Your browser doesn't support javascript.
Effectiveness of monthly and fortnightly anti-VEGF treatments for age-related macular degeneration / Efetividade de tratamentos anti-VEGF mensais e quinzenais para a degeneração macular relacionada à idade
Arq. bras. oftalmol; 82(3): 225-232, May-June 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-1001296
Biblioteca responsável: BR1.1
ABSTRACT

ABSTRACT PURPOSE:

To study the efficacy and safety of treatments with ranibizumab and bevacizumab for exudative age-related macular degeneration.

METHODS:

A parallel randomized clinical trial was conducted to compare the efficacy and safety of three regimens (bevacizumab every month, bevacizumab every 2 weeks, and ranibizumab every month), followed by as-needed retreatments, for 1 year, in previously untreated individuals with age-related macular degeneration. The primary outcome was change in visual acuity and in central macular thickness after 1 year of follow-up. Subjects were assigned randomly to one of the three groups in a 1:1:1 ratio, and investigators and examiners were blinded to the randomization results.

RESULTS:

We included 15 patients in each group. After 1 year of follow-up, we found statistically significant improvements in visual acuity and central macular thickness reduction in all groups. However, we found no statistically significant differences between the three groups.

CONCLUSIONS:

The bi-weekly follow-up was effective and we found no significant differences in efficacy or safety between the treatments with ranibizumab and bevacizumab.
RESUMO

RESUMO OBJETIVO:

Estudar a eficácia e segurança dos tratamentos com ranibizumabe e bevacizumabe para a degeneração macular relacionada à idade exsudativa.

MÉTODOS:

Ensaio clínico paralelo randomizado foi conduzido para comparar a eficácia e segurança de três regimes (bevacizumabe a cada mês, bevacizumabe a cada 2 semanas e ranibizumabe todos os meses), seguidos por retratamentos conforme necessidade, durante 1 ano, em indivíduos previamente não tratados com degeneração macular relacionada à idade. O desfecho primário foi alteração na acuidade visual e na espessura macular central após um ano de seguimento. Os indivíduos foram designados aleatoriamente para um dos 3 grupos em uma proporção de 1:1:1, e os investigadores e examinadores foram mascarados para os resultados da randomização.

RESULTADOS:

Foram incluídos 15 pacientes em cada grupo. Após um ano de seguimento, encontramos melhorias estatisticamente significativas na acuidade visual e na redução da espessura macular central em todos os grupos. No entanto, não encontramos diferenças estatisticamente significativas entre os 3 grupos.

CONCLUSÕES:

O seguimento quinzenal foi eficaz e não encontramos diferenças significativas na eficácia ou segurança entre os tratamentos com bevacizumabe e ranibizumabe.

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Tipo de estudo: Ensaio clínico controlado Idioma: Inglês Revista: Arq. bras. oftalmol Assunto da revista: Oftalmologia Ano de publicação: 2019 Tipo de documento: Artigo / Documento de projeto País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de São Paulo/BR