Your browser doesn't support javascript.
Características Antropométricas do Palato Ósseo de uma Amostra Brasileira de Esqueletos Identificados / Anthropometric Characteristics of the Bony Palate in a Brazilian Sample of Identified Skeletons
Rev. bras. ciênc. saúde ; 24(1): 29-36, 2020. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1087471
Biblioteca responsável: BR8.1
Localização: BR8.1, v.24,n.1
RESUMO

Objetivo:

Este estudo teve como objetivo descrever as carac-terísticas antropométricas do palato ósseo de uma amostra brasileira de esqueletos identificados

Metodologia:

Foi desen-volvido um estudo de corte transversal, por meio da análise de 178 crânios secos humanos, oriundos do Arquivo de Ossadas do Departamento de Odontologia Social da Faculdade de Odon-tologia de Piracicaba (FOP/UNICAMP), São Paulo. Utilizando paquímetro digital, foram realizadas medições lineares que incluíam forame incisivo à espinha nasal posterior (FI-ENP), forame palatino maior direito ao forame palatino maior esquer-do (FPMD-FPME), forame incisivo ao forame palatino maior direito (FI-FPMD) e forame incisivo ao forame palatino maior esquerdo (FI-FPME). Os testes t-Student, F(ANOVA), Tukey, LSD, Kruskal Wallis e Pearson, com nível de significância de 5,0%.

Resultados:

Do total de crânios analisados, 54,5% eram do sexo masculino, com mediana de idade de 56 anos. Todas as medidas analisadas apresentaram dimorfismo sexual, onde homens possuíram maiores dimensões do que o sexo oposto (p<0,001). Do total de palatos estudados, 104 eram pertencen-tes a indivíduos brancos, 49 a miscigenados e 25 a negros. As medidas FI-ENP, FPMD-FPME e FI-FPME apresentaram-se maiores em negros, seguidos dos miscigenados e brancos.

Conclusão:

Conclui-se que as características do palato ósseo podem ser aplicadas como maior confiabilidade para a estima-tiva do sexo na amostra brasileira estudada. (AU)
ABSTRACT

Objective:

This study aimed to describe the anthropometric characteristics of the bony palate in a Brazilian sample of identified skeletons.

Methodology:

This was a cross-sectional study of 178 human skulls from the Laboratory of Forensic Physical Anthropology at Piracicaba Dental School, University of Campinas, São Paulo. A digital pachymeter was used to perform linear measurements from the incisive foramen to the posterior nasal spine (IF-PNS); right greater palatine foramen to left greater palatine foramen (RGPF-LGPF); incisive foramen to the right greater palatine foramen (IF-RGPF); and incisive foramen to the left greater palatine foramen (IF-LMPF). The data were submitted to Student's t, F (ANOVA), Tukey, LSD, Kruskal Wallis and Pearson tests, with a significance level of 5.0%.

Results:

Of the total skulls analyzed, 54.5% were from males, with a median age of 56 years. All the study measures presented sexual dimorphism, in which males had larger dimen-sions than females (p<0.001). Of the total palates studied, 104 were from white individuals, 49 were from mixed-race and 25 from black individuals. The IF-PNS, RGPF-LGPF and IF-LGPF measurements were greater in black individuals, followed by mixed-race and white individuals.

Conclusion:

In conclusion, the characteristics of the bony palate can be applied with higher reliability to estimate sex in Brazilian sample studied.(AU)
Assuntos

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Palato / Antropologia Forense Tipo de estudo: Evaluation_studies / Prevalence_studies Limite: Adulto / Idoso / Feminino / Humanos / Masculino País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Rev. bras. ciênc. saúde Assunto da revista: Medicina Ano de publicação: 2020 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Instituto de Polícia Científica/BR