máximo de alunos nas unidades e os protocolos sanitários. Nesta primeira etapa, na educação infantil e nos anos iniciais do ensino fundamental, apenas até 35% dos alunos devem ser atendidos em atividades presenciais. Para os anos finais do ensino fundamental e ensino médio, o limite máximo de alunos é de 20%. Cada escola poderá optar pela reabertura regionalizada a partir de um processo de consulta com envolvimento da comunidade escolar – pais e responsáveis, estudantes e educadores. Se a escola optar pela reabertura, os professores que tiverem interesse poderão realizar atividades com poucos alunos. Apenas participam os estudantes que tiverem anuência dos responsáveis, sendo que aqueles que fazem parte do grupo de risco devem permanecer em casa. Do mesmo modo, profissionais da educação do grupo de risco continuam trabalhando remotamente. Este período de setembro até outubro, quando deve ocorrer a provável retomada das aulas, deverá ser aproveitado pelas escolas que optarem pela reabertura para atividades como plantão de dúvidas, atividades esportivas, tutoria, aulas em laboratórios de informática e ciências, entre outras ações ligadas ao reforço e recuperação do que já foi ministrado. Novos conteúdos curriculares só poderão ser aplicados a partir do dia 7 de outubro. A rede estadual de São Paulo está se preparando para que a retomada das aulas seja feita com toda segurança. Para isso, adquiriu uma série de insumos destinados tanto aos estudantes quanto aos servidores, como 12 milhões de máscaras de tecido, 300 mil face shields (protetor facial de acrílico), 10.168 termômetros a laser, 10 mil totens de álcool em gel, 221 mil litros de sabonete líquido, 78 milhões de copos descartáveis, 112 mil litros de álcool em gel e 100 milhões de unidades de papel toalha.


Assuntos
Betacoronavirus/imunologia , Infecções por Coronavirus/epidemiologia , Infecções por Coronavirus/diagnóstico , Pneumonia Viral/epidemiologia , Pneumonia Viral/diagnóstico , Instituições Acadêmicas/organização & administração , Instituições Acadêmicas/normas , Monitoramento Epidemiológico , Número de Leitos em Hospital/estatística & dados numéricos , Unidades de Terapia Intensiva/estatística & dados numéricos , Hospitais/provisão & distribuição , Quarentena/organização & administração , Férias e Feriados , Vacinas Virais/imunologia , Vacinas Virais/economia , Infecções por Coronavirus/imunologia , Pneumonia Viral/imunologia , Máscaras , Isolamento Social/psicologia , Institutos Governamentais de Pesquisa , Parcerias Público-Privadas/economia , Ensino Fundamental e Médio , Sistemas Locais de Saúde/organização & administração , Voluntários Saudáveis , Pessoal de Saúde/organização & administração , Estudantes/psicologia , Equipamento de Proteção Individual/provisão & distribuição , Política Pública , Áreas de Pobreza , Populações Vulneráveis , Educação à Distância/organização & administração , Capacitação de Recursos Humanos em Saúde , Saneantes
9.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-5862
12.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-5687

RESUMO

O novo coronavírus afetou o mundo inteiro. A principal medida de prevenção é lavar as mãos com frequência, com água e sabão, ou higienizá-las com álcool em gel. Mas como garantir condições de higiene para populações em situação de vulnerabilidade ou de rua que muitas vezes não têm condições mínimas de sobrevivência?


Assuntos
Betacoronavirus , Infecções por Coronavirus/prevenção & controle , Pneumonia Viral/prevenção & controle , Pandemias/prevenção & controle , Desinfecção das Mãos , Saneantes , Grupos de Risco , Áreas de Pobreza , Pessoas em Situação de Rua
13.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-5550

RESUMO

"COVID - 19: Perguntas e respostas" é resultado de uma parceria entre o Laboratório Aberto de Interatividade para a Disseminação do Conhecimento Científico e Tecnológico (LAbI), o Laboratório de Tradução Audiovisual da Língua de Sinais (LATRAVILIS) e o projeto InformaSUS, todos vinculados à Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).


Assuntos
Betacoronavirus , Infecções por Coronavirus/prevenção & controle , Pneumonia Viral/prevenção & controle , Máscaras/normas , Pandemias/prevenção & controle , Saneantes , Línguas de Sinais
15.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-5321

