Your browser doesn't support javascript.
loading
Psychological suffering of patients transplanted with hematopoietic stem cells / Sofrimento psicológico de pacientes transplantados com células-tronco hematopoéticas
Azevedo, Isabelle Campos de; Ferreira Júnior, Marcos Antonio; Flores, Vanessa Giavarotti Taboza; Gonçalves, Elenilda de Andrade Pereira; Frota, Oleci Pereira; Cardoso, Mayk Penze; Ivo, Maria Lúcia; Santos, Viviane Euzébia Pereira.
Afiliação
  • Azevedo, Isabelle Campos de; Federal University of the Rio Grande do Norte. Natal. BR
  • Ferreira Júnior, Marcos Antonio; Federal University of Mato Grosso do Sul. Mato Grosso. BR
  • Flores, Vanessa Giavarotti Taboza; Federal University of Mato Grosso do Sul. Campo Grande. BR
  • Gonçalves, Elenilda de Andrade Pereira; Federal University of Mato Grosso do Sul. Campo Grande. BR
  • Frota, Oleci Pereira; Federal University of Mato Grosso do Sul. Campo Grande. BR
  • Cardoso, Mayk Penze; Federal University of Mato Grosso do Sul. Campo Grande. BR
  • Ivo, Maria Lúcia; Federal University of Mato Grosso do Sul. Campo Grande. BR
  • Santos, Viviane Euzébia Pereira; Federal University of the Rio Grande do Norte. Natal. BR
Biosci. j. (Online) ; 35(5): 1633-1639, sept./oct. 2019.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1049077
Biblioteca responsável: BR396.1
ABSTRACT
Hematopoietic stem cell transplantation (HSCT) affects serious risks for the patient, including death. For this reason, it is considered a treatment that can cure or can present morbidities and lead to death. In this context, patients experience the first psychological conflicts before this transplant. To describe the psychological suffering developed by patients transplanted with hematopoietic stem cells from a referral service in the state of Rio Grande do Norte. This is a cross-sectional study with a quantitative, descriptive, hospital-based approach developed with patients submitted to HSCT at a referral service in the state of Rio Grande do Norte. Data were collected between March and September of 2016, through the evaluation of the medical records of 43 patients who underwent HSCT and developed some type of psychological distress. Among 43 patients with psychological disorders, 51.16% were female, 62.79% developed anxiety 32.56% developed insomnia and 20.93% developed depression. Of these, 27.91% had a main diagnosis indicating the transplantation of Multiple Myeloma (MM), and 58.14 received autologous transplantation. It was observed that the patient had psychological suffering from the diagnosis until the end. The health professional praxis also must go beyond the resolution of physical human responses and, especially in these cases, it should aim at the early identification of signs and symptoms of psychological distress, being possible to achieve the real health needs and treat them with effectiveness.
RESUMO
O Transplante de Células-Tronco Hematopoéticas (TCTH) acarreta sérios riscos para o paciente, inclusive o de morte. Por esse motivo é considerado um tratamento que pode curar ou que pode apresentar morbidades e levar ao óbito. Diante desse contexto, os pacientes vivenciam os primeiros conflitos psicológicos que antecedem o transplante em si. Descrever o sofrimento psicológico desenvolvido por pacientes transplantados com células-tronco hematopoéticas de um serviço de referência do estado do Rio Grande do Norte. Trata de um estudo do tipo transversal, com abordagem quantitativa, descritiva, de base hospitalar, desenvolvida com pacientes submetidos ao TCTH em um serviço de referência do estado do Rio Grande do Norte. Os dados foram coletados entre os meses de março e setembro de 2016, mediante avaliação dos prontuários de 43 pacientes que realizaram o TCTH e desenvolveram algum tipo de sofrimento psicológico. Dentre os 43 pacientes que apresentaram distúrbios psicológicos, 51,16% eram do sexo feminino, 62,79% desenvolveram ansiedade, 32,56% insônia e 20,93% depressão. Destes, 27,91% tinham como diagnóstico principal que indicou o transplante o Mieloma Múltiplo (MM), 58,14 receberam transplante autólogo. Observou-se que o sofrimento psicológico acompanhou o paciente desde o diagnóstico até o desfecho. Ademais, a práxis do profissional de saúde deve ir para além da resolução de respostas humanas físicas e, especialmente para estes casos, deve visar a identificação precoce dos sinais e sintomas de sofrimento psicológico para que seja possível alcançar as reais necessidades de saúde e tratá-las com efetividade.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Ansiedade / Qualidade de Vida / Estresse Psicológico / Transplante de Células-Tronco Hematopoéticas / Depressão / Distúrbios do Início e da Manutenção do Sono Tipo de estudo: Patient_preference / Estudo prognóstico / Fatores de risco Aspecto: Preferência do paciente Idioma: Inglês Revista: Biosci. j. (Online) Assunto da revista: Biologia Ano de publicação: 2019 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Federal University of Mato Grosso do Sul/BR / Federal University of the Rio Grande do Norte/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Ansiedade / Qualidade de Vida / Estresse Psicológico / Transplante de Células-Tronco Hematopoéticas / Depressão / Distúrbios do Início e da Manutenção do Sono Tipo de estudo: Patient_preference / Estudo prognóstico / Fatores de risco Aspecto: Preferência do paciente Idioma: Inglês Revista: Biosci. j. (Online) Assunto da revista: Biologia Ano de publicação: 2019 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Federal University of Mato Grosso do Sul/BR / Federal University of the Rio Grande do Norte/BR