Your browser doesn't support javascript.
loading
As necessidades em saúde de usuários e sua interação com a atenção primária / The health needs of users and their interaction with primary care / Necesidades de salud del usuario y su interacción con la atención primaria
Farão, Elaine Miguel Delvivo; Penna, Cláudia Maria de Mattos.
Afiliação
  • Farão, Elaine Miguel Delvivo; Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. BR
  • Penna, Cláudia Maria de Mattos; Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. BR
REME rev. min. enferm ; 24: e-1299, fev.2020.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1096586
Biblioteca responsável: BR21.2
RESUMO

Objetivo:

compreender o significado das necessidades em saúde da vida cotidiana para os usuários da atenção primária à saúde.

Método:

trata-se de pesquisa qualitativa cujo referencial teórico foi o interacionismo simbólico, e o metodológico foi a teoria fundamentada nos dados. Foram entrevistados 23 usuários da atenção primária à saúde do município de Coxim-MS, no período de fevereiro a novembro de 2018. As entrevistas foram gravadas, transcritas e analisadas, sendo a análise concomitante a coleta de dados. A duração das entrevistas foi, em média, de uma hora. Inicialmente os participantes foram selecionados aleatoriamente. No decorrer da análise dos dados, foram sendo constituídos os grupos amostrais, com a finalidade de ampliar a variabilidade das concepções sobre o fenômeno. Os dados foram analisados por meio da codificação aberta, axial e seletiva.

Resultados:

as necessidades em saúde da vida cotidiana resultam da interconexão de três subcategorias, a seguir a primeira, denominada "o autocuidado cuidando do que eu podia cuidar" ­ self; a segunda, "os relacionamentos na sociedade ­ a interação com o outro"; e a última, "as relações com o espaço onde se vive ­ a interação com o ambiente".

Conclusão:

constatou-se que as necessidades da vida cotidiana não são significadas em uma perspectiva interacionista, pelos usuários, como demandas que podem ser cuidadas nos serviços. Dessa forma, por se distanciarem das demandas biológicas, são negligenciadas pelos profissionais de saúde na atenção primária e refletem que o cuidado integral ainda permanece como desafio no âmbito do Sistema Único de Saúde.(AU)
ABSTRACT

Objective:

to understand the meaning of health needs in daily life for users of primary health care.

Method:

it is a qualitative research whose theoretical framework was symbolic interactionism, and the methodological one was the theory based on the data. 23 users of primary health care in the city of CoximMS were interviewed, from February to November 2018. The interviews were recorded, transcribed and analyzed, with the analysis concomitant with data collection. The duration of the interviews was, on average, one hour. Initially, the participants were randomly selected. During the analysis of the data, sample groups were created, with the purpose of increasing the variability of conceptions about the phenomenon. The data were analyzed using open, axial and selective coding.

Results:

the health needs of everyday life result from the interconnection of three subcategories, as follows the first, called "self-care taking care of what I could take care of" - self; the second, "relationships in society - interaction with the other"; and the last, "the relations with the space where one lives - the interaction...(AU)
RESUMEN

Objetivo:

entender el significado de las necesidades cotidianas de salud de los usuarios de atención primaria.

Método:

investigación cualitativa cuyo marco teórico fue el interaccionismo simbólico y el metodológico la teoría basada en datos. Se entrevistó a 23 usuarios de atención primaria de salud de la ciudad de Coxim-MS, de febrero a noviembre de 2018. Las entrevistas fueron grabadas, transcritas y analizadas. Proceso de recogida y análisis de datos. La duración de las entrevistas fue, en promedio, de una hora. Inicialmente, los participantes fueron seleccionados al azar. Durante el análisis de datos se crearon grupos de muestra con el propósito de aumentar la variabilidad de conceptos del fenómeno. Los datos se analizaron mediante codificación abierta, axial y selectiva.

Resultados:

las necesidades de salud de la vida cotidiana son resultado de la interconexión de tres subcategorías la primera, llamada "autocuidado cuidar de lo que yo podría cuidar" - auto; la segunda, "las relaciones en la sociedad - la interacción con el otro"; y la última, "las relaciones con el espacio dónde se vive la interacción con el entorno".

Conclusión:

se constató que los usuarios no les dan a las necesidades del día a día el significado, desde una perspectiva interaccionista, de demandas que pueden ser atendidas en los servicios. Por lo tanto, a medida dejan de ser demandas biológicas, los profesionales de la salud de la atención primaria las descuidan, lo cual muestra que la atención integral sigue siendo un reto para el alcance del Sistema Único de Salud. (AU)
Assuntos

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto: AGENDA DE SAÚDE SUSTENTÁVEL PARA AS AMÉRICAS 2030 - ASSA2030 Tema em saúde: Objetivo 3: Recursos humanos em saúde Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Assunto principal: Atenção Primária à Saúde / Enfermagem em Saúde Comunitária / Promoção da Saúde / Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde Tipo de estudo: Pesquisa qualitativa Limite: Humanos Idioma: Português Revista: REME rev. min. enferm Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2020 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG/BR