RESUMO

O Governador João Doria anunciou nesta quarta-feira (24) que a retomada de aulas presenciais em todos os níveis de ensino das redes pública e particular está prevista para o dia 8 de setembro. Na primeira de três etapas, as salas terão ocupação máxima de 35%, com revezamento de estudantes durante a semana e sob rígidos protocolos de segurança definidos no Plano São Paulo de indicadores de saúde. “O Governo de São Paulo apresenta um plano consolidado, gradual, cuidadoso e seguro de volta às aulas. Todas as decisões serão compartilhadas com o Comitê de Saúde para garantir prevenção e segurança a alunos, professores e funcionários das redes pública e privada de ensino. Será uma volta gradual e responsável que tem como princípio fundamental garantir a saúde e a vida dos alunos e profissionais de Educação”, afirmou Doria. O cronograma de reabertura das escolas está diretamente condicionado às fases de flexibilização do Plano São Paulo. A retomada das aulas presenciais só vai acontecer se todas as regiões do estado permanecerem na etapa amarela – a terceira menos restritiva segundo critérios de capacidade hospitalar e progressão da pandemia – por 28 dias consecutivos. “Vinte e oito dias de fase amarela estará indicando uma estabilização consolidada, esperamos que várias regiões já estejam nas etapas verde ou azul. Esse período é o que vai indicar uma situação de segurança. Nós teremos os meses de julho e agosto para fazer as avaliações a cada ciclo de 15 dias”, explicou o Coordenador do Centro de Contingência do coronavírus, Carlos Carvalho. O programa para retomada das aulas presenciais foi detalhado pelo Secretário de Estado da Educação, Rossieli Soares. Ele se recupera em casa após ficar internado por complicações decorrentes da COVID-19 e fez uma apresentação via teleconferência. “Especialmente após a pandemia, a educação será ainda mais importante em todas as suas dimensões, do ensino infantil ao superior e complementar. Por isso o plano de retorno é tão importante, com segurança e dentro do que é estabelecido pelas autoridades de saúde”, declarou Rossieli. O Governo do Estado estima que o sistema educacional paulista envolva 12,3 milhões de alunos da educação infantil, básica, superior e profissionalizante, além de 1 milhão de professores e demais profissionais. A partir de 8 de setembro, cada escola poderá trabalhar com até 35% da capacidade total em sala de aula. Ou seja, em uma unidade escolar com mil estudantes, somente 350 poderão ter aulas presenciais a cada dia, enquanto que os demais continuarão a cumprir atividades remotas. Cada escola deverá definir o revezamento de alunos, e cada estudante deverá ter ao menos um dia de aula presencial por semana. A definição do revezamento levará em conta a capacidade física de cada unidade escolar. As instituições de ensino ou rede terão autonomia para escolher as melhores estratégias junto com a comunidade escolar ou acadêmica. As prefeituras são autônomas para regulamentar o plano de retomada a partir do dia 2 de julho. Evolução de etapas Na segunda etapa, a previsão é que até 70% dos alunos poderão voltar às escolas. A meta será cumprida se ao menos 10 dos 17 Departamentos Regionais de Saúde do Estado permanecerem por 14 dias consecutivos na fase verde – quarta etapa com restrições mais brandas – do Plano São Paulo. Para chegar à terceira etapa, que vai englobar 100% dos alunos, será necessário que ao menos 13 dos 17 Departamentos Regionais de Saúde estejam por outros 14 dias na fase verde. Se uma região regredir para as fases mais restritivas – vermelha e laranja 1 e 2, consideradas de alerta máximo e controle – a reabertura das escolas será suspensa em todas as cidades daquela área. A educação complementar, que abrange cursos livres e não é regulada pelo Estado, seguirá o faseamento regionalizado do Plano São Paulo. Assim, o funcionamento de escolas de idiomas, música e atividades diversas já está autorizado nas regiões que atingirem os indicadores de saúde exigidos para classificação na fase amarela. Saiba mais em: www.saopaulo.sp.gov.br/coronavirus/planosp


Assuntos
Betacoronavirus , Pneumonia Viral/prevenção & controle , Infecções por Coronavirus/prevenção & controle , Pandemias/prevenção & controle , Quarentena/organização & administração , Isolamento Social , 35170/políticas , Instituições Acadêmicas/organização & administração , 50069 , Ensino Fundamental e Médio , 35174 , Equipamento de Proteção Individual/provisão & distribuição , Saneamento de Escolas , Máscaras , Saneantes , Infecções por Coronavirus/epidemiologia
16.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-5246

RESUMO

Demonstration on how to mix the correct ratio of a chlorine disinfectant solution to fight against the spread of diseases like COVID-19


Assuntos
Betacoronavirus , Pneumonia Viral/prevenção & controle , Infecções por Coronavirus/prevenção & controle , Pandemias/prevenção & controle , Quarentena/organização & administração , Saneantes , Cloro
18.
Guatemala; MSPAS; 26 jun. 2020. 14 p. graf.
Monografia em Espanhol | LILACS, LIGCSA | ID: biblio-1150755

RESUMO

El documento aborda, particularmente la fórmula y concentraciones adecuadas para la elaboración de productos de saneamiento, como medida para contrarrestar, contener o evitar la propagación el COVID-19. Incluye las características de algunas soluciones desinfectantes como: Amonio Cuaternario e Hipoclorito de Sodio.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pneumonia Viral/prevenção & controle , Desinfecção/métodos , Infecções por Coronavirus/prevenção & controle , Infecções por Coronavirus/transmissão , Saneantes , Serviço Hospitalar de Limpeza/métodos , Desinfecção das Mãos/normas , Transferência de Pacientes/normas , Edifícios/prevenção & controle , Subprodutos da Desinfecção/métodos , Pandemias/prevenção & controle , Equipamento de Proteção Individual/normas , Guatemala
19.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-4777

RESUMO

Prevenir la contaminación de superficies y mantener condiciones adecuadas de limpieza y desinfección en los espacios de uso común en el hogar y en espacios públicos, es fundamental para mitigar la transmisión del virus y proteger la salud de las personas.


Assuntos
Betacoronavirus , Pneumonia Viral/prevenção & controle , Quarentena/organização & administração , Infecções por Coronavirus/prevenção & controle , Pandemias/prevenção & controle , Isolamento Social , Saneamento de Residências , Saúde Ambiental , Saneantes , Hipoclorito de Sódio
20.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-4207

RESUMO

Dúvidas sobre álcool e o novo coronavírus? Professora do Departamento de Química da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Tatiane de Andrade Maranhão respondeu à Agência de Comunicação (Agecom) algumas das perguntas mais comuns sobre álcool em tempos da pandemia de Covid-19: O que é álcool 70? Por que ele é importante para o combate ao coronavírus? Misturar álcool líquido com gel de cabelo ou gelatina funciona? Álcool gel pega fogo? Que cuidados devemos ter? Confira o vídeo


Assuntos
Betacoronavirus , Infecções por Coronavirus/prevenção & controle , Pneumonia Viral/prevenção & controle , Pandemias/prevenção & controle , Saneantes , Etanol
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...